SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 16
VOCÊ SABIA  QUE O CÉREBRO  ENVELHECE AOS  27 ANOS?
Pesquisa Americana revela que  o ápice da capacidade mental  é aos 22 anos. O  declínio mental começa mais cedo do que se imaginava.Um estudo americano, publicado na revista especializada “Neurobiology of Aging”, diz que a capacidade mental começa a decair por volta dos 27 anos, e o pico de funcionamento  é aos do cérebro  é aos 22 anos.
O  declínio mental começa mais cedo do que se imaginava.Um estudo americano, publicado na revistaespecializada “Neurobiology of Aging”,  diz que a capacidade mental começa a decair por volta dos 27 anos,
e o pico de funcionamento do cérebro  é aos do cérebro  é aos 22 anos. Segundo   o    psicólogo   Timothy Salthouse, da Universidade da Virginia, nos Estados Unidos, o raciocínio e a visualização a agilidade mental  e a visualização espacial se deterioram precocemente, antes dos 30 anos.
e ele recomenda que medidas para prevenir falhas no funcionamento do cérebro comecem no final da adolescência. A  pesquisa de Salthouse durou sete anos e sua equipe testou duas mil pessoas saudáveis na faixa etária     de 18 anos a 60 anos. Elas tiveram que montar quebra-cabeças, se lembrar de palavras e detalhes de história,
A  pesquisa de Salthouse durou sete anos e sua equipe testou duas mil pessoas saudáveis na faixa etária     de 18 anos a 60 anos. Elas tiveram que montar quebra-cabeças, se lembrar de palavras e detalhes de história, além de identificar padrões em grupo de letras e símbolos. Esses mesmos exames já foram aplicados por médicos para diagnosticar sinais de demência.
Para surpresa dos psicólogos, em nove que apresentam o melhor desempenho dos 12 testes realizados a média de idade dos participantes foi de 22 anos. E os de 27 anos foi a média de idade em que se observou uma piora marcante no desenvolvimento dos grupos que participaram de exames de raciocínio e habilidade para resolver quebra- cabeças visuais.
Já funções como capacidade de memória ficaram intactas até os 37 anos, em média, enquanto as habilidades baseadas no acúmulo de informações, como o desempenho em testes de vocabulário e de conhecimentos gerais, aumentaram até os 60 anos. Aos 42 anos o declínio de memória se mostrou mais evidente, de acordo com a pesquisa.
Redução das funções explica demência. Se levarmos em conta que no Brasil a expectativa da vida da população é de 72,51 anos,  pode –se afirmar que a deterioração mental ocorre  precocemente.
Entretanto, se levarmos em conta que durante boa parte da existência da espécie humana a expectativa de vida foi de pouco mais de 30 anos, os números se tornam mais compreensíveis.
Esta pesquisa sugere que o declínio natural de algumas das nossas habilidades mentais se inicia muito mais cedo do que alguns de nós poderia esperar – diz Rebecca wood, do Alzheimer Research Trust – Compreender melhor como o cérebro entra em declínio poderia nos ajudar a saber o que está errado no mal de Alzheimer.
Ela diz que essa demência  não é natural do envelhecimento, mas sim uma doença física que mata neurônios, afetando também dezenas de milhares de pessoas com menos de 65 anos. No Brasil, Estima-se  em 1,2 milhões o número de pessoas com o problema.
Como Melhorar a Sua Memória? .Utilize ao máximo a sua capacidade mental.  Desafie o novo. Aprenda novas habilidades, se você trabalha em um escritório, aprenda a dançar. Se for um dançarino, aprenda alidar com computador; se trabalhar com vendas, aprenda a jogar xadrez; se for umprogramador, aprenda a pintar.Isto poderá estimular os circuitos neurais  do seu cérebro a crescerem.
Prestar atenção. Não tente guardar todos os fatos que acontecem, mas focalize sua atenção e se concentre naquilo que você achar mais importante, procurando afastar de si todos os demais pensamentos.Exercício: pegue um objeto qualquer, por exemplo, uma caneta e se concentre nela. Pense sobre suas diversas características: seu material, sua função, sua cor, sua anatomia, etc. Não permita que nenhum outro pensamento ocupe a sua mente enquanto você estiver concentrado na caneta.
Estimular a memória: Atividade Diária:Praticar jogos de xadrez,palavras cruzadas, exercícios simples  como recordar fatos do dia-a-dia  (o que comeu no almoço, o que  leu no jornal do dia, o que ocorreu  no último capítulo da novela, etc.) Aprender novas habilidades:  computador, pintura, música, etc.
Alimentação:A boa alimentação é fundamental para a conservação da memória. Deve-se evitar excessos. Deve-se entender que uma boa alimentação é a bem balanceada entre proteínas, gorduras e açúcar, sendo rica em vitaminas. A tiamina, o ácido fólico e a vitamina B12 são importantes para o metabolismo dos neurotransmissores envolvidos no processo da memória, devendo ser utilizados de preferência produtos naturais .A água é muito importante, devendo se ter cuidado em manter-se a hidratação.

