SlideShare uma empresa Scribd logo
Academia de Tecnologia
                Dezembro-2011


                  4G e o LTE


        Alberto Boaventura
Gerência de Tecnologia e Integração
          031 21 8875 4998
Duração da Apresentação:
     6 h e 30 min!!!



                  Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
O que é o LTE?
  3GPP LTE (Long Term Evolution) é um padrão para comunicação sem fio de alta velocidade
  de dados para telefones celulares e terminais de dados. É baseado nas redes GSM / EDGE e
  UMTS / HSPA, totalmente sobre IP, com a capacidade e velocidade aumentados através de
   novas técnicas de modulação, antenas inteligentes e sistemas de rede auto-organizáveis.




                                          IEEE 802.11ac (<6 GHz)
                                          IEEE 802.11ad (>60 GHz)               4G


                                                                              ADVANCED
                                                                                 ITU-R M.2034
                                                                      Eficiência Espectral
                                                                       DL                   15 bits/Hz
                                                                       UL                  6.75 bits/Hz
                                                                      Latência
                                                                       Plano do Usuário      < 10 ms
                                                                       Plano de Controle < 100 ms
                                               IEEE 802.16m
                                                                      Largura de Banda
                                                                       ITU-R M.2034          40 MHz
                                                                       ITU-R M.1645          100 MHz

                                                                          Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
O que é o LTE?


  OFDM           Flexibilidade    Arquitetura
                                  Planificada




  MIMO           Self Organized   Evolução
                 Network




                                       Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
OFDM (Orthogonal Frequency Division Multiplex)
                                                                                    Bastante semelhante ao FDMA no que concerne a divisão em freqüências para
                       Capacidade do Canal                                         transferência de informação;
                                                                                    Utiliza o processo de codificação modulação em sub-bandas com portadoras
                                                                                   ortogonais;
                                                                                    As sub-bandas são faixas de freqüência extremamente pequenas;
Bps/Hz




                                        Bps/Hz
                                                                                    Utilizado em diversos esquemas para transmissão de dados faixa larga: Wireless
                                                                                   LAN; ADSL; DVB; WiMAX; Docsis; LTE
                                                                                    Foi usado pela primeira vez em 1957 para modem em HF;
                 Freqüência(Hz)                            Freqüência(Hz)           Em 1966; Chang do Bell Labs patenteou e escreveu o primeiro paper sobre
          Transmissão convencional:                                                OFDM;
                                                 OFDM: Diversas sub-bandas
         Uma única portadora/banda                                                  Somente na década de 90 que surgiram diversas aplicações;

                                                                                                       Subportadoras
                                                                                                                                  Modulação e Bits por Símbolo
                                                                                                                                                                                        16-QAM
                                                                                                                                                            /4-QPSK
                                                                                                                                                                               Qk
                                      Ik/Qk                 Ik/Qk                                                                     BPSK             Qk               0010 0011 0001 0000
                                                                                                                                                  10         01
          DMS              Codif.                 IFFT              DA                                                        0
                                                                                                                                                                        0110 0111 0101 0100
                                                                                                                                     1

                                                                                                  Duração do f                                                          1110 1111 1101 1100
                                                                                                                                                                  Ik                          Ik

                                                                             t                     Símbolo                                        11         00         1010 1011 1001 1000




                                                                                                                 20 MHz
                                                                             Modulação    Bits/Símb.   FEC                                  64QAM
                                                                                                              100 RBs
                                                                                 QPSK         2        1/3         9,6 Mbps
                                                                                                                                            16QAM
                                                                                 QPSK         2        1/2        14,4 Mbps




                                                                                                                                   Taxa
                                                                                 QPSK         2        2/3        19,2 Mbps                 QPSK
                                                                                 16QAM        4        1/2        28,8 Mbps
                                                                                 16QAM        4        2/3        38,4 Mbps
                                                                                                                                                                       Distância
                                                                                 16QAM        4        4/5        46,1 Mbps
                                                                                 64QAM        6        1/2        43,2 Mbps
                                                                                 64QAM        6        2/3        57,6 Mbps               Esquema de Modulação e
                                                                                 64 QAM       6         1         86,4 Mbps
                                                                                                                                          Codificação em Função da
                                                                                                                                                  distância

                                                                                                                                          Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Flexibilidade
Diferentes larguras de banda                                   Esquemas TDD e FDD                                Diversas Faixas Suportadas
1,4 MHz
                                                     TDD           DL                   UL
 3 MHz
 5 MHz                                                                                        Tempo
10 MHz
                                                     FDD           UL                   DL                         No Release 10, o 3GPP definiu
15 MHz
                                                                                                                      43 Bandas para o LTE
20 MHz                                                                                  Freqüência

Faixas no Mundo:                                                                                  Uso racional de faixas:
   Banda                 3GPP (LTE)                           Status
  700 MHz             Bandas 12, 13 & 14               EUA, Colômbia e Peru
  800 MHz               Banda 20 (DD)          Europa DD, Alemanha, Inglaterra, Suécia
   850 MHz                Banda 5                                Korea
  1800 MHz                Banda 2                               Europa                                               Capacidade: >2 GHz
     AWS                  Banda 4                                 EUA                                  Cobertura ou Capacidade: > 1 GHz & <2 GHz
  2100 MHz                Banda 1                                Japão
  2300 MHz                Banda 40                                Ásia
  2600 MHz                Banda 7                               Europa                                               Cobertura: < 1 GHz
Faixas disponíveis no Brasil:
 Banda       UL           DL       Largura   WRC    3GPP (LTE)  Anatel           Status                   Uso combiando para o LTE Advanced
700 MHz                            37 MHz    2007   Bandas 12,                  DD 2016
                                                     13 & 14                                                     Taxa Média do eNB vs distância
850 MHz   824 - 849    869 - 894   24 MHz    2000    Banda 5 Res 454/2006      Banda A, B
                                                                                                      400 Mbps
                                                                                                                                   700 MHz
900 MHz 898,5 - 901; 907,5 - 915; 10 MHz 2000        Banda 8    Res 454/2006      SMP
                                                                                                      300 Mbps                     1800 MHz (5 MHz)
         943,5 - 946 952,5 - 960
                                                                                                                                   1800 MHz (10 MHz)
1800 MHz 1.710-1785 1805-1880 150 MHz 1992/          Banda 2    Res 454/2006      SMP
                                         2000                                Lelião sobras            200 Mbps                     2.600 MHz
                                                                               dez/2011
2100 MHz 1920-1975 2110-2165 110 MHz         2000    Banda 1    Res 454/2006      SMP                 100 Mbps

2300 MHz   2300-2400 (TDD)   100 MHz         2007   Banda 40                      MMDS                  0 Mbps
2600 MHz 2500-2570 2620-2690 140 MHz         2007   Banda 7     Res 544/2010 Leilão em 2012                  0,0 km 2,0 km 4,0 km 6,0 km 8,0 km 10,0 km
3500 MHz   3400-3600 (TDD)   200 MHz         2007   Banda 43    Res 537/2010 Leilão em 2013
                                                                                                                     Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Arquitetura Planificada
SAE (System Architecture Evolution)


                              HLR/HSS             IMS                                Arquitetura, protocolos, interfaces totalmente
                                          Sh                                        sobre IP
                                   S6a                   Rx          Ro/Rf
                                                                                     Não existe mais o elemento controlador da rede
                                          Sp
                                                                                    de acesso (BSC/RNC), com funções de gerência
                                                                         OCS/
                               MME                PCRF                              mobilidade realizadas pelo eNB.
                                                                         OFCS
                     S1-AP                                      Sy
                                                                                     Não existe mais o domínio CS (Circuit Switched) e
              X2                   S11                   Gx           Gy/Gz
                                                                                    o serviços legados serão emulados pelo IMS (SMS e
                                                                                    Voz)
                                                                         Internet
                               S-GW              P-GW                                Perfeita integração com acessos não 3GPP (ex.:
                      S1-U                S5                  SGi
                                                                                    Wi-Fi/WLAN)

