SlideShare uma empresa Scribd logo
COLÉGIO ESTADUAL BARÃO DE TINGUÁ
PROF: TADEU GEOGRAFIA
TURMA 901
ROTEIRO DE ESTUDOS – CONTINENTE ASIÁTICO
1. LOCALIZAÇÃO
O continente asiático se localiza a leste do meridiano de Greenwich. É o maior continente
existente, possuindo uma área de cerca de 44 milhões de Km². Seus limites são: ao norte, o
Oceano Glacial Ártico; ao sul, o Oceano Índico; a leste, o Oceano Pacífico; a oeste, o Mar
Vermelho (que o separa da África), o Mar Mediterrâneo e os Montes Urais (que o separa da
Europa).
Abriga alguns dos países mais populosos do planeta como China, Índia, Indonésia, Paquistão,
Bangladesh e Japão.
2. CLIMA E VEGETAÇÂO
O continente Asiático apresenta diversos tipos climáticos, desde os mais quentes como
o equatorial e o tropical até os mais frios como o clima frio de alta montanha e o polar.
Essa variedade de climas se relaciona diretamente com a variedade de formações
vegetais, temos por exemplo as florestas equatoriais, tropicais e temperadas, as
estepes, savanas e pradarias, vegetações desérticas, taiga, tundra, etc.
É importante ressaltar que os domínios climáticos se relacionam diretamente com o tipo
de vegetação predominante. Note-as nos dois mapas abaixo:
MAPA: CLIMA
MAPA: VEGETAÇÃO
3. CURIOSIDADES
No continente asiático surgiram as primeiras grandes civilizações humanas, como a
suméria, a semita, a chinesa e a hindu. As mesmas deram início ao desenvolvimento das
atividades agrícolas e de criação de animais.
Foi na Ásia também que surgiu o maior Império em terras contíguas jamais conhecido
há história da humanidade, o Império Mongol sob a liderança de Genghis Khan e seus
descendentes entre os séculos XII e XIV, alcançando terras que iam desde o extremo
leste asiático até ao leste Europeu. Confira abaixo, a extensão do Império Mongol em
seu auge comparado com o Império Romano também em seu auge.
4. REGIONALIZAÇÃO
O continente asiático, por ser muito extenso, apresenta também uma grande
diversidade étnico-cultural. Considerando, as variedades de povos, os aspectos
históricos e as diferenças dos aspectos físicos da natureza, pode-se dividir o continente
em regiões menores.
5. BLOCOS ECONOMICOS ATUANTES NA ÁSIA
O que é um bloco econômico?
União de países com interesses comuns de crescimento e integração social dos mesmos.
Etapas de formação
. Área de livre comércio: Nesta etapa, que costuma ser a primeira, há a diminuição de
barreiras tarifárias com estímulo as trocas comerciais e investimentos entre eles.
. União aduaneira: Além do livre comércio, há uma tarifa comum (TEC) adotada para ser
aplicada junto a outros países. Os produtos de outros países pagam os mesmos impostos
e taxas para entrar em qualquer país de um determinado bloco.
. Mercado Comum: Livre comércio de mercadorias, serviços, capitais (investimento
financeiro) e pessoas entre os países membros. Impostos e leis padronizados,
instituições e órgãos supranacionais (organismo acima do governo de uma nação).
. União Econômica e Monetária: Padronização de políticas econômicas com metas que
fixam taxas de juros, inflação, etc. É necessário a criação de um Banco Central único e
há a substituição das moedas nacionais por uma moeda única.
Para a existência de um bloco econômico nem sempre tem de haver as 4 etapas
consolidadas. Um bloco pode existir possuindo apenas 1 ou 2 etapas de formação, bem
como ter todas; este último é o caso da União Europeia.
5.1 APEC (Associação de Cooperação Econômica do Pacífico)
Composta por diversos países: Austrália, Brunei, Canadá, Cingapura, China, Coreia do
Sul, Estados Unidos, Filipinas, Indonésia, Japão, Malásia, México, Nova Zelândia, Papua
Nova Guiné, Peru, Rússia, Tailândia, Vietnã.
É uma Área de Livre Comércio que tem por objetivo reduzir as taxas alfandegárias
(Imposto pago por produtos comprados em outros países ao chegar no país destino)
com o intuito de promover o livre comércio entre os países membros, obviamente.
Um ponto positivo desse bloco foi o fato de ter alavancado um grande crescimento
econômico na região ao criar cerca de 200 milhões de empregos e crescer mais de 100%
no tocante às exportações. Por outro lado, as disparidades econômicas e sociais entre
seus países membros (há países com economias extremamente fortes como EUA, Japão,
Austrália e países com economias modestas como Papua Nova Guiné) contribuírem para
que o bloco não funcione da maneira como deveria. Existem também conflitos de
