SlideShare uma empresa Scribd logo
Hospital  Nossa Senhora das Graças Projeto de Eficiência Energética em Hospitais Beneficentes sem fins Lucrativos. Ronoel Anderson Nehls – 18/08/2011
Como foi selecionado... Foram relacionados os maiores Hospitais Beneficentes listados no site http://cnes.datasus.gov.br , do Ministério da Saúde, como entidades de natureza beneficente sem fins lucrativos;  Realizadas visitas as instalações hospitalares, efetuando-se  levantamentos e pesquisas naqueles que teriam interesse em participar do projeto; Foram selecionados 15 grandes hospitais; Descreveremos uma dessas unidades, o Hospital Nossa Senhora das Graças, pela sua referência nacional no tratamento cirúrgico de múltiplas doenças.
Hospital  Nossa Senhora das Graças O hospital conta com mais de 600 médicos com várias especialidades médicas além de ter em seu quadro funcional 1.100 empregados,  trabalhando no  atendimento de aproximadamente 1.000 pacientes / mês.     
Objetivo do projeto Reduzir o consumo de energia elétrica e a demanda nos horários de ponta; Retirar equipamentos mais antigos,  substituindo lâmpadas, luminárias, refrigeradores e ares condicionados  menos eficientes por equipamentos novos tipo classe A e com selo Procel; As melhorias tiveram a intenção de proporcionar melhores condições de trabalho aos profissionais com o uso eficiente da energia elétrica e o combate ao desperdício; Possibilitar à COPEL atender novos consumidores sem investimentos imediatos, postergando investimentos em geração, transmissão e distribuição de energia.
Detalhes do projeto Uso final:  Iluminação, Ar condicionado e Refrigeração Custo do projeto:  R$ 429.526,60 Energia economizada:  494,80 MWh/ano Retirada de demanda na ponta:  44,24 kW/ano RCB:  0,7742 Resumo descritivo: Substituição de 5.112 lâmpadas,  1.744 luminárias,  4 ar condicionados, 80 refrigeradores por equipamentos mais eficientes.
Substituição de equipamentos Iluminação   Refrigeração    Selo Procel  Ar condicionado Selo Inmetro
Metodologia aplicada Levantamento técnico e pré-diagnóstico energético;  Elaboração do projeto e plano de medição; Assinatura do termo de cooperação técnica – TCT; Medições antes e depois; Relatórios comparativos.
Metodologia aplicada Metas e resultados
Metodologia aplicada Avaliação dos resultados foi realizada através de medições antes e depois da implementação do projeto; Efetuaram-se medidas instantâneas de corrente, tensão, fator de potência e potência ativa, em amostras do sistema de iluminação; Utilizou-se Medidores Universais de Grandezas – MUG, para coleta de memória de massa, da potência ativa e do consumo em amostras  do sistema de refrigeração e ar condicionado. Determinou-se o tamanho da amost ragem através dos critérios estabelicidos pela NBR 5426 – nível geral de inspeção I.
Metodologia aplicada Realizou-se a extrapolação para o universo dos equipamentos de iluminação, refrigeração e ar condicionado eficientizados;  Resultados das economias foram verificados por meio do uso da opção “A” do Protocolo Internacional de Medição e Verificação de Performance – PIMVP; Obtidos os resultados de economia e redução de demanda a cada seguimento de equipamentos eficientizados,  Calculou-se a Relação Custo Benefício – RCB, de todo o projeto, comparando ao inicialmente previsto.
Fotos Antes Depois
Fotos Identificação    Depois
Fotos Antes   Depois
Fotos Antes   Depois
Palestras de eficiência energética Corpo clínico e operacional
Copel Distribuição S.A. RONOEL ANDERSON NEHLS Copel Distribuição S.A. [email_address] (41) 3310-5719 MUITO OBRIGADO!

