SlideShare uma empresa Scribd logo
Realização:
C ONGRES S O
     IN T E R N A C IO N A L
       D E T R Â N S IT O

  Porto Alegre/RS, 17 a 20 de julho de 2012.

                                  Prof.ª Me. Ivanise Rotta
ivaniserotta@gmail.com      Agetran – +55 (67) 3314 3393
                      Chefe da Divisão de Educação para o Trânsito
Apresentação Resumida

    Projeto Vida no Trânsito:
Experiência de Campo Grande - MS
ESTRATÉGIA DE PROATIVIDADE E PARCERIA
                  CAMPO GRANDE – MS – 2011.
Área (Planurb 2010):    353,03 km² (urbana)
                       7.735,74 km² (rural)

População (IBGE 2010): 787.204 habitantes

Densidade Demográfica: 97,22 hab/km²

Frota veículos total (DETRAN/MS 2011): 415.637
                           Motocicletas: 121.402

PIB per capita (IBGE 2008): R$ 14.001, 93

                                                       Campo Grande,
                                                   Mato Grosso do Sul - Brasil
SISTEMA DE COLETA DE DADOS

 Desenvolvimento do Banco de dados
        Campo Grande - MS
COLETA DE DADOS 2009
Processo de construção da Base de Dados de Vítimas Graves e Fatais em
                      acidentes de trânsito – Campo Grande



Pares – feridos
                                                       2010/2011
    Graves
 considerados
  Verdadeiros

                                                         Complementação        Acidentes
                  Concatenação das     Acidentes
                                                         de dados – Fontes   Graves e Fatais
                       Bases         Graves e Fatais
                                                         Complementares          “Definitiva”
                                        -Teste 1-                             (Índices e FCLR)



Pares – mortos
 considerados                          Pesquisa de
  Verdadeiros                           dados não
                                      identificados
                       SAMU
                     Bombeiros                             Consulta Bases
                                                            Nacionais no
                                                                M.S.
                        PRE
                        PRF

                                                                AIH
                       SIGO                                   Nacional
Coleta de Dados 2012




                            Possíveis não
Possíveis Pares                pares


          Verificação Manual dos
                   Pares


          Pares Mortos & feridos
                  graves
         Considerados verdadeiros
Análise dos Acidentes Fatais e
Graves em Campo Grande - MS
   Período de Análise: Jan-Dez/2011
Freqüência de Acidentes Graves e Fatais
   por dia da semana e faixa de hora
            Jan – Dez/2011
Freqüência de acidentes Graves e Fatais
            por dia da semana e local – Jan-Dez/2011
                                                                                               N = 258
                                          SEGUNDA   TERÇA   QUARTA   QUINTA   SEXTA
ENDERECO                     DOMINGO        FEIRA   FEIRA    FEIRA    FEIRA   FEIRA   SÁBADO   Total geral

Presidente Ernesto Geisel        3           3        2       5        7        6       9          35

Afonso Pena                      5           3        4       3        2        3       5          25

Guaicurus                        4           4        3       2        4        2       5          24

Gury Marques                     7           3                2        5        3       4          24

Consul Assaf Trad                3           2        2       7        5                4          23

Tamandare                        1           1        5       2        2        6       5          22

Duque de Caxias                  5           3        3       1        5        3                  20

Julio de Castilho                2           4        2       6        1        3       2          20

Marechal Deodoro                 1           2        2       2        4        4       5          20

Manoel da Costa Lima             6           4        1       1        3                2          17

TOTAL                           37          29       24       31       38      30       41        230
10 primeiras vias com maior freqüência.
Faixa Etária das vítimas de acidentes
   graves e fatais – Jan-Dez/2011
Grupos de Vítimas Locais
     Jan-Dez/2011
Tipos de Ocorrências
                            Jan-Dez/2011
Acidentes Graves e Fatais      Acidentes Fatais   Acidentes Graves
Grupo de análise de acidentes
        Graves e Fatais 2012
Agetran, Bombeiros, Ciptran, Detran, Polícia Civil, Samu, Sesau e
                               Ses
Quadro Multiplo Integrado

     Acidentes Fatais                  Fatores & Condutas adicionais Locais de Risco                              Grupos de
         e Graves                 versus Usuário contributivo para Acidente Fatal ou Grave                         Vitimas
                              F     F    F   F   F    F   F   F   C   C   C   C   C   C   P   P   P   P   P   V   V   V   V   V   V
         Títulos de Colunas
                              1     2    3   4   5    6   7   8   1   2   3   4   5   6   1   2   3   4   5   1   2   3   4   5   6


               AFG-1
                                        Fatores de                Conduta                 Equipamentos
               AFG-2                    risco                     inapropriada            Segurança

               AFG-3


               AFG-4


               AFG-5


               AFG-6


                 .


