<ul><li>05 A 10 KG -------------------------------- 0,05 ML </li></ul><ul><li>10 A 20 KG ---------------------------------...
OBS. : A  vacina anti – influenza (gripe) , pode ser aplicada simultaneamente com outras vacinas do Programa Nacional de I...
<ul><li>HEPATITE B – MÚSCULO VASTO –LATERAL DIREITO </li></ul><ul><li>(PERNA DIREITA) </li></ul><ul><li>TETRAVALENTE- MÚSC...
<ul><li>Ligar para o serviço de emergência e solicitar ambulância </li></ul><ul><li>Colocar o cliente em local apropriado ...
DOSE IDADE IDEAL IDADE MÍNIMA IDADE MÁXIMA O ESQUEMA VACINAL :RECOMENDADO É O SEGUINTE: 1ª 2 MESES 6 SEMANAS  (1 mês e 15 ...
MINISTÉRIO DA SAÚDE  SECRETÁRIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA  COORDENAÇÃO GERAL DO PROGRAMA DE IMUNIZAÇÕES SHS Qd.6  Conju...
NOTA TÉCNICA Nº 66/CGPNI/DEVEP/SVSMS BCG 2ª DOSE <ul><li>Assunto: suspensão do uso da segunda dose da vacina BCG – ID do c...
Dose  H1N1 Sanofi- Pauter ou Butantan GRUPOS  DOSE GESTANTES  0,5 ML CRIANÇAS DE 6 A 23 MESES (1 ANO 11 MESES 29 DIAS)  02...
Vacinas: contra-indicações falsas e verdadeiras. <ul><li>Entende-se por  contra indicação verdadeira  uma proibição à util...
<ul><li>Na prática clínica diária, entretanto, o que se verifica é que frequentemente crianças e adultos não são vacinados...
As principais falsas contra-indicações são: <ul><li>Doenças leves com febre baixa, seja do trato respiratório ou digestivo...
<ul><li>Alergias: exceto se houver história de alergia grave a algum componente da vacina  </li></ul><ul><li>Doença neurol...
<ul><li>Internação hospitalar: a internação hospitalar é uma excelente oportunidade para vacinação desde que não haja outr...
<ul><li>Aleitamento; as vacinas utilizadas atualmente não são contra-indicadas para as mulheres que estão amamentando.  </...
<ul><li>Reação grave de hipersensibilidade a algum componente da vacina ou  a alguma dose anterior: o componente das vacin...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Informe técnico vacinação

5.620 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.620
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
65
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Informe técnico vacinação

