SlideShare uma empresa Scribd logo
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
INTROCUÇÃO
O caráter de uma pessoa é demonstrado por suas
atitudes, testemunho e práticas. Isaque é um
personagem da Bíblia que tem grande significado
para a história do povo de Israel. Seu nome foi
dado por Deus mesmo antes do seu nascimento
conforme Gênesis 17.19. O significado de seu
nome é interessante: quer dizer "aquele que ri" ou
"ele ri", em alusão à reação de seu pai e de sua
mãe, quando o anjo anunciou seu nascimento,
sendo seus pais de idade avançadíssima
Lição 04   isaque um caráter pacífico
I - ISAQUE, O FILHO DA PROMESSA
1. Promessa de Deus a Abrão.
Para entender o caráter de Isaque, é importante conhecer
a história que moldou sua personalidade e forjou o seu
caráter. A história de Isaque ocupa nada menos que nove
capítulos do livro de Gênesis. Filho de Abraão e Sara, pela
lógica humana seu nascimento seria absolutamente
impossível. O "filho da promessa" teria nascido "fora de
tempo", na concepção dos homens. Quando Deus chamou
Abrão para sair de sua terra e ir para uma terra estranha,
fez-lhe promessas gloriosas. Uma delas era que ele seria
"uma grande nação", quando ele tinha 75 anos (Gn 12.2).
Abraão já era idoso, e sua esposa estéril. Parecia impossível
o casal ter um filho. Quanto mais serem pais de uma
grande nação.
Lição 04   isaque um caráter pacífico
2. Seu nascimento, um verdadeiro milagre.
Ao ouvir que Sara seria "mãe de nações", Abraão riu
considerando coisa impossível para um homem de
100 anos e uma mulher de 90 (Gn 17.17).
Percebendo Deus o pensamento de Abraão lhe fez
saber que Ele é Fiel (Gn 17.19). Por ter rido, o nome
do menino seria Isaque, que significa "riso" ou
"aquele que ri". Sua mãe, ao saber que teria um filho
aos 90 anos (Gn 18.9,10), também não se conteve e,
a exemplo do marido, também se riu no seu interior
(Gn 18.12). Abraão aos 100 anos, e Sara com 90,
foram pais de um lindo bebê, que causou espanto a
todos que souberam daquele milagre.
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
II - UM HOMEM ABENÇOADO POR DEUS
1. A prosperidade espiritual.
Depois da morte de seu pai, já casado com Rebeca, e
pai de Esaú e Jacó (Gn 25.19-23), Isaque foi buscar
abrigo em Gerar, na terra dos filisteus, para escapar da
fome que ocorreu onde morava. Ali, Deus lhe falou que
não descesse ao Egito. "[...] em tua semente serão
benditas todas as nações da terra, porquanto Abraão
obedeceu à minha voz e guardou o meu mandado, os
meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis.
Assim, habitou Isaque em Gerar" (Gn 26.4-6).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
2. A bênção divina é passada de pai para filho.
A bênção de Abraão foi transferida para Isaque,
não pela hereditariedade em si, mas pela sua
fidelidade a Deus. Seu caráter, demonstrado em
sua conduta, agradou a Deus. E ele prosperou
espiritualmente.
Lição 04   isaque um caráter pacífico
3. A prosperidade material.
"E semeou Isaque naquela mesma terra e colheu,
naquele mesmo ano, cem medidas, porque o SENHOR
o abençoava" (Gn 26.12). Este é o segredo da vida de
Isaque. Ele era abençoado por Deus. Deus dá bênçãos
espirituais e também materiais, quando o homem
obedece à sua voz. A produção dos seus campos lhe
deu cem por cento de colheita (Gn 26.12). É preciso
entender que a prosperidade material não é o objetivo
da vida cristã, como propalam os adeptos da falsa
"teologia da prosperidade". Mas Deus promete abrir
"as janelas do céu" e derramar grande abundância;
repreender "o devorador" e fazer as nações
perceberem que seu povo é bem-aventurado, para
