SlideShare uma empresa Scribd logo
TENTAÇÃOTENTAÇÃO
XX
SANTIFICAÇÃOSANTIFICAÇÃO
SANTIFICAÇÃOSANTIFICAÇÃO
o que é?o que é?
 SantificaçãoSantificação: processo para: processo para
alcançar a santidade.alcançar a santidade.
 SantidadeSantidade: é obedecer a Deus!: é obedecer a Deus!
 PecadoPecado: não é apenas o mal que: não é apenas o mal que
fazemos ao nosso próximo ou afazemos ao nosso próximo ou a
nós mesmos.nós mesmos. Pecado é rebeliãoPecado é rebelião
e ofensa contra Deuse ofensa contra Deus !!
Você sabe o que existe entre você e
seu próximo pecado?
A TENTAÇÃO!
As tentações são a porta de entrada
para qualquer pecado! Ainda que não
tenha reconhecido, você foi tentado
antes de pecar!
VIGIAI E ORAI...
Mat. 26.41
 Uma vez na tentação, você não está em
pecado, mas está mais próximo do que
nunca da queda!
 Certamente por isso que Jesus reservou
25% da oração dominical a este assunto
quando orou “e não nos deixes cair em
tentação; mas livra-nos do mal...” (Mt.6.13)
Todos os pecados sãoTodos os pecados são
iguais?iguais?
1 Jo 5.16
16 Se alguém vir pecar seu
irmão, pecado que não é para
morte, orará, e Deus dará a
vida àqueles que não pecarem
para morte. Há pecado paraHá pecado para
mortemorte, e por esse não digo que
ore.
Leia os textos:
Mt 12:31-32
31 Portanto, eu vos digo: Todo o pecado e
blasfêmia se perdoará aos homens; mas a
blasfêmia contra o Espírito não será perdoada
aos homens.
32 E, se qualquer disser alguma palavra contra
o Filho do homem, ser-lhe-á perdoado; mas, se
alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe
será perdoado, nem neste século nem no
futuro.
Leia os textos:
Rm 1:32
32 Os quais, conhecendo a
justiça de Deus (que são
dignos de morte os que tais
coisas praticam), não somente
as fazem, mas também
consentem aos que as fazem.
Leia os textos:
Hb 6:4-6
4 Porque é impossível que os que já uma vez
foram iluminados, e provaram o dom celestial,
e se tornaram participantes do Espírito Santo,
5 E provaram a boa palavra de Deus, e as
virtudes do século futuro,
6 E recaíram, sejam outra vez renovados para
arrependimento; pois assim, quanto a eles, de
novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem
ao vitupério.
Leia os textos:
Hb 10:26-27
Leia os textos:
26 Porque, se pecarmos voluntariamente,
depois de termos recebido o conhecimento
da verdade, já não resta mais sacrifício pelos
pecados,
27 Mas uma certa expectação horrível de
juízo, e ardor de fogo, que há de devorar os
adversários.
Tipos de pecados:Tipos de pecados:
João faz distinção entre dois tipos de
pecados:
2 – Pecados dignos de morte: Evidenciam
rebelião contra Deus e sua Palavra, resultante
da morte espiritual, ou conducente a ela, e à
separação da vida de Deus.
1 – Pecados menos graves: Ocorre
inconscientemente, ou sem a pessoa querer e
não levam imediatamente à morte espiritual;
?
?
PELO QUEPELO QUE
SOMOSSOMOS
TENTADOS?TENTADOS?
...pelo diabo......pelo diabo...
...pelo mundo......pelo mundo...
...e pela nossa carne......e pela nossa carne...
““Todo ser humano tem liberdade paraTodo ser humano tem liberdade para
modificar-se a qualquer momento.modificar-se a qualquer momento.
Podemos alegar que o diabo mePodemos alegar que o diabo me
obrigou a isso, mas o diabo só nosobrigou a isso, mas o diabo só nos
tenta.”tenta.”
COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO
OPERA?OPERA?
TIAGO 1.14-15TIAGO 1.14-15
 ““...cada um é...cada um é tentadotentado pela suapela sua
própriaprópria cobiçacobiça, quando esta o, quando esta o atraiatrai
e seduze seduz,,
 Então a cobiça, depois de haverEntão a cobiça, depois de haver
concebido, dá a luz oconcebido, dá a luz o pecadopecado; e o; e o
pecado, uma vezpecado, uma vez consumadoconsumado, gera, gera
aa mortemorte.”.”
COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO
OPERA?OPERA?
EXEMPLO:EXEMPLO: PORNOGRAFIA!PORNOGRAFIA!
 Dominação da mente e imaginaçãoDominação da mente e imaginação
 RitualRitual
 ExpressãoExpressão
 DesesperançaDesesperança
““Se uma pessoa é tentada,Se uma pessoa é tentada,
existem váriasexistem várias
considerações que lheconsiderações que lhe
poderiam trazer alívio,poderiam trazer alívio,
porém a tentação é tãoporém a tentação é tão
forte que domina suaforte que domina sua
mente e sua imaginação.mente e sua imaginação.
Ela é incapaz de seEla é incapaz de se
concentrar nas coisas queconcentrar nas coisas que
a libertaria.”a libertaria.”
““...este estágio de “expressão” é...este estágio de “expressão” é
acompanhado por algum ato, queacompanhado por algum ato, que
por sua vez alimenta ainda mais opor sua vez alimenta ainda mais o
ciclo do vício, pois traz uma forteciclo do vício, pois traz uma forte
sensação de prazer físico à fase desensação de prazer físico à fase de
expressão.”expressão.”
COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO
OPERA?OPERA?
PODEMOS ALTERAR OPODEMOS ALTERAR O
NOME DO PECADO...NOME DO PECADO...
EXEMPLO: ...EXEMPLO: ...
PENSE EM SEU PONTOPENSE EM SEU PONTO
FRACO!FRACO!
EXEMPLOS PONTOSEXEMPLOS PONTOS
FRACOSFRACOS
 Área Sexual – pornografia,Área Sexual – pornografia,