  1. 2. <ul><li>05 A 10 KG -------------------------------- 0,05 ML </li></ul><ul><li>10 A 20 KG ---------------------------------- 0,1 ML </li></ul><ul><li>20 A 30 KG ---------------------------------- 0,2 ML </li></ul><ul><li>30 A 40 KG ----------------------------------0,3 ML </li></ul><ul><li>40 A 50 KG ----------------------------------0,4 ML </li></ul><ul><li>ACIMA DE 50 KG ---------------------------0,5 ML </li></ul>
  2. 3. OBS. : A vacina anti – influenza (gripe) , pode ser aplicada simultaneamente com outras vacinas do Programa Nacional de Imunização ou com qualquer intervalo Laboratório Butantan prazo de validade após aberto : 7 dias Laboratório GSK prazo de validade após aberto: 24 horas Fonte: Gerência do programa de imunizações IDADE PRIMEIRA VACINAÇÃO VACINAÇÃO ANO ANTERIOR VACINAÇÃO ANTI –INFLUENZA (CRIANÇAS) 06 MESES A 2 ANOS 2 DOSES 0.25 ML (INTERVALO 4-6 SEMANAS) DOSE ÚNICA 0,25 ML 2 A 8 ANOS 2 DOSES 0.5 ML (INTERVALO 4-6 SEMANAS) DOSE ÚNICA 0,2ML A PARTIR DE 9 ANOS DOSE ÚNICA 0.5
  3. 4. <ul><li>HEPATITE B – MÚSCULO VASTO –LATERAL DIREITO </li></ul><ul><li>(PERNA DIREITA) </li></ul><ul><li>TETRAVALENTE- MÚSCULO VASTO-LATERAL ESQUERDO </li></ul><ul><li>(PERNA ESQUERDA) </li></ul>
  4. 5. <ul><li>Ligar para o serviço de emergência e solicitar ambulância </li></ul><ul><li>Colocar o cliente em local apropriado e em posição TRENDELEMBURG </li></ul><ul><li>Terapêutica Medicamentosa </li></ul><ul><li>ADRENALINA 0,1 ml / kg – SC ou IM </li></ul><ul><li>PROMETAZINA 0,5 A 1,0 mg/kg –IM </li></ul><ul><li>DIFENIDRAMINA 1ª2 mg/kg - EV </li></ul><ul><li>Encaminhar para serviço hospitalar </li></ul><ul><li>Enfª. Nadja Greffe </li></ul><ul><li>GI/SVS/SUBAPV/SMSDS - RJ </li></ul>
  5. 6. DOSE IDADE IDEAL IDADE MÍNIMA IDADE MÁXIMA O ESQUEMA VACINAL :RECOMENDADO É O SEGUINTE: 1ª 2 MESES 6 SEMANAS (1 mês e 15 dias) 14 semanas (3 meses e 15 dias) 2ª 4 MESES 14 semanas (3 meses e 15 dias) 24 SEMANAS (5 MESES E 15 DIAS)
  6. 7. MINISTÉRIO DA SAÚDE SECRETÁRIA DE VIGILÂNCIA EPIDEMIOLÓGICA COORDENAÇÃO GERAL DO PROGRAMA DE IMUNIZAÇÕES SHS Qd.6 Conjunto A – Bloco C – sala 721 – Ed Business Center Tower CEP. 70322-915 Brasília DF Tel. : (61) 2121074308
  7. 8. NOTA TÉCNICA Nº 66/CGPNI/DEVEP/SVSMS BCG 2ª DOSE <ul><li>Assunto: suspensão do uso da segunda dose da vacina BCG – ID do calendário de vacinação. O PNI recomenda a suspensão da administração da segunda dose da vacina BCG, no Brasil, para faixa etária de 6 a 10 anos, a partir de junho de 2006. </li></ul><ul><li>Ressalta-se ainda que a segunda dose deve ser mantida nas indicações do PNI para os contatos domiciliares de doentes com hanseníase, independente da forma clinica, com intervalo mínimo de seis meses( Brasil, Ministério da saúde 2001) </li></ul>
  8. 9. Dose H1N1 Sanofi- Pauter ou Butantan GRUPOS DOSE GESTANTES 0,5 ML CRIANÇAS DE 6 A 23 MESES (1 ANO 11 MESES 29 DIAS) 02 DOSES DE 0,25 ML COM INTERVALO DE 4 SEMANAS CRIANÇAS DE 03 A 08 ANOS COM COMORBIDADE 02 DOSES DE 0,5ML COM INTERVALO DE 4 SEMANAS A PARTIR DE 9 ANOS 1 DOSES 0,5 ML
  9. 10. Vacinas: contra-indicações falsas e verdadeiras. <ul><li>Entende-se por contra indicação verdadeira uma proibição à utilização de uma determinada vacina. Geralmente a razão é um risco elevado de efeito adverso grave ou uma situação em que o risco das complicações supera o risco da doença contra a qual a vacina protegeria. </li></ul>
  10. 11. <ul><li>Na prática clínica diária, entretanto, o que se verifica é que frequentemente crianças e adultos não são vacinados por uma série de razões levantadas por leigos ou profissionais da saúde que não são contra-indicações verdadeiras. São as chamadas falsas contra-indicações, que muitas vezes representam oportunidades perdidas para a vacinação e são responsáveis por atrasos nos calendários de vacinação. </li></ul>
  11. 12. As principais falsas contra-indicações são: <ul><li>Doenças leves com febre baixa, seja do trato respiratório ou digestivo; </li></ul><ul><li>Prematuridade: as vacinas devem ser administradas na idade cronológica da criança, exceto para prematuros com peso menor que 2kg; </li></ul><ul><li>Reação local a uma dose anterior da vacina; </li></ul><ul><li>Uso de antimicrobiano: não interfere com a resposta imune às vacinas; </li></ul><ul><li>Desnutrição: a resposta às vacinas é adequada e não há aumento dos eventos adversos; </li></ul>
  12. 13. <ul><li>Alergias: exceto se houver história de alergia grave a algum componente da vacina </li></ul><ul><li>Doença neurológica estável; </li></ul><ul><li>História familiar de convulsão; </li></ul><ul><li>História familiar de morte súbita; </li></ul><ul><li>Tratamento com corticosteróide em doses via inalatória; </li></ul><ul><li>Vacinação contra raiva: não há interferência de outras vacinas com a vacina da raiva; </li></ul><ul><li>Contato domiciliar com gestantes; os vacinados não transmitem os vírus do sarampo, caxumba ou rubéola; </li></ul>
  13. 14. <ul><li>Internação hospitalar: a internação hospitalar é uma excelente oportunidade para vacinação desde que não haja outras contra indicações. </li></ul><ul><li>O único cuidado especial é com a vacina oral para a pólio se houver comunicantes imunodeprimidos </li></ul><ul><li>Convalescença de doenças agudas: especialmente para as doenças do trato respiratório superior quando ainda houver tosse e/ou coriza; </li></ul><ul><li>Diagnóstico clinico prévio da doença: não há qualquer impedimento de se realizar a vacina, especialmente quando o diagnóstico não foi confirmado. Não há aumento das reações adversas, </li></ul>
  14. 15. <ul><li>Aleitamento; as vacinas utilizadas atualmente não são contra-indicadas para as mulheres que estão amamentando. </li></ul><ul><li>Existem, entretanto, contra-indicações verdadeiras à vacinação e que devem ser respeitadas. São elas: </li></ul><ul><li>Imunodepressão: para todas as vacinas de vírus vivo atenuado ou bactéria viva atenuada: A situação mais comum é o uso de corticosteróides. Neste sentido, sempre que o tempo de tratamento for superior a duas semanas e a dose maior ou igual a 2mg/kg/dia de prednisona para crianças com peso menor que 10kg ou acima de 20 mg/dia para crianças com peso acima de 10 kg e adultos. Por outro lado, tratamentos inferiores a duas semanas ou em dias alternados ou em doses baixas não são contra-indicação à vacinação; </li></ul>
  15. 16. <ul><li>Reação grave de hipersensibilidade a algum componente da vacina ou a alguma dose anterior: o componente das vacinas mais implicado nas reações graves é a proteína do ovo. As vacinas para sarampo, caxumba, febre amarela e influenza não devem ser utilizadas nos pacientes com história de reação anafilática após ingestão de ovo; </li></ul><ul><li>Gravidez: vacinas com vírus vivo atenuado ou bactéria viva atenuada. </li></ul>

×