SlideShare uma empresa Scribd logo
Construindo uma educação para toda a vida.
Há 59 anos

Construindo uma educação
para toda a vida
Missionárias do Santíssimo Sacramento e Maria
Imaculada
A Associação Educativa e Cultural Maria


Emilia é a Entidade Mantenedora dos
Centros de Educação dirigidos pelas
Missionárias do Santíssimo Sacramento
e Maria Imaculada. Constitui-se como

Entidade

Civil,

Filantrópica

e

de

Assistência Social, características que a
qualificam,

dando-lhe

identidade

e

referência junto ao contexto social em
que

atua.

A

Congregação

Religiosa

Missionária do Santíssimo Sacramento e
Maria Imaculada teve sua origem na

cidade de Granada, Espanha, e foi
fundada no dia 25 de março de 1896, por

Maria Emilia Riquelme y Zayas.


Para Maria Emília, o colégio é um trampolim para que as crianças,
jovens e adultos conheçam e amem a Jesus e a Maria Imaculada em
sua missão de Mãe do Filho de Deus;



a projeção dessa dupla referência será o ambiente de essencial
respeito de uns pelos outros, de amor manifestado em forma de
carinho, bondade, compreensão e partilha;



A educação para ela, deve saber unificar ternura e exigência, amor e
justiça;



Seu talento de educadora vai consolidar-se na dedicação à formação
das crianças, jovens e adultos, onde a ternura e a delicadeza são
transmitidas com vital energia.
O CNSC


O Colégio Nossa Senhora da Conceição,
inaugurado em 8 de março de 1954, é uma
instituição Cristã e confessionalmente Católica
e encontra sua razão de ser e de atuar nos
princípios do cristianismo.

 Parte da fé em Jesus Cristo, que
propõe o caminho do amor e do
diálogo entre as pessoas e a
construção do que Ele chamou de
Reino de Deus, e que se assenta na
paz, no encontro e no respeito
profundo ao diferente e às diferentes
culturas.

 Mantido pela Associação Educativa e Cultural
Maria Emília, o colégio é uma instituição cristã
confessionalmente católica. Tem como misão oferecer
uma educação de qualdiade que possibilite ao
educando aprender, viver, ser e atua no mundo com
autonomia,
criticidade
e
desenvolver
suas
potencialidades de forma integradora, relacionando
conteúdo e vida com os princípios cristãos.
Proposta Pedagógica:
Para o desenvolvimento da educação almejada, objetivamos:


Contemplar a pessoa humana de maneira integral e interromper o ciclo da
insensibilidade proveniente do egoísmo, evidenciando a solidariedade como uma forma
de combatê-lo.



Criar condições para a formação dos estudantes, com base nos princípios-valores do
amor, da caridade, da alegria, do respeito, da humildade, do acolhimento e da
liberdade.



Criar condições para a convivência, valorizando as diferenças.



Proporcionar a construção do conhecimento ajustado aos estudantes, e às suas
capacidades afetiva, cognitiva e espiritual, bem como às demais capacidades que se
originam dessas: ética, estética, relacional e de inserção social.



Construir estratégias motivadoras que visem à aprendizagem, por meio também das
tecnologias da informação e da comunicação.



Desenvolver uma pedagogia contextualizada e criativa que contribua com a formação, a
autonomia e a emancipação do sujeito crítico e comprometido com a transformação
social.
Princípios e Valores:
CARIDADE

ALEGRIA

RESPEITO

HUMILDADE

LIBERDADE

ACOLHIMENTO

AMOR

Só o amor não morre.
Maria Emilia Riquelme
ORGANOGRAMA INSTITUCIONAL

Apêndice E

Mantenedora

Diretora

Ir. Queila

Vice-direção

Ir. Jociana

Marize, Melina,
Maria Clara

Coord. Geral
do Trabalho
Pedagógico

Associação

Colegiados

Secretaria

Ir. Jociana

BIBLIOTECA

SECOP

Elma

Patrícia Paula e
Marina
Betânea, Jaguaraci,
Conceição, Josué,
Andréa

SORPA

Deyse
e

SEDIM

Sara e Denivaldo

Professores

Func. Adm
Func. Serviços
Gerais

Silvana, Júnior,
Nadir, Ildeci, Liane

NAPE

NAPEC

Rafaela

Leônidas

Nelson, Danilo e
Priscilla

SEFE

Roberta e Victor

FINANCEIRO
e CONTÁBIL
ALMOX. ,
PATRIMÔNIO
e COMPRAS

LIMPEZA

Adriana, Cátia e
Daniela

SETED e
COMUNIC. e
MARKETING

Ana Caroline

Coordenador
Geral do Ad.Financeiro

MANUTENÇÃO

SERV. SOCIAL

Elma e Cíntia
Rita, Valquiria, Raimunda,
Aline, Daniel, Ana Cristina,
Joseane, Roseane, Ana Carla