pensamentos sensuais, namoropensamentos sensuais, namoro
inadequado, defraudação, relaçõesinadequado, defraudação, relações
íntimas antes do casamento, etc.íntimas antes do casamento, etc.
 MentiraMentira
 RebeldiaRebeldia
 Indiferença com as coisas de DeusIndiferença com as coisas de Deus
 Etc.Etc.
SANTIFICAÇÃOSANTIFICAÇÃO
1 Tes.1 Tes. 4.3-84.3-8
Vontade de Deus – (Heb. 13.4)Vontade de Deus – (Heb. 13.4)
Saber possuir o próprio corpo comSaber possuir o próprio corpo com
santificação e honrasantificação e honra
Não com desejo lascivoNão com desejo lascivo
Cuidado com o corpo de nosso irmãoCuidado com o corpo de nosso irmão
Deus é o vingador!Deus é o vingador!
Quando rejeitamos este estilo de vidaQuando rejeitamos este estilo de vida
proposto por Deus rejeitamos a Deus!proposto por Deus rejeitamos a Deus!
...pecado...pressão...pode e...pecado...pressão...pode e
não pode... quero e nãonão pode... quero e não
quero...não consigo... culpa...quero...não consigo... culpa...
fracasso...fracasso...
DEUS TE CAPACITARÁ!DEUS TE CAPACITARÁ!
• 1 Cor. 10.13 - livramento
• Romanos 6.14 – promessa
• João 15 e Gál. 5.23 - Invista em seu
relacionamento com Jesus Cristo!
• Tiago 5.16 – Busque ajuda!
• Leia bons livros cristãos, desenvolva
relacionamentos sadios, coloque limites em
seu namoro, ocupe sua mente e seu corpo!
FUJA DA APARÊNCIA DO MAL!
INCREDULIDADE...
A PIOR TENTAÇÃO!
 Não cremos que Ele é amor, bondade e
misericórdia e que Ele de fato tenha o
melhor para nossas vidas!
 Temos medo de estar perdendo
“oportunidades”, de sermos
ultrapassados pelos amigos de nossa
idade, de ficarmos “encalhados”, de não
“aproveitarmos” a vida!
Heb. 4.14-16
““FelizFeliz aquele que teme ao Senhor eaquele que teme ao Senhor e
anda nos seus caminhos!” (Sal.anda nos seus caminhos!” (Sal.
128.1)128.1)
ESCOLHAESCOLHA
CRER E OBEDECER!CRER E OBEDECER!
MOTIVOS PARA A ABSTINÊNCIA!
 A abstinência protege você do medo e das
conseqüências das doenças sexualmente
transmissíveis.
 A abstinência livra você do medo e das
conseqüências da gravidez indesejada.
 A abstinência livra você do trauma do aborto.
 A abstinência livra você da pressão de casar-se
antes de estar preparado.
 A abstinência protege você de comparações
posteriores no casamento.
 A abstinência livra você da culpa.
 A abstinência livra você de um casamento errado.
ÚLTIMA PALAVRA...
Para aqueles que se encontram na
prática do pecado:
PARE AGORA!
INICIE O CAMINHO DE VOLTA!
FIM
Pecados menos graves? Como assim?
São cometidos por crentes espiritualmente fracos que necessitam
da oração do povo de Deus para ministrar-lhes a vida e a graça.
1 Jo 5:16
Instruções sobre essa oração:
1 – É para um crente fraco, cujo pecado não foi rebelião
deliberada contra a vontade de Deus. Ainda tem vida espiritual,
está arrependido e deseja libertar-se.
2 – A igreja precisa orar para que Deus dê “Vida” (restauração do
vigor espiritual e renovação da graça de Deus). Deus promete que
atenderá essa oração.
3 – Para quem antes foi crente e cometeu pecado “para a morte”,
a igreja não pode orar com a certeza de que Deus dará mais graça
e vida. Para receber vida tem que se arrepender e voltar para Deus
primeiro. Rm 8:13
Esse tipo de pecado, como um estado, envolve
transgressão e desobediência deliberadas, continuadas,
conscientes. Os praticantes desse tipo de pecado estão
mortos espiritualmente e somente poderão receber a vida
caso se arrependam de verdade. E o verdadeiro
arrependimento envolve intelecto, sentimento e vontade.
São, na verdade, tipos de pecado que levam o seu
praticante à morte física prematura, como: desobediência
deliberada (1 Rs 13.26); incesto (1 Co 5.5); murmuração
(1 Co 10.5); profanação (1 Co 11.29-32); desvio (Jr
16.5,6); tentar a Deus (Nm 14.29,32,35; 18.22; 27.12-14);
falsidade (At 5.10); rebeldia, não a momentânea, mas
como estado (Ef 6.3).
2 – Pecados dignos de morte:
Santidade x pecado
Os pecados que levam os crentes se esfriar espiritualmente até morrer
e assim perderam a salvação são:
1) Não perdoar os pecados, que as outras pessoas fez contra você (Mt
6.15). Para entender o quão serio é esse pecado leia a Parábola do
devedor mau (Mt 18.21-35).
2 – Tipos de Pecados:
2) Cometer escândalos: pessoas que fazem ou levam outros a pecarem
e difamarem a Igreja e os Cristãos e o nome de Jesus e assim por
serem fracos na fé abandonar a Jesus(Mt 18.6,7). 1Co 6.9,10
3) Cometer adultério: Adultério para com a palavra de DEUS é o que o
nosso Senhor Jesus menciona a respeito em (Mt 19.5 - 9).
4) Idólatras: Não é só ídolos, mais também é qualquer coisa ou
pessoa que um Cristão considera e colocar em lugar em sua vida.
5) Devasso ou impuro(Imoral):Pessoas que fazem atos que é contra a
moral e os bons costumes que DEUS estabeleceu e ordenou ao ser
humano praticar.Ex: Usar roupas que atraem os olhares lascivos de
outras pessoas e palavras imorais. Ver: Heb 12:16-17
6) Sodomitas, lesbianismo e efeminados: São pessoas que trocaram a
sexualidade natural por atos contrários ao que DEUS determinou.
(Romanos 1:26,27).
