Energia Solar           Izabelly Morais n 11      Marcela Nascimento n 23          Pedro Henrique n 32
A Energia Solar é aquela provenientedo Sol (Energia Térmica e Luminosa). Esta      Energia é captada por painéis      sola...
A energia solar é considerada umafonte de energia limpa e renovável, poisnão polui o meio ambiente e não acaba.  Ela ainda...
Os métodos de captura da energiasolar são classificados em diretos e indiretos e está dividida em dois   tipos, energia at...
Direto, significa que há apenas uma transformaçãopara fazer da energia solar um tipo de energia utilizável                ...
Indireto, significa que precisará haver mais de uma    transformação para que surja energia utilizável. Exemplo: Sistemas ...
Energia Ativa e Passiva• A energia solar ativa necessita de aparelhos  mecânicos para aproveitar a energia. A imagem  que ...
Vantagens do uso da energia solar.• Não polui durante seu uso.• As centrais necessitam de manutenção  mínima.• Os painéis ...
Desvantagens.• um painel solar consome uma quantidade  enorme de energia para ser fabricado.Existe  variação nas quantidad...
• As formas de armazenamento da energia solar  são pouco eficientes quando comparadas, por  exemplo, aos combustíveis fóss...
ENERGIA SOLAR NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Em 5 de outubro de 2007, o governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral...
A energia solar até então não tinha destaque nosprogramas de energia no âmbito nacional, embora oBrasil possua uma alta in...
Energia Solar       Izabelly Morais n 11     Marcela Nascimento n 23      Pedro Henrique n 32     Turma: 3003Colégio Estad...
G6   energia solar
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

G6 energia solar

2.304 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.304
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
72
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
46
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

G6 energia solar

  1. 1. Energia Solar Izabelly Morais n 11 Marcela Nascimento n 23 Pedro Henrique n 32
  2. 2. A Energia Solar é aquela provenientedo Sol (Energia Térmica e Luminosa). Esta Energia é captada por painéis solares, formados por célulasfotovoltáicas, e transformada em energia elétrica ou mecânica.
  3. 3. A energia solar é considerada umafonte de energia limpa e renovável, poisnão polui o meio ambiente e não acaba. Ela ainda é pouco utilizada nomundo, pois o custo de fabricação einstalação dos painéis solares ainda émuito elevado.
  4. 4. Os métodos de captura da energiasolar são classificados em diretos e indiretos e está dividida em dois tipos, energia ativa e passiva.
  5. 5. Direto, significa que há apenas uma transformaçãopara fazer da energia solar um tipo de energia utilizável pelo homem. Exemplos:• A energia solar atinge uma célula fotovoltaica criando eletricidade. (A conversão a partir de células fotovoltaicas é classificada como direta, apesar de que a energia elétrica gerada precisará de nova conversão - em energia luminosa ou mecânica, por exemplo - para se fazer útil.)• A energia solar atinge uma superfície escura e é transformada em calor, que aquecerá uma quantidade de água, por exemplo - esse princípio é muito utilizado em aquecedores solares.
  6. 6. Indireto, significa que precisará haver mais de uma transformação para que surja energia utilizável. Exemplo: Sistemas que controlam automaticamentecortinas, de acordo com a disponibilidade de luz do Sol.
  7. 7. Energia Ativa e Passiva• A energia solar ativa necessita de aparelhos mecânicos para aproveitar a energia. A imagem que vimos anteriormente mostra um coletor que transforma as radiações solares em energia térmica que é usada normalmente para aquecer fluidos como a água.• energia solar passiva são geralmente diretas, apesar de envolverem (algumas vezes) fluxos em convecção, que é tecnicamente uma conversão de calor em energia mecânica.
  8. 8. Vantagens do uso da energia solar.• Não polui durante seu uso.• As centrais necessitam de manutenção mínima.• Os painéis solares são a cada dia mais potentes e baratos.• sua instalação em pequena escala não obriga enormes investimentos em linhas de transmissão.
  9. 9. Desvantagens.• um painel solar consome uma quantidade enorme de energia para ser fabricado.Existe variação nas quantidades produzidas de acordo com a situação atmosférica (chuva por exemplo), além de que durante a noite não existe produção alguma.• Os preços são muito elevados em relação aos outros meios de energia.
  10. 10. • As formas de armazenamento da energia solar são pouco eficientes quando comparadas, por exemplo, aos combustíveis fósseis, a energia hidroelétrica e a biomassa.
  11. 11. ENERGIA SOLAR NO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Em 5 de outubro de 2007, o governador do Estado do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, assinou o Decreto Estadual 40.966 que institui o Programa Estadual de Eficiência Energética do Rio de Janeiro, dispondo sobre a instalação de sistemas de aquecimento de água por energia solar nas edificações utilizadas pelo poder público e determina outras providências. Para incentivar cada vez mais o uso de fontes de energia solar na matriz energética fluminense, a Secretaria de Estado do Ambiente lançou, em agosto de 2011, a Carta do Sol, em parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico.
  12. 12. A energia solar até então não tinha destaque nosprogramas de energia no âmbito nacional, embora oBrasil possua uma alta incidência de energia solar.Principalmente pelo alto custo de sua implantação, oemprego da energia solar é ainda considerado nãoeconômico pela política energética. No entanto, considerando-se o crescimento mundial degeração de eletricidade por energia solar fotovoltaica(ES-FV), aponta-se a tecnologia fotovoltaica como umadas mais promissoras para a geração de energia elétrica. O governo estadual vai aproveitar também a realizaçãoda Copa do Mundo de 2014 e das Olimpíadas de2016 para incentivar mais ainda o uso da energia solar noestado.
  13. 13. Energia Solar Izabelly Morais n 11 Marcela Nascimento n 23 Pedro Henrique n 32 Turma: 3003Colégio Estadual Dom Helder Câmara

×