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a 18.ago ouro i 17.00_456_copel-d

18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
18.ago ouro i 08.45_411_copel-d18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
itgfiles
 
Monitorizacao energética em Hospitais
Monitorizacao energética em HospitaisMonitorizacao energética em Hospitais
Monitorizacao energética em Hospitais
ISA - Intelligent Sensing Anywhere
 
Programa Eficiência Energética
Programa Eficiência EnergéticaPrograma Eficiência Energética
Programa Eficiência Energética
InformaGroup
 
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - IntroduçãoMedição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
Ambiente Energia
 
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTicaEg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
InformaGroup
 
SGS Energia
SGS EnergiaSGS Energia
SGS Energia
SGS Portugal
 
Alberto Tavares - ADENE
Alberto Tavares - ADENEAlberto Tavares - ADENE
Alberto Tavares - ADENE
Construção Sustentável
 
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera
 
Ainda a gestão de energia
Ainda a gestão de energiaAinda a gestão de energia
Ainda a gestão de energia
Rui Loureiro
 
Portfólio empresa verde e parceiros
Portfólio empresa verde e parceirosPortfólio empresa verde e parceiros
Portfólio empresa verde e parceiros
Empresa Verde Consultoria em Sustentabilidade Empresarial
 
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
CPFL Energia
 
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticasA área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
BVS Rede de Informação e Conhecimento – SES/SP Centro de Documentação
 
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
lutcheeng
 
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
itgfiles
 
Soluções em eficiência energética.
Soluções em eficiência energética.Soluções em eficiência energética.
Soluções em eficiência energética.
abihoestepr
 
Comercialização De Energia 2009
Comercialização De Energia 2009Comercialização De Energia 2009
Comercialização De Energia 2009
InformaGroup
 
Salvador Carvalho - YUNIT
Salvador Carvalho - YUNITSalvador Carvalho - YUNIT
Salvador Carvalho - YUNIT
Construção Sustentável
 
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
CPFL Energia
 
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
Gregriomarcosmassina
 
Eficiencia
EficienciaEficiencia
Eficiencia
Alexandre Castro
 

Semelhante a 18.ago ouro i 17.00_456_copel-d (20)

18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
18.ago ouro i 08.45_411_copel-d18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
18.ago ouro i 08.45_411_copel-d
 
Monitorizacao energética em Hospitais
Monitorizacao energética em HospitaisMonitorizacao energética em Hospitais
Monitorizacao energética em Hospitais
 
Programa Eficiência Energética
Programa Eficiência EnergéticaPrograma Eficiência Energética
Programa Eficiência Energética
 
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - IntroduçãoMedição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
Medição e Verificação para projetos de Eficiência Energética - Introdução
 
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTicaEg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
Eg0912509#Programa EficiêNcia EnergéTica
 
SGS Energia
SGS EnergiaSGS Energia
SGS Energia
 
Alberto Tavares - ADENE
Alberto Tavares - ADENEAlberto Tavares - ADENE
Alberto Tavares - ADENE
 
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
Biotera - Produção mais Limpa (p+l)
 
Ainda a gestão de energia
Ainda a gestão de energiaAinda a gestão de energia
Ainda a gestão de energia
 
Portfólio empresa verde e parceiros
Portfólio empresa verde e parceirosPortfólio empresa verde e parceiros
Portfólio empresa verde e parceiros
 
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
Workshop EE 2014 - 01. Sérgio Valdir Bajay - O Cenário de Eficiência Energe...
 
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticasA área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
A área administrativa no enfrentamento das mudanças climáticas
 
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
Lutche Engenharia, Lda - Apresentação
 
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
17.ago ruby 14.00_painel m&v_reynaldo sigilião
 
Soluções em eficiência energética.
Soluções em eficiência energética.Soluções em eficiência energética.
Soluções em eficiência energética.
 
Comercialização De Energia 2009
Comercialização De Energia 2009Comercialização De Energia 2009
Comercialização De Energia 2009
 
Salvador Carvalho - YUNIT
Salvador Carvalho - YUNITSalvador Carvalho - YUNIT
Salvador Carvalho - YUNIT
 
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
Workshop EE 2014 - 08. Luiz Carlos Lopes Júnior - PEE CPFL Energia - Chamada ...
 
