SlideShare uma empresa Scribd logo

Escola Bíblica Jônatas Um exemplo de lealdade

Pr Neto
Pr Neto

No discurso do capitólio anterior, O Senhor concede vitória a ao jovem pastor, então Davi trinfa contra o gigante filisteu. Agora Davi sai do anonimato e se torna o primeiro auxiliar de Saul e amigo de Jonatas. Assim Jonatas fez aliança com o predileto do país. O caráter de Jônatas, supera o comportamento mal do seu pai. Jônatas não era invejoso, era corajoso homem de fé e obediente a Deus, virtude de um verdadeiro homem de Deus

1 de 15
Baixar para ler offline
Escola Bíblica Jônatas Um exemplo de lealdade
E Jônatas fez um acordo de
amizade com Davi, pois se
tornara o melhor amigo de
Davi. 1 Samuel 18.3.
No discurso do capitólio anterior, O Senhor concede vitória a ao jovem pastor,
então Davi trinfa contra o gigante filisteu. Agora Davi sai do anonimato e se
torna o primeiro auxiliar de Saul e amigo de Jonatas. Assim Jonatas fez aliança
com o predileto do país. O caráter de Jonatas, supera o comportamento mal
do seu pai. Jonatas não era invejoso, era corajoso homem de fé e obediente a
Deus, virtude de um verdadeiro homem de Deus.
Também vi eu que todo trabalho e toda destreza em obras trazem
ao homem a inveja do seu próximo. Também isso é vaidade e
aflição de espírito. Eclesiastes 4.4.
Era o filho mais velho de Saul. Seu nome significa “dado por Deus” ou
presente de Deus. Ele tinha todas as condições para ser o substituído
do seu pai. Era valente e hábil no combate. Sua bravura já fora
provada, quando, em Micmás, derrotou toda uma guarnição dos
filisteus. Contando apenas com a ajuda de seu fiel escudeiro,
colocando sua fé em ação (1 Sm 14.1-14). A coragem de Jônatas e seu
escudeiro impulsionou Saul e todo o exército à vitória.
Israel estava no campo de batalha contra os filisteus, Socó de Judá no
vale de Elá (vale do Carvalho). Um gigante filisteu, de nome Golias,
campeão de seu povo, desfiava os exércitos de Israel, mas ninguém
tinha coragem de enfrentar o inimigo.
E acrescentou: "Eu desafio hoje as tropas de Israel! Mandem-me um
homem para lutar sozinho comigo 11 Ao ouvirem as palavras do
filisteu, Saul e todos os israelitas ficaram atônitos e apavorados. 1 Sm
17.12-11.
O clima de medo prenunciava a provável derrota de Israel 1 Sm 17.10-
11.
Tinha dois metros e noventa centímetros de altura
Ele usava um capacete de bronze e vestia uma
couraça de escamas de bronze que pesava sessenta
quilos;
nas pernas usava caneleiras de bronze e tinha um
dardo de bronze pendurado nas costas
A haste de sua lança era parecida com uma
lançadeira de tecelão, e sua ponta de ferro pesava
sete quilos e duzentos gramas. Seu escudeiro ia à
frente dele

Recomendados

Lição 6 - Jônatas, um exemplo de lealdade
Lição 6 - Jônatas, um exemplo de lealdadeLição 6 - Jônatas, um exemplo de lealdade
Lição 6 - Jônatas, um exemplo de lealdadeErberson Pinheiro
 
Jônatas, um Exemplo de Lealdade
Jônatas, um Exemplo de LealdadeJônatas, um Exemplo de Lealdade
Jônatas, um Exemplo de LealdadeMárcio Martins
 
Jônatas, um exemplo de lealdade - lição 6 - 2º Trimestre 2017
Jônatas, um exemplo de lealdade - lição 6 - 2º Trimestre 2017Jônatas, um exemplo de lealdade - lição 6 - 2º Trimestre 2017
Jônatas, um exemplo de lealdade - lição 6 - 2º Trimestre 2017Pr. Andre Luiz
 
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +
Jônatas, um amigo para todas as horas - Lição 5 - Viver +Quenia Damata
 
Jônatas um exemplo de lealdade
Jônatas um exemplo de lealdadeJônatas um exemplo de lealdade
Jônatas um exemplo de lealdadeRODRIGO FERREIRA
 
Resumo em slides
Resumo em slidesResumo em slides
Resumo em slidesllindacosta
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGR
Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGRLição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGR
Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGRGerson G. Ramos
 
