SlideShare uma empresa Scribd logo
Aspectos Humanos
O intenso crescimento
da população chinesa
vem sendo controlado
desde 1979 com a
política que estabeleceu
o limite de um filho por
casal.
Num país onde predomina a
população rural e o trabalho
masculino é mais valorizado,
tornaram-se comuns os casos de
infanticídio feminino, o que
provocou um desequilíbrio na
distribuição da população por
sexos.
País mais populoso da Terra.
Mais de 1 bilhão e 300
milhões de pessoas.
Atualmente as taxa de crescimento
vegetativo vem decaindo.
A densidade demográfica média do país é de 135 hab./Km², mas há
locais de baixa ocupação humana, como nas regiões montanhosas do
Tibet e nos desetos de Sin-Kiang e da Mongólia.
Com as campanhas de limitação do número de filhos
por casal, têm surtido efeito. A taxa de natalidade caiu
quase pela metade durante a década de 1970.
Embora a economia esteja crescendo aceleradamente ,
o país ainda é pobre, que se reflete em alguns
indicadores sociais:
- altas taxas de analfabetismo, sobretudo entre as
mulheres.
- altas taxas de mortalidade infantil.
- a China ainda é um país essencialmente rural, 60% de
seus habitantes vivem no campo e em pequenas aldeias
Em termos percentuais, a parcela de habitantes nas
cidades está entre as mais baixas do mundo, mas o país
tem a maior população urbana mundial, com mais de
350 milhões de pessoas
As maiores cidades são: Xangai (12,8
milhões), Beijing (10,8), Tianjin (9,2) e
Shenyang (6,8)
Cidades Chinesas
A China de Deng Xiaoping
Visando acelerar o desenvolvimento dos setores agrícola,
industrial, da ciência e tecnologia e da defesa nacional,
implementou o programa das Quatro Modernizações.
Em 1978 Dois anos após a morte de Mao Tsé-tung.
Deng Xiaoping assumiu a liderança do Partido
Comunista Chinês.
Deu início a uma série de
modificações na economia chinesa.
A partir de 1980, a China promoveu uma série de
reformas:
• permitiram a entrada de capital estrangeiro;
• admitiram o lucro como incentivo ao trabalho e ao
desenvolvimento;
• abriram relações comerciais com praticamente todos
os países do mundo;
• realizaram acordos de cooperação técnica e científica.
Garoto chinês tomando refrigerante na década de 1980.
Qual o contraste a foto representa?
Reformas capitalistas e controle comunista
Porém:
O termo Socialista de Mercado é muito
utilizado para designar o sistema
econômico atual chinês.
A China viveu nas últimas décadas uma aparente contradição.
O sistema político continua centralizado no Partido Comunista.
As manifestações populares têm sido severamente reprimidas.
A economia da nova China
O estímulo às atividades agropecuárias era essencial à
alimentação de milhões de bocas famintas.
Revolução Socialista de 1949 a 1976.
A China foi Governada por Mao Tsé-tung.
Entre 1953 e 1957, contou com a ajuda da URSS.
Rompendo com esta em 1958.
Economia Planificada – prioridade à
agricultura
A Agropecuária Chinesa
Atividade agrícola
Atualmente a propriedade rural continua a pertencer ao Estado,
mas passou a ser gerenciada pelos próprios agricultores
mediante um contrato de uso da terra por 30 anos, que pode
ser renovado ou não.
Pecuária
Encontram condições naturais bastante favoráveis nas
planícies fluviais situadas no leste.
Os chineses Conseguem produzir safras anuais de mais de
500 milhões de toneladas.
Cultivo de arroz em terraço na China.Um deles é a soja,
importada do Brasil.
A China é o maior produtor mundial de cereais.
Apesar da grande
produção agrícola.
O país ainda
importa alguns
produtos.
Em razão do alto
consumo de sua
população.
Fonte: L’état du monde, 2005.
• A extensão territorial do
país;
• A diversidade de solos e
climas;
• A antiguidade da
atividade agrícola.
Contribuíram para a
formação de uma grande
variedade de culturas.
Entre as quais se destacam o arroz, cultivado principalmente no sul, e o
trigo, cujo cultivo se concentra no norte.
Atividade industrial
Apesar de ainda concentrar 60% da população no campo, o motor da
economia chinesa atual é movido principalmente pela atividade
industrial.
A China é o segundo maior exportador mundial
(superado apenas pelo e EUA)
Os produtos
industriais
predominam na
pauta das
exportações.
As indústrias de bens de consumo
conquistaram destaque no mercado
internacional.
Comércio exterior
Fonte: Birô Nacional de Estatísticas chinês; Economist Intelligence Unit, 2007.
A China, nos últimos 30 anos, cresceu mais do que qualquer
outro país.
Atraem capitais de todas as
partes do mundo e
garantem à China elevada
competitividade no
mercado mundial.
Baixos salários
Subvalorização da moeda
chinesa em relação ao
dólar.
A admissão da China na OMC, em 2001, foi outro fator
que contribuiu para a ampliação do intercâmbio
comercial e a geração de superávits recordes nos
últimos anos.
Incentivos fiscais, mão de obra barata e abundante e
grande mercado consumidor
São motivos de seus elevados investimentos
externos, que alavancaram surpreendente
crescimento econômico chinês.
Diante desses aspectos, parece claro que a China
possui praticamente todos os requisitos para se tornar
uma grande potência mundial, senão a maior potência
mundial.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Africa aspectos fisicos
Africa aspectos fisicosAfrica aspectos fisicos
Africa aspectos fisicos
Professor
 
GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃOGLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO
guest87c201
 
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
Nefer19
 
Movimentos migratorios
Movimentos migratoriosMovimentos migratorios
Movimentos migratorios
dela28
 
Climas do-brasil
Climas do-brasilClimas do-brasil
Climas do-brasil
Stéfano Silveira
 
Populaçao mundial
Populaçao mundialPopulaçao mundial
Populaçao mundial
Prof.Paulo/geografia
 
Industrialização tardia
Industrialização tardiaIndustrialização tardia
Industrialização tardia
Paulo Ricardo
 
Cap. 12 - China
Cap. 12 - ChinaCap. 12 - China
Cap. 12 - China
Acácio Netto
 
Organização e formação do espaço brasileiro
Organização e formação do espaço brasileiroOrganização e formação do espaço brasileiro
Organização e formação do espaço brasileiro
Jane Mary Lima Castro
 
Cap. 4 - A industrialização brasileira
Cap. 4 - A industrialização brasileiraCap. 4 - A industrialização brasileira
Cap. 4 - A industrialização brasileira
profacacio
 
Ásia
ÁsiaÁsia
Teorias demográficas
Teorias demográficasTeorias demográficas
Teorias demográficas
Rodrigo Baglini
 
Geografia continente europeu
Geografia   continente europeuGeografia   continente europeu
Geografia continente europeu
André Luiz Marques
 
África
ÁfricaÁfrica
A geopolítica no brasil
A geopolítica no brasilA geopolítica no brasil
A geopolítica no brasil
Larissa Silva
 
Questão agrária no brasil
Questão agrária no brasilQuestão agrária no brasil
Questão agrária no brasil
Artur Lara
 
Aula 3 - fluxos migratórios
Aula 3 -  fluxos migratóriosAula 3 -  fluxos migratórios
Aula 3 - fluxos migratórios
Isabela Espíndola
 
Aspectos naturais europa
Aspectos naturais europaAspectos naturais europa
Aspectos naturais europa
Prof.Paulo/geografia
 
O surgimento das cidades
O surgimento das cidadesO surgimento das cidades
O surgimento das cidades
Lucas Degiovani
 
Geografia Do Brasil RegiõEs
Geografia Do Brasil   RegiõEsGeografia Do Brasil   RegiõEs
Geografia Do Brasil RegiõEs
Mateus Silva
 

