Ética <ul><li>Morus </li></ul><ul><li>Ethika </li></ul>
Ética – definição <ul><li>Derivado do latim “morus” e do grego “ethika”, significa: ciência dos costumes, expondo o modo c...
Noções de bem e de mal  <ul><li>A ética ou moral, implica o recurso às moções de bem e de mal de dever, de obrigação, de r...
Definição didática <ul><li>A moral é a ciência que estabelece as leis ideais da atividade livre do homem às quais deve con...
Objetivo da moral <ul><li>O seu objetivo consiste precisamente em orientar o uso que o homem deve fazer da sua liberdade p...
Atos do homem e atos humanos <ul><li>Atos do homem são os que estes realizam como ser animal, sem reflexão. </li></ul><ul>...
Regras de conduta <ul><li>A moral apresenta-nos como um conjunto de regras de conduta impostas ao homem e fundadas sobre u...
Finalidade da moral <ul><li>O fim de um ser e o bem desse mesmo ser. </li></ul><ul><li>O fim último do homem constitui o s...
Atos bons e atos maus <ul><li>os atos bons, são os atos regulamentadores que levam o homem ao seu fim – a felicidade, o be...
Características da moral <ul><li>É prática </li></ul><ul><li>É universal </li></ul><ul><ul><li>Seus preceitos são os mesmo...
Valores do “bem e do mal” <ul><li>O bem é o que é necessário e o mal o que é preciso evitar. </li></ul><ul><li>Valores mor...
Tipos de moral <ul><li>Moral religiosa </li></ul><ul><li>Moral metafísica </li></ul><ul><li>Moral científica </li></ul><ul...
A  moral e a religião <ul><li>As normas morais são mandamentos divinos cujas decisões foram desvendadas pela revelação </l...
A moral e a metafísica <ul><li>Nessa moral, as normas se fundamentam num mundo transcendente, num ideal de natureza absolu...
A moral e a ciência <ul><li>Procuram desvendar a moral a partir dos conhecimentos empíricos coletados e formular regras de...
A moral racional de Kant <ul><li>A moral é autônoma. </li></ul><ul><li>O bem e o mal dependem unicamente da vontade, que é...
A moral dos valores <ul><li>A moral é a propriedade que torna uma coisa susceptível de ser considerada desejável ou digna ...
<ul><li>Se lhe falta um desses elementos, não haverá valores, pois o valor só se entende em relação a uma pessoa. </li></u...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Ética

2.499 visualizações

Publicada em

Sobre a Ética e Moral

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.499
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
117
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
129
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Ética