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Cérebro envelhece aos 27 anos

Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
JNR
 
Por dentro do_cérebro
Por dentro do_cérebroPor dentro do_cérebro
Por dentro do_cérebro
Stefan Bueno
 
Trabalho FEC - FINAL PROJECT
Trabalho FEC - FINAL PROJECTTrabalho FEC - FINAL PROJECT
Trabalho FEC - FINAL PROJECT
Maria Neves
 
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
Psicologia_2015
 
Drogas e sistema_nervoso
Drogas e sistema_nervosoDrogas e sistema_nervoso
Drogas e sistema_nervoso
Dani Rodrigues
 

Semelhante a Cérebro envelhece aos 27 anos (20)

ensaio - sinestesia (Carlos)
ensaio - sinestesia (Carlos)ensaio - sinestesia (Carlos)
ensaio - sinestesia (Carlos)
 
Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
 
Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
 
Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
 
Brincando e testando sua percepção visual
Brincando e testando sua percepção visualBrincando e testando sua percepção visual
Brincando e testando sua percepção visual
 
Envelhecimento e memoria
Envelhecimento e memoriaEnvelhecimento e memoria
Envelhecimento e memoria
 
Cerebro
CerebroCerebro
Cerebro
 
Por dentro do_cérebro
Por dentro do_cérebroPor dentro do_cérebro
Por dentro do_cérebro
 
Melhore a memoria com simples estrategias
Melhore a memoria com simples estrategiasMelhore a memoria com simples estrategias
Melhore a memoria com simples estrategias
 
( Espiritismo) # - amag ramgis - a revolucao do cerebro
( Espiritismo)   # - amag ramgis - a revolucao do cerebro( Espiritismo)   # - amag ramgis - a revolucao do cerebro
( Espiritismo) # - amag ramgis - a revolucao do cerebro
 
Como Melhorar o Seu Raciocínio
Como Melhorar o Seu RaciocínioComo Melhorar o Seu Raciocínio
Como Melhorar o Seu Raciocínio
 
Trabalho FEC - FINAL PROJECT
Trabalho FEC - FINAL PROJECTTrabalho FEC - FINAL PROJECT
Trabalho FEC - FINAL PROJECT
 
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
2 desenvolvimento cognitivo_adulto_velhice (1)
 
Alzheimer Trabalho AFQV
Alzheimer Trabalho AFQVAlzheimer Trabalho AFQV
Alzheimer Trabalho AFQV
 
Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
 
Mitos e verdades
Mitos e verdadesMitos e verdades
Mitos e verdades
 
O cerebro
O cerebroO cerebro
O cerebro
 
Drogas e sistema_nervoso
Drogas e sistema_nervosoDrogas e sistema_nervoso
Drogas e sistema_nervoso
 
Neuroplasticidade
NeuroplasticidadeNeuroplasticidade
Neuroplasticidade
 
Neuroplasticidade
 Neuroplasticidade Neuroplasticidade
Neuroplasticidade
 

Mais de Heloísa Ximenes (20)

Empilhadeiras dpvat 1__1_.zip[1]
Empilhadeiras dpvat 1__1_.zip[1]Empilhadeiras dpvat 1__1_.zip[1]
Empilhadeiras dpvat 1__1_.zip[1]
 
