.            01Sobre o EGC/UFSC
EGCCriação em 2004 na área interdisciplinar da CAPESResultado da evolução do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Pr...
GESTÃO DO                                            CONHECIMENTO                                                         ...
EGCOBJETIVO:  Pesquisar novos modelos, métodos e técnicas de engenharia, de  gestão e de disseminação do conhecimento para...
EGCPÚBLICO ALVO: Profissionais capacitados para atuar como: pesquisadores capazes de realizar inovações científicas e tecn...
Áreas de Formação de Candidatos      Engenharia do                               Economia      Conhecimento             Ps...
Inter-relação entre as Áreas de Concentração                               Suporte                               tecnológi...
Egressos da Engenharia do ConhecimentoPerfil científico e tecnológico como:  analistas de conhecimento (i.e., atuação no ...
Egressos da Gestão do ConhecimentoPerfil científico e gerencial para atuarem como:  Gestores estratégicos de conhecimento...
Egressos de Mídia e ConhecimentoPerfil científico e sócio-tecnológico para atuar como:  Disseminadores de conhecimento (i...
Visão Geral da Estrutura do Programa                Engenharia do Conhecimento aplicada ao                Governo Eletrôni...
.                          02Atividades de Pesquisa Programada
Antecedentes:•  2005 – criação do conceito de APP no EGC:   Art. 1 - As atividades acadêmicas no Programa são regulamentad...
Visão Geral:  Conhecimento	  como	  fator	                        Desafios	  organizacionais	     gerador	  de	  valor	  ...
A interação Universidade-Empresa em uma APP (EGC, 2011)
APQC´s Road Map (Estágios de implementação para Resultados em GC)                 Estágio 3:APPs             Concepção e  ...
Estágio 1: APP                      Primeiros Passos Contexto Organizacional                     Competências             ...
.                       03A Abordagem de GC do EGC/UFSC
o     ec imentConh  Pessoas
Re-Criação do         Criação do             Conhecimento             Auditoria do        Conhecimento                    ...
Capacidade                                    da SociedadeOrganizacional                                 Pessoas      Proc...
Contexto                              Conceito                         Artefato   Tarefas selecionadas                    ...
Modelo de Organização     OM-1                         OM-2                          Descrição da área Problemas          ...
OM-1: Identificação dos Problemas & Oportunidades    Identificação dos problemas e oportunidades, vistos em            um ...
OM-2: Descrição da área foco da Organização                                                    Descrição da área foco da  ...
OM-3: Descrição dos Processos                                                                     Detalhando o      OM-1  ...
Ativos de Conhecimento – OM4      OM-1                         OM-2                                Descrição da   Problema...
Tomada de decisão sobre a viabilidade - OM-5     OM-1                         OM-2                               Descrição...
Evento de GC no IPEA - Apresentação EGC UFSC
Evento de GC no IPEA - Apresentação EGC UFSC
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Evento de GC no IPEA - Apresentação EGC UFSC

1.009 visualizações

Publicada em

Publicada em: Turismo, Tecnologia
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.009
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
25
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Evento de GC no IPEA - Apresentação EGC UFSC

