Reflexão sobre o desenvolvimento infantil

2.934 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.934
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.955
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
22
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reflexão sobre o desenvolvimento infantil

  1. 1. QUESTIONAMENTOS
  2. 2. Esse é o período sensório-motor,caracterizado pela inteligência prática. Omundo é algo a experimentar e conhecerpor meio dos órgãos dos sentidos e dasações corporais.
  3. 3. Presa à experiência imediata, elanecessita da presença dos objetosconcretos. Seus esquemas de ação sãoolhar, agarrar, ouvir, alcançar com a bocaou sentir com a pele
  4. 4. A primeira coisa a fazer é incentivar o uso daferramenta mais poderosa, que é o corpo. Pormeio dele, a criança entra em contato comtexturas, temperaturas e gostos. Outras açõessão estimular a linguagem verbal – por meiode histórias e músicas – e a imitação,entendendo a necessidade de reproduzirgestos e falas, procurando valorizar aexpressão individual de cada um.
  5. 5. Ele é principalmente substitutivo eimitativo. Substitutivo porque eladescobre que os objetos, pessoas e açõespodem ser trocados ou evocados poroutros. Imitativo porque ela entra nouniverso da ficção: imagina e fazcorrespondências.
  6. 6. No faz de conta, a criança realiza um esforçode tradução. Ela não é velha, mas representaesse papel no jogo simbólico. Também não éum bicho, mas pode imitá-lo. Esse fingimentoaumenta o repertório das diversas linguagens,como o desenho, a fala, a música e a dança.
  7. 7. A criança descobre simbolicamente aimportância do adulto em sua vida e asdiferenças entre ambos. Isso ocorre, porexemplo, quando ela faz de conta que é mãe erepreende o filho. Cabe ao professor, portanto,possibilitar que ela entenda essa assimetria e,ainda que intuitivamente, o valor do adulto.

×