AULA 01 - ELETRICIDADE
Sistema de unidade (SI),
Notação Científica;
Prof.ª. Jaqueline Palmeira
A necessidade de medir é muito antiga e remonta à origem das
civilizações. Por longo tempo cada país, cada região, teve se...
 Isso criava muitos problemas para o comércio, porque as pessoas de uma
região não estavam familiarizadas com o sistema d...
 Surgiu então o sistema métrico em escala mundial e muitos países o
adotaram, inclusive o Brasil, aderindo à Convenção do...
 Em 1960, o Sistema Métrico Decimal foi substituído pelo Sistema
Internacional de Unidades - SI mais complexo e sofistica...
Grandeza Unidade básica Símbolo
Comprimento metro m
Massa Quilograma kg
Tempo segundo s
Corrente Elétrica ampére A
Tempera...
 Estas grandezas, quando associadas, podem formar outras referências de
unidades tais como, força, energia, potência e ca...
Grandeza Nome da Unidade
Freqüência Hertz(Hz)
Força Newton(N)
Potência Watt(W)
Potencial Elétrico Volt(v)
Condutância Siem...
Os símbolos não se flexionam
UNIDADES NÃO PERTENCENTES AO SI
Sistema Internacional de Unidades (SI)
 O Sistema Internacional de Unidades, também conhecido como SI, é
inspirado no sis...
O Sistema Internacional de Unidades é um sistema utilizado para
realizar medidas padronizadas, adotando-se uma unidade par...
ALGUNS
CONCEITOS
Medição é o conjunto de operações que tem por objetivo
determinar o valor de uma grandeza”
Medir
Em física chamamos de grandeza aquilo que pode ser medido, como
por exemplo, velocidade, tempo, massa e força.
Portanto, p...
É uma quantidade específica de determinada grandeza física e que
serve de padrão para eventuais comparações, e que serve d...
Notação Científica
A notação científica serve para expressar números muito grandes ou muito
pequenos, baseada no uso de po...
 os números muito grandes ou muito pequenos podem ser escritos de
forma reduzida;
 é utilizada por computadores e máquin...
Potências de base 10
Um número estará em notação científica quando estiver escrito no seguinte
formato:
x . 10 y
• X é um valor qualquer* multi...
Exemplos de valores escritos em notação científica
 Velocidade da luz no vácuo: 3 . 105 Km/s
 Diâmetro de um átomo (H): ...
Para transformar um número grande qualquer em notação científica,
devemos deslocar a vírgula para a esquerda até o primeir...
PRATICANDO
Escreva os seguintes números em notação científica:
A. 10 000 000
B. 33 000 000 000
C. 547 800 000
Para com valores muito pequenos, é só mover a vírgula para a direita, e a
cada casa avançada, diminuir 1 da ordem de grand...
PRATICANDO
Escreva os seguintes números em notação científica:
A. 0, 0034
B. 0, 000 000 456
C. 0, 001
D. -0,012
MÚLTIPLOS E SUBMULTÍPLOS decimais das unidades do SI:
Operações com notação científica
Adição
Para somar números escritos em notação científica, é necessário que o
expoente sej...
Subtração
Na subtração também é necessário que o expoente seja o mesmo.
O procedimento é igual ao da soma.
01) 2.1012 + 3. 1012 =
02) 4.1013 -- 3.1013 =
03) 5.10-12 + 3.10-12 =
04) 6,25. 10-34 + 2,75. 10-34 =
05) 8,2. 10-5 – 5.10...
Multiplicação
Multiplicamos os números sem expoente, mantemos a potência
de base 10 e somamos os expoentes de cada uma.
11) 4.106.3.105 =
12) 6.10-3.3.10-5 =
13) 2.105.5.104 =
14) 9.109.10-6.2.10-6 =
15) 109 . 3.10-3 . 2.10-6 =
16) 0,000025 ....
Divisão
Dividimos os números sem expoente, mantemos a potência de base 10
e subtraímos os expoentes.
Exemplo: 6 . 103 8,2 ...
EXERCÍCIOS
Arredondamento de números
Nos trabalhos relacionados à Estatística,
Matemática Financeira entre outras situações
cotidiana...
Se o algarismo a ser eliminado for maior ou
igual a cinco, acrescentamos uma unidade ao
primeiro algarismo que está situad...
Se o algarismo a ser eliminado for menor que
cinco, devemos manter inalterado o algarismo da
esquerda.
Vamos arredondar os números a seguir, escrevendo-os
com duas casas à direita da vírgula:
a) 9,756 → o número a ser elimina...
1.Faça os arredondamentos:
a) 25,455 ____________ b) 34,727 ___________c) 19,009 ______________
d) 13,991____________ e) 2...
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Aula 1 eletricidade
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Aula 1 eletricidade

128 visualizações

Publicada em

Automação

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
128
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 1 eletricidade