quem é fiel nos dízimos e nas ofertas (Ml 3.10-12).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
III - LIÇÕES DO CARÁTER DE ISAQUE
1. Um homem esforçado e trabalhador.
A prosperidade que Deus concedeu a Isaque chamou a
atenção dos filisteus. A bênção de Deus era tão grande
que incomodava os filisteus (Gn 26.15,16). Há pessoas
a quem Deus abençoa e os adversários ficam com
inveja, desejando o mal aos servos de Deus. Mas a
maldição não alcança os que são fiéis a Deus. Balaão
foi convocado para amaldiçoar os filhos de Israel. Mas
não conseguiu. "Como amaldiçoarei o que Deus não
amaldiçoa?" (Nm 23.8). Deus converteu a maldição em
bênção (Ne 13.2 b; Pv 10.22).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
2. O caráter pacífico de Isaque.
Ao sofrer terrível oposição dos invejosos e ser
aconselhado a sair do lugar onde prosperara, Isaque
não fez questão alguma. Foi habitar "no vale de
Gerar" (Gn 26.17). Honrando o nome e a memória do
seu pai, Isaque reabriu os poços que seu pai abrira e
foram tapados pelos filisteus, e chamou os poços com
os mesmos nomes dados por Abraão (Gn 26.18). Os
pastores de Gerar questionaram os outros poços que
Isaque abrira, mas ele não os confrontou (Gn
26.19,21).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
3. Um caráter resiliente.
Após perder a posse de dois poços, Isaque não desistiu. Mais
do que resistente, ele foi resiliente. Soube enfrentar as
oposições sem se exasperar. Soube praticar a longanimidade
(Gl 5.22). Continuou mandando abrir poços: "E partiu dali e
cavou outro poço; e não porfiaram sobre ele. Por isso, chamou
o seu nome Reobote e disse: Porque agora nos alargou o
Senhor, e crescemos nesta terra" (Gn 26.22, 23). Era o "poço
do alargamento" concedido por Deus. Livre da contenda,
Isaque "subiu dali a Berseba," (Gn 26.28,29). Ali, Isaque e
Abimeleque, rei de Gerar, fizeram um juramento de que
seriam amistosos. Daí, Berseba significar "juramento", ou
"poço do juramento. Em meio a essas experiências, "[...]
apareceu-lhe o SENHOR naquela mesma noite e disse: Eu sou
o Deus de Abraão, teu pai. Não temas, porque eu sou contigo,
e abençoar-te-ei, e multiplicarei a tua semente por amor de
Abraão, meu servo" (Gn 26.24).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
4. Obediência e submissão.
Certamente, esses são os aspectos mais marcantes do
caráter de Isaque. Ele soube honrar seu pai e sua mãe,
como manda o Senhor (Êx 20.12). A prova mais eloquente
desse caráter foi demonstrada, quando Deus falou com
Abraão e ordenou que ele oferecesse o seu filho em
holocausto (Gn 22.2). Isaque foi amarrado sobre o altar para
o sacrifício, e não se rebelou. Mas obedeceu. Submeteu-se à
vontade do pai. Deus não permitiu que Abraão o imolasse. E
proveu um cordeiro para ser oferecido em seu lugar (Gn
22.11-13). Uma figura de Cristo oferecido em nosso lugar
como "o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo" (Jo
1.29). Deus aceitou o gesto de Abraão como realizado pela
fé (Hb 11.17-19).
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Lição 04   isaque um caráter pacífico
CONCLUSÃO
A Bíblia nos mostra quão importante foi Isaque
para história do povo de Deus. O seu nome se
inclui entre os três patriarcas mais citados no
Antigo Testamento e também no Novo. O Deus de
Israel é o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó. Que
Deus nos abençoe para que nos espelhemos no
caráter de Isaque para o fortalecimento da nossa fé
no Deus Todo-Poderoso.
Lição 04   isaque um caráter pacífico
Visite e tenha mais informações
danielfelipek.blogspot.com.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Profetas maiores
Profetas maioresProfetas maiores
Profetas maiores
Silvio Fagundes
 
