SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 56
Baixar para ler offline
Plano de Trânsito, Transporte e
Mobilidade do Município de Amparo
Relatório Técnico 01
Reconhecimento da Situação Atual -
Resultados das Pesquisas e Levantamentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
2
Sumário
1. Apresentação......................................................................................................................................................................... 3
2. Serviço de transporte coletivo municipal................................................................................................................................. 4
Demanda ............................................................................................................................................................................ 14
Lotação das viagens de transporte coletivo........................................................................................................................... 16
Tempos de viagem e velocidade operacional ......................................................................................................................... 17
Perfil de embarque e desembarque das linhas...................................................................................................................... 17
Pontos de parada................................................................................................................................................................. 25
Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião ................................................................................................................... 27
3. Infra-Estrutura associada à Circulação ................................................................................................................................ 30
Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião ................................................................................................................... 43
4. Condições de Circulação ...................................................................................................................................................... 47
Fluxo veicular em intersecções principais ............................................................................................................................ 50
5. Atuação da Prefeitura .......................................................................................................................................................... 56
Índice de figuras
Figura 1. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem............................... 5
Figura 2. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem (área central
expandida)................................................................................................................................................................................. 6
Figura 3. Itinerários das linhas 1, 2, 3 e 4 e seus atendimentos.................................................................................................. 7
Figura 4. Itinerários das linhas 5, 6, 13, 14, 15 e 16 e seus atendimentos .................................................................................. 8
Figura 5. Itinerários das linhas 7 e 8 e seus atendimentos.......................................................................................................... 9
Figura 6. Itinerários das linhas 9, 10, 11 e 12 e seus atendimentos.......................................................................................... 10
Figura 7. Itinerários das linhas 17, 18 e 23 e seus atendimentos.............................................................................................. 11
Figura 8. Itinerários das linhas 19 e 20 e seus atendimentos.................................................................................................... 12
Figura 9. Itinerários das linhas 21, 22, 24 e 25 e seus atendimentos ........................................................................................ 13
Figura 10. Localização dos pontos de parada da rede de transporte coletivo municipal.............................................................. 26
Figura 11. Disco de apoio à resposta estimulada ...................................................................................................................... 29
Figura 12. Hierarquia viária..................................................................................................................................................... 30
Figura 13. Tipo de pavimento................................................................................................................................................... 31
Figura 14. Tipo de pavimento (área central expandida) ............................................................................................................. 32
Figura 15. Condição do pavimento ........................................................................................................................................... 33
Figura 16. Condição do pavimento (área central expandida) ..................................................................................................... 34
Figura 17. Largura das vias ..................................................................................................................................................... 35
Figura 18. Largura das vias (área central expandida)................................................................................................................ 36
Figura 19. Tipo de piso nas calçadas........................................................................................................................................ 37
Figura 20. Tipo de piso nas calçadas (área central expandida) .................................................................................................. 38
Figura 21. Condição do piso das calçadas ................................................................................................................................ 39
Figura 22. Condição do piso das calçadas (área central expandida)........................................................................................... 40
Figura 23. Largura das calçadas .............................................................................................................................................. 41
Figura 24. Largura das calçadas (área central expandida)......................................................................................................... 42
Figura 25: Localização dos postos de contagem de tráfego ........................................................................................................ 50
Índice de Gráficos
Gráfico 1: Distribuição da frota operacional ao longo do dia útil ................................................................................................. 4
Gráfico 2: Incidência da gratuidade por período do dia ............................................................................................................. 14
Gráfico 3: Distribuição dos passageiros por linha..................................................................................................................... 14
Gráfico 4: Índices de isenção por linha..................................................................................................................................... 15
Gráfico 5: Distribuição horária dos passageiros........................................................................................................................ 15
Gráfico 6: Distribuição das viagens por período e nível de serviço ............................................................................................. 16
Gráfico 7: Níveis de serviço das viagens por tipo de veículo e total ............................................................................................ 16
Gráfico 8: Velocidade operacional das linhas............................................................................................................................ 17
Gráfico 9: Distribuição dos passageiros por condição de proteção do ponto de parada .............................................................. 25
Gráfico 10: Distribuição dos embarques e desembarques por tipo de ponto de parada .............................................................. 25
Gráfico 11. Avaliação do serviço de transporte coletivo municipal............................................................................................. 27
Gráfico 12. Índice de Imagem dos atributos avaliados (pesquisa com usuários)......................................................................... 27
Gráfico 13. Avaliação dos atributos serviço de transporte coletivo municipal ........................................................................... 28
Gráfico 14. Principais problemas do serviço de transporte coletivo (induzida)............................................................................ 29
Gráfico 15. Conhecimento do sistema pelos usuários (itinerário e horários) .............................................................................. 29
Gráfico 16. Avaliação geral do sistema viário............................................................................................................................ 43
Gráfico 17. Avaliação do estado de conservação das calçadas................................................................................................... 43
Gráfico 18. Avaliação da largura das calçadas.......................................................................................................................... 44
Gráfico 19. Avaliação das condições das travessias de pedestres .............................................................................................. 44
Gráfico 20. Índice de Imagem dos atributos da infra-estrutura viária (ciclistas e motoristas)..................................................... 45
Gráfico 21. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos ciclistas.............................................................................. 46
Gráfico 22. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos motoristas .......................................................................... 46
Gráfico 23. Índice de Imagem dos atributos do trânsito (ciclistas e motoristas) ......................................................................... 47
Gráfico 24. Avaliação dos atributos do trânsito pelos ciclistas .................................................................................................. 48
Gráfico 25. Avaliação dos atributos do trânsito pelos motoristas .............................................................................................. 48
Gráfico 26. Índice de Imagem dos atributos de segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) .................................................... 49
Gráfico 27: Avaliação dos atributos da segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) ................................................................ 49
Gráfico 28. Índice de Imagem da atuação da Prefeitura de Amparo nos transportes .................................................................. 56
Gráfico 29. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos usuários do transporte coletivo........................................................... 56
Gráfico 30. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos ciclistas ............................................................................................. 56
Gráfico 31. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos motoristas (carros e motos) ................................................................ 56
Índice de Tabelas
Tabela 1: Relação de linhas base da rede de transporte coletivo de Amparo ................................................................................ 4
Tabela 2: Tempos médios de viagem das linhas........................................................................................................................ 17
Tabela 3: Quantidade de pontos de parada por tipo.................................................................................................................. 25
Tabela 4: Relação dos principais pontos de parada do Município de Amparo............................................................................. 25
Tabela 5. Índice de Imagem do serviço municipal de transporte coletivo ................................................................................... 27
Tabela 6. Avaliação Geral do sistema viário.............................................................................................................................. 43
Tabela 7. Avaliação do estado de conservação das calçadas...................................................................................................... 43
Tabela 8. Avaliação da largura das calçadas............................................................................................................................. 44
Tabela 9. Avaliação das condições das travessias de pedestres ................................................................................................. 44
Tabela 10. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de bicicleta................................................................................. 45
Tabela 11. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de automóveis e motos ............................................................... 45
Tabela 12. Avaliação das condições do trânsito pelos usuários de bicicleta ............................................................................... 47
Tabela 13. Avaliação das condições de trânsito pelos usuários de automóveis e motocicletas .................................................... 47
Tabela 14. Avaliação da atuação da Prefeitura nos transportes................................................................................................. 56
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
3
1. Apresentação
Este documento apresenta uma síntese das atividades desenvolvidas na primeira fase
(“Reconhecimento da Situação Atual”) de elaboração do Plano de Trânsito, Transporte e
Mobilidade do Município de Amparo.
Essa primeira fase prevista no Plano de Trabalho inclui as atividades preliminares
(reconhecimentos e levantamentos de campo, organização dos dados e informações e
preparação das bases cartográficas) e a realização das pesquisas (pesquisa embarque e
desembarque com senha no transporte coletivo, pesquisas de contagem de volume de tráfego
em cruzamentos escolhidos pela equipe técnica da Prefeitura e pesquisa de imagem realizada
com usuários do transporte coletivo, de veículos motorizados individuais (automóveis e
motocicletas) e ciclistas).
Neste relatório estão condensadas algumas das informações obtidas com a seguinte
organização:
a) Informações sobre o serviço municipal de transporte coletivo;
b) Informações sobre a infra-estrutura viária do Município;
c) Informações sobre as condições de circulação e tráfego.
As informações sobre o sistema municipal de transporte coletivo incluem dados levantados
junto à empresa operadora (Viação Amparo) e dados obtidos nas pesquisas realizadas,
principalmente a de avaliação dos usuários. Outras informações serão futuramente
agregadas na medida em que sejam realizadas novas tabulações da pesquisa de embarque /
desembarque nas fases subseqüentes do trabalho.
Os dados sobre a infra-estrutura viária foram elaborados a partir dos levantamentos de
campo no sistema viário principal e outras informações fornecidas pela Prefeitura; além das
avaliações dos três grupos de usuários pesquisados (transporte coletivo, transporte individual
e bicicletas). Neste relatório as informações se limitam aos seus aspectos descritivos que
serão avaliados com mais profundidade também nas etapas posteriores.
A necessidade de priorizar as pesquisas do transporte coletivo antes do encerramento das
atividades escolares e os cronogramas de algumas obras importantes em alguns dos
cruzamentos escolhidos atrasaram a realização das contagens volumétricas, que foram
realizadas apenas no final do ano. Conseqüentemente, as avaliações das condições de
circulação se limitam neste relatório às avaliações da pesquisa de imagem e serão
complementadas oportunamente com as análises dos dados das pesquisas.
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
4
2. Serviço de transporte coletivo municipal
O Serviço de transporte coletivo municipal de Amparo está organizado em uma rede de 22
linhas. Na verdade, esta rede é formada por 11 rotas, já que a empresa operadora trata o
percurso de ida e de volta como linhas distintas.
Ainda que a quantidade de linhas seja pequena, portanto, indicadora de uma rede simples,
verificou-se a existência de uma quantidade expressiva de 34 atendimentos em horários
específicos que apresentam trajetos diferenciados em relação à linha base ou tronco
principal. Tais atendimentos oferecem viagem para situações específicas, em alguns bairros,
ou destinos, como fábricas, resultando uma rede complexa, tanto para a operação, como para
o conhecimento da população. Somadas as linhas base e os atendimentos, há 56 variantes de
trajetos na área urbana.
Há ainda 3 rotas de atendimento rural, resultando um conjunto de 59 rotas para o serviço de
transporte coletivo.
Em um dia útil, são ofertadas 290 viagens, das quais 214 viagens são ofertadas nas linhas
base e 76 viagens nos atendimentos.
A frota operacional máxima utilizada no serviço é de 15 veículos.
Gráfico 1: Distribuição da frota operacional ao longo do dia útil
Distribuiçào da frota ao longo do dia
0 0 0 0
4
8
12
15
12 12
10 10
13
14
13 13
12 12 12
10
6 6 6
2
0
2
4
6
8
10
12
14
16
1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24
Faixa horária
Tabela 1: Relação de linhas base da rede de transporte coletivo de Amparo
Nº Linha Saida Chegada Ext. (km)
Viagens
Dias Úteis
1 Jd. Brasil Jd. Silmara 8,4 25
2 Jd. Silmara Jd. Brasil 9,6 29
3 Jd. Brasil Jd. Adélia / Figueira 10,7 11
4 Jd. Adélia / Figueira Jd. Brasil 10,7 11
5 São Dimas Rodoviária 8,8 33
6 Rodoviária São Dimas 8,8 29
7 Rodoviária Três Pontes 9,0 13
8 Três Pontes Rodoviária 9,0 13
9 Rodoviária Marchiori 16,9 6
10 Marchiori Rodoviária 16,9 7
11 Rodoviária Vale Verde 7,0 1
12 Vale Verde Rodoviária 7,0 1
13 São Dimas Rodoviária 8,0 20
14 Rodoviária São Dimas 8,0 18
15 Santa Maria Rodoviária 10,0 3
16 Rodoviária São Dimas 10,0 2
17 Arcadas Rodoviária 14,0 21
18 Rodoviária Arcadas 14,0 18
19 Jd. Brasil Jd. Das Aves (Lanifício) 7,8 8
20 Jd. Das Aves (Lanifício) Jd. Brasil 7,8 8
21 Jd. Silmara Jd. Das Aves (Lanifício) 8,6 3
