Obrasmelhoramqualidadedaágua
www.grupocorreiodosul.com.br
ANO XXIV EDIÇÃO Nº 4.648
TERÇA-FEIRA, 14 DE ABRIL DE 2015
R$ 2,0...
Política
Jarbas Vieira
Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
jarbas@grupocorreiodosul.com.br
(48) 9966.5326
CHAR...
no tratamento do esgoto
para dar um reflexo posi-
tivo de saudável a todos”,
resumiu.
No próximo dia 23 de
maio, uma comit...
4 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Matéria com Marluce - mãe de Aline, Katrine e Karoline –
demonstrava a p...
Especial 5Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Política
Rolando Christian Coelho
P
SD Estadual tem orientado a
...
Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente
Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador J...
Publicidade 7Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão
Cruzadinha
Novelas
Sete Vidas -18h
Alto Astral -19h
Babilônia -21h
M
arcelo ...
Social
Tânia Duarte
Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
tania@grupocorreiodosul.com.br
facebook.com/tania.duar...
Publicidade10 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Geral 11Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Grupos aproveitaram Araranguá Fest para divulgar
suas atividades, ...
12 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015 Publicidade
Geral 13Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Djonatha Geremias
³Servidores da Justiça unem-se a Sombrio e Santa...
Publicidade14 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Publicidade 15Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Publicações Legais16 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
ESTADO DE SANTA CATARINA
PREFEITURA MUNICIPAL DE
ARAR...
Publicidade 17Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
Publicidade18 Correio do Sul
Terça-feira,
14 de abril de 2015
bém para comemorar a
chegada do novo diretor
do Presídio, Adércio José
Velter.
O jogo que permitiu
ao grupo correr, bater
...
TERÇA-FEIRA, 14 DE ABRIL DE 2015
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Jornal digital 4647_ter_14042015

364 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
364
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
11
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Jornal digital 4647_ter_14042015

  1. 1. Obrasmelhoramqualidadedaágua www.grupocorreiodosul.com.br ANO XXIV EDIÇÃO Nº 4.648 TERÇA-FEIRA, 14 DE ABRIL DE 2015 R$ 2,00 Grupo 26º 19º Sol com algumas nuvens. Não chove. Previsão para hoje Extremo Sul Catarinense Esporte Agentesdo PresídioRegional formambomtime Futebol 19Página Geral Geral Casalquepediu ajudavivefeliz comtrigêmeas Servidoresda comarcaaderem aparalisação CS 25 anos Araranguá 4 e 5Páginas 13Página Ermo e Turvo 3Página
  2. 2. Política Jarbas Vieira Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 jarbas@grupocorreiodosul.com.br (48) 9966.5326 CHARGEPor:CAZO “Tirem o Galina daqui senão ele vai entregar a Casan”. Ele disse: ‘ ‘Vice-governador Eduardo Moreira (PMDB), brincando com o fato de o presidente da Casan estar acatando os pedidos da região. Eduardo Moreira recebe pleitos da região! A ntes de participar das solenidadesinaugurais da Casan em Turvo e Ermo, o vice-governador Eduardo Moreira (PMDB) e o presidente da Companhia, Valter Galina (PMDB), foram recepcionados para um almoço no Clube Alvo- rada, de propriedade da família do vice-prefeito de Turvo, Tiago Zilli (PMDB). O almoço acabou se tornandoumgrandeeventopolíti- co, com as presenças dos prefeitos de Turvo Ronaldo Carlessi; de Sombrio Zênio Cardoso; e os dois prefeitos de São João do Sul, João Rubens (licenciado) e Moacir Tei- Afotomostraomomentoemque opresidentedaCasan,ValterGalina, comentava com o vice-governador, Eduardo Moreira, o pedido feito pelo prefeito licenciado de São João do Sul, João Rubens (PMDB), e pelo prefeito em exercício, Moacir Teixeira (PTB), para levar água tra- tada até a comunidade de Vila Santa Catarina. Após a explanação houve o aceite por parte das autoridades. A CasaninvestirácercadeR$400mile a prefeitura entrará com os serviços de máquina necessários. Felizes com a conquista, João Rubens e Moacir prometem focar agora nos projetos paralevaráguadequalidadeatéTrês CoqueiroseVilaConceição,comuni- dades que margeiam a BR-101. (48) 3522-3777 xeira (em exercício). Além deles, participaram o secretário regional AdemirdaSilva,oDema(PMDB), oex-secretárioHeribertoSchmidt, Câmaras do Sul articuladas Presidente da Câmara de Vereadores de Araranguá, Rony da Silva (PMDB) recepcionou na tarde de sexta-feira em seu gabinete, presiden- tes de Câmaras de municípios do Extremo Sul do Estado. O encontro é o início de uma ação articulada dos Poderes Legislativos do Sul Catari- nense para diagnosticar as necessidades e cobrar do Governo Federal mais agilidade na solução dos problemas que prejudicam a população. “Entre estas principais demandas locais está à conclusão das obras de duplicação da BR-101, no trecho sul. Em consequência da demora na finalização dos trabalhos, às Câmaras de Vereadores de 24 municípios, cujos territórios margeiam essa rodovia federal, estão organizando um movimento coletivo”, explicou. Do Vale do Araranguá participam as Casas Legislativas da Cidade das Avenidas, Sombrio, Santa Rosa do Sul, Passo de Torres e Maracajá. Na região sul, à Câmara de Criciúma lidera esta ação, por isso no dia 29 de abril, às 19h, estará promovendo na Acic uma sessão especial alusiva à passagem dos 11 anos da primeira marcha pela duplicação da BR-101. o deputado estadual Luis Fernan- do Cardoso, o Vampiro (PMDB), ospresidentesdascooperativasde eletrificação da região Olívio Ni- Mais uma conquista para São João do Sul Pré-agenda Governador Raimundo Co- lombo (PSD) decidiu inaugurar a revitalização da rodovia que liga Passo de Torres a BR-101. Esta, e a revitalização da rodovia que Jacinto Machado a Ermo, são suas duas obras rodoviárias concluídas na região. A vinda de Colombo a região está pré-agen- dada para a próxima semana. chele (Ceprag), Valdemiro Recco (Cejama)eEvertonSchmidt(Cer- sul), dentre outras lideranças. Ao presidente da Ceprag, Eduardo Moreira (PMDB) garantiu que a ordem de serviço da nova linha de transmissão, que possibilitará a construção da subestação pela cooperativa, já está assinada. Mas, a Celesc está atendendo um pedidodogovernadorparaqueos trabalhos se iniciem no segundo semestre, por conta da contenção de despesas que o Governo está fazendo. Já para Jacinto Macha- do, que pede uma ampliação da oferta de energia, com investi- mento aproximado de R$ 1 mi- lhão, o vice-governador afirmou que o projeto está caminhando e são grandes as possibilidades de um retorno positivo num curto espaço de tempo.