Antônio, André,
Nivaldo, Roberto
Ribeiro, Edimilson,
Henrique, Roberto
Souza

SET. PESSOAL,
SEGURANÇA E
MED. TRAB

SEGURANÇA
e
TRANSPORTE
Sistema de avaliação
MF =

M1ª Unid X 2 + M2ª Unid x 3 + M3ª Unid X 2 + M4ª Unid x 3
10

MF =

10 x 2 + 10 x 3 + 10 x 2 + 10 x 3
10

6,2 x 2 + 7,8 x 3 + 7,0 x 2 + 7,4 x 3 = 12,4 + 23,4 + 14 + 22,2 =

72 pontos / 10 = 7,2 ( Média Final)
Fardamento:

TÊNIS:

Branco

Preto

Azul-marinho
NAPE – Núcleo de apoio
psicoeducacional
NAPEC – núcleo de apoio e
estímulo a convivência
SECOP – Setor de coordenação
pedagógica


Educação Infantil –
Grupo 3 – 2 turmas
Grupo 4 – 2 turmas
Grupo 5 – 2 turmas
Grupo 6 – 3 turmas
1 coordenadora, 4
auxiliares e 3 apoios.
Atividades
complementares

Metodologia

-

interacionista sócio-histórica,

onde o aluno aprende relacionando-se com o
meio. O professor é o intermediador da
aprendizagem.
Nós aprendemos através das brincadeiras, lúdico,
experiências nas relações sociais, na interação
aluno –escola, aluno –aluno e todo o processo
histórico ao qual ele passou para chegar à
aprendizagem do meio. Intenso trabalho com
pedagogia de projetos.

Avaliação – portifólio
Atendimento – pedagógico, psicomotor e
espiritual


Fundamental I e II2º ano – 3
3º ano – 3
4º ano – 4
5º ano – 4
1 coordenadora, 22
professores

Atividades
complementares:
Ensino Religioso, Ed.
Física, informática,
teatro, inglês,

Língua Portuguesa
Matemática
História
Geografia
Ciências
Ed. Física
Ens. Religioso
Arte
Inglês
Nape
Redação
Projetos interdisciplinares
Atividades integradas
Celebrações do
calendário nacional

5ª série – 5
6ª série – 4
7ª série – 4
8ª série – 4

2 coordenadores, xx
professores,
atendimento
pedagógico,
orientação
educacional


Ensino Médio
1ª série – 3
2ª série – 3
3ª série – 2
1 coordenadora, 17 professores,
orientação vocacional, preparação
para vestibular

Linguagem e suas
tecnologias
Matemática e suas
tecnologias
Ciências da natureza
Construindo uma educação para toda a vida.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Colégio Nossa Senhora da Conceição

Unidade 1 a construção histórica do conceito de transversalidade
Unidade 1   a construção histórica do conceito de transversalidadeUnidade 1   a construção histórica do conceito de transversalidade
Unidade 1 a construção histórica do conceito de transversalidade
SimoneHelenDrumond
 
Externato da Imaculada Conceição Portugal
Externato da Imaculada Conceição PortugalExternato da Imaculada Conceição Portugal
Externato da Imaculada Conceição Portugal
Red de centros EDUCAMISSAMI
 
Externato da imaculada conceição - Portugal
Externato da imaculada conceição - PortugalExternato da imaculada conceição - Portugal
Externato da imaculada conceição - Portugal
Davinia Martínez
 
Historico EHC
Historico EHCHistorico EHC
Relatoriopppunicid
RelatoriopppunicidRelatoriopppunicid
Relatoriopppunicid
lillianmello
 
Maria Lucia Luzzardi
Maria Lucia LuzzardiMaria Lucia Luzzardi
Maria Lucia Luzzardi
marialucialuzzardi
 
