SlideShare uma empresa Scribd logo
PORTO MARAVILHA




PA VII
Prof.: Luciane Tasca
Grupo: Aline Dias, Maisa Campos, Thais Vandanezi, Steves Rocha
HISTÓRICO
• A ocupação é antiga, desde o processo de
expansão da vila colonial no morro do Castelo;

• A vila expandiu-se pelos morros e, cessados os
perigos de invasores franceses e         ataques
indígenas, os portugueses começam a traçar novos
caminhos e ocupar as várzeas que circundavam a
vila de São Sebastião;

• No entorno surgem pequenos          sítios   que
abasteciam a cidade de alimentos;

• A região tinha então uma atividade portuária de
descarga de mercadorias, e em 1769 adquire mais
uma função: o desembarque de escravos ( a
intenção era retirar esta vista do Largo do Paço);

• Em meados do século XIX o porto passa a receber
o café vindo do Vale do Paraíba, aumentando sua
posição como principal porto da cidade,
suplantando o Largo do Paço.
O PROJETO
• O Rio dá sinais de uma nova dinâmica econômica, impulsionada pelos grandes eventos que vão
ocorrer na cidade nos próximos anos ( cidade sede da Copa em 2014 e Olimpíadas em 2016);

• O projeto reintegra a Região Portuária, há muitos anos relegada a segundo plano;

• A Lei Municipal 101/2009 promove a reestruturação da Região Portuária, por meio da ampliação,
articulação e requalificação dos espaços públicos da região, visando melhorar a qualidade da atual e
futura população e à sustentabilidade ambiental e socioeconômica da área;

• Compromisso social: os atuais moradores permancerão na região,haverá investimento na valorização
do Patrimônio e programas de desenvolvimento social;

• A parceria público/privado foi fundamental para viabilizar o projeto. Foi firmado o consórcio Porto
Novo por Odebrecht, OAS e Carioca Engenharia, que será responsável pelas obras e requalificação
urbana;

• Empresas de grande porte já se instalam na região , revitalizando a área.
ABRANGÊNCIA
POSIÇÃO ESTRATÉGICA
PRÓXIMO AOS PRINCIPAIS PONTOS NODAIS DE TRANSPORTE...
OBJETIVOS
• INFRAESTRUTURA

• HABITAÇÃO

• CULTURA E ENTRETENIMENTO

• COMÉRCIO E INDÚSTRIA
A ocupação do porto será priorizada através dos reforços das vocações já existentes
em cada região:
Principais intervenções e
  equipamentos urbanos:



O Veículo Leve Sobre Trilhos       Museu de Arte do Rio –MAR: A partir
(VLT) oferecerá um sistema de      de exposições permanentes e
transporte sustentável à cidade,   temporárias, midiateca, auditórios e
além de otimizar a atuação das     pátios de aprendizagem que irão
linhas de ônibus que hoje          promover a integração entre arte e
circulam pela área .               educação.
Principais intervenções e
       equipamentos urbanos:



Museu do Amanhã: Com projeto de
arquitetura concebido pelo
renomado arquiteto espanhol
Santiago Calatrava, o museu é uma
das âncoras da área cultural do Porto
Maravilha. O espaço será dedicado às
Ciências, mas terá formato diferente
dos museus de História Natural ou de
Ciências e Tecnologia já conhecidos.
NOVA SEDE DO BANCO CENTRAL
OBRAS
• FASE 1: investimentos públicos

• FASE 2: operação urbana consorciada
FASE 1   ÁREA DE INTERVENÇÃO DA FASE 1
FASE 1
         DETALHAMENTO
FASE 1
         PERSPECTIVAS FUTURAS- Barão de Tefé e Praça Mauá
FASE 1   PERSPECTIVAS FUTURAS- Pier Mauá
FASE 1   NOVO ACESSO VIÁRIO AO PORTO NO CAJU
FASE 1   PROJETO HABITACIONAL “NOVAS ALTERNATIVAS”
FASE 2   NOVA ESTRUTURA URBANA
FASE 2   SOLUÇÃO PARA A PERIMETRAL
FASE 2   OBRAS DE INFRA-ESTRUTURA BÁSICA
UMA REFLEXÃO...

