Critérios específicos de correcção 9º ano

866 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
866
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Critérios específicos de correcção 9º ano

  1. 1. DEPARTAMENTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E HUMANAS CRITÉRIOS ESPECÍFICOS DE CLASSIFICAÇÃO DA PROVA GLOBAL DE HISTÓRIA 9.º ANO DE ESCOLARIDADE GRUPO I1. ….…………………...…………………………………………………………… 4 pontosOrdenação cronológica dos oito elementos: • a) 5 • b) 2 • c) 3 • d) 7 • e) 1 • f) 4 • g) 8 • h) 62.1. …………………………………………………………………………..……. 7 pontosIndicação clara de três dos seguintes princípios que justificam o carácterdemocrático do governo da 1.ª República presentes no documento 1: • igualdade de tratamento: “(…) não admite privilégio de nascimento, nem foros de nobreza, extingue os títulos nobiliárquicos”; • igualdade perante a lei: “A lei é igual para todos (...)”; • liberdade religiosa: “Ninguém pode ser perseguido por motivo de religião”; • liberdade de expressão: “A expressão de pensamento (...) é completamente livre (...)”; • acesso à educação: “O ensino primário elementar será obrigatório e gratuito”; • direito ao voto: “A soberania reside essencialmente na Nação”; • separação de poderes: “(…) o Poder Legislativo, o Poder Executivo e o Poder Judicial, independentes e harmónicos entre si”. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 1/8
  2. 2. 3.1. ………………………………………………………………………………… 7 pontosReferência clara, em articulação com o documento 2, de três das seguintes medidastomadas pelos governos republicanos na área da educação: • estabelecimento da escolaridade obrigatória entre os sete e os dez anos; • criação de jardins-escola e aumento do número de escolas primárias (documento 2); • reforma do ensino técnico; • criação das Universidades de Lisboa e Porto.4.1. ……………………………………………………………………...…………. 7 pontosExplicitação, em articulação com o documento 3, das razões que contribuiram parao derrube da República, abordando os aspectos a seguir referidos na orientação daresposta: • desemprego elevado; • aumento do custo de vida e da inflação; • aumento da dívida externa; • aumento do número de greves; • ocorrência de acções terroristas (documento 3); • rivalidades partidárias resultantes das divergências entre os seus dirigentes e da dificuldade em cumprir os programas eleitorais; • instabilidade governativa, de 1910 a 1926 houve em Portugal oito Presidentes da República e quarenta e cinco governos (documento 3). Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 2/8
  3. 3. GRUPO II1. …………………………………………………………………..………………. 5 pontosIndicação das frases correctas e/ou incorrectas: • 1) Falso; • 2) Verdadeiro; • 3) Falso; • 4) Falso.; • 5) Verdadeiro.1.1. ................................................................................................................ 3 pontosCorrecção das frases incorrectas: • 1) Numa crise de superprodução a procura é maior do que a oferta. • 3) Em 1929 deu-se o crash da Bolsa de Valores de Londres. • 4) Face ao clima de insegurança económica, deu-se uma aceleração do comércio mundial.2.1. ................................................................................................................ 8 pontosEnunciado claro, em articulação com o documento 4, de três dos seguintes motivosque contribuiram para a crise financeira de 1929: • a especulação bolsista, dado que a compra e venda de acções fez subir o preço acima do seu valor real (documento 4); • uma crise de superprodução, em que a oferta é maior que a procura, provocada pela diminuição das exportações e a saturação do mercado interno; • um período de deflação, uma vez que as empresas reduziram a actividade, baixaram os preços dos produtos e desceram os salários dos seus trabalhadores; • o Crash da Bolsa de Nova Iorque, dado que a descida acentuada dos lucros das empresas, desencadeou a venda das acções abaixo do seu valor do seu valor real, provocando a quebra da Bolsa de Valores (documento 4); • o agravamento da Depressão económica quando os investidores deixaram de pagar as suas dívidas aos bancos; os bancos, sem capital suficiente, reduziram os empréstimos, e muitos abriram falência; as empresas, sem acesso ao crédito bancário, tiveram de encerrar, e o desemprego alastrou, contribuindo para diminuir o poder de compra e o consumo. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 3/8
  4. 4. 2.2. …………………………………………………………………………...…….. 9 pontosReferência clara, em articulação com o documento 5, de três das seguintesconsequências sociais causadas pela Grande Depressão: • o elevado número de desempregados, sem direito a qualquer indemnização ou subsídio; • a degradação das condições de vida com muitos desempregados a viverem em barracas e a viver da mendicidade; • suicídios; • criminalidade; • o agravamento das tensões sociais. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 4/8