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLia
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLiaDavi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLia
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLiadilima20
 
Licao 8 4 t - 2019 - o exilio de davi
Licao 8   4 t - 2019 - o exilio de daviLicao 8   4 t - 2019 - o exilio de davi
Licao 8 4 t - 2019 - o exilio de daviVilma Longuini
 
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGRGerson G. Ramos
 
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016Marcus Wagner
 
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGR
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGRLição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGR
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGRGerson G. Ramos
 
Abraão: o primeiro missionário_232015
Abraão: o primeiro missionário_232015Abraão: o primeiro missionário_232015
Abraão: o primeiro missionário_232015Gerson G. Ramos
 
Lição 9 - O Reinado de Davi
Lição 9 - O Reinado de DaviLição 9 - O Reinado de Davi
Lição 9 - O Reinado de DaviÉder Tomé
 
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016Marcus Wagner
 
Lição 7: Davi é Ungido Rei
Lição 7: Davi é Ungido ReiLição 7: Davi é Ungido Rei
Lição 7: Davi é Ungido ReiMarina de Morais
 
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)dilima20
 
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de Deus
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de DeusLição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de Deus
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de DeusÉder Tomé
 
Lição 7: DAVI É UNGIDO REI
Lição 7: DAVI É UNGIDO REILição 7: DAVI É UNGIDO REI
Lição 7: DAVI É UNGIDO REIHamilton Souza
 
10 provação e triunfo com dario
10 provação e triunfo com dario10 provação e triunfo com dario
10 provação e triunfo com darioDiego Fortunatto
 
Lição 8 - O Exílio de Davi
Lição 8 - O Exílio de DaviLição 8 - O Exílio de Davi
Lição 8 - O Exílio de DaviHamilton Souza
 
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]Claudio Melo David
 
Lição 11 - As Consequências do Pecado de Davi
Lição 11 - As Consequências do Pecado de DaviLição 11 - As Consequências do Pecado de Davi
Lição 11 - As Consequências do Pecado de DaviÉder Tomé
 

Mais procurados (20)

Rei davi intensivo3
Rei davi intensivo3Rei davi intensivo3
Rei davi intensivo3
 
Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGR
Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGRLição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGR
Lição 412016 - Conflito e crise: os juízes + textos_GGR
 
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLia
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLiaDavi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLia
Davi E O PreçO Da NegligêNcia Na FamíLia
 
Licao 8 4 t - 2019 - o exilio de davi
Licao 8   4 t - 2019 - o exilio de daviLicao 8   4 t - 2019 - o exilio de davi
Licao 8 4 t - 2019 - o exilio de davi
 
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR
❉ Respostas 412016_conflito e crise: os juízes_GGR
 
Vocação
VocaçãoVocação
Vocação
 
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016
Lição 11: O Louvor de Davi. Juniores. 2016
 
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGR
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGRLição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGR
Lição 512016_O conflito continua_GGR + textos_GGR
 
Abraão: o primeiro missionário_232015
Abraão: o primeiro missionário_232015Abraão: o primeiro missionário_232015
Abraão: o primeiro missionário_232015
 
Lição 9 - O Reinado de Davi
Lição 9 - O Reinado de DaviLição 9 - O Reinado de Davi
Lição 9 - O Reinado de Davi
 
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016
Lição 10: O cântico de Davi por perdão. Juniores. 2016
 
Lição 7: Davi é Ungido Rei
Lição 7: Davi é Ungido ReiLição 7: Davi é Ungido Rei
Lição 7: Davi é Ungido Rei
 
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
 
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de Deus
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de DeusLição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de Deus
Lição 10 - Pecado do Homem Segundo o Coração de Deus
 
Lição 7: DAVI É UNGIDO REI
Lição 7: DAVI É UNGIDO REILição 7: DAVI É UNGIDO REI
Lição 7: DAVI É UNGIDO REI
 
10 provação e triunfo com dario
10 provação e triunfo com dario10 provação e triunfo com dario
10 provação e triunfo com dario
 
Lição 8 - O Exílio de Davi
Lição 8 - O Exílio de DaviLição 8 - O Exílio de Davi
Lição 8 - O Exílio de Davi
 
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]
Príncipes e não gafanhotos [modo de compatibilidade]
 
