Tango

4.309 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
4.309
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
176
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Tango

  1. 1. TANGO
  2. 2. Origem e HistóriaO Tango nasceu nos fins do século XIX derivado dasmisturas entre as formas musicais dos imigrantesitalianos e espanhóis, dos crioulos descendentes dosconquistadores espanhóis que já habitavam ospampas e de um tipo de batuque dos negroschamado "Candombe". Há indícios de influência da"Habanera" cubana e do "Tango Andaluz". O Tangonasceu como expressão folclórica das populaçõespobres, oriundas de todas aquelas origens, que semisturavam nos subúrbios da crescente Buenos Aires.
  3. 3. Evoluções e Personagens Por volta de 1910 o Tango foi levado para Paris. Existem várias versões de como isso aconteceu. A sociedade parisiense da época em que as artes viviam o modernismo ansiava por novidades e exotismos. O tango virou uma febre em Paris e, como Paris era o carro chefe cultural de todo o mundo civilizado, logo o tango se espalhou pelo resto do mundo. A parcelas moralistas da sociedade condenavam o tango, assim como já haviam se colocado contra a valsa antes, por o considerarem uma dança imoral. A própria alta sociedade Argentina desprezava o tango, que só passou a ser aceito nos salões de alta classe pela influência indireta de Paris.
  4. 4. Locais de Apresentações Antigamente nos cabarés de luxo da década de 1920, o tango sofreu importantes modificações. Os executantes não eram mais os pequenos grupos que atuavam nos bordéis, mas músicos profissionais que trouxeram o uso do piano e mais qualidade técnica e melódica. O Tango é a manifestação cultural e popular, mais relevante de Buenos Aires, da nossa Argentina. É o selo da nossa identidade, de nosso sentir, de nossa nostalgia de portenhos. As suas letras e sons refletem a paixão, a melancolia, a sensualidade, às vezes o drama, às vezes o pranto, a alegria, a emoção do que foi, do que podia ter sido; ou do que é, do que não é, ou do que será. O tango, a fusão de sons e movimentos adiciona dia após dia cada vez mais e mais aficionados, fanáticos, e admiradores no mundo todo.
  5. 5. Passos do Tango 1-Posição do homem: Segure a mulher pelas costas com seu braço direito, que vai guiar os movimentos dela. Com a sua mão livre, segure a mão direita dela e flexione-a no alto. 2-Posição da mulher: Faça a posição espelhada e coloque o seu braço esquerdo no ombro do seu par. 3-Os dois devem manter contato visual e uma postura ereta. 4-Para o homem: faça a forma de um quadrado com os passos: Leve a perna direita para trás, junto com o corpo. Junte os dois pés no mesmo lugar. Dê um passo para a sua esquerda. Junte os pés novamente. Leve a perna esquerda para a frente, na diagonal. Para terminar, dê um passo à direita. 5-Para a mulher: faça a mesma sequência que o homem, mas com a perna contrária, sempre juntando os pés entre cada passo. Ao chegar atrás, cruze a perna esquerda pela frente da direita, descruze-as e termine fechando o passo.
  6. 6. Curiosidades do Tango Os locais em que aconteciam as festas eram chamados de "tangos". Há várias versões para a origem do nome. Alguns acreditam que ela venha de "tambor", amplamente usado nas músicas de inspiração africana. O gênero musical tipicamente argentino nasceu por volta de 1877 na cidade de Buenos Aires . Os negros libertos após a abolição da escravatura, promulgada no país em 1813, moravam em sua maioria no bairro Montesserat, onde costumavam se reunir para tocar e dançar. Outros afirmam que o termo é uma adaptação de Xangô, nome do deus da guerra na religião afro. Existe ainda um terceiro grupo que diz tratar-se de uma palavra de um dialeto cujo significado é "aproximar- se, tocar".
  7. 7. Agradecemos Sua Atenção Bruna Dantas Carol Maríns Cayari Santana Mirela Cristina Renata Calista Ellen Costa 2-D

×