Searching for Hapiness

485 visualizações

Publicada em

Training
Conference Presentation
2009

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
485
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Searching for Hapiness

  1. 1. Ciclo de Conversas Sobre Inteligência Patrícia Ervilha Leiria, 06 de Maio de 2009
  2. 2. Breve apontamento histórico
  3. 3. Factos do Mundo Moderno Principais causas de doença nos EUA 1. Cardiopatias isquémicas 2. Depressão aguda 3. Doença cardiovascular 4. Álcool 5. Cancro National Institute of Mental Health, 2006
  4. 4. Factos do Mundo Moderno White, A. (2007). A Global Projection of Subjective Well-being: A Challenge To Positive Psychology? Psychtalk 56, 17-20. A Global Projection of Subjective Well-being: A Challenge to Positive Psychology? Adrian G. White, University of Leicester
  5. 5. Outros dados curiosos:
  6. 6. NA GENERALIDADE… SOMOS INFELIZES???
  7. 7. Apesar do nosso cérebro racional ser potente e constituir um equipamento indispensável aos seres humanos, ele só nos poderá guiar se aceitarmos que as reacções do cérebro primordial para sobreviver ainda espreitam o emaranhado neuronal de todos os mamíferos, incluindo o orgulhoso humano provido de cérebro. Brent Atkinson
  8. 8. Tenzin Gyatso; The Fourteenth Dalai Lama Sobre “O sentido da vida” Penso que o sentido da vida é ser feliz. Desde o dia do seu nascimento, todo o ser humano que ser feliz e não quer sofrer. Nem a sua condição social, nem a sua educação ou ideologia afectam esta procura da felicidade.
  9. 9. Mitos das sociedades complexas O TRABALHO De vários estudos realizados por todo o mundo NÃO SE PODE INFERIR QUE O TRABALHO TENHA UMA RELAÇÃO DIRECTA COM A FELICIDADE. A SAÚDE Só as doenças mais graves afectam os níveis de felicidade. A FAMÍLIA As investigações revelam que cuidar das crianças não é divertido nem contribui significativamente para a felicidade.
  10. 10. Mitos das sociedades complexas O DINHEIRO Só no limiar mais baixo, no ponto em que satisfaz as necessidades básicas, é que os estudos revelam que o dinheiro traz felicidade. Deste limiar para cima, a felicidade não se pode comprar. PONTO A EDUCAÇÃO Quem é mais feliz? O erudito tóxico ou o velho que toda a vida cultivou videiras?
  11. 11. Algumas conclusões a retirar da literatura: - Felicidade individual - Requer bem estar físico e mental - Requer emancipação da alienação - Felicidade Individual - Significa realização da natureza humana - Existir na forma do SER e não do TER
  12. 12. A alienação à luz dos nossos dias Diversão
  13. 13. Sintomas
  14. 14. Entre o TER e o SER Tecnocrata Materialista Monge Budista
  15. 15. Bibliografia • Dalai Lama e D. Goleman (2007) • White (2007) • YC Choin (2008)

×