SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 36
Baixar para ler offline
Operação de Computadores e dos
Serviços do Sistema Operacional


         Unidade IV
   Redes de computadores e
          Segurança

                          Prof. Nécio de Lima Veras
           http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
Operação de Computadores e dos
Serviços do Sistema Operacional


Objetivos:
   Perceber a amplitude das redes de computadores;
   Verbalizar questões de segurança aplicados à Web.




                                     Prof. Nécio de Lima Veras
                      http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
O que é Internet?

•    Sistema de informação global que:
    1. É logicamente ligado por um endereço único global
       baseado no IP;
    2. É capaz de suportar comunicações usando o TCP/IP ou
       suas extensões ou ainda, outros protocolos compatíveis
       com o IP;
    3. Provê, usa ou torna acessível, publicamente ou
       privadamente, serviços de alto nível;
•    É o maior repositório de informações do mundo;
•    O que torna a internet tão especial?




                                                 Prof. Nécio Veras
Seu poder de propagação!

●   Quanto tempo seria necessário para algumas
    invenções do homem atingir 50 milhões de
    usuários?
    –   Eletricidade (1873): 46 anos;
    –   Telefone (1876): 35 anos;
    –   Automóvel (1886): 55 anos;
    –   Rádio (1906): 22 anos;
    –   Televisão (1926): 26 anos;
    –   Forno de microondas (1953): 30 anos;
    –   O microcomputador (1975): 16 anos;
    –   O Celular (1983): 13 anos;
    –   Internet (1995): 04 anos!

                                               Prof. Nécio Veras
A importância das aplicações
    web no mundo atual




Fonte: http://webcetera.com.br/blog/2009/01/23/usuarios-de-internet-no-mundo-por-pais/

                                                                 Prof. Nécio Veras
Alguns exemplos da
      Internet




              Prof. Nécio Veras
A importância das aplicações
                      web no mundo atual
●   Contrariando todas as
    vantagens, é real que
    pessoas de má índole
    podem se usufruir do
    ambiente e
    desenvolver
    aplicações WEB para
    prejudicar pessoas
    das mais diversas
    formas.




                                       Prof. Nécio Veras
A importância das aplicações
                      web no mundo atual
●   Se a Internet deixasse
    de existir hoje, o que
    aconteceria com a sua
    vida, com o mundo?
●   Ao refletirmos nos
    daremos conta de sua
    importância no mundo
    atual.




                             Visualização gráfica de várias rotas em uma porção da Internet
                             mostrando a escalabilidade da rede

                                                                         Prof. Nécio Veras
Informações Técnicas:
                 O que é um domínio?
●   Cada computador na internet precisa de um
    endereço IP (escrito em 4 octetos, exemplo:
    200.137.178.129);
    – Impossível memorizar;
●   Por isso foi criado o DNS (Sistema de Nome
    de Domínio);
    – Dentro desta estrutura nasceu o “www” ou “web”; -
      World Wide Web



                                           Prof. Nécio Veras
Formato de um domínio

●   Exemplo: http://www.ifce.edu.br
    – http:// => significa o protocolo de transmissão;
    – www => indica que estamos na web;
    – ifce => nome do site;
    – edu => tipo de site (com – comercial, gov –
      governamental; edu - educacional)
    – br => país de origem (br = Brasil, ar = Argentina,
      ru = Rússia);




                                              Prof. Nécio Veras
Quem realiza o registro?

●   Cada país é responsável;
●   No Brasil temos o CGI (Comitê gestor de
    Internet);
    – Criado pela portaria nº. 147 dos ministérios da
      Ciência e Tecnologia e Comunicações em 31 de
      maio de 1995;
    – Este delegou à FAPESP as atividades:
      • Registro de nomes de domínio;
      • Distribuição de endereços IP e sua manutenção;
    – Critérios de registro e cancelamento;


                                                Prof. Nécio Veras
Quem controla a Internet?
  ●   Não existe nenhuma empresa que controle a
      utilização da internet;
  ●   Porém, existem os “ISP”: Internet Service
      Provider;
              ISP local       Roteador
                 Roteador
 ...




                                                           Roteador
                                         ISP regional
                 Servidores

  Estação                                               Roteador
de Trabalho       ...          Roteador

                                                    Prof. Nécio Veras
O que é necessário para
                   acessar a Internet?
●   Existem diversas tecnologias:
    – Convencional (Fax Modem);
    – Wireless (Sem fio);
    – Celular (GPRS e EDGE);
    – ADSL (Serviços como velox);
●   Serviços de alta velocidade:
    – Alguns celulares (3G);
    – Serviços oferecidos por operadoras de telefonais,
      TV a Cabo ou Via Satélite;



                                            Prof. Nécio Veras
Que tipos de serviços
                       existem?
●   WEB (www): Páginas eletrônicas;
●   Correio Eletrônico (e-mail);
    – Webmail ou clientes de e-mail;
●   FTP: Transferência de arquivos entre
    computadores;
●   WAP;
●   Mensagens On-line;
●   Uma classificação: Pessoais,
    Governamentais e Empresariais;

                                       Prof. Nécio Veras
Serviços Pessoais

●   Participar de site de relacionamento ou
    comunidades;
●   Ouvir rádio e/ou assistir televisão;
●   Fazer download de jogos, músicas e softwares;
●   Jogar videogames on-line;
●   Participar de chats;
●   Procurar informações de entretenimento;
●   Enviar mensagens instantâneas;
●   Procurar informações sobre bens e serviços;
●   Enviar e receber e-mails;
●   Outros tipos de Lazer;


