SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Baixar para ler offline
O bom pastor
“Não basta abrir a janela/Para ver os campos e o rio./Não é bastante não ser cego para ver as árvores e as
flores./É preciso também não ter filosofia nenhuma./Com filosofia não há árvores: há apenas ideias./Há só cada
um de nós, como uma cave./Há só uma janela fechada, e todo mundo lá fora;/E um sonho do que se poderia
ver se a janela se abrisse,/Que nunca é o que se vê quando se abre a janela” – (Fernando Pessoa).
A recente vinda de George Gregório – o papa Francisco ao Brasil suscitou reflexões, pelo seu jeito despojado
de ser, pelas oportunidades em que relevou recomendações da segurança para estar junto do povo, sua
matéria-prima, e pela sua enérgica gestão contrária à corrupção nos corredores daquele Estado. A
independência deste pastor de almas, em relação ao dirigismo praticado pela cúria romana, é outro aspecto
relevante a ser observado, e copiado por outros líderes, religiosos ou não, sequestrados em suas ações, por
assessorias, staffs e conselhos.
Jesus Cristo também agiu assim, muitas vezes contrariando o senso comum e as normas da época. Por
exemplo, ao não lavar as mãos como exigia o ritual judaico, ensinou que o que contamina o homem é o que sai
pela boca – “a palavra” mal proferida em power-point, a falsidade filosófica exposta aos incautos, como a
pregação domingueira pinçada no Velho Testamento, e não na nova dispensação da Graça, acontecida após o
sacrifício do filho de Deus. A Herodes, que, do alto de seu império, temia o prestígio de Nosso Senhor junto ao
povo – mandou vários recados, num deles falou claramente: “mande dizer a essa raposa, que curo cegos,
expulso demônios e vou terminar minha obra ao terceiro dia, e meus discípulos (pastores?)também farão estas
maravilhas”- mostrando que tinha foco na sua missão na terra: “Meu reino não é desse mundo.”
A principal lição de Francisco é a humildade: estamos fartos de ver pastores, principalmente os protestantes,
desfilando em Ferraris, com relógios Rolex, camisas de linho egípcio e voar em seus próprios jatos de US$ 300
milhões. Ou, pobres ainda, mas orgulhosos e buscando glória e reconhecimento (salarial?). O reino deles é
deste mundo.
Os versos de Fernando Pessoa acima sugerem haver pessoas que não enxergam além de suas janelas. Acho
importante pensar essas janelas como espirituais. E em altares de igrejas cristãs, onde padres, presbíteros e
pastores não conseguem ver os anjos em volta, com suas espadas desembainhadas – como no episódio
bíblico da mula de Balaão – ante o opróbrio, e a idolatria, igual na época da reforma de Lutero, que pregou os
”5 solas” e incendiou os dogmas de Roma: sola (somente as)escrituras, sola Cristo, Sola Graça, Sola Fé e
somente a Deus seja dada a Glória.
A agenda de Lutero, agora, deve ser usada novamente por Francisco e líderes religiosos do mundo,
principalmente para barrar aqueles, que usando a Bíblia, esganam multidões como se lobos fossem; enquant o
o bom pastor, Jesus, descrito abaixo no salmo 23 de Davi, é “soft“ e amigo: “O Senhor é o meu pastor e nada
me faltará; Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum porque tu estás
comigo; Unges a minha cabeça com óleo; Refrigera minha alma; Sinto-me como em um banquete de honra;
onde são abertas as janelas da fé, o que me faz crer que, no futuro, habitarei na casa do Senhor por longos
dias”. Que assim seja.
José Carlos Nunes Barreto

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Filocalia tomo-1-volume-3
Filocalia tomo-1-volume-3Filocalia tomo-1-volume-3
Filocalia tomo-1-volume-3MariGiopato
 