  3. 3. no tratamento do esgoto para dar um reflexo posi- tivo de saudável a todos”, resumiu. No próximo dia 23 de maio, uma comitiva do governo catarinense irá discutir uma captação de recursos internacionais do banco de fomento alemão KFW Bankengruppe. É um protocolo de intenções paraatenderos80menores municípios assistidos pela Casan no valor inicial de R$ 8 milhões. A concessio- nária detém os direitos de prestaçãodoserviçoem205 cidades catarinenses. “Só para citar um exemplo do avançodacompanhia,neste últimoverãonãofaltouuma gota de água nesses locais abastecidos pela empresa pública. Há muita coisa ainda para ser feita. As grandes obras ainda estão por vir. Turvo e Ermo já entraram nesta lista e já podem contar com água de qualidade e serviço de excelência”,concluiGallina. Geral 3Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 ainda defende à economia do líquido, necessária nos dias atuais devido à escas- sez de chuva em algumas épocas do ano. “Um pingo gasto a mais hoje pode fa- zer falta no futuro. Mudei alguns hábitos e já sinto o resultado na fatura do fim do mês, que teve redução”, aponta. Os dois atos de inau- guração contaram com a presença do vice-gover- nador Eduardo Pinho Moreira, deputados esta- duais, prefeitos da região e do diretor-presidente da Casan, Valter Gallina. Moreira fez uma menção sobre o avanço do sistema de saneamento catari- nense e do abastecimento de água tratada às mais diversasregiõesdoestado, principalmente no inte- rior. “Aestatal irá investir mais de R$ 1 bilhão nos próximos três anos. Crici- úma, Rio do Sul, Laguna, Braço do Norte, Turvo, Ermo, Siderópolis. Esses são alguns dos municípios já beneficiados com obras da Casan, o que reflete em um abastecimento de água de muito mais qualidade ao cidadão”, projeta o vice-governador. Gallina também falou so- bre esgotamento sanitário nos dois atos. “Caminha- mos para um salto do 18º lugar no país para o 4º em relação aos estados com saneamento básico. Nosso estado é o primeiro em qualidade de vida e é preciso investir também sempre morou na cidade, que tem cerca de dois mil habitantes. “Agora pode- mos até beber esta água”, comemora. Além de Ermo, a po- pulação de Turvo tam- bém recebeu melhorias no abastecimento. A nova ETA,comcapacidadepara 25 litros por segundo, também foi inaugurada ontem, em um investi- mento total de R$ 355 mil. A mesma alegria simples em poder contar com um serviço de distribuição de água tratada é comparti- lhada pelo vendedor autô- nomo Francisco Marcelo, o Chiquinho. “Moro com a minha esposa na Vila Manentti, em Turvo. So- fríamos de vez em quan- do com a falta de água ou com a baixa pressão nas torneiras. Antes era comumocorrerumproble- ma após uma enxurrada. Não precisamos mais nos preocupar. Estes proble- mas foram resolvidos”, garante Chiquinho. Ele Avanços e investimentos > TURVO/ERMO “Água tratada e de qualidade, final- mente”, alivia-se Giovani Nagel Simon, morador do centro de Ermo. Ele fez questão de prestigiar a inauguração de uma adutora de cerca de oito quilômetros, que traz o líquido essencial à vida e a praticamente todas as tarefas caseiras, direto da estação de tratamento (ETA) de Turvo. A obra custou R$ 373 mil aos contribuintes e foi exe- cutada pela Companhia Catarinense de Águas e Saneamento (Casan). Maria Adélia Bellin, que mora a três quilômetros do Centro, conversava com uma amiga sobre as dificuldades devido à fal- ta de qualidade da água. “Não podíamos ter roupas claras, pois sujava tudo na máquina de lavar”. Giovani tem 56 anos e Inaugurações de nova estação de tratamento e de adutora de oito quilômetros beneficiam cerca de dez mil habitantes ³Inauguração da Casan em Ermo mereceu até banho do prefeito Aldoir Cadorin ³Em Turvo foi entregue oficialmente a nova estação > JACINTO MACHADO Como parte do projeto de EducaçãoAmbiental de autoria da professora do 5º ano do ensino fundamen- tal da Escola Municipal Arizona, Lucimar Tavares de Lacerda da Silva, com apoio da diretora Cristiani Tonetto, os alunos foram conhecer o processo de tratamento da água que chega nas torneiras de suas casas. Aturmavisitouasins- talações da ETA (Estação deTratamentodeÁgua)de Jacinto Machado, onde fo- ram recebidos pelo diretor geral do Samae Amilton Ghellere, o Bilú, e pelo en- genheiro sanitarista Má- rio Copetti. O engenheiro explicou aos estudantes como funciona o sistema quecomeçacomacaptação Alunosconhecem sistemadetratamento Rafael Andrade Famílias comemoram melhoria da água Bem Tratada da água no rio Engenho Velho, na localidade de Sanga da Curva. “O mu- nicípio pode se orgulhar porque possui uma água de excelente procedência, vinda direto dos cânions da Serra Geral”, disse. Amilton falou sobre os investimentos neces- sários para levar a água até os cerca de 2.500 usuários. “Fizemos mui- tas melhorias, porque os canos estavam com muito residual de ferro e manganês que vinham dos poços artesianos. Hoje nossa água está com maior pressão e cada dia mais límpida”, destacou. Apróxima visita de Luci- mar e seus alunos será a empresa Preservale, para saber a destinação do lixo produzido em Jacinto Machado.
  4. 4. 4 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Matéria com Marluce - mãe de Aline, Katrine e Karoline – demonstrava a preocupação com a chegada do frio. Hoje, filhas reconhecem o esforço dos pais na sua criação ³Marluce com as três filhas, depois de enfrentar dificuldades para criá-las, família permanece unida e feliz Para lembrar.... Trigêmeasararanguaensesforam notíciahá16anos Araranguá Em 7 de abril de 1999, uma ma- téria de capa do Cor- reio do Sul intitulada ‘Chegada do inverno no Vale preocupa mãe de trigêmeas’ relatava as dificuldades enfren- tadas pelo casal Mar- luce Silva de Menezes Anacleto, na época com 33 anos, e João Anacleto, com 35. Já pais de uma menina de dez anos, se viram numa difícil situação com o nascimento de outras três, que cresciam rápi- do e necessitavam de mais roupas, enquan- to as condições finan- ceiras da família eram cada vez mais difíceis. Hoje, revendo notícias importantes retratadas pelo Correio do Sul ao longo dos seus 25 anos, voltamos a falar com a família e contamos mais um pouco da história de Aline, Katrine e Karoline. Quando Marluce concedeu entrevista ao Correio do Sul, em abril de 1999, as trigêmeas estavam com nove me- ses e a aproximação do frio era o que trazia maior preocupação à família. Com ela tendo que parar de trabalhar após o nascimento das três meninas, ficou a cargo de João – com seu salário de R$ 300,00 e ainda com descontos devido a um empréstimo para realizar o parto – o sustento da família, ago- ra formada por cinco integrantes. Residindo ainda no mesmo endereço, no bairro Urussanguinha, em Araranguá, Marluce, João e as filhas têm uma vida mais tranquila, com a questão financeira um pouco melhor; mas em nenhum momento o casal deixou se perder a experiência delicada passada com o nasci- mento das trigêmeas. Ao receber a reporta- gem do Correio do Sul, prontamente as meninas buscaram numa gaveta a página já amarelada do jornal, remendada com fitas. “Foi um perío- do muito difícil da nossa vida, que só superamos com ajuda da comu- nidade, da família que permaneceu unida e do Cabo Loro (vereador Lo- rival João), que sempre esteve presente quan- do precisamos”, lembra Marluce, na companhia das filhas e da neta de sete meses, de sua filha mais velha, Letícia, hoje com 26 anos. Letícia teve um papel fundamental na melhora das condições da famí- lia, já que passou a cui- dar das três irmãs para que a mãe voltasse a tra- balhar e aumentasse a renda da casa. “Quando elas nasceram, precisa- ram ser internadas. Duas foram para Florianópolis e uma para Porto Alegre. Eu nem soube o que era quarentena, tinha que ficar indo de um hospi- tal para o outro, com o coração apertado por causa da saúde delas”, conta Marluce. Durante um mês e meio as recém nascidas permaneceram interna- das, antes de voltar para casa, em Araranguá. Como Letícia tinha ape- nas dez anos, Marluce precisou largar os servi- ços de doméstica e se dedicar exclusivamen- te às filhas. “Fiquei dois anos sem trabalhar fora. Quando a Letícia fez 12 anos, tive que pedir uma autorização judicial para colocar ela estudando à noite, para que pudesse cuidar das irmãs durante o dia”, explica. Para piorar, além da necessidade de muitas roupas para as meni- nas que cresciam, elas também não podiam consumir leite de vaca devido a alergias e a família precisou criar cabras. Durante quatro anos, os animais auxi- liaram no sustento das trigêmeas. Quando o consumo do leite deixou de ser necessário, as cabras foram vendidas. Valdinei Nichele Experiência e superação