                                          Prof. Nécio Veras
Serviços Governamentais

●   Pagamento de IPVA, multas e licenciamento;
●   Informações sobre o emprego (INSS);
●   Informações sobre serviços públicos de educação;
●   Inscrição em concurso público;
●   Declaração de IR;
●   Consulta ao CPF;
●   Outros;




                                          Prof. Nécio Veras
Serviços Empresariais

●   Vitrines on-line (passado – WEB 1.0);
●   E-Commerce;
●   Serviços bancários e financeiros;
●   Monitoramento de mercado;
●   Serviços de pós-venda;
●   Treinamento e educação;
●   Recursos Humanos (E-RH)
    –   e-learning;
    –   e-recruitment;
    –   S.I de RH;
    –   Self-Service;
●   Intranets ou Portais;

                                            Prof. Nécio Veras
Riscos e Cuidados




                   Prof. Nécio de Lima Veras
    http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
Leitor de e-mails

●   Risco:
    – Conteúdo das mensagens (Engenharia Social);
●   Cuidados:
    – Manter sempre uma versão atualizada;
    – Não clicar em links contidos nos e-mails;
    – Não abrir ou executar programas anexados, sem antes
      verificar com anti-vírus;
       • Sempre desconfiar destes arquivos, mesmo que tenham sido
         enviado por pessoas conhecidas;
    – Fazer download de programas diretamente do site;
    – Evitar usá-lo como um browser (em HTML);



                                                       Prof. Nécio Veras
Navegadores (browsers)

●   Riscos:
    – Obtenção e execução de programas hostis em
      sites não confiáveis ou falsos;
    – Acesso à sites falsos, se fazendo passar por
      instituições bancárias ou de comércio eletrônico;
    – Realização de transações bancárias ou
      comerciais sem qualquer mecanismos de
      segurança;




                                             Prof. Nécio Veras
Navegadores (browsers)

●   Cuidados:
    – Manter o browser sempre atualizado;
    – Certificar-se da procedência do site e da utilização de
      conexões seguras ao realizar transações via Web;
    – Somente acessar sites de instituições financeiras e de
      comércio eletrônico digitando o endereço diretamente no
      seu browser, nunca em outros links;
    – Verificar o histórico do browser;
    – Não permitir instalação/execução automática de softwares;




                                                  Prof. Nécio Veras
Programa de Troca de
                         Mensagens
●   Riscos (Estão na própria conversa):
    – Engenharia social;
    – Poder de persuasão;
    – Arquivos falsos;
●   Cuidados:
    – Manter o programa sempre atualizado e verificar suas
      vulnerabilidades;
    – Não aceitar arquivos de pessoas desconhecidas;
    – Utilizar um bom antivírus e sempre atualizado;
    – Evitar fornecer muitas informações;
    – Não fornecer e hipótese alguma informações sensíveis
      (senhas, cartões de crédito, etc);



                                                 Prof. Nécio Veras
Fraudes da Internet

●   “Scam” ou “Golpe”: Ação ou esquema fraudulento
    – Sites de “leilões” com preços muito atrativos;
    – O Golpe da Nigéria (Nigerian 4-1-9 Scam)
       • Estelionato (Mediador de transação Internacional);
        ● Leia: http://www.quatrocantos.com/lendas/58_419_scam_nigeria.htm
●   Phishing:
    – Procura induzir o usuário a acessar páginas fraudulentas
      para furtar dados pessoais e financeiros;
    – Ex.: Cartões Virtuais, Bancos, SERASA/SPC, Notícias,
      Boatos, Cobranças...;
    – Ação: Instalação de malwares (spywares, vírus,
      backdoors, worms, cavalo de tróia);



                                                            Prof. Nécio Veras
Dicas Úteis

●   Senhas e Contas:
    – Elaborar senhas com pelo menos oito caracteres contendo
      letras e números;
    – Nunca usar dados óbvios;
    – Utilizar uma senha diferente para cada serviço;
    – Alterar com freqüência;
●   Utilizar e Atualizar os Softwares de Segurança:
    – Antivírus, Antispy e Firewall;




                                                Prof. Nécio Veras
Evoluções da Internet:
      Web 2.0
      Web 3.0
        IPv6

                     Prof. Nécio de Lima Veras
      http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
WEB 2.0

●   Web 1.0: Éramos meros
    espectadores;

●   Web 2.0: Interações!
    – Troca de mensagens;

    –   Sites de relacionamento;
    –   Compartilhamento de
        conteúdo;
    –   Os usuários não mais só
        navegam pela rede, eles
        são protagonistas, ou seja,
        geram conteúdo.


