Expomoney - Introdução ao mercado de ações

1.447 visualizações

Publicada em

Material da palestra sobre Introdução ao mercado de ações de Felipe Augusto Russo, autor do livro "Avaliando Empresas, Investindo em Ações".

1 comentário
3 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.447
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
7
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Expomoney - Introdução ao mercado de ações

  1. 1. Introdução ao Mercado de Ações Felipe Augusto Russo
  2. 2. Introdução ao Mercado de Ações Mitos <ul><li>“ Investimento em ações é para quem tem muito dinheiro.” </li></ul>“ Renda variável é só para profissionais.” “ É fácil virar um milionário investindo em ações.”
  3. 3. Introdução ao Mercado de Ações Mitos <ul><li>“ Investir em ações é muito arriscado.” </li></ul>“ É um jogo de soma zero, se um ganha o outro perde.”
  4. 4. Introdução ao Mercado de Ações Investimento em ações <ul><li>Ferramenta para obtenção de retorno diferenciado em relação a outras alternativas de investimento do mercado. </li></ul><ul><li>Possibilidade de obter altos ganhos no curto prazo. </li></ul><ul><li>Permite montar uma estratégia de enriquecimento, objetivando a independência financeira no médio prazo. </li></ul>
  5. 5. Introdução ao Mercado de Ações Investimento em ações <ul><li>De 2002 a 2009 na Bovespa, o rendimento de quem investiu em ações da Vale do Rio Doce foi: </li></ul>R$ 100.000,00 R$ 1.060.000,00 R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 160.000,00 <ul><li>Projeção no caso de 10 anos, com mesma taxa até 2012: </li></ul>R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 500,00 R$ 510.000,00
  6. 6. Introdução ao Mercado de Ações Entendendo o Mercado de Ações Abrindo o capital: Empresa Ação $$$ Investidor Lucros
  7. 7. Introdução ao Mercado de Ações Entendendo o Mercado de Ações Sociedades Corretoras Investidores Empresas
  8. 8. Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa <ul><li>Entendendo a linguagem do mercado: </li></ul>
  9. 9. <ul><li>As ações só podem ser compradas ou vendidas através das sociedades corretoras. </li></ul><ul><li>As operações são efetuadas através da colocação de ordens: </li></ul><ul><ul><li>Ordem de compra: o investidor manifesta sua intenção de comprar ações. </li></ul></ul><ul><ul><li>Ordem de venda: o investidor manifesta sua intenção de vender ações. </li></ul></ul><ul><li>As operações podem ser solicitadas por escrito (FAX), por telefone ou através de sistemas Home-Broker. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  10. 10. Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa Venda mais barata Compra mais cara
  11. 11. <ul><li>Sistemas Home-Broker: </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  12. 12. <ul><li>Sistemas Home-Broker: </li></ul><ul><li>Ordens de compra </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  13. 13. <ul><li>Sistemas Home-Broker: </li></ul><ul><li>Ordens de venda </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  14. 14. <ul><li>Custos envolvidos nas operações: </li></ul><ul><ul><li>Corretagem: é paga à corretora como taxa de operação, paga-se na compra e na venda das ações. Pode ser um taxa fixa ou um percentual + um valor fixo. </li></ul></ul><ul><ul><li>Emolumentos: são pagos à Bovespa como taxa de operação, constituindo-se num percentual do valor da compra ou venda. </li></ul></ul><ul><ul><li>Taxa de liquidação: é paga à CBLC na compra e na venda, para custear as liquidações de ativos. </li></ul></ul><ul><ul><li>Taxa de registro: é paga à CBLC nas operações com opções, mercado a termo e futuro. Não incide sobre as operações do mercado à vista. </li></ul></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  15. 15. <ul><li>Custos envolvidos nas operações: </li></ul><ul><ul><li>Imposto de renda: deve ser pago pelo investidor através de DARF até o último dia útil do mês subsequente ao da operação. Quando o total de vendas do mês não atingir R$ 20.000,00, o investidor estará isento do IR, independente do lucro obtido. Excedido esse limite, deverá recolher 15% sobre o lucro líquido total apurado no mês (20% para day trade). </li></ul></ul><ul><ul><li>IRRF: é descontado em operações de venda que excedam R$ 20.000,00, day-trade ou pagamento de JCP. </li></ul></ul><ul><ul><li>Nas operações excedentes ou day-trade a aliquota é de 1% e 0,005% respectivamente. </li></ul></ul><ul><ul><li>No crédito de JCP a alíquota é de 15%. </li></ul></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  16. 16. <ul><li>Custos envolvidos nas operações: </li></ul><ul><ul><li>Tarifa de custódia: é descontada mensalmente da sua conta pela corretora, como pagamento por manter suas ações em custódia. Algumas corretoras isentam seus clientes desse encargo. </li></ul></ul><ul><ul><li>Tarifa de manutenção de conta: é descontada mensalmente da sua conta pela corretora, como pagamento por manter sua conta na corretora. Algumas corretoras não cobram essa tarifa. </li></ul></ul>Introdução ao Mercado de Ações Operando na bolsa