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto BaseCampanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
johnnytuka
 
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
Educação Infantil
 
modelo-de-projeto-politico-pedagogico
modelo-de-projeto-politico-pedagogicomodelo-de-projeto-politico-pedagogico
modelo-de-projeto-politico-pedagogico
José Antonio Ferreira da Silva
 
Educação infantil
Educação infantilEducação infantil
Educação infantil
angelamesfreire2015
 
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de OsascoMetodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
lourivalcaburite
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
Claudia Tedesco da Rocha
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
Claudia Tedesco da Rocha
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
Claudia Tedesco da Rocha
 
Modelo de-projeto-politico-pedagogico
Modelo de-projeto-politico-pedagogicoModelo de-projeto-politico-pedagogico
Modelo de-projeto-politico-pedagogico
gioguima
 
Pedagogia afetiva
Pedagogia afetivaPedagogia afetiva
Pedagogia afetiva
ANDREIADIAS116
 
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantil
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantilDiretrizes curriculares nacionais para educação infantil
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantil
EMEI Julio Alves Pereira
 
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
ANA GRALHEIRO
 
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
AMG Sobrenome
 
Artigo acadêmico piaget e vigotsky
Artigo acadêmico   piaget e vigotskyArtigo acadêmico   piaget e vigotsky
Artigo acadêmico piaget e vigotsky
Gladis Maia
 

Semelhante a Colégio Nossa Senhora da Conceição (20)

Unidade 1 a construção histórica do conceito de transversalidade
Unidade 1   a construção histórica do conceito de transversalidadeUnidade 1   a construção histórica do conceito de transversalidade
Unidade 1 a construção histórica do conceito de transversalidade
 
Externato da Imaculada Conceição Portugal
Externato da Imaculada Conceição PortugalExternato da Imaculada Conceição Portugal
Externato da Imaculada Conceição Portugal
 
Externato da imaculada conceição - Portugal
Externato da imaculada conceição - PortugalExternato da imaculada conceição - Portugal
Externato da imaculada conceição - Portugal
 
Historico EHC
Historico EHCHistorico EHC
Historico EHC
 
Relatoriopppunicid
RelatoriopppunicidRelatoriopppunicid
Relatoriopppunicid
 
Maria Lucia Luzzardi
Maria Lucia LuzzardiMaria Lucia Luzzardi
Maria Lucia Luzzardi
 
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto BaseCampanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
Campanha da Fraternidade 2022 - Resumo do Texto Base
 
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
Slide "As especificidades da ação pedagógica com bebês" Pós Graduação
 
modelo-de-projeto-politico-pedagogico
modelo-de-projeto-politico-pedagogicomodelo-de-projeto-politico-pedagogico
modelo-de-projeto-politico-pedagogico
 
Educação infantil
Educação infantilEducação infantil
Educação infantil
 
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de OsascoMetodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
Metodologia de ensino Colegio Nossa senhora de Osasco
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
 
Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]Missão%20da%20escola[1]
Missão%20da%20escola[1]
 
Modelo de-projeto-politico-pedagogico
Modelo de-projeto-politico-pedagogicoModelo de-projeto-politico-pedagogico
Modelo de-projeto-politico-pedagogico
 
Pedagogia afetiva
Pedagogia afetivaPedagogia afetiva
Pedagogia afetiva
 
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantil
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantilDiretrizes curriculares nacionais para educação infantil
Diretrizes curriculares nacionais para educação infantil
 
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
 
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
Projetos educativo e curricular do agrupamento 2011 13
 
Artigo acadêmico piaget e vigotsky
Artigo acadêmico   piaget e vigotskyArtigo acadêmico   piaget e vigotsky
Artigo acadêmico piaget e vigotsky
 

Mais de Davinia Martínez

Encuentro vocacional en Bolivia2014
Encuentro vocacional en Bolivia2014Encuentro vocacional en Bolivia2014
Encuentro vocacional en Bolivia2014
Davinia Martínez
 
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò colombia
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò   colombiaExperiencia misionera en la diócesis de quibdò   colombia
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò colombia
Davinia Martínez
 
Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
 Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
Davinia Martínez
 
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Davinia Martínez
 
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Davinia Martínez
 
Encuentro mel 2014
Encuentro mel 2014Encuentro mel 2014
Encuentro mel 2014
Davinia Martínez
 