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter RestauradoLição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
Éder Tomé
 
Batismo no espírito santo
Batismo no espírito santoBatismo no espírito santo
Batismo no espírito santo
Empreededor
 
Estudos josé do egito
Estudos  josé do egitoEstudos  josé do egito
Estudos josé do egito
Joel Silva
 
Licao 11 3 t - 2018 - betel
Licao 11   3 t - 2018 - betelLicao 11   3 t - 2018 - betel
Licao 11 3 t - 2018 - betel
Éder Tomé
 
Lição 05 jacó, um exemplo de caráter restaurado
Lição 05   jacó, um exemplo de caráter restauradoLição 05   jacó, um exemplo de caráter restaurado
Lição 05 jacó, um exemplo de caráter restaurado
Daniel Felipe Kroth
 
37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Éder Tomé
 
02 a criação dos céus e da terra
02  a criação dos céus e da terra02  a criação dos céus e da terra
02 a criação dos céus e da terra
Márcio Martins
 
4. êxodo
4. êxodo4. êxodo
4. êxodo
mbrandao7
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Éder Tomé
 
hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.
RODRIGO FERREIRA
 
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula IIEstudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
Daniel de Carvalho Luz
 
Licao tema 2 em power point Neemias
Licao tema 2 em power point NeemiasLicao tema 2 em power point Neemias
Licao tema 2 em power point Neemias
Rogerio Sena
 
A peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
A peregrinação de Israel no deserto até o SinaiA peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
A peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
Moisés Sampaio
 
Batismo no espirito santo
Batismo no espirito santoBatismo no espirito santo
Batismo no espirito santo
Marcos Eleandro Da Costa
 
A Verdadeira Adoração
A Verdadeira AdoraçãoA Verdadeira Adoração
A Verdadeira Adoração
guest3e2535
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
Igreja Presbiteriana de Dourados
 

Mais procurados (20)

Profetas maiores
Profetas maioresProfetas maiores
Profetas maiores
 
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter RestauradoLição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
Lição 5 Jacó, Um Exemplo de um Caráter Restaurado
 
Batismo no espírito santo
Batismo no espírito santoBatismo no espírito santo
Batismo no espírito santo
 
Estudos josé do egito
Estudos  josé do egitoEstudos  josé do egito
Estudos josé do egito
 
Licao 11 3 t - 2018 - betel
Licao 11   3 t - 2018 - betelLicao 11   3 t - 2018 - betel
Licao 11 3 t - 2018 - betel
 
Lição 05 jacó, um exemplo de caráter restaurado
Lição 05   jacó, um exemplo de caráter restauradoLição 05   jacó, um exemplo de caráter restaurado
Lição 05 jacó, um exemplo de caráter restaurado
 
37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias37. O profeta Obadias
37. O profeta Obadias
 
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
LIVROS HISTÓRICOS (AULA 02 - BÁSICO - IBADEP)
 
34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias34. O profeta Oséias
34. O profeta Oséias
 
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser SuestimadaLição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
Lição 1 – Batalha Espiritual – A Realidade não Pode ser Suestimada
 
02 a criação dos céus e da terra
02  a criação dos céus e da terra02  a criação dos céus e da terra
02 a criação dos céus e da terra
 
4. êxodo
4. êxodo4. êxodo
4. êxodo
 
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de DeusSlide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
Slide Lição 03 - A maravilhosa e inefável graça de Deus
 
hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.hamartiologia - Doutrina do pecado.
hamartiologia - Doutrina do pecado.
 
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula IIEstudo Livro de Apocalipse - aula II
Estudo Livro de Apocalipse - aula II
 
Licao tema 2 em power point Neemias
Licao tema 2 em power point NeemiasLicao tema 2 em power point Neemias
Licao tema 2 em power point Neemias
 
A peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
A peregrinação de Israel no deserto até o SinaiA peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
A peregrinação de Israel no deserto até o Sinai
 
Batismo no espirito santo
Batismo no espirito santoBatismo no espirito santo
Batismo no espirito santo
 
A Verdadeira Adoração
A Verdadeira AdoraçãoA Verdadeira Adoração
A Verdadeira Adoração
 
30. O Livro do profeta Jeremias
30. O Livro do  profeta Jeremias30. O Livro do  profeta Jeremias
30. O Livro do profeta Jeremias
 

Semelhante a Lição 04 isaque um caráter pacífico

Isaque Um Caráter Pacífico
Isaque  Um Caráter PacíficoIsaque  Um Caráter Pacífico
Isaque Um Caráter Pacífico
Luciana Evangelista
 
Isaque, um Caráter Pacífico
Isaque, um Caráter PacíficoIsaque, um Caráter Pacífico
Isaque, um Caráter Pacífico
Márcio Martins
 
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter PacíficoLição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Éder Tomé
 
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter PacíficoLição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
I.A.D.F.J - SAMAMABAIA SUL
 
Lição 12 Isaque, o sorriso de uma Promessa
Lição 12   Isaque, o sorriso de uma PromessaLição 12   Isaque, o sorriso de uma Promessa
Lição 12 Isaque, o sorriso de uma Promessa
Andrew Guimarães
 
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos PatriarcasLição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Éder Tomé
 
Lição 12 apresentação
Lição 12 apresentaçãoLição 12 apresentação
Lição 12 apresentação
Elson Juvenal Pinto Loureiro
 
Lição 4 - Isaque, um caráter pacífico
Lição 4 - Isaque, um caráter pacíficoLição 4 - Isaque, um caráter pacífico
Lição 4 - Isaque, um caráter pacífico
Erberson Pinheiro
 