               AFG-n


             Resultados


JC-M12
FATORES DE RISCO – ENVOLVIMENTO EM ACIDENTES




F1 - Velocidade                F5 – Fadiga
F2 – Álcool                    F6 - Visibilidade
F3 – Infraestrutura            F7 – Drogas
F4 – Veículo                   F8 - Celulares
Quadro Multiplo Integrado

CONDUTAS ADICIONAIS LOCAIS DE RISCO
Quadro Multiplo Integrado
             FATORES E CONDUTAS ADICIONAIS
                        DE RISCO

               Janela Foco
           Risco de Acidentes




F1 – Velocidade                      C5 – Desrespeito a Sinalização "PARE”
F6 – Visibilidade                    C1 – Avanço de Sinal
C2 – Condutor sem habilitação        F3 – Infraestrutura
F2 – Álcool                          C3 – Transitar em local proibido
C7 – Converter sem dar preferência
Quadro Multiplo Integrado


FATORES DE RISCO (PROTEÇÃO INADEQUADA) - SEVERIDADE
Quadro Multiplo Integrado

PERFIL DE GRUPOS LOCAIS DE VÍTIMAS - 2011
Perfil do Usuário Contributivo para Acidente Fatal
    interligado a Grupo Específico de Vítimas

    Grupo de Vítimas - MOTOCICLISTAS
Fatores de risco e
               grupo de vítimas local
Peso: 40%

                 Peso: 35%

                                  Peso: 25%


                   MOTOCICLISTA
  VELOCIDADE




                                    ÁLCOOL
PROGRAMAS E INDICADORES
                                                DE SEGURANÇA VIÁRIA

Fator/Gru                             PROGRAMAS
po locais                             IISV*                                              IFSV**
                                                                         Projetos e       índice de acidentes fatais e
                                        Porcentagem de veículos
                                                                                          graves por 10.000 veículos
   Velocidade                           flagrados com velocidade         SDMC             relacionado ao excesso de
                                        acima do permitido               Relacionados     velocidade




                                          Porcentagem de motociclistas
                                                                          Projetos e
   Motociclist                             autuados em blitze.                           índice de acidentes fatais e
                                          Porcentagem de motociclistas    SDMC           graves por 10.000 veículos
   as                                     acidentados                     Relacionados   envolvendo motociclistas.




                                                                          Projetos e     índice de acidentes fatais e
                                          Porcentagem de autuações
                                                                                         graves por 10.000 veículos
                                          (relativas ao álcool) de        SDMC
 Álcool                                   condutores nas blitze           Relacionados
                                                                                         ocasionados por associação
                                                                                         de álcool e direção



* IISV – Indicador Intermediário de Segurança Viária
** IFSV – Indicador Final de Segurança Viária
*** Uso incorreto de capacete, excesso de velocidade, direção perigosa
PROGRAMAS: VELOCIDADE, ÁLCOOL,
                  MOTOCICLISTAS E PROJETOS RELACIONADOS
•   Projeto Clube Do Setinha
•   Projeto Gerenciamento De Velocidade
•   Projeto Motociclista
•   Projeto Motorista
•   Projeto Fiscalização Eletrônica
•   Projeto Sinalização: Horizontal, Vertical e Semafórica
•   Projeto Melhor Idade Na Faixa
•   Projeto “Sinal Verde”
•   Projeto: A Segurança no Trânsito na Formação Profissional de Motoristas
•   Projeto Calouros Por Um Trânsito Seguro
            Calou
•   Projeto “Portas Abertas”
•   Projeto AME - TRÂNSITO
•   Projeto “Lei Seca”
•   Projeto OAB Vai À Escola
•   Projeto Fiscalização Preventiva
•   Campanha “Pedestre, Eu Cuido!”
•   Sistema Dinâmico De Melhoria Contínua: Escola Segura
•   Fiscalização Fator Local de Risco/Grupo de Vítimas Local
EXEMPLOS DE AÇÕES
  REALIZADAS 2011

 Campo Grande/MS
PROGRAMA VELOCIDADE




META             REALIZADO
29.000             37.600
PROGRAMA ALCOOL e DIREÇÃO




META                REALIZADO
35.000                38.520
PROGRAMA MOTOCICLISTA




META           REALIZADO
8.000            12.850
FISCALIZAÇÃO

GRUPO DE PROJETOS
Projeto MOTOCICLISTA




 META 48         REALIZADO 42
OPERAÇÕES         OPERAÇÕES
FISCALIZAÇÃO “Lei Seca”
                2011




550 pessoas autuadas
212 pessoas conduzidas à delegacia
Projeto
      FISCALIZAÇÃO PREVENTIVA