Mais procurados (20)

Africa aspectos fisicos
Africa aspectos fisicosAfrica aspectos fisicos
Africa aspectos fisicos
 
GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃOGLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO
 
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
O Processo de Industrialização do Brasil - 7º Ano (2017)
 
Movimentos migratorios
Movimentos migratoriosMovimentos migratorios
Movimentos migratorios
 
Climas do-brasil
Climas do-brasilClimas do-brasil
Climas do-brasil
 
Populaçao mundial
Populaçao mundialPopulaçao mundial
Populaçao mundial
 
Industrialização tardia
Industrialização tardiaIndustrialização tardia
Industrialização tardia
 
Cap. 12 - China
Cap. 12 - ChinaCap. 12 - China
Cap. 12 - China
 
Organização e formação do espaço brasileiro
Organização e formação do espaço brasileiroOrganização e formação do espaço brasileiro
Organização e formação do espaço brasileiro
 
Cap. 4 - A industrialização brasileira
Cap. 4 - A industrialização brasileiraCap. 4 - A industrialização brasileira
Cap. 4 - A industrialização brasileira
 
Ásia
ÁsiaÁsia
Ásia
 
Teorias demográficas
Teorias demográficasTeorias demográficas
Teorias demográficas
 
Geografia continente europeu
Geografia   continente europeuGeografia   continente europeu
Geografia continente europeu
 
África
ÁfricaÁfrica
África
 
A geopolítica no brasil
A geopolítica no brasilA geopolítica no brasil
A geopolítica no brasil
 
Questão agrária no brasil
Questão agrária no brasilQuestão agrária no brasil
Questão agrária no brasil
 
Aula 3 - fluxos migratórios
Aula 3 -  fluxos migratóriosAula 3 -  fluxos migratórios
Aula 3 - fluxos migratórios
 
Aspectos naturais europa
Aspectos naturais europaAspectos naturais europa
Aspectos naturais europa
 
O surgimento das cidades
O surgimento das cidadesO surgimento das cidades
O surgimento das cidades
 
Geografia Do Brasil RegiõEs
Geografia Do Brasil   RegiõEsGeografia Do Brasil   RegiõEs
Geografia Do Brasil RegiõEs
 

Semelhante a China

A nova china
A nova chinaA nova china
A nova china
Professor
 
3 china
3 china3 china
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produçãoProf Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
Deto - Geografia
 
Atualidades 2012 parte 2 3°ano
Atualidades 2012 parte 2 3°anoAtualidades 2012 parte 2 3°ano
Atualidades 2012 parte 2 3°ano
Colégio Souza Leão Positivo
 
China
ChinaChina
Apostila geografia china
Apostila geografia chinaApostila geografia china
Apostila geografia china
Fernando Colih
 
Extremo Oriente Economia
Extremo Oriente EconomiaExtremo Oriente Economia
Extremo Oriente Economia
Paticx
 
China
ChinaChina
China
ChinaChina
china pdf resumo.pdf
china pdf resumo.pdfchina pdf resumo.pdf
china pdf resumo.pdf
VillaLobosWilson
 
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvidoAulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
danimontoro
 
Aula - China
Aula - ChinaAula - China
Aula CHINA 3° ANO SARTRE
Aula CHINA 3° ANO SARTREAula CHINA 3° ANO SARTRE
Aula CHINA 3° ANO SARTRE
CADUCOC
 
A CHINA DO SÉCULO XXI
A CHINA DO SÉCULO XXIA CHINA DO SÉCULO XXI
A CHINA DO SÉCULO XXI
Freed Naves Cortez
 
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômico
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômicoComo a china promoveu seu desenvolvimento econômico
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômico
Fernando Alcoforado
 
Japão e os tigres asiáticos
Japão e os tigres asiáticosJapão e os tigres asiáticos
Japão e os tigres asiáticos
Jefferson Cunha
 