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma PromessaLiçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Ev.Antonio Vieira
 
Estudo 8 deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
Estudo 8   deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...Estudo 8   deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
Estudo 8 deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
edupazos
 
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
Pr. Andre Luiz
 
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
GIDEONE Moura Santos Ferreira
 
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓO CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
Elvis Sobral
 
DEZ TESTES DE CARÁTER
DEZ TESTES DE CARÁTERDEZ TESTES DE CARÁTER
RED265-Aula6.ppt
RED265-Aula6.pptRED265-Aula6.ppt
RED265-Aula6.ppt
lindalva da cruz
 
“O povo hebreu”
“O povo hebreu”“O povo hebreu”
“O povo hebreu”
Felicianoferro Ferro
 
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter RestauradoJacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Márcio Martins
 
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL AULA 2
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL  AULA 2IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL  AULA 2
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL AULA 2
Rubens Sohn
 
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSALIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
Lourinaldo Serafim
 

Semelhante a Lição 04 isaque um caráter pacífico (20)

Isaque Um Caráter Pacífico
Isaque  Um Caráter PacíficoIsaque  Um Caráter Pacífico
Isaque Um Caráter Pacífico
 
Isaque, um Caráter Pacífico
Isaque, um Caráter PacíficoIsaque, um Caráter Pacífico
Isaque, um Caráter Pacífico
 
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter PacíficoLição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
 
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter PacíficoLição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
Lição 4 - Isaque, um Caráter Pacífico
 
Lição 12 Isaque, o sorriso de uma Promessa
Lição 12   Isaque, o sorriso de uma PromessaLição 12   Isaque, o sorriso de uma Promessa
Lição 12 Isaque, o sorriso de uma Promessa
 
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos PatriarcasLição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
Lição 1 - O Testemunho dos Patriarcas
 
Lição 12 apresentação
Lição 12 apresentaçãoLição 12 apresentação
Lição 12 apresentação
 
Lição 4 - Isaque, um caráter pacífico
Lição 4 - Isaque, um caráter pacíficoLição 4 - Isaque, um caráter pacífico
Lição 4 - Isaque, um caráter pacífico
 
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
EBD CPAD Lições bíblicas 4° trimestre 2015 lição 12 Isaque,o sorriso de uma p...
 
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma PromessaLiçao 12  Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
Liçao 12 Isaque, o Sorriso de Uma Promessa
 
Estudo 8 deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
Estudo 8   deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...Estudo 8   deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
Estudo 8 deus, isaque e o impacto de promessas cumpridas- igreja batista do...
 
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
Deus o nosso provedor - Lição 06 - 4º Trimestre 2016
 
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
Ebd 4°trimestre 2016 aula 6 Deus: o nosso provedor.
 
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓO CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
O CONCERTO DE DEUS COM ABRAÃO, ISAQUE E JACÓ
 
DEZ TESTES DE CARÁTER
DEZ TESTES DE CARÁTERDEZ TESTES DE CARÁTER
DEZ TESTES DE CARÁTER
 
RED265-Aula6.ppt
RED265-Aula6.pptRED265-Aula6.ppt
RED265-Aula6.ppt
 
“O povo hebreu”
“O povo hebreu”“O povo hebreu”
“O povo hebreu”
 
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter RestauradoJacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
Jacó, um Exemplo de um Caráter Restaurado
 
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL AULA 2
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL  AULA 2IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL  AULA 2
IBADEP MÉDIO - HIESTÓRIA DE ISRAEL AULA 2
 
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSALIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
LIÇÃO 12 - ISAQUE, O SORRISO DE UMA PROMESSA
 

Mais de Daniel Felipe Kroth

Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoasLição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 12 José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
Lição 12   José, o pai terreno de jesus - um homem de caráterLição 12   José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
Lição 12 José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 10 maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
Lição 10   maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosaLição 10   maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
Lição 10 maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 01 a formação do caráter cristão
Lição 01   a formação do caráter cristãoLição 01   a formação do caráter cristão
Lição 01 a formação do caráter cristão
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 13 uma vida de frutificação
Lição 13   uma vida de frutificaçãoLição 13   uma vida de frutificação
Lição 13 uma vida de frutificação
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
Lição 12 -  Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.Lição 12 -  Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉLição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
Daniel Felipe Kroth
 
Muitos buscam um evangelho fácil estevão
Muitos buscam um evangelho fácil   estevãoMuitos buscam um evangelho fácil   estevão
Muitos buscam um evangelho fácil estevão
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as InimizadesLição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
Daniel Felipe Kroth
 
