Catástrofes em Portugal

6.153 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
6.153
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
123
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Catástrofes em Portugal

  1. 1. Portugal
  2. 2.  A maior catástrofe natural que alguma vez aconteceu em Portugal foi o terramoto de Lisboa de 1755. Neste terramoto, morreram cerca de 60 mil pessoas.
  3. 3.  Tudo aconteceu no dia 1 de Novembro de 1755 por volta das 9h45. Como era Dia de Todos os Santos, as pessoas tinham acordado muito cedo para irem à missa. Como era feriado religioso, havia muitas velas acesas nas casas e nos altares das igrejas. Além disso, o dia estava muito frio, o que fez com que as pessoas tivessem deixado as lareiras acesas em casa. Subitamente sentiu-se um abalo muito violento. Em toda a cidade de Lisboa começaram a ruir casas e prédios e a cair pedras para a rua. Muitas pessoas ficaram soterradas nas igrejas onde estavam a assistir à missa.
  4. 4.  O cais da cidade afundou-se completamente e a água do rio Tejo começou a avançar para a cidade. Além do terramoto em terra, sentia-se o maremoto no mar e no rio. Os barcos que estavam no rio começaram a rodopiar e a afundar-se a pique. Abriram-se falhas na terra, em zonas como Alcântara, Sacavém, S. Martinho, Azeitão e Setúbal. Dessas falhas, surgiu água, vento e vapores.
  5. 5.  Passado algum tempo, houve um segundo abalo muito violento. A cidade incendiou-se. As velas e as lareiras que tinham sido deixadas acesas ajudaram a chamas a crescer ainda mais. As pessoas que sobreviveram rezavam nas ruas, cobertas de pó.
  6. 6.  As inundações que ocorreram na Madeira no dia 20 de Fevereiro de 2010, provocaram, 42 mortos, 250 desaparecidos e 70 hospitalizados,
  7. 7. Ocorreram a queda de pontes, a destruiçãode estradas, ruas e casas.
  8. 8. A Madeira sofreu uma catástrofe natural terrível,talvez relacionada com os desequilíbrios que têmvindo a manifestar-se, em todos os continentesneste nosso planeta, ameaçado pela falta de bomsenso do ser humano.
  9. 9. Foi avistado no dia 14 de Abril de 2010 pelas16h e 30m no Rio Tejo um mini-tornado quedurou entre 10 a 12 segundos. A sua passagemespalhou destruição, partindo telhas e antenasde televisão de habitações e fazendo voaroutros objectos.
  10. 10. É chamado de tromba d`água, porque se formou no rioe era totalmente constituído por água. Este fenómenofoi antecedido por um ruído estranho que fazia lembrarum escape de um automóvel a raspar no chão.
  11. 11.  As chuvas e os ventos fortes que se abateram sobre a região de torres Vedras, durante a quadra natalícia, causaram estragos que ultrapassam os 50 milhões de euros.
  12. 12.  Pouco passava das três horas da madrugada quando a intensidade dos ventos atingiu uma intensidade fortíssima, arrastando consigo árvores, telhados de casas e armazéns, chaminés, sinais de trânsito, carros e camiões, estufas agrícolas, etc. A população de Torres Vedras ficou sem energia eléctrica durante algumas horas.
  13. 13.  Só na agricultura, estima-se que se perderam de 30 milhões de euros e 90% das estufas. O facto de este mini-tornado se ter verificado a meio da noite veio diminuir os estragos pois evitou que se tivessem verificado perdas humanas, o que fez com que a situação não se tornasse numa grande catástrofe. Este temporal cortou os acessos a Torres Vedras durante algum tempo.
  14. 14. O mau tempo da madrugada do dia 23 de Dezembro de 2009 causaram 28 inundações no distrito de Faro. Algumas zonas de Portimão ficaram sem electricidade. Surgem 54 quedas de árvores, 16 quedas de estruturas, como painéis publicitários e toldos de stands de automóveis, e quatro ocorrências de quedas de cabos eléctricos e alguns desabamentos de terras.
  15. 15.  Uma das situações de desabamento fez com que parte do telhado de uma habitação ficasse destruído.
  16. 16.  Surgem 54 quedas de árvores, 16 quedas de estruturas, como painéis publicitários e toldos de stands de automóveis, e quatro ocorrências de quedas de cabos eléctricos e alguns desabamentos de terras. Uma das situações de desabamento fez com que parte do telhado de uma habitação ficasse destruído.
  17. 17. No Futuro…
  18. 18. PARA PENSAR… Todas estas terríveis catástrofes que têm sido destaque desde o início do ano de 2010 relacionam-se principalmente com os desequilíbrios que se têm manifestado em todos os continentes deste nosso planeta e que resultam em grande parte da despreocupação para com o ambiente e da falta de bom senso do ser humano. Logo, se as atitudes do ser humano para com o ambiente continuarem desta forma o número de catástrofes irá aumentar bastante.
  19. 19.  Ana Sá, nº3 Ana Martins, nº4 Carlos Santos, nº7 Joana Magalhães, nº13 Márcia Silva, nº18

×