SlideShare uma empresa Scribd logo
Formação de AcólitosAcessórisoLiturgicosParóquia Nossa Senhora de Lourde – igreja de São Miguel
1. Vasos LitúrgicoCálice - é a taça onde se põe o vinho e um pouco de água, e se faz aconsagração.
1. Vasos LitúrgicoPatena - é um recipiente em forma de prato pequeno, onde se põe o pão que vai serconsagrado.
1. Vasos Litúrgicocibório ou âmbula - é o recipiente em forma de copo no qual se põem as partículas, e no qual se guardam no sacrário. (também chamado Píxide).
1. Vasos LitúrgicoTeca -  pequeno recipiente onde se levam as hóstias consagradas para a comunhão dos doentes.
1. Vasos LitúrgicoCustódia - é um objeto de metal, onde se coloca a hóstia grande consagrada, para que os fiéis adorem o Corpo de Cristo. A custódia usa-sena exposição solene do Santíssimo Sacramento e nas procissões eucarísticas. (Também chamado de ostensório).
1. Vasos LitúrgicoVasos dos santos òleos– Pequenos recipientes usados para guardar o óleo do batismo, do crisma e dos enfermos .
1. Vasos LitúrgicoGalhetas – são os dois pequenos recipientes com o vinho e a água que os acólitoslevam ao altar no momento da preparação dos dons.
1. Vasos LitúrgicoTuríbulo e naveta– é onde se queima o incenso e a naveta, é o recipiente onde se leva o incenso.
1. Vasos LitúrgicoLavabo – é o conjunto formado por uma bacia e um cântaro usado para a purificação das mãos do sacerdote no momento das oferendas.
1. Vasos LitúrgicoHissope e Caldeirinha – é o objeto de metal com o qual se asperge a água benta sobre aspessoas, os lugares e as coisas. Está habitualmente dentro da caldeirinha de água benta.
2. Panos de AltarCorporal– é um paninho de linho quadrado onde se colocam diretamente o cálice e apatena sobre o mesmo para a consagração.
2. Panos de AltarSanguíneo – é um paninho de linho  pequeno que serve paralimpar e enxugar o cálice e a patena depois
2. Panos de AltarManustérgio– é uma pequena toalha usada para enxugar as mãos durante o ofetório
2. Panos de AltarPala – é um pequeno retângulo de pano de linho com que se pode cobrir o cálice, pode-se usa-lo nas core do tempo.
2. Panos de AltarToalhas do altar – são usadas para cobrir o altar dignificando-o, podem ser também de acordo com as cores do tempo.
3. Vestes LitúrgicasTúnica ou alva – é a veste branca que cobre todo o corpo e é comum a todos os sacerdotes e acólitos.
3. Vestes LiturgicasAmito– é um pano branco que se pode colocar por debaixo da alva em volta do pescoço, para cobrir perfeitamente a gola da camisa.
3. Vestes Litúrgicasestola– é  uma peça comprida e estreita de pano, da cor litúrgica do dia, que se põesobre a alva.
3. Vestes LitúrgicasCasula -  é a veste ampla, branca ou de outra cor, aberta dos lados e sem mangas.Usam-na o bispo e o presbítero na missa.
3. Vestes LitúrgicasCapa de Asperge -  é a uma capa usada principalmente durante a benção do Santíssimo, conhecida com capa pluvial.
3. Vestes LitúrgicasVéu umeral -  é a um véu que recai sobre os ombros, com o qual o sacerdote utiliza junto com a capa nos momentos de adoração e benção do Santíssimo .
3. Vestes Litúrgicasdalmática -  é   uma veste solene, com meias mangas, que o diácono pode usar.
3. Vestes LitúrgicasSobrepeliz -  é   umaespécie de alva mais curta com mangas que os sacerdotes usam sobre a batina, quando em funções litúrgicas, sendo diferente do roquete que o qual não tem mangas
3. Vestes LitúrgicasMitra -  é uma  insígnia com que os bispos cobrem a cabeça em certos momentos das celebrações litúrgicas.
3. Vestes LitúrgicasCíngulo -  é  o cordão branco com que se aperta a alva quando ela não se ajustacompletamente ao corpo.
3. Vestes Litúrgicassolideu -  é  um pequeno barrete, de cor violeta para os bispos, vermelha para os cardeais e branca para o Papa.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
Nildo Lukas
 
A missa– parte por parte
A missa– parte por parteA missa– parte por parte
A missa– parte por parte
Jean
 
