SlideShare uma empresa Scribd logo
Usinas
Termoelétricas
A primeira usina termoelétrica surgiu
em 1882, instalada em NewYork. Nessa
época o Brasil ainda estava vivendo sob o
Império, governo de Dom Pedro II. * A
primeira termelétrica no Brasil foi
inaugurada em 1883, em Campos (RJ),
com a potência de 52 kW.
Origem da UsinaTermoelétrica
Processo de Produção da Energia
Armazenamento eTransporte da Energia
O combustível é armazenado em parques ou depósitos adjacentes, de onde é
enviado para a usina, onde será queimado na caldeira. Esta gera vapor a partir da
água que circula por uma extensa rede de tubos que revestem suas paredes. A
função do vapor é movimentar as pás de uma turbina, cujo rotor gira juntamente
com o eixo de um gerador que produz a energia elétrica.
Essa energia é transportada por linhas de alta tensão aos centros de consumo. O
vapor é resfriado em um condensador e convertido outra vez em água, que volta
aos tubos da caldeira, dando início a um novo ciclo.
Vantagens da UsinaTermoelétrica
 Em comparação com usinas hidrelétricas,
são mais rápidas para se construir,
podendo assim suprir carências de energia
de forma mais rápida;
 Podem ser instaladas em locais próximos
às regiões de consumo, reduzindo o custo
com torres e linhas de transmissão;
 São alternativas para países que não
possuem outros tipos de fontes de
energia.
 Como são usados combustíveis fósseis para queimar e gerar energia, há uma
grande liberação de poluentes na atmosfera. Estes poluentes são responsáveis
pela geração do efeito estufa e do aumento do aquecimento global. Portanto,
este tipo de energia é altamente prejudicial ao meio ambiente.
 Outra desvantagem é que o custo final deste tipo energia é mais elevado do que
a gerada em hidrelétricas, em função do preço dos combustíveis fósseis.
Desvantagens da UsinaTermoelétrica
UsinasTermoelétricas no Brasil
Na matriz brasileira, esse tipo de geração representa aproximadamente un
quarto da capacidade do país. Os números mais recentes da ANEEL (Agência
Nacional de Energia Elétrica) indicam que existem 1384 usinas termoelétricas em
operação no Brasil.
 Sudeste 43%
 Norte 26%
 Nordeste 13%
 Sul 10%
 Centro – Oeste 8%
Piratininga – São Pulo
Baixada Fluminense – Rio de Janeiro
Capacidade Media de Produção
No Brasil, a energia termoelétrica é um recurso
estratégico, pois supre as necessidades energéticas
durante os períodos de seca, quando as
hidroelétricas não atendem toda a demanda. Cerca
de 50 usinas termoelétricas estão espalhadas por
vários estados brasileiros, entretanto, mesmo
quando operam em plena capacidade, geram cerca
de 15 mil MW de energia (Megawatts), ou seja,
7,5% do total consumido no País.
EnergiaTermoelétrica e o Meio Ambiente
Como vários tipos de geração de energia, a termeletricidade também causa impactos
ambientais.Contribuem para o aquecimento global através do efeito estufa e da chuva
ácida. A queima de gás natural lança na atmosfera grandes quantidades de poluentes,
além de ser um combustível fóssil que não se recupera.
O Brasil lança por ano 4,5 milhões de toneladas de
carbono na atmosfera, com o incremento na
construção de usinas termelétricas esse indicador
chegará a 16 milhões.
Conclusão
As termoelétricas podem ser alimentadas por vários tipos de combustíveis tais
como gás natural, carvão, derivados do petróleo, dejetos agroindustriais e urânio.
Alguns deles mais eficientes que outros, porém com a mesma funcionalidade de
gerar energia a partir de várias transformações da mesma.
Para a geração de energia a partir das usinas termoelétricas há uma grande
demanda de água para resfriamento das caldeiras. Consequentemente são
construídas em margens de rios e lagos. Para construção de uma termoelétrica há
necessidade de grande planejamento de engenharia por causa da poluição térmica
gerada.
Referências Bibliográficas
 http://educenergiahidreletrica.blogspot.com.br/2009/06/desvantagens-e-impactos-ambientais.html
 http://www.usinas.com/ensaios/Termoel%C3%A9trica-e-Termonuclear/910149.html
 http://ambientes.ambientebrasil.com.br/energia/termeletrica/usina_termeletrica.html
 http://www.tecnogerageradores.com.br/2015/03/o-que-sao-e-quais-sao-usinas-termeletricas-brasileiras/
 http://www.suapesquisa.com/energia/energia_termoeletrica.htm
 http://www.grandesconstrucoes.com.br/br/index.php?option=com_conteudo&task=viewMateria&id=343
 http://www.petrobras.com.br/pt/nossas-atividades/principais-operacoes/termeletricas/
 http://www.todamateria.com.br/energia-termoeletrica/
 http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Ar/termeletrica.php
 http://www.pensamentoverde.com.br/economia-verde/vantagens-desvantagens-usina-termoeletrica/
 http://www.todamateria.com.br/usina-termoeletrica/
 http://pt.slideshare.net/Gunterwust/termeltricas

