O slideshow foi denunciado.

Revista virtual

1.912 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Revista virtual

  1. 1. Escola Municipal Vereador Curt Alvino Monich Diretora: Juracy Kamradt Auxiliar de direção: Gisângela C. de Miranda Orientadora: Joelma de Souza Echel Supervisora: Claúdia R. Maurício Coordenadora da Sala Informatizada: Angelita M. Vieira Professora: Maria Eunice Schmitt Alunos: Gabriel Antônio da Silva Marcus Vinícius Mascarello Matheus Bett Vagner Garbin Turma: 9ºano A Joinville, outubro de 2009.
  2. 2. OS TRÊS PORQUINHOS NA LITERATURA DE CORDEL
  3. 3. Vamos apresentar uma história Com muita satisfação Alegraremos a todos Provocaremos emoção A história dos três porquinhos E de um lobo comilão. Os porquinhos saem da casa materna Para seguir seu caminho Foram para a floresta Arrumar o seu cantinho Mas não esperavam encontrar Um lobo maluquinho.
  4. 4. O primeiro porquinho se chamava Heitor A preguiça era muito alta Fez sua casa de palha Pois vontade é que falta A casa ficou prestes a cair Ele só queria tocar sua flauta.
  5. 5. O segundo porquinho Só queria brincar Pegou galhos e cipós Para sua casa ele montar Rapidamente chamou Heitor Para juntos passear.
  6. 6. O terceiro se chamava Prático Gostava de trabalhar Construiu sua casa de material Não gostava de vadiar Chegaram seus irmãos Para com ele brincar. Prático se recusava a brincar
  7. 7. Cícero e Heitor saíram a cantar: “- Quem tem medo do lobo mau...” Passaram a sua casa retornar Pois o lobo estava ali Louco para alguém devorar. Os dois porquinhos se assustaram E correram para seus lares Pois o lobo correu atrás de Heitor Soprando a casa pelos ares Foi para a casa de seu irmão Cícero Por que não foi para outros lugares?
  8. 8. O lobo era esperto Resolveu se esconder Os porquinhos acreditaram E pararam de tremer O lobo então voltou E tudo começou a estremecer. O lobo se vestiu de ovelhinha Para os bichinhos enganar Soprando, soprando a casinha. Ela começou a voar Então os porquinhos fugiram Para um outro lugar. Na casa de seu irmão chegaram
  9. 9. Queriam se abrigar Prático os acolheu Resolveram um plano bolar Colocaram água no caldeirão Para o lobo se queimar. O lobo chegou lá E tentou assoprar Então foi que percebeu Que não conseguia derrubar Subiu no telhado Pela chaminé resolveu entrar. Caiu pela chaminé abaixo Sentiu seu bumbum queimar Não esperava por isso Pois só pensava em devorar Os porquinhos começaram a rir O lobo saiu a voar.
  10. 10. Saíram de sua casa Para ver o lobo se queimar Todos ficaram felizes E começaram a cantar Eles viveram felizes Sem nada para se preocupar. Essa história contada Deixa-nos uma lição: Ter inveja dos outros Não é boa recomendação. Os três porquinhos mostraram Como trabalhar em união.
  11. 11. FIM!

×