Atributos de deus
Atributos de deusAtributos de deus
Atributos de deus
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 12
Lição 12Lição 12
Pescadores de almas 01
Pescadores de almas 01Pescadores de almas 01
Pescadores de almas 01
Daniel Felipe Kroth
 
Projeto +1 pra Jesus
Projeto +1 pra JesusProjeto +1 pra Jesus
Projeto +1 pra Jesus
Daniel Felipe Kroth
 
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 13 25 setembro de 2016
Lição 13   25 setembro de 2016Lição 13   25 setembro de 2016
Lição 13 25 setembro de 2016
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 12 18 setembro de 2016
Lição 12   18 setembro de 2016Lição 12   18 setembro de 2016
Lição 12 18 setembro de 2016
Daniel Felipe Kroth
 
Lição 09 28 agosto de 2016
Lição 09   28 agosto de 2016Lição 09   28 agosto de 2016
Lição 09 28 agosto de 2016
Daniel Felipe Kroth
 
A arca da aliança
A arca da aliançaA arca da aliança
A arca da aliança
Daniel Felipe Kroth
 

Mais de Daniel Felipe Kroth (18)

Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoasLição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
Lição 03 - a santíssima trindade, um só deus em três pessoas
 
Lição 12 José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
Lição 12   José, o pai terreno de jesus - um homem de caráterLição 12   José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
Lição 12 José, o pai terreno de jesus - um homem de caráter
 
Lição 10 maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
Lição 10   maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosaLição 10   maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
Lição 10 maria, irmã de lázaro, uma devoção amorosa
 
Lição 01 a formação do caráter cristão
Lição 01   a formação do caráter cristãoLição 01   a formação do caráter cristão
Lição 01 a formação do caráter cristão
 
Lição 13 uma vida de frutificação
Lição 13   uma vida de frutificaçãoLição 13   uma vida de frutificação
Lição 13 uma vida de frutificação
 
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
Lição 12 -  Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.Lição 12 -  Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
Lição 12 - Quem Ama Cumpre Plenamente a Lei Divina.
 
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉLição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
Lição 09 - FIDELIDADE, FIRMES NA FÉ
 
Muitos buscam um evangelho fácil estevão
Muitos buscam um evangelho fácil   estevãoMuitos buscam um evangelho fácil   estevão
Muitos buscam um evangelho fácil estevão
 
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as InimizadesLição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
Lição 05- Paz de Deus: Antidoto Contra as Inimizades
 
Atributos de deus
Atributos de deusAtributos de deus
Atributos de deus
 
Lição 12
Lição 12Lição 12
Lição 12
 
Pescadores de almas 01
Pescadores de almas 01Pescadores de almas 01
Pescadores de almas 01
 
Projeto +1 pra Jesus
Projeto +1 pra JesusProjeto +1 pra Jesus
Projeto +1 pra Jesus
 
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
LIÇÃO 03 - ABRAÃO, A ESPERANÇA DO PAI DA FÉ / SUBSÍDIOS / REVISTA DA CLASSE A...
 
Lição 13 25 setembro de 2016
Lição 13   25 setembro de 2016Lição 13   25 setembro de 2016
Lição 13 25 setembro de 2016
 
Lição 12 18 setembro de 2016
Lição 12   18 setembro de 2016Lição 12   18 setembro de 2016
Lição 12 18 setembro de 2016
 
Lição 09 28 agosto de 2016
Lição 09   28 agosto de 2016Lição 09   28 agosto de 2016
Lição 09 28 agosto de 2016
 
A arca da aliança
A arca da aliançaA arca da aliança
A arca da aliança
 

Último

metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
GuilhermeCerqueira17
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
PIB Penha
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
Nilson Almeida
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
CleideTeles3
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
PIB Penha
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
PIB Penha
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
PIB Penha
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
PIB Penha
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
marcusviniciussabino1
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
NEDIONOSSOMUNDO
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Celso Napoleon
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Ricardo Azevedo
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
LEILANEGOUVEIA1
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
PIB Penha
 

Último (14)

metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdfmetafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
metafc3adsica-da-sac3bade-vol-4-luiz-gasparetto.pdf
 
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
9 - Negação e Afirmação na Vida do Cristão-Alvo da Lição: Entender que ser cr...
 