interesses entre os países membros como por exemplo na questão petrolífera, na qual
os países produtores de petróleo se agradam quando os preços dos barris deste recurso
natural se encontram num valor alto, enquanto que os países consumidores, por sua
vez, ficam insatisfeitos. Um outro fator de desigualdade é o volume comercial praticado
por esses países. As economias mais fortes conseguem, devido à sua intensa produção,
exportar e comercializar muito mais produtos do que as economias mais modestas.
Desse modo, ocorre um desiquilíbrio significativo no volume de produtos em
comercialização entre cada país.
5.2 ASEAN (Associação das Nações do Sudeste Asiático)
Composta por: Brunei, Camboja, Cingapura, Filipinas, Indonésia, Laos, Malásia,
Mianmar, Tailândia, Vietnã.
Possui objetivos estritamente econômicos que envolvem acordos, uni, bi e
multilaterais de comércio. É, portanto, uma Área de Livre Comércio. Possui também
um acordo de cooperação econômica com a União Europeia.
Sua implantação visa a redução de tarifas no comércio de produtos não agrícolas
entre os países membros, visando à ampliação do comércio de mercadorias na
região. A este objetivo estão atrelados outros menores como por exemplo, a criação
de condições de estabilidade política e econômica na região, para permitir um
ambiente propício; a integração cultural e o desenvolvimento social da região.
5.3 CEI (Comunidade de Estados Independentes)
Composta por algumas das ex-repúblicas soviéticas: Armênia, Azerbaijão,
Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão, Moldávia, Rússia, Tajiquistão, Uzbequistão e
Ucrânia.
É um bloco econômico que visou o estabelecimento de uma esfera econômica
comum, além da coordenação na política exterior e imigração, proteção ao meio
ambiente e combate aos delitos.
Historicamente, tem aceitado os acordos internacionais promulgados pela antiga
União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (Ex-URSS). Também é caracterizado
pelas frequentes divergências entre seus Estados membros, e pelo não
cumprimento dos acordos estabelecidos. Além disso, há frequentes conflitos
motivados por disputas étnicas e/ou religiosas.
5.4 Tigres Asiáticos
Composto por: Cingapura*, Coreia do Sul*, Filipinas, Hong Kong*, Indonésia,
Malásia, Tailândia, Taiwan*, Vietnã
* Países que adentraram num primeiro momento
Não constituem de fato um bloco econômico por não possuírem bases institucionais
fixadas. Possuem esse nome devido ao rápido crescimento alcançado nos últimos
anos.
O crescimento econômico desses países se deu por vários fatores como por exemplo
a Industrialização Orientada para Exportação (IOE). Esse tipo de modelo procurou
atender sobretudo o mercado consumidor dos países desenvolvidos através de uma
produção diversificada de bens de consumos duráveis e não-duráveis. As principais
atividades industriais e comerciais estão ligadas aos setores: aeroespacial,
alimentos, automobilismo, brinquedos, eletroeletrônica, informática,
telecomunicações e vestuários (roupas).
Houve a adoção de políticas para atração de indústrias transnacionais. Com isso
houve a criação de Zonas de Processamento de Exportações (ZPE) com doações de
terrenos e isenções fiscais praticadas pelos Estados.
A única exceção foi a Coreia do Sul que optou pela instalação de redes de empresas
com fortes laços familiares, os chamados chaebols. Os principais deles são:
Hyunday, Daewoo, Samsung e Lucky Gold Star (LG). Somente a partir dos anos 1970
que as empresas multinacionais começaram a se instalar na Coreia do Sul.
Cingapura, Hong Kong e Taiwan se desenvolveram com forte apoio governamental
através de projetos de infraestrutura, transporte, comunicação, energia,
financiamento para instalação de indústrias e investimentos maciços em educação
e qualificação profissional.
A região, apesar da prosperidade financeira, também apresenta alguns problemas
como por exemplo as baixas remunerações e a situação análoga a da escravidão
devidas às frágeis e inoperantes leis trabalhistas da região, o que proporciona,
inversamente, os altos lucros das empresas.
A expansão da região se deu de tal modo que impulsionou a industrialização de
países vizinhos à região; estes ficaram conhecidos como os Novos Tigres Asiáticos,
são eles: Filipinas, Indonésia, Malásia e Tailândia.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Blocos economicos
Blocos economicosBlocos economicos
Blocos economicos
Escola Municipal
 
