SlideShare uma empresa Scribd logo
Orações Coordenadas
Assindéticas e Sindéticas

   Língua Portuguesa
   Professora Caroline Capellari
Período Composto
  PeríodoComposto: possui mais de uma
  oração em sua composição. Veja:

  Eu   irei à praia. (Período Simples)

  Estou  comprando um protetor solar, depois
  irei à praia. (Período Composto)

  Já
    me decidi: só irei à praia, se antes eu
  comprar um protetor solar. (Período
  Composto).
Tipos de relação entre orações
  Há dois tipos de relações que podem se
   estabelecer entre as orações de um
   período composto: uma relação de
   coordenação ou uma relação de
   subordinação.

 A  oração subordinada não possui
   sentido separando-as. A oração
   coordenada sim.
Subordinação X Coordenação
 Eu desejo que você       Estou   comprando um
  faça bastante amigos.     protetor solar, depois
                            irei à praia.
 Eu desejo
                           Estou comprando um
(desejo o quê?)
                            protetor solar.
 Que  você faça           Irei   à praia.
  bastante amigos.
(que o quê?)
                           Duas  frases, dois
                            sentidos.
Classificação das orações
coordenadas

  Há   dois tipos de classificá-las:

  Coordenadas Assindéticas e
  Coordenadas Sindéticas.
Coordenadas Assindéticas
    São orações coordenadas entre si e que não são
     ligadas através de nenhum conectivo. Estão apenas
     justapostas.

    Ele entrou, sentou-se.
    Ele entrou. Sentou-se.

    Joãozinho saiu logo, estava atrasado.
    Meu pai foi trabalhar. Chovia pela manhã.
    Não fomos ao casamento; mandamos um presente.
Coordenadas Sindéticas
  Ao contrário da anterior, são orações
  coordenadas entre si, mas que são ligadas
  através de uma conjunção coordenativa. Esse
  caráter vai trazer para esse tipo de oração
  uma classificação:

  São cinco: aditivas, adversativas,
  alternativas, conclusivas e explicativas.
Aditivas
  OraçõesCoordenadas Sindéticas Aditivas: e,
  nem, não só… mas também, não só… como,
  assim… como.

  Não   só cantei como também dancei.

  Nem   comprei o protetor solar, nem fui à praia.

  Comprei   o protetor solar e fui à praia.
Adversativas
   Orações Coordenadas Sindéticas Adversativas: mas,
    contudo, todavia, entretanto, porém, no entanto, ainda,
    assim, senão.

   Fiquei muito cansada, contudo me diverti bastante.

   Ainda que a noite acabasse, nós continuaríamos
    dançando.

   Não comprei o protetor solar, mas mesmo assim fui à
    praia.
Alternativas
  Orações Coordenadas Sindéticas
  Alternativas: ou… ou; ora…ora; quer…quer;
  seja…seja.

  Ouuso o protetor solar, ou uso o óleo
  bronzeador.

  Orasei que carreira seguir, ora penso em várias
  carreiras diferentes.

  Quereu durma quer eu fique acordado, ficarei
  no quarto.
Conclusivas
  Orações Coordenadas Sindéticas
   Conclusivas: logo, portanto, por fim, por
   conseguinte, conseqüentemente.

  Passei
        no vestibular, portanto irei
   comemorar.

  Conclui   o meu projeto, logo posso descansar.

  Tomou  muito sol, consequentemente ficou
   adoentada.
Explicativas
  Orações Coordenadas Sindéticas
  Explicativas: isto é, ou seja, a saber, na
  verdade, pois.

  Só
    passei na prova porque me esforcei por
  muito tempo.

  Só   fiquei triste por você não ter viajado comigo.

  Não
     fui à praia pois queria descansar durante o
  Domingo.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Orações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisOrações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiais
Elaine Teixeira
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
Edson Alves
 
Vozes verbais 8 ano
Vozes verbais 8 anoVozes verbais 8 ano
Vozes verbais 8 ano
Flávio Ferreira
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
Cynthia Funchal
 
Tipos de sujeito
Tipos de sujeitoTipos de sujeito
Tipos de sujeito
IedaSantana
 
Slides aula verbos
Slides   aula verbosSlides   aula verbos
Slides aula verbos
Bruno Souza de Oliveira
 