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
O QUE É EFICIÊNCIA ENERGÉTICA A utilização racional de energia, que consiste ...
 
Eficiencia
EficienciaEficiencia
Eficiencia
 

Mais de itgfiles

Terapia anti envelhecimento congresso go
Terapia anti envelhecimento congresso goTerapia anti envelhecimento congresso go
Terapia anti envelhecimento congresso go
itgfiles
 
Papel da trh
Papel da trhPapel da trh
Papel da trh
itgfiles
 
Café científico 2011 - 03.07.11
Café científico   2011 - 03.07.11Café científico   2011 - 03.07.11
Café científico 2011 - 03.07.11
itgfiles
 
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
itgfiles
 
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
itgfiles
 
18.ago topázio 16.00_353_tractebel
18.ago topázio 16.00_353_tractebel18.ago topázio 16.00_353_tractebel
18.ago topázio 16.00_353_tractebel
itgfiles
 
18.ago topázio 15.45_457_ceron
18.ago topázio 15.45_457_ceron18.ago topázio 15.45_457_ceron
18.ago topázio 15.45_457_ceron
itgfiles
 
18.ago topázio 15.15_435_aes sul
18.ago topázio 15.15_435_aes sul18.ago topázio 15.15_435_aes sul
18.ago topázio 15.15_435_aes sul
itgfiles
 
18.ago topázio 15.00_410_eln
18.ago topázio 15.00_410_eln18.ago topázio 15.00_410_eln
18.ago topázio 15.00_410_eln
itgfiles
 
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
itgfiles
 
18.ago topázio 12.00_371_cgtf
18.ago topázio 12.00_371_cgtf18.ago topázio 12.00_371_cgtf
18.ago topázio 12.00_371_cgtf
itgfiles
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
itgfiles
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
itgfiles
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
itgfiles
 
18.ago topázio 11.15_241_mux energia
18.ago topázio 11.15_241_mux energia18.ago topázio 11.15_241_mux energia
18.ago topázio 11.15_241_mux energia
itgfiles
 

Mais de itgfiles (20)

Terapia anti envelhecimento congresso go
Terapia anti envelhecimento congresso goTerapia anti envelhecimento congresso go
Terapia anti envelhecimento congresso go
 
Papel da trh
Papel da trhPapel da trh
Papel da trh
 
Café científico 2011 - 03.07.11
Café científico   2011 - 03.07.11Café científico   2011 - 03.07.11
Café científico 2011 - 03.07.11
 
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_sff-aneel
 
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
19.ago ruby 08.30_painel fiscalização p&d e ee_cgu
 
18.ago topázio 16.00_353_tractebel
18.ago topázio 16.00_353_tractebel18.ago topázio 16.00_353_tractebel
18.ago topázio 16.00_353_tractebel
 
18.ago topázio 15.45_457_ceron
18.ago topázio 15.45_457_ceron18.ago topázio 15.45_457_ceron
18.ago topázio 15.45_457_ceron
 
18.ago topázio 15.15_435_aes sul
18.ago topázio 15.15_435_aes sul18.ago topázio 15.15_435_aes sul
18.ago topázio 15.15_435_aes sul
 
18.ago topázio 15.00_410_eln
18.ago topázio 15.00_410_eln18.ago topázio 15.00_410_eln
18.ago topázio 15.00_410_eln
 
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
18.ago topázio 14.45_392_aeselpa
 
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
18.ago topázio 14.30_389_aeselpa
 
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
18.ago topázio 14.15_385_aeselpa
 
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
 
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
18.ago topázio 14.00_384_aeselpa
 
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
18.ago topázio 12.15_373_aeselpa
 
18.ago topázio 12.00_371_cgtf
18.ago topázio 12.00_371_cgtf18.ago topázio 12.00_371_cgtf
18.ago topázio 12.00_371_cgtf
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
 
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
18.ago topázio 11.45_340_copel ge_t
 