  5. 5. Especial 5Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Política Rolando Christian Coelho P SD Estadual tem orientado a basedopartido,nosbastidores, a tentar uma aproximação com o PP para 2016. Alguns líderes têm deixado este posicionamento até mes- moexplícito,comoéocasodopresidenteda Assembleia Legislativa, Gelson Merísio, que nãoescondedeninguémsuapreferênciape- los progressistas nas coligações municipais. De fato, a tendência de coligação entre PSD e PP é quase natural em todo o Estado. O motivo é totalmente justificável. O PSD é oriundo do PFL, que, por sua vez, surgiu do então PDS, hoje PP. Sendo assim, os pessedistas são filhos dos progressistas, e, por consequência, na história da política, inimigos tanto do PMDB quanto do PT. No entanto, por força das circunstâncias, nas últimas três eleições estaduais o PSD tem estado aliado ao PMDB. Isto se deu em grande parte porque em 2002 o então governador Esperidião Amin (PP) deu a entender que apoiaria o prefeito de Lages RaimundoColombo(PSD)comocandidato ao governo. Amin acabou indo a reeleição e Colombo e todo o PSD convergiram para o PMDB de Luiz Henrique da Silveira. Desde então não houve mais entendimento entre o PSD e o PP em nível estadual. O problema é que agora o PSD está em uma encruzi- lhada, isto porque o PMDB não abre mão de lançar candidato ao governo em 2018. Neste contexto caberia aos pessedistas, no máximo, indicar o candidato a vice, o que o partido, por certo, não quer. A solução, então, é ressuscitar a aliança com o PP. Isto não pode ser deixado para ser feito sóem2018.ParaqueadobradinhaPSD/PP dêcertonaeleiçãogovernamental,éfunda- O dilema do PSD em nossa região mental que a base dos dois partidos estejam unidas já em 2016, algo que não é tão difícil de ser feito, ainda que hajam alguns casos bem complicados de serem resolvidos. Na eleição de 2012, aqui em nossa re- gião, PSD e PP estiveram juntos em 12 dos 15municípios. A união só não aconteceu em Maracajá e Passo de Torres, onde o PSD se aliou ao PMDB, e também em Ermo, onde o PSD não teve como aliado oficial nem o PP nem o PMDB, ainda que os progressistas tenham votado em massa no prefeito eleito, Zica Cadorin (PSD). Em princípio tudo parece convergir para o que o PSD Estadual almeja, já que trazer o PP para uma coligação em Ermo não é tão difícil assim, e tampouco é difícil fazer com que o partido rompa com o PMDB em Maracajá e Passo de Torres. Em Passo, aliás, PMDB e PSD perderam a eleição, o que deixa os pessedistas menos compro- metidos ainda. A grande questão do PSD está relacio- nada a Araranguá e a Sombrio. Na última eleição municipal o PSD esteve aliado ao PP nos dois municípios. Derrotados, os pessedistas tomaram outro rumo em sua trajetóriapolítica,embarcandonosgovernos de Sandro Maciel (PT) em Araranguá, e de ZênioCardoso(PMDB)emSombrio.Fossem dois municípios pequenos a cúpula estadual pessedista até poderia relevar, mas o fato é quesetratamdosdoismaioresmunicípiosdo Extremo Sul, que, sozinhos, detêm metade do eleitorado regional. Por conta disto fatal- mente o PSD Estadual irá criar dificuldades para uma aliança com o PT, e com o PMDB, caso o partido se mantenha firme no propó- sito de ter candidato ao governo em 2018. O PSD em Sombrio EmSombriooPSDdisputouaprefeitura coligadocomoPPem2012,maslogodepois das eleições costurou aliança com o PMDB para assumir a Presidência da Câmara de Vereadores e também a Secretaria Munici- pal de Saúde. Ex-adversário, hoje o partido é quem garante sustentação legislativa ao prefeitoZênioCardoso(PMDB).Emtrocado apoiotemtrânsitolivrejuntoaoexecutivo.A afinidade leva a crer que o PSD estará alia- do ao PMDB ano que vem, em contradição ao desejo da cúpula estadual pessedista. A grandequestãoésabercomooPSDEstadual conseguirá convencer o PSD sombriense a abrir mão dos espaços que conquistou, por conta de uma articulação em nível estadual que vem sendo costurada pelo partido com o PP. Principalmente porque ninguém tem a garantia de que o PP estará com o PSD em 2018. Seria como querer colocar o carro na frente dos bois. O PSD em Araranguá EmAraranguáoPSDpraticamentereedi- tou a articulação que foi feita pelo partido em Sombrio.Aúnicadiferençaéqueospessedistas araranguaenses entraram um pouco depois no governo de Sandro Maciel (PT) e ainda não estão lá de corpo e alma. De todo modo, oPSDtemgarantidoaoprefeitoasustentação política necessária no legislativo, e sonha em emplacar o candidato a vice do PT em 2016, atravésdafiguradovereadorGiancarloSoares deSouza,queédoPros,masqueestácomtudo encaminhado para entrar no PSD. O interes- sante, no caso de Araranguá, é que o PP tem convicção de que o PSD será novamente seu aliadoanoquevem,seafastandoemoraopor- tuna do PT, e não se aproximando do PMDB. Caciques progressistas dizem até mesmo que isto já está acertado entre os dois partidos em Florianópolis! Talvez falte avisar ao PSD de Araranguá,quetemconvergidocadavezmais para Sandro Maciel. DIVERSÃOELAZERGARANTIDOS QUARTA,SÁBADOEDOMINGO BR101-KM413-ARARANGUÁ ADVOCACIA EMPRESARIAL FONE: (48) 3533-0145 A história da família foi contada pelo Correio do Sul, que na época já era ampla- mente conhecido em todo o extremo sul catarinense, e transformou Aline, Katrine e Karoline em pequenas ce- lebridades locais. “Até hoje, pessoas que nem sequer conhecemos nos param na rua e comentam que a mãe foi uma guerreira e fazem piadas do tipo ‘o teu pai foi bom, três de uma vez só’”, comenta Katrine. “Até temos amigos gêmeos, mas por sermos trigêmeas, parece que somos únicas”, acres- centa Karoline. Com pequenas di- ferenças físicas, as ado- lescentes dizem não se incomodarem quando são confundidas umas com as outras. “Na es- cola, quando a gente era criança, queriam colocar crachás com nome para nos identificar”, brincam. Joga- doras de futsal, confessam que já se utilizaram da semelhança para trocar de lugar na quadra quando uma delas levou cartão amarelo. Em relação aos namorados, afirmam que nunca houve confusão. “Só uma vez que o namorado de uma pegou na mão da outra por engano, mas rapidamente reconheceu a troca”, riem. Muito unidas e juntas na maior parte do tempo, a mãe conta que as filhas compartilham até mesmo os sentimentos. “Elas brigam entre si, mas quando alguém briga com uma delas, as outras duas saem em defesa”, afirma. Segundo Marluce, quando eram crianças e uma delas era levada ao médico, o medica- mento era logo receitado para às outras duas pelo pediatra, já sabe- dor de que as irmãs também seriam acometidas do mesmo problema. De tão unidas, as três se recu- saram a ser separadas na escola e sempre estudaram na mesma clas- se. Atualmente no Ensino Médio, se formam este ano. Mas suas escolhas profissionais podem, enfim, colocá- -las em caminhos diferentes. En- quanto Karoline quer cursar fisiotera- pia, Katrine optará entre medicina e e d u - cação física; enquan- to Aline pretende seguir carreira como atriz. Questionadas em relação ao difícil período enfrentado pelos pais, que conheceram pelas narrativas da mãe e pela página do Correio do Sul guar- dada como uma relíquia, prova das dificuldades passadas, as jovens se emocionam. “Dá vontade de chorar. Eles foram fortes, guerreiros e fizeram o possível e o impossível por nós, para que tivéssemos o melhor que podiam nos proporcionar. Somos muito gratas e temos muito orgulho deles”, afirmam. Mas, questionada se a gratidão pelo seus esforços no passado reflete no com- portamento das meninas no presente, Marluce é rápida em afirmar que “são como qualquer adolescente, quando querem algo (como um aparelho celu- lar, por exemplo), insistem e incomodam até que conseguem”. Hoje, Marluce e João se orgulham da família que criaram com muito sa- crifício e dedicação. Ela é funcionária de uma empresa de manutenção e trabalha na Unisul; ele continua fabri- cando móveis. Como inspiração para outros casais que porventura enfrentem situação semelhante, Marluce deixa a mensagem para que “sejam fortes, te- nham fé e contem sempre com o apoio da família”. Página de jornal