                   E-UTRAN        Evolved Packet Core

        Máquina de Estado do 3G                  Máquina de Estado do LTE                  Latência em Diversos Sistemas
           (3GPP TS 25.331)                         (3GPP TS 36.331)

                                                               E-UTRA
                               Cell_PCH
                                                                 Idle




    Idle
                   Cell_DCH
    Mode                      Cell_FACH




                                                               E-UTRA
                                                              Connected
                               Cell_PCH
                                                                                                                     Fonte: 4G Americas

                                                                                                     Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
MIMO (Multiple Input, Multiple Output)
   Multiplexação: Sinais distintos                    Diversidade: Mesmo Sinal                                             Beamforming




                                                             BER
      Capacidade




                                                                                                                    SINR
                    min(NTx , NRx) Antenas                                              SNR                                                  Tempo

                                                                                                   TM         Transmission scheme of PDSCH        CQI mode
                                                                                                  Mode 1            Single-antenna port              CQI
 Closed loop, codebook precoding             Open loop, non-codebook precoding                    Mode 2             Transmit diversity              CQI
                   MCS, PMI, RI                               MCS                                 Mode 3      Open-loop spatial multiplexing         CQI
                                                                                                  Mode 4      Closed-loop spatial multiplexing   CQI, RI, PMI
                              CRS                                  CRS, DRS                       Mode 5             Multi-user MIMO              CQI, PMI
                   CQI, PMI, RI                                CQI                                Mode 6       Closed-loop Rank=1 precoding       CQI, PMI
                                                                                                  Mode 7   Beamforming Single-antenna port; port     CQI
                                                                                                  Mode 8          Dual layer beamforming         CQI, RI, PMI
                                                                                                  Mode 9      Switching SU & MU-MIMO till 8        CQI, RI


                                                              Intra-cell CoMP         Inter-cell CoMP
MIMO + SON = Coordenation Multi-Point (CoMP)                                                                 Controle para eficaz para interferência entre
                                                                                                                    céulas (inter-cell inerference)

  Ferramenta fundamental para aumento de                                                                            Smallcells                  Heterogeneous
                                                                                                                                                    Network
 cobertura e capacidade
  Dois modos:                                                                   X2
         Coordinated scheduling & Beamforming
         Joint processing/transmission

                                                   Quando o terminal se encontra na borda pode receber o sinal de
                                                             múltiplas estações de maneira coordenada
                                                                                                                    Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Self Organized Network
Inspirado no forum NGMN (Next Generation Mobile Networks) e definido no 3GPP (TS 32.823) nos releases 8, 9 e 10.
 Estabelece um conjunto de funcionalidades para automatização inteligente da rede para: configuração, otimização,
       recuperação de falhas e planejamento; objetivando a melhora de performance e custos de operação.

                        Self-Planning & Dynamic Re-planning

         Self-Configuration                              Self-Optimization                               Self-healing

            Plug and Play                                   Auto Ajuste                                  Auto Reparo
   Configuração e setup automáticos              Otimização da rede em tempo real              Mitigação de falhas de maneira
                                                                                                     rápida e automática

         Automatic Inventory                          Mobility Load Balancing
     Automatic Neighbor Relations                      RACH Optimization                                 Arquiteura
                                                                                                       Centralizada

                                                                                                        Distribuída
                   X2

                                                                                                           Híbrida



              Release 8                                   Release 9                               Release 10
          Automatic Inventory                   Coverage & Capacity Optimization          Coverage & Capacity Optimization
      Automatic Software Download                     Mobility optimization                Enhanced Inter-Cell Interference
      Automatic Neighbor Relations                      RACH optimization                           Coordination
        Automatic PCI Assignment                   Load balancing optimization        Cell Outage Detection and Compensation
                                               Inter-Cell Interference Coordination             Funções Seff Healing
                                                                                            Minimizatioon o Drive Testing
                                                                                                   EnergySavings


                                                                                                  Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Evolução
Evolução da tecnologia e expectativa de introdução no mundo

                   2010-                       2010         2011                    2012                  2013                      2013+
                                         EDGE (Rel 7)    E-EDGE (Rel 8)                                                                           Release 11

                                          DL:474 kbps    DL:1,89 Mbps                                                             Release 10
                                          UL:474 kbps    UL: 947 kbps
                                                                                                                     Release 9

                                                                                                      Release 8
                HSPA+ (Rel 7)            HSPA+ (Rel 8)   HSPA+ (Rel 9)       HSPA+ (Rel 10)
                                                                                                    2007      2008        2009      2010       2011      2012
                DL: 28 Mbps              DL: 42 Mbps      DL: 84 Mbps         DL: 168 Mbps


                                                                                                            4G
                UL: 11,5 Mbps            UL: 11,5 Mbps    UL: 23 Mbps          UL: 23 Mbps
                 BW: 5 MHz                BW: 5 MHz       BW: 10 MHz         BW: 20/10 MHz


                 LTE (Rel 8)                                        LTE (Rel 9)            LTE (Rel 10)                           LTE (Rel 11)
                 DL: 300 Mbps                                      Otimização dos          DL: 1.2 Gbps
                 UL: 45 Mbps                                         Recursos de           UL: 568 Mbps                           DL:> 1.2 Gbps
                 BW: 20 MHz                                            da Rede             BW: 40 MHz                             BW: 100 MHz




      Coordenation Multi-Point (CoMP)                       Self Organized Network                         Carrier Aggregation (até 100 MHz)
e Inter-Cell Interference Coordination (ICIC)

      Intra-cell CoMP        Inter-cell CoMP


                                                                                                                                 Banda (1)
                                                                                                                                 Banda (2)
                        X2
                                                                                                                                 Banda (3)


                                                                                                                  Capacidade
                                                                                                                     Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
O que se espera do LTE?


  Banda Larga Móvel   Novos Serviços      M2M




  Serviços Legados    Redução de Custos   A Oi e o LTE




                                              Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Banda Larga Móvel
A Internet e a banda larga continuam crescendo                                                                      A Banda larga , o bem estar das pessoas e o progresso
  1.8 B Usuários Internet & Crescimento de +13% ano-a-ano                                                        McKinsey estima que um aumento de 10% na penetração da banda larga
                                                                                                                          proporciona um acréscimo para o PIB de 0,1 a 1,4 %.
         18.8T Minutos & Crescimento de +21% ano-a-ano
                                                                                                                Booz estima que a penetração de banda larga de 10% maior em um ano está
500 MM                                                                                            35,00%       relacionado a 1,5% de crescimento da produtividade do trabalho ao longo dos
                  29%                                                                                                                      próximos cinco anos.
            384                                                                                   30,00%
400 MM                                 23%                                                                                 Quando uma pessoa é conectada, a sua vida muda!
                                                                                                  25,00%
300 MM                                                                              238           20,00%
                                                      14%                  13%
200 MM                                                                                            15,00%
                               130
                                                                                                  10,00%
100 MM                                           67                                          4%
                                                                    39                            5,00%
 0 MM                                                                                             0,00%
             China              India             Brasil            Russia                 USA




                                                                                                                                                                                                                                       Banda Larga Fixos e Móvel (Milhões)
                                                                                                                                 Acessos Fixos e Móveis (Milhões)
                                                                                                        Os dispositivos móveis                                                    Fixed telephone lines
Substituição ou Convergência?                                                                            são preferenciais nas                                      1000          Mobile cellular subscriptions                 200
                                                                                                        gerações mais jovens
                                                                                                       para estabelecimento de                                                    Fixed broadband subscriptions
80,0%                                                                               18 a 24                   serviços de                                                         Mobile broadband subscriptions
                                                                                    25 a 34               telecomunicações.
60,0%                                                                                                                                                                500                                                        100
40,0%                                                                              35 a 44
                                                                                   45 a 54             Na América Latina,
20,0%                                                                                               espera-se que o número
0,0%                                                                               55 a 64           de acessos banda larga
            Local                                     LD                                            móvel supere ao da fixa                                           0                                                         0
                                                                                   65 ~
                                                                                                           em 2012.




