Empreendedorismo

3.329 visualizações

Publicada em

Palestra para universitários de São José do Rio Preto na UNIP

Publicada em: Turismo
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Empreendedorismo

  1. 1. Empreendedorismo<br />&<br />Ética<br />
  2. 2. Roteiro<br />Empresa e Mercado<br />Características de Sucesso<br />Habilidades<br />Tipos de Empreendedores<br />Novos Desafios<br />O Profissional Multidimensional<br />Empreendedores e RSE<br />Empreendedor & Empreendimentos<br />
  3. 3. CírculoVirtuoso<br />Informação<br />Inspiração<br />Consagração<br />Transpiração<br />Qualificação<br />Inovação<br />Participação<br />Motivação<br />EGD Joper Padrão<br />
  4. 4. Ponto de Decisão<br />
  5. 5. A<br />Aja !<br />é tudo !<br />ATITUDE<br />
  6. 6. Caminho<br />Emprego<br />Empreendimento<br />
  7. 7. Cantares<br />Caminhante, são tuas pegadas o caminho e nada mais; caminhante, não há caminho, se faz caminho ao andar Ao andar se faz caminho e ao voltar a vista atrás se vê a senda que nunca se há de voltar a pisar Caminhante não há caminho senão há marcas no mar... Faz algum tempo neste lugar onde hoje os bosques se vestem de espinhos se ouviu a voz de um poeta gritar "Caminhante não há caminho, se faz caminho ao andar"... Golpe a golpe, verso a verso... <br />Tudo passa e tudo fica porém o nosso é passar, passar fazendo caminhos caminhos sobre o mar Nunca persegui a glória nem deixar na memória dos homens minha canção eu amo os mundos sutis leves e gentis, como bolhas de sabão Gosto de ver-los pintar-sede sol e graná voar abaixo o céu azul, tremer subitamente e quebrar-se... Nunca persegui a glória <br />
  8. 8. Cantares<br />Morreu o poeta longe do lar cobre-lhe o pó de um país vizinho. Ao afastar-se lhe vieram chorar "Caminhante não há caminho, se faz caminho ao andar..." Golpe a golpe, verso a verso... Quando o pintassilgo não pode cantar. Quando o poeta é um peregrino. Quando de nada nos serve rezar. "Caminhante não há caminho, se faz caminho ao andar..." Golpe a golpe, verso a verso. <br />Antonio Machado<br />Sevilha 1835 / 1929<br />
  9. 9. Empreendedorismo<br />Maneira de ver as coisas, <br />e um processo para criar e desenvolver <br />atividades econômicas com base em risco, <br />criatividade e inovação de gestão<br />no interior de uma organização<br />nova ou existente.<br />
  10. 10. Empresa & Mercado<br />antigo<br />MERCADO<br />EMPRESA<br />retomada de uma empresa existente com mudança<br />antiga<br />
  11. 11. Empresa & Mercado<br />antigo<br />MERCADO<br />nova<br />nova empresa a partir do que outras já fazem<br />EMPRESA<br />retomada de uma empresa existente com mudança<br />antiga<br />
  12. 12. Empresa & Mercado<br />novo<br />antigo<br />MERCADO<br />nova empresa a partir do que outras já fazem<br />nova<br />EMPRESA<br />retomada de uma empresa existente com mudança<br />ampliação do mercado, internacionali-zação<br />antiga<br />
  13. 13. Empresa & Mercado<br />novo<br />antigo<br />MERCADO<br />nova empresa a partir do que outras já fazem<br />nova<br />nova empresa inovadora<br />EMPRESA<br />retomada de uma empresa existente com mudança<br />ampliação do mercado, internacionali-zação<br />antiga<br />
  14. 14. Empresa & Mercado<br />novo<br />antigo<br />MERCADO<br />nova empresa a partir do que outras já fazem<br />nova<br />nova empresa inovadora<br />EMPRESA<br />retomada de uma empresa existente com mudança<br />ampliação do mercado, internacionali-zação<br />antiga<br />
  15. 15. Empreendedor<br />É aquele que faz acontecer, <br />se antecipa aos fatos<br />e tem uma visão futura da organização.<br />