22 Jd. Das Aves (Lanifício) Jd. Silmara 8,6 4
23 Jd. Das Aves (Lanifício) Arcadas 12,0 1
25 São Dimas Jd. Das Aves (Lanifício) 8,0 1
Considerando as projeções de viagens para finais de semana, estima-se que a frota municipal
percorra pouco mais de 81 mil km por mês, isto é, 5.812 km por veículo (Percurso Médio
Mensal).
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
5
Figura 1. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
6
Figura 2. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
7
Figura 3. Itinerários das linhas 1, 2, 3 e 4 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
8
Figura 4. Itinerários das linhas 5, 6, 13, 14, 15 e 16 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
9
Figura 5. Itinerários das linhas 7 e 8 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
10
Figura 6. Itinerários das linhas 9, 10, 11 e 12 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
11
Figura 7. Itinerários das linhas 17, 18 e 23 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
12
Figura 8. Itinerários das linhas 19 e 20 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
13
Figura 9. Itinerários das linhas 21, 22, 24 e 25 e seus atendimentos
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
14
Demanda
Os dados obtidos junto à Viação Amparo indicam que são transportados mensalmente 164
mil passageiros, correspondente aos passageiros que passam pela catraca, resultando um
valor de 20 passageiros por viagem, ou 391 passageiros por veículo operacional
(considerando como frota operacional a média da frota do pico manhã e da tarde, que é de 14
veículos).
Desta quantidade de passageiros transportados, uma parcela é de passageiros escolares, que
são beneficiados com uma tarifa mais barata, equivalente a 50% do valor da tarifa de
referência. Logo, a quantidade de passageiros equivalentes ao pagamento da tarifa integral é
menor do que o valor acima referido. Considerando os dados da empresa, há um total de
12.640 passageiros escolares mensais, que resulta um total de 157.954 passageiros
equivalentes por mês.
A pesquisa sobe e desce foi realizada em uma amostra de 75% das viagens de dias úteis,
permitindo a obtenção dos dados sobre passageiros transportados, tanto que passam pela
catraca dos ônibus, como os que não pagam passagem, por serem beneficiados por isenções
tarifárias.
O total de embarques contados nas viagens pesquisadas foi de 6.442 passageiros, dos
quais, 5.129 são passageiros que passam pela catraca e 1.313 são passageiros isentos.
Considerando este dado, obtém-se um índice de 20% de passageiros gratuitos, ou expresso
de outra forma, de 26% dos passageiros pagantes, o que significa que a cada 5 passageiros
no veículo, um não paga, que se constitui em um indicador elevado.
Gráfico 2: Incidência da gratuidade por período do dia
21%
27%
20%
24%
14%
20%
26%
37%
25%
31%
17%
26%
0%
5%
10%
15%
20%
25%
30%
35%
40%
PM EPM PA EPT PT Geral
Índice sobre o total Índice sobre os pagantes
Gráfico 3: Distribuição dos passageiros por linha
0
200
400
600
800
1000
1200
1400
1600
1800
2000
05/06-Jd.SãoDimasviaSP95
13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca
01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara
17/18-Arcadas
07/08-TrêsPontes
03/04-Jd.Brasil/Jd.AdéliaFigueira
15/16-SantaMarta
09/10-Marchiori
19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves
(Lanifício)
21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves
(Lanifício)
11/12-ValeVerde
Catracados Isentos
As duas linhas de maior demanda são as que atendem o Jd. São Dimas (linhas 05/06 (Via SP
95) e 13/14 (Via Jd. Bianca)). A linha 01/02 (Jd. Brasil / Jd. Silmara) também tem uma
demanda expressiva, porém com destaque para a grande incidência de passageiros isentos,
que atinge 40% dos pagantes.
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
15
Gráfico 4: Índices de isenção por linha
0%
10%
20%
30%
40%
50%
60%
70%
80% 01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara
03/04-Jd.Brasil/Jd.AdéliaFigueira
05/06-Jd.SãoDimasviaSP95
07/08-TrêsPontes
09/10-Marchiori
11/12-ValeVerde
13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca
15/16-SantaMarta
17/18-Arcadas
19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves
(Lanifício)
21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves
(Lanifício)
Geral
Considerando os dados levantados na pesquisa, obtém-se uma relação de 29,8 passageiros
por viagem em dias úteis, dos quais 23,7 são pagantes.
Com base neste indicador pode-se expandir a amostra de viagens, obtendo-se uma inferência
do total de passageiros transportados em dias úteis que é de 8.648 passageiros totais e de
6.888 passageiros pagantes.
Considerando uma projeção para o mês, pode-se estimar os seguintes totais:
• 224.848 passageiros totais
• 179.088 passageiros pagantes
• 172.198 passageiros equivalentes.
A distribuição da demanda por faixa horária indica uma maior utilização do transporte
coletivo no período da tarde.
Gráfico 5: Distribuição horária dos passageiros
0
100
200
300
400
500
600
700
5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22
Embarques
Isentos Catracados
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
16
Lotação das viagens de transporte coletivo
A lotação das viagens do serviço de transporte coletivo é avaliada através de dois indicadores:
(i) taxa de passageiros em pé/m² e o nível de serviço, expresso através de códigos em uma
escala de A- até F, o quais representam uma relação com uma lotação de referência,
associada a um valor considerado como uma taxa de conforto básica ou admissível
No caso de Amparo, onde há dois tipos de veículos: ônibus e microônibus, os níveis de serviço
variam em função das distintas capacidades destes dois veículos.
Os códigos empregados são dados de acordo com a seguinte escala:
Nível Convencional Micro
A - Menos da metade dos lugares sentados (20) Menos da metade dos lugares sentados (12)
A No limite os lugares sentados (de 21 a 40) No limite os lugares sentados (de 13 a 25)
B Até 10 pessoas em pé (de 41 a 50) Até 3 pessoas em pé (de 26 a 28)
C Até 20 pessoas em pé (de 51 a 60) Até 7 pessoas em pé (de 29 a 32)
D
Até 30 pessoas em pé (lotação máxima admitida)
(de 61 a 70)
Até 10 pessoas em pé (lotação máxima admitida)
(de 33 a 35)
E
Até 10 pessoas além da lotação admitida, isto é,
40 pessoas em pé (de 71 a 80)
Até 4 pessoas além da lotação admitida, isto é, 14
pessoas em pé (de 35 a 39)
F Acima de 40 pessoas em pé Acima de 14 pessoas em pé
Gráfico 6: Distribuição das viagens por período e nível de serviço
0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100%
PM
EPM
PA
EPT
PT
PPT
F 4% 0% 3% 0% 4% 0%
E 2% 0% 0% 0% 2% 7%
D 6% 3% 3% 10% 6% 0%
C 10% 3% 12% 14% 14% 0%
B 12% 15% 21% 17% 18% 7%
A 24% 50% 50% 48% 22% 57%
A - 43% 30% 12% 10% 34% 29%
PM EPM PA EPT PT PPT
Gráfico 7: Níveis de serviço das viagens por tipo de veículo e total
Önibus convencional
A -
34%
A
30%
B
18%
C
9%
D
7%
E
1%
F
1%
Micro
A -
18%
A
51%
B
12%
C
10%
D
1%
E
3%
F
5%
Total
A -
28%
A
38%
B
16%
C
10%
D
5%
E
1%
F
2%
O nível de serviço geral é muito bom, isto é, a maior parte das viagens apresenta nível A ou A
-, isto é, abaixo da lotação de banco dos veículos. De fato, 66% das viagens estão nesta
situação. Os problemas de lotação excessiva estão concentrados no caso dos microônibus,
com 8% do total das viagens que ocorrem neste tipo de veículo.
Por período do dia, a lotação excessiva (níveis E e F) ocorre nos horários de pico, com 6% nos
períodos da manhã e no período da tarde.
Por linha, as lotações médias superiores a 5 pass. em pé/m² (que define o limite do nível D)
ocorrem nas linhas 4 (Jd. Adélia Figueira / Jd. Brasil); 10 (Marchiori) e 13 (São Dimas, via
Jd. Bianca).
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
17
Tempos de viagem e velocidade operacional
Os tempos de viagem médios e as velocidades operacionais decorrentes indicam uma situação
adequada para a operação do transporte coletivo, ainda que parte deste bom desempenho
pode ser creditada ao fato de várias linhas possuírem parte de seu trajeto em rodovias ou vias
de baixo fluxo de tráfego.
Neste sentido, aponta-se a baixa velocidade das linhas que tem vias da área central com
maior participação no seu trajeto, caso das linhas 1/2 e 3/4.
Tabela 2: Tempos médios de viagem das linhas
Linha Tempo (min)
01 / 02 - Jd. Brasil / Jd. Silmara 34
03 / 04 - Jd. Brasil / Jd. Adélia Figueira 32
05 / 06 - Jd. São Dimas via SP 95 22
07 / 08 - Três Pontes 20
09 / 10 - Marchiori 34
11 / 12 - Vale Verde 15
13 / 14 - Jd. São Dimas via Jd. Bianca 25
15 / 16 - Santa Marta 29
17 / 18 - Arcadas 25
19 / 20 - Jd. Brasil / Jd. das Aves (Lanifício) 28
21 / 22 - Jd. Silmara / Jd. das Aves (Lanifício) 27
Geral 26
Gráfico 8: Velocidade operacional das linhas
16
20
24
28
31
28
20
22
36
18
19
23
0
5
10
15
20
25
30
35
40
01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara
03/04-Jd.Brasil/Jd.Adélia
Figueira
05/06-Jd.SãoDimasviaSP95
07/08-TrêsPontes
09/10-Marchiori
11/12-ValeVerde
13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca
15/16-SantaMarta
17/18-Arcadas
19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves
(Lanifício)
21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves
(Lanifício)
Geral
Veloc.(km/h)
Pico Dia
Perfil de embarque e desembarque das linhas
A seguir é apresentado um conjunto de gráficos que ilustram o perfil de embarques e
desembarques por ponto de parada para cada linha pesquisada, relativa ao horário de pico.
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
18
Perfil de sobe e desce da linha 1 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 1 Pico Tarde
0
5
10
15
20
25
30
35
40
45
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 2 Pico Manhã
0
10
20
30
40
50
60
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 2 Pico Tarde
0
2
4
6
8
10
12
14
16
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
19
Perfil de sobe e desce da linha 3 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
1
2
3
4
5
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 3 Pico Tarde
0
5
10
15
20
25
30
1
2
3
4
5
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 4 Pico Tarde
0
1
2
3
4
5
6
7
1
3
11
12
14
15
16
17
18
19
20
22
23
25
26
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
20
Perfil de sobe e desce da linha 5 Pico Manhã
0
20
40
60
80
100
120
140
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 5 Pico Tarde
0
5
10
15
20
25
30
35
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 6 Pico Manhã
0
5
10
15
20
25
30
35
1
2
3
4
5
6
7
8
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 6 Pico Tarde
0
20
40
60
80
100
120
140
160
180
1
2
3
4
5
6
7
8
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
21
Perfil de sobe e desce da linha 7 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
14
16
18
1
3
4
5
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 7 Pico Tarde
0
20
40
60
80
100
120
140
160
1
3
4
5
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 8 Pico Manhã
0
5
10
15
20
25
30
35
40
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 8 Pico Tarde
0
5
10
15
20
25
30
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
22
Perfil de sobe e desce da linha 9 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
14
1
4
7
8
12
14
15
20
21
27
28
29
30
31
32
34
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 10 Pico Manhã
0
5
10
15
20
25
30
1
2
3
4
5
6
7
8
11
12
15
17
18
19
20
21
22
23
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 14 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
14
16
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 14 Pico Tarde
0
10
20
30
40
50
60
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
23
Perfil de sobe e desce da linha 15 Pico Tarde
0
5
10
15
20
25
30
1
2
3
4
5
6
9
11
12
13
16
18
19
20
21
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 16 Pico Tarde
0
10
20
30
40
50
60
70
80
90
100
1
2
3
4
6
7
8
9
10
11
12
13
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
29
30
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Perfil de sobe e desce da linha 17 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
1
2
3
4
5
7
8
9
12
14
15
17
18
19
20
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Perfil de sobe e desce da linha 17 Pico Tarde
0
2
4
6
8
10
12
14
1
2
3
4
5
7
8
9
12
14
15
17
18
19
20
Pontos
Pass.
PT Sobe PT Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
24
Perfil de sobe e desce da linha 18 Pico Manhã
0
2
4
6
8
10
12
14
16
1
2
4
6
7
8
11
13
14
15
19
20
21
22
Pontos
Pass.
PM Sobe PM Desce
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
25
Pontos de parada
O levantamento cadastral realizado identificou a existência de 225 locais de embarque e
desembarque de passageiros do serviço de transporte coletivo, dos quais, a grande maioria
não possui identificação.
Tabela 3: Quantidade de pontos de parada por tipo
Tipo Quant. %
Terminais 2 0,89%
Abrigo de concreto 17 7,56%
Abrigo de madeira 52 23,11%
Abrigo metálico 1 0,44%
Sub-total abrigos 70 31,11%
Marco 24 10,67%
Sem identificação 129 57,33%
Considerando os dados obtidos na pesquisa sobe e desce, verifica-se que, apesar da
existência de um elevado número de locais de parada de ônibus sem qualquer identificação,
logo, sem infra-estrutura para abrigo dos usuários, a maior parte dos embarques ocorrem em
locais abrigados. De fato, 80% dos embarques se dão nesta condição, com destaque para o
embarque que ocorre no Terminal Rodoviário, responsável por 25% do total de embarques.
Já os desembarques ocorrem predominantemente em locais sem proteção, notadamente em
locais também sem identificação, o que se constitui um problema para a boa identificação do
uso do serviço.
Gráfico 9: Distribuição dos passageiros por condição de proteção do ponto de parada
79,9%
38,7%
20,1%
61,3%
0% 20% 40% 60% 80% 100%
Embarque
Desembarque
Com proteção Sem proteção
Gráfico 10: Distribuição dos embarques e desembarques por tipo de ponto de parada
0
500
1000
1500
2000
2500
3000
3500
4000
Passageiros
Total de sobe Total de desce
Total de sobe 407 889 1144 2188 187 3519 1627
Total de desce 1369 2448 445 969 69 1483 928
Marco
Sem identifi-
cação
Abrigo de
concreto
Abrigo de
madeira
Abrigo
metálico
Sub-total
abrigo
Terminal
Os principais pontos de parada, que representam 50% do total de passageiros movimentados
são mostrados abaixo.
Tabela 4: Relação dos principais pontos de parada do Município de Amparo
Ponto cidade Tipo
Total de
embar-
ques
Total de
desem-
barques
Movimen-
tação
total
6 / R. da Alegria - Rodoviária Terminal Rodoviário 1.626 869 2.495
10 / Av. Bernardino de Campos - op CITEC Marco 51 604 655
8 / R. Comendador Guimarães - Supermercado Guarani Abrigo de concreto 534 42 576
113 / R. Treze de Maio - Photo Amparo Marco 60 220 280
228 / R. Orlando Audrai de Barros Bueno - Hot Point Abrigo de madeira 120 137 257
7 / Praça Rui Barbosa - Praça da Rodoviária Abrigo metálico 187 69 256
237 / R. Tácito Loschiavo - nº432 Abrigo de madeira 154 89 243
13 / Av. Bernardino de Campos - op Quiosque de Lanches Abrigo de concreto 157 34 191
12 / Av. Bernardino de Campos - Galpão da Minasa Marco 28 154 182
217 / R. Alcides Postali - op Escola Silvio Vichi Abrigo de madeira 150 16 166
207 / R. Frederico Trentini - Pto Final e Inicial Abrigo de madeira 72 83 155
11 / Av. Bernardino de Campos - Hosp. Benef. Portuguesa Marco 29 118 147
188 / Av. Augusto Barassa - Sem identificação 13 130 143
126 / R. Rio Grande do Norte - Pto Final e Inicial Abrigo de madeira 76 66 142
48 / R. Alfredo de Barros - op Banheiro Público Abrigo de madeira 91 43 134
229 / R. Orlando Audrai de Barros Bueno - op Hot Point Sem identificação 0 130 130
17 / Av. Bernardino de Campos - Assembléia de Deus Marco 42 86 128
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
26
Figura 10. Localização dos pontos de parada da rede de transporte coletivo municipal
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
27
Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião
Tabela 5. Índice de Imagem do serviço municipal de transporte coletivo
Avaliação do serviço
pelos usuários
Avaliação da Viação
Amparo pelos usuários
Avaliação do serviço
por usuários de carro
e moto
Avaliação do serviço
por usuários de
bicicletaConceito
Num % Total % Total % Total %
Muito Bom 24 3,7% 24 3,7% 7 2,1% 3 1,4%
Bom 436 66,4% 435 66,6% 196 57,8% 120 55,6%
Regular 166 25,3% 151 23,1% 102 30,1% 62 28,7%
Ruim 22 3,3% 28 4,3% 22 6,5% 26 12,0%
Péssimo 9 1,4% 15 2,3% 12 3,5% 5 2,3%
Total 657 100,0% 653 100,0% 339 100,0% 216 100,0%
Não opinaram 9 13 56 15
Índice de imagem 84,73% 78,56% 64,06% 55,56%
Aprovação 70% 70% 60% 57%
Aprovação + regular 95% 93% 90% 86%
Desaprovação 5% 7% 10% 14%
Avaliação geral do serviço municipal de transporte coletivo e da operação da Viação Amparo é
positiva; principalmente entre os usuários do serviço.
Gráfico 11. Avaliação do serviço de transporte coletivo municipal
3,7%
66,4%
25,3%
3,3%
1,4%
3,7%
66,6%
23,1%
4,3%
2,3%
2,1%
57,8%
30,1%
6,5%
3,5%
1,4%
55,6%
28,7%
12,0%
2,3%
0,0%
10,0%
20,0%
30,0%
40,0%
50,0%
60,0%
70,0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Avaliação do serviço pelos usuários Avaliação da Viação Amparo pelos usuários
Avaliação do serviço por usuários de carro e moto Avaliação do serviço por usuários de bicicleta
Gráfico 12. Índice de Imagem dos atributos avaliados (pesquisa com usuários)
-100%
-80%
-60%
-40%
-20%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
TrajetodasLinhas
HoráriosdePartidas
Cumpr.dosHorários
Lotação
Tempoespera
CondiçõesPtos.Parada
LimpezaÔnibus
Conserv.Manut.
MotoristaseCobradores
SegurançaViagens
FinasSemana
QualidadeV.Amparo
A avaliação isolada dos atributos do serviço não atinge o mesmo nível de aprovação do
conjunto do sistema, com alguns aspectos avaliados negativamente (oferta nos finais de
semana e lotação dos ônibus); outros dois atributos receberam avaliações significativamente
reduzidas, ainda que positivas (tempo de espera e condição dos pontos de parada).
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
28
Gráfico 13. Avaliação dos atributos serviço de transporte coletivo municipal
Trajeto das Linhas
67%
7% 3% 4%
19%
Muito Bom Bom Regular Ruim P éssimo
Horário das Partidas
58%
12%
4% 3%
23%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Cumprimento dos Horários
57%
11% 2% 2%
28%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Lotação dos Ônibus
37%
26%
8% 1%
28%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Tempo de Espera nos Pontos
51%
16%
5% 1%
27%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Condições dos Pontos de Parada
56%
15%
7% 1%
21%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Limpeza dos Ônibus
67%
4% 4%
20%
5%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Conservação e Manutenção da Frota
63%
6%
5% 4%
22%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Comportamento dos Operadores
66%
3% 0% 16%
15%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Operação da Viação Amparo