                                                                                                                                                                           2000
                                                                                                                                                                           2001
                                                                                                                                                                           2002
                                                                                                                                                                           2003
                                                                                                                                                                           2004
                                                                                                                                                                           2005
                                                                                                                                                                           2006
                                                                                                                                                                           2007
                                                                                                                                                                           2008
                                                                                                                                                                           2009
                                                                                                                                                                           2010
                                                                                                                                                                           2011
                                                                                                                                                                           2012
                                                                                                                                                                           2013
                                                                                                                                                                           2014
                                                                                                                                                                           2015
 Fonte: Femtoforum

Crescimento da Banda Larga Móvel                                                                                                                                                                            Fonte: ITU/ICT/MIS
                                                                                                      Com novos dispositivos                                                 América Latina
  2000 Gbps                                                                                          (smartphones, tablets) e              6                        Mbps
                                                                                                        M2M o número de                    5                        Mbps     America do Norte
  1500 Gbps                                                                                            acessos a banda larga
                                                                                                                                           4                        Mbps     Europa Ocidental
                                                                                                         móvel vai decolar
  1000 Gbps                                                                                                                                                                  Brazil
                                                                                                                                           3                        Mbps
   500 Gbps                                                                                       Ao mesmo tempo, espera-                  2                        Mbps
                                                                                                  se que a taxa média cresça               1                        Mbps
        0 Gbps                                                                                       exponencialmente. No
                                                                                                                                           0                        Mbps
                 2011
                        2012
                                2013
                                        2014
                                               2015
                                                      2016
                                                             2017
                                                                    2018
                                                                            2019
                                                                                    2020




                                                                                                   Brasil, o crescimento é de
                                                                                                    82% ano-a-ano até 2015                                                 2009   2010    2011    2012     2013 2014 2015
         HSPA           LTE                                                                             segundo a Cisco
                                                                                                                                                                                                           Fonte: Cisco VNI 2010
                                        Fonte: Demanda Mkt Oi 2011
                                                                                                                                                                                           Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Novos Serviços
Mainframe-> Mini-> Desktop -> Smartphones/Tablets
                                         5 tendências para convergência: MBB + Redes                                                  Internet
                                            Sociais + Vídeo + VoIP + usabilidade em                                                    Móvel
                                                   dispositivos diferenciados
                                                                                                                           Internet
                                          A expressiva projeção para o crescimento da
                                         Internet móvel é justificada pela integração de                       Desktop
                                           funcionalidades (de uso pessoal) num único                  Mini
                                           dispositivo, tornando-se, em alguns anos, o     Mainframe                                   10 B+
                                             principal dispositivo contra os desktops.

                                           Estima-se que a demanda de Tablet pode                                           1 B+
                                          superar a 100 milhões shipments até 2012
                                            Os Smartphones e Tablets, em especial,
                                            catalisam a demanda para o mercado                                 100 MM+
                                         empresarial, permitindo um casamento com o         1 MM+ 10 MM+
                                           mundo de TI através da Cloud Computing
                                                                                            1960   1970        1980       1990        2020+
Redes Sociais, Conteúdo, Tablets e Cloud                                                                         Fonte: Morgan Stanley 2010

               Tablet/Smartphone => O Novo PC
           Mimetizam as funções do PCs & desktop                   Música                                                              Vídeo
                          Internet

          PC => O Servidor (DVD / CD Collection, TV,
                        Address Book…)                       Aplicações
           PCs (junto com a Cloud) estão se tornando a
         home media servers: armazendando, realziando
             backup e provendo conteúdo a tablets e
                          smatphones.


                     Clouds => Novo Datacenter                                                                                        Fotos
          Armazena, processa os dados em ambientes que
         são acessados pelos smartphones e tablets. Provê
           a infra-estrutura básica para a nova geração de
                          aplicações móveis
                                                                                                         Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
M2M
Fases da M2M
    1ªFase: Aplicações Verticais             2ªFase: Regulamentação              3ªFase: Internet das Coisas
Aplicações:                              Aplicações:                         Aplicações:
     POS                                    POS                               POS
     Gerenciamento de Frota                 Gerenciamento de Frota            Gerenciamento de Frota
     Rastreio                               Rastreio                          Rastreio                                   50 Bilhões de
      Telecom+ Transporte + Utilities + Saúde + Payment
      Mobile Payment    Mobile Payment       Mobile Governo =                                                              dispositivos
                      Cidades de Monitoração
                        Câmeras Inteligentes Câmeras de Monitoração                                                      conectados em
                                             Medidores de Energia              Medidores de Energia
                                                                                                                                2020
                                             Pedágio                           Pedágio
                                                                                eCall
                                                                                Manutenção Remota
                                                                                Sincronização de Mídia
                                                                                Health Monitoring
                 2010                                    2015                               2020

Desafios para o M2M                                                Utilização dos Recursos de Rede
                                                                   100%
                                                          Outros
                                                                    80%
    Hoje a praticamente todas as Redes                    eMail                                                   Para as comunicações M2M a utilização
       Móveis são projetadas para a                                 60%                                            dos recursos de sinalização aumenta
            comunicação H2H.                              POS
                                                                    40%                                           significativamente quando comparado
    Para M2M outros recursos são mais                     M2M                                                               ao tráfego de dados.
      utilizados, como a sinalização.                               20%
                                                          WAP
                                                                     0%
                                                          MMS              Volume      Air time    Sinalização
                                                                            Fonte: Dados de tráfego Oi Ago-2010

                                                Diferenciação entre
       Baixo custo de rede para                     aplicações:                  Proteção contra sobrecarga e       Preparação dos endereços de
        refletir o baixo ARPU                                                     congestionamento na rede           rede para o grande número
                                              Aplicações diferentes                    de sinalização                      de terminais
                                                  Diferentes SLAs
                                                                                                                    Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Serviços Legados
O LTE não é só dados                                                                                  Número de usuários ativos vs tecnologia
                                                                                            100
                                                                                             80
  Apesar da conslidação do MBB,                    Porém, o LTE não é só dados,
                                                   e para os serviços de voz o LTE           60
  serviços de voz e legados ainda                     apresenta uma eficência
     representam a parte mais                                                                40
      importante de receitas...                     espectrial 10 vezes superior             20
                                                              ao GSM.
                                                                                              0




                                                                                                                                               HSPA (5.9
                                                                                                                                  UMTS (5.9
                                                                                                      GSM EFR




                                                                                                                  GSM AMR




                                                                                                                                                             LTE (5.9
                                                                                                                                                              kbps)
                                                                                                                                                 kbps)
                                                                                                                                   kbps)
CSFB (Circuit Switch Fall Back)

                                                                                      Definido em 3GPP TS 23,272, representa uma solução de curto prazo
                                 HLR
                                                                                       para a voz eo legado serviços de apoio na rede LTE.
                                 HSS
                                                                                      Consiste em redirecionar a partir da rede LTE qualquer serviço
                          Gr/S6a       C                                               baseado em domínio CS (de voz ou SMS) para a rede 2G/3G
                   SGSN                    MSS                     PSTN                SGs requer ativação de interface para terminar serviços
                   MME/                    MGCF                 (Transp. IP)
                    GW                     MGW
           S1                SGs                       Nb/E                          Pontos Fortes                               Pontos Fracos
                                                                                     Não precisa de investimento em              Os dados podem ser
                    BSC    A/Iu-CS                                                   IMS                                         interrompidos (requer DTM)
                    RNC                                                              É suportado no caso de roaming              O tempo de estabelecimento > 3 s
          Abis


