SlideShare uma empresa Scribd logo
DESIGN NO ARTESANATO

 Como agregar valor ao produto
       e vender melhor

  Jorge Montaña www.jorgemontana.com
          www.duodiseno.net
Coisa, produto e mercadoria

 • O artesão faz das coisas objetos.
Que é um objeto
• É um elemento que deixou de ser coisa
  e agora tem utilidade.
• A utilidade pode ser prática ou
  decorativa.
• O objeto útil pode ser decorativo.
Que é um produto
• É um objeto que pode ser replicado
• Os artesãos não fazem um produto
  exatamente igual a outro, e isto confere mais
  valor.
• Este valor é derivado do trabalho manual.
Que é uma mercadoria

• É um produto que está no comércio com
  valor percebido pelo cliente e desejado por
  um grupo de consumidores.

• Uma boa mercadoria , está inserida dentro
  de um sistema comercial
Valor- preço
• Toda mercadoria tem um preço, e o
  consumidor paga dependendo do valor que
  tenha para ele.
• Um produto muito “sambado” tem pouco
  valor. O design é a melhor técnica para
  incrementar o valor dos produtos.
Como o design agrega
          valor?
• Design de produto: criando novidades que
  agradem ao consumidor, que atenda seus
  desejos e necessidades, procurando
  diferenciação.
• Design da comunicação: para que o
  consumidor compreenda rapidamente este
  diferencial. ( logotipo, stands, folheto, web-
  site, catálogo, etc....)
Por que pagar mais?




 Devido ao DESIGN
Design no artesanato
Competitividade

• Mais que reduzir custos,
temos que agregar VALOR
Como agregar valor?
-Design diferenciado.
-Boa qualidade e acabamentos.
-Misturando materiais diversos de maneira harmónica.
-Com conceito de linha ou coleção.
-Boa exposição e embalagem.
-Boa comunicação ( catálogo, web-site, exposição).
-Insertando no produto valores culturais.
- Selecionando pontos de venda adequados ao nosso
produto.
Dando Show
Boa exposição
Conceito de coleção




          Harmonia de cores e
          misturas de materiais
          e técnicas, em coisas
          que se necessitam.
Embalagem e
identidade visual
Mistura de
técnicas e
materiais.
Seleção do Ponto de Venda
Diferenciação / tendência

Ter tema
Estar na tendência
Diferenciação
•   Conhecendo e explorando os
    fatores e identidade local.
•   Estes fatores já estão presentes no
    artesanato, falta aproveitá-los, dando-lhes
    valor!


Vejamos exemplos....
Design no artesanato
Personitas-         Bogotá -Colombia

• 300.000 empresas
  urbanas de
  artesanato.
•“Personitas”
são peças de
coleção, só se
produz um
número limitado
de peças com as
mesmas
características, e
n cada modelo.
Cada uma destas
séries são
numeradas e
certificadas.
Design no artesanato
Design no artesanato
Design no artesanato
Porque lhes foi bem:
      Mistura de materiais   Tem nome, marca e imagem
  Alta qualidade                  Tem identidade e
                                  caráter
Conceito de coleção
                                   Embalagem e exposição
 Conhece seu mercado               cuidadosa

                                     Tem una clara
Produto personalizado                estratégia de mercado

                                Seleciona os canais de
Sempre está inovando.
                                comercialização
                             Adaptação a mercados e
   Trabalha em alianças      temporadas
                   NÃO BRIGA POR PREÇO
Origem
Jorge Montaña/Diseño en artesanía
Caráter Local




  Jorge Montaña/El factor local
Jorge Montaña/El factor local
Copiar sem que se note!




      Jorge Montaña/El factor local
personalidade...qual é o mais..?