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Energia Renovável
Energia RenovávelEnergia Renovável
Energia Renovável
Kaique Dadalto
 
Usina hidreletrica
Usina hidreletricaUsina hidreletrica
Usina hidreletrica
Fernando Pereira
 
Máquinas térmicas
Máquinas térmicasMáquinas térmicas
Máquinas térmicas
Edinei Chagas
 
TermoeléTrica
TermoeléTricaTermoeléTrica
TermoeléTrica
igorbigu
 
Biomassa
BiomassaBiomassa
energias renováveis
energias renováveisenergias renováveis
energias renováveis
veronicasilva
 
Hidrelétricas
HidrelétricasHidrelétricas
Hidrelétricas
Cláudia Melchíades
 
Energia solar
Energia solarEnergia solar
Energia solar
Ana Soares
 
Energia geotérmica a
Energia geotérmica aEnergia geotérmica a
Energia geotérmica a
miguelpim
 
Energias
EnergiasEnergias
Fontes de energia
Fontes de energiaFontes de energia
Fontes de energia
Fernanda Lopes
 
A energia hidrelétrica.
A energia hidrelétrica.A energia hidrelétrica.
A energia hidrelétrica.
Nicole Gouveia
 
Fontes de Energia [8 ano]
Fontes de Energia [8 ano] Fontes de Energia [8 ano]
Fontes de Energia [8 ano]
Vivian Reis
 
Energias Renováveis
Energias RenováveisEnergias Renováveis
Energias Renováveis
vallmachado
 
Energia elétrica.
Energia elétrica.Energia elétrica.
Energia elétrica.
Nicole Gouveia
 
Energia renovável e não renovável
Energia renovável e não renovávelEnergia renovável e não renovável
Energia renovável e não renovável
Wanessa Veloso
 
Apresentação sobre energia eólica e solar
Apresentação sobre energia eólica e solarApresentação sobre energia eólica e solar
Apresentação sobre energia eólica e solar
Fernando Sarmento
 
Efeito estufa e aquecimento global
Efeito estufa e aquecimento globalEfeito estufa e aquecimento global
Efeito estufa e aquecimento global
profleofonseca
 
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
vallmachado
 
Energia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
Energia Solar - Seminário de Ciências do AmbienteEnergia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
Energia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
Aryelle Azevedo
 

Mais procurados (20)

Energia Renovável
Energia RenovávelEnergia Renovável
Energia Renovável
 
Usina hidreletrica
Usina hidreletricaUsina hidreletrica
Usina hidreletrica
 
Máquinas térmicas
Máquinas térmicasMáquinas térmicas
Máquinas térmicas
 
TermoeléTrica
TermoeléTricaTermoeléTrica
TermoeléTrica
 
Biomassa
BiomassaBiomassa
Biomassa
 
energias renováveis
energias renováveisenergias renováveis
energias renováveis
 
Hidrelétricas
HidrelétricasHidrelétricas
Hidrelétricas
 
Energia solar
Energia solarEnergia solar
Energia solar
 
Energia geotérmica a
Energia geotérmica aEnergia geotérmica a
Energia geotérmica a
 
Energias
EnergiasEnergias
Energias
 
Fontes de energia
Fontes de energiaFontes de energia
Fontes de energia
 
A energia hidrelétrica.
A energia hidrelétrica.A energia hidrelétrica.
A energia hidrelétrica.
 