Profissão Laurenice
Profissão LaureniceProfissão Laurenice
Profissão Laurenice
Davinia Martínez
 
Preparação para votos perpétuos de Ir. Laura
Preparação para votos perpétuos de Ir. LauraPreparação para votos perpétuos de Ir. Laura
Preparação para votos perpétuos de Ir. Laura
Davinia Martínez
 
Invitación profesión yolanda
Invitación profesión yolandaInvitación profesión yolanda
Invitación profesión yolanda
Davinia Martínez
 
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
Davinia Martínez
 
Profesión perpetua María Guadalupe Rico
Profesión perpetua María Guadalupe RicoProfesión perpetua María Guadalupe Rico
Profesión perpetua María Guadalupe Rico
Davinia Martínez
 
Profesion perpetua de Guadalupe
Profesion perpetua de GuadalupeProfesion perpetua de Guadalupe
Profesion perpetua de Guadalupe
Davinia Martínez
 
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentroComunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
Davinia Martínez
 
Testimonio vocacional de Raydel
Testimonio vocacional de RaydelTestimonio vocacional de Raydel
Testimonio vocacional de Raydel
Davinia Martínez
 
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
Davinia Martínez
 
Mensagem do santo padre francisco
Mensagem do santo padre franciscoMensagem do santo padre francisco
Mensagem do santo padre francisco
Davinia Martínez
 
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
Davinia Martínez
 
Encuentro educamissami febrero 2014
Encuentro educamissami febrero 2014Encuentro educamissami febrero 2014
Encuentro educamissami febrero 2014
Davinia Martínez
 
Colégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
Colégio Santíssimo Sacramento de AlagoinhasColégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
Colégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
Davinia Martínez
 
Centro social são josé - Salvador (Brasil)
Centro social são josé - Salvador (Brasil)Centro social são josé - Salvador (Brasil)
Centro social são josé - Salvador (Brasil)
Davinia Martínez
 

Mais de Davinia Martínez (20)

Encuentro vocacional en Bolivia2014
Encuentro vocacional en Bolivia2014Encuentro vocacional en Bolivia2014
Encuentro vocacional en Bolivia2014
 
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò colombia
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò   colombiaExperiencia misionera en la diócesis de quibdò   colombia
Experiencia misionera en la diócesis de quibdò colombia
 
Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
 Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
Folheto vocacional com reflexão do evangelho do 4ª domingo
 
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
 
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!Gracias señor, por la vocación de mariela!!
Gracias señor, por la vocación de mariela!!
 
Encuentro mel 2014
Encuentro mel 2014Encuentro mel 2014
Encuentro mel 2014
 
Profissão Laurenice
Profissão LaureniceProfissão Laurenice
Profissão Laurenice
 
Preparação para votos perpétuos de Ir. Laura
Preparação para votos perpétuos de Ir. LauraPreparação para votos perpétuos de Ir. Laura
Preparação para votos perpétuos de Ir. Laura
 
Invitación profesión yolanda
Invitación profesión yolandaInvitación profesión yolanda
Invitación profesión yolanda
 
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
Renovación de votos de yolanda y vicky 11 2-14
 
Profesión perpetua María Guadalupe Rico
Profesión perpetua María Guadalupe RicoProfesión perpetua María Guadalupe Rico
Profesión perpetua María Guadalupe Rico
 
Profesion perpetua de Guadalupe
Profesion perpetua de GuadalupeProfesion perpetua de Guadalupe
Profesion perpetua de Guadalupe
 
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentroComunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
Comunicación al servicio de una auténtica cultura del encuentro
 
Testimonio vocacional de Raydel
Testimonio vocacional de RaydelTestimonio vocacional de Raydel
Testimonio vocacional de Raydel
 
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
Palabra en carne viva 2013 14 ciclo a. 2
 
Mensagem do santo padre francisco
Mensagem do santo padre franciscoMensagem do santo padre francisco
Mensagem do santo padre francisco
 
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
Mensaje 51 jornada oración vocaciones 2014
 
Encuentro educamissami febrero 2014
Encuentro educamissami febrero 2014Encuentro educamissami febrero 2014
Encuentro educamissami febrero 2014
 
Colégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
Colégio Santíssimo Sacramento de AlagoinhasColégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
Colégio Santíssimo Sacramento de Alagoinhas
 
Centro social são josé - Salvador (Brasil)
Centro social são josé - Salvador (Brasil)Centro social são josé - Salvador (Brasil)
Centro social são josé - Salvador (Brasil)
 

Último

Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
pattyhsilva271204
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
shirleisousa9166
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
GrazielaTorrezan
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
marcos oliveira
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
Espanhol Online
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
antonio carlos
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
marcos oliveira
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
mozalgebrista
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Luzia Gabriele
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Mary Alvarenga
 

Último (20)

Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdfApostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
Apostila em LIBRAS - Curso Básico ENAP 2019.pdf
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
escrita criativa utilizada na arteterapia
escrita criativa   utilizada na arteterapiaescrita criativa   utilizada na arteterapia
escrita criativa utilizada na arteterapia
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redaçãoRedação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
Redação e Leitura - Entenda o texto expositivo na redação
 
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdfoficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
oficia de construção de recursos para aluno DI.pdf
 
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
Slides Lição 2, Betel, A Igreja e a relevância, para a adoração verdadeira no...
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
A experiência do professor. Publicado EM 08.07.2024
 
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1)  educação infantil fu...
1°ao5°ano_HISTÓRIA_ORGANIZADOR CURRICULAR BIMESTRAL (1) educação infantil fu...
 
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
Folha de Atividades (Virei Super-Herói! Projeto de Edição de Fotos) com Grade...
 
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
Resolução do Exame de Biologia UEM - 2008.
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsxNoite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
Noite Alva! José Ernesto Ferraresso.ppsx
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
Operações de adição, subtração, multiplicação e divisão.
 