  5. 5. GRUPO III1. ................................................................................................................... 4 pontosIndicação das frases correctas e/ou incorrectas: • 1) Falso; • 2) Verdadeiro; • 3) Falso; • 4) Falso; • 5) Verdadeiro; • 6) Verdadeiro; • 7) Falso; • 8) Falso.2. ................................................................................................................... 6 pontosAssociação correcta dos seis elementos: • a – 1; • b – 6; • c – 4; • d – 5; • e – 3; • f – 2.3.1. ................................................................................................................ 7 pontosExplicitação dos princípios da ideologia nazi presentes no documento 6: • o totalitarismo, assente na existência de um estado forte e de um partido único dirigidos por um chefe, o Fuhrer, a quem se deveria obedecer cegamente; • o racismo, ou seja, a distinção entre raças superiores e inferiores, defendendo que os arianos eram a raça considerada superior; • o anti-semitismo, que consistia no ódio aos judeus, considerados a raça mais inferior de todas as raças; • o nacionalismo e o imperialismo deviam levar os Alemães a reagrupar-se num Grande Reich e a conquistar o seu espaço vital, isto é, uma extensão territorial adequada às necessidades do seu povo. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 5/8
  6. 6. 4.1. ................................................................................................................ 8 pontosIdentificação de três dos seguintes princípios ideológicos do Estado Novo presentesno documento 7: • defesa de uma sociedade educada de acordo com a moral cristã (o crucifixo, o pão e o vinho sobre a mesa fazem lembrar o sacrifício cristão); • defesa e preservação dos valores tradicionais salazaristas representados no lar perfeito, rústico, humilde, analfabeto, patriarcal, cristão (é a apologia da saudável e simples vida do campo, por oposição aos vícios gerados pela vida urbana; lar simples, aconchegado, sem água nem electricidade, sem um jornal ou aparelho de rádio, nada que faça lembrar a indústria, a modernidade; a mulher que, submissa, cumpre a sua missão de esposa e mãe; o pai, chefe de família, único que trabalha fora de casa); • totalitarismo e o culto do chefe (os filhos que, saúdam o pai, o Chefe, que chega do campo onde labuta para angariar o sustento da casa); • nacionalismo (o castelo com a bandeira nacional revela a gloriosa história da pátria). Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 6/8
  7. 7. GRUPO IV1. ................................................................................................................... 5 pontosIndicação das frases correctas e/ou incorrectas: • 1) Falso; • 2) Verdadeiro; • 3) Falso; • 4) Falso; • 5) Verdadeiro.2.1. ................................................................................................................ 7 pontosReferência clara, em articulação com o documento 8, da posição do Estado Novoface à descolonização: • defesa da existência de províncias ultramarinas e não colónias, que pertenciam ao território português e cujos habitantes eram portugueses (documento 8); • direito histórico de civilizar os povos indígenas (documento 8).3.1 ................................................................................................................. 6 pontosExplicitação clara, em articulação com o documento 9, do significado da expressão“evolução na continuidade” atribuída a Marcelo Caetano: • verificou-se apenas um abrandamento na actuação da censura e da PIDE; • não concedeu qualquer amnistia aos presos políticos; • recusava a liberdade de associação; • os partidos políticos não tinham sido autorizados; • a polícia política apenas mudara de nome, passando a designar-se Direcção Geral de Segurança; • manteve a guerra colonial. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 7/8
  8. 8. 4.1. ................................................................................................................ 7 pontosEnunciado dos princípios democráticos presentes no documento 10: • extinção da Polícia Política, da Legião Portuguesa e da Mocidade Portuguesa; • abolição da censura e reconhecimento da liberdade de expressão e de pensamento; • autorização dos partidos políticos; • promoção de eleições livres. Prova Global de História − Critérios Específicos de Classificação • Página 8/8

×