  6. 6. Fundado em 5 de Junho de 1990 - Dia Mundial do Meio Ambiente Jornalista Rolando Christian Sant’ Helena Coelho - Fundador Jornal Correio do Sul Publicações legais: Tomaz Fonseca Selau l48l 9985.8573 tomaz@grupocorreiodosul.com.br Financeiro Joice Ramos l48l 8802.5883 financeiro@grupocorreiodosul.com.br Comercial: Igor Borges l48l 9968.6084 comercial@grupocorreiodosul.com.br Diretor Geral Jabson Muller l48l 9955.5313 jabsonmuller@grupocorreiodosul.com.br Diagramação/Arte: Cristian Mello l48l 3533-0870 correiodosul@grupocorreiodosul.com.br Sul Gráfica Junior Muller l48l 9931.4716 sulgrafica@grupocorreiodosul.com.br Redação: Marivânia Farias l48l 9995.9290 editor@grupocorreiodosul.com.br Política: Jarbas Vieira l48l 9966.5326 jarbas@grupocorreiodosul.com.br Radio 93FM Cássia Pacheco l48l 9912.9588 radio93fm@grupocorreiodosul.com.br Circulação/Assinatura l48l 3533.0870 assinaturas@grupocorreiodosul.com.br Rua João José Guimarães,176, Centro - Sombrio/SC - Fone: (48) 3533 0870 Editora: J. R. Pereira - ME CNPJ 17.467.695/0001-19 C.S. Empresa Jornalística LTDA. Geral6 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Vivemos em plena cultura da aparência: o contrato de casamento importa mais que o amor, o funeral mais que o morto, as roupas mais do que o corpo e a missa mais do que Deus. Eduado Galeano, escritor uruguaio falecido ontem pela manhã, aos 74 anos “ ” “Sentimentos de insatisfação” PeloEstado A reunião do Diretório EstadualdoPMDB,on- tem, em Florianópolis, foi quase um ‘esquenta’ pré- eleitoral. Mais de cem pessoas participaramdoencontro,que tambémenvolveuaJuventude (JPMDB) e o PMDB Mulher. Em termos de organização, o objetivo é fazer uma forte campanha de filiações, dupli- candoaparticipaçãodejovens (hoje de 17% em um universo de 200 mil filiados no estado) e equiparando o número de mulheres ao de homens. Este será o principal mote do programa do partido que vai ao ar no dia 24. Já na relação político-partidária, foi refe- rendada a proposta do presidente em exercício do PMDB-SC, deputado Val- dir Cobalchini, que é a realização de uma agenda de ações até o final do ano. “Obviamente que é um trabalho preparatório para as eleições de 2016, tendo como destino final as eleições de 2018. Mas não discutimos nomes. A única certeza, e que fizemos constar em ata, é que uma candidatura do PMDB em 2018 é irreversível. O trabalho agora é de organização.” O encontro foi representativo. Teve a presença de praticamente toda a bancada de deputa- dos, além do vice-governador Eduardo Pinho Moreira, presidente licencia- do, do senador Dário Berger e do ex-senador Casildo Maldaner. O senador Luiz Henrique da Silveira não compareceu por estar em viagem. Cobalchini admitiu que há “sentimentos de insatisfação” de peemedebistas na relação com o governo do Estado. “São questões pontuais, que chegarão ao conhe- cimento da Casa Civil e do próprio governador. E ele vai decidir se muda o rumo.A demanda é por mais respeito e mais diálogo. O Raimundo foi eleito senador, governador e de novo governador com o PMDB 100% integrado. EleéafiguracentraldoPSDparanóseéelequemdevedecidir”,manifestou. Primeiro projeto Já está na Assembleia Legislativa o primeiro projeto dos ajus- tes administrativos da máquina pública anunciados desde o ano passado pelo go- vernador Raimundo Colombo. A meta é ampliar a eficiência. O projeto de lei que trata da fusão da Agência Reguladora de Serviços Públicos (Agesc) e Agência Reguladora de Serviços de Saneamento Básico (Agesan) e criação da Agência de Regulação de Serviços Públicos (Aresc), foi encaminhado para avaliação dos de- putados estaduais nesta segunda-feira (13). A proposta prevê que o novo órgão seja responsável pela fiscalização e regu- lação dos serviços de saneamento básico, recursos hídricos e minerais, gás natural e energia elétrica. Proposta pronta Continua sendo exigên- cia do governo do Estado que os professo- res da rede pública estadual que estão em greve retomem suas atividades para que se reiniciem as negociações com a catego- ria. O secretário da Educação, Eduardo Deschamps, mais uma vez destacou essa posição, ontem, durante encontro com a imprensaparaaapresentaçãodaproposta do novo Plano de Carreira do Magistério, que agora segue para a Casa Civil e, de lá, para aAssembleia Legislativa. O principal ponto é a descompactação da tabela, que vai atender 45 mil dos 60 mil professores do Estado. Houve um remanejamento de valores para que os professores temporá- rios (ACTs) também fossem contempla- dos na nova carreira. Na ONU Equipe de profissionais da TVAL, da Assembleia Legislativa, é fina- lista do 1º Prêmio Agricultura Familiar de Jornalismo, instituído pela Unidade de Coordenação de Projetos da ONU/FAO na Região Sul do Brasil. Com sugestão de pauta da deputada Ana Paula Lima (PT), areportagemmostrouoprojeto“Acolhida na Colônia”, que só existe em Santa Cata- rina e representa renda adicional para 180 famílias. A proposta é valorizar o modo de vida no campo, através do turismo ru- ral sustentável e do ecoturismo. Excelência SC, Movimento Catarinense pela Excelência, realiza uma série de ações para disseminar as melhores práticas de gestão entre as organizações do estado. Em março a entidade promoveu evento em Chapecó. Amanhã, uma palestra para empresários vai apresentar o tema em Florianópolis, dentro de um roteiro que passará por outras cidades e regiões até o final do ano. Andréa Leonora | Foto: Simone Sartori F�orian��o�is ��F�orian��o�is �� 14Abr15 ³Pista entre Sombrio e Araranguá recebe melhoria Pistas recebem melhoria BR 101 > REGIÃO Os usuários da BR101 devem re- dobrar os cuidados ao trafe- garem entre os municípios deAraranguá e Sombrio. O Dnit está realizando a me- lhoria no pavimento com a fresagem da camada super- ficialparaaplicaçãodenovo micro revestimento. Com esse serviço, a sinalização horizontal (faixas de eixo central e bordo de pista) é coberta,comanovapintura sendo feita após a execução da nova camada asfáltica. Enquanto a pista não recebeasinalizaçãohorizon- tal, os motoristas precisam redobraroscuidadosprinci- palmente nas mudanças de faixas, em ultrapassagens e nosacessosàscomunidades. Atenção, também, à movi- mentação de trabalhadores emáquinassobreàpista.To- dasasfrentesdeobrasestão sinalizadas e identificadas, cabendoaosmotoristasres- peitar a disposição e limite develocidadeindicadospela sinalização vertical (placas, painéis, marcos quilométri- cos e pórticos). AUTO DIESEL CHAPEAÇÃO E PINTURALTDA– M.E com CNPJ: 01.730.539/0001-69, torna publico que requereu a Fundação Ambiental do Município de Araranguá – FAMA a LICENÇA AMBIENTAL DE OPERAÇÃO – LAOM corretiva para a atividade de Serviço industrial de usinagem, soldas e semelhantes e reparação de máquinas ou manutenção de máquinas, aparelhos, equipamentos e veículos, com pintura, localizada na Rua Thiago Dias Lucio, Parque Industrial, bairro: Policia Rodoviária – Distrito Industrial no município