  1. 1. AULA 01 - ELETRICIDADE Sistema de unidade (SI), Notação Científica; Prof.ª. Jaqueline Palmeira
  2. 2. A necessidade de medir é muito antiga e remonta à origem das civilizações. Por longo tempo cada país, cada região, teve seu próprio sistema de medidas. Essas unidades de medidas, entretanto, eram geralmente arbitrárias e imprecisas, como por exemplo, aquelas baseadas no corpo humano: palmo, pé, polegada, braça, passo, côvado. Sistema Internacional de Unidades - SI - Breve Histórico
  3. 3.  Isso criava muitos problemas para o comércio, porque as pessoas de uma região não estavam familiarizadas com o sistema de medir das outras regiões, e também porque os padrões adotados eram, muitas vezes, subjetivos. As quantidades eram expressas em unidades de medir pouco confiáveis, diferentes umas das outras e que não tinham correspondência entre si. Sistema Internacional de Unidades - SI - Breve Histórico
  4. 4.  Surgiu então o sistema métrico em escala mundial e muitos países o adotaram, inclusive o Brasil, aderindo à Convenção do Metro. Entretanto, apesar das qualidades inegáveis do Sistema Métrico Decimal - simplicidade, coerência e harmonia - não foi possível torná-lo universal. Além disso, o desenvolvimento científico e tecnológico passou a exigir medições cada vez mais precisas e diversificadas. Sistema Internacional de Unidades - SI - Breve Histórico
  5. 5.  Em 1960, o Sistema Métrico Decimal foi substituído pelo Sistema Internacional de Unidades - SI mais complexo e sofisticado que o anterior. Este modelo é representado por sete grandezas físicas acompanhadas pelas suas respectivas unidades e símbolos. A tabela a seguir mostra um resumo do SI. Sistema Internacional de Unidades - SI - Breve Histórico
  6. 6. Grandeza Unidade básica Símbolo Comprimento metro m Massa Quilograma kg Tempo segundo s Corrente Elétrica ampére A Temperatura Kelvin k Quantidade de matéria mol mol Intensidade Luminosa Candela cd Unidades Básicas O Sistema Internacional de Unidades tem sete unidades básicas. Cada uma delas é representada por uma unidade, com seu símbolo:
  7. 7.  Estas grandezas, quando associadas, podem formar outras referências de unidades tais como, força, energia, potência e carga elétrica que já são familiares no dia a dia. A tabela a seguir apresenta um resumo das principais grandezas: Sistema Internacional de Unidades - SI
  8. 8. Grandeza Nome da Unidade Freqüência Hertz(Hz) Força Newton(N) Potência Watt(W) Potencial Elétrico Volt(v) Condutância Siemens(S) Capacitância Farad(F) Fluxo Magnético Weber(Wb) Indutância henry(H) Resistência ohm(Ω) Unidades Derivadas
  9. 9. Os símbolos não se flexionam
  10. 10. UNIDADES NÃO PERTENCENTES AO SI
  11. 11. Sistema Internacional de Unidades (SI)  O Sistema Internacional de Unidades, também conhecido como SI, é inspirado no sistema métrico e é o mais usado no mundo.  É um conjunto padronizado de definições de unidades de medida, utilizado hoje em quase todo o mundo moderno e em várias áreas da atividade humana, como a técnico-científica, a política, a econômica e a social. Por sua lógica e coerência, pode ser usado por pessoas de origens, de culturas e de línguas diferentes. Digite aqui o nome do conteúdo da aula
  12. 12. O Sistema Internacional de Unidades é um sistema utilizado para realizar medidas padronizadas, adotando-se uma unidade para cada grandeza física
  13. 13. ALGUNS CONCEITOS
  14. 14. Medição é o conjunto de operações que tem por objetivo determinar o valor de uma grandeza” Medir
  15. 15. Em física chamamos de grandeza aquilo que pode ser medido, como por exemplo, velocidade, tempo, massa e força. Portanto, podemos dizer que tudo que pode ser medido é uma grandeza. Grandeza
  16. 16. É uma quantidade específica de determinada grandeza física e que serve de padrão para eventuais comparações, e que serve de padrão para outras medidas. Unidade de Medida
  17. 17. Notação Científica A notação científica serve para expressar números muito grandes ou muito pequenos, baseada no uso de potências de base 10. O segredo é multiplicar um número pequeno por uma POTÊNCIA DE 10.
  18. 18.  os números muito grandes ou muito pequenos podem ser escritos de forma reduzida;  é utilizada por computadores e máquinas de calcular;  torna os cálculos mais rápidos e fáceis. Vantagens em utilizarmos a notação científica:
  19. 19. Potências de base 10
