Japao

6.041 visualizações

Publicada em

Curiosidades sobre o Japão

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.041
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
20
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
145
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Japao

  1. 1. Japão <ul><li>O Japão (Nihon ou Nippon em japonês) é um arquipélago situado em frente à costa leste da Ásia, na parte noroeste do oceano Pacífico. Abrange cerca de 3.400 ilhas, com uma superfície total de 377.835km2. </li></ul>
  2. 2. Nomes japoneses No Japão, como também na China e na Coréia, o nome de família vem antes do nome. Por exemplo, em Utada Hikaru, Utada é o sobrenome e Hikaru é o nome. Até o final do período Edo (1603-1867) somente os samurais e os nobres tinham sobrenome, as pessoas de outras classes sociais não tinham direito a usar sobrenomes. Somente em 1868 os japoneses de todas as classes adquiriram o direito de usar sobrenome.
  3. 3. Significado dos nomes <ul><li>O significado dos nomes de família japonesas geralmente tem relação com o local em que vivia a família quando esta começou a utilizar o sobrenome, Exemplos: Tanaka, dentro do campo de arroz, Inoshita, embaixo do poço, Yanamoto, base da montanha, Matsushita, embaixo do pinheiro, etc. Já o primeiro nome geralmente procura passar uma idéia de força e/ou vitalidade no caso dos nomes masculinos, e beleza e/ou suavidade no caso dos nomes femininos. </li></ul>
  4. 4. Bomba de Hiroshima Na manhã de 06 de agosto de 1945, mais precisamente às 08h 45, o &quot;Little Boy&quot; (como foi apelidada a bomba lançada pelo bombardeiro Enola Gay) atinge o solo japonês reduzindo a pó tudo no raio de 2 Km. Até mesmo casas num raio de 4Km foram seriamente atingidas.
  5. 5. Bomba de Hiroshima <ul><li>Há aproximadamente 900 metros do epicentro da explosão,  o antigo palácio de exposições da prefeitura de Hiroshima, conhecido hoje como Genbaku Dome (que pode ser traduzido como Cúpula da Bomba Atômica), se destacava na paisagem retorcida por ser a única edificação, ou melhor, ruína que permaneceu em pé . </li></ul>
  6. 6. Mangá Palavra usada para as histórias em quadrinhos japonesas que têm seu estilo próprio de desenho. No Japão, o mangá não é considerado coisa de criança e são mais vendidos que livros e revistas.
  7. 7. Kabuki Teatro japonês com quase 400 anos de existência. A palavra é formada por 3 ideogramas: Ka = canto Bu = dança Ki = habilidade Então a palavra significa “ a arte de cantar e de dançar” e geralmente é encenado por rapazes vestidos de mulher.
  8. 8. Bunraku Teatro de bonecos que teve origem por volta do ano 600 e serve para contar as histórias do Japão antigo. Com movimentos quase humanos e vestidos com quimonos, os bonecos se transformam em verdadeiros atores no palco. Ao fundo, o som do shamisen (instrumentos de corda) marca o compasso da narrativa e o movimento dos bonecos dá a impressão de que têm vida própria.
  9. 9. Chanoyu Cerimônia do chá onde os praticantes aprendem a articular cuidadosamente os movimentos de forma a poupar energia. As pessoas devem bebê-lo ajoelhadas no chão e sem calçados.
  10. 10. Ikebana Significa “flores vivas”. É a arte de se fazer arranjos com flores praticada há mais de 500 anos. Nos arranjos procuram representar 3 elementos: o céu, a terra e a humanidade.
  11. 11. Bonsai A palavra bonsai significa “arvore em bandeja”. São árvores em miniaturas idênticas às de tamanho real. Inclusive produzindo frutos.
  12. 12. Gueixas São mulheres que estudam a arte milenar da dança e do canto. Elas são conhecidas pelo uso de trajes tradicionais e pela maquiagem .
  13. 13. Samurais Os samurais eram como soldados do rei do Japão entre 1100 e 1867. Suas principais características eram a grande disciplina, lealdade e sua grande habilidade com a katana (espada japonesa).