           Jorge Montaña/El factor local
Identidade




Jorge Montaña/ Artesania y diseño
Personagens
Conceitos




       Fotos Cortesia Móveis Kakakis-PE
       Design: Jorge Montaña
Jogo de bornais do cangaceiro Zé
Baiano, com bordados baseados em
flores da Bahia.
                     Jorge Montaña/ Diseño y artesania
                   Cantil com forro bordado.
Colección Forum, Enero 2001


                         Jorge Montaña/El factor local
Desfile do
                                    Cavalera,
                                    Fashion Week
Jorge Montaña/ Diseño y artesania   2005
Jorge Montaña/El factor local
Jorge Montaña/ Diseño y artesania
Jorge Montaña/El factor local
"Sena está de Moda", Cucúta Colombia Nov 2009
http://www.rldiseno.com/SENA-hace-del-diseno-estrategia




SENA está de moda,
Design no artesanato
"De Boyacá pá sumercé"




               http://www.rldiseno.com/EL-diseno-vuelve-al-artesano
Muebles. El Retiro (Antioquia)
http://www.rldiseno.com/El-diseno-a-partir-de-lo-local
http://www.rldiseno.com/Ecos-de-El-Retiro
Design no artesanato
Design no artesanato
Porém tudo isso não se pode fazer
       em poucas horas…


 Consultoria Participativa:
 1- Formação de grupos por técnicas ou regiões.

 2- Não existem designers, somos facilitadores!

 3 – Todos iguais, disto que vocês sabem, nós
 designers, pouco, quase nada ou nada SABEMOS.

 4- Aprendizagem compartilhada.

 5- Normas: perguntar e validar(checar) sempre!;
 não usar de adjetivos( isto qualifica), sermos
 objetivos; se pode discutir o indiscutível; vale
 tudo, não existem idéias loucas !

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Arte e artesanato
Arte e artesanatoArte e artesanato
Arte e artesanato
Paulo Henrique Breda
 
Artesanato cearense
Artesanato cearenseArtesanato cearense
Artesanato cearense
Marcioveras
 
artesanato
artesanatoartesanato
artesanato
guest71d28b
 
Artesanato
ArtesanatoArtesanato
Artesanato
G. Gomes
 
Design para Inovação Social
Design para Inovação SocialDesign para Inovação Social
Design para Inovação Social
Voël
 
O artesanato
O artesanatoO artesanato
O artesanato
Daniele Duque
 
Aula 02 artesanato, manufatura e indústria
Aula 02   artesanato, manufatura e indústriaAula 02   artesanato, manufatura e indústria
Aula 02 artesanato, manufatura e indústria
Daniel Alves
 
Pintura Pedras
Pintura PedrasPintura Pedras
Pintura Pedras
pinheiroisabel
 
Artesanato com pedras e mãos
Artesanato com pedras e mãosArtesanato com pedras e mãos
Artesanato com pedras e mãos
Daniela Sipert
 
Artesanato (reaproveite tudo)
Artesanato (reaproveite tudo)Artesanato (reaproveite tudo)
Artesanato (reaproveite tudo)
Daniela Sipert
 
Do artesanato à manufatura e à indústria moderna
Do artesanato à manufatura e à indústria modernaDo artesanato à manufatura e à indústria moderna
Do artesanato à manufatura e à indústria moderna
flaviocosac
 
Do artesanato à indústria
Do artesanato à indústriaDo artesanato à indústria
Do artesanato à indústria
Henrique Pontes
 
Aula de Artesanato com Jornais e Revistas
Aula de Artesanato com Jornais e RevistasAula de Artesanato com Jornais e Revistas
Aula de Artesanato com Jornais e Revistas
Manuel Silva
 
Exemplos de inovação
Exemplos de inovaçãoExemplos de inovação
Exemplos de inovação
Giovana_Heidrich
 
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicas
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicasVisoes do vale - Artesanato e políticas públicas
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicas
Maria Dorotea De Aguiar Barros Naddeo
 
Catalogo ASAS 2009
Catalogo ASAS 2009Catalogo ASAS 2009
Tecnologia Artesanal
Tecnologia ArtesanalTecnologia Artesanal
Tecnologia Artesanal
janones
 
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
Universidade Sénior Contemporânea do Porto
 
Artesanato, Indústria
Artesanato, IndústriaArtesanato, Indústria
Artesanato, Indústria
Roberta Sumar
 

Destaque (20)

Arte e artesanato
Arte e artesanatoArte e artesanato
Arte e artesanato
 
Artesanato cearense
Artesanato cearenseArtesanato cearense
Artesanato cearense
 
artesanato
artesanatoartesanato
artesanato
 
Artesanato
ArtesanatoArtesanato
Artesanato
 
Design para Inovação Social
Design para Inovação SocialDesign para Inovação Social
Design para Inovação Social
 
