Deslizamentos de terra em petrópolis

2.432 visualizações

Publicada em

Trabalho realizado pelos alunos: Bianca Araújo, Bruna Guettnauer, Camila Martins, Guilherme Soares, Jaqueline Miranda e Sunâmita Holleans. Pedido pela professora Ruth Di Buriasco. Colégio Estadual Rui Barbosa.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Deslizamentos de terra em petrópolis

  1. 1. DESLIZAMENTOS DE TERRA EM PETRÓPOLIS
  2. 2. O QUE É DESLIZAMENTO DE TERRA?  Com a ruptura do solo de uma encosta causada por algum fator de risco. O agente causador mais conhecido são as chuvas, tão comuns no verão. Mas também há outros, como terremotos, erupções vulcânicas e vibrações causadas por máquinas. Deslizamentos são fenômenos naturais: podem ocorrer mesmo que a área esteja com sua vegetação intacta. Mas as ocupações irregulares feitas em morros e encostas facilitam sua ocorrência e aumentam os estragos.
  3. 3. 2011  Enchentes e deslizamentos de terra atingiram o estado do Rio de Janeiro. As cidades mais afetadas foram Teresópolis, Nova Friburgo, Petrópolis, Sumidouro e São José do Valle do Rio Preto, na Região Serrana do estado.
  4. 4.  Foram contabilizadas 916 mortes e em torno de 345 desaparecidos, sendo 180 em Teresópolis, 85 em Nova Friburgo, 45 em Petrópolis e duas em Sumidouro.  Cerca de 35 mil pessoas ficaram desalojadas em consequência dos desastres naturais. A tragédia foi considerada como o maior desastre climático da história do país, superando os 463 mortos do temporal que atingiu a cidade paulista de Caraguatatuba, em 1967.
  5. 5. 2012 Em 24 de Março de 2012, a rodovia BR-040, foi interditada nos dois sentidos, na altura do km 50, distrito de Pedro do Rio, Petrópolis, na Região Serrana do Rio. Um grande deslizamento de terra aconteceu na via que liga o Rio de Janeiro a Juiz de Fora, em Minas Gerais, por volta das 6h.  O trânsito foi desviado entre os kms 39 (Areal) e 52 (Petrópolis), pela Estrada União e Indústria. Desde o final da noite de sexta-feira (23) chove na região. Equipes da Concer estão no local para orientar os motoristas. O deslizamento não atingiu nenhum veículo. 
  6. 6. 2013   Uma casa foi atingida por um deslizamento na madrugada deste domingo (27) em Petrópolis, na Região Serrana do Rio de Janeiro. A residência, que fica na Rua Cacilda Becker, no bairro Independência, ficou parcialmente destruída depois de ter sido atingida por uma laje de outro imóvel que desabou. Três casas tiveram que ser interditadas. Ninguém ficou ferido. Equipes da Defesa Civil e do Corpo de Bombeiros compareceram ao local. Segundo a assessoria de comunicação da Prefeitura de Petrópolis, a laje desabou de uma construção irregular. O imóvel atingido foi interditado, assim como duas outras casas próximas. As três famílias que ficaram desalojadas por conta da interdição dos imóveis estão na casa de parentes. A região do bairro Independência foi a que registrou o maior índice pluviométrico na cidade. Foram 116 milímetros de chuva em 24h. 28/01/2013
  7. 7.  O Corpo de Bombeiros do Rio informou na manhã desta sexta-feira (22) que já chega a 33 o número de mortos em Petrópolis, na região serrana do Estado. Os bombeiros não deram detalhes sobre as últimas vítima encontradas. Os trabalhos de busca continuam na cidade, sobretudo na localidade de Quitandinha, uma das mais afetadas pelas chuvas. Na cidade, mais de 4.000 pessoas permanecem desabrigadas. Os temporais que castigaram a região provocaram vários alagamentos e deslizamentos de terra. Entre os mortos em Petrópolis estão dois agentes da Defesa Civil. Fernandes de Lima, 44, e Paulo Roberto Filgueiras orientavam moradores a abandonar a área, quando uma nova avalanche arrastou um muro, que caiu sobre os dois. Eles morreram na hora. Um terceiro agente sofreu traumatismo craniano e está internado. 22/03/2013