Aids[1]
Aids[1]Aids[1]
Aids[1]
 
Adolescencia na perspectiva_da_saude drª nazaret
Adolescencia na perspectiva_da_saude drª nazaretAdolescencia na perspectiva_da_saude drª nazaret
Adolescencia na perspectiva_da_saude drª nazaret
 
A importancia do_conselho_enquanto_instancia_de_controle2
A importancia do_conselho_enquanto_instancia_de_controle2A importancia do_conselho_enquanto_instancia_de_controle2
A importancia do_conselho_enquanto_instancia_de_controle2
 
Acidente de trabalho
Acidente de trabalhoAcidente de trabalho
Acidente de trabalho
 
Ohsas 18001
Ohsas 18001 Ohsas 18001
Ohsas 18001
 
Sesmt[1]
Sesmt[1]Sesmt[1]
Sesmt[1]
 
Doe sangue!
Doe sangue!Doe sangue!
Doe sangue!
 
Saúde do trabalhador
Saúde do trabalhadorSaúde do trabalhador
Saúde do trabalhador
 
Saúde do trabalhador
Saúde do trabalhadorSaúde do trabalhador
Saúde do trabalhador
 
Apresentação do regulamento
Apresentação do regulamentoApresentação do regulamento
Apresentação do regulamento
 
Apresentação 1ª consocial
Apresentação 1ª consocialApresentação 1ª consocial
Apresentação 1ª consocial
 
Apresentação do regulamento
Apresentação do regulamentoApresentação do regulamento
Apresentação do regulamento
 
Exercícios físicos
Exercícios físicosExercícios físicos
Exercícios físicos
 
Diabetes
DiabetesDiabetes
Diabetes
 
Você sabe o que é hanseníase
Você sabe o que é hanseníaseVocê sabe o que é hanseníase
Você sabe o que é hanseníase
 
Colesterol 2
Colesterol 2Colesterol 2
Colesterol 2
 
Avc
AvcAvc
Avc
 
Informe técnico vacinação
Informe técnico vacinaçãoInforme técnico vacinação
Informe técnico vacinação
 
Atividade ludica
Atividade ludicaAtividade ludica
Atividade ludica
 

Último

Último (8)

[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
[ServiceNow] Upgrade de versão - 2ª edição (Revisada, atualizada e ampliada)
 
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - GESTÃO DE PESSOAS E DESENVOLVIMENTO DE EQUIPES - 52_2024.docx
 
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIAEAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
EAD Curso - CIÊNCIA DE DADOS NA INDÚSTTRIA
 
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo PagliusiEntrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
Entrevistas, artigos, livros & citações de Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CUSTOS DE PRODUÇÃO - 52_2024.docx
 
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo PagliusiPalestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
Palestras sobre Cibersegurança em Eventos - Paulo Pagliusi
 
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docxATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
ATIVIDADE 1 - CÁLCULO DIFERENCIAL E INTEGRAL II - 52_2024.docx
 
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINASCOI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
COI CENTRO DE OPERAÇÕES INDUSTRIAIS NAS USINAS
 