O artesanato
O artesanatoO artesanato
O artesanato
 
Aula 02 artesanato, manufatura e indústria
Aula 02   artesanato, manufatura e indústriaAula 02   artesanato, manufatura e indústria
Aula 02 artesanato, manufatura e indústria
 
Pintura Pedras
Pintura PedrasPintura Pedras
Pintura Pedras
 
Artesanato com pedras e mãos
Artesanato com pedras e mãosArtesanato com pedras e mãos
Artesanato com pedras e mãos
 
Artesanato (reaproveite tudo)
Artesanato (reaproveite tudo)Artesanato (reaproveite tudo)
Artesanato (reaproveite tudo)
 
Do artesanato à manufatura e à indústria moderna
Do artesanato à manufatura e à indústria modernaDo artesanato à manufatura e à indústria moderna
Do artesanato à manufatura e à indústria moderna
 
Powerpoint artesanato
Powerpoint artesanatoPowerpoint artesanato
Powerpoint artesanato
 
Do artesanato à indústria
Do artesanato à indústriaDo artesanato à indústria
Do artesanato à indústria
 
Aula de Artesanato com Jornais e Revistas
Aula de Artesanato com Jornais e RevistasAula de Artesanato com Jornais e Revistas
Aula de Artesanato com Jornais e Revistas
 
Exemplos de inovação
Exemplos de inovaçãoExemplos de inovação
Exemplos de inovação
 
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicas
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicasVisoes do vale - Artesanato e políticas públicas
Visoes do vale - Artesanato e políticas públicas
 
Catalogo ASAS 2009
Catalogo ASAS 2009Catalogo ASAS 2009
Catalogo ASAS 2009
 
Tecnologia Artesanal
Tecnologia ArtesanalTecnologia Artesanal
Tecnologia Artesanal
 
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
Património cultural - Artesanato de Portugal - Artur Filipe dos Santos - Univ...
 
Artesanato, Indústria
Artesanato, IndústriaArtesanato, Indústria
Artesanato, Indústria
 

Semelhante a Design no artesanato

Fazendo design no Nordeste
Fazendo design no NordesteFazendo design no Nordeste
Fazendo design no Nordeste
Jorge Montana
 
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdfAULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
MariadoSocorrodaSilv17
 
Trabalho de conclusão de curso
Trabalho de conclusão de cursoTrabalho de conclusão de curso
Trabalho de conclusão de curso
Design Às Avessas
 
VISÃO 1.pdf
VISÃO 1.pdfVISÃO 1.pdf
VISÃO 1.pdf
SandraMorgado20
 
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO IIIAula07 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO III
Izabel Meister
 
Produção de Embalagens
Produção de EmbalagensProdução de Embalagens
Produção de Embalagens
Renato Melo
 
Marketing de Varejo - Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
Marketing de Varejo -  Aula 7 - Mix de Marketing e ComunicaçãoMarketing de Varejo -  Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
Marketing de Varejo - Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
Ueliton da Costa Leonidio
 
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
Arezzori
 
Gestão em Design - Conceitos - 01
Gestão em Design - Conceitos - 01Gestão em Design - Conceitos - 01
Gestão em Design - Conceitos - 01
Prof.Valdir Soares
 
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene LubiancaCafé com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
Sindilojas Porto Alegre
 
Receita Lucrativa Design
Receita Lucrativa DesignReceita Lucrativa Design
Receita Lucrativa Design
Camila Márcia Contato
 
Palestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
Palestra: Visual Merchandising para o mercado eróticoPalestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
Palestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
Paula Posser
 
Portfolio
PortfolioPortfolio
Portfolio
celiaasdorian
 
Apresentação Perfil Design - Moda Infanto
Apresentação Perfil Design - Moda InfantoApresentação Perfil Design - Moda Infanto
Apresentação Perfil Design - Moda Infanto
Perfil Design
 
Apresentação Beon
Apresentação BeonApresentação Beon
Apresentação Beon
Beon Branding e Comunicação
 
Projecto Em Marketing 2007
Projecto Em Marketing 2007Projecto Em Marketing 2007
Projecto Em Marketing 2007
João Santos
 
