O Espaço Rural Brasileiro

733 visualizações

Publicada em

O Espaço Rural Brasileiro

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
733
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
40
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O Espaço Rural Brasileiro

  1. 1. Geografia – Prof. ZuluGeografia – Prof. Zulu O Espaço Rural BrasileiroO Espaço Rural Brasileiro
  2. 2. Espaço Rural •agricultura •pecuária •atividades extrativas
  3. 3. • Agropecuária: emprega 17% da PEA brasileira; • Agropecuária: 7% do PIB anual do país.
  4. 4. • Café: maior produtor e exportador do mundo (2014)
  5. 5. • Cana: maior produtor e exportador do mundo (2014)
  6. 6. • Laranja: maior produtor e exportador do mundo (2014)
  7. 7. • Soja: maior exportador do mundo e segundo maior produtor (2014)
  8. 8. • Milho: segundo maior exportador mundial e terceiro maior produtor (2014)
  9. 9. • Bovinos: 1° lugar em criação no mundo e maior exportador
  10. 10. • Suínos: 3° lugar em criação no mundo
  11. 11. • Aves: 4° lugar em criação no mundo e maior exportador
  12. 12. • Equinos: 3° maior rebanho do mundo
  13. 13. • Grande volume da produção agropecuária: aumento do nível tecnológico
  14. 14. • Ainda existem setores agropecuários tradicionais
  15. 15. • Características da Agricultura Tradicional: • Pequenas e médias propriedades
  16. 16. • Características da Agricultura Tradicional: • Produção de alimentos básicos: arroz, feijão, milho, mandioca.
  17. 17. • Características da Agricultura Tradicional: • Utilização de arados de tração animal, mão de obra familiar e técnicas rudimentares de preparo do solo.
  18. 18. • Características da Pecuária Tradicional: • Predomínio da criação na forma extensiva
  19. 19. • Características da Pecuária Tradicional: • Criação tradicional destinados ao consumo familiar
  20. 20. • Características da Agricultura Moderna: • Grandes propriedades geralmente monocultoras
  21. 21. • Características da Agricultura Moderna: • Cultivos destinados a indústria ou exportação: soja, laranja, café, cana-de-açúcar, algodão, trigo
  22. 22. • Características da Agricultura Moderna: • Emprega tecnologias avançadas
  23. 23. • Características da Agricultura Moderna: • Técnicas de cultivo mais eficazes
  24. 24. • Características da Pecuária Moderna: • Predomínio da criação na forma intensiva
  25. 25. • Características da Pecuária Moderna: • Cuidados especiais: ração balanceada, vacinação periódica, remédios, controle de crescimento e peso.
  26. 26. • Características da Pecuária Moderna: • Gado: inspeção sanitária e acompanhamento veterinário periodicamente.
  27. 27. • Características da Pecuária Moderna: • Os animais se desenvolvem mais rapidamente e livre de doenças
  28. 28. • A agropecuária moderna no Brasil cresceu mais rapidamente a partir das décadas de 1960 e 1970. • Governo: política agrícola voltada para produção de gêneros destinados à indústria e ao mercado externo
  29. 29. • Investimentos: grandes propriedades monocultoras. • Agricultura Monocultora Comercial: emprega a maior parte dos recursos técnicos modernos disponíveis
  30. 30. • Pequenas e médias propriedades: recebem do governo recursos técnicos e financeiros insuficientes para atender as suas necessidades.
  31. 31. • Superar problemas como falta de apoio do governo: formação de cooperativas agrícolas. • Cooperativas Agrícolas: são sociedades formadas por produtores rurais.
  32. 32. • Empresas de capital nacional e estrangeiro passaram a investir em usinas e fábricas que processam produtos de origem animal e vegetal. São as agroindústrias.
  33. 33. • A atividade extrativa no Brasil é desenvolvida, especialmente, no espaço rural e destina-se à produção de alimentos e matérias-primas.
  34. 34. • Em geral, a atividade extrativa é realizada com tecnologia reduzida, ou seja, com a utilização de equipamentos e técnicas rudimentares.
  35. 35. • Algumas atividades extrativas, entretanto, como a exploração de petróleo e de jazidas minerais, exigem a aplicação de vultosos recursos financeiros, pois são viáveis somente com a utilização de equipamentos sofisticados e de técnicas avançadas.
  36. 36. • Brasil: está entre os maiores exploradores de minérios do mundo. • Rico subsolo e crescimento da mineração moderna.
  37. 37. • Empresas brasileiras têm se associado a multinacionais, implantando grandes projetos de mineração, utilizando alta tecnologia e ampliando a produção. • O governo investiu muito em infraestrutura e incentivos fiscais, o que gerou um elevado custo econômico. • Parte do lucro dessas multinacionais retorna aos países de origem, deixando de ser investida no Brasil.