Lição 11 - As Consequências do Pecado de Davi
Lição 11 - As Consequências do Pecado de DaviLição 11 - As Consequências do Pecado de Davi
Lição 11 - As Consequências do Pecado de Davi
 
Vidas Que Falam (VF) - MM
Vidas Que Falam (VF) - MMVidas Que Falam (VF) - MM
Vidas Que Falam (VF) - MM
 

Semelhante a Escola Bíblica Jônatas Um exemplo de lealdade

Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de Lealdade
Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de LealdadeLição 6 - Jônatas, Um Exemplo de Lealdade
Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de LealdadeÉder Tomé
 
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...leitemel
 
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGRGerson G. Ramos
 
Derrotando os gigantes.ppt
Derrotando os gigantes.pptDerrotando os gigantes.ppt
Derrotando os gigantes.pptPqdNando1
 
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguesePing Ponga
 
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016Pr. Andre Luiz
 
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdade
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de LealdadeLição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdade
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdadediogomlima10
 
10 o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1
10   o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 110   o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1
10 o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1PIB Penha
 
Texto. o s valentes de davi
Texto. o s valentes de daviTexto. o s valentes de davi
Texto. o s valentes de davigilvany
 
Ebd aula 12 4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .
Ebd aula 12   4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .Ebd aula 12   4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .
Ebd aula 12 4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO Marcus Wagner
 
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docx
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docxPorque Deus perdoou o adultério de Davi.docx
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docxCarlos Rodrigues
 

Semelhante a Escola Bíblica Jônatas Um exemplo de lealdade (20)

Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de Lealdade
Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de LealdadeLição 6 - Jônatas, Um Exemplo de Lealdade
Lição 6 - Jônatas, Um Exemplo de Lealdade
 
Dois reis com limites diferentes sobre liderança
Dois reis com limites diferentes sobre liderançaDois reis com limites diferentes sobre liderança
Dois reis com limites diferentes sobre liderança
 
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...
Histórias Bíblias para Crianças - Os Livros de 1 Samuel a 2 Reis - Disponível...
 
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 03 - BÁSICO - IBADEP)
 
O pequeno Davi
O pequeno Davi O pequeno Davi
O pequeno Davi
 
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR
❉ Respostas 512016_O conflito continua_GGR
 
Derrotando os gigantes.ppt
Derrotando os gigantes.pptDerrotando os gigantes.ppt
Derrotando os gigantes.ppt
 
Davi o Pastorzinho
Davi o PastorzinhoDavi o Pastorzinho
Davi o Pastorzinho
 
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese
19 Davi, o pastorzinho / 19 david the shepherd boy portuguese
 
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016
Sabedoria divina para a tomada de decisões - lição 12 - 4ºTrimestre de 2016
 
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdade
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de LealdadeLição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdade
Lição 6 – Jônatas – um exemplo de Lealdade
 
10 o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1
10   o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 110   o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1
10 o reino do sul i – abias, asa, jeosafá e jeorão 1
 
Biblioteca on davi
Biblioteca on daviBiblioteca on davi
Biblioteca on davi
 
Libere seu Potencial
Libere seu PotencialLibere seu Potencial
Libere seu Potencial
 
O REI DAVI.pdf
O REI DAVI.pdfO REI DAVI.pdf
O REI DAVI.pdf
 
Texto. o s valentes de davi
Texto. o s valentes de daviTexto. o s valentes de davi
Texto. o s valentes de davi
 
Ebd aula 12 4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .
Ebd aula 12   4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .Ebd aula 12   4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .
Ebd aula 12 4° trimestre 2016 Sabedoria divina para tomada de decisões .
 
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
LIÇÃO N. 6 - FUI ESCOLHIDO
 
Sermão - Reis
Sermão - ReisSermão - Reis
Sermão - Reis
 
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docx
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docxPorque Deus perdoou o adultério de Davi.docx
Porque Deus perdoou o adultério de Davi.docx
 

Mais de Pr Neto

Adotados por deuslião_11
Adotados por deuslião_11Adotados por deuslião_11
Adotados por deuslião_11Pr Neto
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santoPr Neto
 
Selição 07 a-salvação_pela_graça
Selição 07 a-salvação_pela_graçaSelição 07 a-salvação_pela_graça
Selição 07 a-salvação_pela_graçaPr Neto
 
Lição 01 uma_promessa_de_salvação
Lição 01 uma_promessa_de_salvaçãoLição 01 uma_promessa_de_salvação
Lição 01 uma_promessa_de_salvaçãoPr Neto
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águasPr Neto
 