Curso de liturgia
Curso de liturgiaCurso de liturgia
Curso de liturgia
mbsilva1971
 
Missa
MissaMissa
Missa
nyllolucas
 
Semana santa formação
Semana santa formaçãoSemana santa formação
Semana santa formação
mbsilva1971
 
Eucaristia
EucaristiaEucaristia
Eucaristia
Jean
 
Ano liturgico.ritmos
Ano liturgico.ritmosAno liturgico.ritmos
Ano liturgico.ritmos
Ramon Gimenez
 
Liturgia
LiturgiaLiturgia
Liturgia
Samuel Elanio
 
Celebrações da Semana Santa
Celebrações da Semana SantaCelebrações da Semana Santa
Celebrações da Semana Santa
Sandro Rezende
 
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
Agostinho Silva
 
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e CerimoniáriosApostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
Karina Lima
 
Apostila do curso de liturgia
Apostila do curso de liturgiaApostila do curso de liturgia
Apostila do curso de liturgia
Simone Oliveira
 
Formação em Liturgia
Formação em LiturgiaFormação em Liturgia
Formação em Liturgia
iaymesobrino
 
A santa missa parte por parte
A santa missa parte por parteA santa missa parte por parte
A santa missa parte por parte
Francisco Rodrigues
 
Missa parte por parte
Missa parte por parteMissa parte por parte
Missa parte por parte
Nahor Lopes de Souza Junior
 
Solenidade, festa e memoria
Solenidade, festa e memoriaSolenidade, festa e memoria
Solenidade, festa e memoria
Jean
 
A Santa Missa
A Santa MissaA Santa Missa
missal passo a passo
missal passo a passomissal passo a passo
missal passo a passo
naejanamor
 
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro ppsFormação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
José Luiz Silva Pinto
 
Formação de Liturgia - 03/11/2013
Formação de Liturgia - 03/11/2013Formação de Liturgia - 03/11/2013
Formação de Liturgia - 03/11/2013
eusouaimaculada
 

Mais procurados (20)

Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
Objetoseparamentoslitrgicos 110804143826-phpapp01
 
A missa– parte por parte
A missa– parte por parteA missa– parte por parte
A missa– parte por parte
 
Curso de liturgia
Curso de liturgiaCurso de liturgia
Curso de liturgia
 
Missa
MissaMissa
Missa
 
Semana santa formação
Semana santa formaçãoSemana santa formação
Semana santa formação
 
Eucaristia
EucaristiaEucaristia
Eucaristia
 
Ano liturgico.ritmos
Ano liturgico.ritmosAno liturgico.ritmos
Ano liturgico.ritmos
 
Liturgia
LiturgiaLiturgia
Liturgia
 
Celebrações da Semana Santa
Celebrações da Semana SantaCelebrações da Semana Santa
Celebrações da Semana Santa
 
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
Reunião dos-coroinhas-14-03-2015
 
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e CerimoniáriosApostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
Apostila Oficial - Coroinhas, Acólitos e Cerimoniários
 
Apostila do curso de liturgia
Apostila do curso de liturgiaApostila do curso de liturgia
Apostila do curso de liturgia
 
Formação em Liturgia
Formação em LiturgiaFormação em Liturgia
Formação em Liturgia
 
A santa missa parte por parte
A santa missa parte por parteA santa missa parte por parte
A santa missa parte por parte
 
Missa parte por parte
Missa parte por parteMissa parte por parte
Missa parte por parte
 
Solenidade, festa e memoria
Solenidade, festa e memoriaSolenidade, festa e memoria
Solenidade, festa e memoria
 
A Santa Missa
A Santa MissaA Santa Missa
A Santa Missa
 
missal passo a passo
missal passo a passomissal passo a passo
missal passo a passo
 
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro ppsFormação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
Formação para Ministros Extraordinário da Palavra 17° encontro pps
 
Formação de Liturgia - 03/11/2013
Formação de Liturgia - 03/11/2013Formação de Liturgia - 03/11/2013
Formação de Liturgia - 03/11/2013
 

Semelhante a Formação de acólitos

Vocabulário dos Acólitos
Vocabulário dos AcólitosVocabulário dos Acólitos
Vocabulário dos Acólitos
arceuseragon
 
Formacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
Formacao_Acolitos_Paroquia_AlcobacaFormacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
Formacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
paroquiadealcobaca
 
