Socialização de Conteúdo

1.203 visualizações

Publicada em

Elementos básicos para otimização de conteúdos para mídias sociais. Apresentação criada para o Master em Jornalismo Digital. Setembro de 2009.

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.203
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
16
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
16
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Socialização de Conteúdo

  1. 1. MASTER EM JORNALISMO DIGITAL 29/09/2009 Socialização de conteúdo
  2. 2. O que é social media? <ul><li>Social media é o conjunto de atividades e comportamentos de pessoas que se reúnem em comunidades para compartilhar informações, conhecimento e opiniões usando meios de conversação online . </li></ul>
  3. 3. <ul><li>Meios de conversação online são aplicações baseadas na web que tornam possível a criação de conteúdos e facilitam a sua transmissão em forma de palavras , fotos , vídeos , áudios e links . </li></ul>
  4. 4. Socialização de conteúdo <ul><li>Socializar , no âmbito das mídias sociais, é a habilidade para interagir e influenciar pessoas valendo-se de meios que oferecem recursos textuais, visuais e auditivos. </li></ul>
  5. 5. Social media <ul><li>Esses recursos, tradicionalmente utilizados pelos meios de comunicação, estão agora disponíveis também para: </li></ul><ul><ul><li>Usuários (audiência) </li></ul></ul><ul><ul><li>Fontes </li></ul></ul><ul><ul><li>Publicidade </li></ul></ul><ul><li>Agora todos buscam informar, inspirar e influenciar as pessoas </li></ul>
  6. 6. Os dois lados da social media <ul><li>O lado ruim </li></ul><ul><li>O que você faz de ruim tem muito mais visibilidade </li></ul><ul><li>Há um controle maior sobre o que você faz </li></ul><ul><li>E você não tem nenhum controle sobre o que dizem de você </li></ul><ul><li>O lado bom </li></ul><ul><li>Se você for reconhecidamente bom e confiável, as pessoas falarão bem do que você faz </li></ul><ul><li>Não há nenhuma recomendação melhor do que o boca-a-boca </li></ul>A multiplicidade de fontes e a facilidade com que circulam as informações e opiniões revelam dois lados desse universo:
  7. 7. Social Media Optimization | SMO <ul><li>O trabalho com SMO deve criar as condições para minimizar ou zerar o que o que é ruim e potencializar os bons resultados </li></ul>
  8. 8. Social Media Optimization | SMO <ul><li>SMO trabalha com dois objetivos básicos: </li></ul><ul><ul><li>Facilitar a inclusão dos links para os conteúdos nas mídias sociais </li></ul></ul><ul><ul><li>Garantir melhor visibilidade dos conteúdos em resultados de buscas dos sites de mídias sociais (Technorati, YouTube, Twitter etc). </li></ul></ul>
  9. 9. Lembre-se <ul><li>Nas mídias sociais as pessoas estabelecem conversações </li></ul><ul><li>Você não tem controle sobre essas conversações, mas pode influenciar </li></ul><ul><li>A capacidade de influenciar é a chave para que se estabeleçam os melhores relacionamentos nas mídias sociais </li></ul><ul><li>Reavalie sempre o que faz e meça os resultados </li></ul><ul><li>Faça com que falar de você seja algo bom </li></ul>
  10. 10. <ul><li>No mundo online, ande na linha </li></ul>
  11. 11. Tipos de mídias sociais
  12. 12. Redes sociais <ul><li>Bebo </li></ul><ul><li>Facebook </li></ul><ul><li>Friendster </li></ul><ul><li>LinkedIn </li></ul><ul><li>MySpace </li></ul><ul><li>Ning </li></ul><ul><li>Orkut </li></ul><ul><li>Plaxo </li></ul><ul><li>Redes próprias </li></ul><ul><li>SocialGo </li></ul><ul><li>Twitter </li></ul>
  13. 13. Números
  14. 17. Redes são diferentes <ul><li>É um erro tratar todas as redes como se elas fossem iguais. </li></ul><ul><ul><li>Geração Z (13 e 14 anos) </li></ul></ul><ul><ul><li>Geração Y (15 a 29) </li></ul></ul><ul><ul><li>Geração X (30 a 44) </li></ul></ul><ul><ul><li>Baby boomers (44 a 65) </li></ul></ul><ul><ul><li>WWII (66 a ...) </li></ul></ul>