67%
4% 2% 4%
23%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Serviço em Finais de Semana
37%
24%
18%
20%
1%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Segurança das Viagens
59%
10%
3% 7%
21%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
29
Gráfico 14. Principais problemas do serviço de transporte coletivo (induzida)
Na questão com respostas estimuladas pela apresentação de alternativas, foi inserida a
questão tarifária, indicada pelos usuários como o principal problema do serviço.
Figura 11. Disco de apoio à resposta estimulada
Dada a dificuldade de obtenção de informações preliminares sobre as características
operacionais do sistema municipal, foi verificado junto aos usuários o seu conhecimento dos
itinerários e dos horários de partidas da linha utilizada e das demais linhas da cidade.
O resultado indica que são precárias as informações colocadas à disposição da população:
26,4% dos usuários desconhecem o itinerário completo das linhas que utilizam e 21,3% não
conhecem os horários das viagens; com relação às demais linhas do sistema municipal a
ignorância é ainda maior, 83,5% e 85,1% não conhecem respectivamente os seus itinerários
e horários
Gráfico 15. Conhecimento do sistema pelos usuários (itinerário e horários)
0,0%
10,0%
20,0%
30,0%
40,0%
50,0%
60,0%
70,0%
80,0%
90,0%
Itinerário da linha
utilizada
Itinerários de
outras linhas da
cidade
horários da linha
utilizada
horários de outras
linhas da cidade
Conhecem Não Conhecem Não Responderam
23,5%
20,0%
17,9%
8,7%
6,9%
5,1%
4,4%
2,9%
7,5%
3,1%
0% 5% 10% 15% 20% 25%
Tarifa Cara
Veículos Lotados
Esperar Demais
Desconforto Ptos. Parada
Falta de Informações
Veículos Mal Conservados
Veículos Sujos
Motoristas Cobradores Mal Preparados
Nenhum
Não Sabe
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
30
3. Infra-Estrutura associada à Circulação
Figura 12. Hierarquia viária
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
31
Figura 13. Tipo de pavimento
Tipo de pavimento Ext. (m) %
Asfalto 70.250 75,23%
Bloquete 350 0,37%
Paralelepípedo 17.770 19,03%
Terra 5.010 5,37%
Total 93.380 100,00%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
32
Figura 14. Tipo de pavimento (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
33
Figura 15. Condição do pavimento
Condição do pav. da via Ext. (m) %
Bom 76.510 81,9%
Ruim 16.870 18,1%
Total 93.380 100,0%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
34
Figura 16. Condição do pavimento (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
35
Figura 17. Largura das vias
Largura da caixa de
rolamento
Ext. (m) %
L ≤ 3,5 m 530 0,6%
3,5 < L ≤ 6,0 530 0,6%
6,0 < L ≤ 8,0 81.990 87,8%
8,0 < L ≤ 10,5 5.580 6,0%
L > 10,5 4.770 5,1%
Total 93.400 100,0%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
36
Figura 18. Largura das vias (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
37
Figura 19. Tipo de piso nas calçadas
Tipo de calçada Ext. (m) %
Cascalho 39.600 19,9%
Concreto 97.630 49,1%
Grama ou terra 33.860 17,0%
Lajota/Miracema 320 0,2%
Misto 6.690 3,4%
Pedra Portuguesa 9.170 4,6%
Piso Hidráulico 11.380 5,7%
Total levantado 198.650 100,0%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
38
Figura 20. Tipo de piso nas calçadas (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
39
Figura 21. Condição do piso das calçadas
Condição da calçada Ext. (m) %
Bom 109.580 73,3%
Ruim 39.950 26,7%
Total levantado com calçada 149.530 100,0%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
40
Figura 22. Condição do piso das calçadas (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
41
Figura 23. Largura das calçadas
Largura da calçada Ext. (m) %
L < 1,0 m 12.270 6,2%
1,0 ≤ L < 1,5 49.250 24,8%
1,5 ≤ L < 2,5 48.800 24,6%
2,5 ≤ L < 4,0 38.800 19,5%
L ≥ 4,0 410 0,2%
s/ calçada ou acostamento 49.120 24,7%
Total levantado 198.650 100,0%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
42
Figura 24. Largura das calçadas (área central expandida)
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
43
Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião
A avaliação da infra-estrutura viária foi solicitada a todos os tipos de usuários (do transporte
coletivo, de automóveis e motocicletas e de bicicletas). A condição geral do sistema viário foi
avaliada positivamente por ciclistas e por usuários de automóveis e motocicletas, porém mal
avaliada pelos usuários do transporte coletivo:
Tabela 6. Avaliação Geral do sistema viário
Qualidade do
sistema viário
(usuários de
bicicletas)
Qualidade do
sistema viário
(usuários de autos e
motos)
Condição das ruas
(usuários do
transporte coletivo)
Condição dos
itinerários (usuários
do transporte
coletivo)Conceito
Num % Total % Total % Total %
Muito Bom 0 0,0% 2 0,5% 5 0,8% 4 0,6%
Bom 75 32,5% 111 28,2% 186 28,2% 218 33,2%
Regular 132 57,1% 219 55,7% 185 28,1% 197 30,0%
Ruim 15 6,5% 42 10,7% 176 26,7% 157 23,9%
Péssimo 9 3,9% 19 4,8% 107 16,2% 81 12,3%
Total 231 100,0% 393 100,0% 659 100,0% 657 100,0%
Não opinaram 0 1 7 9
Índice de imagem 38,89% 17,95% -33,11% -17,06%
Aprovação 32% 29% 29% 34%
Aprovação +
regular 90% 84% 57% 64%
Desaprovação 10% 16% 43% 36%
Gráfico 16. Avaliação geral do sistema viário
0,0%
32,5%
57,1%
6,5%
3,9%
0,5%
28,2%
55,7%
10,7%
4,8%
0,8%
28,2%
28,1%
26,7%
16,2%
0,6%
33,2%
30,0%
23,9%
12,3%
0,0%
20,0%
40,0%
60,0%
80,0%
100,0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade do sistema viário (usuários de bicicletas)
Qualidade do sistema viário (usuários de autos e motos)
Condição das ruas (usuários do transporte coletivo)
Condição dos itinerários (usuários do transporte coletivo)
O estado de conservação das calçadas foi avaliado negativamente por todos os grupos
de usuários, mas com especial crítica dos ciclistas:
Tabela 7. Avaliação do estado de conservação das calçadas
Usuários de
bicicletas
Usuários de autos e
motos
Usuários de
transporte coletivoConservação das
calçadas
Total % Total % Total %
Muito Bom 0 0,0% 1 0,3% 2 0,3%
Bom 29 12,6% 87 22,5% 214 32,9%
Regular 101 43,7% 177 45,7% 213 32,7%
Ruim 77 33,3% 87 22,5% 141 21,7%
Péssimo 20 8,7% 35 9,0% 81 12,4%
Total 227 98,3% 387 100,0% 651 100,0%
Não opinaram 4 8 15
Índice de imagem -60,27% -27,64% -16,31%
Aprovação 13% 23% 33%
Aprovação +
regular 56% 68% 66%
Desaprovação 42% 32% 34%
Gráfico 17. Avaliação do estado de conservação das calçadas
0,0%
12,6%
43,7%
33,3%
8,7%
0,3%
22,5%
45,7%
22,5%
9,0%
0,3%
32,9%
32,7%
21,7%
12,4%
0,0%
20,0%
40,0%
60,0%
80,0%
100,0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
44
Os ciclistas também têm a pior avaliação (ainda que positiva) da largura das calçadas;
a melhor avaliação é dos usuários do transporte individual motorizado:
Tabela 8. Avaliação da largura das calçadas
Usuários de
bicicletas
Usuários de autos e
motos
Usuários de
transporte coletivoLargura das
calçadas
Total % Total % Total %
Muito Bom 3 1,3% 3 0,8% 3 0,5%
Bom 57 25,0% 146 37,9% 310 47,6%
Regular 115 50,4% 182 47,3% 178 27,3%
Ruim 47 20,6% 46 11,9% 109 16,7%
Péssimo 6 2,6% 8 2,1% 51 7,8%
Total 228 100,0% 385 100,0% 651 100,0%
Não opinaram 3 10 15
Índice de imagem 3,28% 42,06% 19,92%
Aprovação 26% 39% 48%
Aprovação +
regular 77% 86% 75%
Desaprovação 23% 14% 25%
Gráfico 18. Avaliação da largura das calçadas
1,3%
25,0%
50,4%
20,6%
2,6%
0,8%
37,9%
47,3%
11,9%
2,1%
0,5%
47,6%
27,3%
16,7%
7,8%
0,0%
20,0%
40,0%
60,0%
80,0%
100,0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo
As opiniões se invertem quanto às condições das travessias de pedestres, com avaliação
positiva de todos os grupos de usuários, destacando uma melhor avaliação pelos ciclistas e
menos favorável pelos usuários do transporte coletivo:
Tabela 9. Avaliação das condições das travessias de pedestres
Usuários de
bicicletas
Usuários de autos e
motos
Usuários de
transporte coletivo
Condição das
travessias de
pedestres
Total % Total % Total %
Muito Bom 2 0,9% 0 0,0% 5 0,8%
Bom 108 47,6% 181 46,8% 281 43,3%
Regular 87 38,3% 136 35,1% 172 26,5%
Ruim 26 11,5% 57 14,7% 126 19,4%
Péssimo 4 1,8% 13 3,4% 65 10,0%
Total 227 100,0% 387 100,0% 649 100,0%
Não opinaram 4 8 17
Índice de imagem 53,42% 37,12% 6,40%
Aprovação 48% 47% 44%
Aprovação +
regular 87% 82% 71%
Desaprovação 13% 18% 29%
Gráfico 19. Avaliação das condições das travessias de pedestres
0,9%
47,6%
38,3%
11,5%
1,8%
0,0%
46,8%
35,1%
14,7%
3,4%
0,8%
43,3%
26,5%
19,4%
10,0%
0,0%
20,0%
40,0%
60,0%
80,0%
100,0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
45
Na pesquisa específica com usuários de meios de transporte individual (automóveis,
motocicletas e bicicletas), foram aprofundadas as avaliações sobre diversos atributos da infra-
estrutura viária, também utilizando a metodologia do “índice de imagem”. A avaliação geral se
mantém nos mesmos níveis, porém piora a avaliação da conservação viária (negativa entre os
usuários de automóveis e motocicletas), elevando os índices atribuídos à sinalização e à
iluminação pública:
Gráfico 20. Índice de Imagem dos atributos da infra-estrutura viária (ciclistas e motoristas)
33,33%
18,37%
10,86%
-16,25%
47,52%
26,79%
66,08%
53,33%
-100%
-80%
-60%
-40%
-20%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
SistemaViário
(ciclistas)
SistemaViário
(motoristas)
Conservaçãodas
vias(ciclistas)
Conservaçãodas
vias(motoristas)
Sinalizaçãoviária
(ciclistas)
Sinalizaçãoviária
(motoristas)
IluminaçãoPública
(ciclistas)
IluminaçãoPública
(motoristas)
Tabela 10. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de bicicleta
Qualidade geral do
sistema viário
Conservação das vias Condição da
sinalização viária
Condição da
iluminação pública
Ciclistas
Num % Total % Num % Total %
Muito Bom 0 0,0% 5 3,6% 4 1,7% 7 1,8%
Bom 68 29,4% 87 63,5% 96 41,6% 128 32,5%
Regular 137 59,3% 84 61,3% 105 45,5% 71 18,0%
Ruim 18 7,8% 32 23,4% 15 6,5% 19 4,8%
Péssimo 8 3,5% 23 16,8% 11 4,8% 5 1,3%
Total 231 100,0% 231 100,0% 231 100,0% 230 58,4%
Não opinaram 0 0 0 1
Índice de imagem 33,33% 10,86% 47,52% 66,08%
Aprovação 29% 67% 43% 34%
Aprovação + regular 89% 128% 89% 52%
Desaprovação 11% 40% 11% 6%
Tabela 11. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de automóveis e motos
Qualidade geral do
sistema viário
Conservação das vias Condição da
sinalização viária
Condição da
iluminação públicaMotoristas
Total % Total % Total % Total %
Muito Bom 2 0,5% 7 5,1% 5 2,2% 6 1,5%
Bom 112 28,4% 120 87,6% 158 68,4% 195 49,5%
Regular 219 55,6% 145 105,8% 160 69,3% 144 36,5%
Ruim 42 10,7% 58 42,3% 45 19,5% 37 9,4%
Péssimo 19 4,8% 64 46,7% 26 11,3% 13 3,3%
Total 394 100,0% 394 100,0% 394 170,6% 395 100,3%
Não opinaram 1 1 1 0
Índice de imagem 18,37% -16,25% 26,79% 53,33%
Aprovação 29% 93% 71% 51%
Aprovação + regular 85% 199% 140% 88%
Desaprovação 15% 89% 31% 13%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
46
Gráfico 21. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos ciclistas
Gráfico 22. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos motoristas
Condição da Iluminação Pública
50%
9%
3%2%
36%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Sinalização das Vias
40%
11%
7%
41%
1%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade Geral do Sistema Viário
28%
11%
5% 1%
55%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade Geral do Sistema Viário
28%
11%
5% 1%
55%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Condição da Iluminação Pública
56%
8% 2% 3%
31%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Sinalização das Vias
42%
6%
5%
45%
2%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Condição de Conservação das Vias
38%
14%
10% 2%
36%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade Geral do Sistema Viário
29%
8%
3%0%
60%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
47
4. Condições de Circulação
Aos usuários do transporte individual foi solicitada uma avaliação das condições do trânsito
em Amparo, também dividida em alguns atributos. O resultado da imagem destes atributos é
bastante negativo, com exceção do serviço de “Zona Azul”; a condição de fluidez e a oferta de
vagas para estacionamento receberam as piores avaliações:
Gráfico 23. Índice de Imagem dos atributos do trânsito (ciclistas e motoristas)
13,64%
-11,61%
-69,90% -72,97%
-54,23%
-63,58%
41,46%
4,92%
-100%
-80%
-60%
-40%
-20%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
Qualidadedo
Trânsito(ciclistas)
Qualidadedo
Trânsito(motoristas)
FluidezdoTrânsito
(ciclistas)
FluidezdoTrânsito
(motoristas)
OfertadeVagas
(ciclistas)
OfertadeVagas
(motoristas)
Avaliaçãoda"Zona
Azul"(ciclistas)
Avaliaçãoda"Zona
Azul"(motoristas)
Tabela 12. Avaliação das condições do trânsito pelos usuários de bicicleta
Qualidade Geral do
Trânsito
Condição de Fkuidez
do Trânsito
Oferta de vagas de
estacionamento
Avaliação da "Zona
Azul"
Ciclistas
Total % Total % Total % Total %
Muito Bom 1 0,4% 1 0,4% 2 0,9% 24 11,2%
Bom 73 31,6% 29 12,7% 42 18,4% 68 31,8%
Regular 113 48,9% 67 29,4% 62 27,2% 85 39,7%
Ruim 31 13,4% 87 38,2% 85 37,3% 26 12,1%
Péssimo 13 5,6% 44 19,3% 35 15,4% 11 5,1%
Total 231 100,0% 228 100,0% 226 99,1% 214 100,0%
não opinaram 0 3 5 17
índice de imagem 13,64% -69,90% -54,23% 41,46%
Aprovação 32% 13% 19% 43%
Aprovação + regular 81% 43% 46% 83%
Desaprovação 19% 57% 53% 17%
Tabela 13. Avaliação das condições de trânsito pelos usuários de automóveis e motocicletas
Qualidade Geral do
Trânsito
Condição de Fkuidez
do Trânsito
Oferta de vagas de
estacionamento
Avaliação da "Zona
Azul"
Motoristas
Total % Total % Total % Total %
Muito Bom 1 0,3% 0 0,0% 1 0,4% 16 4,3%
Bom 97 24,6% 55 14,1% 61 26,8% 128 34,1%
Regular 209 52,9% 88 22,5% 129 56,6% 123 32,8%
Ruim 51 12,9% 144 36,8% 117 51,3% 71 18,9%
Péssimo 37 9,4% 104 26,6% 83 36,4% 37 9,9%
Total 395 100,0% 391 100,0% 391 171,5% 375 100,0%
não opinaram 0 4 4 20
índice de imagem -11,61% -72,97% -63,58% 4,92%
Aprovação 25% 14% 27% 38%
Aprovação + regular 78% 37% 84% 71%
Desaprovação 22% 63% 88% 29%
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
48
Gráfico 24. Avaliação dos atributos do trânsito pelos ciclistas
Gráfico 25. Avaliação dos atributos do trânsito pelos motoristas
Serviço da "Zona Azul"
34%
19%
10% 4%
33%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Oferta de Vagas de Estacionamento
16%
30%
21%
33%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Fluidez do Trânsito
14%
36%
27%
23%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade Geral do Trânsito
25%
13%
9%
53%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Serviço de "Zona Azul"
32%
12%
5% 11%
40%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Oferta de Vagas de Estacionamento
19%
38%
15%
27%
1%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Fluidez do Trânsito
13%
39%
19%
29%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Qualidade Geral do Trânsito
32%
13%
6%
49%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
49
Entre os atributos de avaliação do trânsito, foram incluídos aspectos ligados à segurança e ao
comportamento dos motoristas e dos pedestres. Todos estes itens foram avaliados
negativamente, apesar do item “segurança” ter obtido um índice de imagem melhor do que os
comportamentos dos motoristas e pedestres:
Gráfico 26. Índice de Imagem dos atributos de segurança no trânsito (ciclistas e motoristas)
-1,32%
-11,03%
-77,67% -75,13%
-42,50%
-51,06%
-100%
-80%
-60%
-40%
-20%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
Segurançano
Trânsito
(ciclistas)
Segurançano
Trânsito
(motoristas)
Comportamento
dosoutros
Motoristas
(ciclistas)
Comportamento
dosoutros
Motoristas
(motoristas)
Comportamento
dosPedestres
(ciclistas)
Comportamento
dosPedestres
(motoristas)
Gráfico 27: Avaliação dos atributos da segurança no trânsito (ciclistas e motoristas)
Comportamento de Pedestres (ciclistas)
19%
23%
13%
0%
45%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Educação dos Motoristas (motoristas)
12%
30%
28%
30%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Educação dos Motoristas (ciclistas)
10%
35%
24%
31%
0%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Segurança no Trânsito (motoristas)
31%
20%
10%
1%
38%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Segurança no Trânsito (ciclistas)
32%19%
7%
0%
42%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Comportamento Pedestres (motoristas)
19%
27%
18%
1%
35%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
50
Fluxo veicular em intersecções principais
Os levantamentos incluíram a realização de pesquisas de fluxo de tráfego em alguns
cruzamentos importantes da malha viária, os quais foram definidos em conjunto com a
Prefeitura de Amparo, em razão de necessidades específicas de análise da necessidade de
adoção de controle semafórico nestes locais. As pesquisas foram realizadas em três períodos
de pico: manhã (2 horas); almoço (2 horas) e tarde (3 horas).
Adiante são apresentados os croquis com os movimentos pesquisados e os resultados obtidos
em cada local.
Figura 25: Localização dos postos de contagem de tráfego
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
51
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
52
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
53
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
54
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
55
Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos
Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo
56
5. Atuação da Prefeitura
Por fim, um último aspecto avaliado na opinião de todos os grupos de usuários foi a atuação
da Prefeitura nos transportes, que recebeu índices de imagem positivos de todos os grupos de
usuários:
Tabela 14. Avaliação da atuação da Prefeitura nos transportes
Usuários de
transporte coletivo
Usuários de
Automóveis e Motos
Usuários de
BicicletasAtuação da
Prefeitura
Num % Total % Total %
Muito Bom 9 1,4% 3 0,8% 1 0,4%
Bom 304 46,7% 150 39,9% 79 35,3%
Regular 179 27,5% 148 39,4% 104 46,4%
Ruim 97 14,9% 50 13,3% 33 14,7%
Péssimo 62 9,5% 25 6,6% 7 3,1%
Total 651 100,0% 376 100,0% 224 100,0%
Não opinaram 0 0 3
Índice de
imagem 18,60% 21,88% 26,56%
Aprovação 48% 41% 36%
Aprovação +
regular 76% 80% 82%
Desaprovação 24% 20% 18%
Gráfico 28. Índice de Imagem da atuação da Prefeitura de Amparo nos transportes
18,60%
21,88%
26,56%
-100%
-80%
-60%
-40%
-20%
0%
20%
40%
60%
80%
100%
Usuários de transporte
coletivo
Usuários de Automóveis e
Motos
Usuários de Bicicletas
Gráfico 29. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos usuários do transporte coletivo
Gráfico 30. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos ciclistas
Gráfico 31. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos motoristas (carros e motos)
Avaliação da Prefeitura
(usuários de carro e moto)
40%
13%
7%
1%
39%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Atuação da Prefeitura
(usuários de bicicleta)
35%
15%
3% 0%
47%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
Atuação da Prefeitura
(usuários transporte coletivo)
47%
15%
10%
1%
27%
Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