de Araranguá - SC CEP: 88.900-000. A elaboração de um Estudo de Conformidade Ambiental – ECA. ³ Noúltimosábado,duranteoperaçãodetrânsitonaruaAiresdeMedeirosdeSouza,nobairroJanu- ária,aPolíciaMilitardeSombrioprendeumaisummotoristaembriagado.Duranteasabordagensde rotina,ospoliciaisconstataramqueohomem,queconduziaumSantana,estavabêbado.Elerealizou otestedobafômetro, constando0,96 mg/l,foi presoem flagranteeconduzidoatéadelegacia. ³ - A Polícia Militar de Sombrio deu cumprimento a um mandado de prisão no domingo. Policiais receberaminformaçõesdequeummoradordaruaFranciscoCaetanoLummertz,nobairroJanuária, estariacomummandadodeprisãopornãopagarpensãoalimentícia.APMfoinolocaleencontrou ohomem, quefoi detido. ³ -EramadrugadadesábadoquandoaPolíciaMilitardeSombriorecebeudenúnciasdequeestaria ocorrendo uma tentativa de estupro no bairro Nova Brasília. Chegando ao local os policiais consta- taram de que se tratava de uma tentativa de roubo. Mãe e filha foram seguidas por um homem de bicicletaqueasabordouexigindodinheiroecelularefazendoameaças.Obandidotambémrasgou a blusa da filha ao tentar pegar os objetos que estavam com ela e depois fugiu numa bicicleta de cor vermelha. Os policiais iniciaram rondas na tentativa de localizar o ladrão, que foi encontrado e reconhecidopelasvítimas. ³ - Em Maracajá a Polícia Militar prendeu um homem acusado de receptação e recuperou uma bicicleta furtada. Por volta das 10h de sábado, a Central de Operações da Polícia Militar (Copom) de Araranguá, foi acionada e informada sobre um furto ocorrido na localidade de Barro Vermelho, em Maracajá. Segundo informações recebidas pela PM, durante um encontro de catequese, duas bicicletasumadamarcaMonark,corroxa,eaoutradamarcaMormaii,corverde,comamortecedor, foram furtadas. Guarnições de Maracajá realizaram rondas, mas não localizaram o autor do furto. Na tarde do mesmo dia, o Copom recebeu nova ligação com mais informações sobre o furto e os policiais descobriram o paradeiro de uma das bicicletas furtadas. Uma guarnição PM foi ao local, nalocalidadedeBarraVelha,ondefoiencontradaa‘magrela’napossedeumhomemde46anos, que ao ser abordado relatou aos policiais que havia comprado por R$10,00. O homem foi preso e abicicletafoirecuperada. RONDA POLICIAL
  7. 7. Publicidade 7Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  8. 8. Entretenimento Novelas - Horóscopo - Diversão Cruzadinha Novelas Sete Vidas -18h Alto Astral -19h Babilônia -21h M arcelo e Maria Inês se beijam. Ricardo comunica a Úrsula que ela irá se tratar com Marcos. Maria Inês avisa a Manuel e aos filhos que Tina está convidando todos para um jantar em sua nova casa. Manuel expulsa Maria Inês de sua casa e ela reage. Samantha e Pepito procuram perfis interessantes para namorar na internet. Laura pede demissão da revista Celebrar. Marcos fala para Sueli que quer demitir Nildes e Israel do Hospital. J úlia conta para Pedro que eles não são irmãos. Eriberto tenta forçar Marta a se alimentar. Marlene comunica a Elisa que Durval irá morar com ela e Bernardo. Pedro e Júlia ficam juntos pela primeira vez. Luís conta para os filhos que teve duas mães e Branca fica furiosa. Pedro tranquiliza e apoia Júlia. Bernardo tenta descobrir o que aconteceu com Pedro e Júlia. Luca faz perguntas sobre Vivian para Esther e Luís se emociona ao ver os filhos com a mãe. M urilo e Helô encontram Vinícius e Bento no restau- rante de Olga. Rafael e Laís conversam. Helô repre- ende Murilo pela forma como ele fala com Vinícius. Bento e Vinícius falam sobre o passado de Murilo. Murilo finge preocupação quando fala com Alice. Zélia elogia Luís Fernando para Cilene e Ivete desmente a manicure. Laís e Sandrinha conversam sobre Rafael. Luís Fernando pede di- nheiro emprestado para Norberto. Rapidinhas Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Áries 21/03 a 20/04 Desafios envolvendo o desejo de segurança e de liberdade. Umdiaimportanteparaestarcomosamigoserefletirsobre os seus propósitos e objetivos. Cuidado com a teimosia e a resistência à mudanças, nativo de áries. Leão 21/07 a 20/08 Sagitário 21/11 a 20/12 Aprimoreoconhecimentoeomodocomovocêtrabalha. Ummomentoimportanteparaestabelecercontatosinu- sitadoserenovadores.Éprecisoqueapliquenapráticao quevocêpreganateoria. Gêmeos 21/05 a 20/06 Conheça mais a respeito de suas motivações incons- cientes,geminiano.Umdiaimportanteparavocêrefletir sobre as suas crenças, ideais e sobre o que você valoriza. Cuidadocomatendênciaàinsegurançaeaumcompor- tamentorebelde. Libra 21/09 a 20/10 Fortes pressões e demandas emocionais aos librianos. É horadesequestionarsobrecomovocêestávivenciando a intimidade. Importância nas questões relacionadas a sexualidade e nas finanças. Aquário 21/01 a 18/02 A Lua em movimento pelo seu signo faz contato com Marte. Atenção com a tendência à agressividade e impulsividade, aquariano. É preciso que conheça mais o que lhe traz equilíbrio e centramento. Touro 21/04 a 20/05 Tendência a um comportamento inquieto e agressivo, presteatenção,taurino.Umdiaemquepodehaverdesafios envolvendo as demandas pessoais e ligadas à carreira. É um momento em que você deve agir mais com o desapego, evitando a inflexibilidade. Virgem 21/08a20/09 Muito cuidado com a tendência a se considerar o dono da verdade, virginiano. É hora de lutar pelo o que você acreditaequerrealizar.Momentoimportanteparainovar mais na esfera do trabalho. Capricórnio 21/12 a 20/01 Um dia que pode apresentar desafios financeiros e afetivosaoscapricornianos.Cuidadocomatendênciaà teimosiaeaumcomportamentopossessivo.Penseem alternativas no que diz respeito aos negócios. Câncer 21/06 a 20/07 Umdiacaracterizadopelaintensidadeemocional,canceria- no.Momentoimportanteparaprojetosenvolvendoamigos, grupos e empresas. É hora de conhecer mais a respeito de suas verdadeiras necessidades emocionais. Escorpião 21/10 a 20/11 Desafios envolvendo a individualidade e os relaciona- mentosescorpianos.Éprecisoagircomautonomia,mas também respeitar as diferenças nas relações. Cuidado comatendênciaàatritoeconfrontocomosfamiliares. Peixes 19/02 a 20/03 Umdiaqueenalteceasensibilidadeeaintuiçãodospiscianos. É importante estar atento aos sinais e ao que os aconteci- mentos querem lhe mostrar. Invista no aprimoramento de conhecimento e de contatos. Horóscopo Pode haver conflito entre as demandas da carreira e dos relacionamentos. Procure ser flexível abrindo-se mais ao diálogo, leonino. Cuidado com a tendência à atitudes radicaiseteimosasqueprejudicamosrelacionamentos. Gisele Bündchen explicou, em en- trevista ao jornal Folha de S.Paulo, os motivos por trás de sua aposentadoria das passarelas do mundo da moda. O último desfile da top acontece nesta quarta-feira (15), no São Paulo Fashion Week, pela Colcci. Ela explicou que não tem brigas nem mal-estar com ninguém, muito pelo contrário, encerra o ciclo para respeitar o que seu corpo tem pedido. “Aprendi a sentir meu corpo. Automa- ticamentemeucorpofalaseoquefaçovale a pena, e ele pediu para parar. Eu respeito meu corpo, tenho um privilégio de poder parar”, destaca a famosa no bate papo. “Nãoestavaruim,masolhopraminha carreira e já me sinto tão realizada. É um processo gradual de um fim de um ciclo. A passarela foi o início desse ciclo, onde comecei, aos 14. É um final, sim. Não tem nada nesse meio do desfile que vá me acrescentar. Me sinto satisfeita de fechar esse ciclo assim”, conta ela, ao acabar com qualquer margem para fofocas sobre intrigas nos bastidores dos desfiles. Mas, para os fãs esperançosos, ainda há possibilidade de a urbe model retornar aos palcos, quando ela se sentir à vontade ou entusiasmada a fazer isso. “Não é uma aposentadoria, pois vou continuar traba- lhando, só não mais na passarela. Além disso, não descarto desfilar, porque já estou neste ‘business’ há 20 anos e agora quero criar espaço para focar em outros projetos e também ficar mais com a minha família”, disse.