  1. 1. . 01Sobre o EGC/UFSC
  2. 2. EGCCriação em 2004 na área interdisciplinar da CAPESResultado da evolução do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Produção
  3. 3. GESTÃO DO CONHECIMENTO GC + MC EC + GC Gerir Memorizar Armazenar Transferir Utilizar Reutilizar Disseminar Codificar Explicitar Conhecimento MÍDIA DO ENGENHARIA DO CONHECIMENTO CONHECIMENTO Distribuir Criar Compartilhar Adquirir Aprender EC + MCO Espaço Semântico das Pesquisas do EGC
  4. 4. EGCOBJETIVO: Pesquisar novos modelos, métodos e técnicas de engenharia, de gestão e de disseminação do conhecimento para as organizações e para a sociedade.NATUREZA MULTIDISCIPLINAR DO PROGRAMA: A Engenharia e a Gestão do Conhecimento têm bases teórico-metodológicas em várias disciplinas: Engenharias; Ciências da Computação; Ciência da Informação; Sistemas de Informação; Ciências da Administração; Educação; Comunicação Social, entre outras.
  5. 5. EGCPÚBLICO ALVO: Profissionais capacitados para atuar como: pesquisadores capazes de realizar inovações científicas e tecnológicas, professores do ensino superior e profissionais especializados.PERFIL DOS EGRESSOS: Os egressos do Programa serão pesquisadores, docentes e profissionais com perfil tecnológico, gerencial ou sócio- tecnológico para atuar na nova sociedade, a sociedade do conhecimento.
  6. 6. Áreas de Formação de Candidatos Engenharia do Economia Conhecimento Psicologia Gestão do ConhecimentoMatemáticaFísica EngenhariasBiblioteconomia Ciência da ComputaçãoLingüística Sistemas de Informação Ciência da Informação Administração Comunicação Social Jornalismo Educação Mídia e Design Conhecimento
  7. 7. Inter-relação entre as Áreas de Concentração Suporte tecnológico à criação e ao Engenharia do compartilhamento de conhecimento Conhecimento Gestão do Conhecimento Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação Suporte tecnológico à construção de ferramentas de Suporte de método e mídia ao disseminação de conhecimento compartilhamento de conhecimento Mídia e Conhecimento
  8. 8. Egressos da Engenharia do ConhecimentoPerfil científico e tecnológico como:  analistas de conhecimento (i.e., atuação no desenvolvimento de modelos de conhecimento organizacional) e como  engenheiros de sistemas de conhecimento (i.e., atuação em projeto e desenvolvimento sistemas de conhecimento).A formação de doutorado acrescentará, ainda, a condição de Pesquisadoresda Engenharia do Conhecimento.Assim, mestres e doutores do Programa ligados a essa área deverão atuarcomo docentes, pesquisadores ou profissionais no estabelecimento demodelos de conhecimento (identificação, especificação e refinamento deconhecimento) e de sistemas de gestão do conhecimento (projeto edesenvolvimento de sistemas de conhecimento).
  9. 9. Egressos da Gestão do ConhecimentoPerfil científico e gerencial para atuarem como:  Gestores estratégicos de conhecimento (i.e., profissionais com iniciativa na utilização do conhecimento como fator estratégico no negócio) A formação de doutorado acrescentará, ainda, a condição de Pesquisadores da Gestão do Conhecimento. Portanto, os formados do Programa ligados à área de gestão do conhecimento terão competências para exercerem atividades como pesquisadores, docentes e profissionais capazes de inovar na gestão de ativos intangíveis das organizações.
  10. 10. Egressos de Mídia e ConhecimentoPerfil científico e sócio-tecnológico para atuar como:  Disseminadores de conhecimento (i.e., profissionais com iniciativa na disseminação do conhecimento por meio de mídias) A formação de doutorado acrescentará, ainda, a condição de Pesquisadores da Mídia e Conhecimento. Portanto, os formados do Programa ligados à área de mídia e conhecimento terão competências para exercerem atividades como pesquisadores, docentes e profissionais capazes de criar métodos e utilizar as diversas tecnologias de informação e de comunicação na disseminação do conhecimento.
  11. 11. Visão Geral da Estrutura do Programa Engenharia do Conhecimento aplicada ao Governo EletrônicoEngenharia do Engenharia do Conhecimento aplicada àsConhecimento Organizações Teoria e prática em Engenharia do conhecimento. Gestão do Conhecimento da Sustentabilidade Gestão doConhecimento Empreendedorismo e Inovação Tecnológica Teoria e prática em Gestão do conhecimento. Mídia e Conhecimento na Educação Mídia eConhecimento Mídia e Disseminação do Conhecimento Teoria e prática em mídia e conhecimento.
  12. 12. . 02Atividades de Pesquisa Programada
  13. 13. Antecedentes:•  2005 – criação do conceito de APP no EGC: Art. 1 - As atividades acadêmicas no Programa são regulamentadas pela presente Instrução Normativa, consistindo em: I – Atividades de Pesquisa Programada (APP) consistem em um conjunto de ações de pesquisa, planejadas e conduzidas por professores permanentes do EGC junto a seus orientandos e co-orientandos de mestrado e doutorado, com fins de realização de seminários temáticos, estudos de áreas emergentes, investigação de novas fronteiras do conhecimento relacionadas ao Programa ou aprofundamento das linhas de pesquisa e dos temas de teses e dissertações dos alunos participantes. INSTRUÇÃO NORMATIVA 01/ 2005 - EGC•  2008 -Procurado pela Natura para estudar cooperação em seu programa institucional de GC, o EGC estudou aplicar o conceito de APP em cada área de desafios na empresa.•  2009 – Natura contrata 3 APPs junto ao EGC nas áreas de identidade organizacional, competências organizacionais e taxonomia.