O papel de recursos humanos na funcao publica - Monografia
O papel de recursos humanos na funcao publica - MonografiaO papel de recursos humanos na funcao publica - Monografia
O papel de recursos humanos na funcao publica - MonografiaUniversidade Pedagogica
 
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...Falcão Brasil
 
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportes
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportesBrasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportes
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportesTransvias
 
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...Falcão Brasil
 
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticos
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticosManual De Recepção e Acessibilidade TuríSticos
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticosScott Rains
 
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoro
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoroCodigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoro
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoroFátima Jácome
 
Relatorio inicial de simulacao empresarial
Relatorio inicial de simulacao empresarialRelatorio inicial de simulacao empresarial
Relatorio inicial de simulacao empresarialIsmael Miambo
 
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunes
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunesImpacto custos logísticos maranhão leopoldo nunes
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunesLeopoldo Nunes
 
Interdiscilinar: Bilhete único em Itanháem
Interdiscilinar: Bilhete único em ItanháemInterdiscilinar: Bilhete único em Itanháem
Interdiscilinar: Bilhete único em ItanháemKarlaCarvalho32
 
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spolador
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spoladorApostila tre.rs2014 informatica_sergio_spolador
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spoladorFernando Macedo
 
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - Monografia
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - MonografiaO papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - Monografia
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - MonografiaUniversidade Pedagogica
 

Mais procurados (18)

Relatório de Gestão Apex-Brasil 2010
Relatório de Gestão Apex-Brasil 2010Relatório de Gestão Apex-Brasil 2010
Relatório de Gestão Apex-Brasil 2010
 
Luos fortaleza
Luos fortalezaLuos fortaleza
Luos fortaleza
 
O papel de recursos humanos na funcao publica - Monografia
O papel de recursos humanos na funcao publica - MonografiaO papel de recursos humanos na funcao publica - Monografia
O papel de recursos humanos na funcao publica - Monografia
 
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE INTENDÊNCIA...
 
Gestão de transporte
Gestão de transporte Gestão de transporte
Gestão de transporte
 
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportes
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportesBrasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportes
Brasil precisa de quase R$ 1 tri para modernizar transportes
 
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...
PROGRAMA-PADRÃO DE INSTRUÇÃO QUALIFICAÇÃO DO CABO E DO SOLDADO DE COMUNICAÇÕE...
 
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticos
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticosManual De Recepção e Acessibilidade TuríSticos
Manual De Recepção e Acessibilidade TuríSticos
 
Apostila direito comercial
Apostila direito comercialApostila direito comercial
Apostila direito comercial
 
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoro
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoroCodigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoro
Codigo de obras_edificacoes_e_posturas_de_mossoro
 
Relatorio inicial de simulacao empresarial
Relatorio inicial de simulacao empresarialRelatorio inicial de simulacao empresarial
Relatorio inicial de simulacao empresarial
 
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunes
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunesImpacto custos logísticos maranhão leopoldo nunes
Impacto custos logísticos maranhão leopoldo nunes
 
Interdiscilinar: Bilhete único em Itanháem
Interdiscilinar: Bilhete único em ItanháemInterdiscilinar: Bilhete único em Itanháem
Interdiscilinar: Bilhete único em Itanháem
 
Florianópolis - Estudos de engenharia e afins
Florianópolis  - Estudos de engenharia e afinsFlorianópolis  - Estudos de engenharia e afins
Florianópolis - Estudos de engenharia e afins
 
081 regimento da uenp
081 regimento da uenp081 regimento da uenp
081 regimento da uenp
 
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spolador
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spoladorApostila tre.rs2014 informatica_sergio_spolador
Apostila tre.rs2014 informatica_sergio_spolador
 
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - Monografia
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - MonografiaO papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - Monografia
O papel da auditoria interna nas instituicoes publicas - Monografia
 
Apostila dacon
Apostila daconApostila dacon
Apostila dacon
 

Destaque

Pró Trânsito abril_maio_2016
Pró Trânsito abril_maio_2016Pró Trânsito abril_maio_2016
Pró Trânsito abril_maio_2016SIPROCFC-MG
 
Planejamento Operacional
Planejamento OperacionalPlanejamento Operacional
Planejamento OperacionalLau Yamazaki
 
Plano operacional para plano de negócios
Plano operacional para plano de negóciosPlano operacional para plano de negócios
Plano operacional para plano de negóciosGuilherme Carvalho
 
Apresentação3
Apresentação3Apresentação3
Apresentação3FBIRF1
 
Dateline Asia Video - Reuters.com
Dateline Asia Video - Reuters.comDateline Asia Video - Reuters.com
Dateline Asia Video - Reuters.comtamehysteria964
 
Apresentação5
Apresentação5Apresentação5
Apresentação5FBIRF1
 
Charte de-conduite
Charte de-conduiteCharte de-conduite
Charte de-conduitezineb Ishak
 
Diapositivas informatica iii (sección 730)
Diapositivas informatica iii (sección 730)Diapositivas informatica iii (sección 730)
Diapositivas informatica iii (sección 730)bv_nataly
 
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicleta
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicletaLos mejores productos del verano para el ciclista y la bicicleta
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicletaBikepolis
 
Partes del pc
Partes del pcPartes del pc
Partes del pcdora963
 
Массовая застройка
Массовая застройкаМассовая застройка
Массовая застройкаLAZOVOY
 
2.cargo técnico educacional
2.cargo técnico educacional2.cargo técnico educacional
2.cargo técnico educacionalelannialins
 
Bene fi tial_8-seiten_18022011_pt
Bene fi tial_8-seiten_18022011_ptBene fi tial_8-seiten_18022011_pt
Bene fi tial_8-seiten_18022011_ptmadeira-nwa
 

Destaque (20)

Pró Trânsito abril_maio_2016
Pró Trânsito abril_maio_2016Pró Trânsito abril_maio_2016
Pró Trânsito abril_maio_2016
 
Aula de transito
Aula de transitoAula de transito
Aula de transito
 
Planejamento Operacional
Planejamento OperacionalPlanejamento Operacional
Planejamento Operacional
 
Plano operacional para plano de negócios
Plano operacional para plano de negóciosPlano operacional para plano de negócios
Plano operacional para plano de negócios
 
Apresentação3
Apresentação3Apresentação3
Apresentação3
 
Presentación1
Presentación1Presentación1
Presentación1
 
Dateline Asia Video - Reuters.com
Dateline Asia Video - Reuters.comDateline Asia Video - Reuters.com
Dateline Asia Video - Reuters.com
 
Expert parking
Expert parkingExpert parking
Expert parking
 
Actividades diarias
Actividades diariasActividades diarias
Actividades diarias
 
Apresentação5
Apresentação5Apresentação5
Apresentação5
 
Charte de-conduite
Charte de-conduiteCharte de-conduite
Charte de-conduite
 
Diapositivas informatica iii (sección 730)
Diapositivas informatica iii (sección 730)Diapositivas informatica iii (sección 730)
Diapositivas informatica iii (sección 730)
 