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Cynthia Funchal
 
Regência nominal e verbal
Regência nominal e verbalRegência nominal e verbal
Regência nominal e verbal
Sadrak Silva
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadas
guest7174ad
 
Frase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aulaFrase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aula
emanuelee
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
Mara Virginia
 
Orações reduzidas
Orações reduzidasOrações reduzidas
Orações reduzidas
sandra
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
Andriane Cursino
 
Transitividade verbal
Transitividade verbalTransitividade verbal
Transitividade verbal
PaolaLins
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
Mara dalto
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
Lucilene Barcelos
 
Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
Péricles Penuel
 
Romance
RomanceRomance
Crase
CraseCrase
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
Marcia Simone
 

Mais procurados (20)

Orações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiaisOrações subordinadas adverbiais
Orações subordinadas adverbiais
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 
Vozes verbais 8 ano
Vozes verbais 8 anoVozes verbais 8 ano
Vozes verbais 8 ano
 
Aposto e vocativo
Aposto e vocativoAposto e vocativo
Aposto e vocativo
 
Tipos de sujeito
Tipos de sujeitoTipos de sujeito
Tipos de sujeito
 
Slides aula verbos
Slides   aula verbosSlides   aula verbos
Slides aula verbos
 
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento NominalAdjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
Adjunto adverbial, Adjunto adnominal e Complemento Nominal
 
Regência nominal e verbal
Regência nominal e verbalRegência nominal e verbal
Regência nominal e verbal
 
Oracoes Coordenadas
Oracoes CoordenadasOracoes Coordenadas
Oracoes Coordenadas
 
Frase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aulaFrase oracao-periodo-aula
Frase oracao-periodo-aula
 
Frase, oração e período
Frase, oração e períodoFrase, oração e período
Frase, oração e período
 
Orações reduzidas
Orações reduzidasOrações reduzidas
Orações reduzidas
 
Figuras de linguagem
Figuras de linguagemFiguras de linguagem
Figuras de linguagem
 
Transitividade verbal
Transitividade verbalTransitividade verbal
Transitividade verbal
 
Acentuação gráfica
Acentuação gráficaAcentuação gráfica
Acentuação gráfica
 
Concordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adrianaConcordancia verbal-slide-adriana
Concordancia verbal-slide-adriana
 
Aula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuaçãoAula sinais de pontuação
Aula sinais de pontuação
 
Romance
RomanceRomance
Romance
 
Crase
CraseCrase
Crase
 
Aula 04 variacao linguistica
Aula 04   variacao linguisticaAula 04   variacao linguistica
Aula 04 variacao linguistica
 

Semelhante a Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas

Orações coordenadas
Orações coordenadas Orações coordenadas
Orações coordenadas
Andriane Cursino
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
Vera Pinho
 
Escola municipal antonio lopes lins
Escola municipal antonio lopes linsEscola municipal antonio lopes lins
Escola municipal antonio lopes lins
Karine Gonçalves Santana
 
Orações coordenadas 8º ano
Orações coordenadas 8º anoOrações coordenadas 8º ano
Orações coordenadas 8º ano
Nataly Alves
 
Orações Coordenadas
Orações CoordenadasOrações Coordenadas
Orações Coordenadas
ProfFernandaBraga
 
Coesão textual.ppt
Coesão textual.pptCoesão textual.ppt
Coesão textual.ppt
FainaAline2
 
Orações Coordenadas
Orações CoordenadasOrações Coordenadas
Orações Coordenadas
ProfFernandaBraga
 
Oracoes coordenadas 2015
Oracoes coordenadas   2015Oracoes coordenadas   2015
Oracoes coordenadas 2015
Christiane Queiroz
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
ProfFernandaBraga
 
Slide Período composto por coordenação.pptx
Slide Período composto por coordenação.pptxSlide Período composto por coordenação.pptx
Slide Período composto por coordenação.pptx
DanielleLagaresBical
 
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações CoordenadasGramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
Faell Vasconcelos
 
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptxGramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
Isabel Silva
 
O que são orações coordenadas?
O que são orações coordenadas?O que são orações coordenadas?
O que são orações coordenadas?
Izabelle Moreno
 
Orações coordenadas revisadas
Orações coordenadas revisadasOrações coordenadas revisadas
Orações coordenadas revisadas
andreiaarruda
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
ma.no.el.ne.ves
 