  14. 14. Visão Geral:  Conhecimento  como  fator     Desafios  organizacionais   gerador  de  valor  organizacional   variados  envolvendo    Como  tratar  dos  processos  e  dos   conhecimento   ativos  organizacionais  ligados  ao     Experiências  pontuais  em   conhecimento?   GC    Conhecimento  é  objeto  da     Dissociação  entre   engenharia,  da  gestão  e  da   arquiteturas  tecnológicas  e   mídia.   GC  
  15. 15. A interação Universidade-Empresa em uma APP (EGC, 2011)
  16. 16. APQC´s Road Map (Estágios de implementação para Resultados em GC) Estágio 3:APPs Concepção e implementação Estágio 5: de um piloto de Institucionalização GC da GCEstágio 1: Primeiros passos Estágio 4: Expansão e Estágio 2: Suporte Desenvolvimento de uma Estratégia de GC
  17. 17. Estágio 1: APP Primeiros Passos Contexto Organizacional Competências Essenciais Tarefas Conteúdo APP1: APP2: Processos Bases para o Identidade Capacidades APP3: Desenvolvimento Organizacionais organizacionais Taxonomia de uma estratégiaOrganizacional de GC K-Explícito K-ImplícitoQuem somos Como Como nos Com quecomo fazemos as organizamos linguagemorganização? coisas? ao fazer? e conteúdo fazemos?
  18. 18. . 03A Abordagem de GC do EGC/UFSC
  19. 19. o ec imentConh Pessoas
  20. 20. Re-Criação do Criação do Conhecimento Auditoria do  Conhecimento Conhecimento Tácito Explícito Auditoria Medida Compartilhamento Utilização do   do Conhecimento Conhecimento Produto Serviço Processo Social Técnica Estruturação do Conhecimento Categorizar Estocar Recuperar
  21. 21. Capacidade da SociedadeOrganizacional Pessoas Processos Capacidade Capacidade Individual ção Cria Estrutura ç Liderança Technologia ão Compartilhamento Capacidade Do Grupo 23
  22. 22. Contexto Conceito Artefato Tarefas selecionadas Especificações exigidas para asnos estudos de viabilidade Modelo e, também, nos Modelos funções de interação de de Tarefa e Agente Comunicação Tarefas Modelo Modelo de Organização intensivas de Modelo de Tarefa em conhecimento Projeto Modelo de Agente Modelo de Especificações Conhecimento exigidas para as funções de raciocínio Schreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  23. 23. Modelo de Organização OM-1 OM-2 Descrição da área Problemas foco da organização & OM-3 OM-4Oportunidades Estrutura Contexto geral Processos Descrição (Missão, dos Processos Estratégia, Pessoas Ambiente, FCSs,...) Cultura & Poder Recursos Soluções Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  24. 24. OM-1: Identificação dos Problemas & Oportunidades Identificação dos problemas e oportunidades, vistos em um contexto mais amplo da organização. OM-1 OM-2 Descrição da área Problemas foco da organização & OM-3 OM-4Oportunidades Estrutura Contexto geral Processos Descrição (Missão, dos Processos Estratégia, Pessoas Ambiente, FCSs,...) Cultura & Poder Recursos Soluções Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  25. 25. OM-2: Descrição da área foco da Organização Descrição da área foco da organização, alvo das OM-2 soluções de conhecimento. OM-1 Descrição da área Problemas foco da & Oportunidades organização OM-3 OM-4 Estrutura Contexto geral Processos Descrição (Missão, dos Processos Estratégia, Pessoas Ambiente, FCSs,...) Cultura & Poder Recursos Soluções Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  26. 26. OM-3: Descrição dos Processos Detalhando o OM-1 OM-2 processo de negócio da Descrição da organização Problemas área foco da & Oportunidades organização OM-3 OM-4 Estrutura Contexto geral Processos Descrição (Missão, dos Processos Estratégia, Pessoas Ambiente, FCSs,...) Cultura & Poder Recursos Soluções Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  27. 27. Ativos de Conhecimento – OM4 OM-1 OM-2 Descrição da Problemas área foco da & Oportunidades organização OM-3 OM-4 Estrutura Detalhamento do Contexto geral Processos Decomposição elemento mais (Missão, dos Processos importante da Estratégia, Pessoas organização para Ambiente, efeitos da Engenharia FCSs,...) Cultura & Poder e da Gestão do Conhecimento Recursos Soluções Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.
  28. 28. Tomada de decisão sobre a viabilidade - OM-5 OM-1 OM-2 Descrição da Problemas área foco da & Oportunidades organização OM-3 OM-4 Estrutura Contexto geral Processos Tomada de Decomposição (Missão, dos Processos decisão sobre a Estratégia, Ambiente, Pessoas viabilidade do FCSs,...) sistema de Cultura & Poder gestão do Recursos conhecimento Soluções na organização Ativos de potenciais Conhecimento conhecimentoSchreiber, G. et al. Knowledge Engineering and Management: the CommonKADS Methodology. MIT Press, Cambridge, Massachusetts, 2002.

×