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicleta
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicletaLos mejores productos del verano para el ciclista y la bicicleta
Los mejores productos del verano para el ciclista y la bicicleta
 
Partes del pc
Partes del pcPartes del pc
Partes del pc
 
Массовая застройка
Массовая застройкаМассовая застройка
Массовая застройка
 
Sirlein daiana
Sirlein daianaSirlein daiana
Sirlein daiana
 
Zonas de riesgo y las matematicas
Zonas de riesgo y las matematicasZonas de riesgo y las matematicas
Zonas de riesgo y las matematicas
 
Edital cp003 2014
Edital cp003 2014Edital cp003 2014
Edital cp003 2014
 
2.cargo técnico educacional
2.cargo técnico educacional2.cargo técnico educacional
2.cargo técnico educacional
 
Bene fi tial_8-seiten_18022011_pt
Bene fi tial_8-seiten_18022011_ptBene fi tial_8-seiten_18022011_pt
Bene fi tial_8-seiten_18022011_pt
 

Semelhante a Plano de Trânsito de Amparo analisa transporte público e mobilidade

Relatório 2a estudo de mercado
Relatório 2a   estudo de mercadoRelatório 2a   estudo de mercado
Relatório 2a estudo de mercadowongd01
 
Geoprocessamento na Gestão de Cidades
Geoprocessamento na Gestão de CidadesGeoprocessamento na Gestão de Cidades
Geoprocessamento na Gestão de CidadesMarcos Camargo
 
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdf
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdfAPOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdf
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdfssuser823aef
 
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por professor luiz sérgio b marque...
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por  professor luiz sérgio b marque...Apostila de máquinas elétricas. elaborado por  professor luiz sérgio b marque...
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por professor luiz sérgio b marque...Cesar Silva Campelo
 
Apostila maq boa
Apostila maq boaApostila maq boa
Apostila maq boaCorreios
 
Manual dctf web 2019
Manual dctf web 2019Manual dctf web 2019
Manual dctf web 2019Jairoflima
 
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)01 estudo de viabilidade municipios sal (3)
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)Luis Delgado
 
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02E social manual_de_orientacao_v.2.4.02
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02Ilânio Luis Luis
 
Apostila solidworks impressa
Apostila solidworks impressaApostila solidworks impressa
Apostila solidworks impressaaraujolincoln
 
Trabalho sobre rebites
Trabalho sobre rebitesTrabalho sobre rebites
Trabalho sobre rebiteshuanderlei
 

Semelhante a Plano de Trânsito de Amparo analisa transporte público e mobilidade (20)

Relatório 2a estudo de mercado
Relatório 2a   estudo de mercadoRelatório 2a   estudo de mercado
Relatório 2a estudo de mercado
 
Porto Alegre - Estudos de Engenharia e afins
Porto Alegre - Estudos de Engenharia e afinsPorto Alegre - Estudos de Engenharia e afins
Porto Alegre - Estudos de Engenharia e afins
 
Geoprocessamento na Gestão de Cidades
Geoprocessamento na Gestão de CidadesGeoprocessamento na Gestão de Cidades
Geoprocessamento na Gestão de Cidades
 
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdf
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdfAPOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdf
APOSTILA_DE_MAQUINAS_ELETRICAS.pdf
 
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por professor luiz sérgio b marque...
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por  professor luiz sérgio b marque...Apostila de máquinas elétricas. elaborado por  professor luiz sérgio b marque...
Apostila de máquinas elétricas. elaborado por professor luiz sérgio b marque...
 
Apostila maq
Apostila maqApostila maq
Apostila maq
 
Apostila maq boa
Apostila maq boaApostila maq boa
Apostila maq boa
 
Monografia Arduino
Monografia ArduinoMonografia Arduino
Monografia Arduino
 
Manual dctf web 2019
Manual dctf web 2019Manual dctf web 2019
Manual dctf web 2019
 
Apostila maq
Apostila maqApostila maq
Apostila maq
 
Apostila Guindaste Portuário Móvel.
Apostila Guindaste Portuário Móvel.Apostila Guindaste Portuário Móvel.
Apostila Guindaste Portuário Móvel.
 
Access 2007 basico
Access 2007 basicoAccess 2007 basico
Access 2007 basico
 
64805565 access-basico
64805565 access-basico64805565 access-basico
64805565 access-basico
 
Apostilha8
Apostilha8Apostilha8
Apostilha8
 
Electrolux lm 08_completo
Electrolux lm 08_completoElectrolux lm 08_completo
Electrolux lm 08_completo
 
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)01 estudo de viabilidade municipios sal (3)
01 estudo de viabilidade municipios sal (3)
 
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02E social manual_de_orientacao_v.2.4.02
E social manual_de_orientacao_v.2.4.02
 
Apostila solidworks impressa
Apostila solidworks impressaApostila solidworks impressa
Apostila solidworks impressa
 
Manual da Qualidade
Manual da QualidadeManual da Qualidade
Manual da Qualidade
 
Trabalho sobre rebites
Trabalho sobre rebitesTrabalho sobre rebites
Trabalho sobre rebites
 

Mais de Rogerio Catanese

Mais de Rogerio Catanese (20)

Ofício nº 153 2016 catanese
Ofício nº 153 2016 cataneseOfício nº 153 2016 catanese
Ofício nº 153 2016 catanese
 
Scanner catanese 20160314 0001
Scanner catanese 20160314 0001Scanner catanese 20160314 0001
Scanner catanese 20160314 0001
 
Scanner catanese 20160314 0001
Scanner catanese 20160314 0001Scanner catanese 20160314 0001
Scanner catanese 20160314 0001
 
Scanner catanese 20160308 0012
Scanner catanese 20160308 0012Scanner catanese 20160308 0012
Scanner catanese 20160308 0012
 
Scanner catanese 20160308 0011
Scanner catanese 20160308 0011Scanner catanese 20160308 0011
Scanner catanese 20160308 0011
 
Pl do médico veterinário
Pl do médico veterinárioPl do médico veterinário
Pl do médico veterinário
 
Moção 01 catanese-repudio-posto fiscal
Moção 01 catanese-repudio-posto fiscalMoção 01 catanese-repudio-posto fiscal
Moção 01 catanese-repudio-posto fiscal
 
Ofício nº 18 2016 catanese
Ofício nº 18 2016 cataneseOfício nº 18 2016 catanese
Ofício nº 18 2016 catanese
 
Ofício nº 13 2016 catanese
Ofício nº 13 2016 cataneseOfício nº 13 2016 catanese
Ofício nº 13 2016 catanese
 
Ofício nº 25 2016 catanese
Ofício nº 25 2016 cataneseOfício nº 25 2016 catanese
Ofício nº 25 2016 catanese
 
Ofício nº 24 2016 catanese
Ofício nº 24 2016 cataneseOfício nº 24 2016 catanese
Ofício nº 24 2016 catanese
 
Conselho tutelar
Conselho tutelarConselho tutelar
Conselho tutelar
 
Of 21 prefeito limpeza area
Of 21 prefeito limpeza areaOf 21 prefeito limpeza area
Of 21 prefeito limpeza area
 
Telefone
TelefoneTelefone
Telefone
 
Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001
 
Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001
 
Sanatório
SanatórioSanatório
Sanatório
 
Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001Scanner catanese 20151218 0001
Scanner catanese 20151218 0001
 
Scanner catanese 20151217 0001
Scanner catanese 20151217 0001Scanner catanese 20151217 0001
Scanner catanese 20151217 0001
 