                                             Prof. Nécio Veras
WEB 3.0 – WEB Semântica

●   A Web 3.0 propõe-se a ser, nos
    próximos anos, a terceira geração da
    Internet.
●   A primeira, Web 1.0, foi a implantação
    e popularização da rede em si;
●   A Web 2.0 é a que o mundo vive hoje,
    centrada nos mecanismos de busca
    como Google e nos sites de
    colaboração do internauta, como
    Wikipedia, YouTube e os sites de
    relacionamento social, como o Orkut.
●   A Web 3.0 pretende ser a
    organização e o uso de maneira mais
    inteligente de todo o conhecimento já
    disponível na Internet.
                                             Prof. Nécio Veras
WEB 3.0 – WEB Semântica

●   A principal aplicação da web semântica se
    refere à capacidade de os sistemas
    computacionais interpretarem o conteúdo;
●   Como assim?
     – Vamos lá: “O que é uma BALA para
        você?”
    –   Poder ser um “doce” ou um projétil;
●   Mas como o conteúdo é interpretado de
    acordo com seu contexto?
     – A forma com que os sistemas irão
       executar esse rastreamento e
       interpretação será com base em
       mudanças na forma com que as
       páginas são construídas.
                                                Prof. Nécio Veras
WEB 3.0 – WEB Semântica

●   A forma com que essa evolução será
    conduzida ainda não é totalmente clara,
    mas é espetacular imaginar esse novo
    horizonte em nosso dia-a-dia.
●   Mais que um simples entendimento de
    palavras soltas – como o exemplo da
    bala – a web semântica poderá (e
    deverá) levar em conta cada usuário de
    forma individual.
●   Traçando perfis e procurando entregar
    ao usuário exatamente aquilo que ele
    quer, com base no que os sistemas de
    informação conhecem de seu
    comportamento.


                                              Prof. Nécio Veras
Exemplos
●   “Alguém entra em seu mecanismo de busca
    favorito, procura por hospedagem em
    Parnaíba. O mecanismo reconhece o
    usuário, sabe que tem dois filhos pequenos,
    então irá priorizar no resultado hotéis e
    pousadas que tenham opções de lazer para
    crianças”;
●   “Você está em casa, e a propaganda da
    academia do seu bairro aparece quando
    você está lendo noticias de boa forma em
    um blog ou site”
●   Isso está próximo de acontecer?



                                                  Prof. Nécio Veras
“E agora José?”
●   Crescimento exponencial de computadores
    “plugados”!;
    – Boa notícia ou Problema?
●   Problema!
    – Estamos chegando ao limite máximo de
      capacidade da grande rede;
    – 4,3 Bilhões de endereços IPs;
●   Solução?
    – IPv6



                                         Prof. Nécio Veras
O que é IPv6?

●   IPng (IP Next Generation);
●   Vem sendo testado desde 90, quando a Internet
    Engineering Task Force alertou para ums possível
    exaustão;
●   Característica:
    – Ampliar em bilhões de vezes a capacidade atual;
    – Ampliar o número de bits de 32 para 128 com 6 octetos;
●   O mundo já testa esta tecnologia, especialmente
    (E.U.A., Coréia, China e Japão);
    – Serviços Móveis (270 milhões);




                                                 Prof. Nécio Veras
Tendências

●   Conexão de outros tipos de dispositivos;
    – Eletrodomésticos;
    – Carros;
    – Dispositivos portáteis e inteligentes;
●   Transmissões de dados, voz e vídeos;
    – Alta velocidade (Internet 2);
    – IPv6;
●   Exemplos de equipamentos:


                                               Prof. Nécio Veras
Tendências

●   Alguns Projetos:
    – Da NCR: Microwave Bank (Forno inteligente com acesso a
      Intenet);
       • Reconhecimento de Voz;
       • Impressão Digital e Íris;
       • Idéia: Planejamento de receitas na WEB e compras;
    – Da Frigidaire: Refrigerador que navega na Internet;
       • Possui leitor de código de barras e realiza compras;
    – Possibilidade de sentir cheiro através do computador
      (“Sintetizadores de aromas”);
       • Projeto da DigiScents chamado iSmell e pode produzir centenas
         de cheiros básico e fazer combinações de 2 elevado a 128 odores;




                                                            Prof. Nécio Veras
Considerações Finais

●   Nosso cotidiano nunca mais será o mesmo:
    – Novas tecnologias e o dia-a-dia;
    – Novas mudanças;
    – Os filmes antigos de ficção estão
  se tornando realidade;
Bem vindos à
ERA DA INFORMAÇÃO!



                                          Prof. Nécio Veras
Exercícios




             Prof. Nécio Veras

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminação
As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminaçãoAs mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminação
As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminaçãoMurilo Ianelli
 
Regras de Segurança on-line
Regras de Segurança on-lineRegras de Segurança on-line
Regras de Segurança on-linecrbmonteiro
 
Seg Internet A Soares
Seg Internet A SoaresSeg Internet A Soares
Seg Internet A Soaresamspsoares
 
Apresentação sobre segurança de redes
Apresentação sobre segurança de redesApresentação sobre segurança de redes
Apresentação sobre segurança de redesLuiz Mário Pina
 
Aps de informática apresentação debora de souza reis
Aps de informática apresentação debora de souza reisAps de informática apresentação debora de souza reis
Aps de informática apresentação debora de souza reisDebora Reis
 
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)ritaleonor Clemente
 
Segurança na Rede
Segurança na RedeSegurança na Rede
Segurança na Redecarbgarcia
 
Internet- estrutura, ameaças e segurança
Internet- estrutura, ameaças e segurança Internet- estrutura, ameaças e segurança
Internet- estrutura, ameaças e segurança Filipe de Sousa
 
Perigos da internet
Perigos da internetPerigos da internet
Perigos da internetrjmoreira
 

Mais procurados (18)

Ppt web.pptx 09 e 10
Ppt web.pptx 09 e 10Ppt web.pptx 09 e 10
Ppt web.pptx 09 e 10
 
Segurança da Internet
Segurança da Internet Segurança da Internet
Segurança da Internet
 
Vantagens e riscos internet
Vantagens e riscos  internetVantagens e riscos  internet
Vantagens e riscos internet
 