 META 40               REALIZADO 41
OPERAÇÕES               OPERAÇÕES
Fiscalização Eletrônica




  META 20          REALIZADO 22
EQUIPAMENTO        EQUIPAMENTO
      S                  S
ENGENHARIA

GRUPO DE PROJETOS
Sinalização Vertical

Serviço               Metas            2011

Implantação de placas 1.000 unidades   1.055 unidades

Manutenção de placas 1.100 unidades    1.081 unidades




META 2.100                              REALIZADO
 PLACAS                                2.136 PLACAS
Sinalização Horizontal




  META               REALIZADO
100.000 m²           107.000 m²
Sinalização Semafórica




  META 26           REALIZADO 75
equipamentos        equipamentos
Sinalização de Segurança




  META 48             REALIZADO 111
equipamentos          equipamentos
TRATAMENTO
      DE LOCAIS CRÍTICOS
                      Rua Chaad Scaff




META 30              REALIZADO 33
 LOCAIS                 LOCAIS
Planejamento de malha
          cicloviária




META 2012       REALIZADO 2011
 100 km           64,69 km
PROJETOS ESPECIAIS
PROJETO MOTORISTA   Agetran




META            REALIZADO
9.000             10.300
META 300.000   REALIZADO 180.300
META       REALIZADO
5 ESCOLAS   EM PROCESSO
META    REALIZADO
3.000     1.110
META: 4.000   REALIZADO: 4.169
PROJETO A Segurança no Trânsito na
 Formação Profissional de Motoristas-SestSenat




META                             REALIZADO
2.000                              2.150
PROJETO CLUBE DO SETINHA-Agetran




   META                      REALIZADO
2.500 crianças               2.882 crianças
CALOUROS POR UM TRÂNSITO SEGURO




META                          REALIZADO
10.000                          12.000
PROJETO OAB/MS – Vai à Escola




META                REALIZADO
40.000                40.899
ESCOLA SEGURA




SISTEMA DINÂMICO DE
MELHORIA CONTÍNUA
ESCOLA SEGURA
      Semed, SED, Agetran




META 20              REALIZADO 29
ESCOLAS                ESCOLAS
Teatro na ESCOLA
RESULTADOS POSITIVOS
BENEFÍCIOS
                      PROJETO VIDA NO TRÂNSITO
                  Estratégia de Proatividade e Parceria
•Dados Confiáveis;
•Trabalho Intersetorial, Integração dos órgãos: GGIT – Gabinete de
Gestão Integrada de trânsito;
• Visita e relatório dos locais de acidentes fatais;
•Grupo de análise de acidentes graves e fatais;
•Capacitações 2012: Encontro Nacional, II Work Shop, Padronização
BOs, Perícia de Trânsito, Seminário Crimes de Trânsito, Seminário
Concessionárias Veículos;
•Apoio da mídia televisionada, rádio, jornais impressos e “on line”;
• População informada sobre Fatores Local de Risco e Grupo de
Vítima Local;
•Processo iniciado de mudança de cultura: Placar da Vida, Estrelas,
acidentes fatais, jovem condutor, etc.
ggit@detran.ms.gov.br

Participantes:
AGETRAN – CIPTRAN – SEJUSP – CETRAN – DETRAN – PRE – PRF – AGESUL – SES – SESAU –
AGEPAN – ASSETUR – CBM – OAB – SAMU – SED – SEMED – PLANURB – SEST/SENAT – CCST –
JUIZADO ESPECIAL DE TRÂNSITO – MPE – HOSPITAL SANTA CASA – DNIT – SINEPE – CCST-
ROTARY CLUBE -


Decreto Municipal
n. 11.370, de 17/11/2010.

Regimento Interno
n.11.371, de 22/11/2010.
R
E
U
N
I
Õ
E
S

M
E
N
S
A
I
S
Visitas técnicas
                              nos locais de acidentes fatais

DATA: 10/09/2010 (6ª feira)        HORÁRIO: 11h
                                                                       Tráfego intenso de veículos,
                                                                       inclusive de caminhões, boa
                                                                       sinalização horizontal e vertical.
                                                                       Os pedestres têm dificuldade
                                                                       de fazerem a travessia, pois o
                                                                       único lugar “seguro” são os
                                                                       semáforos.


                                                                       Sugestão:
                                                                       Fazer a sinalização horizontal na
                                                                       Rua Passos.
                                                                       Fazer um estudo técnico para a
                                                                       melhoria    da    travessia    de
                                                                       pedestres.