7) Ladrões e roubadores: Pessoas que adquirem alguma coisa pra si
ou para os outros, sem terem trabalhado e nem ganhado aquilo de
uma forma honesta. Ex: prestadores de serviço, que cobram sem
terem feito o serviço ou preço duas, três ou mais vezes do valor que
deveria e mentido ainda para justificar o alto preço do serviço
prestado.
8) Avarentos: E a pessoa que tem apego exagerado a dinheiro e coisas
materiais (mesquinho), que também é o mesmo que idolatria (Cl 3:5).
9) Bêbados ou beberrão: Pessoas que só levam a vida em destruir seu corpo
com as bebidas, DEUS nos aconselha a não bebemos e sim nos enchemos do
Espírito Santo (Ef 5.18)
10) Maldizentes: Pessoas que se reclamam da própria vida e falam mal da vida
dos outros (fofoqueiros).
11) Injustos: Tudo aquilo que alguém faz com os outros que ele não queria que
se fizesse com ele (Cl 3.25). Pois aquele que faz injustiça receberá em troco a
injustiça feita; e nisto não há acepção de pessoas.
12 ) Fornicação: Pessoas que praticam relações antes do casamento.
13) Lascívia: Pessoas de Conduta vergonhosa, com sensualidade, imoralidade
sexual e piadas imorais.
14) Feitiçarias: Pessoas que buscam e praticam: feitiçaria e suas ramificações
exemplos delas são: macumba, misticismo, cartomancia, adivinhação,
espiritismo, astrologia: Ex:signo nos jornais e revistas simpatias que são
encantamentos diabólicos, Nova Era com seu ocultismo e a simbologia.
15) Inimizades: Pessoas que só vivem fazendo inimizade com outras pessoas.
Em vez de ser luz para o mundo essas pessoas são trevas e por isso as
pessoas se intrigam com eles.
16) Porfias: Pessoas que fazem disputas, rixas e contendas.
17) Discórdias ou Dissensões: Pessoas que discordam de quase tudo, que não
entra em acordo com as outras pessoas e sempre é contra as atitudes do pastor
e da Igreja e da maiorias dos irmãos na fé.
18) Iras: São pessoas que deixam a raiva, o ódio e a fúria lhe dominar, e os
incitar contra os outros.
19) Orgias(Glutonarias): Pessoas apegadas exageradamente as festas(festejos)
com as farras e as bebidas e comidas que tem nelas.
20) Pelejas: Pessoas que gostam e fazem ou estão em guerras e brigas.
21) Heresias ou facções: Pessoas que criam doutrinas contrárias as de DEUS; Ex:
Dizer que não é pecado se prostituir, dizer que salvo uma vez, salvo para sempre
e tudo mais que comprometa a salvação da alma das pessoas é heresia e DEUS
não tem por inocente quem assim age.
22) Invejas: Pessoas que tem pesar ou desgosto da felicidade e dos bens que os
outros possuem e desejam o que ela tem.
23) Timidez ou vergonha: As pessoas que tem vergonha de ser seguidor de
Jesus e de testemunha publicamente sua fé em Jesus (Mc 8.38;Ap 21.8)
24) Incrédulos: Cristão que nascem em lar Cristão e nunca verdadeiramente
deram credito e se convencerão que eram salvos por serem praticante de uma
religião e todos as outras pessoas que não crêem na bíblia como a Palavra
escrita de DEUS.
25) Abomináveis: Pessoas que praticam pecados imundos e nojentos, como:
pedofilia, sexo com animal e tudo mais que seja nojento de até se pensar.
26) Assassinos. São todos os que matam os outros literalmente e também que
ferem e até matam a fé ou amor de outras pelas suas palavras e ações.
27) mentirosos: Mentira é tudo quanto não é verdade ou não estar sendo
sincero, não tem como uma pessoa afirmar ser seguidor de Jesus de ele estar
diariamente mentindo, isso por que Jesus é a verdade (Jo 14.6) e todos que o
seguem tem que seguir a verdade.
28) Abandonar a fé em Jesus: Não seguir mais Jesus depois de ser salvo por
Ele e conhecedor de DEUS e participante da unção do Espírito Santo(Hebreu
6:4 a 6), estar pessoa estar condenado ao inferno.
29) Blasfemar contra o Espírito Santo: (Mc 3.29).
30) Suicidar-se ou seja tirar a sua própria vida: (1 Co 3.17). Esse pecado não
tem perdão e sendo assim quem o pratica também estar condenado ao
inferno.
1 CORÍNTIOS CAPÍTULO 10
1 ORA, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais
estiveram todos debaixo da nuvem, e todos passaram pelo mar.
2 E todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar,
3 E todos comeram de uma mesma comida espiritual,
4 E beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque
bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo.
5 Mas Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram
prostrados no deserto.
6 E estas coisas foram-nos feitas em figura, para que não
cobicemos as coisas más, como eles cobiçaram.
7 Não vos façais, pois, idólatras, como alguns deles, conforme
está escrito: O povo assentou-se a comer e a beber, e levantou-se
para folgar.
8 E não nos prostituamos, como alguns deles fizeram;
9 E não tentemos a Cristo, como alguns deles também tentaram,
10 E não murmureis, como também alguns deles murmuraram,
e pereceram pelo destruidor.
e caíram num dia vinte e três mil.
e pereceram pelas serpentes.
11 Ora, tudo isto lhes sobreveio como figuras, e estão escritas
para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos
séculos.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Éder Tomé
 