Palestra Final Bc
Palestra Final BcPalestra Final Bc
Palestra Final Bc
 
Ppt Imd
Ppt ImdPpt Imd
Ppt Imd
 
Perigos da internet
Perigos da internetPerigos da internet
Perigos da internet
 
Perigos da internet final (1)-2
Perigos da internet  final (1)-2Perigos da internet  final (1)-2
Perigos da internet final (1)-2
 
As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminação
As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminaçãoAs mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminação
As mais comuns ameaças digitais e métodos de contaminação
 
Regras de Segurança on-line
Regras de Segurança on-lineRegras de Segurança on-line
Regras de Segurança on-line
 
Seg Internet A Soares
Seg Internet A SoaresSeg Internet A Soares
Seg Internet A Soares
 
Apresentação sobre segurança de redes
Apresentação sobre segurança de redesApresentação sobre segurança de redes
Apresentação sobre segurança de redes
 
Aps de informática apresentação debora de souza reis
Aps de informática apresentação debora de souza reisAps de informática apresentação debora de souza reis
Aps de informática apresentação debora de souza reis
 
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)
Vantagens e riscos associados à utilização da internet (pp)
 
Segurança de Rede
Segurança de RedeSegurança de Rede
Segurança de Rede
 
Aula 04
Aula 04Aula 04
Aula 04
 
Segurança na Rede
Segurança na RedeSegurança na Rede
Segurança na Rede
 
Internet- estrutura, ameaças e segurança
Internet- estrutura, ameaças e segurança Internet- estrutura, ameaças e segurança
Internet- estrutura, ameaças e segurança
 
Perigos da internet
Perigos da internetPerigos da internet
Perigos da internet
 

Destaque

As 10 regras da segurança na internet
As 10 regras da segurança na internetAs 10 regras da segurança na internet
As 10 regras da segurança na internetDiogo Guerreiro
 
Conceitos introdutorios sobre internet
Conceitos introdutorios sobre internetConceitos introdutorios sobre internet
Conceitos introdutorios sobre internetGaby Veloso
 
Segurança nas redes e internet
Segurança nas redes e internetSegurança nas redes e internet
Segurança nas redes e internetAna Lúcia Albano
 
Chun Man Kobe Chan CV
Chun Man Kobe Chan CVChun Man Kobe Chan CV
Chun Man Kobe Chan CVKobe CHAN
 
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?TechSoup Brasil
 
Protocolos 2ªversão
Protocolos   2ªversãoProtocolos   2ªversão
Protocolos 2ªversãoGuimaraess
 
Entendendo A Tecnologia VoIP
Entendendo A Tecnologia VoIPEntendendo A Tecnologia VoIP
Entendendo A Tecnologia VoIPGilberto Sudre
 
Conceitos planilha eletrônica
Conceitos   planilha eletrônicaConceitos   planilha eletrônica
Conceitos planilha eletrônicaJorge Dantas
 
O surgimento da internet
O surgimento da internetO surgimento da internet
O surgimento da internetCícero Félix
 
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon Tchelinux
 
Redes - VoIP Asterisk
Redes - VoIP AsteriskRedes - VoIP Asterisk
Redes - VoIP AsteriskLuiz Arthur
 
Aula 10 meios de comunicação de dados
Aula 10 meios de comunicação de dadosAula 10 meios de comunicação de dados
Aula 10 meios de comunicação de dadosJorge Ávila Miranda
 
Armazenamento na nuvem
Armazenamento na nuvemArmazenamento na nuvem
Armazenamento na nuvemJosé Felipe
 
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IPCleiton Cunha
 
A evolução da World Wide Web
A evolução da World Wide WebA evolução da World Wide Web
A evolução da World Wide WebIMDGrupo9
 

Destaque (20)

As 10 regras da segurança na internet
As 10 regras da segurança na internetAs 10 regras da segurança na internet
As 10 regras da segurança na internet
 
Conceitos introdutorios sobre internet
Conceitos introdutorios sobre internetConceitos introdutorios sobre internet
Conceitos introdutorios sobre internet
 
Segurança nas redes e internet
Segurança nas redes e internetSegurança nas redes e internet
Segurança nas redes e internet
 
Chun Man Kobe Chan CV
Chun Man Kobe Chan CVChun Man Kobe Chan CV
Chun Man Kobe Chan CV
 
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?
Privacidade e Segurança: Paranoia ou eles estão realmente lá fora para te pegar?
 
(14) ftp
(14) ftp(14) ftp
(14) ftp
 
A world wide web
A world wide webA world wide web
A world wide web
 
World Wide Web
World Wide WebWorld Wide Web
World Wide Web
 
Apresentação1
Apresentação1Apresentação1
Apresentação1
 
Protocolos 2ªversão
Protocolos   2ªversãoProtocolos   2ªversão
Protocolos 2ªversão
 
Entendendo A Tecnologia VoIP
Entendendo A Tecnologia VoIPEntendendo A Tecnologia VoIP
Entendendo A Tecnologia VoIP
 
Conceitos planilha eletrônica
Conceitos   planilha eletrônicaConceitos   planilha eletrônica
Conceitos planilha eletrônica
 
O surgimento da internet
O surgimento da internetO surgimento da internet
O surgimento da internet
 
Segurança na rede
Segurança na redeSegurança na rede
Segurança na rede
 
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon
Dicas para aumentar a segurança e a privacidade na Internet - Vanderlei Pollon
 