  8. 8.  A tragédia que atingiu a região serrana do Rio de Janeiro teve proporções terríveis. O Centro para a Pesquisa da Epidemiologia de Desastres da Organização das Nações Unidas (ONU), sediada na Bélgica, classificou o desastre natural e social da Região Serrana do Rio de Janeiro entre os dez piores deslizamentos do mundo nos últimos 111 anos. Este também foi considerado o segundo maior do mundo no último ano, o terceiro maior da década e o pior de toda a história do Brasil. Além dos números e dados estatísticos, o sofrimento das pessoas que perderam suas famílias, suas casas e seus bens, é incomensurável.
  9. 9.  Porém, a sociedade civil se mostrou mais uma vez solidária com o drama de seus compatriotas. Muitas doações foram feitas e muitos voluntários ajudaram e continuam ajudando as vítimas a reconstruir suas vidas. Ainda há muito que fazer pela região, mas é importante que se aprenda com os erros para que no futuro desastres naturais dessa proporção não deixem um rastro de tantas vítimas e desabrigados. Por isso o Green Nation preparou essa dica com formas de evitar danos e perdas em casos como esse.
  10. 10. SE VOCÊ JÁ MORA EM LOCAL DE RISCO É BOM FICAR ATENTO AOS SINAIS QUE INDICAM ALGUM PERIGO: Observe no terreno se árvores, postes ou muros estão com alguma inclinação anormal.  Observe rachaduras, trincas ou saliências no chão ou nas paredes.  Observe se o local tem água mais barrenta que o normal. Pode ter algum cano com vazamento e infiltrando-se pelo terreno. 
  11. 11.  Caso algum desses sinais for constatado, saia imediatamente do local; procure abrigo em lugares sem perigo de deslizamento; informe a Defesa Civil. Ligue 199. Se você mora em morro ou encosta e não tem possibilidade de se mudar para um lugar mais seguro, existem algumas prevenções que podem ser tomadas: Plante grama e capim nas encostas do terreno. As raízes penetram no solo, evitando assim seu desmoronamento. Evite plantar bananeiras e árvores grandes como manga, mamão, abacate, entre outras. Elas acumulam muita água no solo e podem provocar deslizamentos de terra. Evite também cortes e aterros nas encostas para não enfraquecer o terreno.
  12. 12.  Nunca construa próximo a barrancos. Quanto maior for a distância que você deixar, maior será a segurança para a sua moradia. Lembre que o lixo jogado nas encostas acumula água. Isso vai deixá-lo mais pesado e, se escorregar, vai arrastar o solo junto com ele. Nunca jogue água de pia, tanque ou chuveiro nas encostas. Além de ser errado e contaminar o solo, umedece a área e aumenta o risco de deslizamento. Nesse caso, o melhor a fazer para a prevenção é instalar canaletas ou tubos para o escoamento dessas águas usadas.
  13. 13. BIBLIOGRAFIA  http://pt.wikipedia.org/wiki/Enchentes_e_deslizamentos_de_terra_no_Rio_de_Janeiro_em_2011  https://www.google.com.br/search?q=imagens+de+deslizamento+de+terra+em+petr%C3%B3polis+em +2011&espv=210&es_sm=93&tbm=isch&tbo=u&source=univ&sa=X&ei=H7KKUoeaBrHIsASK4DoBg&ved=0CC0QsAQ&biw=1366&bih=623#facrc=_&imgdii=_&imgrc=kZHY5fp9n_EtM%3A%3Bu1rxolxWAQkWpM%3Bhttp%253A%252F%252Fwww.aconteceempetropolis.com.br%252F wpcontent%252Fuploads%252F2011%252F01%252Fdesabamento.jpg%3Bhttp%253A%252F%252Fwww. aconteceempetropolis.com.br%252F2011%252F01%252F04%252Fdesabamento-de-terra-empetropolis-deixa-tres-vitimas%252F%3B700%3B450  http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/1250633-sobe-para-32-o-numero-de-vitimas-nos-deslizamentosem-petropolis-rj.shtml  http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano01%252F04%252Fdesabamento-de-terra-em-petropolis-deixatres-vitimas%252F%3B700%3B450  http://www.greennation.com.br/pt/dica/63/Equipe-GreenNation/Sugest-es-para-evitar-os-impactos-dedeslizamentos

×