Local           Av. Mascarenhas de Moraes c/ R. Passos.                Possível causa:
Veículos        Moto X Caminhão. Motociclista, vítima fatal 29 anos,   Ultrapassagem pela direita do
envolvidos      habilitado AB/9 anos.                                  motociclista, falta de
                Colisão lateral.                                       visibilidade do motorista.
Natureza do
acidente
Placar da Vida
• O Placar da Vida foi inaugurado no dia 11 de maio de 2011,
  como uma ação da Década de Ação de Segurança no Trânsito.
• O número desse placar representa os dias de vidas
  preservadas no trânsito de Campo Grande - MS, e toda vez
  que alguém vier a óbito no local do acidente ou em
  decorrência de um acidente de trânsito num período de até
  30 dias de internação o PLACAR é zerado.
www.placardavida.blogspot.com
PREMIAÇÃO ESCOLA SEGURA – SELO MUNICIPAL DE QUALIDADE
Resultados Finais
                       Jan-Dez 2010 e Jan-Dez 2011
A Estratégia de Proatividade de Parceria comprova, por meio dos                           p o p u l ção
                                                                                                   a

resultados apresentados , sua importância e relevância.
                                                                                                               819.2 19
                                                                                                787.2 04
                                                               747.189         75 4.939




                                                                 2 008           2009              2 010        2011*


                                                                                     Frota de Motocicleta

                                                                                                             122.309

                                                                                                           2010/2011
                                                                                              91.008
                                                                    74.741      82.075                     Aumento
                                                                                                           33,4%
                                                                  2008           2009              2010        2011


                                                                                      Frota de veículos

                                                                                                                 41 9.32 2
                                                                                                     387.999
                                                                                       35 5 .992
  Dados por 10.000vm                                                     32 9.2 85


Fonte: SIM, SIH/SUS, CIPTRAN/PM, DETRAN/MS, SIGO           2 5 9.2 34

                                                            2007          2008           2009         2010        2011
CAMPO GRANDE - MS


    MORTOS e
 FERIDOS GRAVES     2010    2011
      (MFG)

Todos MFG           1.262   1.179


 MFG

 Motociclistas      966     951
 MFG

 Pedestres          137      76
 MFG

 Ciclistas           75      54
Muito Obrigados!
            Coordenadoras VNT
          Ivanise Rotta - Agetran
           Sueli Nogueira - Sesau
GGIT:
Alírio Vilassanti - Ciptran,
Antonio Pedro - Sesau,
Beth Felix - Detran/MS,
Carlos Guarini - DFT Agetran,
Susana Martins - SES.

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Engenharia de trânsito apresentação
Engenharia de trânsito apresentaçãoEngenharia de trânsito apresentação
Engenharia de trânsito apresentação
Sonaly Beatriz Frazão
 
Matemática primeiros passos
Matemática primeiros passosMatemática primeiros passos
Matemática primeiros passos
Isa ...
 
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
Felipe Guedes Pinheiro
 
10licoes como criar_boas_apresentacoes
10licoes como criar_boas_apresentacoes10licoes como criar_boas_apresentacoes
10licoes como criar_boas_apresentacoes
Rui Lourenço
 
Gestao de crises em Redes Sociais
Gestao de crises em Redes SociaisGestao de crises em Redes Sociais
Gestao de crises em Redes Sociais
Fabulosa Ideia
 
Arte de falar em público
Arte de falar em públicoArte de falar em público
Arte de falar em público
Next Educação
 
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
Rafael Camanho
 
Frameworks PHP
Frameworks PHPFrameworks PHP
Frameworks PHP
Augusto Pascutti
 
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
Diego Andreasi
 
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
Gustavo Guanabara
 
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectadorAudiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
SOAP - State of the Art Presentations
 
Apresentacao de Alto Impacto
Apresentacao de Alto ImpactoApresentacao de Alto Impacto
Apresentacao de Alto Impacto
Imagecomm Interactive
 
Desenho técnico (2010.ii)
Desenho técnico   (2010.ii)Desenho técnico   (2010.ii)
Desenho técnico (2010.ii)
Tuane Paixão
 
Como criar slides fantásticos
Como criar slides fantásticosComo criar slides fantásticos
Como criar slides fantásticos
Felipe Faias
 
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
Sérgio Souza Costa
 

Destaque (15)

Engenharia de trânsito apresentação
Engenharia de trânsito apresentaçãoEngenharia de trânsito apresentação
Engenharia de trânsito apresentação
 
Matemática primeiros passos
Matemática primeiros passosMatemática primeiros passos
Matemática primeiros passos
 
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
6 dicas para criação de apresentações visuais de alto impacto
 
10licoes como criar_boas_apresentacoes
10licoes como criar_boas_apresentacoes10licoes como criar_boas_apresentacoes
10licoes como criar_boas_apresentacoes
 
Gestao de crises em Redes Sociais
Gestao de crises em Redes SociaisGestao de crises em Redes Sociais
Gestao de crises em Redes Sociais
 
Arte de falar em público
Arte de falar em públicoArte de falar em público
Arte de falar em público
 
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
6 DICAS PARA VOCÊ MELHORAR SUAS APRESENTAÇÕES
 
Frameworks PHP
Frameworks PHPFrameworks PHP
Frameworks PHP
 
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
Curso de Oratória - Oratória NÃO é dom, é TREINO!
 