Formação para acólitos
Formação para acólitosFormação para acólitos
Formação para acólitos
eduardomayer11
 
Símbolos litúrgicos
Símbolos litúrgicosSímbolos litúrgicos
Símbolos litúrgicos
Capixaba Vix
 
Curso basico
Curso basicoCurso basico
Curso basico
Marcos Moraes
 
Formação litúrgica 2017 VS CMC
Formação litúrgica 2017 VS CMCFormação litúrgica 2017 VS CMC
Formação litúrgica 2017 VS CMC
Victor Silvestre
 
Objetos litúrgicos.pptx
Objetos litúrgicos.pptxObjetos litúrgicos.pptx
Objetos litúrgicos.pptx
MarianaPaulino10
 
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptxFORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
odairmarques5
 
Objetos liturgicosii
Objetos liturgicosiiObjetos liturgicosii
Objetos liturgicosii
Maria Antonieta Silva
 
3 objetos-liturgicos
3 objetos-liturgicos3 objetos-liturgicos
3 objetos-liturgicos
SITEclarissasmarilia
 
Domingo de ramos - forma extraordinária do rito romano
Domingo de ramos -   forma extraordinária do rito romanoDomingo de ramos -   forma extraordinária do rito romano
Domingo de ramos - forma extraordinária do rito romano
Francisco Ferreira
 
Cards Altar Família Católica
Cards Altar Família CatólicaCards Altar Família Católica
Cards Altar Família Católica
Maria Antonieta Silva
 
Os símbolos litúrgicos
Os símbolos litúrgicosOs símbolos litúrgicos
Os símbolos litúrgicos
Juliana Cristina M. Muniz
 
4 paramentos-liturgicos-e-vestes
4 paramentos-liturgicos-e-vestes4 paramentos-liturgicos-e-vestes
4 paramentos-liturgicos-e-vestes
SITEclarissasmarilia
 
Objetos e paramentos liturgicos 2
Objetos e paramentos liturgicos 2Objetos e paramentos liturgicos 2
Objetos e paramentos liturgicos 2
Jean
 
1 edificio-sagrado
1 edificio-sagrado1 edificio-sagrado
1 edificio-sagrado
SITEclarissasmarilia
 
Prece de consagração de um altar
Prece de consagração de um altarPrece de consagração de um altar
Prece de consagração de um altar
Cleiton Robson
 
Romanizacao do adventismo
Romanizacao do adventismoRomanizacao do adventismo
Romanizacao do adventismo
ASD Remanescentes
 
Guia para a semana santa (ministros)
Guia para a semana santa (ministros)Guia para a semana santa (ministros)
Guia para a semana santa (ministros)
Direto da Sacristia
 
I formação ministerial 2.0
I formação ministerial 2.0I formação ministerial 2.0
I formação ministerial 2.0
João Pedro Cunha
 

Semelhante a Formação de acólitos (20)

Vocabulário dos Acólitos
Vocabulário dos AcólitosVocabulário dos Acólitos
Vocabulário dos Acólitos
 
Formacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
Formacao_Acolitos_Paroquia_AlcobacaFormacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
Formacao_Acolitos_Paroquia_Alcobaca
 
Formação para acólitos
Formação para acólitosFormação para acólitos
Formação para acólitos
 
Símbolos litúrgicos
Símbolos litúrgicosSímbolos litúrgicos
Símbolos litúrgicos
 
Curso basico
Curso basicoCurso basico
Curso basico
 
Formação litúrgica 2017 VS CMC
Formação litúrgica 2017 VS CMCFormação litúrgica 2017 VS CMC
Formação litúrgica 2017 VS CMC
 
Objetos litúrgicos.pptx
Objetos litúrgicos.pptxObjetos litúrgicos.pptx
Objetos litúrgicos.pptx
 
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptxFORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
FORMAÇÃO LITÚRGICA - MINISTROS EXTRAORDINÁRIOS.pptx
 
Objetos liturgicosii
Objetos liturgicosiiObjetos liturgicosii
Objetos liturgicosii
 
3 objetos-liturgicos
3 objetos-liturgicos3 objetos-liturgicos
3 objetos-liturgicos
 
Domingo de ramos - forma extraordinária do rito romano
Domingo de ramos -   forma extraordinária do rito romanoDomingo de ramos -   forma extraordinária do rito romano
Domingo de ramos - forma extraordinária do rito romano
 
Cards Altar Família Católica
Cards Altar Família CatólicaCards Altar Família Católica
Cards Altar Família Católica
 
