Estudo sobre Vinhos nas redes sociais

858 visualizações

Publicada em

Confira estudo da consultoria Le Fil sobre o tema Vinho nas redes sociais

Publicada em: Internet
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
858
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
418
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Estudo sobre Vinhos nas redes sociais

  1. 1. Estudo Especial Vinhos – abril 2015
  2. 2. ESTUDO Objetivo Este estudo tem como objetivo avaliar a opinião dos internautas sobre o tema vinho a partir de menções de perfis públicos no Twitter e Facebook no Brasil. Metodologia Foram analisadas 1.007 menções coletadas de 16 de março a 07 de abril de 2015 no Twitter e Facebook a partir das seguintes palavras-chave: “vinho”. As menções são coletadas através de softwares que buscam citações públicas de usuários nas redes sociais. Os cientistas de dados da Le Fil analisaram e as classificaram com o objetivo de apontar tendências.
  3. 3. Internautas usam as redes sociais para compartilhar e procurar receitas cujo vinho faz parte da receita, além de sugerirem o consumo da bebida e anunciarem o desejo ou que estão tomando vinho. Consumo – Menções afirmando estar consumindo vinho, desejando consumir vinho ou sugerindo que outras pessoas bebam vinho. Ingredientes – Menções de pessoas e sites de culinária com receitas , das mais variadas, que levam vinho como ingrediente, como uso em carnes vermelhas, strogonoff, ratatouille e até mousse. Venda – Anúncios de sites especializados em venda on- line de vinho, além de restaurantes e até eventos/festas. Saúde – Internautas compartilham notícias sobre os benefícios do vinho para a saúde. Entre eles, estão o combate ao HPV, à depressão, artrite, artrose, dores lombares, entre outros. A dificuldade para abrir a garrafa e as manchas causadas pelo líquido também foram citadas no Twitter e Facebook. ESTUDO Consumo, receitas com vinho e comercialização são os principais assuntos 77% 11% 9% 1% 1% 1% Assuntos mais falados Consumo Ingrediente em receita Venda Saúde Dificuldadepara abrir Outros
  4. 4. Das mais de 700 menções relacionadas a consumo deste estudo, 52% delas foram menções de pessoas afirmando estarem consumindo a bebida. Já 42% das menções foram de pessoas afirmando desejarem beber vinho naquele momento, enquanto 6% das menções foram sugestões, partindo de pessoas e restaurantes, para o consumo do vinho. ESTUDO Consumo do vinho é o tema mais relatado nas redes em relação à bebida 52%42% 6% % de menções do universo relacionado ao tema consumo Consumo Desejo de consumo Sugestão de consumo
  5. 5. Das 73 menções afirmando gostarem ou não do vinho, 84% das menções foram afirmando gostar da bebida. As pessoas relacionam a bebida ao frio e ao consumo com o parceiro. Quanto ao gosto, as afirmações não são específicas, apenas elogiam o gosto de forma genérica: “como amo o gosto do vinho”. Já 16% dessas menções foram pessoas afirmando não gostarem de vinho. As menções falam do gosto do vinho e da preferência por outras bebidas. ESTUDO Elogios ao vinho têm mais volume do que críticas 84% 16% % de menções do universo que falam sobre gostar ou não de vinho Elogios Críticas
  6. 6. O vinho branco é o mais citado quando se fala de vinho. Isso porque o produto é relacionado a uso em receitas culinárias. Das 1.007 menções, 90 fizeram referências ao branco e ao tinto, sendo 53% de branco e 47% citaram tinto. Entre as menções sobre o vinho branco, 45% delas eram de receitas. As restante citavam o consumo da bebida e a utilização do produto para tirar manchas de roupas. Em relação ao tinto, 41% das menções foram de internautas afirmando estarem consumindo a bebida. Os demais assuntos são o uso do vinho tinto em receitas culinárias e consumo. PREFERÊNCIA Devido ao uso em receitas, vinhos brancos são mais lembrados 53% 47% % de menções do universo que falaram sobre vinho branco e tinto Branco Tinto
  7. 7. Das 1.007 menções, 15 fizeram referências ao vinho seco e suave. Ambos dividem a opinião dos internautas que abordam principalmente sobre o consumo. Os vinhos suaves são mais citados do que os secos nas redes sociais. No caso do vinho suave, eles são citados no uso de receitas culinárias. PREFERÊNCIA Vinhos suaves e seco dividem opinião 53% 47% % de menções do universo que citaram sobre seco e suave Suave Seco
  8. 8. Do total de 1.007 menções, 167 citaram ambientes onde estava sendo consumido o vinho. Desses, o consumo em casa é o ambiente preferido dos internautas. Em seguida, são as festas (26%), divulgadas por eventos no Facebook. Praias, sobretudo no período noturno, também aparecem na lista com 20% das menções. Os demais ambientes são bares (4%), em viagens (3%) e em pizzarias (1%), restaurantes (1%) e em celebrações religiosas (1%). AMBIENTES DE CONSUMO Consumidores preferem apreciar vinho em casa 44% 26% 20% 4% 3% 1% 1% 1% % de menções do universo que citaram o ambiente de consumo Casa Festa Praia Bar Viagem Pizzaria Restaurante Igreja
  9. 9. Das 1.007 menções, 63 são relacionadas ao acompanhamentos durante o consumo do vinho. Os internautas relacionam mais o consumo do vinho aliado a massas e queijos, mas são diversos os hábitos. Das 63 menções, massas são mais comuns (27%), seguidos de queijos (25%), peixes (14%), carne vermelha (13%), crustáceos (8%), aves (2%), saladas (2%) e outros (9%), como chocolates e sopas, o que mostra a diversidade de uso do vinho na culinária. ACOMPANHAMENTOS Massas e queijos são as comidas mais aliadas ao consumo de vinhos 27% 25%14% 13% 8% 2% 2% 9% % de menções do universo relacionado ao tema acompanhamento Massas Queijos Peixes Carne Vermelha Crustáceos Aves Saladas Outros
  10. 10. Os homens são maioria quando o assunto é vinho e representaram 55% das menções avaliadas durante o estudo, enquanto o gênero feminino representou 45%. GÊNERO Os homens falam mais de vinho do que as mulheres 55% 45% Gênero que mais citaram sobre vinhos Masculino Feminino
  11. 11. O intervalo entre as 21h e as 23h é o período onde os consumidores mais citam as marcas de vinho, com o maior pico às 23h. MENÇÕES POR HORÁRIO Pico de menções é durante a noite 0 50 100 150 200 250 5h 6h 7h 8h 9h 10h 11h 12h 13h 14h 15h 16h 17h 18h 19h 20h 21h 22h 23h 00h 01h 02h 03h 04h Horário da publicação de menções pelos usuários
  12. 12. É proibida a reprodução, execução ou representação total ou parcial deste conteúdo ou de qualquer elemento que o componha, em qualquer suporte ou mídia que exista ou venha a existir. Sendo assim, qualquer cópia ou material similar, produzido por pessoas físicas ou jurídicas, é passível de sanções penais descritas em leis. www.lefil.com.br

×