Sanatório
SanatórioSanatório
Sanatório
 

Plano de Trânsito de Amparo analisa transporte público e mobilidade

  • 1. Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo Relatório Técnico 01 Reconhecimento da Situação Atual - Resultados das Pesquisas e Levantamentos
  • 2. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 2 Sumário 1. Apresentação......................................................................................................................................................................... 3 2. Serviço de transporte coletivo municipal................................................................................................................................. 4 Demanda ............................................................................................................................................................................ 14 Lotação das viagens de transporte coletivo........................................................................................................................... 16 Tempos de viagem e velocidade operacional ......................................................................................................................... 17 Perfil de embarque e desembarque das linhas...................................................................................................................... 17 Pontos de parada................................................................................................................................................................. 25 Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião ................................................................................................................... 27 3. Infra-Estrutura associada à Circulação ................................................................................................................................ 30 Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião ................................................................................................................... 43 4. Condições de Circulação ...................................................................................................................................................... 47 Fluxo veicular em intersecções principais ............................................................................................................................ 50 5. Atuação da Prefeitura .......................................................................................................................................................... 56 Índice de figuras Figura 1. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem............................... 5 Figura 2. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem (área central expandida)................................................................................................................................................................................. 6 Figura 3. Itinerários das linhas 1, 2, 3 e 4 e seus atendimentos.................................................................................................. 7 Figura 4. Itinerários das linhas 5, 6, 13, 14, 15 e 16 e seus atendimentos .................................................................................. 8 Figura 5. Itinerários das linhas 7 e 8 e seus atendimentos.......................................................................................................... 9 Figura 6. Itinerários das linhas 9, 10, 11 e 12 e seus atendimentos.......................................................................................... 10 Figura 7. Itinerários das linhas 17, 18 e 23 e seus atendimentos.............................................................................................. 11 Figura 8. Itinerários das linhas 19 e 20 e seus atendimentos.................................................................................................... 12 Figura 9. Itinerários das linhas 21, 22, 24 e 25 e seus atendimentos ........................................................................................ 13 Figura 10. Localização dos pontos de parada da rede de transporte coletivo municipal.............................................................. 26 Figura 11. Disco de apoio à resposta estimulada ...................................................................................................................... 29 Figura 12. Hierarquia viária..................................................................................................................................................... 30 Figura 13. Tipo de pavimento................................................................................................................................................... 31 Figura 14. Tipo de pavimento (área central expandida) ............................................................................................................. 32 Figura 15. Condição do pavimento ........................................................................................................................................... 33 Figura 16. Condição do pavimento (área central expandida) ..................................................................................................... 34 Figura 17. Largura das vias ..................................................................................................................................................... 35 Figura 18. Largura das vias (área central expandida)................................................................................................................ 36 Figura 19. Tipo de piso nas calçadas........................................................................................................................................ 37 Figura 20. Tipo de piso nas calçadas (área central expandida) .................................................................................................. 38 Figura 21. Condição do piso das calçadas ................................................................................................................................ 39 Figura 22. Condição do piso das calçadas (área central expandida)........................................................................................... 40 Figura 23. Largura das calçadas .............................................................................................................................................. 41 Figura 24. Largura das calçadas (área central expandida)......................................................................................................... 42 Figura 25: Localização dos postos de contagem de tráfego ........................................................................................................ 50 Índice de Gráficos Gráfico 1: Distribuição da frota operacional ao longo do dia útil ................................................................................................. 4 Gráfico 2: Incidência da gratuidade por período do dia ............................................................................................................. 14 Gráfico 3: Distribuição dos passageiros por linha..................................................................................................................... 14 Gráfico 4: Índices de isenção por linha..................................................................................................................................... 15 Gráfico 5: Distribuição horária dos passageiros........................................................................................................................ 15 Gráfico 6: Distribuição das viagens por período e nível de serviço ............................................................................................. 16 Gráfico 7: Níveis de serviço das viagens por tipo de veículo e total ............................................................................................ 16 Gráfico 8: Velocidade operacional das linhas............................................................................................................................ 17 Gráfico 9: Distribuição dos passageiros por condição de proteção do ponto de parada .............................................................. 25 Gráfico 10: Distribuição dos embarques e desembarques por tipo de ponto de parada .............................................................. 25 Gráfico 11. Avaliação do serviço de transporte coletivo municipal............................................................................................. 27 Gráfico 12. Índice de Imagem dos atributos avaliados (pesquisa com usuários)......................................................................... 27 Gráfico 13. Avaliação dos atributos serviço de transporte coletivo municipal ........................................................................... 28 Gráfico 14. Principais problemas do serviço de transporte coletivo (induzida)............................................................................ 29 Gráfico 15. Conhecimento do sistema pelos usuários (itinerário e horários) .............................................................................. 29 Gráfico 16. Avaliação geral do sistema viário............................................................................................................................ 43 Gráfico 17. Avaliação do estado de conservação das calçadas................................................................................................... 43 Gráfico 18. Avaliação da largura das calçadas.......................................................................................................................... 44 Gráfico 19. Avaliação das condições das travessias de pedestres .............................................................................................. 44 Gráfico 20. Índice de Imagem dos atributos da infra-estrutura viária (ciclistas e motoristas)..................................................... 45 Gráfico 21. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos ciclistas.............................................................................. 46 Gráfico 22. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos motoristas .......................................................................... 46 Gráfico 23. Índice de Imagem dos atributos do trânsito (ciclistas e motoristas) ......................................................................... 47 Gráfico 24. Avaliação dos atributos do trânsito pelos ciclistas .................................................................................................. 48 Gráfico 25. Avaliação dos atributos do trânsito pelos motoristas .............................................................................................. 48 Gráfico 26. Índice de Imagem dos atributos de segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) .................................................... 49 Gráfico 27: Avaliação dos atributos da segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) ................................................................ 49 Gráfico 28. Índice de Imagem da atuação da Prefeitura de Amparo nos transportes .................................................................. 56 Gráfico 29. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos usuários do transporte coletivo........................................................... 56 Gráfico 30. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos ciclistas ............................................................................................. 56 Gráfico 31. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos motoristas (carros e motos) ................................................................ 56 Índice de Tabelas Tabela 1: Relação de linhas base da rede de transporte coletivo de Amparo ................................................................................ 4 Tabela 2: Tempos médios de viagem das linhas........................................................................................................................ 17 Tabela 3: Quantidade de pontos de parada por tipo.................................................................................................................. 25 Tabela 4: Relação dos principais pontos de parada do Município de Amparo............................................................................. 25 Tabela 5. Índice de Imagem do serviço municipal de transporte coletivo ................................................................................... 27 Tabela 6. Avaliação Geral do sistema viário.............................................................................................................................. 43 Tabela 7. Avaliação do estado de conservação das calçadas...................................................................................................... 43 Tabela 8. Avaliação da largura das calçadas............................................................................................................................. 44 Tabela 9. Avaliação das condições das travessias de pedestres ................................................................................................. 44 Tabela 10. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de bicicleta................................................................................. 45 Tabela 11. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de automóveis e motos ............................................................... 45 Tabela 12. Avaliação das condições do trânsito pelos usuários de bicicleta ............................................................................... 47 Tabela 13. Avaliação das condições de trânsito pelos usuários de automóveis e motocicletas .................................................... 47 Tabela 14. Avaliação da atuação da Prefeitura nos transportes................................................................................................. 56
  • 3. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 3 1. Apresentação Este documento apresenta uma síntese das atividades desenvolvidas na primeira fase (“Reconhecimento da Situação Atual”) de elaboração do Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo. Essa primeira fase prevista no Plano de Trabalho inclui as atividades preliminares (reconhecimentos e levantamentos de campo, organização dos dados e informações e preparação das bases cartográficas) e a realização das pesquisas (pesquisa embarque e desembarque com senha no transporte coletivo, pesquisas de contagem de volume de tráfego em cruzamentos escolhidos pela equipe técnica da Prefeitura e pesquisa de imagem realizada com usuários do transporte coletivo, de veículos motorizados individuais (automóveis e motocicletas) e ciclistas). Neste relatório estão condensadas algumas das informações obtidas com a seguinte organização: a) Informações sobre o serviço municipal de transporte coletivo; b) Informações sobre a infra-estrutura viária do Município; c) Informações sobre as condições de circulação e tráfego. As informações sobre o sistema municipal de transporte coletivo incluem dados levantados junto à empresa operadora (Viação Amparo) e dados obtidos nas pesquisas realizadas, principalmente a de avaliação dos usuários. Outras informações serão futuramente agregadas na medida em que sejam realizadas novas tabulações da pesquisa de embarque / desembarque nas fases subseqüentes do trabalho. Os dados sobre a infra-estrutura viária foram elaborados a partir dos levantamentos de campo no sistema viário principal e outras informações fornecidas pela Prefeitura; além das avaliações dos três grupos de usuários pesquisados (transporte coletivo, transporte individual e bicicletas). Neste relatório as informações se limitam aos seus aspectos descritivos que serão avaliados com mais profundidade também nas etapas posteriores. A necessidade de priorizar as pesquisas do transporte coletivo antes do encerramento das atividades escolares e os cronogramas de algumas obras importantes em alguns dos cruzamentos escolhidos atrasaram a realização das contagens volumétricas, que foram realizadas apenas no final do ano. Conseqüentemente, as avaliações das condições de circulação se limitam neste relatório às avaliações da pesquisa de imagem e serão complementadas oportunamente com as análises dos dados das pesquisas.
  • 4. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 4 2. Serviço de transporte coletivo municipal O Serviço de transporte coletivo municipal de Amparo está organizado em uma rede de 22 linhas. Na verdade, esta rede é formada por 11 rotas, já que a empresa operadora trata o percurso de ida e de volta como linhas distintas. Ainda que a quantidade de linhas seja pequena, portanto, indicadora de uma rede simples, verificou-se a existência de uma quantidade expressiva de 34 atendimentos em horários específicos que apresentam trajetos diferenciados em relação à linha base ou tronco principal. Tais atendimentos oferecem viagem para situações específicas, em alguns bairros, ou destinos, como fábricas, resultando uma rede complexa, tanto para a operação, como para o conhecimento da população. Somadas as linhas base e os atendimentos, há 56 variantes de trajetos na área urbana. Há ainda 3 rotas de atendimento rural, resultando um conjunto de 59 rotas para o serviço de transporte coletivo. Em um dia útil, são ofertadas 290 viagens, das quais 214 viagens são ofertadas nas linhas base e 76 viagens nos atendimentos. A frota operacional máxima utilizada no serviço é de 15 veículos. Gráfico 1: Distribuição da frota operacional ao longo do dia útil Distribuiçào da frota ao longo do dia 0 0 0 0 4 8 12 15 12 12 10 10 13 14 13 13 12 12 12 10 6 6 6 2 0 2 4 6 8 10 12 14 16 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 Faixa horária Tabela 1: Relação de linhas base da rede de transporte coletivo de Amparo Nº Linha Saida Chegada Ext. (km) Viagens Dias Úteis 1 Jd. Brasil Jd. Silmara 8,4 25 2 Jd. Silmara Jd. Brasil 9,6 29 3 Jd. Brasil Jd. Adélia / Figueira 10,7 11 4 Jd. Adélia / Figueira Jd. Brasil 10,7 11 5 São Dimas Rodoviária 8,8 33 6 Rodoviária São Dimas 8,8 29 7 Rodoviária Três Pontes 9,0 13 8 Três Pontes Rodoviária 9,0 13 9 Rodoviária Marchiori 16,9 6 10 Marchiori Rodoviária 16,9 7 11 Rodoviária Vale Verde 7,0 1 12 Vale Verde Rodoviária 7,0 1 13 São Dimas Rodoviária 8,0 20 14 Rodoviária São Dimas 8,0 18 15 Santa Maria Rodoviária 10,0 3 16 Rodoviária São Dimas 10,0 2 17 Arcadas Rodoviária 14,0 21 18 Rodoviária Arcadas 14,0 18 19 Jd. Brasil Jd. Das Aves (Lanifício) 7,8 8 20 Jd. Das Aves (Lanifício) Jd. Brasil 7,8 8 21 Jd. Silmara Jd. Das Aves (Lanifício) 8,6 3 22 Jd. Das Aves (Lanifício) Jd. Silmara 8,6 4 23 Jd. Das Aves (Lanifício) Arcadas 12,0 1 25 São Dimas Jd. Das Aves (Lanifício) 8,0 1 Considerando as projeções de viagens para finais de semana, estima-se que a frota municipal percorra pouco mais de 81 mil km por mês, isto é, 5.812 km por veículo (Percurso Médio Mensal).