VoLTE (VoIP Over LTE)
                                                                                      VoLTE é uma iniciativa conjunto GSMA e 3GPP, apoiado no 3GPP IMS
                                                                                       recomendação quadro, qual a arquitetura é definida com base em
                                 HLR                                                   IR.92 3GPP TS 23,002 e 23,228 TS.
                                 HSS                                                  A continuidade de serviço e entrega são garantidos pela SR-VCC
                                           Sh                                          (Single Radio Voice Call Continuity), definida em 3GPP TS 23,216,
                          Gr/S6a                                                       utilizando uma interface especial entre MME e MSS, Sv, para achoring
                   SGSN                                                                chamada.
                   MME/                    IMS                     PSTN
                    GW      Gi/SGi                              (Transp. IP)
           S1                                          Nb/E                          Pontos Fortes                               Pontos Fracos
                                           C
                                                I2/I3/Mg
                            Sv                                                       Não precisa de investimento em              Requer investimento no IMS
                                       MSS                                           CS
                    BSC
                                       MGCF                E
                    RNC
                                       MGW                                           Voz e dados na mesma rede
          Abis            A/Iu-CS
                                                                                     Uso da eficiência espectral do LTE
                                                                                                                            Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Redução de Custos
Dilema da Banda Larga: Desacoplamento da Receita e Tráfego

                                   Tráfego (Custo)
                                                         Serviço      Taxa &      Preço €        Custo/         Preço /             Preço               O preço relativo por
                                                                      Volume                     MByte          MByte              Relativo               Mbyte quando
                                                          SMS        160 Bytes €0.15/             €X            € 1.000            400.000               comparado com a
                                                                              mensagem                                                                     banda larga é:
                                          Receita
                                                          Voz        10 kbps 0.05 a € 0.5         €Y           € 0.7 - € 7        300 - 3000            400.000 vezes maior
                                                                              o minuto                                                                   para o SMS e
        Domínio de Voz      Domínio de Dados            Dados (3     3 GBytes €20 / mês      € Y/5        € 0.007       3                               300 a 3000 vezes
                                                        GBytes)                                                                                          maior para o serviço
                                                       Mobile TV     50 horas @ €5 / mês     € Y/5       € 0.0023       1                                de voz.
                                                     Unicast (50 hrs) 100 kbps
                                                                                      Fonte: Agilent (LTE Woorld Summit 2010)
CapEx
        Custos por Estação: LTE vs 3G                                             Gráficos das densidades: estações (eNB/km2 ) vs Usuários (users/km2)

$$$                                                                  0,2000                                                        3,0000
                                                                                     Baixa densidade                                                   Alta densidade
$$$                                                                  0,1500
                                                                                                                                   2,0000
$$$                                                  3a. Portadora
                                                                     0,1000
$$$                                                  2a. Portadora   0,0500
                                                                                                                                   1,0000
$$$                                                  NodeB           0,0000                                                        0,0000
$$$                                                  LTE (X)                  0             20            40                 60               0                  500                1000
$$$                                                                           1800 MHz (10)               2600 MHz (20)                     1800 MHz (10)                2600 MHz (20)
       3G (1)    3G (2)   3G (3)      3G (4)                                  HSPA+                       HSPA+ (DC)                        HSPA+                        HSPA+ (DC)
                                         Fonte: Planejamento/2011
OpEx                                                                                                                                                                   Fonte: GTEC/2011

      Self Organized Network                              Self-Planning & Dynamic Re-planning

                                                                     Self-Configuration                                            Estima-se uma economia
                                                                                                                                   de OpEx da ordem de 40%
                                                                     Self-Optimization                                             segundo “Heavy Reading:
                                                                                                                                     4G/LTE Insider 2010”
                                                                        Self-healing
                                                                                                                                            Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
A Oi e o LTE
    248 operadoras em 87 países investem em LTE                                São 197 dispositivos disponíveis em diversas freqüências
 35 redes comerciais em 21 países.                                                                                                                  Módulos
                                                                                       LTE FDD
 63 trials em 21 países em andamento com lançamento                                                                                    11           Tablets
                                                                               700 MHz                106           47      30
  planejandos para os próximos anos                                                                                                       10
                                                                               800 MHz                 42                                            Notebooks
 Compromissios para lançamento de 185 novas redes                                                                                27
                                                                               1800 MHz                41           70                        2      PC Cards
  comerciais em 66 países
                                                                               2600 MHz                52
        Países com redes comerciais                                                                                                                  Smartphones
                                                                               800/1800/2600 MHz       36
        Países com redes planejadas                                            AWS                     35                                            Routers
        Países com trial               Fonte: GSA Outubro/2011                                                              Fonte: GSA Novembro/2011


O Trial de LTE                                                                       Arquiteura Genérica do Trial
                                      Objetivo
                                                                                                                 HLR/HSS               IMS
           Programa para realização de testes sistêmicos, de conformidade e                                                  Sh
                                  performance para:                                                                   S6a                     Rx         Ro/Rf
   Internalização da tecnologia                                                                                             Sp
   Avaliação da tecnologia, arquitetura, serviços fim-a-fim                                                                                                 OCS/
                                                                                                                  MME                  PCRF
   Antecipação e avaliação dos potenciais problemas na implementação futura                                                                                 OFCS
                                                                                                      S1-AP                                         Sy
   Avaliação dos fornecedores                                                                                                                Gx         GyGz
                                                                                                 X2                  S11

         Fase 0                       Fase 1                     Fase 2                                                                                     Internet
                                                                                                                  S-GW                 P-GW
                                                                                                       S1-U                  S5                    SGi
 Testes de                  Testes de                  Testes de
  conformidade                funcionalidades             Performance
 Testes sistêmicos           especiais                   Outdoor

Participantes do Trial
                                                                 Araruama          Cabo Frio           Itaguaí               Macaé                  Teresópolis
                                                                 (Huawei)            (ALU)              (NSN)                (ZTE)                   (Ericsson)


                                                                  Ao todo são 9 empresas envolvidas com mais de 100 profissionais,
                                                                 para realização do planejamento, instalação, configuração e execução
                                                                        de mais de 50 testes nas redes de acesso, núcleo e IMS.
                                                                                                                     Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
LTE não é 4G!!!
Mas não há caminho para o
      4G sem o LTE!



                   Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
Obrigado!

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Monografia rede wimax
Monografia rede wimaxMonografia rede wimax
Monografia rede wimax
Oscarlino Silva
 
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
Antonio Marcos Alberti
 
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHzConvivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
Ricardo Minari
 
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAXTecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
Lamanary Ramos de Pina
 
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPONRedes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
Thiago Reis da Silva
 
Rede óptica passiva pon
Rede óptica passiva   ponRede óptica passiva   pon
Rede óptica passiva pon
Adriano Ramos
 
Interligações óticas
Interligações óticasInterligações óticas
Interligações óticas
Felipe Cesar Costa
 
Laboratório de Integradores Thiago
Laboratório de Integradores ThiagoLaboratório de Integradores Thiago
Laboratório de Integradores Thiago
Thiago de Oliveira
 
Tutorial WiMAX
Tutorial WiMAXTutorial WiMAX
Tutorial WiMAX
Antonio Marcos Alberti
 
Gsm curso
Gsm cursoGsm curso
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
João Freire Abramowicz
 
Computação móvel i unidade aula 05
Computação móvel i unidade  aula 05Computação móvel i unidade  aula 05
Computação móvel i unidade aula 05
João Freire Abramowicz
 
Proposta técnica - TTH Telecom
Proposta técnica - TTH TelecomProposta técnica - TTH Telecom
Proposta técnica - TTH Telecom
Leonardo de Paula
 
Sistemas Celulares
Sistemas CelularesSistemas Celulares
Sistemas Celulares
Mayara Mônica
 
Apresentação Case Porto Maravilha
Apresentação Case Porto MaravilhaApresentação Case Porto Maravilha
Apresentação Case Porto Maravilha
Thiago de Oliveira
 
TECNOLOGIA GPON PADTEC
TECNOLOGIA GPON PADTECTECNOLOGIA GPON PADTEC
TECNOLOGIA GPON PADTEC
WELLINGTON MARTINS
 
Redecelular
RedecelularRedecelular
Redecelular
Leonilton Meireles
 
Redes moveis celulares
Redes moveis celularesRedes moveis celulares
Redes moveis celulares
Angelo Furtado
 
EPON GPON
EPON GPONEPON GPON
EPON GPON
UNICAMP, FUNLAM
 
Fttx NA FIBRA ÓPTICA
Fttx NA FIBRA ÓPTICAFttx NA FIBRA ÓPTICA
Fttx NA FIBRA ÓPTICA
WELLINGTON MARTINS
 

Mais procurados (20)

Monografia rede wimax
Monografia rede wimaxMonografia rede wimax
Monografia rede wimax
 
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
WIMAX – IEEE 802.16: ESTUDO DA TECNOLOGIA E REQUISTOS PARA MODELAMENTO E SIMU...
 