Lição 2 - Pecado uma realidade humana
Lição 2 - Pecado uma realidade humanaLição 2 - Pecado uma realidade humana
Lição 2 - Pecado uma realidade humana
Erberson Pinheiro
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Erberson Pinheiro
 
Palestra maturidade cristã
Palestra   maturidade cristãPalestra   maturidade cristã
Palestra maturidade cristã
Junior Cesar Santiago
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
Josue Lima
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Éder Tomé
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Éder Tomé
 
Uma igreja vivendo em pequenos grupos
Uma igreja vivendo em pequenos gruposUma igreja vivendo em pequenos grupos
Uma igreja vivendo em pequenos grupos
Viva a Igreja
 
Estudo 16 oração e jejum
Estudo 16   oração e jejumEstudo 16   oração e jejum
Estudo 16 oração e jejum
Jaed Gomes
 
7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
RODRIGO FERREIRA
 
Lição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da SalvaçãoLição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da Salvação
Éder Tomé
 
Eclesiologia ana
Eclesiologia anaEclesiologia ana
Eclesiologia ana
Eraldo Luciano
 
Palestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblicaPalestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblica
ADMILTON SOARES
 
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus CristoLição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
Éder Tomé
 
Lição 01 - Uma promessa de Salvação
Lição 01 - Uma promessa de SalvaçãoLição 01 - Uma promessa de Salvação
Lição 01 - Uma promessa de Salvação
Éder Tomé
 
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Éder Tomé
 
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a EleLição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
Éder Tomé
 
6. sinais da volta de jesus
6. sinais da volta de jesus6. sinais da volta de jesus
6. sinais da volta de jesus
Moisés Sampaio
 
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretasLição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
Éder Tomé
 

Mais procurados (20)

Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
 
Lição 2 - Pecado uma realidade humana
Lição 2 - Pecado uma realidade humanaLição 2 - Pecado uma realidade humana
Lição 2 - Pecado uma realidade humana
 
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristãoLição 1 - A formação do caráter do cristão
Lição 1 - A formação do caráter do cristão
 
Palestra maturidade cristã
Palestra   maturidade cristãPalestra   maturidade cristã
Palestra maturidade cristã
 
Conhecendo a salvação
Conhecendo a salvaçãoConhecendo a salvação
Conhecendo a salvação
 
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humanaLição 02 - Pecado: uma realidade humana
Lição 02 - Pecado: uma realidade humana
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
 
Uma igreja vivendo em pequenos grupos
Uma igreja vivendo em pequenos gruposUma igreja vivendo em pequenos grupos
Uma igreja vivendo em pequenos grupos
 
Estudo 16 oração e jejum
Estudo 16   oração e jejumEstudo 16   oração e jejum
Estudo 16 oração e jejum
 
7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos7. atos dos apóstolos
7. atos dos apóstolos
 
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
Epístolas Gerais - I e II Pedro, I II e III João, Judas.
 
Lição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da SalvaçãoLição 10 - O Processo da Salvação
Lição 10 - O Processo da Salvação
 
Eclesiologia ana
Eclesiologia anaEclesiologia ana
Eclesiologia ana
 
Palestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblicaPalestra escatologia bíblica
Palestra escatologia bíblica
 
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus CristoLição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
Lição 11 - A Ressurreição de Jesus Cristo
 
Lição 01 - Uma promessa de Salvação
Lição 01 - Uma promessa de SalvaçãoLição 01 - Uma promessa de Salvação
Lição 01 - Uma promessa de Salvação
 
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
Lição 12 - A necessidade do batismo com o Espírito Santo.
 
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a EleLição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
Lição 2 - Deus cuida dos que se dedicam a Ele
 
6. sinais da volta de jesus
6. sinais da volta de jesus6. sinais da volta de jesus
6. sinais da volta de jesus
 
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretasLição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
Lição 6 - O temor a Deus e as atitudes corretas
 

Destaque

A santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
A santidade como objetivo diário do crente verdadeiroA santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
A santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
Daladier Lima
 
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
dilima20
 
07 tipos de pecado
07 tipos de pecado07 tipos de pecado
07 tipos de pecado
Genalldo Lima
 
Pecado [slides]
Pecado [slides]Pecado [slides]
Pecado [slides]
PIBJA
 
O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6
Quenia Damata
 
Amargura
AmarguraAmargura
A morte do pecado
A morte do pecadoA morte do pecado
A morte do pecado
animaiselvagens
 
Amigos espirituais
Amigos espirituaisAmigos espirituais
Amigos espirituais
G. Gomes
 
Outra Versão de Amargura
Outra Versão de AmarguraOutra Versão de Amargura
Outra Versão de Amargura
Editora EME
 
Amargura power
Amargura powerAmargura power
Amargura power
directoalcorazon
 
Relacionamentos x deus
Relacionamentos x deusRelacionamentos x deus
Relacionamentos x deus
tabernaculoamorevida
 
Raio X do pecado Romanos 3:1-20
Raio X do pecado Romanos 3:1-20Raio X do pecado Romanos 3:1-20
Raio X do pecado Romanos 3:1-20
Fran Eduardo Oliveira
 
Lição 05
Lição 05Lição 05
Lição 05
Escol Dominical
 
A nova bossa
A nova bossaA nova bossa
A nova bossa
Leonardo Sarmanho
 
Estevão
EstevãoEstevão
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
Miguel Rosario
 
Não cobiçarás
Não cobiçarásNão cobiçarás
Não cobiçarás
Moisés Sampaio
 
Glúten de Deus
Glúten de DeusGlúten de Deus
Glúten de Deus
José Silva
 
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJVida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
Rossita Figueira
 

Destaque (20)

A santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
A santidade como objetivo diário do crente verdadeiroA santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
A santidade como objetivo diário do crente verdadeiro
 
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
O Pecado De Davi E Suas ConsequêNcias (2)
 
07 tipos de pecado
07 tipos de pecado07 tipos de pecado
07 tipos de pecado
 
Pecado [slides]
Pecado [slides]Pecado [slides]
Pecado [slides]
 
O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6O pecado e suas consequências - Lição 6
O pecado e suas consequências - Lição 6
 
Amargura
AmarguraAmargura
Amargura
 
A morte do pecado
A morte do pecadoA morte do pecado
A morte do pecado
 
Amigos espirituais
Amigos espirituaisAmigos espirituais
Amigos espirituais
 
Outra Versão de Amargura
Outra Versão de AmarguraOutra Versão de Amargura
Outra Versão de Amargura
 
Amargura power
Amargura powerAmargura power
Amargura power
 
Relacionamentos x deus
Relacionamentos x deusRelacionamentos x deus
Relacionamentos x deus
 
Raio X do pecado Romanos 3:1-20
Raio X do pecado Romanos 3:1-20Raio X do pecado Romanos 3:1-20
Raio X do pecado Romanos 3:1-20
 
Lição 05
Lição 05Lição 05
Lição 05
 
Comouflage
ComouflageComouflage
Comouflage
 
A nova bossa
A nova bossaA nova bossa
A nova bossa
 
Estevão
EstevãoEstevão
Estevão
 
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
Pesquisa Datafolha 28 a 29 de agosto de 2014 - Eleições para Presidente 2014
 