18.ago topázio 11.15_241_mux energia
18.ago topázio 11.15_241_mux energia18.ago topázio 11.15_241_mux energia
18.ago topázio 11.15_241_mux energia
 

18.ago ouro i 17.00_456_copel-d

  • 1. Hospital Nossa Senhora das Graças Projeto de Eficiência Energética em Hospitais Beneficentes sem fins Lucrativos. Ronoel Anderson Nehls – 18/08/2011
  • 2. Como foi selecionado... Foram relacionados os maiores Hospitais Beneficentes listados no site http://cnes.datasus.gov.br , do Ministério da Saúde, como entidades de natureza beneficente sem fins lucrativos; Realizadas visitas as instalações hospitalares, efetuando-se levantamentos e pesquisas naqueles que teriam interesse em participar do projeto; Foram selecionados 15 grandes hospitais; Descreveremos uma dessas unidades, o Hospital Nossa Senhora das Graças, pela sua referência nacional no tratamento cirúrgico de múltiplas doenças.
  • 3. Hospital Nossa Senhora das Graças O hospital conta com mais de 600 médicos com várias especialidades médicas além de ter em seu quadro funcional 1.100 empregados, trabalhando no atendimento de aproximadamente 1.000 pacientes / mês.    
  • 4. Objetivo do projeto Reduzir o consumo de energia elétrica e a demanda nos horários de ponta; Retirar equipamentos mais antigos, substituindo lâmpadas, luminárias, refrigeradores e ares condicionados menos eficientes por equipamentos novos tipo classe A e com selo Procel; As melhorias tiveram a intenção de proporcionar melhores condições de trabalho aos profissionais com o uso eficiente da energia elétrica e o combate ao desperdício; Possibilitar à COPEL atender novos consumidores sem investimentos imediatos, postergando investimentos em geração, transmissão e distribuição de energia.
  • 5. Detalhes do projeto Uso final: Iluminação, Ar condicionado e Refrigeração Custo do projeto: R$ 429.526,60 Energia economizada: 494,80 MWh/ano Retirada de demanda na ponta: 44,24 kW/ano RCB: 0,7742 Resumo descritivo: Substituição de 5.112 lâmpadas, 1.744 luminárias, 4 ar condicionados, 80 refrigeradores por equipamentos mais eficientes.
  • 6. Substituição de equipamentos Iluminação Refrigeração Selo Procel Ar condicionado Selo Inmetro
  • 7. Metodologia aplicada Levantamento técnico e pré-diagnóstico energético; Elaboração do projeto e plano de medição; Assinatura do termo de cooperação técnica – TCT; Medições antes e depois; Relatórios comparativos.
  • 9. Metodologia aplicada Avaliação dos resultados foi realizada através de medições antes e depois da implementação do projeto; Efetuaram-se medidas instantâneas de corrente, tensão, fator de potência e potência ativa, em amostras do sistema de iluminação; Utilizou-se Medidores Universais de Grandezas – MUG, para coleta de memória de massa, da potência ativa e do consumo em amostras do sistema de refrigeração e ar condicionado. Determinou-se o tamanho da amost ragem através dos critérios estabelicidos pela NBR 5426 – nível geral de inspeção I.
  • 10. Metodologia aplicada Realizou-se a extrapolação para o universo dos equipamentos de iluminação, refrigeração e ar condicionado eficientizados; Resultados das economias foram verificados por meio do uso da opção “A” do Protocolo Internacional de Medição e Verificação de Performance – PIMVP; Obtidos os resultados de economia e redução de demanda a cada seguimento de equipamentos eficientizados, Calculou-se a Relação Custo Benefício – RCB, de todo o projeto, comparando ao inicialmente previsto.
  • 13. Fotos Antes Depois
  • 14. Fotos Antes Depois
  • 15. Palestras de eficiência energética Corpo clínico e operacional
  • 16. Copel Distribuição S.A. RONOEL ANDERSON NEHLS Copel Distribuição S.A. [email_address] (41) 3310-5719 MUITO OBRIGADO!