  • 5. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 5 Figura 1. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem
  • 6. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 6 Figura 2. Cobertura da rede municipal de transporte coletivo em relação às atividades geradoras de viagem (área central expandida)
  • 7. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 7 Figura 3. Itinerários das linhas 1, 2, 3 e 4 e seus atendimentos
  • 8. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 8 Figura 4. Itinerários das linhas 5, 6, 13, 14, 15 e 16 e seus atendimentos
  • 9. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 9 Figura 5. Itinerários das linhas 7 e 8 e seus atendimentos
  • 10. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 10 Figura 6. Itinerários das linhas 9, 10, 11 e 12 e seus atendimentos
  • 11. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 11 Figura 7. Itinerários das linhas 17, 18 e 23 e seus atendimentos
  • 12. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 12 Figura 8. Itinerários das linhas 19 e 20 e seus atendimentos
  • 13. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 13 Figura 9. Itinerários das linhas 21, 22, 24 e 25 e seus atendimentos
  • 14. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 14 Demanda Os dados obtidos junto à Viação Amparo indicam que são transportados mensalmente 164 mil passageiros, correspondente aos passageiros que passam pela catraca, resultando um valor de 20 passageiros por viagem, ou 391 passageiros por veículo operacional (considerando como frota operacional a média da frota do pico manhã e da tarde, que é de 14 veículos). Desta quantidade de passageiros transportados, uma parcela é de passageiros escolares, que são beneficiados com uma tarifa mais barata, equivalente a 50% do valor da tarifa de referência. Logo, a quantidade de passageiros equivalentes ao pagamento da tarifa integral é menor do que o valor acima referido. Considerando os dados da empresa, há um total de 12.640 passageiros escolares mensais, que resulta um total de 157.954 passageiros equivalentes por mês. A pesquisa sobe e desce foi realizada em uma amostra de 75% das viagens de dias úteis, permitindo a obtenção dos dados sobre passageiros transportados, tanto que passam pela catraca dos ônibus, como os que não pagam passagem, por serem beneficiados por isenções tarifárias. O total de embarques contados nas viagens pesquisadas foi de 6.442 passageiros, dos quais, 5.129 são passageiros que passam pela catraca e 1.313 são passageiros isentos. Considerando este dado, obtém-se um índice de 20% de passageiros gratuitos, ou expresso de outra forma, de 26% dos passageiros pagantes, o que significa que a cada 5 passageiros no veículo, um não paga, que se constitui em um indicador elevado. Gráfico 2: Incidência da gratuidade por período do dia 21% 27% 20% 24% 14% 20% 26% 37% 25% 31% 17% 26% 0% 5% 10% 15% 20% 25% 30% 35% 40% PM EPM PA EPT PT Geral Índice sobre o total Índice sobre os pagantes Gráfico 3: Distribuição dos passageiros por linha 0 200 400 600 800 1000 1200 1400 1600 1800 2000 05/06-Jd.SãoDimasviaSP95 13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca 01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara 17/18-Arcadas 07/08-TrêsPontes 03/04-Jd.Brasil/Jd.AdéliaFigueira 15/16-SantaMarta 09/10-Marchiori 19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves (Lanifício) 21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves (Lanifício) 11/12-ValeVerde Catracados Isentos As duas linhas de maior demanda são as que atendem o Jd. São Dimas (linhas 05/06 (Via SP 95) e 13/14 (Via Jd. Bianca)). A linha 01/02 (Jd. Brasil / Jd. Silmara) também tem uma demanda expressiva, porém com destaque para a grande incidência de passageiros isentos, que atinge 40% dos pagantes.
  • 15. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 15 Gráfico 4: Índices de isenção por linha 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara 03/04-Jd.Brasil/Jd.AdéliaFigueira 05/06-Jd.SãoDimasviaSP95 07/08-TrêsPontes 09/10-Marchiori 11/12-ValeVerde 13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca 15/16-SantaMarta 17/18-Arcadas 19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves (Lanifício) 21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves (Lanifício) Geral Considerando os dados levantados na pesquisa, obtém-se uma relação de 29,8 passageiros por viagem em dias úteis, dos quais 23,7 são pagantes. Com base neste indicador pode-se expandir a amostra de viagens, obtendo-se uma inferência do total de passageiros transportados em dias úteis que é de 8.648 passageiros totais e de 6.888 passageiros pagantes. Considerando uma projeção para o mês, pode-se estimar os seguintes totais: • 224.848 passageiros totais • 179.088 passageiros pagantes • 172.198 passageiros equivalentes. A distribuição da demanda por faixa horária indica uma maior utilização do transporte coletivo no período da tarde. Gráfico 5: Distribuição horária dos passageiros 0 100 200 300 400 500 600 700 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 Embarques Isentos Catracados
  • 16. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 16 Lotação das viagens de transporte coletivo A lotação das viagens do serviço de transporte coletivo é avaliada através de dois indicadores: (i) taxa de passageiros em pé/m² e o nível de serviço, expresso através de códigos em uma escala de A- até F, o quais representam uma relação com uma lotação de referência, associada a um valor considerado como uma taxa de conforto básica ou admissível No caso de Amparo, onde há dois tipos de veículos: ônibus e microônibus, os níveis de serviço variam em função das distintas capacidades destes dois veículos. Os códigos empregados são dados de acordo com a seguinte escala: Nível Convencional Micro A - Menos da metade dos lugares sentados (20) Menos da metade dos lugares sentados (12) A No limite os lugares sentados (de 21 a 40) No limite os lugares sentados (de 13 a 25) B Até 10 pessoas em pé (de 41 a 50) Até 3 pessoas em pé (de 26 a 28) C Até 20 pessoas em pé (de 51 a 60) Até 7 pessoas em pé (de 29 a 32) D Até 30 pessoas em pé (lotação máxima admitida) (de 61 a 70) Até 10 pessoas em pé (lotação máxima admitida) (de 33 a 35) E Até 10 pessoas além da lotação admitida, isto é, 40 pessoas em pé (de 71 a 80) Até 4 pessoas além da lotação admitida, isto é, 14 pessoas em pé (de 35 a 39) F Acima de 40 pessoas em pé Acima de 14 pessoas em pé Gráfico 6: Distribuição das viagens por período e nível de serviço 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% 90% 100% PM EPM PA EPT PT PPT F 4% 0% 3% 0% 4% 0% E 2% 0% 0% 0% 2% 7% D 6% 3% 3% 10% 6% 0% C 10% 3% 12% 14% 14% 0% B 12% 15% 21% 17% 18% 7% A 24% 50% 50% 48% 22% 57% A - 43% 30% 12% 10% 34% 29% PM EPM PA EPT PT PPT Gráfico 7: Níveis de serviço das viagens por tipo de veículo e total Önibus convencional A - 34% A 30% B 18% C 9% D 7% E 1% F 1% Micro A - 18% A 51% B 12% C 10% D 1% E 3% F 5% Total A - 28% A 38% B 16% C 10% D 5% E 1% F 2% O nível de serviço geral é muito bom, isto é, a maior parte das viagens apresenta nível A ou A -, isto é, abaixo da lotação de banco dos veículos. De fato, 66% das viagens estão nesta situação. Os problemas de lotação excessiva estão concentrados no caso dos microônibus, com 8% do total das viagens que ocorrem neste tipo de veículo. Por período do dia, a lotação excessiva (níveis E e F) ocorre nos horários de pico, com 6% nos períodos da manhã e no período da tarde. Por linha, as lotações médias superiores a 5 pass. em pé/m² (que define o limite do nível D) ocorrem nas linhas 4 (Jd. Adélia Figueira / Jd. Brasil); 10 (Marchiori) e 13 (São Dimas, via Jd. Bianca).
  • 17. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 17 Tempos de viagem e velocidade operacional Os tempos de viagem médios e as velocidades operacionais decorrentes indicam uma situação adequada para a operação do transporte coletivo, ainda que parte deste bom desempenho pode ser creditada ao fato de várias linhas possuírem parte de seu trajeto em rodovias ou vias de baixo fluxo de tráfego. Neste sentido, aponta-se a baixa velocidade das linhas que tem vias da área central com maior participação no seu trajeto, caso das linhas 1/2 e 3/4. Tabela 2: Tempos médios de viagem das linhas Linha Tempo (min) 01 / 02 - Jd. Brasil / Jd. Silmara 34 03 / 04 - Jd. Brasil / Jd. Adélia Figueira 32 05 / 06 - Jd. São Dimas via SP 95 22 07 / 08 - Três Pontes 20 09 / 10 - Marchiori 34 11 / 12 - Vale Verde 15 13 / 14 - Jd. São Dimas via Jd. Bianca 25 15 / 16 - Santa Marta 29 17 / 18 - Arcadas 25 19 / 20 - Jd. Brasil / Jd. das Aves (Lanifício) 28 21 / 22 - Jd. Silmara / Jd. das Aves (Lanifício) 27 Geral 26 Gráfico 8: Velocidade operacional das linhas 16 20 24 28 31 28 20 22 36 18 19 23 0 5 10 15 20 25 30 35 40 01/02-Jd.Brasil/Jd.Silmara 03/04-Jd.Brasil/Jd.Adélia Figueira 05/06-Jd.SãoDimasviaSP95 07/08-TrêsPontes 09/10-Marchiori 11/12-ValeVerde 13/14-Jd.SãoDimasviaJd.Bianca 15/16-SantaMarta 17/18-Arcadas 19/20-Jd.Brasil/Jd.dasAves (Lanifício) 21/22-Jd.Silmara/Jd.dasAves (Lanifício) Geral Veloc.(km/h) Pico Dia Perfil de embarque e desembarque das linhas A seguir é apresentado um conjunto de gráficos que ilustram o perfil de embarques e desembarques por ponto de parada para cada linha pesquisada, relativa ao horário de pico.
  • 18. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 18 Perfil de sobe e desce da linha 1 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 1 Pico Tarde 0 5 10 15 20 25 30 35 40 45 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 2 Pico Manhã 0 10 20 30 40 50 60 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 2 Pico Tarde 0 2 4 6 8 10 12 14 16 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 19. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 19 Perfil de sobe e desce da linha 3 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 1 2 3 4 5 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 3 Pico Tarde 0 5 10 15 20 25 30 1 2 3 4 5 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 4 Pico Tarde 0 1 2 3 4 5 6 7 1 3 11 12 14 15 16 17 18 19 20 22 23 25 26 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 20. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 20 Perfil de sobe e desce da linha 5 Pico Manhã 0 20 40 60 80 100 120 140 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 5 Pico Tarde 0 5 10 15 20 25 30 35 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 6 Pico Manhã 0 5 10 15 20 25 30 35 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 6 Pico Tarde 0 20 40 60 80 100 120 140 160 180 1 2 3 4 5 6 7 8 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 21. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 21 Perfil de sobe e desce da linha 7 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 14 16 18 1 3 4 5 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 7 Pico Tarde 0 20 40 60 80 100 120 140 160 1 3 4 5 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 8 Pico Manhã 0 5 10 15 20 25 30 35 40 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 8 Pico Tarde 0 5 10 15 20 25 30 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 22. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 22 Perfil de sobe e desce da linha 9 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 14 1 4 7 8 12 14 15 20 21 27 28 29 30 31 32 34 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 10 Pico Manhã 0 5 10 15 20 25 30 1 2 3 4 5 6 7 8 11 12 15 17 18 19 20 21 22 23 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 14 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 14 16 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 14 Pico Tarde 0 10 20 30 40 50 60 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 23. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 23 Perfil de sobe e desce da linha 15 Pico Tarde 0 5 10 15 20 25 30 1 2 3 4 5 6 9 11 12 13 16 18 19 20 21 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 16 Pico Tarde 0 10 20 30 40 50 60 70 80 90 100 1 2 3 4 6 7 8 9 10 11 12 13 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 29 30 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce Perfil de sobe e desce da linha 17 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 1 2 3 4 5 7 8 9 12 14 15 17 18 19 20 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce Perfil de sobe e desce da linha 17 Pico Tarde 0 2 4 6 8 10 12 14 1 2 3 4 5 7 8 9 12 14 15 17 18 19 20 Pontos Pass. PT Sobe PT Desce
  • 24. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 24 Perfil de sobe e desce da linha 18 Pico Manhã 0 2 4 6 8 10 12 14 16 1 2 4 6 7 8 11 13 14 15 19 20 21 22 Pontos Pass. PM Sobe PM Desce
  • 25. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 25 Pontos de parada O levantamento cadastral realizado identificou a existência de 225 locais de embarque e desembarque de passageiros do serviço de transporte coletivo, dos quais, a grande maioria não possui identificação. Tabela 3: Quantidade de pontos de parada por tipo Tipo Quant. % Terminais 2 0,89% Abrigo de concreto 17 7,56% Abrigo de madeira 52 23,11% Abrigo metálico 1 0,44% Sub-total abrigos 70 31,11% Marco 24 10,67% Sem identificação 129 57,33% Considerando os dados obtidos na pesquisa sobe e desce, verifica-se que, apesar da existência de um elevado número de locais de parada de ônibus sem qualquer identificação, logo, sem infra-estrutura para abrigo dos usuários, a maior parte dos embarques ocorrem em locais abrigados. De fato, 80% dos embarques se dão nesta condição, com destaque para o embarque que ocorre no Terminal Rodoviário, responsável por 25% do total de embarques. Já os desembarques ocorrem predominantemente em locais sem proteção, notadamente em locais também sem identificação, o que se constitui um problema para a boa identificação do uso do serviço. Gráfico 9: Distribuição dos passageiros por condição de proteção do ponto de parada 79,9% 38,7% 20,1% 61,3% 0% 20% 40% 60% 80% 100% Embarque Desembarque Com proteção Sem proteção Gráfico 10: Distribuição dos embarques e desembarques por tipo de ponto de parada 0 500 1000 1500 2000 2500 3000 3500 4000 Passageiros Total de sobe Total de desce Total de sobe 407 889 1144 2188 187 3519 1627 Total de desce 1369 2448 445 969 69 1483 928 Marco Sem identifi- cação Abrigo de concreto Abrigo de madeira Abrigo metálico Sub-total abrigo Terminal Os principais pontos de parada, que representam 50% do total de passageiros movimentados são mostrados abaixo. Tabela 4: Relação dos principais pontos de parada do Município de Amparo Ponto cidade Tipo Total de embar- ques Total de desem- barques Movimen- tação total 6 / R. da Alegria - Rodoviária Terminal Rodoviário 1.626 869 2.495 10 / Av. Bernardino de Campos - op CITEC Marco 51 604 655 8 / R. Comendador Guimarães - Supermercado Guarani Abrigo de concreto 534 42 576 113 / R. Treze de Maio - Photo Amparo Marco 60 220 280 228 / R. Orlando Audrai de Barros Bueno - Hot Point Abrigo de madeira 120 137 257 7 / Praça Rui Barbosa - Praça da Rodoviária Abrigo metálico 187 69 256 237 / R. Tácito Loschiavo - nº432 Abrigo de madeira 154 89 243 13 / Av. Bernardino de Campos - op Quiosque de Lanches Abrigo de concreto 157 34 191 12 / Av. Bernardino de Campos - Galpão da Minasa Marco 28 154 182 217 / R. Alcides Postali - op Escola Silvio Vichi Abrigo de madeira 150 16 166 207 / R. Frederico Trentini - Pto Final e Inicial Abrigo de madeira 72 83 155 11 / Av. Bernardino de Campos - Hosp. Benef. Portuguesa Marco 29 118 147 188 / Av. Augusto Barassa - Sem identificação 13 130 143 126 / R. Rio Grande do Norte - Pto Final e Inicial Abrigo de madeira 76 66 142 48 / R. Alfredo de Barros - op Banheiro Público Abrigo de madeira 91 43 134 229 / R. Orlando Audrai de Barros Bueno - op Hot Point Sem identificação 0 130 130 17 / Av. Bernardino de Campos - Assembléia de Deus Marco 42 86 128
  • 26. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 26 Figura 10. Localização dos pontos de parada da rede de transporte coletivo municipal
  • 27. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 27 Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião Tabela 5. Índice de Imagem do serviço municipal de transporte coletivo Avaliação do serviço pelos usuários Avaliação da Viação Amparo pelos usuários Avaliação do serviço por usuários de carro e moto Avaliação do serviço por usuários de bicicletaConceito Num % Total % Total % Total % Muito Bom 24 3,7% 24 3,7% 7 2,1% 3 1,4% Bom 436 66,4% 435 66,6% 196 57,8% 120 55,6% Regular 166 25,3% 151 23,1% 102 30,1% 62 28,7% Ruim 22 3,3% 28 4,3% 22 6,5% 26 12,0% Péssimo 9 1,4% 15 2,3% 12 3,5% 5 2,3% Total 657 100,0% 653 100,0% 339 100,0% 216 100,0% Não opinaram 9 13 56 15 Índice de imagem 84,73% 78,56% 64,06% 55,56% Aprovação 70% 70% 60% 57% Aprovação + regular 95% 93% 90% 86% Desaprovação 5% 7% 10% 14% Avaliação geral do serviço municipal de transporte coletivo e da operação da Viação Amparo é positiva; principalmente entre os usuários do serviço. Gráfico 11. Avaliação do serviço de transporte coletivo municipal 3,7% 66,4% 25,3% 3,3% 1,4% 3,7% 66,6% 23,1% 4,3% 2,3% 2,1% 57,8% 30,1% 6,5% 3,5% 1,4% 55,6% 28,7% 12,0% 2,3% 0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 60,0% 70,0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Avaliação do serviço pelos usuários Avaliação da Viação Amparo pelos usuários Avaliação do serviço por usuários de carro e moto Avaliação do serviço por usuários de bicicleta Gráfico 12. Índice de Imagem dos atributos avaliados (pesquisa com usuários) -100% -80% -60% -40% -20% 0% 20% 40% 60% 80% 100% TrajetodasLinhas HoráriosdePartidas Cumpr.dosHorários Lotação Tempoespera CondiçõesPtos.Parada LimpezaÔnibus Conserv.Manut. MotoristaseCobradores SegurançaViagens FinasSemana QualidadeV.Amparo A avaliação isolada dos atributos do serviço não atinge o mesmo nível de aprovação do conjunto do sistema, com alguns aspectos avaliados negativamente (oferta nos finais de semana e lotação dos ônibus); outros dois atributos receberam avaliações significativamente reduzidas, ainda que positivas (tempo de espera e condição dos pontos de parada).
  • 28. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 28 Gráfico 13. Avaliação dos atributos serviço de transporte coletivo municipal Trajeto das Linhas 67% 7% 3% 4% 19% Muito Bom Bom Regular Ruim P éssimo Horário das Partidas 58% 12% 4% 3% 23% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Cumprimento dos Horários 57% 11% 2% 2% 28% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Lotação dos Ônibus 37% 26% 8% 1% 28% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Tempo de Espera nos Pontos 51% 16% 5% 1% 27% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Condições dos Pontos de Parada 56% 15% 7% 1% 21% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Limpeza dos Ônibus 67% 4% 4% 20% 5% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Conservação e Manutenção da Frota 63% 6% 5% 4% 22% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Comportamento dos Operadores 66% 3% 0% 16% 15% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Operação da Viação Amparo 67% 4% 2% 4% 23% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Serviço em Finais de Semana 37% 24% 18% 20% 1% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Segurança das Viagens 59% 10% 3% 7% 21% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