Não cobiçarás
Não cobiçarásNão cobiçarás
Não cobiçarás
 
Glúten de Deus
Glúten de DeusGlúten de Deus
Glúten de Deus
 
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJVida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
Vida sem gluten- Receitas fáceis- ACELBRA-RJ
 

Semelhante a Santidade x pecado

Cura-da-alma-2012.ppt
Cura-da-alma-2012.pptCura-da-alma-2012.ppt
Cura-da-alma-2012.ppt
DomSidoBBQ
 
Tentação
TentaçãoTentação
Tentação
Noimix
 
Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013
Silas Roberto Nogueira
 
Raimundo moura crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
Raimundo moura   crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..Raimundo moura   crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
Raimundo moura crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
norbertopm1
 
40 reavivamento verdadeiro completo
40   reavivamento verdadeiro completo40   reavivamento verdadeiro completo
40 reavivamento verdadeiro completo
Divanilson Cardoso
 
Nascidos para vencer
Nascidos para vencerNascidos para vencer
Nascidos para vencer
JosiSantana1
 
VENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕESVENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕES
Nilson Dias Carla
 
(28) Cura Interior.pdf
(28) Cura Interior.pdf(28) Cura Interior.pdf
(28) Cura Interior.pdf
LeonardoRangelCruz
 
Efriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retornoEfriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retorno
MINISTERIO IPCA.
 
Epa
Epa Epa
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
Mariano Silva
 
vencendo a depressão
vencendo a depressãovencendo a depressão
vencendo a depressão
Rômulo Martins
 
Lição 3 aluno
Lição 3 alunoLição 3 aluno
Lição 3 aluno
Demerval Fernandes
 
Andando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da SantidadeAndando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da Santidade
IBMemorialJC
 
Book cristo aquele-que-cura
Book cristo aquele-que-curaBook cristo aquele-que-cura
Book cristo aquele-que-cura
tadslideshare
 
Amargura pr. jorge
Amargura  pr. jorgeAmargura  pr. jorge
Amargura pr. jorge
Igreja Quatá
 
Para que confessar-se
Para que confessar-sePara que confessar-se
Para que confessar-se
Maria José Gonçalves
 
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
IvairCampos1
 
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard SibbesAjuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
Silvio Dutra
 
A doutrina do pecado
A doutrina do pecadoA doutrina do pecado
A doutrina do pecado
Marcianno Teofilo
 

Semelhante a Santidade x pecado (20)

Cura-da-alma-2012.ppt
Cura-da-alma-2012.pptCura-da-alma-2012.ppt
Cura-da-alma-2012.ppt
 
Tentação
TentaçãoTentação
Tentação
 
Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013Boletim CBG_18 ago-2013
Boletim CBG_18 ago-2013
 
Raimundo moura crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
Raimundo moura   crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..Raimundo moura   crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
Raimundo moura crentes carnais – 1 coríntios 3. 1 a 3..
 
40 reavivamento verdadeiro completo
40   reavivamento verdadeiro completo40   reavivamento verdadeiro completo
40 reavivamento verdadeiro completo
 
Nascidos para vencer
Nascidos para vencerNascidos para vencer
Nascidos para vencer
 
VENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕESVENCENDO AS TENTAÇÕES
VENCENDO AS TENTAÇÕES
 
(28) Cura Interior.pdf
(28) Cura Interior.pdf(28) Cura Interior.pdf
(28) Cura Interior.pdf
 
Efriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retornoEfriamento espiritual a queda e o retorno
Efriamento espiritual a queda e o retorno
 
Epa
Epa Epa
Epa
 
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
Apostilaimpacto 130720022214-phpapp02
 
vencendo a depressão
vencendo a depressãovencendo a depressão
vencendo a depressão
 
Lição 3 aluno
Lição 3 alunoLição 3 aluno
Lição 3 aluno
 
Andando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da SantidadeAndando pelo Caminho da Santidade
Andando pelo Caminho da Santidade
 
Book cristo aquele-que-cura
Book cristo aquele-que-curaBook cristo aquele-que-cura
Book cristo aquele-que-cura
 
Amargura pr. jorge
Amargura  pr. jorgeAmargura  pr. jorge
Amargura pr. jorge
 
Para que confessar-se
Para que confessar-sePara que confessar-se
Para que confessar-se
 
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
02 - Pecado. doutrina ensinamento sobre como essa doutrina afeta a prática cr...
 
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard SibbesAjuda para os Fracos - Richard Sibbes
Ajuda para os Fracos - Richard Sibbes
 
A doutrina do pecado
A doutrina do pecadoA doutrina do pecado
A doutrina do pecado
 

Último

3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
PIB Penha
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
PIB Penha
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
EdimarEdigesso
 
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.pptA VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
AlexandreCarvalho858758
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
Marta Gomes
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Ricardo Azevedo
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
Rogério Augusto Ayres de Araujo
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
FranciscoAudisio2
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Celso Napoleon
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
OBrasilParaCristoRad
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
PIB Penha
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
AlailzaSoares1
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
mfixa3824
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
AndreyCamarini
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
EzeirAlvesdaSilva
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
Nilson Almeida
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
AlexandreJr7
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
PIB Penha
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
OBrasilParaCristoRad
 

Último (20)

3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
3 - O Caráter do Cristão 2. Lição 3: O CARÁTER DO CRISTÃO (2)
 
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
4 - A Influência do Cristão. Mateus 5.16 Da mesma forma, brilhe a luz de você...
 
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
Marie Louise Von Franz - Alquimia.pdf001
 
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.pptA VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
A VIVÊNCIA DO SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO slides.ppt
 
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptxApresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
Apresentação Transformando-Membros-e-Líderes.pptx
 
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
1.3 - Criação. Considerações e concordâncias bíblicas no tocante à criação.
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - RevidesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 142 - Revides
 
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújoquem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
quem e essa pessoa. Rogerio Augusto Ayres de Araújo
 
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.pptPALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
PALESTRA SACRAMENTO DO MATRIMÔNIO 09-09-2017 slides.ppt
 
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptxLição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
Lição 2 O Livro de Rute - CPAD Adultos.pptx
 
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
7 - Cristo Cura, Sim!.ppt HINO DDA HARPA
 
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são  pe...
2 - O Caráter do Cristão 1."Bem-aventurado aquele cujas transgressões são pe...
 