  16. 16. 10<br />Características de sucesso<br />Relacionadas à realização<br />Busca de oportunidades e iniciativa<br />Correr riscos calculados<br />Exigir qualidade e eficiência<br />Persistência<br />Comprometimento<br />
  17. 17. 10<br />Características de sucesso<br />Relacionadas ao planejamento<br />Busca de informações<br />Estabelecimento de metas<br />Planejamento e monitoramento sistemático<br />Relacionadas ao poder<br />Persuasão e rede de contatos<br />Independência e autoconfiança<br />
  18. 18. Com quais Você se identifica<br />
  19. 19. Habilidades<br />Paixão pelo que faz<br />Iniciativa para criar<br />Utiliza recursos de forma criativa<br />Transforma o ambiente social e econômico<br />Assume riscos e a possibilidade de fracassar<br />Lidera<br />
  20. 20. 8<br />Tipos de Empreendedores<br />Inexiste um único tipo ou modelo-padrão. Esse fato mostra que tornar-se um empreendedor é algo que pode acontecer a qualquer um.<br />José Carlos de Assis Dornelas<br />Empreendedorismo na Prática<br />
  21. 21. Empreendedor Nato (Mitológico)<br />Histórias brilhantes<br />Começa do “nada” <br />e cria grandes impérios<br />
  22. 22. Empreendedor Que Aprende (Inesperado)<br />Quando menos espera,<br />se depara com uma oportunidade de negócio<br />toma a decisão de mudar o que fazia<br />para se dedicar ao negócio próprio<br />
  23. 23. Empreendedor Serial (Cria Novos Negócios)<br />Apaixonado pelo ato de empreender<br />Está atento a tudo ao seu redor<br />Tem habilidade para formar equipes, motivar o time, captar recursos e fazer a empresa funcionar<br />
  24. 24. Empreendedor Corporativo (Executivo)<br />Muito competente, elevada capacidade <br />gerencial e conhecimento de ferramentas <br />Trabalha de olho nos resultados<br />Assume riscos e sabe lidar com a restrição de autonomia<br />
  25. 25. Empreendedor Social<br />Envolve-se com causas humanitárias<br />Cria oportunidades para os que têm limitação <br />Se realiza vendo seus projetos trazerem benefícios para os outros<br />
  26. 26. Empreendedor Por Necessidade<br />Geralmente sua única opção é “o trabalho por conta própria”<br />Iniciativas simples, pouco inovadoras, <br />contribuições fiscais modestas<br />
  27. 27. Empreendedor Herdeiro (Sucessão Familiar)<br />Ainda jovem, recebe a missão de levar a frente o legado de sua família<br />Seu desafio é multiplicar o patrimônio recebido<br />Pode ter senso de independência e desejo de inovar ... Ou ser conservador ...<br />
  28. 28. Empreendedor “Normal” (Planejado)<br />Faz a “lição de casa” Minimiza riscos Atento aos próximos passos do negócio Tem visão de futuro clara Trabalha com metas<br />
  29. 29. Como Você se reconhece ?<br />
  30. 30. Novos Desafios<br />CRIATIVIDADE<br />Conhecimento<br />COMPE-<br />TÊNCIAS<br />Habilidades<br />Atitudes<br />IMAGINAÇÃO<br />INTUIÇÃO<br />
  31. 31. Os trabalhadores do conhecimento precisam desenvolver de preferência enquanto são jovens uma vida não competitiva ...<br />
  32. 32. ... um senso comunitário próprio e levar a sério algum interesse externo; por exemplo trabalhar como voluntário para a comunidade<br />Peter Drucker<br />1909 / 2005<br />
  33. 33. Subjacente à vida de cada um<br />deve existir um senso básico <br />de valores, caráter<br />integridade e<br />compromisso ético<br />
  34. 34. ETHOS<br />Morada do Ser Humano<br />ético<br />MORES<br />Relativo aos costumes<br />moral<br />legal<br />LEGALIS<br />Conforme a Lei<br />
  35. 35. Empreendedores e a RSE<br />Se podemos sonhar, também podemos tornar nossos sonhos realidade!<br />Walt Disney<br />1901 / 1966<br />