A indentidade do Espírito Santo
A indentidade do Espírito SantoA indentidade do Espírito Santo
A indentidade do Espírito SantoPr Neto
 
LIÇÃO_04 Jesus cristo
LIÇÃO_04 Jesus cristoLIÇÃO_04 Jesus cristo
LIÇÃO_04 Jesus cristoPr Neto
 
Tabernáculo_PARTE_01
Tabernáculo_PARTE_01Tabernáculo_PARTE_01
Tabernáculo_PARTE_01Pr Neto
 
A santissima trindade
A santissima trindadeA santissima trindade
A santissima trindadePr Neto
 
Regeneração
RegeneraçãoRegeneração
RegeneraçãoPr Neto
 
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIAINSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIAPr Neto
 
Fé_Completo
Fé_CompletoFé_Completo
Fé_CompletoPr Neto
 
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017Pr Neto
 
LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
 LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIAPr Neto
 
SÓ JESUS
SÓ JESUSSÓ JESUS
SÓ JESUSPr Neto
 
A ressureição de cristo parte 02
A ressureição de cristo parte 02A ressureição de cristo parte 02
A ressureição de cristo parte 02Pr Neto
 
A ressurreição de_ cristo_parte_01
A  ressurreição  de_ cristo_parte_01A  ressurreição  de_ cristo_parte_01
A ressurreição de_ cristo_parte_01Pr Neto
 
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoLição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoPr Neto
 
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32Pr Neto
 
José, o pai_terreno_de_Jesus
José, o pai_terreno_de_JesusJosé, o pai_terreno_de_Jesus
José, o pai_terreno_de_JesusPr Neto
 

Mais de Pr Neto (20)

Adotados por deuslião_11
Adotados por deuslião_11Adotados por deuslião_11
Adotados por deuslião_11
 
Espírito santo
Espírito santoEspírito santo
Espírito santo
 
Selição 07 a-salvação_pela_graça
Selição 07 a-salvação_pela_graçaSelição 07 a-salvação_pela_graça
Selição 07 a-salvação_pela_graça
 
Lição 01 uma_promessa_de_salvação
Lição 01 uma_promessa_de_salvaçãoLição 01 uma_promessa_de_salvação
Lição 01 uma_promessa_de_salvação
 
Batismo nas águas
Batismo nas águasBatismo nas águas
Batismo nas águas
 
A indentidade do Espírito Santo
A indentidade do Espírito SantoA indentidade do Espírito Santo
A indentidade do Espírito Santo
 
LIÇÃO_04 Jesus cristo
LIÇÃO_04 Jesus cristoLIÇÃO_04 Jesus cristo
LIÇÃO_04 Jesus cristo
 
Tabernáculo_PARTE_01
Tabernáculo_PARTE_01Tabernáculo_PARTE_01
Tabernáculo_PARTE_01
 
A santissima trindade
A santissima trindadeA santissima trindade
A santissima trindade
 
Regeneração
RegeneraçãoRegeneração
Regeneração
 
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIAINSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
 
Fé_Completo
Fé_CompletoFé_Completo
Fé_Completo
 
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017
Revista da escola_bíblica_3_trimestre_2017
 
LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
 LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
LIÇÃO_01_INSPIRAÇÃO DIVINA E AUTORIDADE DA BÍBLIA
 
SÓ JESUS
SÓ JESUSSÓ JESUS
SÓ JESUS
 
A ressureição de cristo parte 02
A ressureição de cristo parte 02A ressureição de cristo parte 02
A ressureição de cristo parte 02
 
A ressurreição de_ cristo_parte_01
A  ressurreição  de_ cristo_parte_01A  ressurreição  de_ cristo_parte_01
A ressurreição de_ cristo_parte_01
 
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editadoLição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
Lição 13 jesus cristo o modelo supremo de caráter_editado
 
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32
O arrependimento - Texto Básico: Salmos 32
 
José, o pai_terreno_de_Jesus
José, o pai_terreno_de_JesusJosé, o pai_terreno_de_Jesus
José, o pai_terreno_de_Jesus
 

Último

Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptxjoseciceroroberto197
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeNilson Almeida
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxRodrigoTavares484059
 
DIZIMOS - Também é para nós cristãos?.docx
DIZIMOS  - Também é  para nós cristãos?.docxDIZIMOS  - Também é  para nós cristãos?.docx
DIZIMOS - Também é para nós cristãos?.docxJose Moraes
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxjoseciceroroberto197
 