  17. 17. <ul><li>Os índices são indicadores de desempenho de um conjunto de papéis. </li></ul><ul><li>Índice BOVESPA (IBOV) – 65 ações que representam 80% dos negócios realizados na bolsa. </li></ul><ul><li>IEE – Índice de Energia Elétrica – 16 empresas do setor de energia. </li></ul><ul><li>INDX – Índice do Setor Industrial / SMLL – Índice de Small Cap / IMOB – Índice Imobiliário </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Índices
  18. 18. Introdução ao Mercado de Ações Aluguel de ações <ul><li>Para o investidor de longo prazo, existe a possibilidade de alugar suas ações para investidores que efetuam operações descobertas . </li></ul><ul><li>Por meio do aluguel, é possível incrementar a rentabilidade das ações que estão em carteira para o longo prazo. </li></ul><ul><li>Dependendo da ações, é possível ter rentabilidades de 3% a.a. a até 10% a.a. </li></ul><ul><li>Os custos variam de acordo com a corretora . </li></ul>
  19. 19. Introdução ao Mercado de Ações Plataformas avançadas <ul><li>Sistemas integrados para estudo e operação no mercado de ações. </li></ul><ul><li>Utilizam tecnologia streaming para obter informações atualizadas do mercado. </li></ul><ul><li>Permitem a inclusão de ordens com rapidez e agilidade. </li></ul><ul><li>Requerem maior domínio por parte do usuário. </li></ul><ul><li>Dependendo da corretora, podem ter alto custo. </li></ul>
  20. 23. <ul><li>Conjunto de ferramentas para identificar oportunidades do mercado, localizar as melhores empresas, os melhores papéis e o momento mais adequado para compra/venda. </li></ul><ul><li>Permite disponibilizar aos investidores informações sólidas para a tomada de decisão. </li></ul><ul><li>Permite padronizar indicadores sobre a saúde financeira das empresas e o comportamento do mercado. </li></ul><ul><li>Com o desenvolvimento tecnológico, foi possível a criação de poderosos instrumentos de apoio. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Análise de mercado
  21. 24. <ul><li>Escola Fundamentalista: Analisa o cenário macroeconômico e a saúde financeira, econômica e administrativa das empresas, como forma de estabelecer se a empresa tem ou não um grande futuro. O foco é a empresa. </li></ul><ul><li>Escola Técnica: Analisa fatores de comportamento do mercado em relação aos papéis, trabalhando as flutuações de preços e suas tendências, na busca por oportunidades de compra e venda. O foco é o mercado, não se importa com os fundamentos econômicos ou financeiros das empresas. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações As escolas de análise
  22. 25. <ul><li>Objetivos: </li></ul><ul><li>Estudar os fundamentos macroeconômicos (Inflação, PIB, política cambial e macroeconômica, comércio internacional e fatores setoriais). </li></ul><ul><li>Calcular indicadores fundamentalistas por meio dos dados de balanço e de mercado (cotações). </li></ul><ul><li>Selecionar empresas com potencial de crescimento e perspectivas positivas. </li></ul><ul><li>Avaliar a performance dos administradores. </li></ul><ul><li>Voltada ao i nvestimento de médio e longo prazo. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Análise fundamentalista
  23. 26. <ul><li>Objetivos: </li></ul><ul><li>Estudar os movimentos do mercado para um ativo e estabelecer a tendência em que se encontra e as possibilidades de reversão dessa tendência. </li></ul><ul><li>Utiliza dados de mercado (cotações, volume), fórmulas estatísticas e matemáticas, além de análise visual de gráficos. </li></ul><ul><li>Acompanhar os movimentos de mercado se posicionando sempre a favor dele. </li></ul><ul><li>Obter a melhor performance possível explorando pontos de reversão nas tendências dos papéis. </li></ul><ul><li>Investimento de médio ou de curto prazo. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Análise técnica
  24. 27. <ul><li>Disposição para aprender, ler muito e manter-se informado. </li></ul><ul><li>Paciência e capacidade de observação e interpretação. </li></ul><ul><li>Disciplina e clareza na tomada de decisões. </li></ul><ul><li>Gerenciamento de capital. </li></ul><ul><li>Monitoramento de performance. </li></ul><ul><li>Reavaliação contínua. </li></ul><ul><li>Cuidado com suas fontes de informação. </li></ul>Introdução ao Mercado de Ações Postura do investidor
  25. 28. Introdução ao Mercado de Ações Bibliografia Felipe Augusto Russo [email_address]

×