ESTUDOS
DEMOGRÁFICOS
E SOCIAIS
60 ou mais
20 – 59 anos
0 – 19 anos
PIRÂMIDE ETÁRIA
BASE
CORPO
TOPO
NATALIDADE
 TAXA DE NATALIDADE: corresponde ao número de nascimentos
ocorridos em um ano a cada mil habitantes.
 CONTROL...
TAXAS DE MORTALIDADES
 TAXA DE MORTALIDADE: corresponde ao número de mortes
ocorridas em um ano a cada mil habitantes;
 ...
TAXA DE FECUNDIDADE
 Corresponde à média de nascidos vivos em um ano, a cada
mil mulheres em idade de reprodução.
 Fecun...
EXPECTATIVA DE VIDA
 Também chamada de esperança de vida, corresponde ao
número de médio de anos que um individuo pode es...
ASPECTOS MIGRATÓRIOS
 MIGRAÇÃO: O sentido de migração em trocar de região, país,
estado ou até mesmo domicílio. Direito d...
ASPECTOS MIGRATÓRIOS
Movimentos migratórios podem ser:
 EXTERNOS: Deslocamento feito entre países, podendo ser voluntária...
INDICADORES SOCIAIS
 IDH (Índice de Desenvolvimento Humano): é determinado por
meio da análise de 3 critérios:
 PIB PER ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Estudos demográficos e sociais

1.650 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.650
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
715
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
10
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estudos demográficos e sociais

  1. 1. ESTUDOS DEMOGRÁFICOS E SOCIAIS
  2. 2. 60 ou mais 20 – 59 anos 0 – 19 anos PIRÂMIDE ETÁRIA BASE CORPO TOPO
  3. 3. NATALIDADE  TAXA DE NATALIDADE: corresponde ao número de nascimentos ocorridos em um ano a cada mil habitantes.  CONTROLE DA NATALIDADE: ações realizadas com o objetivo de prevenir ou reduzir a propensão de uma mulher se tornar grávida. É fundamental para o planejamento familiar;
  4. 4. TAXAS DE MORTALIDADES  TAXA DE MORTALIDADE: corresponde ao número de mortes ocorridas em um ano a cada mil habitantes;  TAXA DE MORTALIDADE INFANTIL: frequência com que ocorrem os óbitos infantis (menores de um ano) em uma população, em relação ao número de nascidos vivos em determinado ano civil. Expressa-se para cada mil crianças nascidas vivas.
  5. 5. TAXA DE FECUNDIDADE  Corresponde à média de nascidos vivos em um ano, a cada mil mulheres em idade de reprodução.  Fecundidade da mulher brasileira Em 1970 a mulher brasileira tinha, em média, 5,8 filhos. Trinta anos depois, esta média era de 2,3 filhos.
  6. 6. EXPECTATIVA DE VIDA  Também chamada de esperança de vida, corresponde ao número de médio de anos que um individuo pode esperar viver.  O crescimento desta taxa reflete na economia do país, uma vez que o governo deverá desenvolver políticas que atendam estes idosos.  Em 2025, o Brasil será o 6º país com maior nº de idosos.
  7. 7. ASPECTOS MIGRATÓRIOS  MIGRAÇÃO: O sentido de migração em trocar de região, país, estado ou até mesmo domicílio. Direito de ir e vir (migrante);  EMIGRAÇÃO: é o movimento de saída de pessoas de uma determinada área geográfica, seja de um país a outro ou mesmo dentro de um mesmo país;  IMIGRAÇÃO: é o movimento de chegada de pessoas para determinada área geográfica, seja em um mesmo país ou entre países diferentes.
  8. 8. ASPECTOS MIGRATÓRIOS Movimentos migratórios podem ser:  EXTERNOS: Deslocamento feito entre países, podendo ser voluntária ou forçada. O Brasil é um país cuja migração está associada principalmente aos ciclos econômicos;  INTERNOS: Deslocamento feito dentro de um mesmo país. ÊXODO RURAL: Saída do trabalhador do campo para os centros urbanos; MOVIMENTO PENDULAR: Realizado por trabalhadores que moram em uma cidade e trabalham numa cidade próxima; TRANSUMÂNCIA: Deslocamento temporário, causado por fatores climáticos ou econômicos.
  9. 9. INDICADORES SOCIAIS  IDH (Índice de Desenvolvimento Humano): é determinado por meio da análise de 3 critérios:  PIB PER CAPITA: poder de compra;  EXPECTATIVA DE VIDA  EDUCAÇÃO: Índice de Alfabetização  Seu Valor vai de 0 a 1;

×