SlideShare uma empresa Scribd logo
O significado da retomada do
crescimento em 2017
André Luis Contri
NEPE/CEES/FEE
60.00
80.00
100.00
120.00
140.00
160.00
180.00
200.00
220.00
240.00
260.00
Indice de Volume do Produto da Indústria de Transformação e da
Extrativa Mineral Brasil, 1991-2017
Transformação
Extrativa Mineral
Estagnação
Estagnação e Crise
80.00
100.00
120.00
140.00
160.00
180.00
200.00
220.00
240.00
1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017
Indice de Volume do Valor Adicionado Bruto da Agropecuária, da
Indústria Total, dos Serviços e do PIB, Brasil, 1995 - 2017
PIB
Agropecuária
Industria
Serviços
20.00
70.00
120.00
170.00
220.00
270.00
320.00
1991
1992
1993
1994
1995
1996
1997
1998
1999
2000
2001
2002
2003
2004
2005
2006
2007
2008
2009
2010
2011
2012
2013
2014
2015
2016
2017
Indice de Volume do PIB e dos componentes da demanda agregada,
Brasil, 1991-2017
PIB FBKF Exportações Consumo das Famílias Administração Pública Importaçoes
80.00
100.00
120.00
140.00
160.00
180.00
200.00
1995 1996 1997 1998 1999 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017
Indice do Produto da Construção Civil, Brasil, 1995-2017.
0
2
4
6
8
10
12
14
16
Mar-2012
Mai
Jul
Set
Nov
Jan-2013
Mar
Mai
Jul
Set
Nov
Jan-2014
Mar
Mai
Jul
Set
Nov
Jan-2015
Mar
Mai
Jul
Set
Nov
Jan-2016
Mar
Mai
Jul
Set
Nov
Jan-2017
Mar
Mai
Jul
Set
Nov
Taxa de Desemprego, Brasil, 2012-2017
Series1
Fonte: IBGE. PNAD
20.0
30.0
40.0
50.0
60.0
70.0
80.0
90.0
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
2004-…
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
Janeiro
Maio
Setembro
2015-…
Maio
Setembro
2016-…
Maio
Setembro
2017-…
Maio
Setembro
Divida Liquida do Setor Publico Consolidada e Divida Bruta do Governo
Geral, % do PIB, Brasil, 2002-2017
DLPS
Divida Bru
Alguns Indicadores da Conjuntura Econômica Brasileira
PIB. Em 2017, encerrou 6,0% abaixo de 2014. Ou seja, apesar de tecnicamente
o país ter saído da recessão, o volume de bens e serviços produzidos em 2017
ficou abaixo do que foi produzido três anos atrás. O volume do Produto foi
menor em 2017 do que em 2011, seis anos de estagnação.
FBKF. Apresentou queda no seu volume por quatro anos consecutivos (2014-
2017). Com isso, o volume dos investimentos, em 2017, está 27% abaixo do que
foi em 2013. Com o atual volume de investimentos, a FBKF terá que crescer
cerca de 38% para alcançar o patamar de 2013. O volume dos investimentos
encontra-se abaixo do patamar alcançado em 2008.
Consumo das Famílias. Apesar do crescimento de 1,0% verificado em 2017, o
volume de consumo das famílias ainda está 6,5% abaixo do seu montante em
2014.
Construção Civil. Apresentou queda no volume de produção nos últimos
quatro anos (2014-2017). Com isso, o volume de obras da Construção Civil
encerrou 2017 estando 20,0% abaixo do que esteve em 2013. A Construção
Civil inclui não apenas empreendimentos imobiliários, mas também as
obras de infraestrutura e serviços associados à construção. Trata-se de um
setor com importantes efeitos de encadeamento com outras atividades e
gerador de empregos.
Indústria de Transformação. Apesar do crescimento de 1,7% verificado em
2017, o volume do produto encontra-se abaixo do volume de 2004. Em
2017 o crescimento esteve presente na maioria das atividades industriais.
No entanto, este crescimento foi puxado pela Fabricação de veículos
automotores, reboques e carrocerias, cujo crescimento foi no volume de
produção foi de 17,2% em 2017. Este setor representa cerca 7,0% do VTI da
Indústria de Transformação Brasileira. Seu crescimento, em 2017, foi
impulsionado pelas exportações, cujo volume cresceu 28,2% em 2017,
Dívida Pública: a DLSP, em setembro de 2014, representava 32,0% do
PIB. Em dezembro de 2017 este percentual elevou-se para 51,6% do
PIB. Um crescimento de cerca de 20 pontos percentuais em 2 anos e 3
meses. No que se refere à Divida Bruta 69,7% e 83,1%,
respectivamente. 61,6% em dezembro de 2014.
Desemprego. Apesar da redução nas taxas de desemprego observadas
a partir de abril de 2017, em dezembro de 2014 o país tinha cerca de
6,5 milhões de desempregados. Em Março de 2017 este valor foi
superior a 14 milhões de trabalhadores. Em dezembro de 2017 este
número havia sido reduzido para 12,3 milhões.
Setor Externo. Apesar do crescimento de 5,2% nas Exportações, em
2017 verificou-se um crescimento de 5,0% nas importações.
Questões Qualitativas para a análise da Conjuntura
Estagnação da atividade industrial por mais de 13 anos, com reflexos
sobre toda a cadeia produtiva. Isto acaba por aumentar a dependência do
país em relação aos produtos importados.
Questão do emprego. O país precisou de 11 anos para trazer a taxa de
desemprego de 11,9% para um pouco mais de 4,0%. A precarização nas
relações trabalhistas que irão ocorrer a partir da Reforma trabalhista, com
impacto sobre a renda e qualificação da mão de obra. O projeto que está
sendo implementado no país tem por objetivo reduzir substancialmente
os custos com o trabalho, no sentido de buscar uma concorrência com
China e India. Este é um projeto extremamente nefasto do ponto de vista
social.
Problemas com a desnacionalização de nossas indústrias: setor da
Construção, Petrobras, Indústria naval e Embraer.
Do ponto de vista social, tal projeto é insustentável em função do
aumento da Pobreza e do crescimento na desigualdade e, por
consequência, da violência.
Deterioração dos Serviços Públicos.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a O significado da retomada do crescimento em 2017

Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
Apex-Brasil - Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos
 
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPTDesafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental - ANESP
 
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
Ministério da Economia
 
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º TrimestreApresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
Confederação Nacional da Indústria
 
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
Transvias
 
Novo Regime Fiscal: um balanço
Novo Regime Fiscal: um balançoNovo Regime Fiscal: um balanço
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
Confederação Nacional da Indústria
 
Impactos lavajatoeconomia
Impactos lavajatoeconomiaImpactos lavajatoeconomia
Impactos lavajatoeconomia
Luiz Carlos Azenha
 
Documentos base e regimento interno do CETTR
Documentos base e regimento interno do CETTRDocumentos base e regimento interno do CETTR
Documentos base e regimento interno do CETTR
FETAEP
 
Estudo Conjuntura do Dieese
Estudo Conjuntura do DieeseEstudo Conjuntura do Dieese
Estudo Conjuntura do Dieese
Nathan Camelo
 
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
eticademocracia
 
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDFDesafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
Associação Nacional dos Especialistas em Políticas Públicas e Gestão Governamental - ANESP
 
Análise do nível de atividade econômica no Brasil
Análise do nível de atividade econômica no BrasilAnálise do nível de atividade econômica no Brasil
Análise do nível de atividade econômica no Brasil
economiaufes
 
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
Ministério da Economia
 
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª EdiçãoPainel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
PATRICK SILVA
 
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
Elismar Rodrigues
 
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
DenizecomZ
 
Ap fecom
Ap fecomAp fecom
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento EconômicoApresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
PDDI RMVA
 
