Apres fundo patrimonial_idis_2012

236 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
236
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apres fundo patrimonial_idis_2012

  1. 1. Fundo PatrimonialDez 2011
  2. 2. Agenda1 O que é um Fundo Patrimonial?2 Por que criar um Fundo Patrimonial?3 Estruturação de um Fundo Patrimonial4 Gestão de um Fundo Patrimonial
  3. 3. O que é um Fundo Patrimonial? “A fund that is made up of gifts that are subject to a requirement that the principal be maintained intact and invested to create a source of income for an organization. Donors may set up an endowment to fund a specific interest; and a nonprofits governing body may set up an endowment. In any case, an endowment Fonte: site nonprofit.about.com requires that the principal remain intact in perpetuity, or for a defined period of time or until sufficient assets have been accumulated to achieve a designated purpose.” “Um fundo composto por doações com a condição de seu principal (valor doado) ser mantido intacto e investido para criar uma fonte de recursos para uma organização. Doadores podem estabelecer um Fundo Patrimonial para financiar um interesse específico, assim como o Conselho de uma entidade sem fins lucrativos pode estabelecer um Fundo Patrimonial. Em qualquer um dos casos, um Fundo Patrimonial tem por princípio a manutenção do valor doado na perpetuidade (FMCSV), ou por um período de tempo definido (Fundação VITAE) ou até que recursos suficientes sejam acumulados para atingir um propósito específico.”
  4. 4. Por que criar um Fundo Patrimonial?  Perpetuar uma causa  Em relação a famílias, interesse do instituidor em perpetuar valores em sua família e na sociedade  Determinar um fim específico para os recursos  Estabilidade operacional no longo prazo  Independência  Profissionalização da governança e da operação  Margem para a excelência  Não perder foco com captação
  5. 5. Por que criar um Fundo Patrimonial? Prática não é comum, Desenvolvimento da Legislação brasileira não endowments existem prática é um desafio prevê incentivos fiscais por razões históricas para o 3º setor “By reducing variability in revenues, endowments serve to promote long-term planning while strengthening the viability of the institution from an operating perspective” “Ao reduzir a variabilidade dos recursos disponíveis (receita), os fundos patrimoniais promovem o planejamento de longo prazo e fortalecem a viabilidade da instituição do ponto de vista operacional” (Trecho do livro de David Swensen, Pioneering Portfolio Management – An unconventional Approach to Institutional Investment)
  6. 6. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”) • Governança • Modelo de gestão de recursos
  7. 7. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial  Perpetuidade ou período específico  Doação no início ou em tranches  Um fundo ou fundos com propósitos específicos  Missão do fundo X Missão da organização • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”) • Governança • Modelo de gestão de recursos
  8. 8. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”)  Para um Fundo Patrimonial de R$ 1 Milhão, quanto podemos gastar sem consumir o principal? O que considerar na determinação do spending rate?  É preciso definir uma regra clara de utilização do Fundo Patrimonial para que o conceito de perpetuidade prevaleça  O valor do fundo a ser gasto anualmente deve considerar o potencial de retorno no longo prazo acima da inflação. Na FMCSV foi adotado 5% do Fundo Patrimonial do ano anterior  O potencial de retorno de investimentos no Brasil foi considerado: - NTNB 45 (nota do tesouro nacional) rende IPCA + 5,5% - CDI rende atualmente 11,5 % (inflação atual de 7% + 4,5%) - Investimento em bolsa de valores tem maior potencial de retorno, porém maior risco
  9. 9. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”)  Exemplo: Spending Rate de 5% Patrimônio do Fundo Gasto Anual R$ 1 milhão R$ 50 mil R$ 2 milhões R$ 100 mil R$ 10 milhões R$ 500 mil R$ 50 milhões R$ 2,5 milhões R$ 100 milhões R$ 5 milhões
  10. 10. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”) • Governança  Definição de regras para utilização do fundo e processos decisórios  Estrutura de Governança da Gestão do Fundo Patrimonial Órgão Conselho de Curadores Deliberativo Órgãos Conselho Fiscal Comitê de Investimentos Consultivos Consultoria de Área Operação Risco Financeira Gestores
  11. 11. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”) • Governança  Responsabilidades do Comitê de Investimentos Entender a missão e a visão da organização Desenvolver e recomendar propostas estratégicas Revisar a Política de Investimentos Monitorar performances e despesas dos fundos Determinar ciclo de revisão e seleção de gestores Estimular construtivamente a equipe da área financeira Promover auto-avaliações Planejar e assegurar a sucessão
  12. 12. Estruturação de um Fundo Patrimonial Discussão e entendimento das seguintes questões: • Composição e missão do Fundo Patrimonial • Quanto poderá ser gasto por ano (“spending rate”) • Governança • Modelo de gestão de recursos  Processo dinâmico e contínuo  Estrutura de governança é testada  Etapas para implantação de modelo de gestão de recursos
  13. 13. Gestão de um Fundo Patrimonial Etapas para implantação de modelo de gestão de recursos Missão e Governança Monitoramento Definição do de Performance Apetite a Risco Definição da Seleção de Alocação de Gestores Estratégia Definição do Definição do Custo Alvo Benchmark Definição da Estrutura
  14. 14. Gestão de um Fundo Patrimonial Organizada em torno de três conceitos fundamentais Política de Investimentos Determina os direcionamentos estratégicos e táticos para a gestão financeira do fundo. Fundo Patrimonial Ativos cuja rentabilidade garante a sustentabilidade da Fundação e de seu objeto social no longo prazo, gerido com aprovação do Conselho de Curadores. Fundo Operacional Recursos necessários para cobrir as necessidades administrativas e programáticas da FMCSV no ano. O valor é definido pelo Conselho, aprovado pelo Ministério Público e os recursos são alocados em uma conta com gestão da Direção Executiva e em aplicação com liquidez.

×