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
Jonas Jaeger
 
Design Participativo
Design ParticipativoDesign Participativo
Design Participativo
Red Latinoamericana de Diseño
 
Rogerio Zerbinato
Rogerio ZerbinatoRogerio Zerbinato
Rogerio Zerbinato
Rogerio Zerbinato
 
Oficina tecnológica o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
Oficina tecnológica   o uso do design como agregação de valor e diferencial c...Oficina tecnológica   o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
Oficina tecnológica o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
Inventtando Agencia de Palestrantes
 

Semelhante a Design no artesanato (20)

Fazendo design no Nordeste
Fazendo design no NordesteFazendo design no Nordeste
Fazendo design no Nordeste
 
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdfAULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
AULA_8_Um sistema para o artesanato.pdf
 
Trabalho de conclusão de curso
Trabalho de conclusão de cursoTrabalho de conclusão de curso
Trabalho de conclusão de curso
 
VISÃO 1.pdf
VISÃO 1.pdfVISÃO 1.pdf
VISÃO 1.pdf
 
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO IIIAula07 - MODA E CRIAÇÃO III
Aula07 - MODA E CRIAÇÃO III
 
Produção de Embalagens
Produção de EmbalagensProdução de Embalagens
Produção de Embalagens
 
Marketing de Varejo - Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
Marketing de Varejo -  Aula 7 - Mix de Marketing e ComunicaçãoMarketing de Varejo -  Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
Marketing de Varejo - Aula 7 - Mix de Marketing e Comunicação
 
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
14 12-2011 - arezzo&co investor day - apresentação p&d
 
Gestão em Design - Conceitos - 01
Gestão em Design - Conceitos - 01Gestão em Design - Conceitos - 01
Gestão em Design - Conceitos - 01
 
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene LubiancaCafé com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
Café com Lojistas PDV - Lar da Marca - 23/07/14 - Apresentação Arlene Lubianca
 
Receita Lucrativa Design
Receita Lucrativa DesignReceita Lucrativa Design
Receita Lucrativa Design
 
Palestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
Palestra: Visual Merchandising para o mercado eróticoPalestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
Palestra: Visual Merchandising para o mercado erótico
 
Portfolio
PortfolioPortfolio
Portfolio
 
Apresentação Perfil Design - Moda Infanto
Apresentação Perfil Design - Moda InfantoApresentação Perfil Design - Moda Infanto
Apresentação Perfil Design - Moda Infanto
 
Apresentação Beon
Apresentação BeonApresentação Beon
Apresentação Beon
 
Projecto Em Marketing 2007
Projecto Em Marketing 2007Projecto Em Marketing 2007
Projecto Em Marketing 2007
 
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
Planejamento de Trade Shopper Mkt | Pedigree e Wiskas
 
Design Participativo
Design ParticipativoDesign Participativo
Design Participativo
 
Rogerio Zerbinato
Rogerio ZerbinatoRogerio Zerbinato
Rogerio Zerbinato
 
Oficina tecnológica o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
Oficina tecnológica   o uso do design como agregação de valor e diferencial c...Oficina tecnológica   o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
Oficina tecnológica o uso do design como agregação de valor e diferencial c...
 

Mais de Jorge Montana

Alojamientos
AlojamientosAlojamientos
Alojamientos
Jorge Montana
 
Aporte ana
Aporte anaAporte ana
Aporte ana
Jorge Montana
 
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
Jorge Montana
 
Milano 2016
Milano 2016Milano 2016
Milano 2016
Jorge Montana
 
Diseño con todos ecuador
Diseño con todos ecuadorDiseño con todos ecuador
Diseño con todos ecuador
Jorge Montana
 
La Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
La Comunicacion efectiva ilustrada por QuinoLa Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
La Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
Jorge Montana
 
Los makers exhibition Bogota
Los makers exhibition BogotaLos makers exhibition Bogota
Los makers exhibition Bogota
Jorge Montana
 
Los makers
Los makersLos makers
Los makers
Jorge Montana
 
Duodiseño final practica
Duodiseño final practicaDuodiseño final practica
Duodiseño final practica
Jorge Montana
 