  9. 9. Social Tânia Duarte Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 tania@grupocorreiodosul.com.br facebook.com/tania.duartecoelho ³ Vereadores de Araranguá com a banda Papas da Língua, que se apresentou no Araranguá Fest. ³ O dia colaborou e a 9º Feijoada da Apae de Maracajá se consa- grou como maior evento apaiano do sul do estado. Cerca de mil pessoas estiveram sábado no Parque Ecológico. ³ Com o objetivo de despertar na comunidade escolar a solidariedade, foi realizado na Semana Santa a 5ª edição do Projeto Páscoa Solidária da Escola Municipal Arizona. Neste ano, com a parceria do Sicoob/Credija, foram arre- cadados alimentos para formar 15 cestas básicas. Alunos e professores selecionaram os colegas com maior necessida- de de receber os alimentos. ³ Prefeito Sandro ao lado da primeira dama Rose Maciel participando da 3ª edição da Araranguá Fest, que foi um sucesso! ³ A aniversariante de sábado (11) Márcia Vargas curtindo o domingo em Gramado com o love Chico e as filhas Mariana e Amanda. Parabéns!!! 48 8804.2871 ³ O casal Viviane Felisbino Ra- mos e Prezalino Ramos serão o casal patrono do Baile de Debu- tantes 2015 do Grêmio Fronteira. O convite foi feito na residência do casal na noite de quinta (9), pelo casal Presidente Bervaldo e Rosilane Zilli, e pelo casal Diretor Social José Adilson e Eriani Cândido. 48 3533.0762
  10. 10. Publicidade10 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  11. 11. Geral 11Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Grupos aproveitaram Araranguá Fest para divulgar suas atividades, prestar serviços e até ganhar dinheiro Os voluntários da Associação Bom Pra Bi- cho estavam realizando doações de cães durante o Araranguá Fest. De acordo com o presiden- te Emerson Rocha, em média, por semana, são abandonados cerca de dez animais no muni- cípio, um número pre- ocupante. Hoje há 30 voluntários cuidando de gatos e cachorros encon- trados nas ruas, mas o trabalho não é fácil. “O nosso maior gasto é com ração.Apesardereceber- mosdoaçõeserealizamos eventos, mesmo assim é complicado”, comenta Emerson. A voluntária e fun- cionária pública Luiza Macedo participa da asso- ciação desde a fundação e exalta seu objetivo. “Dar a um animalzinho um novo lar e bons cuidados”.Acau- sa tem o apoio do superin- tende da Fama (Fundação AmbientaldoMunicípiode Araranguá), Paulo Simon. “Com as feiras de adoção a entidade está conscien- tizando a população so- bre a importância do acolhimento de animais abandonados” diz. Os voluntários lem- bram que nos próximos dias 25 e 26, das 9 às 16 horas, a Bom Pra Bicho estará realizando um bazarnoCentroComuni- táriodobairroAltoFeliz. Amor Bom Pra Bicho ³Membros da Adear comercializaram camisetas Da redação > ARARANGUÁ Entidades, secreta- rias municipais e artesãos aproveitaram o AraranguáFest,realizado duranteofinaldesemana, para divulgar suas ativi- dades. No sábado, a popula- ção pôde conhecer melhor o trabalho realizado pela AssociaçãodosDeficientes Físicos de Araranguá, a Adear, e pela Associação Bom Pra Bicho. Os volun- tários conversaram com os visitantes e expuseram os serviços prestado à sociedade. A Adear, que já tem 33 anos de existência, presta atendimento aos 15 municípios da região, contando com a assis- tência especializada de psicólogo,assistentesocial e agora ortopedista. No total, a entidade possui 15 voluntários e 60 cadas- trados,masajudacercade 300 pessoas, beneficiadas tambémcomopasse-livre Festa é vitrine paraentidades para portadores de neces- sidades especiais. De acordo com a te- soureira da Associação, Eliane Moraes, uma das iniciativas desenvolvidas atualmente pelaAdear é a campanha para a compra de cadeiras de rodas mo- torizadas. Para alcançar o valor,jáquecadaumacus- ta R$ 8.600,00, os volun- tários estão vendendo ca- misetas em apoio à causa. “Essa ação está ocorrendo Propaganda desde janeiro e segue até julho. No total, serão oito cadeiras”, contou Eliane. Uma delas é destinada à voluntária Marlene Fer- nandes, que atua como secretária da Adear. Para entrar em contato com a entidade, o número do telefone é o 3524 0005. O atendimento ocorre nas quartas e sextas-feiras, das 14 às 17 horas, no antigo posto de saúde do bairro Coloninha. Opúblicoda3ªedição doAraranguáFestconfe- riu de perto o trabalho de diferentes artesãos que expuseram peças para a venda. Quadros, bonecos e objetos de decoração eramalgunsdosprodutos expostos no parque de eventos montado na ave- nida XV de Novembro. A artesã araranguaense CléaAguiarcriapeçashá dezanosecomeçouvendo modelos de enfeites e outras peças na internet. “O artesanato é dessas coisas que só realmente faz quem gosta”, destaca Cléa, que defende maior apoio para o setor no mu- nicípio. Ela comenta que apenas uma peça pode levar até seis horas para ser terminada. Também aproveitou a festa para mostrar seu trabalho aartesãnaturalde JacintoMachado,Charlene Peruchi Dalmolin, que de- senvolvefiltrosdossonhosa partir da técnica macramê, tanto na versão original quanto no formato de brin- cosechaveiros.Asbijuterias agradam principalmente jovens e custam entre R$ 8,00 a 12,00, enquanto o preço mínimo dos filtros é R$ 7,00, variando conforme o tamanho. “Dá para ter umarendaextraeàsvezes, exponho as peças no Calça- dãodeAraranguátambém”, relatouamoça,quedáuma dica: o ideal é que a pessoa ganheofiltro,que,deacordo com uma lenda indígena, teria o poder de filtrar as energiasnegativas,liberan- do apenas as positivas e proporcionando um sono melhor. A pintura também ganhou espaço na fes- ta, com a exposição de telas do artista Gilberto Martins, que pinta belas paisagens. A esposa do pintor, Adriana Damiani Martins, é quem comer- cializava os quadros. “A venda das telas ajuda como complemento da renda”, contou Adriana que revela que o marido estará desenvolvendo quadros em alusão aos cartões-postais de Ara- ranguá,comooMorrodos Conventos, que possivel- mente estarão expostos duranteaFestadeNossa Senhora Mãe dos Ho- mens, no dia 4 de maio. Arte feita a mão
  12. 12. 12 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Publicidade
  13. 13. Geral 13Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 Djonatha Geremias ³Servidores da Justiça unem-se a Sombrio e Santa Rosa e cruzam os braços Greve nos Fóruns do risco de multas por dias não trabalhados, em caso do movimento não prosperar. Alguns funcionários que preferiram não se identificar comentaram que há uma disparidade muito grande entre os ven- cimentos de juízes e servi- dores, principalmente na aposentadoria. Segundo eles, os servidores estão sob a sombra da possível retirada do vale-alimen- tação no aposento, que já seria de 50% do valor regular, enquanto juízes mantêm o valor integral. “Aos poucos, querem tirar os direitos que conquista- mos ao longo da carreira, e isso afeta negativamente não apenas nós, que já somos concursados, como também os futuros ser- vidores”, afirmou um dos grevistas, pontuando a crescente substituição de efetivos por cargos de con- fiança. “Quando alguém precisa apelar diante de uma injustiça trabalhista, > ARARANGUÁ Agora só restam três comarcas em Santa Catarina que ainda não aderiram à greve dos servidores públicos do ju- diciário. Ontem a comarca de Araranguá paralisou parcialmente as ativida- des e já conta com mais da metade dos servidores efe- tivos de braços cruzados. Reunidos em uma barraquinha e vestindo roupas pretas de luto, os servidores são um pouco de cada setor. Das cinco Varas, quatro têm gre- vistas, somando mais de 25 servidores parados, ou 50% do total de funcioná- rios, dentre terceirizados e estagiários. Os serviços mantidos são os essen- ciais, como contadoria e secretaria – conforme determina a lei. “O judiciário catari- nense é o quarto melhor do Brasil em termos de Araranguá também cruza os braços produtividade, mas está em 21º no ranking de sa- lários. Isso demonstra um desdém por parte da administração para com os servidores”, expõe o técnico judiciário Thiago Campagna. O oficial de Justiça Ricardo Tadeu Prado informa que, des- de 2011, já foram feitos quatro encaminhamentos de propostas para um novo Plano de Cargos e Salários, mas o Tribunal está sempre arquivando e adiando as decisões. A greve estadual teve início na última quinta- -feira e, gradativamen- te, as comarcas foram se unindo. Desde a semana passada, os servidores em Araranguá têm feito reu- niões diárias ao fim do ex- pediente para tomar uma decisão. Na sexta-feira, alguns já paralisaram as atividades, mas o grande grupo decidiu começar ontem oficialmente a gre- ve. A demora, segundo Thiago, seria pelo temor recorre aos juízes, mas e nós? A quem vamos re- correr se são eles quem estão administrando nos- sa carreira desse jeito?”, questiona outro grevista. “Existem verdades que nem podemos dizer publi- camente”, conclui. Aexemplo da comarca de Criciúma, os servidores deAraranguá estão se mo- bilizando para realizarem ações paralelas à greve que possam compensar para o povo o transtorno causado. Segundo o oficial Ricardo, junto à barraqui- nha da greve, em frente à sede do Fórum, os servi- dores farão um mutirão de doação de sangue e também uma campanha do agasalho.