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
21 Dias - Jejum de Daniel Copyright ©️ de Joel Engel.pdf
 
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.pptAngelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
Angelologia - Estudo sobre a Doutrina dos Anjos.ppt
 
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdfBiblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
Biblia em ordem cronologica-Edward Reese e Frank Klassen-NVI-pdf.pdf
 
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdfauxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
auxiliar- juvenis-1trimestre de 2024.pdf
 
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
10 Orações Poderosas Ao Espírito Santo
 
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
Especialidade  Arqueologia  Bíblica.pptxEspecialidade  Arqueologia  Bíblica.pptx
Especialidade Arqueologia Bíblica.pptx
 
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
1 - Jesus - O Mestre por Excelência. Mt 1,2 "Ao ver as multidões, Jesus subiu...
 
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
3 - Plena Paz.ppt Harpa cristã assembleia
 

Santidade x pecado

  • 2. SANTIFICAÇÃOSANTIFICAÇÃO o que é?o que é?  SantificaçãoSantificação: processo para: processo para alcançar a santidade.alcançar a santidade.  SantidadeSantidade: é obedecer a Deus!: é obedecer a Deus!  PecadoPecado: não é apenas o mal que: não é apenas o mal que fazemos ao nosso próximo ou afazemos ao nosso próximo ou a nós mesmos.nós mesmos. Pecado é rebeliãoPecado é rebelião e ofensa contra Deuse ofensa contra Deus !!
  • 3. Você sabe o que existe entre você e seu próximo pecado? A TENTAÇÃO! As tentações são a porta de entrada para qualquer pecado! Ainda que não tenha reconhecido, você foi tentado antes de pecar!
  • 4. VIGIAI E ORAI... Mat. 26.41  Uma vez na tentação, você não está em pecado, mas está mais próximo do que nunca da queda!  Certamente por isso que Jesus reservou 25% da oração dominical a este assunto quando orou “e não nos deixes cair em tentação; mas livra-nos do mal...” (Mt.6.13)
  • 5. Todos os pecados sãoTodos os pecados são iguais?iguais?
  • 6. 1 Jo 5.16 16 Se alguém vir pecar seu irmão, pecado que não é para morte, orará, e Deus dará a vida àqueles que não pecarem para morte. Há pecado paraHá pecado para mortemorte, e por esse não digo que ore. Leia os textos:
  • 7. Mt 12:31-32 31 Portanto, eu vos digo: Todo o pecado e blasfêmia se perdoará aos homens; mas a blasfêmia contra o Espírito não será perdoada aos homens. 32 E, se qualquer disser alguma palavra contra o Filho do homem, ser-lhe-á perdoado; mas, se alguém falar contra o Espírito Santo, não lhe será perdoado, nem neste século nem no futuro. Leia os textos:
  • 8. Rm 1:32 32 Os quais, conhecendo a justiça de Deus (que são dignos de morte os que tais coisas praticam), não somente as fazem, mas também consentem aos que as fazem. Leia os textos:
  • 9. Hb 6:4-6 4 Porque é impossível que os que já uma vez foram iluminados, e provaram o dom celestial, e se tornaram participantes do Espírito Santo, 5 E provaram a boa palavra de Deus, e as virtudes do século futuro, 6 E recaíram, sejam outra vez renovados para arrependimento; pois assim, quanto a eles, de novo crucificam o Filho de Deus, e o expõem ao vitupério. Leia os textos:
  • 10. Hb 10:26-27 Leia os textos: 26 Porque, se pecarmos voluntariamente, depois de termos recebido o conhecimento da verdade, já não resta mais sacrifício pelos pecados, 27 Mas uma certa expectação horrível de juízo, e ardor de fogo, que há de devorar os adversários.
  • 11. Tipos de pecados:Tipos de pecados: João faz distinção entre dois tipos de pecados: 2 – Pecados dignos de morte: Evidenciam rebelião contra Deus e sua Palavra, resultante da morte espiritual, ou conducente a ela, e à separação da vida de Deus. 1 – Pecados menos graves: Ocorre inconscientemente, ou sem a pessoa querer e não levam imediatamente à morte espiritual; ? ?
  • 15. ...e pela nossa carne......e pela nossa carne...
  • 16. ““Todo ser humano tem liberdade paraTodo ser humano tem liberdade para modificar-se a qualquer momento.modificar-se a qualquer momento. Podemos alegar que o diabo mePodemos alegar que o diabo me obrigou a isso, mas o diabo só nosobrigou a isso, mas o diabo só nos tenta.”tenta.”
  • 17. COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO OPERA?OPERA? TIAGO 1.14-15TIAGO 1.14-15  ““...cada um é...cada um é tentadotentado pela suapela sua própriaprópria cobiçacobiça, quando esta o, quando esta o atraiatrai e seduze seduz,,  Então a cobiça, depois de haverEntão a cobiça, depois de haver concebido, dá a luz oconcebido, dá a luz o pecadopecado; e o; e o pecado, uma vezpecado, uma vez consumadoconsumado, gera, gera aa mortemorte.”.”
  • 18. COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO OPERA?OPERA? EXEMPLO:EXEMPLO: PORNOGRAFIA!PORNOGRAFIA!  Dominação da mente e imaginaçãoDominação da mente e imaginação  RitualRitual  ExpressãoExpressão  DesesperançaDesesperança
  • 19. ““Se uma pessoa é tentada,Se uma pessoa é tentada, existem váriasexistem várias considerações que lheconsiderações que lhe poderiam trazer alívio,poderiam trazer alívio, porém a tentação é tãoporém a tentação é tão forte que domina suaforte que domina sua mente e sua imaginação.mente e sua imaginação. Ela é incapaz de seEla é incapaz de se concentrar nas coisas queconcentrar nas coisas que a libertaria.”a libertaria.”