Muebles infantiles multifuncionales
Muebles infantiles multifuncionalesMuebles infantiles multifuncionales
Muebles infantiles multifuncionales
Jorge Montana
 
De Boyacá pa sumercé
De Boyacá pa sumercé De Boyacá pa sumercé
De Boyacá pa sumercé
Jorge Montana
 
83010972 diseno-sofa
83010972 diseno-sofa83010972 diseno-sofa
83010972 diseno-sofa
Jorge Montana
 
Diseno minimo
Diseno minimoDiseno minimo
Diseno minimo
Jorge Montana
 
Portafolio cnc jorge montaña
Portafolio cnc jorge montañaPortafolio cnc jorge montaña
Portafolio cnc jorge montaña
Jorge Montana
 
A gata perdida
A gata perdidaA gata perdida
A gata perdida
Jorge Montana
 
Design participativo jorge montana
Design participativo jorge montanaDesign participativo jorge montana
Design participativo jorge montana
Jorge Montana
 
Diseño participativo en red
Diseño participativo en redDiseño participativo en red
Diseño participativo en red
Jorge Montana
 
1 1=3
1 1=31 1=3
Reflexiones sobre diseño en red
Reflexiones sobre diseño en redReflexiones sobre diseño en red
Reflexiones sobre diseño en red
Jorge Montana
 
Proyecto diseñoparticipativoii 1
Proyecto diseñoparticipativoii 1Proyecto diseñoparticipativoii 1
Proyecto diseñoparticipativoii 1
Jorge Montana
 

Mais de Jorge Montana (20)

Alojamientos
AlojamientosAlojamientos
Alojamientos
 
Aporte ana
Aporte anaAporte ana
Aporte ana
 
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
Plan nacional sectorial_del_turismo_2018 (1)
 
Milano 2016
Milano 2016Milano 2016
Milano 2016
 
Diseño con todos ecuador
Diseño con todos ecuadorDiseño con todos ecuador
Diseño con todos ecuador
 
La Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
La Comunicacion efectiva ilustrada por QuinoLa Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
La Comunicacion efectiva ilustrada por Quino
 
Los makers exhibition Bogota
Los makers exhibition BogotaLos makers exhibition Bogota
Los makers exhibition Bogota
 
Los makers
Los makersLos makers
Los makers
 
Duodiseño final practica
Duodiseño final practicaDuodiseño final practica
Duodiseño final practica
 
Muebles infantiles multifuncionales
Muebles infantiles multifuncionalesMuebles infantiles multifuncionales
Muebles infantiles multifuncionales
 
De Boyacá pa sumercé
De Boyacá pa sumercé De Boyacá pa sumercé
De Boyacá pa sumercé
 
83010972 diseno-sofa
83010972 diseno-sofa83010972 diseno-sofa
83010972 diseno-sofa
 
Diseno minimo
Diseno minimoDiseno minimo
Diseno minimo
 
Portafolio cnc jorge montaña
Portafolio cnc jorge montañaPortafolio cnc jorge montaña
Portafolio cnc jorge montaña
 
A gata perdida
A gata perdidaA gata perdida
A gata perdida
 
Design participativo jorge montana
Design participativo jorge montanaDesign participativo jorge montana
Design participativo jorge montana
 
Diseño participativo en red
Diseño participativo en redDiseño participativo en red
Diseño participativo en red
 
1 1=3
1 1=31 1=3
1 1=3
 
Reflexiones sobre diseño en red
Reflexiones sobre diseño en redReflexiones sobre diseño en red
Reflexiones sobre diseño en red
 
Proyecto diseñoparticipativoii 1
Proyecto diseñoparticipativoii 1Proyecto diseñoparticipativoii 1
Proyecto diseñoparticipativoii 1
 