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHzConvivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
Convivência Banda C e Wimax na Frequência 3.5GHz
 
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAXTecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
Tecnologias sem fio - Wi-Fi e WiMAX
 
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPONRedes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
Redes Óticas de Acesso: Padrão EPON e GPON
 
Rede óptica passiva pon
Rede óptica passiva   ponRede óptica passiva   pon
Rede óptica passiva pon
 
Interligações óticas
Interligações óticasInterligações óticas
Interligações óticas
 
Laboratório de Integradores Thiago
Laboratório de Integradores ThiagoLaboratório de Integradores Thiago
Laboratório de Integradores Thiago
 
Tutorial WiMAX
Tutorial WiMAXTutorial WiMAX
Tutorial WiMAX
 
Gsm curso
Gsm cursoGsm curso
Gsm curso
 
Introdução rede- I unidade
Introdução rede- I unidadeIntrodução rede- I unidade
Introdução rede- I unidade
 
Computação móvel i unidade aula 05
Computação móvel i unidade  aula 05Computação móvel i unidade  aula 05
Computação móvel i unidade aula 05
 
Proposta técnica - TTH Telecom
Proposta técnica - TTH TelecomProposta técnica - TTH Telecom
Proposta técnica - TTH Telecom
 
Sistemas Celulares
Sistemas CelularesSistemas Celulares
Sistemas Celulares
 
Apresentação Case Porto Maravilha
Apresentação Case Porto MaravilhaApresentação Case Porto Maravilha
Apresentação Case Porto Maravilha
 
TECNOLOGIA GPON PADTEC
TECNOLOGIA GPON PADTECTECNOLOGIA GPON PADTEC
TECNOLOGIA GPON PADTEC
 
Redecelular
RedecelularRedecelular
Redecelular
 
Redes moveis celulares
Redes moveis celularesRedes moveis celulares
Redes moveis celulares
 
EPON GPON
EPON GPONEPON GPON
EPON GPON
 
Fttx NA FIBRA ÓPTICA
Fttx NA FIBRA ÓPTICAFttx NA FIBRA ÓPTICA
Fttx NA FIBRA ÓPTICA
 

Semelhante a Lte Alberto 2011 V1.1

Fibras ópticas
Fibras ópticasFibras ópticas
Fibras ópticas
Thalles Anderson
 
FIBRA ÓPTICA
FIBRA ÓPTICA FIBRA ÓPTICA
FIBRA ÓPTICA
WELLINGTON MARTINS
 
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDVCdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
Rodrigo Piovesana
 
2010-05-03 Fibra óptica em redes internas
2010-05-03  Fibra óptica em redes internas2010-05-03  Fibra óptica em redes internas
2010-05-03 Fibra óptica em redes internas
Fabio Montoro
 
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoesIscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
Luis Vidigal
 
Modems introdução
Modems introduçãoModems introdução
Modems introdução
Tiago
 
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de TransmissãoRedes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
Mauro Tapajós
 
Modems
ModemsModems
Modems
Tiago
 
Cap7 serviço dsl
Cap7 serviço dslCap7 serviço dsl
Cap7 serviço dsl
Denis Katko
 
AULA 1 COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
AULA 1  COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdfAULA 1  COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
AULA 1 COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
LuizZeni
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
Luand Gadelha
 
Camada fisica
Camada fisicaCamada fisica
Camada fisica
redesinforma
 
Teralink ATX-II
Teralink ATX-IITeralink ATX-II
Teralink ATX-II
Nelson Alckmin
 
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueira
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueiraFuturecom2012 inatel prof arismar cerqueira
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueira
Rafael Junquera
 
Rádio Modem RM2071
Rádio Modem RM2071Rádio Modem RM2071
Cabeamento topologia
Cabeamento topologiaCabeamento topologia
Cabeamento topologia
redesinforma
 
Half duplex
Half duplexHalf duplex
Half duplex
redesinforma
 
Modulo4 1º trabalho
Modulo4 1º trabalhoModulo4 1º trabalho
Modulo4 1º trabalho
Sandeep Singh
 
Meios guiado de transmissão
Meios guiado de transmissãoMeios guiado de transmissão
Meios guiado de transmissão
Thiago Barros, PSM
 
Capítulo 5 e 4 transmissão analógica e digital (2º unidade)
Capítulo 5 e 4   transmissão analógica e digital (2º unidade)Capítulo 5 e 4   transmissão analógica e digital (2º unidade)
Capítulo 5 e 4 transmissão analógica e digital (2º unidade)
Faculdade Mater Christi
 

Semelhante a Lte Alberto 2011 V1.1 (20)

Fibras ópticas
Fibras ópticasFibras ópticas
Fibras ópticas
 
FIBRA ÓPTICA
FIBRA ÓPTICA FIBRA ÓPTICA
FIBRA ÓPTICA
 
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDVCdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
Cdma2000 1x RTT, EVDO e EVDV
 
2010-05-03 Fibra óptica em redes internas
2010-05-03  Fibra óptica em redes internas2010-05-03  Fibra óptica em redes internas
2010-05-03 Fibra óptica em redes internas
 
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoesIscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
Iscad ti 2010_2011_4 - comunicacoes
 
Modems introdução
Modems introduçãoModems introdução
Modems introdução
 
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de TransmissãoRedes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
Redes I - 2.2 - Camada Física e Tecnologias de Transmissão
 
Modems
ModemsModems
Modems
 
Cap7 serviço dsl
Cap7 serviço dslCap7 serviço dsl
Cap7 serviço dsl
 
AULA 1 COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
AULA 1  COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdfAULA 1  COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
AULA 1 COMUNICAÇÕES MÓVEIS.pdf
 
Aulas de rede
Aulas de redeAulas de rede
Aulas de rede
 
Camada fisica
Camada fisicaCamada fisica
Camada fisica
 
Teralink ATX-II
Teralink ATX-IITeralink ATX-II
Teralink ATX-II
 
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueira
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueiraFuturecom2012 inatel prof arismar cerqueira
Futurecom2012 inatel prof arismar cerqueira
 
Rádio Modem RM2071
Rádio Modem RM2071Rádio Modem RM2071
Rádio Modem RM2071
 
Cabeamento topologia
Cabeamento topologiaCabeamento topologia
Cabeamento topologia
 
Half duplex
Half duplexHalf duplex
Half duplex
 
Modulo4 1º trabalho
Modulo4 1º trabalhoModulo4 1º trabalho
Modulo4 1º trabalho
 
Meios guiado de transmissão
Meios guiado de transmissãoMeios guiado de transmissão
Meios guiado de transmissão
 
Capítulo 5 e 4 transmissão analógica e digital (2º unidade)
Capítulo 5 e 4   transmissão analógica e digital (2º unidade)Capítulo 5 e 4   transmissão analógica e digital (2º unidade)
Capítulo 5 e 4 transmissão analógica e digital (2º unidade)
 

Mais de Alberto Boaventura

Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
Alberto Boaventura
 
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and ChallengesLTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
Alberto Boaventura
 
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
Alberto Boaventura
 
Lte Latin America 2011 Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
Lte Latin America 2011   Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0Lte Latin America 2011   Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
Lte Latin America 2011 Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
Alberto Boaventura
 