Aula 2 ef geo
Aula 2   ef geo Aula 2   ef geo
Aula 2 ef geo
Walney M.F
 
Blocoeconomico8ano0810
Blocoeconomico8ano0810Blocoeconomico8ano0810
Blocoeconomico8ano0810
Marcia Regina Mourao
 
A Formação Blocos Economicos
A Formação Blocos EconomicosA Formação Blocos Economicos
A Formação Blocos Economicos
Chrislaine1999
 
GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃOGLOBALIZAÇÃO
Globalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos EconômicosGlobalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos Econômicos
Escola Modelo de Iguatu
 
Blocos Econômicos
Blocos EconômicosBlocos Econômicos
Blocos Econômicos
Angela Santos
 
SADC e ASEAN
SADC e ASEANSADC e ASEAN
SADC e ASEAN
Giulia Soares
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
Portal do Vestibulando
 
Blocos econômicos latino americanos
Blocos econômicos latino americanosBlocos econômicos latino americanos
Blocos econômicos latino americanos
Henrique Pontes
 
O mundo multipolar
O mundo multipolarO mundo multipolar
O mundo multipolar
Edmar Alves da Cruz
 
Blocos supranacionais
Blocos supranacionaisBlocos supranacionais
Blocos supranacionais
Débora Sales
 
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu GonzagaBlocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
Edu Gonzaga
 
Aula sobre direito comunitário
Aula sobre direito comunitárioAula sobre direito comunitário
Aula sobre direito comunitário
Cláudia Ximenes
 
SADC
SADCSADC
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate012parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
Tatiana Semêdo
 
Mercosul
MercosulMercosul
Mercosul
flaviocosac
 
Globalização, comercio mundial e blocos econômicos
Globalização, comercio mundial e blocos econômicosGlobalização, comercio mundial e blocos econômicos
Globalização, comercio mundial e blocos econômicos
Wander Junior
 
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte BarrosGuine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
Rui Duarte Barros
 
Blocos economicos brasil e o mercosul
Blocos economicos  brasil e o mercosulBlocos economicos  brasil e o mercosul
Blocos economicos brasil e o mercosul
allxx
 

Mais procurados (20)

Blocos economicos
Blocos economicosBlocos economicos
Blocos economicos
 
Aula 2 ef geo
Aula 2   ef geo Aula 2   ef geo
Aula 2 ef geo
 
Blocoeconomico8ano0810
Blocoeconomico8ano0810Blocoeconomico8ano0810
Blocoeconomico8ano0810
 