Os símbolos litúrgicos
Os símbolos litúrgicosOs símbolos litúrgicos
Os símbolos litúrgicos
 
4 paramentos-liturgicos-e-vestes
4 paramentos-liturgicos-e-vestes4 paramentos-liturgicos-e-vestes
4 paramentos-liturgicos-e-vestes
 
Objetos e paramentos liturgicos 2
Objetos e paramentos liturgicos 2Objetos e paramentos liturgicos 2
Objetos e paramentos liturgicos 2
 
1 edificio-sagrado
1 edificio-sagrado1 edificio-sagrado
1 edificio-sagrado
 
Prece de consagração de um altar
Prece de consagração de um altarPrece de consagração de um altar
Prece de consagração de um altar
 
Romanizacao do adventismo
Romanizacao do adventismoRomanizacao do adventismo
Romanizacao do adventismo
 
Guia para a semana santa (ministros)
Guia para a semana santa (ministros)Guia para a semana santa (ministros)
Guia para a semana santa (ministros)
 
I formação ministerial 2.0
I formação ministerial 2.0I formação ministerial 2.0
I formação ministerial 2.0
 

Mais de Jean

Cruz peregrina da jmj
Cruz peregrina da jmjCruz peregrina da jmj
Cruz peregrina da jmj
Jean
 
Nova era
Nova eraNova era
Nova era
Jean
 
Ano liturgico
Ano liturgicoAno liturgico
Ano liturgico
Jean
 
Introdução aos sacramentos
Introdução aos sacramentosIntrodução aos sacramentos
Introdução aos sacramentos
Jean
 
Repasse do nordestão(liturgia) 1
Repasse do nordestão(liturgia) 1Repasse do nordestão(liturgia) 1
Repasse do nordestão(liturgia) 1
Jean
 
Formação de acólitos
Formação de acólitosFormação de acólitos
Formação de acólitos
Jean
 
Formação de acólitos
Formação de acólitosFormação de acólitos
Formação de acólitos
Jean
 

Mais de Jean (7)

Cruz peregrina da jmj
Cruz peregrina da jmjCruz peregrina da jmj
Cruz peregrina da jmj
 
Nova era
Nova eraNova era
Nova era
 
Ano liturgico
Ano liturgicoAno liturgico
Ano liturgico
 
Introdução aos sacramentos
Introdução aos sacramentosIntrodução aos sacramentos
Introdução aos sacramentos
 
Repasse do nordestão(liturgia) 1
Repasse do nordestão(liturgia) 1Repasse do nordestão(liturgia) 1
Repasse do nordestão(liturgia) 1
 
Formação de acólitos
Formação de acólitosFormação de acólitos
Formação de acólitos
 
Formação de acólitos
Formação de acólitosFormação de acólitos
Formação de acólitos
 

Último

8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.128 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
PIB Penha
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
EzeirAlvesdaSilva
 
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃOgrabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
luartfelt
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
PIB Penha
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
PIB Penha
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
mfixa3824
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
OBrasilParaCristoRad
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
PIB Penha
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
AlexandreJr7
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
PIB Penha
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
PIB Penha
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
OBrasilParaCristoRad
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
PIB Penha
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
PIB Penha
 
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptxO MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
valneirocha
 
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdfCAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
tintcha62
 

Último (20)

8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.128 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
8 - A Palavra de Honra do Cristão.Versículo-Chave: Tiago 5.12
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
 
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃOgrabovoi apostila.pdf  FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
grabovoi apostila.pdf FORMA CORRETA DE UTILIZAÇÃO
 
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
7 - O Casamento Cristão. Mateus 19.6 Assim, eles já não são dois, mas sim uma...
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
5 - A justiça do cristão. Mateus 5.20 Pois eu digo que, se a justiça de vocês...
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
 
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
6 - O ato de Reconciliação do cristão Versículo-Chave: Mateus 5.22.
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
 
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
 
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptxO MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
O MÉTODO DE CRISTO - A DINÂMICA DO TESTEMUNHO.pptx
 
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdfCAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
CAPACITAÇÃO MINISTÉRIO INFANTIL.pptx_20240413_005855_0000.pdf
 