Redes - VoIP Asterisk
Redes - VoIP AsteriskRedes - VoIP Asterisk
Redes - VoIP Asterisk
 
Aula 10 meios de comunicação de dados
Aula 10 meios de comunicação de dadosAula 10 meios de comunicação de dados
Aula 10 meios de comunicação de dados
 
Armazenamento na nuvem
Armazenamento na nuvemArmazenamento na nuvem
Armazenamento na nuvem
 
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP
3ª Unidade Modelo OSI e TCP/IP
 
A evolução da World Wide Web
A evolução da World Wide WebA evolução da World Wide Web
A evolução da World Wide Web
 

Semelhante a Internet: conceitos e segurança

Unipam engenharia civil (informatica)
Unipam engenharia civil (informatica)Unipam engenharia civil (informatica)
Unipam engenharia civil (informatica)CarolinaRangel31
 
Proinfo navegação na_internet_30_05
Proinfo navegação na_internet_30_05Proinfo navegação na_internet_30_05
Proinfo navegação na_internet_30_05natanael_queiroz
 
Guia para a segurança na Internet
Guia para a segurança na InternetGuia para a segurança na Internet
Guia para a segurança na Internetcrbmonteiro
 
Guia para a segurança na internet
Guia para a segurança na internetGuia para a segurança na internet
Guia para a segurança na internetguest74fa18
 
Guia segurança internet
Guia segurança internetGuia segurança internet
Guia segurança internetAmorim Albert
 
Aula internet historico-conceitos
Aula internet historico-conceitosAula internet historico-conceitos
Aula internet historico-conceitosneilaxavier
 
Guia Segurança na Internet
Guia Segurança na InternetGuia Segurança na Internet
Guia Segurança na Internetguest8bf76c
 
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1thiagofilipec_07
 
Trabalho informatica slide
Trabalho informatica slide Trabalho informatica slide
Trabalho informatica slide Ricardo Lemes
 
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"Suelybcs .
 
Informática aplicada à engenharia i
Informática aplicada à engenharia iInformática aplicada à engenharia i
Informática aplicada à engenharia iDavid Hansen
 
Internet segura
Internet seguraInternet segura
Internet seguraDaniel
 
Internet segura
Internet seguraInternet segura
Internet seguraDaniel
 
Apresentação internet
Apresentação internetApresentação internet
Apresentação internetketllenaline14
 
Redes de Computadores - Aula 01
Redes de Computadores - Aula 01Redes de Computadores - Aula 01
Redes de Computadores - Aula 01thomasdacosta
 

Semelhante a Internet: conceitos e segurança (20)

Unipam engenharia civil (informatica)
Unipam engenharia civil (informatica)Unipam engenharia civil (informatica)
Unipam engenharia civil (informatica)
 
Proinfo navegação na_internet_30_05
Proinfo navegação na_internet_30_05Proinfo navegação na_internet_30_05
Proinfo navegação na_internet_30_05
 
Guia para a segurança na Internet
Guia para a segurança na InternetGuia para a segurança na Internet
Guia para a segurança na Internet
 
Guia para a segurança na internet
Guia para a segurança na internetGuia para a segurança na internet
Guia para a segurança na internet
 
Guia segurança internet
Guia segurança internetGuia segurança internet
Guia segurança internet
 
Guia Seg Inf Consorcio
Guia Seg Inf ConsorcioGuia Seg Inf Consorcio
Guia Seg Inf Consorcio
 
Aula internet historico-conceitos
Aula internet historico-conceitosAula internet historico-conceitos
Aula internet historico-conceitos
 
Internet
InternetInternet
Internet
 
Guia Segurança na Internet
Guia Segurança na InternetGuia Segurança na Internet
Guia Segurança na Internet
 
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1
Aula 1 - Apresentações - Quinzena 1
 
Trabalho informatica slide
Trabalho informatica slide Trabalho informatica slide
Trabalho informatica slide
 
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"
Do "navegar na internet" ao "andar nas nuvens"
 
A internet
A internetA internet
A internet
 
Ana carreira
Ana carreiraAna carreira
Ana carreira
 
Informática aplicada à engenharia i
Informática aplicada à engenharia iInformática aplicada à engenharia i
Informática aplicada à engenharia i
 
Internet segura
Internet seguraInternet segura
Internet segura
 
Internet segura
Internet seguraInternet segura
Internet segura
 
Apresentação internet
Apresentação internetApresentação internet
Apresentação internet
 
Redes de Computadores - Aula 01
Redes de Computadores - Aula 01Redes de Computadores - Aula 01
Redes de Computadores - Aula 01
 
A internet
A internet A internet
A internet
 

Mais de Nécio de Lima Veras

Introdução à analise e complexidade de algoritmos
Introdução à analise e complexidade de algoritmosIntrodução à analise e complexidade de algoritmos
Introdução à analise e complexidade de algoritmosNécio de Lima Veras
 
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...Nécio de Lima Veras
 
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMo
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMoIntrodução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMo
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMoNécio de Lima Veras
 
Jason: Componentes personalizados
Jason: Componentes personalizados Jason: Componentes personalizados
Jason: Componentes personalizados Nécio de Lima Veras
 
Ambientes em Sistemas Multi-agentes
Ambientes em Sistemas Multi-agentesAmbientes em Sistemas Multi-agentes
Ambientes em Sistemas Multi-agentesNécio de Lima Veras
 
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agents
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agentsArquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agents
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agentsNécio de Lima Veras
 