A família católica, 30 edição, novembro 2015
A família católica, 30 edição, novembro 2015A família católica, 30 edição, novembro 2015
A família católica, 30 edição, novembro 2015JORNAL A FAMILIA CATÓLICA
 
A família católica, 25 edição. junho 2015
A família católica, 25 edição. junho 2015A família católica, 25 edição. junho 2015
A família católica, 25 edição. junho 2015A Família Católica
 
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)Paula Prata
 
O consolador prometido
O consolador prometidoO consolador prometido
O consolador prometidoFatoze
 
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014Thiago Guerino
 
Encíclica Acerbo Nimis - São pio X
Encíclica Acerbo Nimis - São pio XEncíclica Acerbo Nimis - São pio X
Encíclica Acerbo Nimis - São pio XTradição Católica
 
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015Thiago Guerino
 
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013Thiago Guerino
 
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocd
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocdA oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocd
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocdlucianodidimo
 
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-pt
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-ptCatarina doherty-deserto-vivo-poustinia-pt
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-ptAntonio Garcia
 

Mais procurados (20)

ESE - Cap1 item 5 a 7
ESE - Cap1 item 5 a 7ESE - Cap1 item 5 a 7
ESE - Cap1 item 5 a 7
 
Filocalia tomo-1-volume-3
Filocalia tomo-1-volume-3Filocalia tomo-1-volume-3
Filocalia tomo-1-volume-3
 
ESE cap1 item9
ESE cap1 item9ESE cap1 item9
ESE cap1 item9
 
A família católica%2c 35 edição.
A família católica%2c 35 edição.A família católica%2c 35 edição.
A família católica%2c 35 edição.
 
A família católica, 30 edição, novembro 2015
A família católica, 30 edição, novembro 2015A família católica, 30 edição, novembro 2015
A família católica, 30 edição, novembro 2015
 
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINAPRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
PRELEÇÃO_LIÇÃO 4 - A SABEDORIA DIVINA
 
A família católica, 25 edição. junho 2015
A família católica, 25 edição. junho 2015A família católica, 25 edição. junho 2015
A família católica, 25 edição. junho 2015
 
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)
Quatro Mulheres E Muito Amor (Frei Betto)
 
O consolador prometido
O consolador prometidoO consolador prometido
O consolador prometido
 
Jornal 2-
Jornal  2-Jornal  2-
Jornal 2-
 
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014
Jornal A Família Católica, 18 edição. novembro 2014
 
ESE cap1 - item8
ESE cap1 - item8ESE cap1 - item8
ESE cap1 - item8
 
A virtude da obediência
A virtude da obediênciaA virtude da obediência
A virtude da obediência
 
Encíclica Acerbo Nimis - São pio X
Encíclica Acerbo Nimis - São pio XEncíclica Acerbo Nimis - São pio X
Encíclica Acerbo Nimis - São pio X
 
Port efw
Port efwPort efw
Port efw
 
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015
Jornal A Família Católica, 22 edição. março 2015
 
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013
Jornal A Família Católica, 5 edição. outubro 2013
 
Sucesso
SucessoSucesso
Sucesso
 
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocd
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocdA oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocd
A oração, caminho para a perfeição - Frei Alzinir Debastiani, ocd
 
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-pt
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-ptCatarina doherty-deserto-vivo-poustinia-pt
Catarina doherty-deserto-vivo-poustinia-pt
 

Destaque (20)

O sal na saúde
O sal na saúdeO sal na saúde
O sal na saúde
 
Univer 9
Univer 9Univer 9
Univer 9
 
Convocação 002 (1)
Convocação 002 (1)Convocação 002 (1)
Convocação 002 (1)
 
Pt sp
Pt spPt sp
Pt sp
 
Crucigrama
Crucigrama Crucigrama
Crucigrama
 
Az md
Az mdAz md
Az md
 
Am +âo
Am +âoAm +âo
Am +âo
 
O que são indicadores sociais
O que são indicadores sociaisO que são indicadores sociais
O que são indicadores sociais
 
