OBSERVAÇÃO
&
AÇÃO
MORDECAI
Havia então um homem judeu na
fortaleza de Susã, cujo nome era
Mordecai, filho de Jair, filho de
Simei,
filho
de
...
OBSERVAÇÃO
Naqueles dias, assentando-se Mordecai
à porta do rei, dois camareiros do rei, dos
guardas
da
porta,
Bigtã
e
Ter...
AÇÃO
Então Mordecai saiu da presença do rei
com
veste
real
azul-celeste
e
branco, como também com uma grande
coroa de ouro...
VITÓRIA
Porque o judeu Mordecai foi o segundo
depois do rei Assuero, e grande entre os
judeus, e estimado pela multidão de...
Unidade nas ações para o bem comum.
DEFINIÇÕES
E
OBJETIVO
MANDATO CULTURAL: Cuidar do mundo
de Deus, fazendo a obra de Deus.
OBRA DE DEUS: Qualquer atividade
...
POLÍTICA
Acompanhamento dos eleitos, nas
diversas esferas: municipal, estadual e
federal, para:
Influenciar ações de cida...
SOCIAL
Profissionais cristãos já envolvidos com o
mercado de trabalho e suas respectivas
entidades de classe:
Advogados
...
FACILITADORES
Buscar apoio de políticos cristãos ligados
a Igreja para promover o transito junto as
demais autoridades.
F...
EVENTOS
Periodicamente, devem ser promovidos
encontros com representantes do
legislativos, executivo e entidades, com
obje...
SAL DA TERRA
LUZ DO MUNDO
O sal é um fogo arrancado das águas.
(André Chouraqui).
Suas propriedades o fazem instrumento pa...
SAL DA TERRA
LUZ DO MUNDO
Vós sois o sal da terra; e se o sal for
insípido, com que se há de salgar? Para
nada mais presta...
Unidade nas ações para o bem comum.
Mobilização de profissionais cristãos para influir e
realizar ações nas diversas áreas...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Projeto Mordecai

460 visualizações

Publicada em

Projeto de acompanhamento de autoridades eleitas.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
460
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Projeto Mordecai

  1. 1. OBSERVAÇÃO & AÇÃO
  2. 2. MORDECAI Havia então um homem judeu na fortaleza de Susã, cujo nome era Mordecai, filho de Jair, filho de Simei, filho de Quis, homem benjamita, Que fora transportado de Jerusalém, com os cativos que foram levados com Jeconias, rei de Judá, o qual transportara Nabucodonosor, rei de babilônia. Este criara a Hadassa (que é Ester, filha de seu tio), porque não tinha pai nem mãe; e era jovem bela de presença e formosa; e, morrendo seu pai e sua mãe, Mordecai a tomara por sua filha. Ester 2:5-7
  3. 3. OBSERVAÇÃO Naqueles dias, assentando-se Mordecai à porta do rei, dois camareiros do rei, dos guardas da porta, Bigtã e Teres, grandemente se indignaram, e procuraram atentar contra o rei Assuero. E veio isto ao conhecimento de Mordecai, e ele fez saber à rainha Ester; e Ester o disse ao rei, em nome de Mordecai. E inquiriu-se o negócio, e se descobriu, e ambos foram pendurados numa forca; e foi escrito nas crônicas perante o rei. Ester 2:21-23
  4. 4. AÇÃO Então Mordecai saiu da presença do rei com veste real azul-celeste e branco, como também com uma grande coroa de ouro, e com uma capa de linho fino e púrpura, e a cidade de Susã exultou e se alegrou. E para os judeus houve luz, e alegria, e gozo, e honra. Também em toda a província, e em toda a cidade, aonde chegava a palavra do rei e a sua ordem, havia entre os judeus alegria e gozo, banquetes e dias de folguedo; e muitos, dos povos da terra, se fizeram judeus, porque o temor dos judeus tinha caído sobre eles. Ester 8:15-17
  5. 5. VITÓRIA Porque o judeu Mordecai foi o segundo depois do rei Assuero, e grande entre os judeus, e estimado pela multidão de seus irmãos, procurando o bem do seu povo, e proclamando a prosperidade de toda a sua descendência. Ester 10:3
  6. 6. Unidade nas ações para o bem comum.
  7. 7. DEFINIÇÕES E OBJETIVO MANDATO CULTURAL: Cuidar do mundo de Deus, fazendo a obra de Deus. OBRA DE DEUS: Qualquer atividade profissional, que atenda a ética cristã é uma contribuição a obra de Deus. AÇÕES: Em qualquer situação onde o ser humano for afetado, isso deve ser uma preocupação da Igreja. POLITICA: Ações junto a órgãos públicos em benefício da comunidade. SOCIAL: Ações junto a entidades de classe na busca de apoio para o desenvolvimento e benefício da coletividade. A Igreja deve potencializar a voz da maioria menos favorecida.
  8. 8. POLÍTICA Acompanhamento dos eleitos, nas diversas esferas: municipal, estadual e federal, para: Influenciar ações de cidadania; Apresentar propostas; Opinar sobre projetos; Acompanhar votações; Audiências públicas; Cobrar resultados;
  9. 9. SOCIAL Profissionais cristãos já envolvidos com o mercado de trabalho e suas respectivas entidades de classe: Advogados Juízes Militares Contadores Médicos Dentistas Enfermeiras Engenheiros Arquitetos Lojistas Comerciários ... Associação dos Moradores do Bairro
  10. 10. FACILITADORES Buscar apoio de políticos cristãos ligados a Igreja para promover o transito junto as demais autoridades. Federal Executivo Presidência / Ministros Legislativo Senadores / Deputados Estadual Executivo Governador / Secretarios Legislativo Deputados Municipal Executivo Prefeito / Secretarios Legislativo Vereadores
  11. 11. EVENTOS Periodicamente, devem ser promovidos encontros com representantes do legislativos, executivo e entidades, com objetivo de debater e cobrar ações sobre as promessas e propostas apresentadas. Os eventos podem ser organizados envolvendo 10 membros com duração de 1:30 a 2:00 no máximo.
  12. 12. SAL DA TERRA LUZ DO MUNDO O sal é um fogo arrancado das águas. (André Chouraqui). Suas propriedades o fazem instrumento para conservar e proteger alimento da putrefação, como também combater a corrosão. Sua virtude, que indica proteção e purificação, faz do sal um símbolo de incorruptibilidade. Jesus utiliza a metáfora do sal para claramente indicar a relevância de seus discípulos e suas comunidades no mundo. Da mesma forma usa a metáfora da luz, aplicada não apenas ao universo, mas também a uma cidade, uma casa e uma pessoa, para afirmar que seus discípulos e suas comunidades vivem sob o sagrado encargo de representar e expressar a beleza de Deus, o Pai Celestial, no mundo.
  13. 13. SAL DA TERRA LUZ DO MUNDO Vós sois o sal da terra; e se o sal for insípido, com que se há de salgar? Para nada mais presta senão para se lançar fora, e ser pisado pelos homens. Vós sois a luz do mundo; não se pode esconder uma cidade edificada sobre um monte; Nem se acende a candeia e se coloca debaixo do alqueire, mas no velador, e dá luz a todos que estão na casa. Assim resplandeça a vossa luz diante dos homens, para que vejam as vossas boas obras e glorifiquem a vosso Pai, que está nos céus. (Mateus 5:13-16)
  14. 14. Unidade nas ações para o bem comum. Mobilização de profissionais cristãos para influir e realizar ações nas diversas áreas da sociedade para o bem comum.

×