Bbwf 2011 Meeting User Service Expectations E2e V2.0
Bbwf 2011   Meeting User Service Expectations E2e V2.0Bbwf 2011   Meeting User Service Expectations E2e V2.0
Bbwf 2011 Meeting User Service Expectations E2e V2.0
Alberto Boaventura
 
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
Alberto Boaventura
 
Iir GestãO Master Telecom GestãO De Riscos Em Telecom 2007
Iir GestãO Master Telecom   GestãO De Riscos Em Telecom 2007Iir GestãO Master Telecom   GestãO De Riscos Em Telecom 2007
Iir GestãO Master Telecom GestãO De Riscos Em Telecom 2007
Alberto Boaventura
 

Mais de Alberto Boaventura (7)

Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
Examining the Role of SDN and NFV in the Move Towards LTE-A and 5th Generation
 
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and ChallengesLTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
LTE LATAM 2015 - Base Station Virtualization: Advantages and Challenges
 
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
Lte Latam 2012 Alberto Boaventura V6
 
Lte Latin America 2011 Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
Lte Latin America 2011   Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0Lte Latin America 2011   Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
Lte Latin America 2011 Ims Assuming An Important Role On Lte V1.0
 
Bbwf 2011 Meeting User Service Expectations E2e V2.0
Bbwf 2011   Meeting User Service Expectations E2e V2.0Bbwf 2011   Meeting User Service Expectations E2e V2.0
Bbwf 2011 Meeting User Service Expectations E2e V2.0
 
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
Advanced Policy Implementation Based On Subscriber Locatioon V3.0
 
Iir GestãO Master Telecom GestãO De Riscos Em Telecom 2007
Iir GestãO Master Telecom   GestãO De Riscos Em Telecom 2007Iir GestãO Master Telecom   GestãO De Riscos Em Telecom 2007
Iir GestãO Master Telecom GestãO De Riscos Em Telecom 2007
 