A Formação Blocos Economicos
A Formação Blocos EconomicosA Formação Blocos Economicos
A Formação Blocos Economicos
 
GLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃOGLOBALIZAÇÃO
GLOBALIZAÇÃO
 
Globalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos EconômicosGlobalização e os Blocos Econômicos
Globalização e os Blocos Econômicos
 
Blocos Econômicos
Blocos EconômicosBlocos Econômicos
Blocos Econômicos
 
SADC e ASEAN
SADC e ASEANSADC e ASEAN
SADC e ASEAN
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Blocos econômicos latino americanos
Blocos econômicos latino americanosBlocos econômicos latino americanos
Blocos econômicos latino americanos
 
O mundo multipolar
O mundo multipolarO mundo multipolar
O mundo multipolar
 
Blocos supranacionais
Blocos supranacionaisBlocos supranacionais
Blocos supranacionais
 
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu GonzagaBlocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
Blocos economicos e outros grupos Professor Edu Gonzaga
 
Aula sobre direito comunitário
Aula sobre direito comunitárioAula sobre direito comunitário
Aula sobre direito comunitário
 
SADC
SADCSADC
SADC
 
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate012parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
2parteblocoseconomicos2015 aula4-150405193819-conversion-gate01
 
Mercosul
MercosulMercosul
Mercosul
 
Globalização, comercio mundial e blocos econômicos
Globalização, comercio mundial e blocos econômicosGlobalização, comercio mundial e blocos econômicos
Globalização, comercio mundial e blocos econômicos
 
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte BarrosGuine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
Guine-Bissau na UEMOA - Constrangimentos e Oportunidades by Rui Duarte Barros
 
Blocos economicos brasil e o mercosul
Blocos economicos  brasil e o mercosulBlocos economicos  brasil e o mercosul
Blocos economicos brasil e o mercosul
 

Semelhante a Continente Asiatico

Trabalho de geografia
Trabalho de geografiaTrabalho de geografia
Trabalho de geografia
Iesley Bezerra
 
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptxSEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
Nalva Novais
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
karolpoa
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
Artur Lara
 
Comércio Internacional e Blocos Econômicos
Comércio Internacional e Blocos EconômicosComércio Internacional e Blocos Econômicos
Comércio Internacional e Blocos Econômicos
Ivanilson Lima
 
Apec geo
Apec geoApec geo
Apec geo
Alessa Pereira
 
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJBLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
MariaCristinaSouzaLe1
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Benec blocos
Benec blocosBenec blocos
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.pptA Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
AllissonGoes
 
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.pptA Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
Reginaldo Leandro Plácido
 
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptxBLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
Fernanda Castello
 
Blocos econômicos.pdf
Blocos econômicos.pdfBlocos econômicos.pdf
Blocos econômicos.pdf
CLARANICOLEGALVOTEIX1
 
Blocos economicos, brasil e o mercosul
Blocos economicos, brasil e o mercosulBlocos economicos, brasil e o mercosul
Blocos economicos, brasil e o mercosul
MAIQUELE SANTANA
 
Item 6
Item 6Item 6
Item 6
Laguat
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
ProfessorRogerioSant
 
Novos centros de poder
Novos centros de poderNovos centros de poder
Novos centros de poder
luisapint
 
Novos centros de poder
Novos centros de poderNovos centros de poder
Novos centros de poder
ssuser92608c
 
A formação dos blocos regionais
A formação dos blocos regionaisA formação dos blocos regionais
A formação dos blocos regionais
SIMONE SCHADE
 
Blocos econômicos (para imprimir)
Blocos econômicos (para imprimir)Blocos econômicos (para imprimir)
Blocos econômicos (para imprimir)
Ian Costansi
 

Semelhante a Continente Asiatico (20)

Trabalho de geografia
Trabalho de geografiaTrabalho de geografia
Trabalho de geografia
 
