SlideShare uma empresa Scribd logo
TÍTULO TÍTULO TÍTULOTAXA DE DESEMPREGO AUMENTA
Região Metropolitana de Porto Alegre
Outubro 2017
Outubro 2017
• Redução do nível ocupacional (-2,7%) => menos 46 mil ocupados
• Redução da PEA (-0,9%) => menos 17 mil pessoas na força de trabalho
• Aumento do contingente de desempregados (15,0%) => mais 29 mil pessoas
• Taxa de Participação passou de 52,4% para 52,1%
Obs.: População Economicamente Ativa (PEA) = ocupados + desempregados
Desemprego
Aumento da taxa de desemprego total
Setembro => 10,3 % da PEA Outubro => 12,0% da PEA
Aumento da taxa de desemprego aberto
Setembro => 9,3 % da PEA Outubro => 10,6% da PEA
Taxa de desemprego oculto Sem amostra
• Setembro => 193 mil desempregados (total)
• Outubro => 222 mil desempregados (total)
Taxa de desemprego total na Região Metropolitana de Porto Alegre –
jan./15 – out./17
FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
NOTA: A taxa de desemprego total é composta pela soma das taxas de desemprego aberto e oculto.
Taxa de desemprego – Município de Porto Alegre e demais Municípios da RMPA –
jan./15 – out./17
FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT
NOTA: A taxa de desemprego total é composta pela soma das taxas de desemprego aberto e oculto.
Tempo médio despendido pelos desempregados na procura de trabalho na RMPA –
jan./15 –out./17
Média anual
24 semanas
Média anual
35 semanas
FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT.
Ocupação
Redução de 2,7%, o contingente de ocupados foi estimado em 1.632
mil pessoas em outubro.
Comportamento setorial:
Indústria de transformação -16 mil -5,3%
Construção 4 mil 3,2%
Comércio, reparação de veículos
automotores e motocicletas
-7 mil -2,1%
Serviços -26 mil -2,9%
Nota: O contingente total de ocupados inclui outros setores.
Posição na ocupação
Assalariados -22 mil -1,9%
Setor Público 1 mil 0,6%
Setor Privado -23 mil -2,3%
Com carteira -30 mil -3,3%
Sem carteira 7 mil 8,4%
Autônomos -13 mil - 5,3%
Empregados domésticos -8 mil -7,3%
Demais Posições -3 mil -1,8%
Nota: O total de assalariados inclui indivíduos que não informaram os segmento em que trabalham.
Rendimentos
• O rendimento médio real em setembro apresentou redução
para o total de ocupados (-0,5%), assalariados (-0,7%) e pouco
variou para os trabalhadores autônomos (-0,2%).
Valor ∆%
Ocupados
Assalariados
Autônomos
R$ 1.898
R$ 1.859
R$ 1.616
-0,5
-0,7
-0,2
• A massa de rendimentos reais em setembro aumentou para
ocupados (2,1%) e assalariados (0,9%).
Para ambos os casos esse resultado deveu-se ao aumento da
ocupação, uma vez que o rendimento médio real diminuiu.
Índice da massa de rendimentos reais dos ocupados na RMPA –
jan./15 – set./17
FONTE: PED-RMPA – Convênio: FEE, FGTAS, SEADE e DIEESE- e apoio MTb/FAT.
NOTAS:
1. Inflator utilizado: IPC-IEPE; os dados tem como base a média de 2000 = 100
2. Os ocupados incluem aqueles que não tiveram remuneração no mês e excluem os trabalhadores familiares que não tiveram remuneração salarial.
FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE e apoio MTb/FAT.
Nota: Negros = pretos e pardos; não negros = brancos e amarelos.
Percentual de ocupados que contribui para a Previdência Social, na Região
Metropolitana de Porto Alegre – jan./15 –out./17
82,8
83,1
82,7
82,1
83,1
83,6
83,3
82,4
81,9
80,8
77,0
78,0
79,0
80,0
81,0
82,0
83,0
84,0
85,0
86,0
87,0
Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez
2015 2016 2017
• Redução na ocupação (-5,6%) => menos 96 mil ocupados
• Redução da PEA (-4,3%) => menos 83 mil na força de trabalho
• Aumento do contingente de desempregados (6,2%) => mais 13 mil pessoas
Comportamento em 12 meses
Aumento na taxa de desemprego total
Outubro/16 => 10,8% da PEA Outubro/17 => 12,0% da PEA
Aumento da taxa de desemprego aberto
Outubro/16 => 9,6% da PEA Outubro/17 => 10,6% da PEA
• Outubro/16 => 209 mil desempregados
• Outubro/17 => 222 mil desempregados
Desemprego
Redução do nível ocupacional (-5,6%) refletiu os seguintes
comportamentos dos principais setores de atividade econômica:
Indústria de Transformação -7 mil -2,4%
Construção -3 mil -2,3%
Comércio; reparação de veículos
automotores e motocicletas
-16 mil -4,7%
Serviços -67mil -7,1%
Ocupação
Assalariados - 58 mil - 4,9%
Setor Público - 34 mil - 17,2%
Setor Privado - 23 mil - 2,3%
Com carteira -18 mil -2,0%
Sem carteira - 5 mil - 5,3%
Autônomos -35 mil - 13,0%
Empregados domésticos 3 mil 3,1%
Demais Posições -6 mil -3,4%
Posição na ocupação
Variação da ocupação RMPA – jan/15 a out./17
FONTE: PED-RMPA - Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT.
NOTA: Variação relativa em relação ao mesmo mês do ano anterior.
• Ocupados 1,6%
• Assalariados - 0,7%
• Autônomos 8,2%
Rendimentos
(12 meses findos em setembro)
Massa de rendimentos reais
(12 meses findos em setembro)
• Ocupados: 0,3%
• Assalariados: - 3,1%
SÍNTESE DOS INDICADORES – Outubro/2017
MERCADO DE
TRABALHO
CONJUNTURA
(Mês)
TENDÊNCIA
(12 meses)
RMPA
• Ocupação: redução;
• Taxa de desemprego: aumento
• Rendimento (setembro): redução
para ocupados e assalariados e
relativa estabilidade para os
autônomos;
• Massa de Rendimento (setembro):
aumento para ocupados e
assalariados.
• Ocupação: redução;
• Taxa de desemprego: aumento;
• Rendimento (setembro): aumento
para os ocupados e autônomos e
redução para os assalariados;
• Massa de Rendimento (setembro):
aumento para ocupados e redução
assalariados.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Informe PED-RMPA (Novembro/2017)

Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desempregoElevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Fundação de Economia e Estatística
 
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
Fundação de Economia e Estatística
 
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
Fundação de Economia e Estatística
 
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
Fundação de Economia e Estatística
 
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estável
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estávelTaxa de desemprego mantém-se relativamente estável
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estável
Fundação de Economia e Estatística
 
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
Fundação de Economia e Estatística
 
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto AlegreDESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
Fundação de Economia e Estatística
 
Desemprego mantém-se relativamente estável
Desemprego mantém-se  relativamente estávelDesemprego mantém-se  relativamente estável
Desemprego mantém-se relativamente estável
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED-RMPA - março 2015
Informe PED-RMPA - março 2015Informe PED-RMPA - março 2015
Informe PED-RMPA - março 2015
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED-RMPA (12.2015)
Informe PED-RMPA (12.2015)Informe PED-RMPA (12.2015)
Informe PED-RMPA (12.2015)
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED-RMPA (06.2015)
Informe PED-RMPA (06.2015) Informe PED-RMPA (06.2015)
Informe PED-RMPA (06.2015)
Fundação de Economia e Estatística
 
Mercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
Mercado de trabalho na cidade de Porto AlegreMercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
Mercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
Fundação de Economia e Estatística
 
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Fundação de Economia e Estatística
 
Ped metrop 80_set_2013
Ped metrop 80_set_2013Ped metrop 80_set_2013
Ped metrop 80_set_2013
Jornal do Commercio
 
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_finalApresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
AES Eletropaulo
 
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estávelInforme PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
Fundação de Economia e Estatística
 
Apresentação dos Resultados do 2T17
Apresentação dos Resultados do 2T17Apresentação dos Resultados do 2T17
Apresentação dos Resultados do 2T17
Celesc
 
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
Fundação de Economia e Estatística
 
Análise emprego macaé 2016
Análise emprego macaé    2016Análise emprego macaé    2016
Análise emprego macaé 2016
Raul de Carvalho Machado
 

Semelhante a Informe PED-RMPA (Novembro/2017) (20)

Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desempregoElevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
Elevação do nível ocupacional reduz a taxa de desemprego
 
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
Redução do nível ocupacional e aumento do desemprego - fevereiro 2016
 
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
Taxa de desemprego relativamente estável - PED Mensal - ano 26 número 05 / ju...
 