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
Apresentações Matadoras - Como criar apresentações impactantes com Power Poin...
 
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectadorAudiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
Audiência: Dicas para construir apresentações com foco no espectador
 
Apresentacao de Alto Impacto
Apresentacao de Alto ImpactoApresentacao de Alto Impacto
Apresentacao de Alto Impacto
 
Desenho técnico (2010.ii)
Desenho técnico   (2010.ii)Desenho técnico   (2010.ii)
Desenho técnico (2010.ii)
 
Como criar slides fantásticos
Como criar slides fantásticosComo criar slides fantásticos
Como criar slides fantásticos
 
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
Engenharia de Software - Conceitos e Modelos de Desenvolvimento
 

Mais de DetranRS

Apresentacao alessandro congresso
Apresentacao alessandro congressoApresentacao alessandro congresso
Apresentacao alessandro congresso
DetranRS
 
Janet Dore
Janet DoreJanet Dore
Janet Dore
DetranRS
 
Fábio Ney Damasceno
Fábio Ney DamascenoFábio Ney Damasceno
Fábio Ney Damasceno
DetranRS
 
Tanara Sousa
Tanara SousaTanara Sousa
Tanara Sousa
DetranRS
 
Heloisa Helena de Mello Martins
Heloisa Helena de Mello MartinsHeloisa Helena de Mello Martins
Heloisa Helena de Mello Martins
DetranRS
 
Marta Alves
Marta AlvesMarta Alves
Marta Alves
DetranRS
 
Emily Vasquez
Emily VasquezEmily Vasquez
Emily VasquezDetranRS
 
Joël Valmain
Joël ValmainJoël Valmain
Joël ValmainDetranRS
 
Audea Lima
Audea LimaAudea Lima
Audea Lima
DetranRS
 
Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho
Carlos Henrique Ribeiro de CarvalhoCarlos Henrique Ribeiro de Carvalho
Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho
DetranRS
 
Jussara Belavinha
Jussara BelavinhaJussara Belavinha
Jussara Belavinha
DetranRS
 
Maria Segui Gomez
Maria Segui GomezMaria Segui Gomez
Maria Segui Gomez
DetranRS
 
Cheila Marina de Lima
Cheila Marina de LimaCheila Marina de Lima
Cheila Marina de Lima
DetranRS
 
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
DetranRS
 
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
DetranRS
 

Mais de DetranRS (15)

Apresentacao alessandro congresso
Apresentacao alessandro congressoApresentacao alessandro congresso
Apresentacao alessandro congresso
 
Janet Dore
Janet DoreJanet Dore
Janet Dore
 
Fábio Ney Damasceno
Fábio Ney DamascenoFábio Ney Damasceno
Fábio Ney Damasceno
 
Tanara Sousa
Tanara SousaTanara Sousa
Tanara Sousa
 
Heloisa Helena de Mello Martins
Heloisa Helena de Mello MartinsHeloisa Helena de Mello Martins
Heloisa Helena de Mello Martins
 
Marta Alves
Marta AlvesMarta Alves
Marta Alves
 
Emily Vasquez
Emily VasquezEmily Vasquez
Emily Vasquez
 
Joël Valmain
Joël ValmainJoël Valmain
Joël Valmain
 
Audea Lima
Audea LimaAudea Lima
Audea Lima
 
Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho
Carlos Henrique Ribeiro de CarvalhoCarlos Henrique Ribeiro de Carvalho
Carlos Henrique Ribeiro de Carvalho
 
Jussara Belavinha
Jussara BelavinhaJussara Belavinha
Jussara Belavinha
 
Maria Segui Gomez
Maria Segui GomezMaria Segui Gomez
Maria Segui Gomez
 
Cheila Marina de Lima
Cheila Marina de LimaCheila Marina de Lima
Cheila Marina de Lima
 
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 2
 
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
Felipe Rodriguez Laguens - Brasil 1
 