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptxSEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
SEMANA 11 ATIVIDADE 01- GEOGRAFIA SEGUIMENTO II EJA MODULO II.pptx
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Comércio Internacional e Blocos Econômicos
Comércio Internacional e Blocos EconômicosComércio Internacional e Blocos Econômicos
Comércio Internacional e Blocos Econômicos
 
Apec geo
Apec geoApec geo
Apec geo
 
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJBLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
BLOCOS REGIONAISLLLLLLLLLLLLLLJJJJJJJJJJ
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Benec blocos
Benec blocosBenec blocos
Benec blocos
 
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.pptA Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
 
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.pptA Formação dos Blocos Regionais.ppt
A Formação dos Blocos Regionais.ppt
 
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptxBLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
BLOCOS ECONOMICOS MUNDIAIS.pptx
 
Blocos econômicos.pdf
Blocos econômicos.pdfBlocos econômicos.pdf
Blocos econômicos.pdf
 
Blocos economicos, brasil e o mercosul
Blocos economicos, brasil e o mercosulBlocos economicos, brasil e o mercosul
Blocos economicos, brasil e o mercosul
 
Item 6
Item 6Item 6
Item 6
 
Blocos econômicos
Blocos econômicosBlocos econômicos
Blocos econômicos
 
Novos centros de poder
Novos centros de poderNovos centros de poder
Novos centros de poder
 
Novos centros de poder
Novos centros de poderNovos centros de poder
Novos centros de poder
 
A formação dos blocos regionais
A formação dos blocos regionaisA formação dos blocos regionais
A formação dos blocos regionais
 
Blocos econômicos (para imprimir)
Blocos econômicos (para imprimir)Blocos econômicos (para imprimir)
Blocos econômicos (para imprimir)
 

Mais de Tadeu Vasconcelos

Exercicios blocos economicos
Exercicios blocos economicosExercicios blocos economicos
Exercicios blocos economicos
Tadeu Vasconcelos
 
Notre Dame de Paris
Notre Dame de ParisNotre Dame de Paris
Notre Dame de Paris
Tadeu Vasconcelos
 
Problemas urbanos
Problemas urbanosProblemas urbanos
Problemas urbanos
Tadeu Vasconcelos
 
Ne me quitte pas
Ne me quitte pasNe me quitte pas
Ne me quitte pas
Tadeu Vasconcelos
 
Ensino Médio
Ensino MédioEnsino Médio
Ensino Médio
Tadeu Vasconcelos
 
Estação de Tratamento Rio Arroio Fundo
Estação de Tratamento Rio Arroio FundoEstação de Tratamento Rio Arroio Fundo
Estação de Tratamento Rio Arroio Fundo
Tadeu Vasconcelos
 
Rugby
RugbyRugby
Le rugby
Le rugbyLe rugby
Mercosul textos
Mercosul textosMercosul textos
Mercosul textos
Tadeu Vasconcelos
 
Mercosul slides
Mercosul slidesMercosul slides
Mercosul slides
Tadeu Vasconcelos
 

Mais de Tadeu Vasconcelos (10)

Exercicios blocos economicos
Exercicios blocos economicosExercicios blocos economicos
Exercicios blocos economicos
 
Notre Dame de Paris
Notre Dame de ParisNotre Dame de Paris
Notre Dame de Paris
 
Problemas urbanos
Problemas urbanosProblemas urbanos
Problemas urbanos
 
Ne me quitte pas
Ne me quitte pasNe me quitte pas
Ne me quitte pas
 
Ensino Médio
Ensino MédioEnsino Médio
Ensino Médio
 
Estação de Tratamento Rio Arroio Fundo
Estação de Tratamento Rio Arroio FundoEstação de Tratamento Rio Arroio Fundo
Estação de Tratamento Rio Arroio Fundo
 