Aula 17 china
Aula 17   chinaAula 17   china
Aula 17 china
Jonatas Carlos
 
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
Marco Aurélio Gondim
 
China - O Dragão Asiático
China  - O Dragão AsiáticoChina  - O Dragão Asiático
China - O Dragão Asiático
Fernanda Clara
 
China
ChinaChina

Semelhante a China (20)

A nova china
A nova chinaA nova china
A nova china
 
3 china
3 china3 china
3 china
 
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produçãoProf Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
Prof Demétrio Melo - Geografia Regional: China - espaço e produção
 
Atualidades 2012 parte 2 3°ano
Atualidades 2012 parte 2 3°anoAtualidades 2012 parte 2 3°ano
Atualidades 2012 parte 2 3°ano
 
China
ChinaChina
China
 
Apostila geografia china
Apostila geografia chinaApostila geografia china
Apostila geografia china
 
Extremo Oriente Economia
Extremo Oriente EconomiaExtremo Oriente Economia
Extremo Oriente Economia
 
China
ChinaChina
China
 
China
ChinaChina
China
 
china pdf resumo.pdf
china pdf resumo.pdfchina pdf resumo.pdf
china pdf resumo.pdf
 
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvidoAulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
Aulas 1 a 4 o mundo subdesenvolvido
 
Aula - China
Aula - ChinaAula - China
Aula - China
 
Aula CHINA 3° ANO SARTRE
Aula CHINA 3° ANO SARTREAula CHINA 3° ANO SARTRE
Aula CHINA 3° ANO SARTRE
 
A CHINA DO SÉCULO XXI
A CHINA DO SÉCULO XXIA CHINA DO SÉCULO XXI
A CHINA DO SÉCULO XXI
 
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômico
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômicoComo a china promoveu seu desenvolvimento econômico
Como a china promoveu seu desenvolvimento econômico
 
Japão e os tigres asiáticos
Japão e os tigres asiáticosJapão e os tigres asiáticos
Japão e os tigres asiáticos
 
Aula 17 china
Aula 17   chinaAula 17   china
Aula 17 china
 
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
Geografia Geral - Potencias asiáticas [www.gondim.net]
 
China - O Dragão Asiático
China  - O Dragão AsiáticoChina  - O Dragão Asiático
China - O Dragão Asiático
 
China
ChinaChina
China
 

Mais de Danillo Rodrigues

A engenharia aplicada à saúde
A engenharia aplicada à saúdeA engenharia aplicada à saúde
A engenharia aplicada à saúde
Danillo Rodrigues
 
A engenharia aplicada a saúde
A engenharia aplicada a saúde A engenharia aplicada a saúde
A engenharia aplicada a saúde
Danillo Rodrigues
 
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meioModelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
Danillo Rodrigues
 
Plaquinhas para formatura
Plaquinhas para formaturaPlaquinhas para formatura
Plaquinhas para formatura
Danillo Rodrigues
 
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOSTCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
Danillo Rodrigues
 
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADEMOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
Danillo Rodrigues
 
Botulismo
BotulismoBotulismo
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSOTRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
Danillo Rodrigues
 
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃOFERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
Danillo Rodrigues
 
A evolução da mulher no cenário político
A evolução da mulher no cenário políticoA evolução da mulher no cenário político
A evolução da mulher no cenário político
Danillo Rodrigues
 
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMOAugusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
Danillo Rodrigues
 
PALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOSPALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOS
Danillo Rodrigues
 
Amazônia - BIOMAS
Amazônia - BIOMASAmazônia - BIOMAS
Amazônia - BIOMAS
Danillo Rodrigues
 
APARTHEID
APARTHEID APARTHEID
APARTHEID
Danillo Rodrigues
 
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICOA EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
Danillo Rodrigues
 
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇAEritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Danillo Rodrigues
 
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIASA crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
Danillo Rodrigues
 