  20. 20. Um número estará em notação científica quando estiver escrito no seguinte formato: x . 10 y • X é um valor qualquer* multiplicado por uma potência de base 10 e • y é o expoente que pode ser positivo ou negativo Ex: 3000 = 3.103 0,003 = 3.10-3 Nota: Usamos expoentes positivos quando estamos representando números grandes e expoentes negativos quando estamos representando números pequenos.
  21. 21. Exemplos de valores escritos em notação científica  Velocidade da luz no vácuo: 3 . 105 Km/s  Diâmetro de um átomo (H): 1 . 10-10 m  Quantidade de moléculas em 1 mol de uma substância qualquer: 6,022 . 1023  Quantidade de segundos em 1 ano: 3,1536 . 107  Quantidade de água nos oceanos da Terra: 1,35 . 1021 L  Duração de uma piscada: 2 . 10-1 s  Massa de um átomo (C): 19,92 . 10-27 Kg
  22. 22. Para transformar um número grande qualquer em notação científica, devemos deslocar a vírgula para a esquerda até o primeiro algarismo desta forma: 200 000 000 000 » 2,00 000 000 000 note que a vírgula avançou 11 casas para a esquerda, então em notação científica deste número fica: 2 . 1011. Transformando O expoente positivo do dez indica o número de vezes que devemos deslocar a vírgula para a esquerda.
  23. 23. PRATICANDO Escreva os seguintes números em notação científica: A. 10 000 000 B. 33 000 000 000 C. 547 800 000
  24. 24. Para com valores muito pequenos, é só mover a vírgula para a direita, e a cada casa avançada, diminuir 1 da ordem de grandeza: 0,0000000586 » movendo a vírgula para direita » 5,86 (avanço de 8 casas) » 5,86 . 10-8 -12.000.000.000.000 » -1,2 . 1013 O expoente negativo do dez indica o número de vezes que devemos deslocar a vírgula para a direita.
  25. 25. PRATICANDO Escreva os seguintes números em notação científica: A. 0, 0034 B. 0, 000 000 456 C. 0, 001 D. -0,012
  26. 26. MÚLTIPLOS E SUBMULTÍPLOS decimais das unidades do SI:
  27. 27. Operações com notação científica Adição Para somar números escritos em notação científica, é necessário que o expoente seja o mesmo. Se não for temos que transformar uma das potências para que o seu expoente seja igual ao da outra.
  28. 28. Subtração Na subtração também é necessário que o expoente seja o mesmo. O procedimento é igual ao da soma.
  29. 29. 01) 2.1012 + 3. 1012 = 02) 4.1013 -- 3.1013 = 03) 5.10-12 + 3.10-12 = 04) 6,25. 10-34 + 2,75. 10-34 = 05) 8,2. 10-5 – 5.10-5 = 06) 3.1014 – 15.1012 = 07) 0,00012 + 3.10-5 = 08) 45000+5.105 = 09) 0,000052 + 10-5 = 10)10-12 + 10-13 = EXERCÍCIOS
  30. 30. Multiplicação Multiplicamos os números sem expoente, mantemos a potência de base 10 e somamos os expoentes de cada uma.
  31. 31. 11) 4.106.3.105 = 12) 6.10-3.3.10-5 = 13) 2.105.5.104 = 14) 9.109.10-6.2.10-6 = 15) 109 . 3.10-3 . 2.10-6 = 16) 0,000025 . 5000000 = 17) 0,0000065 . 0, 0012 . 0, 01 = 18) 120000000 . 300000 . 0, 5 = 19) 0,000012 . 0.0005 . 5000 = 20) 250000 . 0.0004 = EXERCÍCIOS
  32. 32. Divisão Dividimos os números sem expoente, mantemos a potência de base 10 e subtraímos os expoentes. Exemplo: 6 . 103 8,2 . 102 =(6/8,2) . 10(3-2) = 0,73 . 101
  33. 33. EXERCÍCIOS
  34. 34. Arredondamento de números Nos trabalhos relacionados à Estatística, Matemática Financeira entre outras situações cotidianas relacionadas ao uso de números, usamos algumas técnicas de arredondamento. Para efetuarmos o arredondamento de um número podemos utilizar as seguintes regras:
  35. 35. Se o algarismo a ser eliminado for maior ou igual a cinco, acrescentamos uma unidade ao primeiro algarismo que está situado à sua esquerda.
  36. 36. Se o algarismo a ser eliminado for menor que cinco, devemos manter inalterado o algarismo da esquerda.
  37. 37. Vamos arredondar os números a seguir, escrevendo-os com duas casas à direita da vírgula: a) 9,756 → o número a ser eliminado será o 6 e é maior que cinco, então somamos à casa da esquerda uma unidade, dessa forma o número pode ser escrito da seguinte maneira: 9,76 b) 10,261 → o algarismo eliminado será o 1 e é menor que cinco, então não devemos modificar o numeral da esquerda. Portanto o número deverá ser escrito assim: 10,26 Exemplos
  38. 38. 1.Faça os arredondamentos: a) 25,455 ____________ b) 34,727 ___________c) 19,009 ______________ d) 13,991____________ e) 27,559 ___________f) 20,551 _____________ g) 22,057 ___________ h) 55,682 ___________i) 21,326 ______________ Exercícios

×