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdf
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdfApresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdf
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdfengrobertomourafilho
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNilson Almeida
 
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade Social
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade SocialOração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade Social
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade SocialJuniorCavecchia
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Nilson Almeida
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNilson Almeida
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNilson Almeida
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxjoseciceroroberto197
 
ordem nova ordem irmandade e fraternidade
ordem nova ordem irmandade e fraternidadeordem nova ordem irmandade e fraternidade
ordem nova ordem irmandade e fraternidadececilcavalcanti
 
Orações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasOrações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasNilson Almeida
 

Último (20)

Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
Carta da Quaresma 2024 Reflexão para grupos Parte 2
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Quadrado.pptx
 
Oração Da Sobriedade
Oração Da SobriedadeOração Da Sobriedade
Oração Da Sobriedade
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
 
Invocação À Luz
Invocação À LuzInvocação À Luz
Invocação À Luz
 
DIZIMOS - Também é para nós cristãos?.docx
DIZIMOS  - Também é  para nós cristãos?.docxDIZIMOS  - Também é  para nós cristãos?.docx
DIZIMOS - Também é para nós cristãos?.docx
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD ADULTOS - Retangular.pptx
 
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdf
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdfApresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdf
Apresentação da Campanha da Fraternidade 2024.pdf
 
Novena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada ConceiçãoNovena Da Imaculada Conceição
Novena Da Imaculada Conceição
 
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade Social
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade SocialOração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade Social
Oração da Campanha da Fraternidade 2024 - Fraternidade e Amizade Social
 
Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola Novena A Santo Inácio De Loyola
Novena A Santo Inácio De Loyola
 
Novena De Santa Teresinha
Novena De Santa TeresinhaNovena De Santa Teresinha
Novena De Santa Teresinha
 
Novena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De CristoNovena Do Seguimento De Cristo
Novena Do Seguimento De Cristo
 
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptxSlide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
Slide Licao 7 - 1T - 2024 - CPAD JOVENS.pptx
 
Orações Vocacionais
Orações VocacionaisOrações Vocacionais
Orações Vocacionais
 
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
Reflexão para grupos sobre a carta de Quaresma 2024 Parte 1
 
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdfCarta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
Carta de Cuaresma 2024 reflexion grupo 3 PT.pdf
 
ordem nova ordem irmandade e fraternidade
ordem nova ordem irmandade e fraternidadeordem nova ordem irmandade e fraternidade
ordem nova ordem irmandade e fraternidade
 
Orações Cristãs Diárias
Orações Cristãs DiáriasOrações Cristãs Diárias
Orações Cristãs Diárias
 