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
Danillo Rodrigues
 
Operações de separação - FILTRAÇÃO
Operações de separação - FILTRAÇÃOOperações de separação - FILTRAÇÃO
Operações de separação - FILTRAÇÃO
Danillo Rodrigues
 
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
Danillo Rodrigues
 

Mais de Danillo Rodrigues (20)

A engenharia aplicada à saúde
A engenharia aplicada à saúdeA engenharia aplicada à saúde
A engenharia aplicada à saúde
 
A engenharia aplicada a saúde
A engenharia aplicada a saúde A engenharia aplicada a saúde
A engenharia aplicada a saúde
 
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meioModelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
Modelo de panfleto editável (DST's) Frente e verso. Dobrar ao meio
 
Plaquinhas para formatura
Plaquinhas para formaturaPlaquinhas para formatura
Plaquinhas para formatura
 
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOSTCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
TCC - ANÁLISE BROMATOLÓGICA E COMPARATIVA DE SALGADINHOS INDUSTRIALIZADOS
 
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADEMOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
MOLDURA INSTAGRAM - ALTA QUALIDADE
 
Botulismo
BotulismoBotulismo
Botulismo
 
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSOTRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
TRIGONOMETRIA - TEORIA, APLICAÇÕES E EXERCÍCIOS RESOLVIDOS PASSO A PASSO
 
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃOFERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
FERMENTAÇÃO ALCOÓLICA NA PRODUÇÃO DE PÃO
 
A evolução da mulher no cenário político
A evolução da mulher no cenário políticoA evolução da mulher no cenário político
A evolução da mulher no cenário político
 
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMOAugusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
Augusto dos anjos - PRÉ MODERNISMO
 
PALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOSPALADAR - SENTIDOS
PALADAR - SENTIDOS
 
Amazônia - BIOMAS
Amazônia - BIOMASAmazônia - BIOMAS
Amazônia - BIOMAS
 
APARTHEID
APARTHEID APARTHEID
APARTHEID
 
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICOA EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
A EVOLUÇÃO DA MULHER NO CENÁRIO POLÍTICO
 
Eritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇAEritroblastose fetal - DOENÇA
Eritroblastose fetal - DOENÇA
 
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIASA crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
A crise do euro e o Brasil - INFLUÊNCIAS
 
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
DOENÇA - Ancilostomose (amarelão) - BIOLOGIA
 
Operações de separação - FILTRAÇÃO
Operações de separação - FILTRAÇÃOOperações de separação - FILTRAÇÃO
Operações de separação - FILTRAÇÃO
 
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
GONÇALVES DIAS - ROMANTISMO (Vida, obra e características)
 