Especificações iniciais de agentes inteligentes
Especificações iniciais de agentes inteligentesEspecificações iniciais de agentes inteligentes
Especificações iniciais de agentes inteligentesNécio de Lima Veras
 
Processos iniciais do mapeamento OR
Processos iniciais do mapeamento ORProcessos iniciais do mapeamento OR
Processos iniciais do mapeamento ORNécio de Lima Veras
 

Mais de Nécio de Lima Veras (20)

Introdução ao JavaFX
Introdução ao JavaFXIntrodução ao JavaFX
Introdução ao JavaFX
 
Introdução à analise e complexidade de algoritmos
Introdução à analise e complexidade de algoritmosIntrodução à analise e complexidade de algoritmos
Introdução à analise e complexidade de algoritmos
 
Teste de software
Teste de softwareTeste de software
Teste de software
 
Versionamento com git
Versionamento com gitVersionamento com git
Versionamento com git
 
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...
Uma Abordagem Baseada em Agentes para Planejamento e Monitoramento de Serviço...
 
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMo
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMoIntrodução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMo
Introdução à Engenharia de Software Orientada a Agentes com JaCaMo
 
Jason: Componentes personalizados
Jason: Componentes personalizados Jason: Componentes personalizados
Jason: Componentes personalizados
 
Agentes inteligentes com jason
Agentes inteligentes com jasonAgentes inteligentes com jason
Agentes inteligentes com jason
 
Ambientes em Sistemas Multi-agentes
Ambientes em Sistemas Multi-agentesAmbientes em Sistemas Multi-agentes
Ambientes em Sistemas Multi-agentes
 
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agents
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agentsArquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agents
Arquiteturas concretas de agentes inteligentes - bdi agents
 
Revisão de matemática
Revisão de matemáticaRevisão de matemática
Revisão de matemática
 
Especificações iniciais de agentes inteligentes
Especificações iniciais de agentes inteligentesEspecificações iniciais de agentes inteligentes
Especificações iniciais de agentes inteligentes
 
Notas sobre agentes inteligentes
Notas sobre agentes inteligentesNotas sobre agentes inteligentes
Notas sobre agentes inteligentes
 
Anotações do mapeamento OR
Anotações do mapeamento ORAnotações do mapeamento OR
Anotações do mapeamento OR
 
Hibernate-consultas
Hibernate-consultasHibernate-consultas
Hibernate-consultas
 
Mapeamento de herança OR
Mapeamento de herança ORMapeamento de herança OR
Mapeamento de herança OR
 
Relacionamentos do mapeamento OR
Relacionamentos do mapeamento ORRelacionamentos do mapeamento OR
Relacionamentos do mapeamento OR
 
Processos iniciais do mapeamento OR
Processos iniciais do mapeamento ORProcessos iniciais do mapeamento OR
Processos iniciais do mapeamento OR
 
Java swing
Java swingJava swing
Java swing
 
Introdução à linguagem UML
Introdução à linguagem UMLIntrodução à linguagem UML
Introdução à linguagem UML
 