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9a
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9aPeriodo composto coordenacao_subordinacao_9a
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9a
Christiane Queiroz
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
Cristina Porini
 
Orações coordenadas revisão
Orações coordenadas revisãoOrações coordenadas revisão
Orações coordenadas revisão
rafaelcef3
 
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docxresumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
JuliadaSilvaAzevedo
 
Advérbios e preposições
Advérbios e preposiçõesAdvérbios e preposições
Advérbios e preposições
Blog Estudo
 

Semelhante a Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas (20)

Orações coordenadas
Orações coordenadas Orações coordenadas
Orações coordenadas
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Escola municipal antonio lopes lins
Escola municipal antonio lopes linsEscola municipal antonio lopes lins
Escola municipal antonio lopes lins
 
Orações coordenadas 8º ano
Orações coordenadas 8º anoOrações coordenadas 8º ano
Orações coordenadas 8º ano
 
Orações Coordenadas
Orações CoordenadasOrações Coordenadas
Orações Coordenadas
 
Coesão textual.ppt
Coesão textual.pptCoesão textual.ppt
Coesão textual.ppt
 
Orações Coordenadas
Orações CoordenadasOrações Coordenadas
Orações Coordenadas
 
Oracoes coordenadas 2015
Oracoes coordenadas   2015Oracoes coordenadas   2015
Oracoes coordenadas 2015
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 
Slide Período composto por coordenação.pptx
Slide Período composto por coordenação.pptxSlide Período composto por coordenação.pptx
Slide Período composto por coordenação.pptx
 
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações CoordenadasGramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
Gramática - Adjunto Adnominal e Orações Coordenadas
 
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptxGramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
Gramática: Orações subordinadas adverbiais.pptx
 
O que são orações coordenadas?
O que são orações coordenadas?O que são orações coordenadas?
O que são orações coordenadas?
 
Orações coordenadas revisadas
Orações coordenadas revisadasOrações coordenadas revisadas
Orações coordenadas revisadas
 
Orações coordenadas
Orações coordenadasOrações coordenadas
Orações coordenadas
 
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9a
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9aPeriodo composto coordenacao_subordinacao_9a
Periodo composto coordenacao_subordinacao_9a
 
Período composto por coordenação
Período composto por coordenaçãoPeríodo composto por coordenação
Período composto por coordenação
 
Orações coordenadas revisão
Orações coordenadas revisãoOrações coordenadas revisão
Orações coordenadas revisão
 
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docxresumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
resumo d eportugues para minha prova em novembro.docx
 
Advérbios e preposições
Advérbios e preposiçõesAdvérbios e preposições
Advérbios e preposições
 

Último

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
YeniferGarcia36
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
fernandacosta37763
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
AurelianoFerreirades2
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
Manuais Formação
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
AmiltonAparecido1
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
lveiga112
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
DECIOMAURINARAMOS
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
MarcosPaulo777883
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
PatriciaZanoli
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
MarceloMonteiro213738
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
Pastor Robson Colaço
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
CarinaSantos916505
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
AntnioManuelAgdoma
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
LEANDROSPANHOL1
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
eaiprofpolly
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
PatriciaZanoli
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
Marlene Cunhada
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
JoeteCarvalho
 

Último (20)

Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptxSlides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
Slides Lição 11, CPAD, A Realidade Bíblica do Inferno, 2Tr24.pptx
 
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
000. Para rezar o terço - Junho - mês do Sagrado Coração de Jesús.pdf
 
Atividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º anoAtividade de reforço de matemática 2º ano
Atividade de reforço de matemática 2º ano
 
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdfA QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
A QUESTÃO ANTROPOLÓGICA: O QUE SOMOS OU QUEM SOMOS.pdf
 
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdfUFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
UFCD_10949_Lojas e-commerce no-code_índice.pdf
 
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdfOS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
OS elementos de uma boa Redação para o ENEM.pdf
 
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdfTestes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
Testes + soluções_Mensagens12 )11111.pdf
 
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptxPP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
PP Slides Lição 11, Betel, Ordenança para exercer a fé, 2Tr24.pptx
 
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptxRedação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
Redação e Leitura_7º ano_58_Produção de cordel .pptx
 
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptxTreinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
Treinamento NR 38 - CORPO PRINCIPAL da NORMA.pptx
 
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.pptLeis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
Leis de Mendel - as ervilhas e a maneira simples de entender.ppt
 