  • 20. ““...este estágio de “expressão” é...este estágio de “expressão” é acompanhado por algum ato, queacompanhado por algum ato, que por sua vez alimenta ainda mais opor sua vez alimenta ainda mais o ciclo do vício, pois traz uma forteciclo do vício, pois traz uma forte sensação de prazer físico à fase desensação de prazer físico à fase de expressão.”expressão.”
  • 21. COMO A TENTAÇÃOCOMO A TENTAÇÃO OPERA?OPERA? PODEMOS ALTERAR OPODEMOS ALTERAR O NOME DO PECADO...NOME DO PECADO... EXEMPLO: ...EXEMPLO: ... PENSE EM SEU PONTOPENSE EM SEU PONTO FRACO!FRACO!
  • 22. EXEMPLOS PONTOSEXEMPLOS PONTOS FRACOSFRACOS  Área Sexual – pornografia,Área Sexual – pornografia, pensamentos sensuais, namoropensamentos sensuais, namoro inadequado, defraudação, relaçõesinadequado, defraudação, relações íntimas antes do casamento, etc.íntimas antes do casamento, etc.  MentiraMentira  RebeldiaRebeldia  Indiferença com as coisas de DeusIndiferença com as coisas de Deus  Etc.Etc.
  • 23. SANTIFICAÇÃOSANTIFICAÇÃO 1 Tes.1 Tes. 4.3-84.3-8 Vontade de Deus – (Heb. 13.4)Vontade de Deus – (Heb. 13.4) Saber possuir o próprio corpo comSaber possuir o próprio corpo com santificação e honrasantificação e honra Não com desejo lascivoNão com desejo lascivo Cuidado com o corpo de nosso irmãoCuidado com o corpo de nosso irmão Deus é o vingador!Deus é o vingador! Quando rejeitamos este estilo de vidaQuando rejeitamos este estilo de vida proposto por Deus rejeitamos a Deus!proposto por Deus rejeitamos a Deus!
  • 24. ...pecado...pressão...pode e...pecado...pressão...pode e não pode... quero e nãonão pode... quero e não quero...não consigo... culpa...quero...não consigo... culpa... fracasso...fracasso...
  • 25. DEUS TE CAPACITARÁ!DEUS TE CAPACITARÁ! • 1 Cor. 10.13 - livramento • Romanos 6.14 – promessa • João 15 e Gál. 5.23 - Invista em seu relacionamento com Jesus Cristo! • Tiago 5.16 – Busque ajuda! • Leia bons livros cristãos, desenvolva relacionamentos sadios, coloque limites em seu namoro, ocupe sua mente e seu corpo! FUJA DA APARÊNCIA DO MAL!
  • 26. INCREDULIDADE... A PIOR TENTAÇÃO!  Não cremos que Ele é amor, bondade e misericórdia e que Ele de fato tenha o melhor para nossas vidas!  Temos medo de estar perdendo “oportunidades”, de sermos ultrapassados pelos amigos de nossa idade, de ficarmos “encalhados”, de não “aproveitarmos” a vida! Heb. 4.14-16
  • 27. ““FelizFeliz aquele que teme ao Senhor eaquele que teme ao Senhor e anda nos seus caminhos!” (Sal.anda nos seus caminhos!” (Sal. 128.1)128.1) ESCOLHAESCOLHA CRER E OBEDECER!CRER E OBEDECER!
  • 28. MOTIVOS PARA A ABSTINÊNCIA!  A abstinência protege você do medo e das conseqüências das doenças sexualmente transmissíveis.  A abstinência livra você do medo e das conseqüências da gravidez indesejada.  A abstinência livra você do trauma do aborto.  A abstinência livra você da pressão de casar-se antes de estar preparado.  A abstinência protege você de comparações posteriores no casamento.  A abstinência livra você da culpa.  A abstinência livra você de um casamento errado.
  • 29. ÚLTIMA PALAVRA... Para aqueles que se encontram na prática do pecado: PARE AGORA! INICIE O CAMINHO DE VOLTA! FIM
  • 30. Pecados menos graves? Como assim? São cometidos por crentes espiritualmente fracos que necessitam da oração do povo de Deus para ministrar-lhes a vida e a graça. 1 Jo 5:16 Instruções sobre essa oração: 1 – É para um crente fraco, cujo pecado não foi rebelião deliberada contra a vontade de Deus. Ainda tem vida espiritual, está arrependido e deseja libertar-se. 2 – A igreja precisa orar para que Deus dê “Vida” (restauração do vigor espiritual e renovação da graça de Deus). Deus promete que atenderá essa oração. 3 – Para quem antes foi crente e cometeu pecado “para a morte”, a igreja não pode orar com a certeza de que Deus dará mais graça e vida. Para receber vida tem que se arrepender e voltar para Deus primeiro. Rm 8:13
  • 31. Esse tipo de pecado, como um estado, envolve transgressão e desobediência deliberadas, continuadas, conscientes. Os praticantes desse tipo de pecado estão mortos espiritualmente e somente poderão receber a vida caso se arrependam de verdade. E o verdadeiro arrependimento envolve intelecto, sentimento e vontade. São, na verdade, tipos de pecado que levam o seu praticante à morte física prematura, como: desobediência deliberada (1 Rs 13.26); incesto (1 Co 5.5); murmuração (1 Co 10.5); profanação (1 Co 11.29-32); desvio (Jr 16.5,6); tentar a Deus (Nm 14.29,32,35; 18.22; 27.12-14); falsidade (At 5.10); rebeldia, não a momentânea, mas como estado (Ef 6.3). 2 – Pecados dignos de morte:
  • 33. Os pecados que levam os crentes se esfriar espiritualmente até morrer e assim perderam a salvação são: 1) Não perdoar os pecados, que as outras pessoas fez contra você (Mt 6.15). Para entender o quão serio é esse pecado leia a Parábola do devedor mau (Mt 18.21-35). 2 – Tipos de Pecados: 2) Cometer escândalos: pessoas que fazem ou levam outros a pecarem e difamarem a Igreja e os Cristãos e o nome de Jesus e assim por serem fracos na fé abandonar a Jesus(Mt 18.6,7). 1Co 6.9,10 3) Cometer adultério: Adultério para com a palavra de DEUS é o que o nosso Senhor Jesus menciona a respeito em (Mt 19.5 - 9). 4) Idólatras: Não é só ídolos, mais também é qualquer coisa ou pessoa que um Cristão considera e colocar em lugar em sua vida.