Internet: conceitos e segurança

  • 1. Operação de Computadores e dos Serviços do Sistema Operacional Unidade IV Redes de computadores e Segurança Prof. Nécio de Lima Veras http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
  • 2. Operação de Computadores e dos Serviços do Sistema Operacional Objetivos: Perceber a amplitude das redes de computadores; Verbalizar questões de segurança aplicados à Web. Prof. Nécio de Lima Veras http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
  • 3. O que é Internet? • Sistema de informação global que: 1. É logicamente ligado por um endereço único global baseado no IP; 2. É capaz de suportar comunicações usando o TCP/IP ou suas extensões ou ainda, outros protocolos compatíveis com o IP; 3. Provê, usa ou torna acessível, publicamente ou privadamente, serviços de alto nível; • É o maior repositório de informações do mundo; • O que torna a internet tão especial? Prof. Nécio Veras
  • 4. Seu poder de propagação! ● Quanto tempo seria necessário para algumas invenções do homem atingir 50 milhões de usuários? – Eletricidade (1873): 46 anos; – Telefone (1876): 35 anos; – Automóvel (1886): 55 anos; – Rádio (1906): 22 anos; – Televisão (1926): 26 anos; – Forno de microondas (1953): 30 anos; – O microcomputador (1975): 16 anos; – O Celular (1983): 13 anos; – Internet (1995): 04 anos! Prof. Nécio Veras
  • 5. A importância das aplicações web no mundo atual Fonte: http://webcetera.com.br/blog/2009/01/23/usuarios-de-internet-no-mundo-por-pais/ Prof. Nécio Veras
  • 6. Alguns exemplos da Internet Prof. Nécio Veras
  • 7. A importância das aplicações web no mundo atual ● Contrariando todas as vantagens, é real que pessoas de má índole podem se usufruir do ambiente e desenvolver aplicações WEB para prejudicar pessoas das mais diversas formas. Prof. Nécio Veras
  • 8. A importância das aplicações web no mundo atual ● Se a Internet deixasse de existir hoje, o que aconteceria com a sua vida, com o mundo? ● Ao refletirmos nos daremos conta de sua importância no mundo atual. Visualização gráfica de várias rotas em uma porção da Internet mostrando a escalabilidade da rede Prof. Nécio Veras
  • 9. Informações Técnicas: O que é um domínio? ● Cada computador na internet precisa de um endereço IP (escrito em 4 octetos, exemplo: 200.137.178.129); – Impossível memorizar; ● Por isso foi criado o DNS (Sistema de Nome de Domínio); – Dentro desta estrutura nasceu o “www” ou “web”; - World Wide Web Prof. Nécio Veras
  • 10. Formato de um domínio ● Exemplo: http://www.ifce.edu.br – http:// => significa o protocolo de transmissão; – www => indica que estamos na web; – ifce => nome do site; – edu => tipo de site (com – comercial, gov – governamental; edu - educacional) – br => país de origem (br = Brasil, ar = Argentina, ru = Rússia); Prof. Nécio Veras
  • 11. Quem realiza o registro? ● Cada país é responsável; ● No Brasil temos o CGI (Comitê gestor de Internet); – Criado pela portaria nº. 147 dos ministérios da Ciência e Tecnologia e Comunicações em 31 de maio de 1995; – Este delegou à FAPESP as atividades: • Registro de nomes de domínio; • Distribuição de endereços IP e sua manutenção; – Critérios de registro e cancelamento; Prof. Nécio Veras
  • 12. Quem controla a Internet? ● Não existe nenhuma empresa que controle a utilização da internet; ● Porém, existem os “ISP”: Internet Service Provider; ISP local Roteador Roteador ... Roteador ISP regional Servidores Estação Roteador de Trabalho ... Roteador Prof. Nécio Veras
  • 13. O que é necessário para acessar a Internet? ● Existem diversas tecnologias: – Convencional (Fax Modem); – Wireless (Sem fio); – Celular (GPRS e EDGE); – ADSL (Serviços como velox); ● Serviços de alta velocidade: – Alguns celulares (3G); – Serviços oferecidos por operadoras de telefonais, TV a Cabo ou Via Satélite; Prof. Nécio Veras
  • 14. Que tipos de serviços existem? ● WEB (www): Páginas eletrônicas; ● Correio Eletrônico (e-mail); – Webmail ou clientes de e-mail; ● FTP: Transferência de arquivos entre computadores; ● WAP; ● Mensagens On-line; ● Uma classificação: Pessoais, Governamentais e Empresariais; Prof. Nécio Veras
  • 15. Serviços Pessoais ● Participar de site de relacionamento ou comunidades; ● Ouvir rádio e/ou assistir televisão; ● Fazer download de jogos, músicas e softwares; ● Jogar videogames on-line; ● Participar de chats; ● Procurar informações de entretenimento; ● Enviar mensagens instantâneas; ● Procurar informações sobre bens e serviços; ● Enviar e receber e-mails; ● Outros tipos de Lazer; Prof. Nécio Veras
  • 16. Serviços Governamentais ● Pagamento de IPVA, multas e licenciamento; ● Informações sobre o emprego (INSS); ● Informações sobre serviços públicos de educação; ● Inscrição em concurso público; ● Declaração de IR; ● Consulta ao CPF; ● Outros; Prof. Nécio Veras
  • 17. Serviços Empresariais ● Vitrines on-line (passado – WEB 1.0); ● E-Commerce; ● Serviços bancários e financeiros; ● Monitoramento de mercado; ● Serviços de pós-venda; ● Treinamento e educação; ● Recursos Humanos (E-RH) – e-learning; – e-recruitment; – S.I de RH; – Self-Service; ● Intranets ou Portais; Prof. Nécio Veras
  • 18. Riscos e Cuidados Prof. Nécio de Lima Veras http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
  • 19. Leitor de e-mails ● Risco: – Conteúdo das mensagens (Engenharia Social); ● Cuidados: – Manter sempre uma versão atualizada; – Não clicar em links contidos nos e-mails; – Não abrir ou executar programas anexados, sem antes verificar com anti-vírus; • Sempre desconfiar destes arquivos, mesmo que tenham sido enviado por pessoas conhecidas; – Fazer download de programas diretamente do site; – Evitar usá-lo como um browser (em HTML); Prof. Nécio Veras
  • 20. Navegadores (browsers) ● Riscos: – Obtenção e execução de programas hostis em sites não confiáveis ou falsos; – Acesso à sites falsos, se fazendo passar por instituições bancárias ou de comércio eletrônico; – Realização de transações bancárias ou comerciais sem qualquer mecanismos de segurança; Prof. Nécio Veras