  1. 1. Ética <ul><li>Morus </li></ul><ul><li>Ethika </li></ul>
  2. 2. Ética – definição <ul><li>Derivado do latim “morus” e do grego “ethika”, significa: ciência dos costumes, expondo o modo como os homens devem viver. </li></ul><ul><li>É a ciência dos costumes tais quais devem ser. </li></ul>
  3. 3. Noções de bem e de mal <ul><li>A ética ou moral, implica o recurso às moções de bem e de mal de dever, de obrigação, de responsabilidade, de juizos de valor, que são o conteúdo da consciência moral e indicam o que deve ser. </li></ul><ul><li>Boirac – à moral propõe saber não como os homens vivem de fato, mas como devem viver. </li></ul>
  4. 4. Definição didática <ul><li>A moral é a ciência que estabelece as leis ideais da atividade livre do homem às quais deve conformar as suas ações, para poder viver conforme a sua natureza e atingir o seu fim último. </li></ul>
  5. 5. Objetivo da moral <ul><li>O seu objetivo consiste precisamente em orientar o uso que o homem deve fazer da sua liberdade para atingir seu fim último. </li></ul><ul><li>A moral é consciente – fazem parte dessa categoria todos os que tenham consciência de suas ações. </li></ul>
  6. 6. Atos do homem e atos humanos <ul><li>Atos do homem são os que estes realizam como ser animal, sem reflexão. </li></ul><ul><li>Atos humanos são os que o homem pratica como ser racional e livre, levando em conta os conceitos do bem e do mal como advertência regulamentadora das atividades humanas. </li></ul>
  7. 7. Regras de conduta <ul><li>A moral apresenta-nos como um conjunto de regras de conduta impostas ao homem e fundadas sobre um critério de distinção do bem e do mal. </li></ul>
  8. 8. Finalidade da moral <ul><li>O fim de um ser e o bem desse mesmo ser. </li></ul><ul><li>O fim último do homem constitui o seu bem supremo para o qual deve dirigir todos os seus atos, pois possuindo-o será eternamente feliz. </li></ul>
  9. 9. Atos bons e atos maus <ul><li>os atos bons, são os atos regulamentadores que levam o homem ao seu fim – a felicidade, o bem estar. </li></ul><ul><li>os atos maus são aqueles que desviam o homem do seu fim. </li></ul>
  10. 10. Características da moral <ul><li>É prática </li></ul><ul><li>É universal </li></ul><ul><ul><li>Seus preceitos são os mesmos para todos os homens, de todos os tempos e lugares. </li></ul></ul><ul><li>É absoluta ou categórica </li></ul>
  11. 11. Valores do “bem e do mal” <ul><li>O bem é o que é necessário e o mal o que é preciso evitar. </li></ul><ul><li>Valores morais, pelos quais avaliamos e apreciamos as nossas ações e as dos nossos semelhantes. </li></ul><ul><li>Nossa atitude perante a moral é de aceitação ou recusa. </li></ul>
  12. 12. Tipos de moral <ul><li>Moral religiosa </li></ul><ul><li>Moral metafísica </li></ul><ul><li>Moral científica </li></ul><ul><li>Moral racional de kant </li></ul><ul><li>Moral dos valores </li></ul>
  13. 13. A moral e a religião <ul><li>As normas morais são mandamentos divinos cujas decisões foram desvendadas pela revelação </li></ul><ul><li>Ex: a vida de Moisés, o monte sinai, os mandamentos. </li></ul><ul><li>Crítica: na moral, um dos aspectos é a universalidade; esta moral se refere apenas aos adeptos religiosos, podendo ser adotado ou não, e não tendo valor para os incrédulos. </li></ul>
  14. 14. A moral e a metafísica <ul><li>Nessa moral, as normas se fundamentam num mundo transcendente, num ideal de natureza absoluta que coordena as ações humanas, diferenciando-se de Deus. </li></ul><ul><li>Crítica: se a moral religiosa é própria do crente, a moral metafísica seria exclusiva do filósofo que leva a sua capacidade de raciocínios aos maiores extremos. </li></ul>
  15. 15. A moral e a ciência <ul><li>Procuram desvendar a moral a partir dos conhecimentos empíricos coletados e formular regras de valores. </li></ul>
  16. 16. A moral racional de Kant <ul><li>A moral é autônoma. </li></ul><ul><li>O bem e o mal dependem unicamente da vontade, que é absolutamente autônoma. </li></ul>
  17. 17. A moral dos valores <ul><li>A moral é a propriedade que torna uma coisa susceptível de ser considerada desejável ou digna de apreço. </li></ul><ul><li>Uma cosa só tem valor em face da pessoa, se por ela for querida e amada. </li></ul><ul><li>O valor supõe: </li></ul><ul><ul><li>inteligência, para ser compreendido, julgado e avaliado; </li></ul></ul><ul><ul><li>vontade, para ser querido; </li></ul></ul><ul><ul><li>Afetividade, para ser amado </li></ul></ul>
  18. 18. <ul><li>Se lhe falta um desses elementos, não haverá valores, pois o valor só se entende em relação a uma pessoa. </li></ul><ul><li>O autêntico valor supõe inteligência, afetividade e vontade. </li></ul>

×