Rugby
RugbyRugby
Rugby
 
Le rugby
Le rugbyLe rugby
Le rugby
 
Mercosul textos
Mercosul textosMercosul textos
Mercosul textos
 
Mercosul slides
Mercosul slidesMercosul slides
Mercosul slides
 

Último

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
Crisnaiara
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
geiseortiz1
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
CarlosJean21
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
KarollayneRodriguesV1
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
Ailton Barcelos
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
bmgrama
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
vitorreissouzasilva
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
Pr Davi Passos - Estudos Bíblicos
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
ThiagoRORISDASILVA1
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
Manuais Formação
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
AntonioAngeloNeves
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Militao Ricardo
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
Manuais Formação
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Centro Jacques Delors
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
TiagoLouro8
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
GracinhaSantos6
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Demetrio Ccesa Rayme
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 

Último (20)

ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junhoATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
ATIVIDADES de alfabetização do mês de junho
 
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptxO século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
O século XVII e o nascimento da pedagogia.pptx
 
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasnTabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
Tabela Funções Orgânicas.pdfnsknsknksnksn nkasn
 
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogiaAVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período  pedagogia
AVALIAÇÃO PRESENCIAL 8º período pedagogia
 
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
2009_Apresentação-ufscar- TCC - AILTON.ppt
 
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdfApostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
Apostila-Microbiologia-e-Parasitologia-doc.pdf
 
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdfAula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
Aula04A-Potencia em CA eletricidade USP.pdf
 
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
(44-ESTUDO - LUCAS) A ESPIRITUALIDADE EM CRISE NO VALE
 
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdfsaid edward w - orientalismo. livro de história pdf
said edward w - orientalismo. livro de história pdf
 
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
UFCD_7211_Os sistemas do corpo humano_ imunitário, circulatório, respiratório...
 
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdfAula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
Aula 02 - Introducao a Algoritmos.pptx.pdf
 
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
Podcast: como preparar e produzir um programa radiofônico e distribuir na int...
 
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, Betel, Ordenança para amar o próximo, 2Tr24.pptx
 
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdfCD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
CD_B2_C_Criar e Editar Conteúdos Digitais_índice.pdf
 
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento EuropeuEurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
Eurodeputados Portugueses 2024-2029 | Parlamento Europeu
 
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptxPsicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
Psicologia e Sociologia - Módulo 2 – Sociedade e indivíduo.pptx
 
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdfMAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
MAPAS MENTAIS Conhecimentos Pedagógicos - ATUALIZADO 2024 PROF. Fernanda.pdf
 
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptxSlides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
Slides Lição 12, Central Gospel, O Milênio, 1Tr24, Pr Henrique.pptx
 
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdfRazonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
Razonamiento Matematico 6to Primaria MA6 Ccesa007.pdf
 
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptxSlides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
Slides Lição 12, CPAD, A Bendita Esperança, A Marca do Cristão, 2Tr24.pptx
 