  • 21. Navegadores (browsers) ● Cuidados: – Manter o browser sempre atualizado; – Certificar-se da procedência do site e da utilização de conexões seguras ao realizar transações via Web; – Somente acessar sites de instituições financeiras e de comércio eletrônico digitando o endereço diretamente no seu browser, nunca em outros links; – Verificar o histórico do browser; – Não permitir instalação/execução automática de softwares; Prof. Nécio Veras
  • 22. Programa de Troca de Mensagens ● Riscos (Estão na própria conversa): – Engenharia social; – Poder de persuasão; – Arquivos falsos; ● Cuidados: – Manter o programa sempre atualizado e verificar suas vulnerabilidades; – Não aceitar arquivos de pessoas desconhecidas; – Utilizar um bom antivírus e sempre atualizado; – Evitar fornecer muitas informações; – Não fornecer e hipótese alguma informações sensíveis (senhas, cartões de crédito, etc); Prof. Nécio Veras
  • 23. Fraudes da Internet ● “Scam” ou “Golpe”: Ação ou esquema fraudulento – Sites de “leilões” com preços muito atrativos; – O Golpe da Nigéria (Nigerian 4-1-9 Scam) • Estelionato (Mediador de transação Internacional); ● Leia: http://www.quatrocantos.com/lendas/58_419_scam_nigeria.htm ● Phishing: – Procura induzir o usuário a acessar páginas fraudulentas para furtar dados pessoais e financeiros; – Ex.: Cartões Virtuais, Bancos, SERASA/SPC, Notícias, Boatos, Cobranças...; – Ação: Instalação de malwares (spywares, vírus, backdoors, worms, cavalo de tróia); Prof. Nécio Veras
  • 24. Dicas Úteis ● Senhas e Contas: – Elaborar senhas com pelo menos oito caracteres contendo letras e números; – Nunca usar dados óbvios; – Utilizar uma senha diferente para cada serviço; – Alterar com freqüência; ● Utilizar e Atualizar os Softwares de Segurança: – Antivírus, Antispy e Firewall; Prof. Nécio Veras
  • 25. Evoluções da Internet: Web 2.0 Web 3.0 IPv6 Prof. Nécio de Lima Veras http://lattes.cnpq.br/8284657916723590
  • 26. WEB 2.0 ● Web 1.0: Éramos meros espectadores; ● Web 2.0: Interações! – Troca de mensagens; – Sites de relacionamento; – Compartilhamento de conteúdo; – Os usuários não mais só navegam pela rede, eles são protagonistas, ou seja, geram conteúdo. Prof. Nécio Veras
  • 27. WEB 3.0 – WEB Semântica ● A Web 3.0 propõe-se a ser, nos próximos anos, a terceira geração da Internet. ● A primeira, Web 1.0, foi a implantação e popularização da rede em si; ● A Web 2.0 é a que o mundo vive hoje, centrada nos mecanismos de busca como Google e nos sites de colaboração do internauta, como Wikipedia, YouTube e os sites de relacionamento social, como o Orkut. ● A Web 3.0 pretende ser a organização e o uso de maneira mais inteligente de todo o conhecimento já disponível na Internet. Prof. Nécio Veras
  • 28. WEB 3.0 – WEB Semântica ● A principal aplicação da web semântica se refere à capacidade de os sistemas computacionais interpretarem o conteúdo; ● Como assim? – Vamos lá: “O que é uma BALA para você?” – Poder ser um “doce” ou um projétil; ● Mas como o conteúdo é interpretado de acordo com seu contexto? – A forma com que os sistemas irão executar esse rastreamento e interpretação será com base em mudanças na forma com que as páginas são construídas. Prof. Nécio Veras
  • 29. WEB 3.0 – WEB Semântica ● A forma com que essa evolução será conduzida ainda não é totalmente clara, mas é espetacular imaginar esse novo horizonte em nosso dia-a-dia. ● Mais que um simples entendimento de palavras soltas – como o exemplo da bala – a web semântica poderá (e deverá) levar em conta cada usuário de forma individual. ● Traçando perfis e procurando entregar ao usuário exatamente aquilo que ele quer, com base no que os sistemas de informação conhecem de seu comportamento. Prof. Nécio Veras
  • 30. Exemplos ● “Alguém entra em seu mecanismo de busca favorito, procura por hospedagem em Parnaíba. O mecanismo reconhece o usuário, sabe que tem dois filhos pequenos, então irá priorizar no resultado hotéis e pousadas que tenham opções de lazer para crianças”; ● “Você está em casa, e a propaganda da academia do seu bairro aparece quando você está lendo noticias de boa forma em um blog ou site” ● Isso está próximo de acontecer? Prof. Nécio Veras
  • 31. “E agora José?” ● Crescimento exponencial de computadores “plugados”!; – Boa notícia ou Problema? ● Problema! – Estamos chegando ao limite máximo de capacidade da grande rede; – 4,3 Bilhões de endereços IPs; ● Solução? – IPv6 Prof. Nécio Veras
  • 32. O que é IPv6? ● IPng (IP Next Generation); ● Vem sendo testado desde 90, quando a Internet Engineering Task Force alertou para ums possível exaustão; ● Característica: – Ampliar em bilhões de vezes a capacidade atual; – Ampliar o número de bits de 32 para 128 com 6 octetos; ● O mundo já testa esta tecnologia, especialmente (E.U.A., Coréia, China e Japão); – Serviços Móveis (270 milhões); Prof. Nécio Veras
  • 33. Tendências ● Conexão de outros tipos de dispositivos; – Eletrodomésticos; – Carros; – Dispositivos portáteis e inteligentes; ● Transmissões de dados, voz e vídeos; – Alta velocidade (Internet 2); – IPv6; ● Exemplos de equipamentos: Prof. Nécio Veras
  • 34. Tendências ● Alguns Projetos: – Da NCR: Microwave Bank (Forno inteligente com acesso a Intenet); • Reconhecimento de Voz; • Impressão Digital e Íris; • Idéia: Planejamento de receitas na WEB e compras; – Da Frigidaire: Refrigerador que navega na Internet; • Possui leitor de código de barras e realiza compras; – Possibilidade de sentir cheiro através do computador (“Sintetizadores de aromas”); • Projeto da DigiScents chamado iSmell e pode produzir centenas de cheiros básico e fazer combinações de 2 elevado a 128 odores; Prof. Nécio Veras
  • 35. Considerações Finais ● Nosso cotidiano nunca mais será o mesmo: – Novas tecnologias e o dia-a-dia; – Novas mudanças; – Os filmes antigos de ficção estão se tornando realidade; Bem vindos à ERA DA INFORMAÇÃO! Prof. Nécio Veras
  • 36. Exercícios Prof. Nécio Veras