China

  • 1.
  • 2. Aspectos Humanos O intenso crescimento da população chinesa vem sendo controlado desde 1979 com a política que estabeleceu o limite de um filho por casal. Num país onde predomina a população rural e o trabalho masculino é mais valorizado, tornaram-se comuns os casos de infanticídio feminino, o que provocou um desequilíbrio na distribuição da população por sexos. País mais populoso da Terra. Mais de 1 bilhão e 300 milhões de pessoas. Atualmente as taxa de crescimento vegetativo vem decaindo.
  • 3. A densidade demográfica média do país é de 135 hab./Km², mas há locais de baixa ocupação humana, como nas regiões montanhosas do Tibet e nos desetos de Sin-Kiang e da Mongólia.
  • 4. Com as campanhas de limitação do número de filhos por casal, têm surtido efeito. A taxa de natalidade caiu quase pela metade durante a década de 1970.
  • 5. Embora a economia esteja crescendo aceleradamente , o país ainda é pobre, que se reflete em alguns indicadores sociais: - altas taxas de analfabetismo, sobretudo entre as mulheres. - altas taxas de mortalidade infantil. - a China ainda é um país essencialmente rural, 60% de seus habitantes vivem no campo e em pequenas aldeias
  • 6.
  • 7. Em termos percentuais, a parcela de habitantes nas cidades está entre as mais baixas do mundo, mas o país tem a maior população urbana mundial, com mais de 350 milhões de pessoas As maiores cidades são: Xangai (12,8 milhões), Beijing (10,8), Tianjin (9,2) e Shenyang (6,8)
  • 9. A China de Deng Xiaoping Visando acelerar o desenvolvimento dos setores agrícola, industrial, da ciência e tecnologia e da defesa nacional, implementou o programa das Quatro Modernizações. Em 1978 Dois anos após a morte de Mao Tsé-tung. Deng Xiaoping assumiu a liderança do Partido Comunista Chinês. Deu início a uma série de modificações na economia chinesa.
  • 10. A partir de 1980, a China promoveu uma série de reformas: • permitiram a entrada de capital estrangeiro; • admitiram o lucro como incentivo ao trabalho e ao desenvolvimento; • abriram relações comerciais com praticamente todos os países do mundo; • realizaram acordos de cooperação técnica e científica.
  • 11. Garoto chinês tomando refrigerante na década de 1980. Qual o contraste a foto representa?
  • 12. Reformas capitalistas e controle comunista Porém: O termo Socialista de Mercado é muito utilizado para designar o sistema econômico atual chinês. A China viveu nas últimas décadas uma aparente contradição. O sistema político continua centralizado no Partido Comunista. As manifestações populares têm sido severamente reprimidas.
  • 13. A economia da nova China O estímulo às atividades agropecuárias era essencial à alimentação de milhões de bocas famintas. Revolução Socialista de 1949 a 1976. A China foi Governada por Mao Tsé-tung. Entre 1953 e 1957, contou com a ajuda da URSS. Rompendo com esta em 1958. Economia Planificada – prioridade à agricultura
  • 14. A Agropecuária Chinesa Atividade agrícola Atualmente a propriedade rural continua a pertencer ao Estado, mas passou a ser gerenciada pelos próprios agricultores mediante um contrato de uso da terra por 30 anos, que pode ser renovado ou não. Pecuária Encontram condições naturais bastante favoráveis nas planícies fluviais situadas no leste. Os chineses Conseguem produzir safras anuais de mais de 500 milhões de toneladas.
  • 15. Cultivo de arroz em terraço na China.Um deles é a soja, importada do Brasil. A China é o maior produtor mundial de cereais. Apesar da grande produção agrícola. O país ainda importa alguns produtos. Em razão do alto consumo de sua população.
  • 16. Fonte: L’état du monde, 2005. • A extensão territorial do país; • A diversidade de solos e climas; • A antiguidade da atividade agrícola. Contribuíram para a formação de uma grande variedade de culturas. Entre as quais se destacam o arroz, cultivado principalmente no sul, e o trigo, cujo cultivo se concentra no norte.
  • 17.
  • 18. Atividade industrial Apesar de ainda concentrar 60% da população no campo, o motor da economia chinesa atual é movido principalmente pela atividade industrial. A China é o segundo maior exportador mundial (superado apenas pelo e EUA) Os produtos industriais predominam na pauta das exportações. As indústrias de bens de consumo conquistaram destaque no mercado internacional.
  • 19. Comércio exterior Fonte: Birô Nacional de Estatísticas chinês; Economist Intelligence Unit, 2007. A China, nos últimos 30 anos, cresceu mais do que qualquer outro país. Atraem capitais de todas as partes do mundo e garantem à China elevada competitividade no mercado mundial. Baixos salários Subvalorização da moeda chinesa em relação ao dólar.
  • 20. A admissão da China na OMC, em 2001, foi outro fator que contribuiu para a ampliação do intercâmbio comercial e a geração de superávits recordes nos últimos anos. Incentivos fiscais, mão de obra barata e abundante e grande mercado consumidor São motivos de seus elevados investimentos externos, que alavancaram surpreendente crescimento econômico chinês.
  • 21. Diante desses aspectos, parece claro que a China possui praticamente todos os requisitos para se tornar uma grande potência mundial, senão a maior potência mundial.