  15. 18. <ul><li>Metade das mulheres usuárias de internet nos EUA acessa redes sociais </li></ul><ul><li>Quase três em cada quatro usuários de internet acessa Redes Sociais </li></ul><ul><li>No último ano o acesso a redes sociais aumentou em todos os itens </li></ul>
  16. 19. Mais da metade dos usuários visita redes sociais no mínimo uma vez ao dia.
  17. 20. <ul><li>Rede para interação do Guardian </li></ul>http://www.guardian.co.uk/commentisfree
  18. 21. <ul><li>Rede da MTV britânica </li></ul>http://www.mtv.co.uk/community
  19. 22. <ul><li>Página do The Economist no Facebook </li></ul>
  20. 23. <ul><li>Página da New Yorker no Facebook </li></ul>http://www.new.facebook.com/newyorker
  21. 24. <ul><li>Página da Conde Nast no Facebook </li></ul>
  22. 25. <ul><li>Aplicativo para os cartoons da New Yorker </li></ul>
  23. 26. <ul><li>Quiz diário do The New York Times </li></ul>
  24. 27. Publicadores <ul><li>Blogger </li></ul><ul><li>Posterous </li></ul><ul><li>Slideshare </li></ul><ul><li>TypePad </li></ul><ul><li>Wikipedia </li></ul><ul><li>WordPress </li></ul>
  25. 28. Fotos <ul><li>Flickr </li></ul><ul><li>Photobucket </li></ul><ul><li>Picasa </li></ul><ul><li>Radar.net </li></ul><ul><li>Twitpic </li></ul>
  26. 29. <ul><li>Página de fotos da PRNewswire no Flickr </li></ul>
  27. 30. <ul><li>Projeto de digitalização de fotos analógicas do flickr </li></ul>
  28. 31. Áudio <ul><li>iTunes </li></ul><ul><li>Podcast.net </li></ul>
  29. 32. Vídeo <ul><li>Hulu </li></ul><ul><li>Vimeo </li></ul><ul><li>YouTube </li></ul>
  30. 33. <ul><li>Canal do Kzuka no YouTube </li></ul>
  31. 34. <ul><li>O canal do Google no YouTube </li></ul>
  32. 35. Microblogging <ul><li>Twitter </li></ul><ul><li>Twitxr (aplicação mobile) </li></ul>
  33. 36. <ul><li>No twitter, o português é a segunda língua mais falada </li></ul>
  34. 38. Livecasting <ul><li>BlogTalkRadio </li></ul><ul><li>CoverItLive </li></ul><ul><li>Justin.TV </li></ul><ul><li>TalkShoe </li></ul>
  35. 39. Realidade virtual <ul><li>Kaneva </li></ul><ul><li>Second Life </li></ul><ul><li>There </li></ul>
  36. 40. Agregadores <ul><li>As últimas </li></ul><ul><li>Atom </li></ul><ul><li>Delicious </li></ul><ul><li>Digg </li></ul><ul><li>FeedBurner </li></ul><ul><li>FriendFeed </li></ul><ul><li>iGoogle </li></ul><ul><li>RSS 2.0 </li></ul>
  37. 41. <ul><li>Gadgets da CNN para o iGoogle </li></ul>
  38. 42. <ul><li>Widget da msnbc para o iGoogle </li></ul>
  39. 43. Michael Pranikoff Director, Emerging Media for PR Newswire Michael <ul><li>Delicious com os links recomendados pela revista </li></ul>
  40. 46. Outros exemplos de uso
  41. 47. http://www.facebook.com/search/?init=srp&sfxp=&o=65&q=news#/FoxNews?v=wall
  42. 55. ?
  43. 64. Fragmentação <ul><li>Cada vez mais nossos conteúdos circulam na web como referências fragmentadas. </li></ul><ul><li>Um conteúdo capaz de gerar um link pode ter uma história completamente autônoma, dissociada do restante do nosso conteúdo. </li></ul><ul><li>As homes perdem relevância. Elas são cada vez menos a porta de ingresso aos conteúdos. </li></ul>
  44. 65. SMO deu certo. E daí? <ul><li>Como conquistar a audiência que chega a um determinado conteúdo acessando um link publicado em outro site? </li></ul><ul><li>Criando um ambiente em torno do conteúdo que seja capaz de chamar a atenção da audiência e sirva como uma porta de entrada para outros conteúdos. </li></ul><ul><ul><li>Relacione conteúdos </li></ul></ul><ul><ul><li>Agrupe temas </li></ul></ul>
  45. 66. SMO dá certo quando... <ul><li>Criamos um ambiente em torno do conteúdo que seja capaz de chamar a atenção da audiência e sirva como uma porta de entrada para nossos outros conteúdos </li></ul>

×