  38. 38. Principais minérios extraídos no Brasil •Ferro: (3° produtor mundial): MG, PA, MS – usado para produzir aço.
  39. 39. Principais minérios extraídos no Brasil •Bauxita: (3° produtor mundial): PA – minério da qual se extrai o alumínio.
  40. 40. Principais minérios extraídos no Brasil •Manganês: (2° produtor mundial): PA, MG e MS – usado para produzir aço.
  41. 41. Principais minérios extraídos no Brasil •Nióbio: (1° produtor mundial): MG e GO – usado na fabricação de máquinas e equipamentos de alta tecnologia, como turbinas de aviões.
  42. 42. Subaproveitamento do espaço rural brasileiro •A baixa produtividade é um dos aspectos marcantes do subaproveitamento do espaço rural brasileiro. •O índice médio de produtividade do Brasil é muito baixo quando comparado ao de outros países produtores. Produtividade (toneladas/ha) - 2009 Produtos Países Brasil França Feijão 0,85 2,66 Batata 24,8 42,1 Milho 3,71 9,10 Trigo 2,1 7,44
  43. 43. Subaproveitamento do espaço rural brasileiro •A área ocupada por estabelecimentos rurais no Brasil abrange quase a metade do seu território. •No entanto, a maior parte dessa área é utilizada para pastagens, onde se desenvolve a criação extensiva de gado.
  44. 44. A concentração de terras •Estrutura fundiária: é a forma como estão organizadas e distribuídas as propriedades rurais de um país, de acordo com a quantidade e o tamanho. •No Brasil a estrutura fundiária se mostra fortemente concentrada.
  45. 45. A concentração de terras •No Brasil, a maior parte das terras ocupadas por estabelecimentos rurais pertence a uma parcela muito restrita de proprietários, os chamados latifundiários. •Por outro lado, milhões de pequenos proprietários, os minifundiários, são donos de porções de terra tão pequenas que, muitas vezes, a renda obtida com a produção é insuficiente para manter o sustento das próprias famílias.
  46. 46. A concentração de terras •Uma das principais causas da concentração fundiária no Brasil é a expropriação, ou seja, a perda da propriedade rural pelos pequenos agricultores endividados, que acabam utilizando suas terras como pagamento de dívidas contraídas em bancos ou vendendo-as para empresas e grandes fazendeiros. Sem terra para trabalhar, muitos desses agricultores migram para as cidades.
  47. 47. A concentração de terras •Fatores que provocaram um intenso êxodo rural a partir de 1960: •Mecanização das lavouras; •Criação do Estatuto do Trabalhador Rural, estabelecendo benefícios trabalhistas aos trabalhadores rurais, o que levou muitos fazendeiros a despedir a maioria de seus funcionários para não pagar tais benefícios.
  48. 48. Reforma Agrária •Problema da concentração de terras pode ser resolvido com a reforma agrária. •Reforma Agrária: reorganização da estrutura fundiária com o objetivo de promover a distribuição mais justa das terras. •Para tanto, é necessário desapropriar grandes áreas improdutivas, como as existentes em muitas fazendas, e subdividi-las em lotes, que serão distribuídos entre os agricultores e trabalhadores rurais sem terra, formando, então, os chamados assentamentos rurais.
  49. 49. Reforma Agrária •A simples redistribuição de terras não garante o sucesso de uma reforma agrária. •É necessário que o governo, principalmente, tome medidas de apoio aos pequenos produtores rurais assentados, como: •facilidades na obtenção e no pagamento de financiamentos bancários; • garantia de preços na comercialização da safra •condições de transporte e armazenamento da produção; •orientação técnica; •implantação de infraestrutura nos assentamentos.
  50. 50. Pequenos Proprietários, Grandes Brasileiros •Os pequenos proprietários são responsáveis pela produção de grande parte dos alimentos consumidos no país. •No entanto, dispõem de poucos recursos e auxílio por parte do governo e não conseguem obter uma produtividade alta. •Os grandes proprietários possuem muitos recursos e auxílio, mas dão preferência para culturas de exportação. •Resultado: concentração de terras e encarecimento do preço dos alimentos.
  51. 51. Utilização do Solo •O espaço rural brasileiro apresenta problemas relacionados à utilização do solo. •O emprego de técnicas inadequadas de cultivo tem colaborado para o desgaste, isto é, para a erosão do solo. •A técnica da queimada, por exemplo, apesar de bastante nociva, ainda é muito utilizada no país. Essa técnica acarreta sérios danos ambientais.

×