Características da Economia Gaúcha
Características da Economia GaúchaCaracterísticas da Economia Gaúcha
Características da Economia Gaúcha
Fundação de Economia e Estatística
 

Semelhante a O significado da retomada do crescimento em 2017 (20)

Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
Economia Brasileira em Perspectiva | 17ª Edição (Dez/2012)
 
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPTDesafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PPT
 
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
Apresentação – Retomada do crescimento e reformas estruturais (23/08/2017)
 
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º TrimestreApresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
Apresentação | Informe Conjuntural | 3º Trimestre
 
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
Investimento em infraestrutura pode agregar R$ 40,4 bilhões ao PIB até 2023
 
Novo Regime Fiscal: um balanço
Novo Regime Fiscal: um balançoNovo Regime Fiscal: um balanço
Novo Regime Fiscal: um balanço
 
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
Informe Conjuntural | 1º trimestre de 2014 | Divulgação 11/04/2014
 
Impactos lavajatoeconomia
Impactos lavajatoeconomiaImpactos lavajatoeconomia
Impactos lavajatoeconomia
 
Documentos base e regimento interno do CETTR
Documentos base e regimento interno do CETTRDocumentos base e regimento interno do CETTR
Documentos base e regimento interno do CETTR
 
Estudo Conjuntura do Dieese
Estudo Conjuntura do DieeseEstudo Conjuntura do Dieese
Estudo Conjuntura do Dieese
 
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
A ECONOMIA EM ÉPOCA DE CRISE: Desafios e Propostas
 
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDFDesafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
Desafios para o Crescimento da do Brasil - Mansueto Almeida PDF
 
Análise do nível de atividade econômica no Brasil
Análise do nível de atividade econômica no BrasilAnálise do nível de atividade econômica no Brasil
Análise do nível de atividade econômica no Brasil
 
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
Apresentação – Ajuste fiscal e crescimento econômico (31/10/2017)
 
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª EdiçãoPainel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
Painel de Conjuntura Econômica Isae: 20ª Edição
 
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
BRASIL E PERNAMBUCO : Cenários econômicos para 2016 e importância de iniciati...
 
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
Apresentação do ministro Joaquim Levy na Câmara de Comércio Brasil França - 2...
 
Ap fecom
Ap fecomAp fecom
Ap fecom
 
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento EconômicoApresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
Apresentação do extrato do Diagnóstico - Desenvolvimento Econômico
 
Características da Economia Gaúcha
Características da Economia GaúchaCaracterísticas da Economia Gaúcha
Características da Economia Gaúcha
 

Mais de Fundação de Economia e Estatística

Idese 2015
Idese 2015Idese 2015
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Fundação de Economia e Estatística
 
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Fundação de Economia e Estatística
 
Expectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetáriaExpectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetária
Fundação de Economia e Estatística
 
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Fundação de Economia e Estatística
 
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RSEstimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Fundação de Economia e Estatística
 
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
Fundação de Economia e Estatística
 
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retraçãoMercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desempregoElevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Fundação de Economia e Estatística
 
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás FioriFEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
Fundação de Economia e Estatística
 
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
Fundação de Economia e Estatística
 
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília HoffO Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
Fundação de Economia e Estatística
 
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RSPrincipais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Fundação de Economia e Estatística
 
As barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovarAs barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovar
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens
Fundação de Economia e Estatística
 

Mais de Fundação de Economia e Estatística (20)

Idese 2015
Idese 2015Idese 2015
Idese 2015
 
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
 
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
 
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
 
Expectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetáriaExpectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetária
 
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
 
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RSEstimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
 
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
 
PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015
 
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
 
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
Informe PED-RMPA (Novembro/2017)
 
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retraçãoMercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
 
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
 
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desempregoElevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
 
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás FioriFEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
 
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
 
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília HoffO Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
 
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RSPrincipais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
 
As barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovarAs barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovar
 
Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens
 

O significado da retomada do crescimento em 2017