Continente Asiatico

  • 1. COLÉGIO ESTADUAL BARÃO DE TINGUÁ PROF: TADEU GEOGRAFIA TURMA 901 ROTEIRO DE ESTUDOS – CONTINENTE ASIÁTICO 1. LOCALIZAÇÃO O continente asiático se localiza a leste do meridiano de Greenwich. É o maior continente existente, possuindo uma área de cerca de 44 milhões de Km². Seus limites são: ao norte, o Oceano Glacial Ártico; ao sul, o Oceano Índico; a leste, o Oceano Pacífico; a oeste, o Mar Vermelho (que o separa da África), o Mar Mediterrâneo e os Montes Urais (que o separa da Europa). Abriga alguns dos países mais populosos do planeta como China, Índia, Indonésia, Paquistão, Bangladesh e Japão. 2. CLIMA E VEGETAÇÂO O continente Asiático apresenta diversos tipos climáticos, desde os mais quentes como o equatorial e o tropical até os mais frios como o clima frio de alta montanha e o polar. Essa variedade de climas se relaciona diretamente com a variedade de formações vegetais, temos por exemplo as florestas equatoriais, tropicais e temperadas, as estepes, savanas e pradarias, vegetações desérticas, taiga, tundra, etc.
  • 2. É importante ressaltar que os domínios climáticos se relacionam diretamente com o tipo de vegetação predominante. Note-as nos dois mapas abaixo: MAPA: CLIMA MAPA: VEGETAÇÃO
  • 3. 3. CURIOSIDADES No continente asiático surgiram as primeiras grandes civilizações humanas, como a suméria, a semita, a chinesa e a hindu. As mesmas deram início ao desenvolvimento das atividades agrícolas e de criação de animais. Foi na Ásia também que surgiu o maior Império em terras contíguas jamais conhecido há história da humanidade, o Império Mongol sob a liderança de Genghis Khan e seus descendentes entre os séculos XII e XIV, alcançando terras que iam desde o extremo leste asiático até ao leste Europeu. Confira abaixo, a extensão do Império Mongol em seu auge comparado com o Império Romano também em seu auge. 4. REGIONALIZAÇÃO O continente asiático, por ser muito extenso, apresenta também uma grande diversidade étnico-cultural. Considerando, as variedades de povos, os aspectos históricos e as diferenças dos aspectos físicos da natureza, pode-se dividir o continente em regiões menores.
  • 4. 5. BLOCOS ECONOMICOS ATUANTES NA ÁSIA O que é um bloco econômico? União de países com interesses comuns de crescimento e integração social dos mesmos. Etapas de formação . Área de livre comércio: Nesta etapa, que costuma ser a primeira, há a diminuição de barreiras tarifárias com estímulo as trocas comerciais e investimentos entre eles. . União aduaneira: Além do livre comércio, há uma tarifa comum (TEC) adotada para ser aplicada junto a outros países. Os produtos de outros países pagam os mesmos impostos e taxas para entrar em qualquer país de um determinado bloco. . Mercado Comum: Livre comércio de mercadorias, serviços, capitais (investimento financeiro) e pessoas entre os países membros. Impostos e leis padronizados, instituições e órgãos supranacionais (organismo acima do governo de uma nação). . União Econômica e Monetária: Padronização de políticas econômicas com metas que fixam taxas de juros, inflação, etc. É necessário a criação de um Banco Central único e há a substituição das moedas nacionais por uma moeda única. Para a existência de um bloco econômico nem sempre tem de haver as 4 etapas consolidadas. Um bloco pode existir possuindo apenas 1 ou 2 etapas de formação, bem como ter todas; este último é o caso da União Europeia. 5.1 APEC (Associação de Cooperação Econômica do Pacífico)
  • 5. Composta por diversos países: Austrália, Brunei, Canadá, Cingapura, China, Coreia do Sul, Estados Unidos, Filipinas, Indonésia, Japão, Malásia, México, Nova Zelândia, Papua Nova Guiné, Peru, Rússia, Tailândia, Vietnã. É uma Área de Livre Comércio que tem por objetivo reduzir as taxas alfandegárias (Imposto pago por produtos comprados em outros países ao chegar no país destino) com o intuito de promover o livre comércio entre os países membros, obviamente. Um ponto positivo desse bloco foi o fato de ter alavancado um grande crescimento econômico na região ao criar cerca de 200 milhões de empregos e crescer mais de 100% no tocante às exportações. Por outro lado, as disparidades econômicas e sociais entre seus países membros (há países com economias extremamente fortes como EUA, Japão, Austrália e países com economias modestas como Papua Nova Guiné) contribuírem