Cérebro envelhece aos 27 anos

  • 1. VOCÊ SABIA QUE O CÉREBRO ENVELHECE AOS 27 ANOS?
  • 2. Pesquisa Americana revela que o ápice da capacidade mental é aos 22 anos. O declínio mental começa mais cedo do que se imaginava.Um estudo americano, publicado na revista especializada “Neurobiology of Aging”, diz que a capacidade mental começa a decair por volta dos 27 anos, e o pico de funcionamento é aos do cérebro é aos 22 anos.
  • 3. O declínio mental começa mais cedo do que se imaginava.Um estudo americano, publicado na revistaespecializada “Neurobiology of Aging”, diz que a capacidade mental começa a decair por volta dos 27 anos,
  • 4. e o pico de funcionamento do cérebro é aos do cérebro é aos 22 anos. Segundo o psicólogo Timothy Salthouse, da Universidade da Virginia, nos Estados Unidos, o raciocínio e a visualização a agilidade mental e a visualização espacial se deterioram precocemente, antes dos 30 anos.
  • 5. e ele recomenda que medidas para prevenir falhas no funcionamento do cérebro comecem no final da adolescência. A pesquisa de Salthouse durou sete anos e sua equipe testou duas mil pessoas saudáveis na faixa etária de 18 anos a 60 anos. Elas tiveram que montar quebra-cabeças, se lembrar de palavras e detalhes de história,
  • 6. A pesquisa de Salthouse durou sete anos e sua equipe testou duas mil pessoas saudáveis na faixa etária de 18 anos a 60 anos. Elas tiveram que montar quebra-cabeças, se lembrar de palavras e detalhes de história, além de identificar padrões em grupo de letras e símbolos. Esses mesmos exames já foram aplicados por médicos para diagnosticar sinais de demência.
  • 7. Para surpresa dos psicólogos, em nove que apresentam o melhor desempenho dos 12 testes realizados a média de idade dos participantes foi de 22 anos. E os de 27 anos foi a média de idade em que se observou uma piora marcante no desenvolvimento dos grupos que participaram de exames de raciocínio e habilidade para resolver quebra- cabeças visuais.
  • 8. Já funções como capacidade de memória ficaram intactas até os 37 anos, em média, enquanto as habilidades baseadas no acúmulo de informações, como o desempenho em testes de vocabulário e de conhecimentos gerais, aumentaram até os 60 anos. Aos 42 anos o declínio de memória se mostrou mais evidente, de acordo com a pesquisa.
  • 9. Redução das funções explica demência. Se levarmos em conta que no Brasil a expectativa da vida da população é de 72,51 anos, pode –se afirmar que a deterioração mental ocorre precocemente.
  • 10. Entretanto, se levarmos em conta que durante boa parte da existência da espécie humana a expectativa de vida foi de pouco mais de 30 anos, os números se tornam mais compreensíveis.
  • 11. Esta pesquisa sugere que o declínio natural de algumas das nossas habilidades mentais se inicia muito mais cedo do que alguns de nós poderia esperar – diz Rebecca wood, do Alzheimer Research Trust – Compreender melhor como o cérebro entra em declínio poderia nos ajudar a saber o que está errado no mal de Alzheimer.
  • 12. Ela diz que essa demência não é natural do envelhecimento, mas sim uma doença física que mata neurônios, afetando também dezenas de milhares de pessoas com menos de 65 anos. No Brasil, Estima-se em 1,2 milhões o número de pessoas com o problema.
  • 13. Como Melhorar a Sua Memória? .Utilize ao máximo a sua capacidade mental. Desafie o novo. Aprenda novas habilidades, se você trabalha em um escritório, aprenda a dançar. Se for um dançarino, aprenda alidar com computador; se trabalhar com vendas, aprenda a jogar xadrez; se for umprogramador, aprenda a pintar.Isto poderá estimular os circuitos neurais do seu cérebro a crescerem.
  • 14. Prestar atenção. Não tente guardar todos os fatos que acontecem, mas focalize sua atenção e se concentre naquilo que você achar mais importante, procurando afastar de si todos os demais pensamentos.Exercício: pegue um objeto qualquer, por exemplo, uma caneta e se concentre nela. Pense sobre suas diversas características: seu material, sua função, sua cor, sua anatomia, etc. Não permita que nenhum outro pensamento ocupe a sua mente enquanto você estiver concentrado na caneta.
  • 15. Estimular a memória: Atividade Diária:Praticar jogos de xadrez,palavras cruzadas, exercícios simples como recordar fatos do dia-a-dia (o que comeu no almoço, o que leu no jornal do dia, o que ocorreu no último capítulo da novela, etc.) Aprender novas habilidades: computador, pintura, música, etc.
  • 16. Alimentação:A boa alimentação é fundamental para a conservação da memória. Deve-se evitar excessos. Deve-se entender que uma boa alimentação é a bem balanceada entre proteínas, gorduras e açúcar, sendo rica em vitaminas. A tiamina, o ácido fólico e a vitamina B12 são importantes para o metabolismo dos neurotransmissores envolvidos no processo da memória, devendo ser utilizados de preferência produtos naturais .A água é muito importante, devendo se ter cuidado em manter-se a hidratação.