• O projeto é bem sucedido por revitalizar não só a área
portuária, com intervenções que se apresentariam apenas
de maneira pontual (ex.: Rio Cidade), mas também por
incluir novos padrões urbanísticos;

• O porto é reintegrado à cidade;

• A requalificação se dá em grande escala, não só física
mas de visibilidade para os moradores e o mundo;

• A cidade nos escapa, logo, fundamental então é fornecer
subsídios para que ela própria se organize.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG* 3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG*
CARLA RAISSA
 
Aula 4 reform urbanas barcelona
Aula 4   reform urbanas barcelonaAula 4   reform urbanas barcelona
Aula 4 reform urbanas barcelona
Raphael Barbosa Rodrigues
 
Projetos urbanos
Projetos urbanosProjetos urbanos
Projetos urbanos
Djena Gomes
 
01:. Plano Piloto de Brasília
01:. Plano Piloto de Brasília01:. Plano Piloto de Brasília
01:. Plano Piloto de Brasília
ARQ210AN
 
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de HaussmannCidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
Caio Talarico
 
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASPLina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
Bruna Fonseca
 
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SPEstudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
Luciana Paixão Arquitetura
 
Início da arquitetura moderna
Início da arquitetura modernaInício da arquitetura moderna
Início da arquitetura moderna
Viviane Marques
 
História do Planejamento Regional
História do Planejamento RegionalHistória do Planejamento Regional
História do Planejamento Regional
Taina Silva
 
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
glauci coelho
 
Planejamento Urbano em Curitiba
Planejamento Urbano em CuritibaPlanejamento Urbano em Curitiba
Planejamento Urbano em Curitiba
Douglas Ferreira
 
Apresentação da Operação Urbana Água Branca
Apresentação da Operação Urbana Água BrancaApresentação da Operação Urbana Água Branca
Apresentação da Operação Urbana Água Branca
Chico Macena
 
Atêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
Atêlie de Projeto Integrado V - PlanejamentoAtêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
Atêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
Lee Ferreira
 
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbano
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbanoCronologia do urbanismo e do planejamento urbano
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbano
CLARA LUIZA MIRANDA
 
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme VelhoProjeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
AAA_Azevedo Agência de Arquitetura
 
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
François Urban, MBA
 
Cartas patrimoniais
Cartas patrimoniaisCartas patrimoniais
Cartas patrimoniais
Evany Nascimento
 
Aula 3 reform urbanas paris
Aula 3   reform urbanas parisAula 3   reform urbanas paris
Aula 3 reform urbanas paris
Raphael Barbosa Rodrigues
 
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
Giovani Comin
 
Centro Paula Souza - Santa Efigênia
Centro Paula Souza - Santa Efigênia  Centro Paula Souza - Santa Efigênia
Centro Paula Souza - Santa Efigênia
Rayssa Assolini Pinheiro
 

Mais procurados (20)

3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG* 3º Apresentação TFG*
3º Apresentação TFG*
 
Aula 4 reform urbanas barcelona
Aula 4   reform urbanas barcelonaAula 4   reform urbanas barcelona
Aula 4 reform urbanas barcelona
 
Projetos urbanos
Projetos urbanosProjetos urbanos
Projetos urbanos
 
01:. Plano Piloto de Brasília
01:. Plano Piloto de Brasília01:. Plano Piloto de Brasília
01:. Plano Piloto de Brasília
 
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de HaussmannCidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
Cidades Brasileiras que foram influenciadas pelo Plano de Haussmann
 
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASPLina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
Lina Bo Bardi - Sesc Pompeia e MASP
 
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SPEstudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
Estudo de Caso: Sesc Pompeia-SP
 
Início da arquitetura moderna
Início da arquitetura modernaInício da arquitetura moderna
Início da arquitetura moderna
 
História do Planejamento Regional
História do Planejamento RegionalHistória do Planejamento Regional
História do Planejamento Regional
 
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
Aula 05 as cidades renascentistas e as utopias [revisado em 20160921]
 
Planejamento Urbano em Curitiba
Planejamento Urbano em CuritibaPlanejamento Urbano em Curitiba
Planejamento Urbano em Curitiba
 
Apresentação da Operação Urbana Água Branca
Apresentação da Operação Urbana Água BrancaApresentação da Operação Urbana Água Branca
Apresentação da Operação Urbana Água Branca
 
Atêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
Atêlie de Projeto Integrado V - PlanejamentoAtêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
Atêlie de Projeto Integrado V - Planejamento
 
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbano
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbanoCronologia do urbanismo e do planejamento urbano
Cronologia do urbanismo e do planejamento urbano
 
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme VelhoProjeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
Projeto de Restauração Urbana do Bairro Cosme Velho
 
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
Sesc Pompeia - Lina Bo Bardi (Estudo de Caso)
 
Cartas patrimoniais
Cartas patrimoniaisCartas patrimoniais
Cartas patrimoniais
 
Aula 3 reform urbanas paris
Aula 3   reform urbanas parisAula 3   reform urbanas paris
Aula 3 reform urbanas paris
 
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
Análise Urbana [Giovani Gustavo Rafael]
 
Centro Paula Souza - Santa Efigênia
Centro Paula Souza - Santa Efigênia  Centro Paula Souza - Santa Efigênia
Centro Paula Souza - Santa Efigênia
 

Semelhante a Porto maravilha

Cais do Porto Maué
Cais do Porto MauéCais do Porto Maué
Cais do Porto Maué
Matheus Nunes
 
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
LUCIMARA GARCIA
 
História da cidade e dos monumentos portuenses mercado do Bom Sucesso Profes...
História da cidade e dos monumentos portuenses  mercado do Bom Sucesso Profes...História da cidade e dos monumentos portuenses  mercado do Bom Sucesso Profes...
História da cidade e dos monumentos portuenses mercado do Bom Sucesso Profes...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em LisboaProjecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
Cascais - Portugal
 
Cova do vapor
Cova do vaporCova do vapor
Cova do vapor
Felipe Regues
 
Revista cidade histórica
Revista cidade históricaRevista cidade histórica
Revista cidade histórica
Lilian Oliveira Rosa
 
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
Sistema CNC
 
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJDiagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
Angélica Vidal
 
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
Leite Corretor
 
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
AiCEi
 
Carta Náutica - janeiro 2018
Carta Náutica - janeiro 2018Carta Náutica - janeiro 2018
Carta Náutica - janeiro 2018
APL - Administração do Porto de Lisboa
 
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De LisboaVisita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
abarros
 
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdfCarta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
MandatoPEG
 
Programa Lisboa é Muita Gente
Programa Lisboa é Muita GentePrograma Lisboa é Muita Gente
Programa Lisboa é Muita Gente
Zesafernandes
 
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacosPelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
Otavio M Peres
 
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca NevesSeminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
FecomercioSP
 
Mestrado Gestão Cultural
Mestrado Gestão CulturalMestrado Gestão Cultural
Mestrado Gestão Cultural
Pedro Nascimento
 
Assembleia One - Even
Assembleia One - EvenAssembleia One - Even
Assembleia One - Even
verdadeimovel
 
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de MadridReabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
Nathéssia Marques
 
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
AiCEi
 

Semelhante a Porto maravilha (20)

Cais do Porto Maué
Cais do Porto MauéCais do Porto Maué
Cais do Porto Maué
 
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
Dragão do Mar - Estudo de Requalificação
 
História da cidade e dos monumentos portuenses mercado do Bom Sucesso Profes...
História da cidade e dos monumentos portuenses  mercado do Bom Sucesso Profes...História da cidade e dos monumentos portuenses  mercado do Bom Sucesso Profes...
História da cidade e dos monumentos portuenses mercado do Bom Sucesso Profes...
 
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em LisboaProjecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
Projecto de Reconversão Urbana da Ribeira das Naus em Lisboa
 
Cova do vapor
Cova do vaporCova do vapor
Cova do vapor
 
Revista cidade histórica
Revista cidade históricaRevista cidade histórica
Revista cidade histórica
 
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
Eventos como Transformação Social - Maria Helena Carmo dos Santos (UERJ)
 
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJDiagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
Diagnóstico do bairro Ponta da Areia - Niterói/RJ
 
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
Operação Urbana Centro (Corretor Leite 99354-8288)
 
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
Revitalizaçao do centro historico de sao luis de maranhao desafios e oportuni...
 