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
PED - Janeiro de 2015 - Redução do desemprego pela saída de pessoas do mercad...
 
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estável
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estávelTaxa de desemprego mantém-se relativamente estável
Taxa de desemprego mantém-se relativamente estável
 
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
Desemprego praticamente estável na Região Metropolitana de Porto Alegre em ab...
 
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto AlegreDESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
DESEMPREGO VOLTA A CRESCER - Região Metropolitana de Porto Alegre
 
Desemprego mantém-se relativamente estável
Desemprego mantém-se  relativamente estávelDesemprego mantém-se  relativamente estável
Desemprego mantém-se relativamente estável
 
Informe PED-RMPA - março 2015
Informe PED-RMPA - março 2015Informe PED-RMPA - março 2015
Informe PED-RMPA - março 2015
 
Informe PED-RMPA (12.2015)
Informe PED-RMPA (12.2015)Informe PED-RMPA (12.2015)
Informe PED-RMPA (12.2015)
 
Informe PED-RMPA (06.2015)
Informe PED-RMPA (06.2015) Informe PED-RMPA (06.2015)
Informe PED-RMPA (06.2015)
 
Mercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
Mercado de trabalho na cidade de Porto AlegreMercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
Mercado de trabalho na cidade de Porto Alegre
 
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...Desempenho do mercado de trabalho  da Região Metropolitana de  Porto Alegre e...
Desempenho do mercado de trabalho da Região Metropolitana de Porto Alegre e...
 
Ped metrop 80_set_2013
Ped metrop 80_set_2013Ped metrop 80_set_2013
Ped metrop 80_set_2013
 
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_finalApresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
Apresentacao aes eletropaulo_3_t13_final
 
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estávelInforme PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
Informe PED-RMPA: Desemprego relativamente estável
 
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
Informe PED-RMPA - Desempenho do Mercado de Trabalho em 2014
 
Apresentação dos Resultados do 2T17
Apresentação dos Resultados do 2T17Apresentação dos Resultados do 2T17
Apresentação dos Resultados do 2T17
 
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
Informe PED-RMPA - Desempenho do mercado de trabalho na Região Metropolitana ...
 
Análise emprego macaé 2016
Análise emprego macaé    2016Análise emprego macaé    2016
Análise emprego macaé 2016
 

Mais de Fundação de Economia e Estatística

Idese 2015
Idese 2015Idese 2015
O significado da retomada do crescimento em 2017
O significado da retomada do crescimento em 2017O significado da retomada do crescimento em 2017
O significado da retomada do crescimento em 2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Fundação de Economia e Estatística
 
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Expectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetáriaExpectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetária
Fundação de Economia e Estatística
 
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Fundação de Economia e Estatística
 
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RSEstimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Fundação de Economia e Estatística
 
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
Fundação de Economia e Estatística
 
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retraçãoMercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Fundação de Economia e Estatística
 
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
Fundação de Economia e Estatística
 
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás FioriFEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
Fundação de Economia e Estatística
 
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
Fundação de Economia e Estatística
 
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília HoffO Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
Fundação de Economia e Estatística
 
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RSPrincipais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Fundação de Economia e Estatística
 
As barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovarAs barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovar
Fundação de Economia e Estatística
 
Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens
Fundação de Economia e Estatística
 
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
Fundação de Economia e Estatística
 
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto AlegreCrise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
Fundação de Economia e Estatística
 

Mais de Fundação de Economia e Estatística (20)

Idese 2015
Idese 2015Idese 2015
Idese 2015
 
O significado da retomada do crescimento em 2017
O significado da retomada do crescimento em 2017O significado da retomada do crescimento em 2017
O significado da retomada do crescimento em 2017
 
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
Evolução estrutural da indústria de transformação do RS — 2007-15
 
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
Condições do mercado de trabalho foram mais severas para as mulheres em 2017
 
Expectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetáriaExpectativas inflacionárias e política monetária
Expectativas inflacionárias e política monetária
 
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
Taxa de desistência no ensino superior gaúcho atinge 64,1%
 
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RSEstimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
Estimativas para a população flutuante do Litoral Norte do RS
 
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
Desaceleração cíclica ou estrutural no comércio mundial?
 
PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015PIB dos municípios do RS em 2015
PIB dos municípios do RS em 2015
 
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
PIB TRIMESTRAL DO RS 3.° trim./2017
 
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retraçãoMercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
Mercado formal de trabalho do RS estagna após forte retração
 
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
PIB Trimestral do RS 2º trimestre 2017
 
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás FioriFEDERALISMO E A QUESTÃO  REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
FEDERALISMO E A QUESTÃO REGIONAL DO RS - Tomás Fiori
 
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
A economia do RS no atual ciclo recessivo: já chegamos ao fundo do poço? - Je...
 
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília HoffO Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
O Rio Grande do Sul no cenário nacional: há perda de dinamismo? - Cecília Hoff
 
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RSPrincipais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
Principais atividades no Valor Adicionado dos municípios do RS
 
As barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovarAs barreiras e os novos desafios para inovar
As barreiras e os novos desafios para inovar
 
Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens Informe PED Especial - Jovens
Informe PED Especial - Jovens
 
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
Soja e automóveis impulsionam crescimento das exportações gaúchas no 1.° seme...
 
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto AlegreCrise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
Crise econômica e desigualdade salarial na Região Metropolitana de Porto Alegre
 

Informe PED-RMPA (Novembro/2017)

  • 1. TÍTULO TÍTULO TÍTULOTAXA DE DESEMPREGO AUMENTA Região Metropolitana de Porto Alegre Outubro 2017
  • 2. Outubro 2017 • Redução do nível ocupacional (-2,7%) => menos 46 mil ocupados • Redução da PEA (-0,9%) => menos 17 mil pessoas na força de trabalho • Aumento do contingente de desempregados (15,0%) => mais 29 mil pessoas • Taxa de Participação passou de 52,4% para 52,1% Obs.: População Economicamente Ativa (PEA) = ocupados + desempregados
  • 3. Desemprego Aumento da taxa de desemprego total Setembro => 10,3 % da PEA Outubro => 12,0% da PEA Aumento da taxa de desemprego aberto Setembro => 9,3 % da PEA Outubro => 10,6% da PEA Taxa de desemprego oculto Sem amostra • Setembro => 193 mil desempregados (total) • Outubro => 222 mil desempregados (total)
  • 4. Taxa de desemprego total na Região Metropolitana de Porto Alegre – jan./15 – out./17 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT NOTA: A taxa de desemprego total é composta pela soma das taxas de desemprego aberto e oculto.
  • 5. Taxa de desemprego – Município de Porto Alegre e demais Municípios da RMPA – jan./15 – out./17 FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT NOTA: A taxa de desemprego total é composta pela soma das taxas de desemprego aberto e oculto.
  • 6. Tempo médio despendido pelos desempregados na procura de trabalho na RMPA – jan./15 –out./17 Média anual 24 semanas Média anual 35 semanas FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT.
  • 7. Ocupação Redução de 2,7%, o contingente de ocupados foi estimado em 1.632 mil pessoas em outubro. Comportamento setorial: Indústria de transformação -16 mil -5,3% Construção 4 mil 3,2% Comércio, reparação de veículos automotores e motocicletas -7 mil -2,1% Serviços -26 mil -2,9% Nota: O contingente total de ocupados inclui outros setores.