Formação de acólitos

  • 1. Formação de AcólitosAcessórisoLiturgicosParóquia Nossa Senhora de Lourde – igreja de São Miguel
  • 2. 1. Vasos LitúrgicoCálice - é a taça onde se põe o vinho e um pouco de água, e se faz aconsagração.
  • 3. 1. Vasos LitúrgicoPatena - é um recipiente em forma de prato pequeno, onde se põe o pão que vai serconsagrado.
  • 4. 1. Vasos Litúrgicocibório ou âmbula - é o recipiente em forma de copo no qual se põem as partículas, e no qual se guardam no sacrário. (também chamado Píxide).
  • 5. 1. Vasos LitúrgicoTeca - pequeno recipiente onde se levam as hóstias consagradas para a comunhão dos doentes.
  • 6. 1. Vasos LitúrgicoCustódia - é um objeto de metal, onde se coloca a hóstia grande consagrada, para que os fiéis adorem o Corpo de Cristo. A custódia usa-sena exposição solene do Santíssimo Sacramento e nas procissões eucarísticas. (Também chamado de ostensório).
  • 7. 1. Vasos LitúrgicoVasos dos santos òleos– Pequenos recipientes usados para guardar o óleo do batismo, do crisma e dos enfermos .
  • 8. 1. Vasos LitúrgicoGalhetas – são os dois pequenos recipientes com o vinho e a água que os acólitoslevam ao altar no momento da preparação dos dons.
  • 9. 1. Vasos LitúrgicoTuríbulo e naveta– é onde se queima o incenso e a naveta, é o recipiente onde se leva o incenso.
  • 10. 1. Vasos LitúrgicoLavabo – é o conjunto formado por uma bacia e um cântaro usado para a purificação das mãos do sacerdote no momento das oferendas.
  • 11. 1. Vasos LitúrgicoHissope e Caldeirinha – é o objeto de metal com o qual se asperge a água benta sobre aspessoas, os lugares e as coisas. Está habitualmente dentro da caldeirinha de água benta.
  • 12. 2. Panos de AltarCorporal– é um paninho de linho quadrado onde se colocam diretamente o cálice e apatena sobre o mesmo para a consagração.
  • 13. 2. Panos de AltarSanguíneo – é um paninho de linho pequeno que serve paralimpar e enxugar o cálice e a patena depois
  • 14. 2. Panos de AltarManustérgio– é uma pequena toalha usada para enxugar as mãos durante o ofetório
  • 15. 2. Panos de AltarPala – é um pequeno retângulo de pano de linho com que se pode cobrir o cálice, pode-se usa-lo nas core do tempo.
  • 16. 2. Panos de AltarToalhas do altar – são usadas para cobrir o altar dignificando-o, podem ser também de acordo com as cores do tempo.
  • 17. 3. Vestes LitúrgicasTúnica ou alva – é a veste branca que cobre todo o corpo e é comum a todos os sacerdotes e acólitos.
  • 18. 3. Vestes LiturgicasAmito– é um pano branco que se pode colocar por debaixo da alva em volta do pescoço, para cobrir perfeitamente a gola da camisa.
  • 19. 3. Vestes Litúrgicasestola– é uma peça comprida e estreita de pano, da cor litúrgica do dia, que se põesobre a alva.
  • 20. 3. Vestes LitúrgicasCasula - é a veste ampla, branca ou de outra cor, aberta dos lados e sem mangas.Usam-na o bispo e o presbítero na missa.
  • 21. 3. Vestes LitúrgicasCapa de Asperge - é a uma capa usada principalmente durante a benção do Santíssimo, conhecida com capa pluvial.
  • 22. 3. Vestes LitúrgicasVéu umeral - é a um véu que recai sobre os ombros, com o qual o sacerdote utiliza junto com a capa nos momentos de adoração e benção do Santíssimo .
  • 23. 3. Vestes Litúrgicasdalmática - é uma veste solene, com meias mangas, que o diácono pode usar.
  • 24. 3. Vestes LitúrgicasSobrepeliz - é umaespécie de alva mais curta com mangas que os sacerdotes usam sobre a batina, quando em funções litúrgicas, sendo diferente do roquete que o qual não tem mangas
  • 25. 3. Vestes LitúrgicasMitra - é uma insígnia com que os bispos cobrem a cabeça em certos momentos das celebrações litúrgicas.
  • 26. 3. Vestes LitúrgicasCíngulo - é o cordão branco com que se aperta a alva quando ela não se ajustacompletamente ao corpo.
  • 27. 3. Vestes Litúrgicassolideu - é um pequeno barrete, de cor violeta para os bispos, vermelha para os cardeais e branca para o Papa.