Oração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A BondadeOração Para Pedir A Bondade
Oração Para Pedir A Bondade
 
Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1Jardim de infância- A história de José 1
Jardim de infância- A história de José 1
 
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
15 - Renúncia - Escolha a vida para viver.pdf
 
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar  e...
10 - A Piedade do Cristão.Alvo da Lição: Entender que o dar esmolas, orar e...
 
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
16 - O compromisso do cristão.Relacionamento do crente com Deus
 
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambição ...
12 - A ambição do Cristão. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambição ...
 
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdfA VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
A VIDA SEGUNDO O EVANGELHO - MICHAEL HORTON.pdf
 
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptxPalestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
Palestra ECC - A Fé nos Reverses da Vida.pptx
 
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptxLição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
Lição 3 Rute e Noemi - Entrelaçadas pelo Amor.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não TiranizesSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 143 - Não Tiranizes
 
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdfDiscipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
Discipulado Kids 01 Cristão Lição 01.pdf
 
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira  ambi...
11 - A oração que Deus atende. Alvo da Lição: Entender que a verdadeira ambi...
 

Lição 04 isaque um caráter pacífico

  • 7. INTROCUÇÃO O caráter de uma pessoa é demonstrado por suas atitudes, testemunho e práticas. Isaque é um personagem da Bíblia que tem grande significado para a história do povo de Israel. Seu nome foi dado por Deus mesmo antes do seu nascimento conforme Gênesis 17.19. O significado de seu nome é interessante: quer dizer "aquele que ri" ou "ele ri", em alusão à reação de seu pai e de sua mãe, quando o anjo anunciou seu nascimento, sendo seus pais de idade avançadíssima
  • 9. I - ISAQUE, O FILHO DA PROMESSA 1. Promessa de Deus a Abrão. Para entender o caráter de Isaque, é importante conhecer a história que moldou sua personalidade e forjou o seu caráter. A história de Isaque ocupa nada menos que nove capítulos do livro de Gênesis. Filho de Abraão e Sara, pela lógica humana seu nascimento seria absolutamente impossível. O "filho da promessa" teria nascido "fora de tempo", na concepção dos homens. Quando Deus chamou Abrão para sair de sua terra e ir para uma terra estranha, fez-lhe promessas gloriosas. Uma delas era que ele seria "uma grande nação", quando ele tinha 75 anos (Gn 12.2). Abraão já era idoso, e sua esposa estéril. Parecia impossível o casal ter um filho. Quanto mais serem pais de uma grande nação.
  • 11. 2. Seu nascimento, um verdadeiro milagre. Ao ouvir que Sara seria "mãe de nações", Abraão riu considerando coisa impossível para um homem de 100 anos e uma mulher de 90 (Gn 17.17). Percebendo Deus o pensamento de Abraão lhe fez saber que Ele é Fiel (Gn 17.19). Por ter rido, o nome do menino seria Isaque, que significa "riso" ou "aquele que ri". Sua mãe, ao saber que teria um filho aos 90 anos (Gn 18.9,10), também não se conteve e, a exemplo do marido, também se riu no seu interior (Gn 18.12). Abraão aos 100 anos, e Sara com 90, foram pais de um lindo bebê, que causou espanto a todos que souberam daquele milagre.
  • 14. II - UM HOMEM ABENÇOADO POR DEUS 1. A prosperidade espiritual. Depois da morte de seu pai, já casado com Rebeca, e pai de Esaú e Jacó (Gn 25.19-23), Isaque foi buscar abrigo em Gerar, na terra dos filisteus, para escapar da fome que ocorreu onde morava. Ali, Deus lhe falou que não descesse ao Egito. "[...] em tua semente serão benditas todas as nações da terra, porquanto Abraão obedeceu à minha voz e guardou o meu mandado, os meus preceitos, os meus estatutos e as minhas leis. Assim, habitou Isaque em Gerar" (Gn 26.4-6).
