Mulheres museus e memorias parque bento.

859 visualizações

Publicada em

5ª primavera dos museus no parque Histórico General Bento Gonçalves.
Tema; mulheres, museus e memórias.

Publicada em: Design
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
859
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
5
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Mulheres museus e memorias parque bento.

  1. 1. Primavera dos museus.<br />
  2. 2. Primavera dos museus.<br />Mulheres, museus e memórias.<br />
  3. 3. MULHERES Inspiração da arte da pintura <br />
  4. 4. Sábias na simplicidade de transmitir memórias.<br />
  5. 5. Primavera que renova a vida, que desperta os sentimentos e modifica o cenário natural.<br />
  6. 6. Vaidosas por natureza<br />
  7. 7. Mulheres que doam a seiva da vida.<br />
  8. 8. Mulheres sábias que não foram entendidas, quando apenas estavam transmitindo o poder do amor em forma de palavras divinas.<br />
  9. 9. Mulheres que geram a vida e transmitem ensinamentos.<br /> Mulheres que ainda vivem marcadas pela crueldade de uma sociedade machista. <br />Mulheres que em silencio gritam por socorro.<br />
  10. 10. Universo feminino que se transforma de primavera em primavera.<br />Novo cenário profissional.<br />Novas leis de proteção as mulheres.<br />Um caminho para a humanidade percorrer.<br />
  11. 11. Mulheres que não tem idade nem limites pra sonhar.<br />Ousadas, corajosas, determinadas e vaidosas ao mesmo tempo.<br />
  12. 12. Como dona Izaura, Que superam os preconceitos cultivadoras do amor das crenças, costumes, valores morais, <br />Transmissoras de memórias.<br />
  13. 13. Poetizas, vencedoras, vozes que ecoaram no espaço e no tempo. <br />
  14. 14. Mulheres que oferecem segurança<br />
  15. 15. Mulheres que viveram caladas e amordaçadas.<br />Mulheres que continuam caladas.<br />
  16. 16. Mulheres capazes de amar sem limites em favor da vida.<br />
  17. 17. Mulheres que improvisam as condições, para que o bem estar esteja acima de tudo <br />
  18. 18. Mulheres que desafiaram as regras e criaram mais condições para todas.<br />
  19. 19. Companheiras de longas datas.<br />
  20. 20. Vaidosas pelas suas origens culturas e crenças vencem o temor da liberdade de crenças.<br />
  21. 21. Que mudaram o conceito sobre a musicalidade.<br />Que fugiram da agressão familiar e cantaram versos e canções.<br />
  22. 22. Mulheres que transformaram as primaveras de famílias.<br />
  23. 23. Como dona Zilda <br />
  24. 24. Quem agrediu?<br />Quem gerou o agressor?<br />Quem levantou sua voz contra a agressão?<br />De quem é o grito que ecoou? <br /> Maria da Penha.<br />
  25. 25. Marcadas pela violência familiar e pelo medo.<br />
  26. 26. Sacrificadas por uma cultura dominadora onde mulheres eram apenas pertences dos homens.<br />
  27. 27.
  28. 28. Da felicidade à ilusão<br />Antes depois.<br />
  29. 29. Conceitos cruéis sobre as mulheres,Um novo cenário rouba o lugar de um inverno cinzento que deixou marcas profundas.<br />
  30. 30. Talentosas.<br />
  31. 31. Divinas e abençoadas pela criação e multiplicação.<br />
  32. 32. Amarguradas pelo descaso dos que dominavam a época.<br />Amorosas e protetoras em todos os tempos da criação.<br />
  33. 33. Mulheres que deixaram um mundo mais humano com a sua passagem na terra.<br />
  34. 34. Que nos ensinaram lições de fé e devoção.<br />
  35. 35. Transmissoras de paz e conforto.<br />
  36. 36. Mulheres que mudaram a cara do Brasil.<br />
  37. 37. Sonhadoras que não vêem o tempo passar.<br />
  38. 38. Mulheres das mais variadas profissões..<br />