Fontes de Energia [8 ano]
Fontes de Energia [8 ano] Fontes de Energia [8 ano]
Fontes de Energia [8 ano]
 
Energias Renováveis
Energias RenováveisEnergias Renováveis
Energias Renováveis
 
Energia elétrica.
Energia elétrica.Energia elétrica.
Energia elétrica.
 
Energia renovável e não renovável
Energia renovável e não renovávelEnergia renovável e não renovável
Energia renovável e não renovável
 
Apresentação sobre energia eólica e solar
Apresentação sobre energia eólica e solarApresentação sobre energia eólica e solar
Apresentação sobre energia eólica e solar
 
Efeito estufa e aquecimento global
Efeito estufa e aquecimento globalEfeito estufa e aquecimento global
Efeito estufa e aquecimento global
 
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
Energias NãO Renovaveis(WalkléBio)
 
Energia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
Energia Solar - Seminário de Ciências do AmbienteEnergia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
Energia Solar - Seminário de Ciências do Ambiente
 

Semelhante a Usina termoelétrica

Energia elétrica e hidrelétrica 2003
Energia elétrica e  hidrelétrica 2003Energia elétrica e  hidrelétrica 2003
Energia elétrica e hidrelétrica 2003
cristbarb
 
Energias renováveis 3 A
Energias renováveis  3 AEnergias renováveis  3 A
Energias renováveis 3 A
Maria Teresa Iannaco Grego
 
TermoeletricasSSS
TermoeletricasSSSTermoeletricasSSS
TermoeletricasSSS
Matheus Espezoto
 
1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA
CETEP RECÔNCAVO SAJ/BAHIA
 
1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA
CETEP RECÔNCAVO SAJ/BAHIA
 
Seminário fontes de energia
Seminário   fontes de energiaSeminário   fontes de energia
Seminário fontes de energia
LUIS ABREU
 
G9 energia nuclear e biomassa
G9   energia nuclear e biomassaG9   energia nuclear e biomassa
G9 energia nuclear e biomassa
cristbarb
 
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil parte ii
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil   parte iiA produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil   parte ii
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil parte ii
Renata Rodrigues
 
Objeto De Aprendizagem
Objeto De AprendizagemObjeto De Aprendizagem
Objeto De Aprendizagem
Italo Cardoso Campos
 
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
ProfessorAldirCleyto
 
G1 usinas termelétricas
G1   usinas termelétricasG1   usinas termelétricas
G1 usinas termelétricas
cristbarb
 
Usos da energia e suas fontes
Usos da energia e suas fontesUsos da energia e suas fontes
Usos da energia e suas fontes
José Karllos
 
Energia limpa uma questão de necessidade
Energia limpa   uma questão de necessidadeEnergia limpa   uma questão de necessidade
Energia limpa uma questão de necessidade
Nataliana Cabral
 
Fontes de energia - GRUPO 3
Fontes de energia - GRUPO 3Fontes de energia - GRUPO 3
Fontes de energia - GRUPO 3
blog_setimaf
 
Energias alternativas
Energias alternativasEnergias alternativas
Energias alternativas
Espa Cn 8
 
Cap 26 energia
Cap 26 energiaCap 26 energia
Cap 26 energia
Ana Paula Bezerra
 
Energia eólica
Energia eólicaEnergia eólica
Energia eólica
Edicleia Rainha Ester
 
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série CTrabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
luisfernandobevilacqua
 
Energia e meio ambiente- 3ª aula
Energia e meio ambiente- 3ª aulaEnergia e meio ambiente- 3ª aula
Energia e meio ambiente- 3ª aula
humanascurso
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
Ezequias Guimaraes
 

Semelhante a Usina termoelétrica (20)

Energia elétrica e hidrelétrica 2003
Energia elétrica e  hidrelétrica 2003Energia elétrica e  hidrelétrica 2003
Energia elétrica e hidrelétrica 2003
 
Energias renováveis 3 A
Energias renováveis  3 AEnergias renováveis  3 A
Energias renováveis 3 A
 
TermoeletricasSSS
TermoeletricasSSSTermoeletricasSSS
TermoeletricasSSS
 
1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA
 
1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA1VC TAILAN ENERGIA
1VC TAILAN ENERGIA
 
