 A crescente aparição dos jornais populares
começou no ano 2000, para atrair
principalmente os leitores de baixo poder
aq...
 Democratização da informação;
 Introdução à pratica da leitura;
 Gera proximidade dos leitores.
 Distração por notícias com menor interesse
jornalístico (Banalidades);
 Estimula o público a ser complacente com a
medi...
 O uso do entretenimento nos jornais marca uma
nova fase do jornalismo. Esse processo
demonstra os reflexos da atual “soc...
 Esses jornais apresentam diferentes linhas
éticas, o que pode causar confusões: Jornalismo
e Entretenimento, dois campos...
 Ana Luisa Vieira
 Ethieny Santana
 Lucas Lima
 Stéphanie Parreira
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Crítica de mídia
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Crítica de mídia

156 visualizações

Publicada em

Crítica de mídia

Publicada em: Mídias sociais
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
156
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Crítica de mídia

  1. 1.  A crescente aparição dos jornais populares começou no ano 2000, para atrair principalmente os leitores de baixo poder aquisitivo, com preços acessíveis, linguagem mais comum, que admitem até gírias e expressões. Esses veículos possuem um processo de produção de notícias diferenciado.
  2. 2.  Democratização da informação;  Introdução à pratica da leitura;  Gera proximidade dos leitores.
  3. 3.  Distração por notícias com menor interesse jornalístico (Banalidades);  Estimula o público a ser complacente com a mediocridade e ignorância;  Tratam os leitores como “menos capazes” (Crianças);  Usa mão do emocional para atrair.
  4. 4.  O uso do entretenimento nos jornais marca uma nova fase do jornalismo. Esse processo demonstra os reflexos da atual “sociedade do espetáculo”, além de fazer forte uso da persuasão para atrair leitores.  Histórias escabrosas, assuntos policiais (assassinatos), fofocas, conteúdo esportivo e erótico (Gata da Hora, por exemplo), presença de horóscopos e passatempos, além de inserção sutil da publicidade e manchetes escandalosas são os pontos principais utilizados por esses veículos.
  5. 5.  Esses jornais apresentam diferentes linhas éticas, o que pode causar confusões: Jornalismo e Entretenimento, dois campos extremamente diferentes. Enquanto o primeiro deve prezar pela imparcialidade e seriedade, o segundo permite uso de fantasia e ficção, e em grande parte das vezes necessária.  Outra característica desses veículos é o “assunto do momento”, como acidentes em coletivos, acidentes causados por jovens, maioridade penal e mães que agridem filhos. Além da exploração de reality shows como fonte de matérias.
  6. 6.  Ana Luisa Vieira  Ethieny Santana  Lucas Lima  Stéphanie Parreira

×