  39. 39. Mulheres que tiveram suas vidas mutiladas pela escravidão. <br />
  40. 40. Mulheres que vivem em condições desumanas em outros países.<br />
  41. 41. Ficção que retrata uma nova realidade.<br />Opção de escolha ou necessidade pessoal?<br />Elas ocupam um novo espaço. <br />
  42. 42. Mulheres sem medo da censura. <br />
  43. 43. De mudaram as regras e quebraram os protocolos.<br />
  44. 44. Que venceram os piores inimigos da vida.<br />
  45. 45. Mulheres que estão com a responsabilidade de administrar pastas importantes como o ministério da cultura.<br />Ana de Hollanda- ministra da cultura.<br />
  46. 46. Vaidosas pelas suas origens no papel de transmitir culturas.<br />
  47. 47. Inspiração dos artistas. Em todos os tempos.<br />
  48. 48. Mulheres que experimentaram o amargo sabor da tortura sem perder a graça e a felicidade de viver. Inesquecíveis. <br />
  49. 49. Dona Iná Mattos (na foto a esquerda) gente da terra, nossa eterna matriarca.<br />
  50. 50. Dona Iná (a direita na foto) Mattos, filha de escravos aforriados.<br />
  51. 51. Dona Iná Mattos mãe de muitos filhos exemplo de virtude e sabedoria diante das dificuldades da vida.<br />Transmitindo culturas e memórias.<br />Receitas de culinária oriundas das mãos das escravas; o como o Kimbo, molho pardo e rim no palito. <br />Liderança familiar mulher que passou o rio camaquã numa balsa antes da construção da ponte.<br />Mulher que cozinhou para o Manecão homem degolador durante a guerra mundial. <br />Mulher que conheceu o Coronel Bento Gonçalves Filho.<br />Dona Iná que nos deixou o ano passado.<br />Mão que tocavam a terra com muito amor.<br />Mulher que ensinou gerações a arte do plantio de plantas e flores.<br />
  52. 52. Eternas<br />
  53. 53. Mulheres destemidas.<br />
  54. 54. Talentosas e apaixonadas.<br />
  55. 55. Das carpideiras..<br />
  56. 56. Mulheres como Joana Darque queimada na fogueira porque ouvia vozes do além.<br />Sim as vozes que ouso são de Deus.( palavras proferidas antes de morrer).<br />
  57. 57. Mulheres que transmitem arte poesia e primaveras coloridas.<br />
  58. 58. Rezadeiras.<br />
  59. 59. Escravas..<br />
  60. 60. Mulheres heroínas ícones da história.<br />
  61. 61. Pensadoras.. <br />
  62. 62. Jogadoras.<br />
  63. 63. Juízas.. <br />
  64. 64. Mulheres como Dona Maria Inez Jacques <br />Maria Inez de são Borja, Maria Inez de cruz Alta, Maria Inez de Camaquâ, Maria Inez do cristal. <br />Maria Inez com um Coração de “Cristal” mulher preciosa que amou este povo através de uma intensa atuação social.<br />
  65. 65. Georgea (neta) dona Maria Inez Jacques <br />Memórias inesquecíveis trabalho que se eternizou pela intensidade da ousadia e da generosidade.<br />
  66. 66. Dona Maria Inez, Mãe protetora das gestantes.<br />Fundadora dos clubes de mães de camaquã e cristal.<br />Maria Inez da liga feminina de combate ao câncer.<br />Mãos que fizeram <br />Primaveras.<br />Mais floridas<br />E perfumadas.<br />
  67. 67. Dona Maria Inez, não era nomeada nem remunerada, mas atuava nas mais diversas áreas sociais.<br />Dona Maria Inez, que transmitiu cultura, amor e sabedoria ao povo que a presenciou.<br />Dona Maria Inez para sempre lembrada, que merece todas as homenagens e honrarias.<br />Na foto em companhia de sua neta Jeorgea.<br />
  68. 68. Ministra da cultura..<br />
  69. 69. Ao posto mais alto do país..<br />
  70. 70. Presidenta da república.<br />
  71. 71. Que a maior de todas a mãe de Deus seja a luz de todas as mulheres.<br />
  72. 72. Primavera dos museus. Mulheres, museus e memórias. Setembro de 2011<br />Parque bento Gonçalves.<br />

×