Ivanise Rotta

  • 2. C ONGRES S O IN T E R N A C IO N A L D E T R Â N S IT O Porto Alegre/RS, 17 a 20 de julho de 2012. Prof.ª Me. Ivanise Rotta ivaniserotta@gmail.com Agetran – +55 (67) 3314 3393 Chefe da Divisão de Educação para o Trânsito
  • 3. Apresentação Resumida Projeto Vida no Trânsito: Experiência de Campo Grande - MS
  • 4. ESTRATÉGIA DE PROATIVIDADE E PARCERIA CAMPO GRANDE – MS – 2011. Área (Planurb 2010): 353,03 km² (urbana) 7.735,74 km² (rural) População (IBGE 2010): 787.204 habitantes Densidade Demográfica: 97,22 hab/km² Frota veículos total (DETRAN/MS 2011): 415.637 Motocicletas: 121.402 PIB per capita (IBGE 2008): R$ 14.001, 93 Campo Grande, Mato Grosso do Sul - Brasil
  • 5. SISTEMA DE COLETA DE DADOS Desenvolvimento do Banco de dados Campo Grande - MS
  • 7. Processo de construção da Base de Dados de Vítimas Graves e Fatais em acidentes de trânsito – Campo Grande Pares – feridos 2010/2011 Graves considerados Verdadeiros Complementação Acidentes Concatenação das Acidentes de dados – Fontes Graves e Fatais Bases Graves e Fatais Complementares “Definitiva” -Teste 1- (Índices e FCLR) Pares – mortos considerados Pesquisa de Verdadeiros dados não identificados SAMU Bombeiros Consulta Bases Nacionais no M.S. PRE PRF AIH SIGO Nacional
  • 8. Coleta de Dados 2012 Possíveis não Possíveis Pares pares Verificação Manual dos Pares Pares Mortos & feridos graves Considerados verdadeiros
  • 9. Análise dos Acidentes Fatais e Graves em Campo Grande - MS Período de Análise: Jan-Dez/2011
  • 10. Freqüência de Acidentes Graves e Fatais por dia da semana e faixa de hora Jan – Dez/2011
  • 11. Freqüência de acidentes Graves e Fatais por dia da semana e local – Jan-Dez/2011 N = 258 SEGUNDA TERÇA QUARTA QUINTA SEXTA ENDERECO DOMINGO FEIRA FEIRA FEIRA FEIRA FEIRA SÁBADO Total geral Presidente Ernesto Geisel 3 3 2 5 7 6 9 35 Afonso Pena 5 3 4 3 2 3 5 25 Guaicurus 4 4 3 2 4 2 5 24 Gury Marques 7 3 2 5 3 4 24 Consul Assaf Trad 3 2 2 7 5 4 23 Tamandare 1 1 5 2 2 6 5 22 Duque de Caxias 5 3 3 1 5 3 20 Julio de Castilho 2 4 2 6 1 3 2 20 Marechal Deodoro 1 2 2 2 4 4 5 20 Manoel da Costa Lima 6 4 1 1 3 2 17 TOTAL 37 29 24 31 38 30 41 230 10 primeiras vias com maior freqüência.
  • 12. Faixa Etária das vítimas de acidentes graves e fatais – Jan-Dez/2011
  • 13. Grupos de Vítimas Locais Jan-Dez/2011
  • 14. Tipos de Ocorrências Jan-Dez/2011 Acidentes Graves e Fatais Acidentes Fatais Acidentes Graves
  • 15. Grupo de análise de acidentes Graves e Fatais 2012 Agetran, Bombeiros, Ciptran, Detran, Polícia Civil, Samu, Sesau e Ses
  • 16. Quadro Multiplo Integrado Acidentes Fatais Fatores & Condutas adicionais Locais de Risco Grupos de e Graves versus Usuário contributivo para Acidente Fatal ou Grave Vitimas F F F F F F F F C C C C C C P P P P P V V V V V V Títulos de Colunas 1 2 3 4 5 6 7 8 1 2 3 4 5 6 1 2 3 4 5 1 2 3 4 5 6 AFG-1 Fatores de Conduta Equipamentos AFG-2 risco inapropriada Segurança AFG-3 AFG-4 AFG-5 AFG-6 . AFG-n Resultados JC-M12
  • 17. FATORES DE RISCO – ENVOLVIMENTO EM ACIDENTES F1 - Velocidade F5 – Fadiga F2 – Álcool F6 - Visibilidade F3 – Infraestrutura F7 – Drogas F4 – Veículo F8 - Celulares
  • 18. Quadro Multiplo Integrado CONDUTAS ADICIONAIS LOCAIS DE RISCO
  • 19. Quadro Multiplo Integrado FATORES E CONDUTAS ADICIONAIS DE RISCO Janela Foco Risco de Acidentes F1 – Velocidade C5 – Desrespeito a Sinalização "PARE” F6 – Visibilidade C1 – Avanço de Sinal C2 – Condutor sem habilitação F3 – Infraestrutura F2 – Álcool C3 – Transitar em local proibido C7 – Converter sem dar preferência
