Educação e Formação de Adultos - Nível Secundário
Núcleo Gerador: Convicção e Firmeza Ética
Área de Competência: Cidadania...
1. Faça uma reflexão crítica sobre os valores necessários ao desenvolvimento
     de uma instituição.
     Na   minha   op...
Definição de responsabilidades para a                        X
elaboração, implementação e comunicação do
código de ética
...
Necessidade de explicar condições para o              x
sucesso de um processo de elaboração e
implementação de códigos de...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Reflexao Dr3 CP Convicção e Firmeza Ética

15.179 visualizações

Publicada em

0 comentários
5 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
15.179
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
349
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
5
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Reflexao Dr3 CP Convicção e Firmeza Ética

  1. 1. Educação e Formação de Adultos - Nível Secundário Núcleo Gerador: Convicção e Firmeza Ética Área de Competência: Cidadania e Profissionalidade Competência: Identificar a convicção e firmeza ética como valores necessários para o desenvolvimento institucional. Critérios de Evidência: • Identificar valores necessários para o desenvolvimento institucional. • Explorar posturas valorativas em contexto organizacional. • Contribuir para a construção de um código de conduta ético. Nome: Marco Araújo Data: 21/12/2009 Proposta de trabalho1 Princípios Fundamentais do Código de Conduta (...) Legalidade Agindo sempre em conformidade com a lei e os regulamentos emanados das autoridades competentes. Boa fé Actuando, junto dos interlocutores internos ou externos, no quadro de confiança suscitando, de forma correcta e leal, com adequado sentido de cooperação. Eficiência Procurando cumprir as missões e executar as funções ou tarefas que lhes caibam com rigor e qualidade, através de processos simples e expeditos, sentido de economia, de bom e racional uso dos recursos. Verdade e Transparência Estabelecendo relações na base destes valores e assegurando o exercício das respectivas funções de modo rigoroso, reservado e fiável, bem como a disponibilização, de forma clara e fidedigna, da informação que deva ser prestada. Imparcialidade e Igualdade Acompanhando, numa postura de equidistância, os assuntos e matérias que possam envolver interesses não convergentes entre os diversos interlocutores, garantindo a todos um tratamento igual, sem discriminação, quer numa perspectiva formal quer material. Integridade Agindo, em todas as circunstâncias, com rectidão e honestidade, no respeito pelos objectivos da instituição e recusando intervir na gestão de situações em que haja, ou possa haver, colisão de interesses, pessoais e institucionais. (...) Associação Portuguesa de Seguradores – Código de conduta [online] Lisboa, 2005. [12.03.08] Animadores Sócio culturais Cidadania e Profissionalidade
  2. 2. 1. Faça uma reflexão crítica sobre os valores necessários ao desenvolvimento de uma instituição. Na minha opinião os valores que mais preso são a lealdade, responsabilidade, profissionalismo, ambição etc. Escolhi estes valores porque: a lealdade para com os colaboradores e utentes/clientes estão na base de uma boa organização e relação interpessoais, se a base for bem construída os restantes valores serão implantados da melhor forma, no que diz respeito a responsabilidade, é outro dos valores que todos deveríamos ter porque para trabalhar em equipa este valor será importante. Também o profissionalismo e ambição teriam de estar bem presentes no dia-a-dia da instituição, para que se torne competitiva e responsável por um crescimento sustentável. 2. De que forma (s) os colaboradores podem contribuir para a construção e cumprimento do código de conduta de uma instituição? Os colaboradores na minha opinião têm um papel fundamental na implementação e elaboração de um código de conduta numa instituição, porque se um colaborador não se identificar com as directivas da instituição será muito mais difícil por em prática, o mesmo código, o que não será saudável para o colaborador e para a instituição. Proposta de trabalho 2 Se tivéssemos de definir os elementos que seriam contemplados em futuras normas para a elaboração e implementação de códigos de ética nas organizações, com base no conhecimento que tem da realidade das organizações com quem trabalha, que aspectos acha fundamentais? Assinale a opção mais adequada. Elementos essenciais para um código Pouco Importante Muito importante importante ético de empresa Compromisso e papel da gestão de topo na X elaboração, implementação e comunicação do código de ética Animadores Sócio culturais Cidadania e Profissionalidade
  3. 3. Definição de responsabilidades para a X elaboração, implementação e comunicação do código de ética Envolvimento dos colaboradores da organização X na elaboração e na validação do código de ética Envolvimento de partes interessadas externa à organização na elaboração e na validação do código de ética (exemplos de partes interessadas X externas são, entre outros clientes, fornecedores, organizações não governamentais, administração central e local, associações) Definição de indicadores mensuráveis para X avaliação da eficácia da implementação do código de ética. Definição de sistemas de auto-controlo (por X exemplo, auditorias internas e/ou externas) Criação de mecanismos de registo de X preocupações dos colaboradores face a possíveis comportamentos que desrespeitem o código de ética Protecção da identidade de quem denuncia x comportamentos que desrespeitam o código de ética Obrigatoriedade de assinatura do código de ética x por todos os colaboradores da organização Obrigatoriedade de elaboração de relatório x formal de divulgação externa sobre o desempenho ético da organização, com base nos indicadores e sistemas de auto-controlo definidos Necessidade de alertar para os perigos de uma x deficiente elaboração, implementação e comunicação de códigos de ética em organizações Animadores Sócio culturais Cidadania e Profissionalidade
  4. 4. Necessidade de explicar condições para o x sucesso de um processo de elaboração e implementação de códigos de ética em organizações Necessidade de explicar o papel do código x de ética na questão mais vasta e complexa do desempenho ético da organização Necessidade de alertar para a coerência x entre o processo informal e o processo formal da ética nas organizações Animadores Sócio culturais Cidadania e Profissionalidade

×