Lte Alberto 2011 V1.1

  • 1. Academia de Tecnologia Dezembro-2011 4G e o LTE Alberto Boaventura Gerência de Tecnologia e Integração 031 21 8875 4998
  • 2. Duração da Apresentação: 6 h e 30 min!!! Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 3. O que é o LTE? 3GPP LTE (Long Term Evolution) é um padrão para comunicação sem fio de alta velocidade de dados para telefones celulares e terminais de dados. É baseado nas redes GSM / EDGE e UMTS / HSPA, totalmente sobre IP, com a capacidade e velocidade aumentados através de novas técnicas de modulação, antenas inteligentes e sistemas de rede auto-organizáveis. IEEE 802.11ac (<6 GHz) IEEE 802.11ad (>60 GHz) 4G ADVANCED ITU-R M.2034 Eficiência Espectral DL 15 bits/Hz UL 6.75 bits/Hz Latência Plano do Usuário < 10 ms Plano de Controle < 100 ms IEEE 802.16m Largura de Banda ITU-R M.2034 40 MHz ITU-R M.1645 100 MHz Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 4. O que é o LTE? OFDM Flexibilidade Arquitetura Planificada MIMO Self Organized Evolução Network Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 5. OFDM (Orthogonal Frequency Division Multiplex)  Bastante semelhante ao FDMA no que concerne a divisão em freqüências para Capacidade do Canal transferência de informação;  Utiliza o processo de codificação modulação em sub-bandas com portadoras ortogonais;  As sub-bandas são faixas de freqüência extremamente pequenas; Bps/Hz Bps/Hz  Utilizado em diversos esquemas para transmissão de dados faixa larga: Wireless LAN; ADSL; DVB; WiMAX; Docsis; LTE  Foi usado pela primeira vez em 1957 para modem em HF; Freqüência(Hz) Freqüência(Hz)  Em 1966; Chang do Bell Labs patenteou e escreveu o primeiro paper sobre Transmissão convencional: OFDM; OFDM: Diversas sub-bandas Uma única portadora/banda  Somente na década de 90 que surgiram diversas aplicações; Subportadoras Modulação e Bits por Símbolo 16-QAM /4-QPSK Qk Ik/Qk Ik/Qk BPSK Qk 0010 0011 0001 0000 10 01 DMS Codif. IFFT DA 0 0110 0111 0101 0100 1 Duração do f 1110 1111 1101 1100 Ik Ik t Símbolo 11 00 1010 1011 1001 1000 20 MHz Modulação Bits/Símb. FEC 64QAM 100 RBs QPSK 2 1/3 9,6 Mbps 16QAM QPSK 2 1/2 14,4 Mbps Taxa QPSK 2 2/3 19,2 Mbps QPSK 16QAM 4 1/2 28,8 Mbps 16QAM 4 2/3 38,4 Mbps Distância 16QAM 4 4/5 46,1 Mbps 64QAM 6 1/2 43,2 Mbps 64QAM 6 2/3 57,6 Mbps Esquema de Modulação e 64 QAM 6 1 86,4 Mbps Codificação em Função da distância Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 6. Flexibilidade Diferentes larguras de banda Esquemas TDD e FDD Diversas Faixas Suportadas 1,4 MHz TDD DL UL 3 MHz 5 MHz Tempo 10 MHz FDD UL DL No Release 10, o 3GPP definiu 15 MHz 43 Bandas para o LTE 20 MHz Freqüência Faixas no Mundo: Uso racional de faixas: Banda 3GPP (LTE) Status 700 MHz Bandas 12, 13 & 14 EUA, Colômbia e Peru 800 MHz Banda 20 (DD) Europa DD, Alemanha, Inglaterra, Suécia 850 MHz Banda 5 Korea 1800 MHz Banda 2 Europa Capacidade: >2 GHz AWS Banda 4 EUA Cobertura ou Capacidade: > 1 GHz & <2 GHz 2100 MHz Banda 1 Japão 2300 MHz Banda 40 Ásia 2600 MHz Banda 7 Europa Cobertura: < 1 GHz Faixas disponíveis no Brasil: Banda UL DL Largura WRC 3GPP (LTE) Anatel Status Uso combiando para o LTE Advanced 700 MHz 37 MHz 2007 Bandas 12, DD 2016 13 & 14 Taxa Média do eNB vs distância 850 MHz 824 - 849 869 - 894 24 MHz 2000 Banda 5 Res 454/2006 Banda A, B 400 Mbps 700 MHz 900 MHz 898,5 - 901; 907,5 - 915; 10 MHz 2000 Banda 8 Res 454/2006 SMP 300 Mbps 1800 MHz (5 MHz) 943,5 - 946 952,5 - 960 1800 MHz (10 MHz) 1800 MHz 1.710-1785 1805-1880 150 MHz 1992/ Banda 2 Res 454/2006 SMP 2000 Lelião sobras 200 Mbps 2.600 MHz dez/2011 2100 MHz 1920-1975 2110-2165 110 MHz 2000 Banda 1 Res 454/2006 SMP 100 Mbps 2300 MHz 2300-2400 (TDD) 100 MHz 2007 Banda 40 MMDS 0 Mbps 2600 MHz 2500-2570 2620-2690 140 MHz 2007 Banda 7 Res 544/2010 Leilão em 2012 0,0 km 2,0 km 4,0 km 6,0 km 8,0 km 10,0 km 3500 MHz 3400-3600 (TDD) 200 MHz 2007 Banda 43 Res 537/2010 Leilão em 2013 Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 7. Arquitetura Planificada SAE (System Architecture Evolution) HLR/HSS IMS  Arquitetura, protocolos, interfaces totalmente Sh sobre IP S6a Rx Ro/Rf  Não existe mais o elemento controlador da rede Sp de acesso (BSC/RNC), com funções de gerência OCS/ MME PCRF mobilidade realizadas pelo eNB. OFCS S1-AP Sy  Não existe mais o domínio CS (Circuit Switched) e X2 S11 Gx Gy/Gz o serviços legados serão emulados pelo IMS (SMS e Voz) Internet S-GW P-GW  Perfeita integração com acessos não 3GPP (ex.: S1-U S5 SGi Wi-Fi/WLAN) E-UTRAN Evolved Packet Core Máquina de Estado do 3G Máquina de Estado do LTE Latência em Diversos Sistemas (3GPP TS 25.331) (3GPP TS 36.331) E-UTRA Cell_PCH Idle Idle Cell_DCH Mode Cell_FACH E-UTRA Connected Cell_PCH Fonte: 4G Americas Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 8. MIMO (Multiple Input, Multiple Output) Multiplexação: Sinais distintos Diversidade: Mesmo Sinal Beamforming BER Capacidade SINR min(NTx , NRx) Antenas SNR Tempo TM Transmission scheme of PDSCH CQI mode Mode 1 Single-antenna port CQI Closed loop, codebook precoding Open loop, non-codebook precoding Mode 2 Transmit diversity CQI MCS, PMI, RI MCS Mode 3 Open-loop spatial multiplexing CQI Mode 4 Closed-loop spatial multiplexing CQI, RI, PMI CRS CRS, DRS Mode 5 Multi-user MIMO CQI, PMI CQI, PMI, RI CQI Mode 6 Closed-loop Rank=1 precoding CQI, PMI Mode 7 Beamforming Single-antenna port; port CQI Mode 8 Dual layer beamforming CQI, RI, PMI Mode 9 Switching SU & MU-MIMO till 8 CQI, RI Intra-cell CoMP Inter-cell CoMP MIMO + SON = Coordenation Multi-Point (CoMP) Controle para eficaz para interferência entre céulas (inter-cell inerference)  Ferramenta fundamental para aumento de Smallcells Heterogeneous Network cobertura e capacidade  Dois modos: X2  Coordinated scheduling & Beamforming  Joint processing/transmission Quando o terminal se encontra na borda pode receber o sinal de múltiplas estações de maneira coordenada Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 9. Self Organized Network Inspirado no forum NGMN (Next Generation Mobile Networks) e definido no 3GPP (TS 32.823) nos releases 8, 9 e 10. Estabelece um conjunto de funcionalidades para automatização inteligente da rede para: configuração, otimização, recuperação de falhas e planejamento; objetivando a melhora de performance e custos de operação. Self-Planning & Dynamic Re-planning Self-Configuration Self-Optimization Self-healing Plug and Play Auto Ajuste Auto Reparo Configuração e setup automáticos Otimização da rede em tempo real Mitigação de falhas de maneira rápida e automática Automatic Inventory Mobility Load Balancing Automatic Neighbor Relations RACH Optimization Arquiteura Centralizada Distribuída X2 Híbrida Release 8 Release 9 Release 10 Automatic Inventory Coverage & Capacity Optimization Coverage & Capacity Optimization Automatic Software Download Mobility optimization Enhanced Inter-Cell Interference Automatic Neighbor Relations RACH optimization Coordination Automatic PCI Assignment Load balancing optimization Cell Outage Detection and Compensation Inter-Cell Interference Coordination Funções Seff Healing Minimizatioon o Drive Testing EnergySavings Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 10. Evolução Evolução da tecnologia e expectativa de introdução no mundo 2010- 2010 2011 2012 2013 2013+ EDGE (Rel 7) E-EDGE (Rel 8) Release 11 DL:474 kbps DL:1,89 Mbps Release 10 UL:474 kbps UL: 947 kbps Release 9 Release 8 HSPA+ (Rel 7) HSPA+ (Rel 8) HSPA+ (Rel 9) HSPA+ (Rel 10) 2007 2008 2009 2010 2011 2012 DL: 28 Mbps DL: 42 Mbps DL: 84 Mbps DL: 168 Mbps 4G UL: 11,5 Mbps UL: 11,5 Mbps UL: 23 Mbps UL: 23 Mbps BW: 5 MHz BW: 5 MHz BW: 10 MHz BW: 20/10 MHz LTE (Rel 8) LTE (Rel 9) LTE (Rel 10) LTE (Rel 11) DL: 300 Mbps Otimização dos DL: 1.2 Gbps UL: 45 Mbps Recursos de UL: 568 Mbps DL:> 1.2 Gbps BW: 20 MHz da Rede BW: 40 MHz BW: 100 MHz Coordenation Multi-Point (CoMP) Self Organized Network Carrier Aggregation (até 100 MHz) e Inter-Cell Interference Coordination (ICIC) Intra-cell CoMP Inter-cell CoMP Banda (1) Banda (2) X2 Banda (3) Capacidade Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 11. O que se espera do LTE? Banda Larga Móvel Novos Serviços M2M Serviços Legados Redução de Custos A Oi e o LTE Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 12. Banda Larga Móvel A Internet e a banda larga continuam crescendo A Banda larga , o bem estar das pessoas e o progresso 1.8 B Usuários Internet & Crescimento de +13% ano-a-ano McKinsey estima que um aumento de 10% na penetração da banda larga proporciona um acréscimo para o PIB de 0,1 a 1,4 %. 