  • 16. 2. A bênção divina é passada de pai para filho. A bênção de Abraão foi transferida para Isaque, não pela hereditariedade em si, mas pela sua fidelidade a Deus. Seu caráter, demonstrado em sua conduta, agradou a Deus. E ele prosperou espiritualmente.
  • 18. 3. A prosperidade material. "E semeou Isaque naquela mesma terra e colheu, naquele mesmo ano, cem medidas, porque o SENHOR o abençoava" (Gn 26.12). Este é o segredo da vida de Isaque. Ele era abençoado por Deus. Deus dá bênçãos espirituais e também materiais, quando o homem obedece à sua voz. A produção dos seus campos lhe deu cem por cento de colheita (Gn 26.12). É preciso entender que a prosperidade material não é o objetivo da vida cristã, como propalam os adeptos da falsa "teologia da prosperidade". Mas Deus promete abrir "as janelas do céu" e derramar grande abundância; repreender "o devorador" e fazer as nações perceberem que seu povo é bem-aventurado, para quem é fiel nos dízimos e nas ofertas (Ml 3.10-12).
  • 21. III - LIÇÕES DO CARÁTER DE ISAQUE 1. Um homem esforçado e trabalhador. A prosperidade que Deus concedeu a Isaque chamou a atenção dos filisteus. A bênção de Deus era tão grande que incomodava os filisteus (Gn 26.15,16). Há pessoas a quem Deus abençoa e os adversários ficam com inveja, desejando o mal aos servos de Deus. Mas a maldição não alcança os que são fiéis a Deus. Balaão foi convocado para amaldiçoar os filhos de Israel. Mas não conseguiu. "Como amaldiçoarei o que Deus não amaldiçoa?" (Nm 23.8). Deus converteu a maldição em bênção (Ne 13.2 b; Pv 10.22).
  • 23. 2. O caráter pacífico de Isaque. Ao sofrer terrível oposição dos invejosos e ser aconselhado a sair do lugar onde prosperara, Isaque não fez questão alguma. Foi habitar "no vale de Gerar" (Gn 26.17). Honrando o nome e a memória do seu pai, Isaque reabriu os poços que seu pai abrira e foram tapados pelos filisteus, e chamou os poços com os mesmos nomes dados por Abraão (Gn 26.18). Os pastores de Gerar questionaram os outros poços que Isaque abrira, mas ele não os confrontou (Gn 26.19,21).
  • 25. 3. Um caráter resiliente. Após perder a posse de dois poços, Isaque não desistiu. Mais do que resistente, ele foi resiliente. Soube enfrentar as oposições sem se exasperar. Soube praticar a longanimidade (Gl 5.22). Continuou mandando abrir poços: "E partiu dali e cavou outro poço; e não porfiaram sobre ele. Por isso, chamou o seu nome Reobote e disse: Porque agora nos alargou o Senhor, e crescemos nesta terra" (Gn 26.22, 23). Era o "poço do alargamento" concedido por Deus. Livre da contenda, Isaque "subiu dali a Berseba," (Gn 26.28,29). Ali, Isaque e Abimeleque, rei de Gerar, fizeram um juramento de que seriam amistosos. Daí, Berseba significar "juramento", ou "poço do juramento. Em meio a essas experiências, "[...] apareceu-lhe o SENHOR naquela mesma noite e disse: Eu sou o Deus de Abraão, teu pai. Não temas, porque eu sou contigo, e abençoar-te-ei, e multiplicarei a tua semente por amor de Abraão, meu servo" (Gn 26.24).
  • 27. 4. Obediência e submissão. Certamente, esses são os aspectos mais marcantes do caráter de Isaque. Ele soube honrar seu pai e sua mãe, como manda o Senhor (Êx 20.12). A prova mais eloquente desse caráter foi demonstrada, quando Deus falou com Abraão e ordenou que ele oferecesse o seu filho em holocausto (Gn 22.2). Isaque foi amarrado sobre o altar para o sacrifício, e não se rebelou. Mas obedeceu. Submeteu-se à vontade do pai. Deus não permitiu que Abraão o imolasse. E proveu um cordeiro para ser oferecido em seu lugar (Gn 22.11-13). Uma figura de Cristo oferecido em nosso lugar como "o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo" (Jo 1.29). Deus aceitou o gesto de Abraão como realizado pela fé (Hb 11.17-19).
  • 30. CONCLUSÃO A Bíblia nos mostra quão importante foi Isaque para história do povo de Deus. O seu nome se inclui entre os três patriarcas mais citados no Antigo Testamento e também no Novo. O Deus de Israel é o Deus de Abraão, de Isaque e de Jacó. Que Deus nos abençoe para que nos espelhemos no caráter de Isaque para o fortalecimento da nossa fé no Deus Todo-Poderoso.
  • 32. Visite e tenha mais informações danielfelipek.blogspot.com.br