para que o bloco não funcione da maneira como deveria. Existem também conflitos de interesses entre os países membros como por exemplo na questão petrolífera, na qual os países produtores de petróleo se agradam quando os preços dos barris deste recurso natural se encontram num valor alto, enquanto que os países consumidores, por sua vez, ficam insatisfeitos. Um outro fator de desigualdade é o volume comercial praticado por esses países. As economias mais fortes conseguem, devido à sua intensa produção, exportar e comercializar muito mais produtos do que as economias mais modestas. Desse modo, ocorre um desiquilíbrio significativo no volume de produtos em comercialização entre cada país. 5.2 ASEAN (Associação das Nações do Sudeste Asiático) Composta por: Brunei, Camboja, Cingapura, Filipinas, Indonésia, Laos, Malásia, Mianmar, Tailândia, Vietnã. Possui objetivos estritamente econômicos que envolvem acordos, uni, bi e multilaterais de comércio. É, portanto, uma Área de Livre Comércio. Possui também um acordo de cooperação econômica com a União Europeia. Sua implantação visa a redução de tarifas no comércio de produtos não agrícolas entre os países membros, visando à ampliação do comércio de mercadorias na região. A este objetivo estão atrelados outros menores como por exemplo, a criação de condições de estabilidade política e econômica na região, para permitir um ambiente propício; a integração cultural e o desenvolvimento social da região. 5.3 CEI (Comunidade de Estados Independentes) Composta por algumas das ex-repúblicas soviéticas: Armênia, Azerbaijão, Bielorrússia, Cazaquistão, Quirguistão, Moldávia, Rússia, Tajiquistão, Uzbequistão e Ucrânia. É um bloco econômico que visou o estabelecimento de uma esfera econômica comum, além da coordenação na política exterior e imigração, proteção ao meio ambiente e combate aos delitos.
  • 6. Historicamente, tem aceitado os acordos internacionais promulgados pela antiga União das Repúblicas Socialistas Soviéticas (Ex-URSS). Também é caracterizado pelas frequentes divergências entre seus Estados membros, e pelo não cumprimento dos acordos estabelecidos. Além disso, há frequentes conflitos motivados por disputas étnicas e/ou religiosas. 5.4 Tigres Asiáticos Composto por: Cingapura*, Coreia do Sul*, Filipinas, Hong Kong*, Indonésia, Malásia, Tailândia, Taiwan*, Vietnã * Países que adentraram num primeiro momento Não constituem de fato um bloco econômico por não possuírem bases institucionais fixadas. Possuem esse nome devido ao rápido crescimento alcançado nos últimos anos. O crescimento econômico desses países se deu por vários fatores como por exemplo a Industrialização Orientada para Exportação (IOE). Esse tipo de modelo procurou atender sobretudo o mercado consumidor dos países desenvolvidos através de uma produção diversificada de bens de consumos duráveis e não-duráveis. As principais atividades industriais e comerciais estão ligadas aos setores: aeroespacial, alimentos, automobilismo, brinquedos, eletroeletrônica, informática, telecomunicações e vestuários (roupas). Houve a adoção de políticas para atração de indústrias transnacionais. Com isso houve a criação de Zonas de Processamento de Exportações (ZPE) com doações de terrenos e isenções fiscais praticadas pelos Estados. A única exceção foi a Coreia do Sul que optou pela instalação de redes de empresas com fortes laços familiares, os chamados chaebols. Os principais deles são: Hyunday, Daewoo, Samsung e Lucky Gold Star (LG). Somente a partir dos anos 1970 que as empresas multinacionais começaram a se instalar na Coreia do Sul. Cingapura, Hong Kong e Taiwan se desenvolveram com forte apoio governamental através de projetos de infraestrutura, transporte, comunicação, energia, financiamento para instalação de indústrias e investimentos maciços em educação e qualificação profissional. A região, apesar da prosperidade financeira, também apresenta alguns problemas como por exemplo as baixas remunerações e a situação análoga a da escravidão devidas às frágeis e inoperantes leis trabalhistas da região, o que proporciona, inversamente, os altos lucros das empresas.
  • 7. A expansão da região se deu de tal modo que impulsionou a industrialização de países vizinhos à região; estes ficaram conhecidos como os Novos Tigres Asiáticos, são eles: Filipinas, Indonésia, Malásia e Tailândia.