  • 29. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 29 Gráfico 14. Principais problemas do serviço de transporte coletivo (induzida) Na questão com respostas estimuladas pela apresentação de alternativas, foi inserida a questão tarifária, indicada pelos usuários como o principal problema do serviço. Figura 11. Disco de apoio à resposta estimulada Dada a dificuldade de obtenção de informações preliminares sobre as características operacionais do sistema municipal, foi verificado junto aos usuários o seu conhecimento dos itinerários e dos horários de partidas da linha utilizada e das demais linhas da cidade. O resultado indica que são precárias as informações colocadas à disposição da população: 26,4% dos usuários desconhecem o itinerário completo das linhas que utilizam e 21,3% não conhecem os horários das viagens; com relação às demais linhas do sistema municipal a ignorância é ainda maior, 83,5% e 85,1% não conhecem respectivamente os seus itinerários e horários Gráfico 15. Conhecimento do sistema pelos usuários (itinerário e horários) 0,0% 10,0% 20,0% 30,0% 40,0% 50,0% 60,0% 70,0% 80,0% 90,0% Itinerário da linha utilizada Itinerários de outras linhas da cidade horários da linha utilizada horários de outras linhas da cidade Conhecem Não Conhecem Não Responderam 23,5% 20,0% 17,9% 8,7% 6,9% 5,1% 4,4% 2,9% 7,5% 3,1% 0% 5% 10% 15% 20% 25% Tarifa Cara Veículos Lotados Esperar Demais Desconforto Ptos. Parada Falta de Informações Veículos Mal Conservados Veículos Sujos Motoristas Cobradores Mal Preparados Nenhum Não Sabe
  • 30. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 30 3. Infra-Estrutura associada à Circulação Figura 12. Hierarquia viária
  • 31. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 31 Figura 13. Tipo de pavimento Tipo de pavimento Ext. (m) % Asfalto 70.250 75,23% Bloquete 350 0,37% Paralelepípedo 17.770 19,03% Terra 5.010 5,37% Total 93.380 100,00%
  • 32. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 32 Figura 14. Tipo de pavimento (área central expandida)
  • 33. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 33 Figura 15. Condição do pavimento Condição do pav. da via Ext. (m) % Bom 76.510 81,9% Ruim 16.870 18,1% Total 93.380 100,0%
  • 34. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 34 Figura 16. Condição do pavimento (área central expandida)
  • 35. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 35 Figura 17. Largura das vias Largura da caixa de rolamento Ext. (m) % L ≤ 3,5 m 530 0,6% 3,5 < L ≤ 6,0 530 0,6% 6,0 < L ≤ 8,0 81.990 87,8% 8,0 < L ≤ 10,5 5.580 6,0% L > 10,5 4.770 5,1% Total 93.400 100,0%
  • 36. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 36 Figura 18. Largura das vias (área central expandida)
  • 37. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 37 Figura 19. Tipo de piso nas calçadas Tipo de calçada Ext. (m) % Cascalho 39.600 19,9% Concreto 97.630 49,1% Grama ou terra 33.860 17,0% Lajota/Miracema 320 0,2% Misto 6.690 3,4% Pedra Portuguesa 9.170 4,6% Piso Hidráulico 11.380 5,7% Total levantado 198.650 100,0%
  • 38. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 38 Figura 20. Tipo de piso nas calçadas (área central expandida)
  • 39. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 39 Figura 21. Condição do piso das calçadas Condição da calçada Ext. (m) % Bom 109.580 73,3% Ruim 39.950 26,7% Total levantado com calçada 149.530 100,0%
  • 40. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 40 Figura 22. Condição do piso das calçadas (área central expandida)
  • 41. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 41 Figura 23. Largura das calçadas Largura da calçada Ext. (m) % L < 1,0 m 12.270 6,2% 1,0 ≤ L < 1,5 49.250 24,8% 1,5 ≤ L < 2,5 48.800 24,6% 2,5 ≤ L < 4,0 38.800 19,5% L ≥ 4,0 410 0,2% s/ calçada ou acostamento 49.120 24,7% Total levantado 198.650 100,0%
  • 42. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 42 Figura 24. Largura das calçadas (área central expandida)
  • 43. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 43 Resumo dos resultados da Pesquisa de Opinião A avaliação da infra-estrutura viária foi solicitada a todos os tipos de usuários (do transporte coletivo, de automóveis e motocicletas e de bicicletas). A condição geral do sistema viário foi avaliada positivamente por ciclistas e por usuários de automóveis e motocicletas, porém mal avaliada pelos usuários do transporte coletivo: Tabela 6. Avaliação Geral do sistema viário Qualidade do sistema viário (usuários de bicicletas) Qualidade do sistema viário (usuários de autos e motos) Condição das ruas (usuários do transporte coletivo) Condição dos itinerários (usuários do transporte coletivo)Conceito Num % Total % Total % Total % Muito Bom 0 0,0% 2 0,5% 5 0,8% 4 0,6% Bom 75 32,5% 111 28,2% 186 28,2% 218 33,2% Regular 132 57,1% 219 55,7% 185 28,1% 197 30,0% Ruim 15 6,5% 42 10,7% 176 26,7% 157 23,9% Péssimo 9 3,9% 19 4,8% 107 16,2% 81 12,3% Total 231 100,0% 393 100,0% 659 100,0% 657 100,0% Não opinaram 0 1 7 9 Índice de imagem 38,89% 17,95% -33,11% -17,06% Aprovação 32% 29% 29% 34% Aprovação + regular 90% 84% 57% 64% Desaprovação 10% 16% 43% 36% Gráfico 16. Avaliação geral do sistema viário 0,0% 32,5% 57,1% 6,5% 3,9% 0,5% 28,2% 55,7% 10,7% 4,8% 0,8% 28,2% 28,1% 26,7% 16,2% 0,6% 33,2% 30,0% 23,9% 12,3% 0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade do sistema viário (usuários de bicicletas) Qualidade do sistema viário (usuários de autos e motos) Condição das ruas (usuários do transporte coletivo) Condição dos itinerários (usuários do transporte coletivo) O estado de conservação das calçadas foi avaliado negativamente por todos os grupos de usuários, mas com especial crítica dos ciclistas: Tabela 7. Avaliação do estado de conservação das calçadas Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivoConservação das calçadas Total % Total % Total % Muito Bom 0 0,0% 1 0,3% 2 0,3% Bom 29 12,6% 87 22,5% 214 32,9% Regular 101 43,7% 177 45,7% 213 32,7% Ruim 77 33,3% 87 22,5% 141 21,7% Péssimo 20 8,7% 35 9,0% 81 12,4% Total 227 98,3% 387 100,0% 651 100,0% Não opinaram 4 8 15 Índice de imagem -60,27% -27,64% -16,31% Aprovação 13% 23% 33% Aprovação + regular 56% 68% 66% Desaprovação 42% 32% 34% Gráfico 17. Avaliação do estado de conservação das calçadas 0,0% 12,6% 43,7% 33,3% 8,7% 0,3% 22,5% 45,7% 22,5% 9,0% 0,3% 32,9% 32,7% 21,7% 12,4% 0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo
  • 44. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 44 Os ciclistas também têm a pior avaliação (ainda que positiva) da largura das calçadas; a melhor avaliação é dos usuários do transporte individual motorizado: Tabela 8. Avaliação da largura das calçadas Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivoLargura das calçadas Total % Total % Total % Muito Bom 3 1,3% 3 0,8% 3 0,5% Bom 57 25,0% 146 37,9% 310 47,6% Regular 115 50,4% 182 47,3% 178 27,3% Ruim 47 20,6% 46 11,9% 109 16,7% Péssimo 6 2,6% 8 2,1% 51 7,8% Total 228 100,0% 385 100,0% 651 100,0% Não opinaram 3 10 15 Índice de imagem 3,28% 42,06% 19,92% Aprovação 26% 39% 48% Aprovação + regular 77% 86% 75% Desaprovação 23% 14% 25% Gráfico 18. Avaliação da largura das calçadas 1,3% 25,0% 50,4% 20,6% 2,6% 0,8% 37,9% 47,3% 11,9% 2,1% 0,5% 47,6% 27,3% 16,7% 7,8% 0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo As opiniões se invertem quanto às condições das travessias de pedestres, com avaliação positiva de todos os grupos de usuários, destacando uma melhor avaliação pelos ciclistas e menos favorável pelos usuários do transporte coletivo: Tabela 9. Avaliação das condições das travessias de pedestres Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo Condição das travessias de pedestres Total % Total % Total % Muito Bom 2 0,9% 0 0,0% 5 0,8% Bom 108 47,6% 181 46,8% 281 43,3% Regular 87 38,3% 136 35,1% 172 26,5% Ruim 26 11,5% 57 14,7% 126 19,4% Péssimo 4 1,8% 13 3,4% 65 10,0% Total 227 100,0% 387 100,0% 649 100,0% Não opinaram 4 8 17 Índice de imagem 53,42% 37,12% 6,40% Aprovação 48% 47% 44% Aprovação + regular 87% 82% 71% Desaprovação 13% 18% 29% Gráfico 19. Avaliação das condições das travessias de pedestres 0,9% 47,6% 38,3% 11,5% 1,8% 0,0% 46,8% 35,1% 14,7% 3,4% 0,8% 43,3% 26,5% 19,4% 10,0% 0,0% 20,0% 40,0% 60,0% 80,0% 100,0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Usuários de bicicletas Usuários de autos e motos Usuários de transporte coletivo
  • 45. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 45 Na pesquisa específica com usuários de meios de transporte individual (automóveis, motocicletas e bicicletas), foram aprofundadas as avaliações sobre diversos atributos da infra- estrutura viária, também utilizando a metodologia do “índice de imagem”. A avaliação geral se mantém nos mesmos níveis, porém piora a avaliação da conservação viária (negativa entre os usuários de automóveis e motocicletas), elevando os índices atribuídos à sinalização e à iluminação pública: Gráfico 20. Índice de Imagem dos atributos da infra-estrutura viária (ciclistas e motoristas) 33,33% 18,37% 10,86% -16,25% 47,52% 26,79% 66,08% 53,33% -100% -80% -60% -40% -20% 0% 20% 40% 60% 80% 100% SistemaViário (ciclistas) SistemaViário (motoristas) Conservaçãodas vias(ciclistas) Conservaçãodas vias(motoristas) Sinalizaçãoviária (ciclistas) Sinalizaçãoviária (motoristas) IluminaçãoPública (ciclistas) IluminaçãoPública (motoristas) Tabela 10. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de bicicleta Qualidade geral do sistema viário Conservação das vias Condição da sinalização viária Condição da iluminação pública Ciclistas Num % Total % Num % Total % Muito Bom 0 0,0% 5 3,6% 4 1,7% 7 1,8% Bom 68 29,4% 87 63,5% 96 41,6% 128 32,5% Regular 137 59,3% 84 61,3% 105 45,5% 71 18,0% Ruim 18 7,8% 32 23,4% 15 6,5% 19 4,8% Péssimo 8 3,5% 23 16,8% 11 4,8% 5 1,3% Total 231 100,0% 231 100,0% 231 100,0% 230 58,4% Não opinaram 0 0 0 1 Índice de imagem 33,33% 10,86% 47,52% 66,08% Aprovação 29% 67% 43% 34% Aprovação + regular 89% 128% 89% 52% Desaprovação 11% 40% 11% 6% Tabela 11. Avaliação da infra-estrutura viária pelos usuários de automóveis e motos Qualidade geral do sistema viário Conservação das vias Condição da sinalização viária Condição da iluminação públicaMotoristas Total % Total % Total % Total % Muito Bom 2 0,5% 7 5,1% 5 2,2% 6 1,5% Bom 112 28,4% 120 87,6% 158 68,4% 195 49,5% Regular 219 55,6% 145 105,8% 160 69,3% 144 36,5% Ruim 42 10,7% 58 42,3% 45 19,5% 37 9,4% Péssimo 19 4,8% 64 46,7% 26 11,3% 13 3,3% Total 394 100,0% 394 100,0% 394 170,6% 395 100,3% Não opinaram 1 1 1 0 Índice de imagem 18,37% -16,25% 26,79% 53,33% Aprovação 29% 93% 71% 51% Aprovação + regular 85% 199% 140% 88% Desaprovação 15% 89% 31% 13%
  • 46. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 46 Gráfico 21. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos ciclistas Gráfico 22. Avaliação dos atributos da infra-estrutura viária pelos motoristas Condição da Iluminação Pública 50% 9% 3%2% 36% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Sinalização das Vias 40% 11% 7% 41% 1% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade Geral do Sistema Viário 28% 11% 5% 1% 55% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade Geral do Sistema Viário 28% 11% 5% 1% 55% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Condição da Iluminação Pública 56% 8% 2% 3% 31% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Sinalização das Vias 42% 6% 5% 45% 2% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Condição de Conservação das Vias 38% 14% 10% 2% 36% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade Geral do Sistema Viário 29% 8% 3%0% 60% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
  • 47. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 47 4. Condições de Circulação Aos usuários do transporte individual foi solicitada uma avaliação das condições do trânsito em Amparo, também dividida em alguns atributos. O resultado da imagem destes atributos é bastante negativo, com exceção do serviço de “Zona Azul”; a condição de fluidez e a oferta de vagas para estacionamento receberam as piores avaliações: Gráfico 23. Índice de Imagem dos atributos do trânsito (ciclistas e motoristas) 13,64% -11,61% -69,90% -72,97% -54,23% -63,58% 41,46% 4,92% -100% -80% -60% -40% -20% 0% 20% 40% 60% 80% 100% Qualidadedo Trânsito(ciclistas) Qualidadedo Trânsito(motoristas) FluidezdoTrânsito (ciclistas) FluidezdoTrânsito (motoristas) OfertadeVagas (ciclistas) OfertadeVagas (motoristas) Avaliaçãoda"Zona Azul"(ciclistas) Avaliaçãoda"Zona Azul"(motoristas) Tabela 12. Avaliação das condições do trânsito pelos usuários de bicicleta Qualidade Geral do Trânsito Condição de Fkuidez do Trânsito Oferta de vagas de estacionamento Avaliação da "Zona Azul" Ciclistas Total % Total % Total % Total % Muito Bom 1 0,4% 1 0,4% 2 0,9% 24 11,2% Bom 73 31,6% 29 12,7% 42 18,4% 68 31,8% Regular 113 48,9% 67 29,4% 62 27,2% 85 39,7% Ruim 31 13,4% 87 38,2% 85 37,3% 26 12,1% Péssimo 13 5,6% 44 19,3% 35 15,4% 11 5,1% Total 231 100,0% 228 100,0% 226 99,1% 214 100,0% não opinaram 0 3 5 17 índice de imagem 13,64% -69,90% -54,23% 41,46% Aprovação 32% 13% 19% 43% Aprovação + regular 81% 43% 46% 83% Desaprovação 19% 57% 53% 17% Tabela 13. Avaliação das condições de trânsito pelos usuários de automóveis e motocicletas Qualidade Geral do Trânsito Condição de Fkuidez do Trânsito Oferta de vagas de estacionamento Avaliação da "Zona Azul" Motoristas Total % Total % Total % Total % Muito Bom 1 0,3% 0 0,0% 1 0,4% 16 4,3% Bom 97 24,6% 55 14,1% 61 26,8% 128 34,1% Regular 209 52,9% 88 22,5% 129 56,6% 123 32,8% Ruim 51 12,9% 144 36,8% 117 51,3% 71 18,9% Péssimo 37 9,4% 104 26,6% 83 36,4% 37 9,9% Total 395 100,0% 391 100,0% 391 171,5% 375 100,0% não opinaram 0 4 4 20 índice de imagem -11,61% -72,97% -63,58% 4,92% Aprovação 25% 14% 27% 38% Aprovação + regular 78% 37% 84% 71% Desaprovação 22% 63% 88% 29%
  • 48. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 48 Gráfico 24. Avaliação dos atributos do trânsito pelos ciclistas Gráfico 25. Avaliação dos atributos do trânsito pelos motoristas Serviço da "Zona Azul" 34% 19% 10% 4% 33% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Oferta de Vagas de Estacionamento 16% 30% 21% 33% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Fluidez do Trânsito 14% 36% 27% 23% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade Geral do Trânsito 25% 13% 9% 53% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Serviço de "Zona Azul" 32% 12% 5% 11% 40% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Oferta de Vagas de Estacionamento 19% 38% 15% 27% 1% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Fluidez do Trânsito 13% 39% 19% 29% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Qualidade Geral do Trânsito 32% 13% 6% 49% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
  • 49. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 49 Entre os atributos de avaliação do trânsito, foram incluídos aspectos ligados à segurança e ao comportamento dos motoristas e dos pedestres. Todos estes itens foram avaliados negativamente, apesar do item “segurança” ter obtido um índice de imagem melhor do que os comportamentos dos motoristas e pedestres: Gráfico 26. Índice de Imagem dos atributos de segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) -1,32% -11,03% -77,67% -75,13% -42,50% -51,06% -100% -80% -60% -40% -20% 0% 20% 40% 60% 80% 100% Segurançano Trânsito (ciclistas) Segurançano Trânsito (motoristas) Comportamento dosoutros Motoristas (ciclistas) Comportamento dosoutros Motoristas (motoristas) Comportamento dosPedestres (ciclistas) Comportamento dosPedestres (motoristas) Gráfico 27: Avaliação dos atributos da segurança no trânsito (ciclistas e motoristas) Comportamento de Pedestres (ciclistas) 19% 23% 13% 0% 45% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Educação dos Motoristas (motoristas) 12% 30% 28% 30% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Educação dos Motoristas (ciclistas) 10% 35% 24% 31% 0% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Segurança no Trânsito (motoristas) 31% 20% 10% 1% 38% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Segurança no Trânsito (ciclistas) 32%19% 7% 0% 42% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Comportamento Pedestres (motoristas) 19% 27% 18% 1% 35% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo
  • 50. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 50 Fluxo veicular em intersecções principais Os levantamentos incluíram a realização de pesquisas de fluxo de tráfego em alguns cruzamentos importantes da malha viária, os quais foram definidos em conjunto com a Prefeitura de Amparo, em razão de necessidades específicas de análise da necessidade de adoção de controle semafórico nestes locais. As pesquisas foram realizadas em três períodos de pico: manhã (2 horas); almoço (2 horas) e tarde (3 horas). Adiante são apresentados os croquis com os movimentos pesquisados e os resultados obtidos em cada local. Figura 25: Localização dos postos de contagem de tráfego
  • 51. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 51
  • 52. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 52
  • 53. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 53
  • 54. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 54
  • 55. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 55
  • 56. Relatório Técnico 01 – Reconhecimento da situação atual e resultados das pesquisas e levantamentos Plano de Trânsito, Transporte e Mobilidade do Município de Amparo 56 5. Atuação da Prefeitura Por fim, um último aspecto avaliado na opinião de todos os grupos de usuários foi a atuação da Prefeitura nos transportes, que recebeu índices de imagem positivos de todos os grupos de usuários: Tabela 14. Avaliação da atuação da Prefeitura nos transportes Usuários de transporte coletivo Usuários de Automóveis e Motos Usuários de BicicletasAtuação da Prefeitura Num % Total % Total % Muito Bom 9 1,4% 3 0,8% 1 0,4% Bom 304 46,7% 150 39,9% 79 35,3% Regular 179 27,5% 148 39,4% 104 46,4% Ruim 97 14,9% 50 13,3% 33 14,7% Péssimo 62 9,5% 25 6,6% 7 3,1% Total 651 100,0% 376 100,0% 224 100,0% Não opinaram 0 0 3 Índice de imagem 18,60% 21,88% 26,56% Aprovação 48% 41% 36% Aprovação + regular 76% 80% 82% Desaprovação 24% 20% 18% Gráfico 28. Índice de Imagem da atuação da Prefeitura de Amparo nos transportes 18,60% 21,88% 26,56% -100% -80% -60% -40% -20% 0% 20% 40% 60% 80% 100% Usuários de transporte coletivo Usuários de Automóveis e Motos Usuários de Bicicletas Gráfico 29. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos usuários do transporte coletivo Gráfico 30. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos ciclistas Gráfico 31. Atuação da Prefeitura nos transportes pelos motoristas (carros e motos) Avaliação da Prefeitura (usuários de carro e moto) 40% 13% 7% 1% 39% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Atuação da Prefeitura (usuários de bicicleta) 35% 15% 3% 0% 47% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo Atuação da Prefeitura (usuários transporte coletivo) 47% 15% 10% 1% 27% Muito Bom Bom Regular Ruim Péssimo