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).pptepidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
epidemias endemia-pandemia-e-epidemia (1).ppt
 
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdfO que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
O que é um Ménage a Trois Contemporâneo .pdf
 
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptxReino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
Reino-Vegetal plantas e demais conceitos .pptx
 
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
347018542-PAULINA-CHIZIANE-Balada-de-Amor-ao-Vento-pdf.pdf
 
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
7133lllllllllllllllllllllllllllll67.pptx
 
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua PortuguesaD20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
D20 - Descritores SAEB de Língua Portuguesa
 
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
2020_09_17 - Biomas Mundiais [Salvo automaticamente].pptx
 
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
GÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptxGÊNERO      TEXTUAL     -     POEMA.pptx
GÊNERO TEXTUAL - POEMA.pptx
 
slides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentarslides de Didática 2.pdf para apresentar
slides de Didática 2.pdf para apresentar
 

Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas

  • 1. Orações Coordenadas Assindéticas e Sindéticas Língua Portuguesa Professora Caroline Capellari
  • 2. Período Composto  PeríodoComposto: possui mais de uma oração em sua composição. Veja:  Eu irei à praia. (Período Simples)  Estou comprando um protetor solar, depois irei à praia. (Período Composto)  Já me decidi: só irei à praia, se antes eu comprar um protetor solar. (Período Composto).
  • 3. Tipos de relação entre orações  Há dois tipos de relações que podem se estabelecer entre as orações de um período composto: uma relação de coordenação ou uma relação de subordinação. A oração subordinada não possui sentido separando-as. A oração coordenada sim.
  • 4. Subordinação X Coordenação  Eu desejo que você  Estou comprando um faça bastante amigos. protetor solar, depois irei à praia.  Eu desejo  Estou comprando um (desejo o quê?) protetor solar.  Que você faça  Irei à praia. bastante amigos. (que o quê?)  Duas frases, dois sentidos.
  • 5. Classificação das orações coordenadas  Há dois tipos de classificá-las:  Coordenadas Assindéticas e  Coordenadas Sindéticas.
  • 6. Coordenadas Assindéticas  São orações coordenadas entre si e que não são ligadas através de nenhum conectivo. Estão apenas justapostas.  Ele entrou, sentou-se.  Ele entrou. Sentou-se.  Joãozinho saiu logo, estava atrasado.  Meu pai foi trabalhar. Chovia pela manhã.  Não fomos ao casamento; mandamos um presente.
  • 7. Coordenadas Sindéticas  Ao contrário da anterior, são orações coordenadas entre si, mas que são ligadas através de uma conjunção coordenativa. Esse caráter vai trazer para esse tipo de oração uma classificação:  São cinco: aditivas, adversativas, alternativas, conclusivas e explicativas.
  • 8. Aditivas  OraçõesCoordenadas Sindéticas Aditivas: e, nem, não só… mas também, não só… como, assim… como.  Não só cantei como também dancei.  Nem comprei o protetor solar, nem fui à praia.  Comprei o protetor solar e fui à praia.
  • 9. Adversativas  Orações Coordenadas Sindéticas Adversativas: mas, contudo, todavia, entretanto, porém, no entanto, ainda, assim, senão.  Fiquei muito cansada, contudo me diverti bastante.  Ainda que a noite acabasse, nós continuaríamos dançando.  Não comprei o protetor solar, mas mesmo assim fui à praia.
  • 10. Alternativas  Orações Coordenadas Sindéticas Alternativas: ou… ou; ora…ora; quer…quer; seja…seja.  Ouuso o protetor solar, ou uso o óleo bronzeador.  Orasei que carreira seguir, ora penso em várias carreiras diferentes.  Quereu durma quer eu fique acordado, ficarei no quarto.
  • 11. Conclusivas  Orações Coordenadas Sindéticas Conclusivas: logo, portanto, por fim, por conseguinte, conseqüentemente.  Passei no vestibular, portanto irei comemorar.  Conclui o meu projeto, logo posso descansar.  Tomou muito sol, consequentemente ficou adoentada.
  • 12. Explicativas  Orações Coordenadas Sindéticas Explicativas: isto é, ou seja, a saber, na verdade, pois.  Só passei na prova porque me esforcei por muito tempo.  Só fiquei triste por você não ter viajado comigo.  Não fui à praia pois queria descansar durante o Domingo.