Princípios organização em rede
Princípios organização em redePrincípios organização em rede
Princípios organização em rede
 
As condições locais
As condições locaisAs condições locais
As condições locais
 
17
1717
17
 
Tric3a1ngulos semenjantes
Tric3a1ngulos semenjantesTric3a1ngulos semenjantes
Tric3a1ngulos semenjantes
 
Masc br md
Masc br mdMasc br md
Masc br md
 
Exemplo
ExemploExemplo
Exemplo
 
Informatica diseño
Informatica diseñoInformatica diseño
Informatica diseño
 
Trabajo dehoy
Trabajo dehoyTrabajo dehoy
Trabajo dehoy
 
Importancia Sistemas
Importancia SistemasImportancia Sistemas
Importancia Sistemas
 
Linea del tiempo celulares
Linea del tiempo celularesLinea del tiempo celulares
Linea del tiempo celulares
 
Absoluto rx 1
Absoluto rx 1Absoluto rx 1
Absoluto rx 1
 
Az sp
Az spAz sp
Az sp
 

Semelhante a O bom pastor

Isis sem véu 3 h p blavatsky
Isis sem véu 3   h p blavatskyIsis sem véu 3   h p blavatsky
Isis sem véu 3 h p blavatskyNunes 777
 
Isis sem véu 4 h p blavatsky
Isis sem véu 4  h p blavatskyIsis sem véu 4  h p blavatsky
Isis sem véu 4 h p blavatskyNunes 777
 
Poder oracao bounds_livro
Poder oracao bounds_livroPoder oracao bounds_livro
Poder oracao bounds_livroAbraao Jaco
 
Teologia em foco as características dos fariseus
Teologia em foco  as características dos fariseusTeologia em foco  as características dos fariseus
Teologia em foco as características dos fariseusnorbertopm1
 
Assassinos de profetas marco feliciano
Assassinos de profetas   marco felicianoAssassinos de profetas   marco feliciano
Assassinos de profetas marco felicianoAristoteles Rocha
 
patria do mundo coração do evengelho
patria do mundo coração do evengelhopatria do mundo coração do evengelho
patria do mundo coração do evengelhoAnne Clea Lima
 
APOLOGÉTICA CRISTÃ - 2ª AULA - 2020.pdf
APOLOGÉTICA CRISTÃ  - 2ª AULA - 2020.pdfAPOLOGÉTICA CRISTÃ  - 2ª AULA - 2020.pdf
APOLOGÉTICA CRISTÃ - 2ª AULA - 2020.pdfFabiFaculdadeBatista
 
Allan kardec revista espirita 1864
Allan kardec revista espirita 1864Allan kardec revista espirita 1864
Allan kardec revista espirita 1864Henrique Vieira
 
436 no roteiro de jesus
436 no roteiro de jesus436 no roteiro de jesus
436 no roteiro de jesusAdolfo Wanier
 
Santo afonso-de-ligorio-a-selva
Santo afonso-de-ligorio-a-selvaSanto afonso-de-ligorio-a-selva
Santo afonso-de-ligorio-a-selvaWarley Costa
 
A Figueira Murcha - Charles H. Spurgeon
A Figueira Murcha -  Charles H. SpurgeonA Figueira Murcha -  Charles H. Spurgeon
A Figueira Murcha - Charles H. Spurgeonmensagemrevolucionaria
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...ParoquiaDeSaoPedro
 
O anticristo e a mulher de vermelho
O anticristo e a mulher de vermelhoO anticristo e a mulher de vermelho
O anticristo e a mulher de vermelhoDiego Fortunatto
 
Uma jornada proveitosa
Uma jornada proveitosaUma jornada proveitosa
Uma jornada proveitosaRamón Zazatt
 
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'135ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13Jotas_Viana
 

Semelhante a O bom pastor (20)