Carta Náutica - janeiro 2018
Carta Náutica - janeiro 2018Carta Náutica - janeiro 2018
Carta Náutica - janeiro 2018
 
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De LisboaVisita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
Visita De Estudo à Bolsa De Turismo De Lisboa
 
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdfCarta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
Carta 200 Wagner Morgan 2013 pdf
 
Programa Lisboa é Muita Gente
Programa Lisboa é Muita GentePrograma Lisboa é Muita Gente
Programa Lisboa é Muita Gente
 
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacosPelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
Pelotas : Patrimonio, dinamicas e sistemas de espacos
 
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca NevesSeminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
Seminário Internacional Sampa CriAtiva, 3/12/2013 - Apresentação Branca Neves
 
Mestrado Gestão Cultural
Mestrado Gestão CulturalMestrado Gestão Cultural
Mestrado Gestão Cultural
 
Assembleia One - Even
Assembleia One - EvenAssembleia One - Even
Assembleia One - Even
 
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de MadridReabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
Reabilitação Integrada do Centro Histórico de Madrid
 
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
Plano da baixa pombalina 250 anos depois (lisboa)
 

Mais de Steves Rocha

Seminário final de patrimônio II
Seminário final de patrimônio IISeminário final de patrimônio II
Seminário final de patrimônio II
Steves Rocha
 
Carta de washington eulices fabricio-marina-steves
Carta de washington eulices fabricio-marina-stevesCarta de washington eulices fabricio-marina-steves
Carta de washington eulices fabricio-marina-steves
Steves Rocha
 
Análise de uma residência zona bioclimatica 01
Análise de uma residência zona bioclimatica 01Análise de uma residência zona bioclimatica 01
Análise de uma residência zona bioclimatica 01
Steves Rocha
 
Camillo sitte e a praça da estação
Camillo sitte e a praça da estaçãoCamillo sitte e a praça da estação
Camillo sitte e a praça da estação
Steves Rocha
 
Grupo 6 eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
Grupo 6   eulices,fabricio sacramento, steves e thais.Grupo 6   eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
Grupo 6 eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
Steves Rocha
 
O parque e a arquitetura
O parque e a arquiteturaO parque e a arquitetura
O parque e a arquitetura
Steves Rocha
 
Análise de dois conjuntos residenciais
Análise de dois conjuntos residenciaisAnálise de dois conjuntos residenciais
Análise de dois conjuntos residenciais
Steves Rocha
 
Apresentação art deco em juiz de fora
Apresentação art deco em juiz de foraApresentação art deco em juiz de fora
Apresentação art deco em juiz de fora
Steves Rocha
 
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helena
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helenaConjunto paisagístico da rua barão de sta helena
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helena
Steves Rocha
 

Mais de Steves Rocha (9)

Seminário final de patrimônio II
Seminário final de patrimônio IISeminário final de patrimônio II
Seminário final de patrimônio II
 
Carta de washington eulices fabricio-marina-steves
Carta de washington eulices fabricio-marina-stevesCarta de washington eulices fabricio-marina-steves
Carta de washington eulices fabricio-marina-steves
 
Análise de uma residência zona bioclimatica 01
Análise de uma residência zona bioclimatica 01Análise de uma residência zona bioclimatica 01
Análise de uma residência zona bioclimatica 01
 
Camillo sitte e a praça da estação
Camillo sitte e a praça da estaçãoCamillo sitte e a praça da estação
Camillo sitte e a praça da estação
 
Grupo 6 eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
Grupo 6   eulices,fabricio sacramento, steves e thais.Grupo 6   eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
Grupo 6 eulices,fabricio sacramento, steves e thais.
 
O parque e a arquitetura
O parque e a arquiteturaO parque e a arquitetura
O parque e a arquitetura
 
Análise de dois conjuntos residenciais
Análise de dois conjuntos residenciaisAnálise de dois conjuntos residenciais
Análise de dois conjuntos residenciais
 
Apresentação art deco em juiz de fora
Apresentação art deco em juiz de foraApresentação art deco em juiz de fora
Apresentação art deco em juiz de fora
 
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helena
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helenaConjunto paisagístico da rua barão de sta helena
Conjunto paisagístico da rua barão de sta helena
 