  • 20. Quadro Multiplo Integrado FATORES DE RISCO (PROTEÇÃO INADEQUADA) - SEVERIDADE
  • 21. Quadro Multiplo Integrado PERFIL DE GRUPOS LOCAIS DE VÍTIMAS - 2011
  • 22. Perfil do Usuário Contributivo para Acidente Fatal interligado a Grupo Específico de Vítimas Grupo de Vítimas - MOTOCICLISTAS
  • 23. Fatores de risco e grupo de vítimas local Peso: 40% Peso: 35% Peso: 25% MOTOCICLISTA VELOCIDADE ÁLCOOL
  • 24. PROGRAMAS E INDICADORES DE SEGURANÇA VIÁRIA Fator/Gru PROGRAMAS po locais IISV* IFSV** Projetos e índice de acidentes fatais e Porcentagem de veículos graves por 10.000 veículos Velocidade flagrados com velocidade SDMC relacionado ao excesso de acima do permitido Relacionados velocidade Porcentagem de motociclistas Projetos e Motociclist autuados em blitze. índice de acidentes fatais e Porcentagem de motociclistas SDMC graves por 10.000 veículos as acidentados Relacionados envolvendo motociclistas. Projetos e índice de acidentes fatais e Porcentagem de autuações graves por 10.000 veículos (relativas ao álcool) de SDMC Álcool condutores nas blitze Relacionados ocasionados por associação de álcool e direção * IISV – Indicador Intermediário de Segurança Viária ** IFSV – Indicador Final de Segurança Viária *** Uso incorreto de capacete, excesso de velocidade, direção perigosa
  • 25. PROGRAMAS: VELOCIDADE, ÁLCOOL, MOTOCICLISTAS E PROJETOS RELACIONADOS • Projeto Clube Do Setinha • Projeto Gerenciamento De Velocidade • Projeto Motociclista • Projeto Motorista • Projeto Fiscalização Eletrônica • Projeto Sinalização: Horizontal, Vertical e Semafórica • Projeto Melhor Idade Na Faixa • Projeto “Sinal Verde” • Projeto: A Segurança no Trânsito na Formação Profissional de Motoristas • Projeto Calouros Por Um Trânsito Seguro Calou • Projeto “Portas Abertas” • Projeto AME - TRÂNSITO • Projeto “Lei Seca” • Projeto OAB Vai À Escola • Projeto Fiscalização Preventiva • Campanha “Pedestre, Eu Cuido!” • Sistema Dinâmico De Melhoria Contínua: Escola Segura • Fiscalização Fator Local de Risco/Grupo de Vítimas Local
  • 26. EXEMPLOS DE AÇÕES REALIZADAS 2011 Campo Grande/MS
  • 27. PROGRAMA VELOCIDADE META REALIZADO 29.000 37.600
  • 28. PROGRAMA ALCOOL e DIREÇÃO META REALIZADO 35.000 38.520
  • 29. PROGRAMA MOTOCICLISTA META REALIZADO 8.000 12.850
  • 31. Projeto MOTOCICLISTA META 48 REALIZADO 42 OPERAÇÕES OPERAÇÕES
  • 32. FISCALIZAÇÃO “Lei Seca” 2011 550 pessoas autuadas 212 pessoas conduzidas à delegacia
  • 33. Projeto FISCALIZAÇÃO PREVENTIVA META 40 REALIZADO 41 OPERAÇÕES OPERAÇÕES
  • 34. Fiscalização Eletrônica META 20 REALIZADO 22 EQUIPAMENTO EQUIPAMENTO S S
  • 36. Sinalização Vertical Serviço Metas 2011 Implantação de placas 1.000 unidades 1.055 unidades Manutenção de placas 1.100 unidades 1.081 unidades META 2.100 REALIZADO PLACAS 2.136 PLACAS
  • 37. Sinalização Horizontal META REALIZADO 100.000 m² 107.000 m²
  • 38. Sinalização Semafórica META 26 REALIZADO 75 equipamentos equipamentos
  • 39. Sinalização de Segurança META 48 REALIZADO 111 equipamentos equipamentos
  • 40. TRATAMENTO DE LOCAIS CRÍTICOS Rua Chaad Scaff META 30 REALIZADO 33 LOCAIS LOCAIS
  • 41. Planejamento de malha cicloviária META 2012 REALIZADO 2011 100 km 64,69 km
  • 43. PROJETO MOTORISTA Agetran META REALIZADO 9.000 10.300
  • 44. META 300.000 REALIZADO 180.300
  • 45. META REALIZADO 5 ESCOLAS EM PROCESSO
  • 46. META REALIZADO 3.000 1.110
  • 47. META: 4.000 REALIZADO: 4.169
  • 48. PROJETO A Segurança no Trânsito na Formação Profissional de Motoristas-SestSenat META REALIZADO 2.000 2.150