Isis sem véu 3 h p blavatsky
Isis sem véu 3   h p blavatskyIsis sem véu 3   h p blavatsky
Isis sem véu 3 h p blavatsky
 
Isis sem véu 4 h p blavatsky
Isis sem véu 4  h p blavatskyIsis sem véu 4  h p blavatsky
Isis sem véu 4 h p blavatsky
 
Evangelho de escândalo
Evangelho de escândaloEvangelho de escândalo
Evangelho de escândalo
 
Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho
  Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho  Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho
Brasil, coração do mundo, pátria do evangelho
 
Poder oracao bounds_livro
Poder oracao bounds_livroPoder oracao bounds_livro
Poder oracao bounds_livro
 
Teologia em foco as características dos fariseus
Teologia em foco  as características dos fariseusTeologia em foco  as características dos fariseus
Teologia em foco as características dos fariseus
 
Assassinos de profetas marco feliciano
Assassinos de profetas   marco felicianoAssassinos de profetas   marco feliciano
Assassinos de profetas marco feliciano
 
patria do mundo coração do evengelho
patria do mundo coração do evengelhopatria do mundo coração do evengelho
patria do mundo coração do evengelho
 
APOLOGÉTICA CRISTÃ - 2ª AULA - 2020.pdf
APOLOGÉTICA CRISTÃ  - 2ª AULA - 2020.pdfAPOLOGÉTICA CRISTÃ  - 2ª AULA - 2020.pdf
APOLOGÉTICA CRISTÃ - 2ª AULA - 2020.pdf
 
Allan kardec revista espirita 1864
Allan kardec revista espirita 1864Allan kardec revista espirita 1864
Allan kardec revista espirita 1864
 
436 no roteiro de jesus
436 no roteiro de jesus436 no roteiro de jesus
436 no roteiro de jesus
 
Santo afonso-de-ligorio-a-selva
Santo afonso-de-ligorio-a-selvaSanto afonso-de-ligorio-a-selva
Santo afonso-de-ligorio-a-selva
 
A Figueira Murcha - Charles H. Spurgeon
A Figueira Murcha -  Charles H. SpurgeonA Figueira Murcha -  Charles H. Spurgeon
A Figueira Murcha - Charles H. Spurgeon
 
Emmanuel e padre germano 1
Emmanuel e padre germano 1Emmanuel e padre germano 1
Emmanuel e padre germano 1
 
Carta a um maçom
Carta a um maçomCarta a um maçom
Carta a um maçom
 
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
Folha de São Pedro - O Jornal da Paróquia de São Pedro (Salvador-BA) - Outubr...
 
O anticristo e a mulher de vermelho
O anticristo e a mulher de vermelhoO anticristo e a mulher de vermelho
O anticristo e a mulher de vermelho
 
Paulo e estevão
Paulo e estevãoPaulo e estevão
Paulo e estevão
 
Uma jornada proveitosa
Uma jornada proveitosaUma jornada proveitosa
Uma jornada proveitosa
 
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'135ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13
5ª Catequese - Itinerário JMJ Rio'13
 

Mais de blogprofbarreto

Mais de blogprofbarreto (20)

Amor, dom supremo
Amor, dom supremoAmor, dom supremo
Amor, dom supremo
 
Homens, ideias e imortalidade
Homens, ideias e imortalidadeHomens, ideias e imortalidade
Homens, ideias e imortalidade
 
Felicidade interna bruta
Felicidade interna brutaFelicidade interna bruta
Felicidade interna bruta
 
A voz rouca das ruas
A voz rouca das ruasA voz rouca das ruas
A voz rouca das ruas
 
Jacy de assis, presídio ou escola
Jacy de assis, presídio ou escolaJacy de assis, presídio ou escola
Jacy de assis, presídio ou escola
 
Crimes de guerra
Crimes de guerraCrimes de guerra
Crimes de guerra
 
Cisne negro
Cisne negroCisne negro
Cisne negro
 
Lua de sangue e páscoa
Lua de sangue e páscoaLua de sangue e páscoa
Lua de sangue e páscoa
 