Porto maravilha

  • 1. PORTO MARAVILHA PA VII Prof.: Luciane Tasca Grupo: Aline Dias, Maisa Campos, Thais Vandanezi, Steves Rocha
  • 2. HISTÓRICO • A ocupação é antiga, desde o processo de expansão da vila colonial no morro do Castelo; • A vila expandiu-se pelos morros e, cessados os perigos de invasores franceses e ataques indígenas, os portugueses começam a traçar novos caminhos e ocupar as várzeas que circundavam a vila de São Sebastião; • No entorno surgem pequenos sítios que abasteciam a cidade de alimentos; • A região tinha então uma atividade portuária de descarga de mercadorias, e em 1769 adquire mais uma função: o desembarque de escravos ( a intenção era retirar esta vista do Largo do Paço); • Em meados do século XIX o porto passa a receber o café vindo do Vale do Paraíba, aumentando sua posição como principal porto da cidade, suplantando o Largo do Paço.
  • 3. O PROJETO • O Rio dá sinais de uma nova dinâmica econômica, impulsionada pelos grandes eventos que vão ocorrer na cidade nos próximos anos ( cidade sede da Copa em 2014 e Olimpíadas em 2016); • O projeto reintegra a Região Portuária, há muitos anos relegada a segundo plano; • A Lei Municipal 101/2009 promove a reestruturação da Região Portuária, por meio da ampliação, articulação e requalificação dos espaços públicos da região, visando melhorar a qualidade da atual e futura população e à sustentabilidade ambiental e socioeconômica da área; • Compromisso social: os atuais moradores permancerão na região,haverá investimento na valorização do Patrimônio e programas de desenvolvimento social; • A parceria público/privado foi fundamental para viabilizar o projeto. Foi firmado o consórcio Porto Novo por Odebrecht, OAS e Carioca Engenharia, que será responsável pelas obras e requalificação urbana; • Empresas de grande porte já se instalam na região , revitalizando a área.
  • 6. PRÓXIMO AOS PRINCIPAIS PONTOS NODAIS DE TRANSPORTE...
  • 7. OBJETIVOS • INFRAESTRUTURA • HABITAÇÃO • CULTURA E ENTRETENIMENTO • COMÉRCIO E INDÚSTRIA
  • 8. A ocupação do porto será priorizada através dos reforços das vocações já existentes em cada região:
  • 9. Principais intervenções e equipamentos urbanos: O Veículo Leve Sobre Trilhos Museu de Arte do Rio –MAR: A partir (VLT) oferecerá um sistema de de exposições permanentes e transporte sustentável à cidade, temporárias, midiateca, auditórios e além de otimizar a atuação das pátios de aprendizagem que irão linhas de ônibus que hoje promover a integração entre arte e circulam pela área . educação.
  • 10. Principais intervenções e equipamentos urbanos: Museu do Amanhã: Com projeto de arquitetura concebido pelo renomado arquiteto espanhol Santiago Calatrava, o museu é uma das âncoras da área cultural do Porto Maravilha. O espaço será dedicado às Ciências, mas terá formato diferente dos museus de História Natural ou de Ciências e Tecnologia já conhecidos.
  • 11. NOVA SEDE DO BANCO CENTRAL
  • 12. OBRAS • FASE 1: investimentos públicos • FASE 2: operação urbana consorciada
  • 13. FASE 1 ÁREA DE INTERVENÇÃO DA FASE 1
  • 14. FASE 1 DETALHAMENTO
  • 15. FASE 1 PERSPECTIVAS FUTURAS- Barão de Tefé e Praça Mauá
  • 16. FASE 1 PERSPECTIVAS FUTURAS- Pier Mauá
  • 17. FASE 1 NOVO ACESSO VIÁRIO AO PORTO NO CAJU
  • 18. FASE 1 PROJETO HABITACIONAL “NOVAS ALTERNATIVAS”
  • 19. FASE 2 NOVA ESTRUTURA URBANA
  • 20. FASE 2 SOLUÇÃO PARA A PERIMETRAL
  • 21. FASE 2 OBRAS DE INFRA-ESTRUTURA BÁSICA
  • 22.
  • 23. UMA REFLEXÃO... • O projeto é bem sucedido por revitalizar não só a área portuária, com intervenções que se apresentariam apenas de maneira pontual (ex.: Rio Cidade), mas também por incluir novos padrões urbanísticos; • O porto é reintegrado à cidade; • A requalificação se dá em grande escala, não só física mas de visibilidade para os moradores e o mundo; • A cidade nos escapa, logo, fundamental então é fornecer subsídios para que ela própria se organize.