Colégio Nossa Senhora da Conceição

  • 1. Construindo uma educação para toda a vida.
  • 2. Há 59 anos Construindo uma educação para toda a vida
  • 3. Missionárias do Santíssimo Sacramento e Maria Imaculada A Associação Educativa e Cultural Maria  Emilia é a Entidade Mantenedora dos Centros de Educação dirigidos pelas Missionárias do Santíssimo Sacramento e Maria Imaculada. Constitui-se como Entidade Civil, Filantrópica e de Assistência Social, características que a qualificam, dando-lhe identidade e referência junto ao contexto social em que atua. A Congregação Religiosa Missionária do Santíssimo Sacramento e Maria Imaculada teve sua origem na cidade de Granada, Espanha, e foi fundada no dia 25 de março de 1896, por Maria Emilia Riquelme y Zayas.
  • 4.  Para Maria Emília, o colégio é um trampolim para que as crianças, jovens e adultos conheçam e amem a Jesus e a Maria Imaculada em sua missão de Mãe do Filho de Deus;  a projeção dessa dupla referência será o ambiente de essencial respeito de uns pelos outros, de amor manifestado em forma de carinho, bondade, compreensão e partilha;  A educação para ela, deve saber unificar ternura e exigência, amor e justiça;  Seu talento de educadora vai consolidar-se na dedicação à formação das crianças, jovens e adultos, onde a ternura e a delicadeza são transmitidas com vital energia.
  • 5. O CNSC  O Colégio Nossa Senhora da Conceição, inaugurado em 8 de março de 1954, é uma instituição Cristã e confessionalmente Católica e encontra sua razão de ser e de atuar nos princípios do cristianismo.  Parte da fé em Jesus Cristo, que propõe o caminho do amor e do diálogo entre as pessoas e a construção do que Ele chamou de Reino de Deus, e que se assenta na paz, no encontro e no respeito profundo ao diferente e às diferentes culturas.  Mantido pela Associação Educativa e Cultural Maria Emília, o colégio é uma instituição cristã confessionalmente católica. Tem como misão oferecer uma educação de qualdiade que possibilite ao educando aprender, viver, ser e atua no mundo com autonomia, criticidade e desenvolver suas potencialidades de forma integradora, relacionando conteúdo e vida com os princípios cristãos.
  • 6. Proposta Pedagógica: Para o desenvolvimento da educação almejada, objetivamos:  Contemplar a pessoa humana de maneira integral e interromper o ciclo da insensibilidade proveniente do egoísmo, evidenciando a solidariedade como uma forma de combatê-lo.  Criar condições para a formação dos estudantes, com base nos princípios-valores do amor, da caridade, da alegria, do respeito, da humildade, do acolhimento e da liberdade.  Criar condições para a convivência, valorizando as diferenças.  Proporcionar a construção do conhecimento ajustado aos estudantes, e às suas capacidades afetiva, cognitiva e espiritual, bem como às demais capacidades que se originam dessas: ética, estética, relacional e de inserção social.  Construir estratégias motivadoras que visem à aprendizagem, por meio também das tecnologias da informação e da comunicação.  Desenvolver uma pedagogia contextualizada e criativa que contribua com a formação, a autonomia e a emancipação do sujeito crítico e comprometido com a transformação social.
  • 8. ORGANOGRAMA INSTITUCIONAL Apêndice E Mantenedora Diretora Ir. Queila Vice-direção Ir. Jociana Marize, Melina, Maria Clara Coord. Geral do Trabalho Pedagógico Associação Colegiados Secretaria Ir. Jociana BIBLIOTECA SECOP Elma Patrícia Paula e Marina Betânea, Jaguaraci, Conceição, Josué, Andréa SORPA Deyse e SEDIM Sara e Denivaldo Professores Func. Adm Func. Serviços Gerais Silvana, Júnior, Nadir, Ildeci, Liane NAPE NAPEC Rafaela Leônidas Nelson, Danilo e Priscilla SEFE Roberta e Victor FINANCEIRO e CONTÁBIL ALMOX. , PATRIMÔNIO e COMPRAS LIMPEZA Adriana, Cátia e Daniela SETED e COMUNIC. e MARKETING Ana Caroline Coordenador Geral do Ad.Financeiro MANUTENÇÃO SERV. SOCIAL Elma e Cíntia Rita, Valquiria, Raimunda, Aline, Daniel, Ana Cristina, Joseane, Roseane, Ana Carla Antônio, André, Nivaldo, Roberto Ribeiro, Edimilson, Henrique, Roberto Souza SET. PESSOAL, SEGURANÇA E MED. TRAB SEGURANÇA e TRANSPORTE
  • 9. Sistema de avaliação MF = M1ª Unid X 2 + M2ª Unid x 3 + M3ª Unid X 2 + M4ª Unid x 3 10 MF = 10 x 2 + 10 x 3 + 10 x 2 + 10 x 3 10 6,2 x 2 + 7,8 x 3 + 7,0 x 2 + 7,4 x 3 = 12,4 + 23,4 + 14 + 22,2 = 72 pontos / 10 = 7,2 ( Média Final)
  • 11. NAPE – Núcleo de apoio psicoeducacional
  • 12. NAPEC – núcleo de apoio e estímulo a convivência
  • 13. SECOP – Setor de coordenação pedagógica  Educação Infantil – Grupo 3 – 2 turmas Grupo 4 – 2 turmas Grupo 5 – 2 turmas Grupo 6 – 3 turmas 1 coordenadora, 4 auxiliares e 3 apoios. Atividades complementares Metodologia - interacionista sócio-histórica, onde o aluno aprende relacionando-se com o meio. O professor é o intermediador da aprendizagem. Nós aprendemos através das brincadeiras, lúdico, experiências nas relações sociais, na interação aluno –escola, aluno –aluno e todo o processo histórico ao qual ele passou para chegar à aprendizagem do meio. Intenso trabalho com pedagogia de projetos. Avaliação – portifólio Atendimento – pedagógico, psicomotor e espiritual
  • 14.  Fundamental I e II2º ano – 3 3º ano – 3 4º ano – 4 5º ano – 4 1 coordenadora, 22 professores Atividades complementares: Ensino Religioso, Ed. Física, informática, teatro, inglês, Língua Portuguesa Matemática História Geografia Ciências Ed. Física Ens. Religioso Arte Inglês Nape Redação Projetos interdisciplinares Atividades integradas Celebrações do calendário nacional 5ª série – 5 6ª série – 4 7ª série – 4 8ª série – 4 2 coordenadores, xx professores, atendimento pedagógico, orientação educacional
  • 15.  Ensino Médio 1ª série – 3 2ª série – 3 3ª série – 2 1 coordenadora, 17 professores, orientação vocacional, preparação para vestibular Linguagem e suas tecnologias Matemática e suas tecnologias Ciências da natureza
  • 16. Construindo uma educação para toda a vida.