A nova passeata dos 100 mil
A nova passeata dos 100 milA nova passeata dos 100 mil
A nova passeata dos 100 mil
 
Carta aberta aos prefeitos
Carta aberta aos prefeitosCarta aberta aos prefeitos
Carta aberta aos prefeitos
 
Carta aberta ao stf
Carta aberta ao stfCarta aberta ao stf
Carta aberta ao stf
 
Na casa do pai
Na casa do paiNa casa do pai
Na casa do pai
 
Pensamento positivo
Pensamento positivoPensamento positivo
Pensamento positivo
 
A era da inteligência social
A era da inteligência socialA era da inteligência social
A era da inteligência social
 
A maior das inteligencias
A maior das inteligenciasA maior das inteligencias
A maior das inteligencias
 
A sombra da escravidao
A sombra da  escravidaoA sombra da  escravidao
A sombra da escravidao
 
Apresentacao empresarial
Apresentacao empresarialApresentacao empresarial
Apresentacao empresarial
 
As pessoas em primeiro lugar
As pessoas em primeiro lugarAs pessoas em primeiro lugar
As pessoas em primeiro lugar
 
Brasil mostra tua cara!
Brasil mostra tua cara!Brasil mostra tua cara!
Brasil mostra tua cara!
 
Cidades sustentaveis
Cidades sustentaveisCidades sustentaveis
Cidades sustentaveis
 

Último

Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfKelly Mendes
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja Mary Alvarenga
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...Eró Cunha
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEblogdoelvis
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfAndersonW5
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialDouglasVasconcelosMa
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfprofesfrancleite
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................mariagrave
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...marioeugenio8
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfManuais Formação
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptxnelsontobontrujillo
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdfaulasgege
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptElifabio Sobreira Pereira
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilMariaHelena293800
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................mariagrave
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...azulassessoria9
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdfCarinaSofiaDiasBoteq
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxMartin M Flynn
 

Último (20)

Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdfGramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
Gramática - Texto - análise e construção de sentido - Moderna.pdf
 
Acróstico - Maio Laranja
Acróstico  - Maio Laranja Acróstico  - Maio Laranja
Acróstico - Maio Laranja
 
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptxSlides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
Slides Lição 07, Central Gospel, As Duas Testemunhas Do Final Dos Tempos.pptx
 
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...Regulamento do Festival de Teatro Negro -  FESTIAFRO 2024 - 10ª edição -  CEI...
Regulamento do Festival de Teatro Negro - FESTIAFRO 2024 - 10ª edição - CEI...
 
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PEEdital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
Edital do processo seletivo para contratação de agentes de saúde em Floresta, PE
 
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdfSQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
SQL Parte 1 - Criação de Banco de Dados.pdf
 
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - materialFUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
FUNDAMENTOS DA PSICOPEDAGOGIA - material
 
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdfMESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
MESTRES DA CULTURA DE ASSARÉ Prof. Francisco Leite.pdf
 
Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................Histogramas.pptx...............................
Histogramas.pptx...............................
 
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
Proposta de redação Soneto de texto do gênero poema para a,usos do 9 ano do e...
 
Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.Poema - Aedes Aegypt.
Poema - Aedes Aegypt.
 
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdfUFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
UFCD_8291_Preparação e confeção de peixes e mariscos_índice.pdf
 
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
5. EJEMPLOS DE ESTRUCTURASQUINTO GRADO.pptx
 
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
1. Aula de sociologia - 1º Ano - Émile Durkheim.pdf
 
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.pptnocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
nocoes-basicas-de-hereditariedade 9º ano.ppt
 
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantilPower Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
Power Point sobre as etapas do Desenvolvimento infantil
 
13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................13_mch9_hormonal.pptx............................
13_mch9_hormonal.pptx............................
 
