SlideShare uma empresa Scribd logo
Caractristicas arquitetónicas e simbólicas da
Coluna de Trajano e do Arco Triunfal.
Caracterização da escultura.
Referência aos políticos e conquistas territorias
de: Marco Úlpio Nerva Trajano e Públio Élio
Adriano.
A arquitetura Romana era inspirada na
Grega, adotando as três tradicionais
ordens - Dórica, Jónica e Coríntia embora existisse preferência pela
ultima.

Os Romanos subverteram o sentido de
proporção e equilíbrio dos gregos e
valorizaram a imponência dos
edifícios, um pouco à semelhança dos
povos orientais.

O Coliseu de Roma – Talvez a mais
imponente obra arquitetónica
romana.
Arco triunfal dedicado
ao imperador Trajano
Feito de granito, foi
construído entre 114 e
117 d.C.
O Arco Triunfal de Trajano – Na Antiga
Roma, cada arco remete a uma batalha e
Imperador específico.
Feita de mármore com 38 metros
de altura e 800 toneladas.
Mandada erguer pelo Senado e
oferecida a Trajano.
O baixo-relevo em espiral
comemora as vitórias das
campanhas militares de Trajano
contra os Dácios.
A Coluna de Trajano – Após a sua morte, as
cinzas de Trajano foram colocadas na base
da coluna.
A escultura Romana seguiu
como modelo a arte
Helénica, tendo aperfeiçoado
alguns dos seus aspetos. É
principalmente caracterizada
por uma enorme minuncia e
realismo.
Os Romanos souberam
esculpir o relevo e usaramnos para engrandecer os seus
chefes/generais ou
imperadores e narrar os seus
grandes feitos.

O Busto de Catão – Político
opositor de Júlio César, ficou
conhecido pela sua
inflexibilidade e integridade
moral.
Estátua de Augusto
de Prima Porta

Busto de
Sabina, esposa de
Adriano
Marco Trajano, Imperador, nasceu
em 53 d.C. e morreu por volta de
117 d.C.
Nasceu em Itálica (província da
Bética), no sul da Hispânia
Era um jovem nobre que seguiu os
passos do pai na carreira política e
militar.

A Estátua de Trajano Sempre apoiado pelo
Senado, Trajano era visto como
a personificação das vitrtudes
imperiais.
As Províncias do Império Romano em sua máxima
extensão, durante o governo de Trajano.
Imperador de 117 a 130 d.C, foi
também um notório humanista
e grande admirador da
Grécia, bem como da literatura
do povo helénico.

O Busto de Adriano – Sobrinho de
Trajano, foi adotado pelo Imperador,
antes da sua morte
Durante o seu governo
incentivou as relações entre as
províncias do império e aboliu a
sua subordinação à metrópole.
Contribuiu ativamente para a
consolidação do direito
romano, a cidadania e a
liberdade
religiosa, reconstruindo o
Panteão e construindo os
Templos de Vénus e Roma.

O Panteão – O Panteão de Agripa é o
único edifício Romano que se encontra,
ainda atualmente, em perfeito estado de
conservação.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A cultura do senado
A cultura do senadoA cultura do senado
A cultura do senado
Ana Barreiros
 
Cultura romana
Cultura romanaCultura romana
Cultura romana
Maria Gomes
 
8. império romano e bizantino
8. império romano e bizantino8. império romano e bizantino
8. império romano e bizantino
batotario
 
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correçãoExame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
teresagoncalves
 
A cultura da ágora
A cultura da ágoraA cultura da ágora
A cultura da ágora
Rui Dário
 
Cultura do Senado - Augusto e senado
Cultura do Senado - Augusto e senadoCultura do Senado - Augusto e senado
Cultura do Senado - Augusto e senado
Carlos Vieira
 
Cultura Romana
Cultura RomanaCultura Romana
Cultura Romana
João França
 
Roma
RomaRoma
A Cultura do Senado: o tempo
A Cultura do Senado: o tempoA Cultura do Senado: o tempo
A Cultura do Senado: o tempo
Hca Faro
 
Desplancques, s. egito antigo
Desplancques, s. egito antigoDesplancques, s. egito antigo
Desplancques, s. egito antigo
JulianaGomes385626
 
Hca M3
Hca   M3Hca   M3
A cultura romana 1
A cultura romana 1A cultura romana 1
A cultura romana 1
Susana Simões
 
Cardoso, ciro f. o egito antigo
Cardoso, ciro f. o egito antigoCardoso, ciro f. o egito antigo
Cardoso, ciro f. o egito antigo
JulianaGomes385626
 