  • 34. 5) Devasso ou impuro(Imoral):Pessoas que fazem atos que é contra a moral e os bons costumes que DEUS estabeleceu e ordenou ao ser humano praticar.Ex: Usar roupas que atraem os olhares lascivos de outras pessoas e palavras imorais. Ver: Heb 12:16-17 6) Sodomitas, lesbianismo e efeminados: São pessoas que trocaram a sexualidade natural por atos contrários ao que DEUS determinou. (Romanos 1:26,27). 7) Ladrões e roubadores: Pessoas que adquirem alguma coisa pra si ou para os outros, sem terem trabalhado e nem ganhado aquilo de uma forma honesta. Ex: prestadores de serviço, que cobram sem terem feito o serviço ou preço duas, três ou mais vezes do valor que deveria e mentido ainda para justificar o alto preço do serviço prestado.
  • 35. 8) Avarentos: E a pessoa que tem apego exagerado a dinheiro e coisas materiais (mesquinho), que também é o mesmo que idolatria (Cl 3:5). 9) Bêbados ou beberrão: Pessoas que só levam a vida em destruir seu corpo com as bebidas, DEUS nos aconselha a não bebemos e sim nos enchemos do Espírito Santo (Ef 5.18) 10) Maldizentes: Pessoas que se reclamam da própria vida e falam mal da vida dos outros (fofoqueiros). 11) Injustos: Tudo aquilo que alguém faz com os outros que ele não queria que se fizesse com ele (Cl 3.25). Pois aquele que faz injustiça receberá em troco a injustiça feita; e nisto não há acepção de pessoas. 12 ) Fornicação: Pessoas que praticam relações antes do casamento.
  • 36. 13) Lascívia: Pessoas de Conduta vergonhosa, com sensualidade, imoralidade sexual e piadas imorais. 14) Feitiçarias: Pessoas que buscam e praticam: feitiçaria e suas ramificações exemplos delas são: macumba, misticismo, cartomancia, adivinhação, espiritismo, astrologia: Ex:signo nos jornais e revistas simpatias que são encantamentos diabólicos, Nova Era com seu ocultismo e a simbologia. 15) Inimizades: Pessoas que só vivem fazendo inimizade com outras pessoas. Em vez de ser luz para o mundo essas pessoas são trevas e por isso as pessoas se intrigam com eles. 16) Porfias: Pessoas que fazem disputas, rixas e contendas.
  • 37. 17) Discórdias ou Dissensões: Pessoas que discordam de quase tudo, que não entra em acordo com as outras pessoas e sempre é contra as atitudes do pastor e da Igreja e da maiorias dos irmãos na fé. 18) Iras: São pessoas que deixam a raiva, o ódio e a fúria lhe dominar, e os incitar contra os outros. 19) Orgias(Glutonarias): Pessoas apegadas exageradamente as festas(festejos) com as farras e as bebidas e comidas que tem nelas. 20) Pelejas: Pessoas que gostam e fazem ou estão em guerras e brigas. 21) Heresias ou facções: Pessoas que criam doutrinas contrárias as de DEUS; Ex: Dizer que não é pecado se prostituir, dizer que salvo uma vez, salvo para sempre e tudo mais que comprometa a salvação da alma das pessoas é heresia e DEUS não tem por inocente quem assim age.
  • 38. 22) Invejas: Pessoas que tem pesar ou desgosto da felicidade e dos bens que os outros possuem e desejam o que ela tem. 23) Timidez ou vergonha: As pessoas que tem vergonha de ser seguidor de Jesus e de testemunha publicamente sua fé em Jesus (Mc 8.38;Ap 21.8) 24) Incrédulos: Cristão que nascem em lar Cristão e nunca verdadeiramente deram credito e se convencerão que eram salvos por serem praticante de uma religião e todos as outras pessoas que não crêem na bíblia como a Palavra escrita de DEUS. 25) Abomináveis: Pessoas que praticam pecados imundos e nojentos, como: pedofilia, sexo com animal e tudo mais que seja nojento de até se pensar. 26) Assassinos. São todos os que matam os outros literalmente e também que ferem e até matam a fé ou amor de outras pelas suas palavras e ações.
  • 39. 27) mentirosos: Mentira é tudo quanto não é verdade ou não estar sendo sincero, não tem como uma pessoa afirmar ser seguidor de Jesus de ele estar diariamente mentindo, isso por que Jesus é a verdade (Jo 14.6) e todos que o seguem tem que seguir a verdade. 28) Abandonar a fé em Jesus: Não seguir mais Jesus depois de ser salvo por Ele e conhecedor de DEUS e participante da unção do Espírito Santo(Hebreu 6:4 a 6), estar pessoa estar condenado ao inferno. 29) Blasfemar contra o Espírito Santo: (Mc 3.29). 30) Suicidar-se ou seja tirar a sua própria vida: (1 Co 3.17). Esse pecado não tem perdão e sendo assim quem o pratica também estar condenado ao inferno.
  • 40. 1 CORÍNTIOS CAPÍTULO 10 1 ORA, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos debaixo da nuvem, e todos passaram pelo mar. 2 E todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar, 3 E todos comeram de uma mesma comida espiritual, 4 E beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo. 5 Mas Deus não se agradou da maior parte deles, por isso foram prostrados no deserto. 6 E estas coisas foram-nos feitas em figura, para que não cobicemos as coisas más, como eles cobiçaram. 7 Não vos façais, pois, idólatras, como alguns deles, conforme está escrito: O povo assentou-se a comer e a beber, e levantou-se para folgar.
  • 41. 8 E não nos prostituamos, como alguns deles fizeram; 9 E não tentemos a Cristo, como alguns deles também tentaram, 10 E não murmureis, como também alguns deles murmuraram, e pereceram pelo destruidor. e caíram num dia vinte e três mil. e pereceram pelas serpentes. 11 Ora, tudo isto lhes sobreveio como figuras, e estão escritas para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos séculos.