  14. 14. Publicidade14 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  15. 15. Publicidade 15Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  16. 16. Publicações Legais16 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015 ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARANGUÁ ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE ARARANGUÁ ESTADO DE SANTA CATARINA PREFEITURA MUNICIPAL DE PRAIA GRANDE DECRETO Nº 6.886, DE 31 DE MARÇO DE 2015. ACRESCENTA PARÁGRAFO AO ARTIGO 18 DO DECRETO MUNICIPAL Nº 6.569, DE 03 DE JUNHO DE 2014. O Prefeito Sandro Roberto Maciel, no exercício das atribuições emanadas da Lei Orgânica do Município, e ao que determina o artigo 83, VII da Lei Orgânica do Município. DECRETA Art. 1º Fica acrescido o parágrafo primeiro ao artigo 18 do Decreto Municipal nº 6.569, de 03 de junho de 2014, que vigorará com a seguinte redação: “§ 1º No ato da regularização do Aviso de Irregularidade previsto no caput, a empresa concessionária entregará 05 (cinco) cartões de estacionamento aos usuários”. Art. 2º Este Decreto entra em vigor na data de 20 de abril de 2015. Art. 3º Revogam-se as disposições em contrário. Prefeitura Municipal de Araranguá, em 31 de março de 2015. SANDRO ROBERTO MACIEL - Prefeito Municipal Registrado e Publicado o presente Decreto na Secretaria da Administração Municipal, em 31 de março de 2015. THAIZA DANDOLINI - Secretária Interina de Administração ERRATA A ADMINISTRAÇÃO MUNICIPAL DE ARARANGUÁ TORNA PÚBLICO QUE O DECRETO Nº 6.886/2015, PUBLICADO NO DIA 13 DEABRIL DE 2015 NAEDIÇÃO Nº 4.647, PÁGINA16 DESSE JORNAL, ESTÁ SENDO REPUBLICADO POR INCORREÇÃO Aviso de Licitação Processo Adm. N. 24/2015 Edital: Pregão Presencial n. 10/2015 Tipo: Menor Preço Objeto: AQUISIÇÃO DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO PARA CONSTRUÇÃO DE MURO PARA FECHAMENTO DA CRECHE DA RUA MANOEL LEÃO PEREIRA. Entrega dos Envelopes:09:00 horas do dia 28 de Abril de 2015. Abertura dos Envelopes:09:00 horas do dia 28 de Abril de 2015. O Edital e esclarecimentos poderão ser obtidos no seguinte EDITAL DE INTIMAÇÃO ARLINDOEDÍLIODAROSA,TabeliãodoTABELIONATODENOTAS E PROTESTOS DE TÍTULOS desta Comarca de Sombrio, situado naAv. Nereu Ramos, 1300 - Fone (48) 3533-0318 - CEP88960-000, faz saber na forma da Lei aos que o presente EDITAL virem, que se encontram nesse tabelionato para serem protestados, decorrido o prazo legal, por não terem sido encontrados nos endereços fornecidos, ou por se recusarem a tomar conhecimento, os títulos cujos responsáveis estão abaixo discriminados. PROT. APRESENTANTE / CNPJ DEVEDOR / CNPJ Prot: 134090; Dev: AGASS INDUSTRIAL TEXTIL LTDA EPP - 03.484.489/0002-93; Ced: PROCURADORIA-GERALDO ESTADO; Sac: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; Tit: 14005248035 ; Apr: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; VEN: À VISTA; Esp: Certidão de DívidaAtiva; Val: 1.761,95+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 134073; Dev: AGHA COM DE MET E ACESS LTDA - 78.324.175/0001-41; Ced: SINOSTEC FINTECN SERV LTDA; Sac: BIG METAIS IND E COM LTDA; Tit: 16203-1 ;Apr: ITAU UNIBANCO SA ; VEN: 06/04/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 500,00+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 134122; Dev:ASSOCIACAO HOSPITALAR DOM JOAQUIM - 07.051.643/0001-03; Ced: INNO INFORMATICALTDA; Sac: INNO INFORMATICALTDA; Tit:350418;Apr:INNOINFORMATICALTDA; VEN: 02/04/2015; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 371,40+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 134049; Dev: ELOISA GREGORINI DA SILVA - 085.349.649- 80; Ced: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; Sac: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; Tit: 14009170669 ; Apr: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; VEN: À VISTA; Esp: Certidão de Dívida Ativa; Val: 760,76+Juros Legais; Emol.: 65,93. Prot: 134045; Dev: LEDIR BENFATO HONORATO - 723.556.979- 49; Ced: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; Sac: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; Tit: 14009172874 ; Apr: PROCURADORIA-GERAL DO ESTADO; VEN: À VISTA; Esp: Certidão de Dívida Ativa; Val: 336,37+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot:134104;Dev:TAILAPEREIRAFREITAS-040.827.209-01;Ced: SUPER CREDI JAPONES SERVI OS ASSESSORIA CREDI; Sac: SUPER CREDI JAPONES SERVI OS ASSESSORIA CREDI; Tit: 284676-3 ; Apr: FCDL; VEN: 21/07/2014; Esp: Duplicata de Venda Mercantil por Indicação; Val: 126,70+Juros Legais; Emol.: 46,96. Prot: 134087; Dev: VIVIANE DE BORBA COELHO DE OLIVEIRA - 005.081.749-37; Ced: BANCO BRADESCO S.A.; Sac: ; Tit: 3188384 ; Apr: BANCO BRADESCO S.A.; VEN: 01/12/2014; Esp: Cédula de Crédito Bancária por Indicação; Val: 2.337,16+Juros Legais; Emol.: 46,96. Sombrio - SC, 14/04/2015 - ARLINDO EDÍLIO DA ROSA RESOLUÇÃO CMDCA Nº 06/2015 DISPÕE SOBRE O DEFERIMENTO DO REGISTRO DE PROGRAMAS AO CONSELHO MUNICIPAL DOS DIREITOS DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE – CMDCA, DO MUNICÍPIO DE ARARANGUÁ /SC. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA, no uso de suas atribuições legais e regimentais, e CONSIDERANDO os artigos 90 e 91 Lei Nº 8.069, de 13 de Julho de 1990. Que dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providencias; CONSIDERANDO a resolução Nº 164, de 13 de maio de 2014 do Conselho Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente – CONANDA, que dispõe sobre o registro e fiscalização das entidades sem fins lucrativos e inscrição dos programas não governamentais e governamentaisquetenhamporobjetivoaassistênciaaoadolescente e a educação profissional e dá outras providências.; CONSIDERANDO oArt 9º da Lei Nº 3280, de 02 de Outubro de 2014, que dispõe sobre dispõe sobre o Conselho Municipal Dos Direitos Da Criança E Do Adolescente do Município de Araranguá; CONSIDERANDOaresoluçãoCMDCA001/2012queInstituicritérios e procedimentos para concessão, cassação e revalidação de registro deentidadeseinscriçãodosprogramas,conformeprevistonosartigos 90 e 91 do Estatuto da Criança e do Adolescente. RESOLVE: Art. 1º - DEFERIR o registro ao Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA do Município de Araranguá dos seguintesprogramasexecutadospelainstituiçãoCentrodeIntegração