18.8T Minutos & Crescimento de +21% ano-a-ano Booz estima que a penetração de banda larga de 10% maior em um ano está 500 MM 35,00% relacionado a 1,5% de crescimento da produtividade do trabalho ao longo dos 29% próximos cinco anos. 384 30,00% 400 MM 23% Quando uma pessoa é conectada, a sua vida muda! 25,00% 300 MM 238 20,00% 14% 13% 200 MM 15,00% 130 10,00% 100 MM 67 4% 39 5,00% 0 MM 0,00% China India Brasil Russia USA Banda Larga Fixos e Móvel (Milhões) Acessos Fixos e Móveis (Milhões) Os dispositivos móveis Fixed telephone lines Substituição ou Convergência? são preferenciais nas 1000 Mobile cellular subscriptions 200 gerações mais jovens para estabelecimento de Fixed broadband subscriptions 80,0% 18 a 24 serviços de Mobile broadband subscriptions 25 a 34 telecomunicações. 60,0% 500 100 40,0% 35 a 44 45 a 54 Na América Latina, 20,0% espera-se que o número 0,0% 55 a 64 de acessos banda larga Local LD móvel supere ao da fixa 0 0 65 ~ em 2012. 2000 2001 2002 2003 2004 2005 2006 2007 2008 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 Fonte: Femtoforum Crescimento da Banda Larga Móvel Fonte: ITU/ICT/MIS Com novos dispositivos América Latina 2000 Gbps (smartphones, tablets) e 6 Mbps M2M o número de 5 Mbps America do Norte 1500 Gbps acessos a banda larga 4 Mbps Europa Ocidental móvel vai decolar 1000 Gbps Brazil 3 Mbps 500 Gbps Ao mesmo tempo, espera- 2 Mbps se que a taxa média cresça 1 Mbps 0 Gbps exponencialmente. No 0 Mbps 2011 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 2019 2020 Brasil, o crescimento é de 82% ano-a-ano até 2015 2009 2010 2011 2012 2013 2014 2015 HSPA LTE segundo a Cisco Fonte: Cisco VNI 2010 Fonte: Demanda Mkt Oi 2011 Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 13. Novos Serviços Mainframe-> Mini-> Desktop -> Smartphones/Tablets 5 tendências para convergência: MBB + Redes Internet Sociais + Vídeo + VoIP + usabilidade em Móvel dispositivos diferenciados Internet A expressiva projeção para o crescimento da Internet móvel é justificada pela integração de Desktop funcionalidades (de uso pessoal) num único Mini dispositivo, tornando-se, em alguns anos, o Mainframe 10 B+ principal dispositivo contra os desktops. Estima-se que a demanda de Tablet pode 1 B+ superar a 100 milhões shipments até 2012 Os Smartphones e Tablets, em especial, catalisam a demanda para o mercado 100 MM+ empresarial, permitindo um casamento com o 1 MM+ 10 MM+ mundo de TI através da Cloud Computing 1960 1970 1980 1990 2020+ Redes Sociais, Conteúdo, Tablets e Cloud Fonte: Morgan Stanley 2010 Tablet/Smartphone => O Novo PC Mimetizam as funções do PCs & desktop Música Vídeo Internet PC => O Servidor (DVD / CD Collection, TV, Address Book…) Aplicações PCs (junto com a Cloud) estão se tornando a home media servers: armazendando, realziando backup e provendo conteúdo a tablets e smatphones. Clouds => Novo Datacenter Fotos Armazena, processa os dados em ambientes que são acessados pelos smartphones e tablets. Provê a infra-estrutura básica para a nova geração de aplicações móveis Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 14. M2M Fases da M2M 1ªFase: Aplicações Verticais 2ªFase: Regulamentação 3ªFase: Internet das Coisas Aplicações: Aplicações: Aplicações:  POS  POS  POS  Gerenciamento de Frota  Gerenciamento de Frota  Gerenciamento de Frota  Rastreio  Rastreio  Rastreio 50 Bilhões de  Telecom+ Transporte + Utilities + Saúde + Payment Mobile Payment  Mobile Payment  Mobile Governo = dispositivos Cidades de Monitoração  Câmeras Inteligentes Câmeras de Monitoração conectados em  Medidores de Energia  Medidores de Energia 2020  Pedágio  Pedágio  eCall  Manutenção Remota  Sincronização de Mídia  Health Monitoring 2010 2015 2020 Desafios para o M2M Utilização dos Recursos de Rede 100% Outros 80% Hoje a praticamente todas as Redes eMail Para as comunicações M2M a utilização Móveis são projetadas para a 60% dos recursos de sinalização aumenta comunicação H2H. POS 40% significativamente quando comparado Para M2M outros recursos são mais M2M ao tráfego de dados. utilizados, como a sinalização. 20% WAP 0% MMS Volume Air time Sinalização Fonte: Dados de tráfego Oi Ago-2010 Diferenciação entre Baixo custo de rede para aplicações: Proteção contra sobrecarga e Preparação dos endereços de refletir o baixo ARPU congestionamento na rede rede para o grande número Aplicações diferentes  de sinalização de terminais Diferentes SLAs Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 15. Serviços Legados O LTE não é só dados Número de usuários ativos vs tecnologia 100 80 Apesar da conslidação do MBB, Porém, o LTE não é só dados, e para os serviços de voz o LTE 60 serviços de voz e legados ainda apresenta uma eficência representam a parte mais 40 importante de receitas... espectrial 10 vezes superior 20 ao GSM. 0 HSPA (5.9 UMTS (5.9 GSM EFR GSM AMR LTE (5.9 kbps) kbps) kbps) CSFB (Circuit Switch Fall Back)  Definido em 3GPP TS 23,272, representa uma solução de curto prazo HLR para a voz eo legado serviços de apoio na rede LTE. HSS  Consiste em redirecionar a partir da rede LTE qualquer serviço Gr/S6a C baseado em domínio CS (de voz ou SMS) para a rede 2G/3G SGSN MSS PSTN SGs requer ativação de interface para terminar serviços MME/ MGCF (Transp. IP) GW MGW S1 SGs Nb/E Pontos Fortes Pontos Fracos Não precisa de investimento em Os dados podem ser BSC A/Iu-CS IMS interrompidos (requer DTM) RNC É suportado no caso de roaming O tempo de estabelecimento > 3 s Abis VoLTE (VoIP Over LTE)  VoLTE é uma iniciativa conjunto GSMA e 3GPP, apoiado no 3GPP IMS recomendação quadro, qual a arquitetura é definida com base em HLR IR.92 3GPP TS 23,002 e 23,228 TS. HSS  A continuidade de serviço e entrega são garantidos pela SR-VCC Sh (Single Radio Voice Call Continuity), definida em 3GPP TS 23,216, Gr/S6a utilizando uma interface especial entre MME e MSS, Sv, para achoring SGSN chamada. MME/ IMS PSTN GW Gi/SGi (Transp. IP) S1 Nb/E Pontos Fortes Pontos Fracos C I2/I3/Mg Sv Não precisa de investimento em Requer investimento no IMS MSS CS BSC MGCF E RNC MGW Voz e dados na mesma rede Abis A/Iu-CS Uso da eficiência espectral do LTE Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 16. Redução de Custos Dilema da Banda Larga: Desacoplamento da Receita e Tráfego Tráfego (Custo) Serviço Taxa & Preço € Custo/ Preço / Preço O preço relativo por Volume MByte MByte Relativo Mbyte quando SMS 160 Bytes €0.15/ €X € 1.000 400.000 comparado com a mensagem banda larga é: Receita Voz 10 kbps 0.05 a € 0.5 €Y € 0.7 - € 7 300 - 3000  400.000 vezes maior o minuto para o SMS e Domínio de Voz Domínio de Dados Dados (3 3 GBytes €20 / mês € Y/5 € 0.007 3  300 a 3000 vezes GBytes) maior para o serviço Mobile TV 50 horas @ €5 / mês € Y/5 € 0.0023 1 de voz. Unicast (50 hrs) 100 kbps Fonte: Agilent (LTE Woorld Summit 2010) CapEx Custos por Estação: LTE vs 3G Gráficos das densidades: estações (eNB/km2 ) vs Usuários (users/km2) $$$ 0,2000 3,0000 Baixa densidade Alta densidade $$$ 0,1500 2,0000 $$$ 3a. Portadora 0,1000 $$$ 2a. Portadora 0,0500 1,0000 $$$ NodeB 0,0000 0,0000 $$$ LTE (X) 0 20 40 60 0 500 1000 $$$ 1800 MHz (10) 2600 MHz (20) 1800 MHz (10) 2600 MHz (20) 3G (1) 3G (2) 3G (3) 3G (4) HSPA+ HSPA+ (DC) HSPA+ HSPA+ (DC) Fonte: Planejamento/2011 OpEx Fonte: GTEC/2011 Self Organized Network Self-Planning & Dynamic Re-planning Self-Configuration Estima-se uma economia de OpEx da ordem de 40% Self-Optimization segundo “Heavy Reading: 4G/LTE Insider 2010” Self-healing Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 17. A Oi e o LTE 248 operadoras em 87 países investem em LTE São 197 dispositivos disponíveis em diversas freqüências  35 redes comerciais em 21 países. Módulos LTE FDD  63 trials em 21 países em andamento com lançamento 11 Tablets 700 MHz 106 47 30 planejandos para os próximos anos 10 800 MHz 42 Notebooks  Compromissios para lançamento de 185 novas redes 27 1800 MHz 41 70 2 PC Cards comerciais em 66 países 2600 MHz 52 Países com redes comerciais Smartphones 800/1800/2600 MHz 36 Países com redes planejadas AWS 35 Routers Países com trial Fonte: GSA Outubro/2011 Fonte: GSA Novembro/2011 O Trial de LTE Arquiteura Genérica do Trial Objetivo HLR/HSS IMS Programa para realização de testes sistêmicos, de conformidade e Sh performance para: S6a Rx Ro/Rf  Internalização da tecnologia Sp  Avaliação da tecnologia, arquitetura, serviços fim-a-fim OCS/ MME PCRF  Antecipação e avaliação dos potenciais problemas na implementação futura OFCS S1-AP Sy  Avaliação dos fornecedores Gx GyGz X2 S11 Fase 0 Fase 1 Fase 2 Internet S-GW P-GW S1-U S5 SGi  Testes de  Testes de  Testes de conformidade funcionalidades Performance  Testes sistêmicos especiais Outdoor Participantes do Trial Araruama Cabo Frio Itaguaí Macaé Teresópolis (Huawei) (ALU) (NSN) (ZTE) (Ericsson) Ao todo são 9 empresas envolvidas com mais de 100 profissionais, para realização do planejamento, instalação, configuração e execução de mais de 50 testes nas redes de acesso, núcleo e IMS. Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços
  • 18. LTE não é 4G!!! Mas não há caminho para o 4G sem o LTE! Gerência de Tecnologia e Integração de Serviços