  • 8. Posição na ocupação Assalariados -22 mil -1,9% Setor Público 1 mil 0,6% Setor Privado -23 mil -2,3% Com carteira -30 mil -3,3% Sem carteira 7 mil 8,4% Autônomos -13 mil - 5,3% Empregados domésticos -8 mil -7,3% Demais Posições -3 mil -1,8% Nota: O total de assalariados inclui indivíduos que não informaram os segmento em que trabalham.
  • 9. Rendimentos • O rendimento médio real em setembro apresentou redução para o total de ocupados (-0,5%), assalariados (-0,7%) e pouco variou para os trabalhadores autônomos (-0,2%). Valor ∆% Ocupados Assalariados Autônomos R$ 1.898 R$ 1.859 R$ 1.616 -0,5 -0,7 -0,2
  • 10. • A massa de rendimentos reais em setembro aumentou para ocupados (2,1%) e assalariados (0,9%). Para ambos os casos esse resultado deveu-se ao aumento da ocupação, uma vez que o rendimento médio real diminuiu.
  • 11. Índice da massa de rendimentos reais dos ocupados na RMPA – jan./15 – set./17 FONTE: PED-RMPA – Convênio: FEE, FGTAS, SEADE e DIEESE- e apoio MTb/FAT. NOTAS: 1. Inflator utilizado: IPC-IEPE; os dados tem como base a média de 2000 = 100 2. Os ocupados incluem aqueles que não tiveram remuneração no mês e excluem os trabalhadores familiares que não tiveram remuneração salarial.
  • 12. FONTE: PED-RMPA – Convênio FEE, FGTAS, SEADE e apoio MTb/FAT. Nota: Negros = pretos e pardos; não negros = brancos e amarelos. Percentual de ocupados que contribui para a Previdência Social, na Região Metropolitana de Porto Alegre – jan./15 –out./17 82,8 83,1 82,7 82,1 83,1 83,6 83,3 82,4 81,9 80,8 77,0 78,0 79,0 80,0 81,0 82,0 83,0 84,0 85,0 86,0 87,0 Jan Fev Mar Abr Mai Jun Jul Ago Set Out Nov Dez 2015 2016 2017
  • 13. • Redução na ocupação (-5,6%) => menos 96 mil ocupados • Redução da PEA (-4,3%) => menos 83 mil na força de trabalho • Aumento do contingente de desempregados (6,2%) => mais 13 mil pessoas Comportamento em 12 meses
  • 14. Aumento na taxa de desemprego total Outubro/16 => 10,8% da PEA Outubro/17 => 12,0% da PEA Aumento da taxa de desemprego aberto Outubro/16 => 9,6% da PEA Outubro/17 => 10,6% da PEA • Outubro/16 => 209 mil desempregados • Outubro/17 => 222 mil desempregados Desemprego
  • 15. Redução do nível ocupacional (-5,6%) refletiu os seguintes comportamentos dos principais setores de atividade econômica: Indústria de Transformação -7 mil -2,4% Construção -3 mil -2,3% Comércio; reparação de veículos automotores e motocicletas -16 mil -4,7% Serviços -67mil -7,1% Ocupação
  • 16. Assalariados - 58 mil - 4,9% Setor Público - 34 mil - 17,2% Setor Privado - 23 mil - 2,3% Com carteira -18 mil -2,0% Sem carteira - 5 mil - 5,3% Autônomos -35 mil - 13,0% Empregados domésticos 3 mil 3,1% Demais Posições -6 mil -3,4% Posição na ocupação
  • 17. Variação da ocupação RMPA – jan/15 a out./17 FONTE: PED-RMPA - Convênio FEE, FGTAS, SEADE, DIEESE e apoio MTb/FAT. NOTA: Variação relativa em relação ao mesmo mês do ano anterior.
  • 18. • Ocupados 1,6% • Assalariados - 0,7% • Autônomos 8,2% Rendimentos (12 meses findos em setembro)
  • 19. Massa de rendimentos reais (12 meses findos em setembro) • Ocupados: 0,3% • Assalariados: - 3,1%
  • 20. SÍNTESE DOS INDICADORES – Outubro/2017 MERCADO DE TRABALHO CONJUNTURA (Mês) TENDÊNCIA (12 meses) RMPA • Ocupação: redução; • Taxa de desemprego: aumento • Rendimento (setembro): redução para ocupados e assalariados e relativa estabilidade para os autônomos; • Massa de Rendimento (setembro): aumento para ocupados e assalariados. • Ocupação: redução; • Taxa de desemprego: aumento; • Rendimento (setembro): aumento para os ocupados e autônomos e redução para os assalariados; • Massa de Rendimento (setembro): aumento para ocupados e redução assalariados.