Cultura do senado resumos
Cultura do senado   resumosCultura do senado   resumos
Cultura do senado resumos
Jorge Hohinho
 
Império romano ascensão e crise
Império romano  ascensão e crise Império romano  ascensão e crise
Império romano ascensão e crise
Patrick Von Braun
 
Orgãos da Democracia Ateniense
Orgãos da Democracia AtenienseOrgãos da Democracia Ateniense
Orgãos da Democracia Ateniense
João Couto
 
Roma 01
Roma 01Roma 01
O Modelo Romano - a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
O Modelo Romano -   a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...O Modelo Romano -   a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
O Modelo Romano - a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
Núcleo de Estágio ESL 2014-2015
 
A arte romana
A arte romanaA arte romana
Grécia 01
Grécia 01Grécia 01

Mais procurados (20)

A cultura do senado
A cultura do senadoA cultura do senado
A cultura do senado
 
Cultura romana
Cultura romanaCultura romana
Cultura romana
 
8. império romano e bizantino
8. império romano e bizantino8. império romano e bizantino
8. império romano e bizantino
 
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correçãoExame mod 2  - 2.ª versão - proposta de correção
Exame mod 2 - 2.ª versão - proposta de correção
 
A cultura da ágora
A cultura da ágoraA cultura da ágora
A cultura da ágora
 
Cultura do Senado - Augusto e senado
Cultura do Senado - Augusto e senadoCultura do Senado - Augusto e senado
Cultura do Senado - Augusto e senado
 
Cultura Romana
Cultura RomanaCultura Romana
Cultura Romana
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
A Cultura do Senado: o tempo
A Cultura do Senado: o tempoA Cultura do Senado: o tempo
A Cultura do Senado: o tempo
 
Desplancques, s. egito antigo
Desplancques, s. egito antigoDesplancques, s. egito antigo
Desplancques, s. egito antigo
 
Hca M3
Hca   M3Hca   M3
Hca M3
 
A cultura romana 1
A cultura romana 1A cultura romana 1
A cultura romana 1
 
Cardoso, ciro f. o egito antigo
Cardoso, ciro f. o egito antigoCardoso, ciro f. o egito antigo
Cardoso, ciro f. o egito antigo
 
Cultura do senado resumos
Cultura do senado   resumosCultura do senado   resumos
Cultura do senado resumos
 
Império romano ascensão e crise
Império romano  ascensão e crise Império romano  ascensão e crise
Império romano ascensão e crise
 
Orgãos da Democracia Ateniense
Orgãos da Democracia AtenienseOrgãos da Democracia Ateniense
Orgãos da Democracia Ateniense
 
Roma 01
Roma 01Roma 01
Roma 01
 
O Modelo Romano - a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
O Modelo Romano -   a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...O Modelo Romano -   a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
O Modelo Romano - a fixação de modelos artísticos: arquitetura, escultura e...
 
A arte romana
A arte romanaA arte romana
A arte romana
 
Grécia 01
Grécia 01Grécia 01
Grécia 01
 

Destaque

Guia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
Guia de estudo n.º 2 O Modelo RomanoGuia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
Guia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
Laboratório de História
 
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
Núcleo de Estágio ESL 2014-2015
 
A Romanização na Península Ibérica
A Romanização na Península IbéricaA Romanização na Península Ibérica
A Romanização na Península Ibérica
guestd6ef96de
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
Patricia .
 
Modelo romano parte 3
Modelo romano parte 3Modelo romano parte 3
Modelo romano parte 3
cattonia
 
Módulo 2 contextualização
Módulo 2   contextualizaçãoMódulo 2   contextualização
Módulo 2 contextualização
cattonia
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
Escoladocs
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
Carlos Vieira
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
LuisMagina
 
12 formação do império romano
12   formação do império romano12   formação do império romano
12 formação do império romano
Carla Freitas
 
Os Romanos na Península Ibérica
Os Romanos na Península IbéricaOs Romanos na Península Ibérica
Os Romanos na Península Ibérica
HistN
 
Modelo romano parte 1
Modelo romano   parte 1Modelo romano   parte 1
Modelo romano parte 1
cattonia
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da  Península IbéricaRomanização da  Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
Carlos Pinheiro
 
Império Romano
Império RomanoImpério Romano
Império Romano
Carlos Vieira
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
cattonia
 

Destaque (15)

Guia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
Guia de estudo n.º 2 O Modelo RomanoGuia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
Guia de estudo n.º 2 O Modelo Romano
 
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
9. O Modelo Romano: A Romanização na Península Ibérica
 