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...QUESTÃO 4   Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
QUESTÃO 4 Os estudos das competências pessoais é de extrema importância, pr...
 
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
425416820-Testes-7º-Ano-Leandro-Rei-Da-Heliria-Com-Solucoes.pdf
 
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptxSão Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
São Damião, missionário entre os leprosos de Molokai, Havaí.pptx
 

O bom pastor

  • 1. O bom pastor “Não basta abrir a janela/Para ver os campos e o rio./Não é bastante não ser cego para ver as árvores e as flores./É preciso também não ter filosofia nenhuma./Com filosofia não há árvores: há apenas ideias./Há só cada um de nós, como uma cave./Há só uma janela fechada, e todo mundo lá fora;/E um sonho do que se poderia ver se a janela se abrisse,/Que nunca é o que se vê quando se abre a janela” – (Fernando Pessoa). A recente vinda de George Gregório – o papa Francisco ao Brasil suscitou reflexões, pelo seu jeito despojado de ser, pelas oportunidades em que relevou recomendações da segurança para estar junto do povo, sua matéria-prima, e pela sua enérgica gestão contrária à corrupção nos corredores daquele Estado. A independência deste pastor de almas, em relação ao dirigismo praticado pela cúria romana, é outro aspecto relevante a ser observado, e copiado por outros líderes, religiosos ou não, sequestrados em suas ações, por assessorias, staffs e conselhos. Jesus Cristo também agiu assim, muitas vezes contrariando o senso comum e as normas da época. Por exemplo, ao não lavar as mãos como exigia o ritual judaico, ensinou que o que contamina o homem é o que sai pela boca – “a palavra” mal proferida em power-point, a falsidade filosófica exposta aos incautos, como a pregação domingueira pinçada no Velho Testamento, e não na nova dispensação da Graça, acontecida após o sacrifício do filho de Deus. A Herodes, que, do alto de seu império, temia o prestígio de Nosso Senhor junto ao povo – mandou vários recados, num deles falou claramente: “mande dizer a essa raposa, que curo cegos, expulso demônios e vou terminar minha obra ao terceiro dia, e meus discípulos (pastores?)também farão estas maravilhas”- mostrando que tinha foco na sua missão na terra: “Meu reino não é desse mundo.” A principal lição de Francisco é a humildade: estamos fartos de ver pastores, principalmente os protestantes, desfilando em Ferraris, com relógios Rolex, camisas de linho egípcio e voar em seus próprios jatos de US$ 300 milhões. Ou, pobres ainda, mas orgulhosos e buscando glória e reconhecimento (salarial?). O reino deles é deste mundo. Os versos de Fernando Pessoa acima sugerem haver pessoas que não enxergam além de suas janelas. Acho importante pensar essas janelas como espirituais. E em altares de igrejas cristãs, onde padres, presbíteros e pastores não conseguem ver os anjos em volta, com suas espadas desembainhadas – como no episódio bíblico da mula de Balaão – ante o opróbrio, e a idolatria, igual na época da reforma de Lutero, que pregou os ”5 solas” e incendiou os dogmas de Roma: sola (somente as)escrituras, sola Cristo, Sola Graça, Sola Fé e somente a Deus seja dada a Glória. A agenda de Lutero, agora, deve ser usada novamente por Francisco e líderes religiosos do mundo, principalmente para barrar aqueles, que usando a Bíblia, esganam multidões como se lobos fossem; enquant o o bom pastor, Jesus, descrito abaixo no salmo 23 de Davi, é “soft“ e amigo: “O Senhor é o meu pastor e nada me faltará; Ainda que eu andasse pelo vale da sombra da morte, não temeria mal algum porque tu estás comigo; Unges a minha cabeça com óleo; Refrigera minha alma; Sinto-me como em um banquete de honra; onde são abertas as janelas da fé, o que me faz crer que, no futuro, habitarei na casa do Senhor por longos dias”. Que assim seja. José Carlos Nunes Barreto