  14. 14. Caligrafia oriental Os japoneses escrevem através de “desenhos” chamados ideogramas. Cada desenho significa uma palavra Ideograma da palavra “amor”
  15. 15. Sumô É uma luta japonesa muito popular onde os competidores competem em um ringue circular onde o primeiro a tocar o chão com qualquer parte do corpo com exceção dos pés ou pisar fora do ringue, perde a luta. O treinamento é rigoroso. Os sumotori começam a treinar às 4h da manhã. Durante esse período podem permanecer anos sem ter contato com a família.
  16. 16. Judô A palavra significa “caminho suave”. É uma arte marcial fundada em 1882 com o objetivo de fortalecer o corpo, a mente e o espírito. O praticante do esporte é chamado de judoca e é praticado por homens e mulheres.
  17. 17. Culinária Japonesa O sushi é um prato típico japonês. É feito com arroz temperado com molho de vinagre, açúcar e sal, e combinado com peixe ou frutos do mar ou ainda vegetais, frutas ou ovo.
  18. 18. Culinária japonesa O sashimi é outra comida típica do Japão feito com peixes e frutos do mar frescos, em fatias finas e servidos com apenas com molho de soja e wasabi (tempero em pasta feito de uma planta). Alguns ingredientes de sashimi, como o polvo, são servidos cozidos, mas a maioria dos peixes, como o atum, são servidos cru.
  19. 19. Sakê Sakê é uma bebida fermentada tradicional do Japão, fabricada pela fermentação artificial do arroz; tomada geralmente quente e no começo da refeição. Foi produzida pela primeira vez por volta do ano 300.
  20. 20. Casas japonesas São feitas de madeira por causa dos terremotos. As divisões internas são feitas com painéis corrediços de madeira ou de papel de arroz. Algumas vezes um local da casa é separado para a cerimônia do chá, mas as casas-de-chá são geralmente pavilhões especiais localizados nos jardins. A relação entre a casa e o jardim é tradicionalmente muito importante para os japoneses, sendo a varanda um espaço de transição.
  21. 21. Palácios Eram modestos, mas após a chegada das armas de fogo européias, no século XVI, construíram-se vários castelos amplos e imponentes sobre maciças fundações de pedra , que dispunham de torres centrais que serviam de depósitos. Castelo de Himeji
  22. 22. Templos Muito da beleza das construções japonesas depende tanto das sutis curvaturas dos telhados como de outros tratamentos decorativos, inclusive a pintura dos pilares e vigas e o uso de douração. A construção dos templos promoveu uma maior eficiência na carpintaria.
  23. 23. Costumes japoneses Os japoneses têm o costume de tirar os sapatos logo que entram em casa e nas casas alheias. A idéia básica é proteger o interior da casa de contaminação trazida de fora. Os sapatos são permitidos apenas nas entradas das casas, numa área chamada GENKAN (pronuncie guenkan). O GENKAN localiza-se sempre um degrau abaixo da entrada principal da casa. Após tirar os sapatos e subir esse degrau, é costume virar os sapatos, deixando as pontas voltadas para o lado oposto do degrau ou seja, voltados para a saída. Normalmente, os anfitriões providenciam chinelos, conhecidos como SURIPPA para serem usados nas áreas sem tatami. Nas áreas de tatami, devemos ficar descalços. Cuidado: existem chinelos especiais para serem usados apenas nos banheiros. Portanto, não se deve confundir usando-os nos outros cômodos da casa.
  24. 24. Talheres japoneses Os japoneses utilizam talheres chamados “hashis”. Existem regras para que se usar os hashis: Não se deixar o HASHI fincado na comida, especialmente no arroz. - Quando não estiver utilizando o HASHI, coloque-o sobre a mesa em sua frente ou sobre a vasilha com a ponta voltada para o lado esquerdo. Não passe alimentos do seu HASHI para o HASHI de outra pessoa. - Não espete os alimentos com o HASHI. - Nunca aponte algo ou alguém com o HASHI e não o movimente demais no ar. - Se desejar partir um alimento em dois pedaços com o HASHI, faça isso passo a passo, controlando os movimentos e a força. - Não lamba o HASHI.

×