A Romanização na Península Ibérica
A Romanização na Península IbéricaA Romanização na Península Ibérica
A Romanização na Península Ibérica
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 
Modelo romano parte 3
Modelo romano parte 3Modelo romano parte 3
Modelo romano parte 3
 
Módulo 2 contextualização
Módulo 2   contextualizaçãoMódulo 2   contextualização
Módulo 2 contextualização
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da Península IbéricaRomanização da Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 
12 formação do império romano
12   formação do império romano12   formação do império romano
12 formação do império romano
 
Os Romanos na Península Ibérica
Os Romanos na Península IbéricaOs Romanos na Península Ibérica
Os Romanos na Península Ibérica
 
Modelo romano parte 1
Modelo romano   parte 1Modelo romano   parte 1
Modelo romano parte 1
 
Romanização da Península Ibérica
Romanização da  Península IbéricaRomanização da  Península Ibérica
Romanização da Península Ibérica
 
Império Romano
Império RomanoImpério Romano
Império Romano
 
A Civilização Romana
A Civilização RomanaA Civilização Romana
A Civilização Romana
 

Semelhante a História10º (2)

4 história da a arte r
4 história da a   arte r4 história da a   arte r
4 história da a arte r
André Figundio
 
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
Frantito
 
Roma
RomaRoma
Coluna de trajano
Coluna de trajanoColuna de trajano
Coluna de trajano
Cariinna
 
3º ano - Civilização Romana
3º ano - Civilização Romana 3º ano - Civilização Romana
3º ano - Civilização Romana
Daniel Alves Bronstrup
 
Coluna de trajano
Coluna de trajanoColuna de trajano
Coluna de trajano
10B
 
arte romana e suas características artisticas
arte romana e suas características artisticasarte romana e suas características artisticas
arte romana e suas características artisticas
profjuliaalvino
 
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, muraisA Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
profjuliaalvino
 
Módulo 2 escultura romana
Módulo 2   escultura romanaMódulo 2   escultura romana
Módulo 2 escultura romana
Carla Freitas
 
mdulo2-esculturaromana.pdf
mdulo2-esculturaromana.pdfmdulo2-esculturaromana.pdf
mdulo2-esculturaromana.pdf
IsabelSGabinetedeExp
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
Mateus Cardoso
 
Roma imperial altar da pátria pdf
Roma imperial   altar da pátria pdfRoma imperial   altar da pátria pdf
Roma imperial altar da pátria pdf
Armando Oliveira
 
Arte romana 2019
Arte romana 2019Arte romana 2019
Arte romana 2019
CLEBER LUIS DAMACENO
 
Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2
Carla Teixeira
 
m2-a-cultura-do-senado.pdf
m2-a-cultura-do-senado.pdfm2-a-cultura-do-senado.pdf
m2-a-cultura-do-senado.pdf
Tânia Marques André
 
A escultura romana
A escultura romanaA escultura romana
A escultura romana
António Silva
 
6o. ano a arte romana
6o. ano   a arte romana6o. ano   a arte romana
6o. ano a arte romana
ArtesElisa
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
lazaro12r
 
Império Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. MédioImpério Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. Médio
Daniel Alves Bronstrup
 
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
mariapinheiro710
 

Semelhante a História10º (2) (20)

4 história da a arte r
4 história da a   arte r4 história da a   arte r
4 história da a arte r
 
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
C:\Documents And Settings\Francisco\Ambiente De Trabalho\ApresentaçãO1
 
Roma
RomaRoma
Roma
 
Coluna de trajano
Coluna de trajanoColuna de trajano
Coluna de trajano
 
3º ano - Civilização Romana
3º ano - Civilização Romana 3º ano - Civilização Romana
3º ano - Civilização Romana
 
Coluna de trajano
Coluna de trajanoColuna de trajano
Coluna de trajano
 
arte romana e suas características artisticas
arte romana e suas características artisticasarte romana e suas características artisticas
arte romana e suas características artisticas
 
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, muraisA Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
A Arte Romana : arquitetura, pinturas, murais
 
Módulo 2 escultura romana
Módulo 2   escultura romanaMódulo 2   escultura romana
Módulo 2 escultura romana
 
mdulo2-esculturaromana.pdf
mdulo2-esculturaromana.pdfmdulo2-esculturaromana.pdf
mdulo2-esculturaromana.pdf
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
 
Roma imperial altar da pátria pdf
Roma imperial   altar da pátria pdfRoma imperial   altar da pátria pdf
Roma imperial altar da pátria pdf
 