Design no artesanato

  • 1. DESIGN NO ARTESANATO Como agregar valor ao produto e vender melhor Jorge Montaña www.jorgemontana.com www.duodiseno.net
  • 2. Coisa, produto e mercadoria • O artesão faz das coisas objetos.
  • 3. Que é um objeto • É um elemento que deixou de ser coisa e agora tem utilidade. • A utilidade pode ser prática ou decorativa. • O objeto útil pode ser decorativo.
  • 4. Que é um produto • É um objeto que pode ser replicado • Os artesãos não fazem um produto exatamente igual a outro, e isto confere mais valor. • Este valor é derivado do trabalho manual.
  • 5. Que é uma mercadoria • É um produto que está no comércio com valor percebido pelo cliente e desejado por um grupo de consumidores. • Uma boa mercadoria , está inserida dentro de um sistema comercial
  • 6. Valor- preço • Toda mercadoria tem um preço, e o consumidor paga dependendo do valor que tenha para ele. • Um produto muito “sambado” tem pouco valor. O design é a melhor técnica para incrementar o valor dos produtos.
  • 7. Como o design agrega valor? • Design de produto: criando novidades que agradem ao consumidor, que atenda seus desejos e necessidades, procurando diferenciação. • Design da comunicação: para que o consumidor compreenda rapidamente este diferencial. ( logotipo, stands, folheto, web- site, catálogo, etc....)
  • 8. Por que pagar mais? Devido ao DESIGN
  • 10. Competitividade • Mais que reduzir custos, temos que agregar VALOR
  • 11. Como agregar valor? -Design diferenciado. -Boa qualidade e acabamentos. -Misturando materiais diversos de maneira harmónica. -Com conceito de linha ou coleção. -Boa exposição e embalagem. -Boa comunicação ( catálogo, web-site, exposição). -Insertando no produto valores culturais. - Selecionando pontos de venda adequados ao nosso produto.
  • 14. Conceito de coleção Harmonia de cores e misturas de materiais e técnicas, em coisas que se necessitam.
  • 17. Seleção do Ponto de Venda
  • 20. Diferenciação • Conhecendo e explorando os fatores e identidade local. • Estes fatores já estão presentes no artesanato, falta aproveitá-los, dando-lhes valor! Vejamos exemplos....
  • 22. Personitas- Bogotá -Colombia • 300.000 empresas urbanas de artesanato.
  • 23. •“Personitas” são peças de coleção, só se produz um número limitado de peças com as mesmas características, e n cada modelo. Cada uma destas séries são numeradas e certificadas.
  • 27. Porque lhes foi bem: Mistura de materiais Tem nome, marca e imagem Alta qualidade Tem identidade e caráter Conceito de coleção Embalagem e exposição Conhece seu mercado cuidadosa Tem una clara Produto personalizado estratégia de mercado Seleciona os canais de Sempre está inovando. comercialização Adaptação a mercados e Trabalha em alianças temporadas NÃO BRIGA POR PREÇO
  • 29. Caráter Local Jorge Montaña/El factor local
  • 31. Copiar sem que se note! Jorge Montaña/El factor local
  • 32. personalidade...qual é o mais..? Jorge Montaña/El factor local
  • 35. Conceitos Fotos Cortesia Móveis Kakakis-PE Design: Jorge Montaña
  • 36. Jogo de bornais do cangaceiro Zé Baiano, com bordados baseados em flores da Bahia. Jorge Montaña/ Diseño y artesania Cantil com forro bordado.
  • 37. Colección Forum, Enero 2001 Jorge Montaña/El factor local
  • 38. Desfile do Cavalera, Fashion Week Jorge Montaña/ Diseño y artesania 2005
  • 39. Jorge Montaña/El factor local Jorge Montaña/ Diseño y artesania
  • 41. "Sena está de Moda", Cucúta Colombia Nov 2009
  • 44. "De Boyacá pá sumercé" http://www.rldiseno.com/EL-diseno-vuelve-al-artesano
  • 45. Muebles. El Retiro (Antioquia) http://www.rldiseno.com/El-diseno-a-partir-de-lo-local http://www.rldiseno.com/Ecos-de-El-Retiro
  • 48. Porém tudo isso não se pode fazer em poucas horas… Consultoria Participativa: 1- Formação de grupos por técnicas ou regiões. 2- Não existem designers, somos facilitadores! 3 – Todos iguais, disto que vocês sabem, nós designers, pouco, quase nada ou nada SABEMOS. 4- Aprendizagem compartilhada. 5- Normas: perguntar e validar(checar) sempre!; não usar de adjetivos( isto qualifica), sermos objetivos; se pode discutir o indiscutível; vale tudo, não existem idéias loucas !