  36. 36. Causa Humanitária<br />Walt Disney<br />1901 / 1966<br />
  37. 37. Walt Disney<br />1901 / 1966<br />
  38. 38. Mundo<br />Brasil<br />88<br />1.293<br />2.361<br />55.293 <br />11.109<br />Anos <br />Países/Municípios<br />Clubes<br />Líderes<br />Mulheres<br /> 106<br /> 216<br />34.155<br />1.211.967 <br /> 206.375<br />
  39. 39. Mundo<br />Brasil<br />40<br />34 <br />687<br />15.687<br />43<br /> 171<br />8.801<br />202.423 <br />Anos <br />Países/Estados<br />Clubes<br />Líderes<br />
  40. 40. Empreendedor & Empreendimento<br />PROVA QUÁDRUPLA Do que pensamos, dizemos e fazemos:<br />É a VERDADE?<br />É JUSTO para todos os interessados?<br />Criará BOA VONTADE e MELHORES AMIZADES?<br />Será BENÉFICO para todos os interessados?<br />Herbert Taylor<br />Rotary Club of Chicago<br />
  41. 41. Empreendedor & Empreendimento<br />O pessimista vê dificuldade em cada oportunidade; o otimista vê oportunidade em cada dificuldade.<br />Winston Churchil<br />Rotary Club of London<br />Primeiro Ministro do Reino Unido<br />durante a 2ª Guerra Mundial<br />
  42. 42. Empreendedor & Empreendimento<br />Aquilo a que chamamos felicidade consiste na harmonia e na serenidade, na consciência de uma finalidade, numa orientação positiva, convencida e decidida do espírito, ou seja na paz da alma.<br />Thomas Mann<br />Rotary Club ofMunich<br />Escritor <br /> Prêmio Nobel de Literatura<br />
  43. 43. Empreendedor & Empreendimento<br />Se podemos sonhar, também podemos tornar nossos sonhos realidade!<br />Walt Disney<br />Rotary Club of Palm Springs<br />
  44. 44. Empreendedor & Empreendimento<br />Trate as pessoas com as quais você tem negócios como se fossem parte de sua família.A prosperidade nos negócios depende muito de quanta compreensão se recebe das pessoas com as quais se faz negócios...<br />KonosukeMatsushita<br />Rotary Club of Osaka<br />
  45. 45. Empreendedor & Empreendimento<br />Líderes são como águias não se encontram em profusão.<br />Eles se destacam entre os demais e permanecem fieis aos compromissos assumidos<br />Richard King<br />Rotary Club ofNiles-Fremont<br />
  46. 46. Empreendedor & Empreendimento<br />Além de deter o "know-how" de nossa atividade;<br />além de acreditar na nossa proposta.<br />Mais do que isto, Mais do que acreditar, temos que convencer as pessoas que nos interessam através da vibração de nossa voz e do brilho do nosso olhar, quando da expomos nossas ideias.<br />Tácito Melo Barbosa<br />Rotary Club RJ - Sernambetiba<br />
  47. 47. Empreendedor & Empreendimento<br />Ética: Um Princípio que não pode ter fim!<br />Aroldo Araújo<br />Rotary Club do Rio de Janeiro<br />
  48. 48. Empreendedor & Empreendimento<br />Eu quero de convida-lo para fazer uma palestra em São José do Rio Preto, para falar para Universitários <br />sobre Empreendedorismo e Ética.<br />Você aceita ???<br />Denis Angelo<br />Representante Distrital (4480) de Rotaract<br />
  49. 49. Padrão<br />O empreendedor lusitano<br />A alma é divina e a obraé imperfeita.<br />Este padrão sinala ao vento e aos céus<br />Que, da obra ousada, é minha a parte feita:<br />O por-fazer é só com Deus!<br />Fernando Pessoa<br />1888 / 1935<br />
  50. 50. Semente de Sucesso<br />Vim na certeza de semear em solo fértil. Agradeço o convite, a acolhida e a generosidade da atenção. Retorno com a convicção de que a parte de cada um de nós será feita: o por-fazer, é só com Deus ! <br />Obrigado !<br />joperpadrao@oi.com.br<br />http://contador-padrao.blogspot.com/<br />+55 (21) 9983-2692<br />

×