Seminário fontes de energia
Seminário   fontes de energiaSeminário   fontes de energia
Seminário fontes de energia
 
G9 energia nuclear e biomassa
G9   energia nuclear e biomassaG9   energia nuclear e biomassa
G9 energia nuclear e biomassa
 
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil parte ii
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil   parte iiA produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil   parte ii
A produção mundial de energia e as fontes de energia no brasil parte ii
 
Objeto De Aprendizagem
Objeto De AprendizagemObjeto De Aprendizagem
Objeto De Aprendizagem
 
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
11 Fontes de energia: eólica, solar, hidráulica, gás petróleo, nuclear
 
G1 usinas termelétricas
G1   usinas termelétricasG1   usinas termelétricas
G1 usinas termelétricas
 
Usos da energia e suas fontes
Usos da energia e suas fontesUsos da energia e suas fontes
Usos da energia e suas fontes
 
Energia limpa uma questão de necessidade
Energia limpa   uma questão de necessidadeEnergia limpa   uma questão de necessidade
Energia limpa uma questão de necessidade
 
Fontes de energia - GRUPO 3
Fontes de energia - GRUPO 3Fontes de energia - GRUPO 3
Fontes de energia - GRUPO 3
 
Energias alternativas
Energias alternativasEnergias alternativas
Energias alternativas
 
Cap 26 energia
Cap 26 energiaCap 26 energia
Cap 26 energia
 
Energia eólica
Energia eólicaEnergia eólica
Energia eólica
 
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série CTrabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
Trabalho sobre tipos de energia - Gustavo 7ª série C
 
Energia e meio ambiente- 3ª aula
Energia e meio ambiente- 3ª aulaEnergia e meio ambiente- 3ª aula
Energia e meio ambiente- 3ª aula
 
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - TermoelétricasA Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
A Eletricidade e suas Aplicações - Termoelétricas
 

Último

Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
marcos oliveira
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Mary Alvarenga
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
C4io99
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Falcão Brasil
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
SupervisoEMAC
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
marcos oliveira
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mary Alvarenga
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO                .
FOTOS_AS CIÊNCIAS EM AÇÃO .
 
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2020 CENSIPAM.pdf
 
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdfPainel  para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
Painel para comemerorar odia dos avós grátis.pdf
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.Atividade Dias dos Pais -  Meu Pai, Razão da Minha História.
Atividade Dias dos Pais - Meu Pai, Razão da Minha História.
 
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. WeaverAs Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
As Ideias Têm Consequências - Richard M. Weaver
 
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
Relatório de Atividades 2009 CENSIPAM
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdfCaderno 1 -  Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
Caderno 1 - Módulo Água JMS 2024 (1).pdf
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p..._jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
_jogo-brinquedo-brincadeira-e-a-e-ducacao-tizuko-morchida-kishimoto-leandro-p...
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História. Mini livro  sanfona - Minha Escola Tem História.
Mini livro sanfona - Minha Escola Tem História.
 
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _RECORDANDO BONS MOMENTOS!               _
RECORDANDO BONS MOMENTOS! _
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .TALENTOS DA NOSSA ESCOLA                .
TALENTOS DA NOSSA ESCOLA .
 
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2019 CENSIPAM.pdf
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 