Empresa-EscoladeSantaCatarina–CIEESC,inscritanesteconselho sobre o Registro Nº 05: 05.01 –31831: Aprendiz em Assistente em Administração 05.02–31459:AprendizBancárioAdolescenteServiçosAdministrativos 05.03 –31860: Aprendiz Assistente em Vendas 05.04 –31840: Aprendiz em Comércio Varejista; 05.05 –31819: Aprendiz em Etiquetagem e Embalagem; 05.06 –31808: Aprendiz em Linha de Produção; 05.07 –31850: Aprendiz em Logística; e 05.08 –31798: Aprendiz em Telesserviços Art. 2º - Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Araranguá, 1 de Abril de 2015 MARCOS TRAMONTIN SERAFIM Presidente do Conselho Municipal dos Direitosda Criança e do Adolescente - CMDCA RESOLUÇÃO CMDCA Nº 08/2015 ALTERA O ART. 2º DA RESOLUÇÃO CMDCA 03/2015 DE 21 DE JANEIRO DE 2015. O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente – CMDCA, no uso de suas atribuições legais e regimentais conforme o disposto no Art. 43 da lei 3280 de 02 de Outubro de 2014, obedecendo o disposto na Resolução CONANDA nº 166/2014 e considerando a deliberação do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e doAdolescente em sua reunião plenária ordinária de 01 de Abril de 2015. RESOLVE: Art. 1º -Alterar a redação doArt. 2º da Resolução CMDCA03/2015 de 21 de Janeiro de 2015, conforme o seguinte texto: Art. 2º A etapa municipal da X Conferência Nacional dos Direitos da Criança e do Adolescente realizar-se-á no dia 28 de Maio de 2015. Art. 3º - Esta Resolução entra em vigor na data de sua publicação. Art. 4º - Revogam-se as disposições ao contrário. Araranguá, 1 de Abril de 2015 MARCOS TRAMONTIN SERAFIM Presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente - CMDCA endereço e horário: Rua Irineu Bornhausen, 320, nos dias úteis, de segunda á sexta, das 08:00 ás 11:30 h. e das 13:30 as 17:00 h, ou pelo telefone 48 3532-0132. Praia Grande-SC, 13 de Abril de 2015. Prefeito Municipal
  17. 17. Publicidade 17Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  18. 18. Publicidade18 Correio do Sul Terça-feira, 14 de abril de 2015
  19. 19. bém para comemorar a chegada do novo diretor do Presídio, Adércio José Velter. O jogo que permitiu ao grupo correr, bater uma bola, rir bastante e esquecer um pouco a rotina aconteceu na sede da Ararastur e foi seguido por um churrasco. “Fico de lazer e de descontra- ção que servem para de- sestressar do duríssimo trabalho. Com o intuito de reali- zar uma confraternização, os agentes penitenciários do Presídio Regional de Araranguá organizaram uma partida de futebol, emqueaproveitaramtam- > ARARANGUÁ Todo mundo sabe que trabalhar em um presídio não é fácil, não é para qualquer um. É um tra- balhopuxadoeárduo,mas também tem momentos Terça-feira, 14 de abril de 2015 ³ 26-48-56-63-69CONCURSO 3.762 QUINA 13/04 ³ 01-05-06-09-10 ³ 11-12-14-15-17 ³ 18-19-20-22-25 CONCURSO 1.195 LOTO FÁCIL 13/04 Agentes penitenciários jogam bola Cleder Maciel Confraternização Defesa sólida Com mais uma atuação segura da defesa, Grêmio bateu o Ju- ventude por 1 a 0 neste último domingo e está muito perto da vaga na final. No jogo da volta, na Arena, sábado, um empate basta para chegar na decisão do estadual. Se hoje o tricolor tem boas chances de erguer a taça, é por causa da solidez defensiva do time. As atuações dosjogadoresdedefesatêmsidoquaseirrepreensíveis.Alémdesofrer poucos gols, os que têm saído contra o Grêmio ocorrem em jogadas de bola parada. A dupla Rhodolfo e Geromel vem indo muito bem, e me arrisco falar que é uma das melhores duplas de zagueiro do futebol brasileiro. Um problema da defesa é a participação ofensiva dos laterais. Matias e Marcelo são praticamente perfeitos na defesa, maspoucoapoiam.Otimeacabaafunilandoojogoefaltaabrirmais, explorarosflancosdogramadoparadesorganizaradefesaadversária. Erros e acertos gremistas Entre trocas e trocas, erros e acertos, o Grêmio se edifica aos poucosnosjogosdisputadosnasfasesfinaisdoGauchão.Aindabusca onze titulares. É um time em processo de formatação, criação. Ao contrário de 2014, nos difíceis meses de Enderson Moreira, o Grêmio de Felipão se apresenta com chances de disputar o título com o Inter da Libertadores. Serão dois Grenais. Tudo parece desenhado. A final será a mais fantástica das últimas temporadas. Giuliano, ao lado de DouglasquevemcrescendoderendimentoeLuan,fazpartedogrupo de criação do time. O setor oscila altos e baixos. Não é melhor e nem mais regular do que o sistema defensivo. Mas o inconfiável é mesmo o ataque. Braian acumula impedimentos invés de finalizações. Yuri Mamute é o nome adequado para ser titular, mesmo não sendo um clássico nove, é muito melhor que o uruguaio que veio da segunda divisão espanhola. Hierarquia tosca É muito tosco a hierarquia que tem no time do Internacional. RafaelMouraoatacantedaszilhõesdeoportunidades.Ojogadoraté marcou gol contra o Brasil, mas este gol engana o torcedor? Tenho a certeza que não, Hemam não mostrou nada produtivo vestido a camisa colorada. Porem o pior é que enquanto isso, dentro da lógica de revezamento imposto pela comissão técnica, jogadores como Vitinho, Anderson, Alisson Farias, Lisandro López, entre outros, são reservas do time considerado reserva. Alguns, nem no banco ficam. Vá entender essa lógica. Novo Rogério Ceni ! O goleiro Alisson está com muita moral no Beira-Rio. Mas é moral mesmo, nada de coisa do tipo "ele é nosso titular e confiamos nele". É algo maior, grandioso. Existem dirigentes que acreditam que o arqueiro colorado pode e deve ter vida longa no Internacional se tornando um dos maiores goleiros do clube e tendo uma história parecida com outro grande goleiro do futebol brasileiro. " Temos um projeto para Alisson se tornar o Rogério Ceni do Inter" disse o diretor coloradoCarlosPellegriniparaaimprensa.Com23anos,oirmãodo Murieljátem45jogoscomacamisavermelhaesomadoisGauchões nocurrículo.Suaprimeirapartidafoiemfevereirode2013,contrao Cruzeiro de Cachoeirinha no Complexo Esportivo da Ulbra. Kelvin Lopes Fone: (51) 82956257 Por: AzulnoVermelho honrado e feliz por ver a união entre os agentes, esses guerreiros do dia a dia, amigos e companhei- ros de trabalho.O placar da partida não importa, o que importa é a confrater- nização entre os amigos. Obrigado a todos pela confraternização e pelo fu- tebol”, agradeceuAdércio.
  20. 20. TERÇA-FEIRA, 14 DE ABRIL DE 2015

×