Arte romana 2019
Arte romana 2019Arte romana 2019
Arte romana 2019
 
Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2Neoclássico parte 2
Neoclássico parte 2
 
m2-a-cultura-do-senado.pdf
m2-a-cultura-do-senado.pdfm2-a-cultura-do-senado.pdf
m2-a-cultura-do-senado.pdf
 
A escultura romana
A escultura romanaA escultura romana
A escultura romana
 
6o. ano a arte romana
6o. ano   a arte romana6o. ano   a arte romana
6o. ano a arte romana
 
Arte romana
Arte romanaArte romana
Arte romana
 
Império Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. MédioImpério Romano - Ens. Médio
Império Romano - Ens. Médio
 
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
1ano-imprioromano-completo-120528142621-phpapp01.pptx
 

Mais de Tatiana Tita

Mitologia grega .
Mitologia grega . Mitologia grega .
Mitologia grega .
Tatiana Tita
 
India english10
India english10India english10
India english10
Tatiana Tita
 
Musica
MusicaMusica
Musica
Tatiana Tita
 
Unesco
UnescoUnesco
Unesco
Tatiana Tita
 
Profissões
 Profissões Profissões
Profissões
Tatiana Tita
 
Animais em vias de extinção
Animais em vias de extinçãoAnimais em vias de extinção
Animais em vias de extinção
Tatiana Tita
 

Mais de Tatiana Tita (6)

Mitologia grega .
Mitologia grega . Mitologia grega .
Mitologia grega .
 
India english10
India english10India english10
India english10
 
Musica
MusicaMusica
Musica
 
Unesco
UnescoUnesco
Unesco
 
Profissões
 Profissões Profissões
Profissões
 
Animais em vias de extinção
Animais em vias de extinçãoAnimais em vias de extinção
Animais em vias de extinção
 

História10º (2)

  • 1. Caractristicas arquitetónicas e simbólicas da Coluna de Trajano e do Arco Triunfal. Caracterização da escultura. Referência aos políticos e conquistas territorias de: Marco Úlpio Nerva Trajano e Públio Élio Adriano.
  • 2. A arquitetura Romana era inspirada na Grega, adotando as três tradicionais ordens - Dórica, Jónica e Coríntia embora existisse preferência pela ultima. Os Romanos subverteram o sentido de proporção e equilíbrio dos gregos e valorizaram a imponência dos edifícios, um pouco à semelhança dos povos orientais. O Coliseu de Roma – Talvez a mais imponente obra arquitetónica romana.
  • 3. Arco triunfal dedicado ao imperador Trajano Feito de granito, foi construído entre 114 e 117 d.C. O Arco Triunfal de Trajano – Na Antiga Roma, cada arco remete a uma batalha e Imperador específico.
  • 4. Feita de mármore com 38 metros de altura e 800 toneladas. Mandada erguer pelo Senado e oferecida a Trajano. O baixo-relevo em espiral comemora as vitórias das campanhas militares de Trajano contra os Dácios. A Coluna de Trajano – Após a sua morte, as cinzas de Trajano foram colocadas na base da coluna.
  • 5. A escultura Romana seguiu como modelo a arte Helénica, tendo aperfeiçoado alguns dos seus aspetos. É principalmente caracterizada por uma enorme minuncia e realismo. Os Romanos souberam esculpir o relevo e usaramnos para engrandecer os seus chefes/generais ou imperadores e narrar os seus grandes feitos. O Busto de Catão – Político opositor de Júlio César, ficou conhecido pela sua inflexibilidade e integridade moral.
  • 6. Estátua de Augusto de Prima Porta Busto de Sabina, esposa de Adriano
  • 7. Marco Trajano, Imperador, nasceu em 53 d.C. e morreu por volta de 117 d.C. Nasceu em Itálica (província da Bética), no sul da Hispânia Era um jovem nobre que seguiu os passos do pai na carreira política e militar. A Estátua de Trajano Sempre apoiado pelo Senado, Trajano era visto como a personificação das vitrtudes imperiais.
  • 8. As Províncias do Império Romano em sua máxima extensão, durante o governo de Trajano.
  • 9. Imperador de 117 a 130 d.C, foi também um notório humanista e grande admirador da Grécia, bem como da literatura do povo helénico. O Busto de Adriano – Sobrinho de Trajano, foi adotado pelo Imperador, antes da sua morte
  • 10. Durante o seu governo incentivou as relações entre as províncias do império e aboliu a sua subordinação à metrópole. Contribuiu ativamente para a consolidação do direito romano, a cidadania e a liberdade religiosa, reconstruindo o Panteão e construindo os Templos de Vénus e Roma. O Panteão – O Panteão de Agripa é o único edifício Romano que se encontra, ainda atualmente, em perfeito estado de conservação.