Notas do Editor

  1. Isaque  Filho da alegria
  2. O verdadeiro caráter de Isaque vem de berço, porque? Porque Abraão era obediente a seus pais e por isso espera 205 anos para sair da terra e ir rumo a promessa, note que Abraão largou sua parentela e saiu rumo ao desconhecido em virtude de uma aliança formada apenas por palavras, isso gera em todos a sua volta a confiança, estabilidade e acima de tudo fé em um Deus que provaria sua existência e sua fidelidade ao longo do tempo. Quem tem promessa tem que aguardar o tempo de Deus
  3. O nascimento de Isaque, traz a todos a noção de quem era Adonai, não pela esterilidade de Sara, mas também pela quebra da aliança por parte de Sara ao colocar sua escrava Agar para gerar o filho da promessa. O que Sara não entendia era que o tempo era o tempo de Deus e não o tempo do homem, quantas vezes tomamos o lugar de Sara e queremos fazer nosso tempo e não aguardamos o tempo de Deus? Deus é atemporal – um dia para Deus pode ser mil anos para nós Nós estamos debaixo do tempo de Deus, Eclesiastes 3:1
  4. O fato de Isaque ter ficado em Gerar e não descer ao Egito nos mostra sua obediência e dedicação a Adonai assim como seu pai, a obediência sempre nos levará a degraus mais altos em todos os campos, Isaque após obedecer tem rapidamente uma resposta de Deus em sua vida, agora Ele escuta a mesma promessa de Deus havia feito ao seu pai, (Gn. 26.3).
  5. Isaque herda primeiro a benção espiritual para depois ser abençoado no campo carnal, desde criança ele já trazia consigo essa obediência e podemos vê-la no altar do sacrifício, logo depois no casamento com Rebeca (Aceita a mulher que o pai mandou buscar) em meio a fome e escassez mais uma vez obedece sem se quer cogitar um pensamento contrário a ordem de Deus. Em meios a escassez (crise) devemos escutar a voz de Deus)
  6. (Gn.26. 12) Ele colheu cem vezes; Há uma ênfase colocada sobre o tempo: foi nesse mesmo ano quando houve uma fome na terra que Isaque se destaca, Enquanto outros mal conseguiram colher, ele colheu abundantemente, seus servos aumentaram, seu gado também aumentou nos mostrando que a abundância material acompanha quem permanece fiel mesmo em meio à crise. É em meio a crise que voce realmente vai saber se pé fiel, se realmente é um cervo e não abandona a obra de Deus
  7. A promessa sempre acompanhará a todos quantos são obedientes e fieis, você tem sido fiel? Fiel aqui não no ponto de vista material, mas aos princípios cristãos, a palavra, aos líderes que Deus instituiu sobre sua vida? Precisamos entender que teremos e seremos abençoados quando seguirmos estes princípios, se levantará muitos contra nossos projetos, nossos sonhos e visões mas em Deus nossa tenda é guardada, somos protegidos e praga alguma alcançará os servos de Adonai. Mil cairão ao teu lado, e dez mil à tua direita, mas não chegará a ti. Somente com os teus olhos contemplarás, e verás a recompensa dos ímpios. Salmos 91:7,8 Deus contempla aquele que permanece fiel e firma
  8. Um caráter pacífico deve ser conquistado por aqueles que almejam planos que não são compreendidos, Isaque sabia que os poços eram herança de seu pai, no entanto não abriu a boca para falar nada, não murmurou, simplesmente manteve o foco nos planos de Deus e não nos planos humanos, quantas vezes você engoliu elefantes e agora está brigando por causa de uma formiga? Quantas vezes voce foi perseguido e resistiu? Ainda que ninguém compreenda seus planos Deus os entende Tenha visão espiritual
  9. A resiliência deve existir em todos quantos trabalham na obra de Deus nos últimos dias, porque? Porque a atualidade nos mostra um povo cheio de não me toques, um povo dodoizinho, cheio de mimizinho um povo que não quer ser admoestado com verdades mas sim com bajulações e holofotes, resiliência significa ser elástico, ter a capacidade de lidar com problemas, adaptar-se a mudanças, superar obstáculos ou resistir à pressão de situações adversas. Será que voce perdeu seu poder se ser resiliente (Elasticidade) Precisamos entender que nosso chamado as vesses nos custa car
  10. A obediência e a submissão marcam a vida de Isaque desde o holocausto até o fim de sua vida tipificando assim a figura de Yeshua que como Isaque foi obediente e submisso, ambos levam a lenha para o local do sacrifício, assim como Isaque teve a provisão do cordeiro, nós também tivemos o Cristo o cordeiro perfeito como o sacrifício vivo em nosso lugar. Isaque é a exemplificação daquele que: É submisso É Paciente Pacifico Soube esperar Soube agradar Soube ter resposta Será que temos em nos a paciência de Isaque Temos entendimento que somos filho e como filhos o pai não quer nada fora de seus planos Somos chamados para obedecer e ser submisso Pois somos cidadãos do céus e somo chamdos para fazer a diferença