  • 49. PROJETO CLUBE DO SETINHA-Agetran META REALIZADO 2.500 crianças 2.882 crianças
  • 50. CALOUROS POR UM TRÂNSITO SEGURO META REALIZADO 10.000 12.000
  • 51. PROJETO OAB/MS – Vai à Escola META REALIZADO 40.000 40.899
  • 52. ESCOLA SEGURA SISTEMA DINÂMICO DE MELHORIA CONTÍNUA
  • 53. ESCOLA SEGURA Semed, SED, Agetran META 20 REALIZADO 29 ESCOLAS ESCOLAS
  • 54.
  • 57. BENEFÍCIOS PROJETO VIDA NO TRÂNSITO Estratégia de Proatividade e Parceria •Dados Confiáveis; •Trabalho Intersetorial, Integração dos órgãos: GGIT – Gabinete de Gestão Integrada de trânsito; • Visita e relatório dos locais de acidentes fatais; •Grupo de análise de acidentes graves e fatais; •Capacitações 2012: Encontro Nacional, II Work Shop, Padronização BOs, Perícia de Trânsito, Seminário Crimes de Trânsito, Seminário Concessionárias Veículos; •Apoio da mídia televisionada, rádio, jornais impressos e “on line”; • População informada sobre Fatores Local de Risco e Grupo de Vítima Local; •Processo iniciado de mudança de cultura: Placar da Vida, Estrelas, acidentes fatais, jovem condutor, etc.
  • 58. ggit@detran.ms.gov.br Participantes: AGETRAN – CIPTRAN – SEJUSP – CETRAN – DETRAN – PRE – PRF – AGESUL – SES – SESAU – AGEPAN – ASSETUR – CBM – OAB – SAMU – SED – SEMED – PLANURB – SEST/SENAT – CCST – JUIZADO ESPECIAL DE TRÂNSITO – MPE – HOSPITAL SANTA CASA – DNIT – SINEPE – CCST- ROTARY CLUBE - Decreto Municipal n. 11.370, de 17/11/2010. Regimento Interno n.11.371, de 22/11/2010.
  • 60. Visitas técnicas nos locais de acidentes fatais DATA: 10/09/2010 (6ª feira) HORÁRIO: 11h Tráfego intenso de veículos, inclusive de caminhões, boa sinalização horizontal e vertical. Os pedestres têm dificuldade de fazerem a travessia, pois o único lugar “seguro” são os semáforos. Sugestão: Fazer a sinalização horizontal na Rua Passos. Fazer um estudo técnico para a melhoria da travessia de pedestres. Local Av. Mascarenhas de Moraes c/ R. Passos. Possível causa: Veículos Moto X Caminhão. Motociclista, vítima fatal 29 anos, Ultrapassagem pela direita do envolvidos habilitado AB/9 anos. motociclista, falta de Colisão lateral. visibilidade do motorista. Natureza do acidente
  • 61. Placar da Vida • O Placar da Vida foi inaugurado no dia 11 de maio de 2011, como uma ação da Década de Ação de Segurança no Trânsito. • O número desse placar representa os dias de vidas preservadas no trânsito de Campo Grande - MS, e toda vez que alguém vier a óbito no local do acidente ou em decorrência de um acidente de trânsito num período de até 30 dias de internação o PLACAR é zerado.
  • 63. PREMIAÇÃO ESCOLA SEGURA – SELO MUNICIPAL DE QUALIDADE
  • 64.
  • 65. Resultados Finais Jan-Dez 2010 e Jan-Dez 2011 A Estratégia de Proatividade de Parceria comprova, por meio dos p o p u l ção a resultados apresentados , sua importância e relevância. 819.2 19 787.2 04 747.189 75 4.939 2 008 2009 2 010 2011* Frota de Motocicleta 122.309 2010/2011 91.008 74.741 82.075 Aumento 33,4% 2008 2009 2010 2011 Frota de veículos 41 9.32 2 387.999 35 5 .992 Dados por 10.000vm 32 9.2 85 Fonte: SIM, SIH/SUS, CIPTRAN/PM, DETRAN/MS, SIGO 2 5 9.2 34 2007 2008 2009 2010 2011
  • 66. CAMPO GRANDE - MS MORTOS e FERIDOS GRAVES 2010 2011 (MFG) Todos MFG 1.262 1.179 MFG Motociclistas 966 951 MFG Pedestres 137 76 MFG Ciclistas 75 54
  • 67. Muito Obrigados! Coordenadoras VNT Ivanise Rotta - Agetran Sueli Nogueira - Sesau GGIT: Alírio Vilassanti - Ciptran, Antonio Pedro - Sesau, Beth Felix - Detran/MS, Carlos Guarini - DFT Agetran, Susana Martins - SES.