Usina termoelétrica

  • 2. A primeira usina termoelétrica surgiu em 1882, instalada em NewYork. Nessa época o Brasil ainda estava vivendo sob o Império, governo de Dom Pedro II. * A primeira termelétrica no Brasil foi inaugurada em 1883, em Campos (RJ), com a potência de 52 kW. Origem da UsinaTermoelétrica
  • 4. Armazenamento eTransporte da Energia O combustível é armazenado em parques ou depósitos adjacentes, de onde é enviado para a usina, onde será queimado na caldeira. Esta gera vapor a partir da água que circula por uma extensa rede de tubos que revestem suas paredes. A função do vapor é movimentar as pás de uma turbina, cujo rotor gira juntamente com o eixo de um gerador que produz a energia elétrica. Essa energia é transportada por linhas de alta tensão aos centros de consumo. O vapor é resfriado em um condensador e convertido outra vez em água, que volta aos tubos da caldeira, dando início a um novo ciclo.
  • 5. Vantagens da UsinaTermoelétrica  Em comparação com usinas hidrelétricas, são mais rápidas para se construir, podendo assim suprir carências de energia de forma mais rápida;  Podem ser instaladas em locais próximos às regiões de consumo, reduzindo o custo com torres e linhas de transmissão;  São alternativas para países que não possuem outros tipos de fontes de energia.
  • 6.  Como são usados combustíveis fósseis para queimar e gerar energia, há uma grande liberação de poluentes na atmosfera. Estes poluentes são responsáveis pela geração do efeito estufa e do aumento do aquecimento global. Portanto, este tipo de energia é altamente prejudicial ao meio ambiente.  Outra desvantagem é que o custo final deste tipo energia é mais elevado do que a gerada em hidrelétricas, em função do preço dos combustíveis fósseis. Desvantagens da UsinaTermoelétrica
  • 7. UsinasTermoelétricas no Brasil Na matriz brasileira, esse tipo de geração representa aproximadamente un quarto da capacidade do país. Os números mais recentes da ANEEL (Agência Nacional de Energia Elétrica) indicam que existem 1384 usinas termoelétricas em operação no Brasil.  Sudeste 43%  Norte 26%  Nordeste 13%  Sul 10%  Centro – Oeste 8%
  • 8. Piratininga – São Pulo Baixada Fluminense – Rio de Janeiro
  • 9. Capacidade Media de Produção No Brasil, a energia termoelétrica é um recurso estratégico, pois supre as necessidades energéticas durante os períodos de seca, quando as hidroelétricas não atendem toda a demanda. Cerca de 50 usinas termoelétricas estão espalhadas por vários estados brasileiros, entretanto, mesmo quando operam em plena capacidade, geram cerca de 15 mil MW de energia (Megawatts), ou seja, 7,5% do total consumido no País.
  • 10. EnergiaTermoelétrica e o Meio Ambiente Como vários tipos de geração de energia, a termeletricidade também causa impactos ambientais.Contribuem para o aquecimento global através do efeito estufa e da chuva ácida. A queima de gás natural lança na atmosfera grandes quantidades de poluentes, além de ser um combustível fóssil que não se recupera. O Brasil lança por ano 4,5 milhões de toneladas de carbono na atmosfera, com o incremento na construção de usinas termelétricas esse indicador chegará a 16 milhões.
  • 11. Conclusão As termoelétricas podem ser alimentadas por vários tipos de combustíveis tais como gás natural, carvão, derivados do petróleo, dejetos agroindustriais e urânio. Alguns deles mais eficientes que outros, porém com a mesma funcionalidade de gerar energia a partir de várias transformações da mesma. Para a geração de energia a partir das usinas termoelétricas há uma grande demanda de água para resfriamento das caldeiras. Consequentemente são construídas em margens de rios e lagos. Para construção de uma termoelétrica há necessidade de grande planejamento de engenharia por causa da poluição térmica gerada.
  • 12. Referências Bibliográficas  http://educenergiahidreletrica.blogspot.com.br/2009/06/desvantagens-e-impactos-ambientais.html  http://www.usinas.com/ensaios/Termoel%C3%A9trica-e-Termonuclear/910149.html  http://ambientes.ambientebrasil.com.br/energia/termeletrica/usina_termeletrica.html  http://www.tecnogerageradores.com.br/2015/03/o-que-sao-e-quais-sao-usinas-termeletricas-brasileiras/  http://www.suapesquisa.com/energia/energia_termoeletrica.htm  http://www.grandesconstrucoes.com.br/br/index.php?option=com_conteudo&task=viewMateria&id=343  http://www.petrobras.com.br/pt/nossas-atividades/principais-operacoes/termeletricas/  http://www.todamateria.com.br/energia-termoeletrica/  http://www.sobiologia.com.br/conteudos/Ar/termeletrica.php  http://www.pensamentoverde.com.br/economia-verde/vantagens-desvantagens-usina-termoeletrica/  http://www.todamateria.com.br/usina-termoeletrica/  http://pt.slideshare.net/Gunterwust/termeltricas

Notas do Editor

  1. Pode exigir mais de um slide
  2. Pode exigir mais de um slide
  3. Pode exigir mais de um slide