Gases e termodinamica formulario

552 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
552
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
6
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
23
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Gases e termodinamica formulario

  1. 1. Formulário de Gases e Termodinâmica Gases Equação de Clapeyron (Gases) TRnVp ...  Transformação dos gases: (com mudança do número de mols) 22 22 11 11 .. Tn Vp Tn Vp  Transformação dos gases: (sem mudar o número de mols) 2 22 1 11 .. T Vp T Vp  p = pressão (N/m2 ) ; V = volume (m3 ) ; n = No de mols ; R = constante dos gases ; T = temperatura (em kelvin) Obs: m = massa total do gás ; M = massa de 1 mol do gás (massa molar) 1 atm = 105 N/m2 1 L = 10-3 m3 M m n  R = 0,082 atm.L/mol.K R = 8,31 J/mol.K T = θc + 273 cte = constante Isobárico → p = cte Isotérmico → T = cte Isométrico ou Isovolumétrico ou Isocórico → V = cte Mistura de Gases: n = n1 + n2 + . . .  ... ... 2 22 1 11  T Vp T Vp T Vp Termodinâmica τ = Trabalho de um gás (J): τ = p . V Fórmula válida para pressão constante (isobárica). Gráfico de p x V: τ = área do gráfico Ciclo: τ = área interna do gráfico (conversão de calor em trabalho) Ciclo: τ = área interna do gráfico (conversão de trabalho em calor) τ = +  Ocorre na expansão (aumento de volume do gás) (trabalho realizado pelo gás) τ =   Ocorre na compressão (diminuição do volume do gás) (trabalho realizado sobre o gás) τ = 0  Ocorre quando não há variação de volume (volume constante = Isométrico ou Isovolumétrico ou Isocórico) Potência  Pot = ( x N° de ciclos) / t (J/s = w) N.S. AULAS PARTICULARES TODAS AS SÉRIES E MATÉRIAS 3825-2628 3663-5692R. Baronesa de Itu, 275, sala 5 - HIGIENÓPOLIS .
  2. 2. U = Variação da Energia interna do gás (J): TRnU  .. 2 3 U = +  Ocorre quando há aumento da energia interna do gás (aumento da temperatura) U =   Ocorre quando há diminuição da energia interna do gás (diminuição da temperatura) U = 0  Ocorre quando não há variação da temperatura (temperatura constante = Isotérmico) Q = Quantidade de calor (J): 1 cal  4,18 J Q = +  Ocorre quando o gás ganha ou recebe calor do meio externo. Q =   Ocorre quando o gás perde ou cede calor para o meio externo. Q = 0  Ocorre no processo adiabático, ou seja, não há troca de calor com o meio externo. 1a Lei da Termodinâmica: Q = τ + U 2a Lei da Termodinâmica: Q1 = τ + Q2 Relação de Carnot: 2 2 1 1 T Q T Q  (lembre-se de que a temperatura tem que ser em Kelvin) Q1 = fonte quente de calor (cal ou J) Q2 = fonte fria de calor (cal ou J) T1 = temperatura da fonte quente (K) T2 = temperatura da fonte fria (K) Máquinas quentes (máquinas à vapor)  = rendimento (x 100 = %) 1 2 1 2 1 11 T T Q Q Q    Máquinas Frias (refrigeradores, ar condicionado, etc) e = eficiência  2Q e  3825-2628 3663-5692 N.S. AULAS PARTICULARES .
  3. 3. Transformação Gasosa TRANSFORMAÇÕES p V T U U  Q CÁLCULOS expansão isotérmica   = = 0 + + Q =  compressão isotérmica   = = 0 − − Q =  aquecimento isométrico  =   + 0 + Q = U resfriamento isométrico  =   − 0 − Q = U aquecimento isobárico ou expansão isobárica =    + + + Q =  + U compressão isobárica ou resfriamento isobárico =    − − − Q =  + U expansão adiabática     − + 0 0 =  + U compressão adiabática     + − 0 0 =  + U compressão isométrica ou expansão isométrico NÃO existe tal processo 3825-2628 3663-5692 N.S. AULAS PARTICULARES .

×