Carnaval de  Ilusões
Estava eu passeando pelos jardins da praia, pensando na vida, quando me deparo com uma linda flor, sento ao seu lado e, co...
E de repente me vi sonhando... e esta magnífica flor me conduzia aos bailes de outrora, falamos dos nossos bailes de carna...
Hoje sou um palhaço de perdidas ilusões, que da bandeira branca amor... não vejo mais as colombinas, pierrôs não se ouve m...
E procurando pela minha estrela Dalva que deveria despontar no céu...sinto uma lágrima correr em meu rosto por ver a camél...
E eu disse a flor mimosa do jardim:- ainda queima em mim a brasa do meu sonho e me proponho a guardar a serpentina que um ...
Rodriguez Para um tão grande amor... não me leve a mal, ontem...hoje...e sempre será o nosso carnaval.
CRÉDITOS TEXTO:  Carnaval de Ilusões AUTOR:  Rodriguez IMAGENS:  UOL FORMATAÇÃO:  silveirav MÚSICA:  Agora é cinza INTERPR...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Carnaval de ilusoes

706 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
706
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
32
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Carnaval de ilusoes

  1. 1. Carnaval de Ilusões
  2. 2. Estava eu passeando pelos jardins da praia, pensando na vida, quando me deparo com uma linda flor, sento ao seu lado e, começamos a conversar, falamos da lua que com a sua luz clareava todo o ambiente, buscamos estrelas tentando nos encontrar...
  3. 3. E de repente me vi sonhando... e esta magnífica flor me conduzia aos bailes de outrora, falamos dos nossos bailes de carnaval, quanta saudade sentimos, dos confetes, serpentinas, da lança-perfume lembra? Pois é, hoje não tem mais nada, agora droga e nu, a droga virou símbolo de encorajamento e o nu que seria artístico virou banalidade...
  4. 4. Hoje sou um palhaço de perdidas ilusões, que da bandeira branca amor... não vejo mais as colombinas, pierrôs não se ouve marcha-rancho... as modinhas cantadas durante o ano inteiro...
  5. 5. E procurando pela minha estrela Dalva que deveria despontar no céu...sinto uma lágrima correr em meu rosto por ver a camélia cair do galho...e novamente escuto a minha flor dizendo, é amigo... agora é cinza de um doce carnaval de ilusões!
  6. 6. E eu disse a flor mimosa do jardim:- ainda queima em mim a brasa do meu sonho e me proponho a guardar a serpentina que um dia me atirou. Vem. Coloca na brisa da manhã o perfume da bela odalisca do meu harém. Vem...vem...vem... você está onde estou. E vai por onde vou.
  7. 7. Rodriguez Para um tão grande amor... não me leve a mal, ontem...hoje...e sempre será o nosso carnaval.
  8. 8. CRÉDITOS TEXTO: Carnaval de Ilusões AUTOR: Rodriguez IMAGENS: UOL FORMATAÇÃO: silveirav MÚSICA: Agora é cinza INTERPRETAÇÃO: Orquestra Tabajara www.mensagensvirtuais.com.br Com Carinho silveirav [email_address]

×