Escola Bíblica Jônatas Um exemplo de lealdade

  • 2. E Jônatas fez um acordo de amizade com Davi, pois se tornara o melhor amigo de Davi. 1 Samuel 18.3.
  • 3. No discurso do capitólio anterior, O Senhor concede vitória a ao jovem pastor, então Davi trinfa contra o gigante filisteu. Agora Davi sai do anonimato e se torna o primeiro auxiliar de Saul e amigo de Jonatas. Assim Jonatas fez aliança com o predileto do país. O caráter de Jonatas, supera o comportamento mal do seu pai. Jonatas não era invejoso, era corajoso homem de fé e obediente a Deus, virtude de um verdadeiro homem de Deus. Também vi eu que todo trabalho e toda destreza em obras trazem ao homem a inveja do seu próximo. Também isso é vaidade e aflição de espírito. Eclesiastes 4.4.
  • 4. Era o filho mais velho de Saul. Seu nome significa “dado por Deus” ou presente de Deus. Ele tinha todas as condições para ser o substituído do seu pai. Era valente e hábil no combate. Sua bravura já fora provada, quando, em Micmás, derrotou toda uma guarnição dos filisteus. Contando apenas com a ajuda de seu fiel escudeiro, colocando sua fé em ação (1 Sm 14.1-14). A coragem de Jônatas e seu escudeiro impulsionou Saul e todo o exército à vitória.
  • 5. Israel estava no campo de batalha contra os filisteus, Socó de Judá no vale de Elá (vale do Carvalho). Um gigante filisteu, de nome Golias, campeão de seu povo, desfiava os exércitos de Israel, mas ninguém tinha coragem de enfrentar o inimigo. E acrescentou: "Eu desafio hoje as tropas de Israel! Mandem-me um homem para lutar sozinho comigo 11 Ao ouvirem as palavras do filisteu, Saul e todos os israelitas ficaram atônitos e apavorados. 1 Sm 17.12-11. O clima de medo prenunciava a provável derrota de Israel 1 Sm 17.10- 11.
  • 6. Tinha dois metros e noventa centímetros de altura Ele usava um capacete de bronze e vestia uma couraça de escamas de bronze que pesava sessenta quilos; nas pernas usava caneleiras de bronze e tinha um dardo de bronze pendurado nas costas A haste de sua lança era parecida com uma lançadeira de tecelão, e sua ponta de ferro pesava sete quilos e duzentos gramas. Seu escudeiro ia à frente dele
  • 7. Jessé enviou Davi ao local da batalha para entregar provisões para seus irmãos e para o chefe do exército. Davi contrariando os seus irmãos e o próprio rei, Davi se dispôs a enfrentar o filisteu. Com permissão do rei, e confiando em Deus, Davi foi ao encontro de Golias, com apenas uma funda e cinco pedras do ribeiro (1 Sm 17.40-47) Golias certamente não tinha pressa, porque não tinha medo, mas estava confiante que em um único golpe racharia a cabeça de seu adversário. Mas, enquanto estava se preparando para fazê-lo de forma solene, Davi cumpriu seu dever com eficácia, sem qualquer ostentação: Ele atirou uma pedra que atingiu Golias na testa, e, num piscar de olhos, o levou ao solo. Golias sabia que existiam atiradores com fundas famosos em Israel (Jz 20.16 Dentre todos esses soldados havia setecentos canhotos, muito hábeis, e cada um deles podia atirar uma pedra com a funda num cabelo sem errar.); talvez tenha se esquecido disso ou era presunçoso demais a ponto de deixar sua viseira erguida, a única parte exposta de sua armadura. Não foi a astúcia de Davi, mas a mão do Senhor que direcionou a pedra com tamanha força que ficou gravada na testa de Golias.
  • 9. O povo de Israel jubilou diante da tremenda vitória Saul ficou estupefato, e mandou o chefe do exército, Abner, chamar Davi, que levou como troféu a cabeça do filisteus. Porém Jônatas, filho de Saul, foi quem mais foi tocado em suas emoções e sentimentos em relação ao jovem pastor, que derrotou o gigante com o uso de uma simples funda e um tiro de pedra. De imediato, aquela admiração despertou em Jônatas um sentimento de amizade e de amor fraternal por Davi, Deus tem seus caminhos, e, quando Ele quer, cria circunstâncias ou muda circunstâncias segundo seus propósitos amorosos e soberanos.
  • 10. A palavra de Deus registra com expressão tocante os sentimentos de Jônatas por Davi. 1 Sm 18.1.3,4. Depois dessa conversa de Davi com Saul, surgiu tão grande amizade entre Jônatas e Davi que Jônatas tornou-se o seu melhor amigo 3 E Jônatas fez um acordo de amizade com Davi, pois se tornara o melhor amigo de Davi 4 Jônatas tirou o manto que estava vestindo e deu-o a Davi, junto com sua túnica, e até sua espada, seu arco e seu cinturão. Jônatas comprovou o seu amor a Davi pelo presente generoso. Por esse motivo, Jônatas toma o cuidado para que Davi se porte como um cortesão (porque Jônatas deu a ele a sua capa) e como um soldado, porque deu a ele, em vez do seu cajado e funda, uma espada e um arco e, em vez do seu alforje de pastor, um cinto. A vestimenta de Saul não se ajustou a Davi, mas a de Jônatas, sim. Eles tinham o mesmo tamanho, uma condição que harmonizava com a adequabilidade dos seus propósitos. Então Saul vestiu Davi com sua própria túnica. Colocou-lhe uma armadura e um capacete de bronze na cabeça 39 Davi prendeu sua espada sobre a túnica e tentou andar, pois não estava acostumado àquilo. E disse a Saul: "Não consigo andar com isto, pois não estou acostumado". Assim tirou tudo aquilo. 1 Sm 17.40-39.
  • 11. Grupos homossexuais procuram distorcer o sentido desse texto quando a Bíblia diz que Jônatas fez aliança com Davi, porque “o amava coma à sua própria alma”. A palavra hebraica ahaváh não tem apenas um único sentido, mas vários. Vejamos. Amor Paternal: E amava Isaque a Esaú, porque a caça era de seu gosto; mas Rebeca amava a Jacó. Gn 25.28 Amizade: Assim, Davi veio a Saul, e esteve perante ele, e o amou muito; e foi seu pajem de armas. 1 Sm 16.21. Amor de Deus: Ame o Senhor, o seu Deus, de todo o seu coração, de toda a sua alma e de todas as suas forças. Dt 6.5. Amor ao próximo: Não procurem vingança, nem guardem rancor contra alguém do seu povo, mas ame cada um o seu próximo como a si mesmo. Eu sou o Senhor. Lv 19.18 Como estou triste por você, Jônatas, meu irmão! Como eu lhe queria bem! Sua amizade me era mais preciosa que o amor das mulheres. 2 Sm 1.26.
  • 12. Há um provérbio popular que diz: “Tal pai, tal filho”, sugerindo que os filhos tendem a demonstra o mesmo comportamento de seus pais. O exemplo de Jônatas é prova disso. Seu caráter praticamente era aposto ao do seu pai. Quem tem muitos amigos pode chegar à ruína, mas existe amigo mais apegado que um irmão. Pv 18.24. Vejamos alguns aspectos do caráter de Jônatas. 1. Um homem de Coragem. Saul era um homem inseguro e ciumento, Saul odiava e procurava mata-lo. Jônatas não herdou nem desenvolveu esse traço da personalidade do seu pai. Mostrou-se um homem de fé e coragem, a razão de sua vitória estava no seu relacionamento com Deus, seu pai, era desprovido destas qualidades, pelo fato do Senhor ter rejeitá-lo. 1 Sm 16.1. O Senhor disse a Samuel: "Até quando você irá se entristecer por causa de Saul? Eu o rejeitei como rei de Israel. Encha um chifre com óleo e vá a Belém; eu o enviarei a Jessé. Escolhi um de seus filhos para ser rei".
  • 13. 2. Um homem humilde Sua coragem moral fê-lo não ter medo de perder a posição, como herdeiro do trono para Davi. Soube reconhecer que seu amigo tinha a direção de Deus, e as condições humanas para substituir Saul no cargo de monarca de Israel 1 Sm 16.12-13. Então Jessé mandou chamá-lo e ele veio. Ele era ruivo, de belos olhos e boa aparência. Então o Senhor disse a Samuel: "É este! Levante-se e unja-o". 13 Samuel então apanhou o chifre cheio de óleo e o ungiu na presença de seus irmãos, e a partir daquele dia o Espírito do Senhor apoderou-se de Davi. E Samuel voltou para Ramá. Um exemplo para os dias atuais. Há muitos, em igrejas evangélicas, que brigam por cargos e posições, agindo, muitas vezes, com métodos carnais, seguindo o exemplo dos ímpios. 1 Tm 3.3. que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia Deus se agrada dos humildes. 1 Pe 5.6. Portanto, humilhem-se debaixo da poderosa mão de Deus, para que ele os exalte no tempo devido. Tg 4.6. Antes, dá maior graça. Portanto, diz: Deus resiste aos soberbos, dá, porém, graça aos humildes. A humildade é qualidade que só possuem os que têm grandeza de alma. E Deus se agrada dos humildes.
  • 14. 3. Um homem Leal Em todas as ocasiões, depois que se tornou amigo de Davi, Jônatas demostrou sua lealdade. Poderia ter ficado ao lado do seu pai, mas não cedeu aos caprichos de Saul, quando este injustamente, quis eliminar a vida de Davi. Quando soube do plano de Saul para matar Davi, Jônatas procurou o amigo e lhe advertiu do perigo de morte. Saul falou a seu filho Jônatas e a todos os seus conselheiros sobre a sua intenção de matar Davi. Jônatas, porém, gostava muito de Davi 2 e o alertou: "Meu pai, está procurando uma oportunidade para matá-lo. Tenha cuidado amanhã cedo. Vá para um esconderijo e fique por lá. 3 Sairei e ficarei com meu pai no campo onde você estiver. Falarei a ele sobre você e, depois, contarei a você o que eu descobrir". 4 Jônatas falou bem de Davi a Saul, seu pai, e lhe disse: "Que o rei não faça mal a seu servo Davi; ele não lhe fez mal nenhum. Ao contrário, o que ele fez trouxe grandes benefícios ao rei. 1 Sm 19.1-4.