SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 17
Comunicação Familiar
Século XXI - Comunicação em Massa
Meios de Comunicação
A comunicação é uma arte!
A comunicação não está apenas nas palavras. As
palavras por si só não comunicam nada.
Por trás das palavras há vida e sentimento, quando por
trás dos gestos existe um ser humano, se dá então a
possibilidade de escutar para quem ouve e de ser
aceito para quem fala: é o momento da comunicação.
A comunicação da família atual foi afetada pela
interferência da modernização?
O diálogo entre pais e filhos poderia ser melhor e mais
aberto se os filhos não tivessem disponível toda a
informação necessária na Internet e até mesmo na
televisão?
E se os pais tivessem tempo para eles, seria melhor?
Cada família tem suas
particularidades.
E cada pessoa tem suas
manias.
Por isso não há
fórmulas mágicas, ou
receitas prontas para
todos os casos.
 Permanente
 Aberta
 Íntima
 Equivalente
 Sincera e autêntica
 Desinteressada
 Intencionada
 Compreensiva
 Humilde
Quando nos comunicamos de
forma apropriada e positiva,
sentimos um a sensação
satisfatória.
Enche-nos de satisfação o
compartilhar, sentimo-nos mais
seguros de nós mesmos e
temos maior confiança no que
somos e podemos.
A Comunicação do Casal
A comunicação no matrimônio é manter uma disposição pessoal de ajuda ao
outro, de confiança em suas possibilidades, de interesse por sua melhora.
Se a comunicação conjugal é satisfatória toda a relação é vista com otimismo,
visando o bem e o equilíbrio.
A comunicação entre marido mulher necessita de naturalidade para dizer-se as
coisas como são, com sinceridade.
Requer espontaneidade, para fazê-lo com graça, sem carga dramática. Deve ser
simples, para evitar duplas interpretações.
Os Sete Pilares da Comunicação do Casal
1- Os valores: compartilha-se o íntimo e
pessoal, as convicções profundas.
2- Os sentimentos e os afetos: todas essas
“pequenas grandes coisas” que se contam
os que se amam
3- Os filhos e o lar: os filhos e o próprio lar,
são temas obrigatórios de conversação
entre os esposos
4- O trabalho profissional: esse interesse
pela atividade do outro
5- A sexualidade: caminhará bem quando a
vida de comunicação e relação funciona
A crise no matrimônio pode originar-
se às vezes por uma comunicação
defeituosa.
6- A família política (parentes): com boa
diplomacia se garante a comunicação e se
impedem atritos desnecessários entre os
esposos
7- O dinheiro e a economia
doméstica: deve-se compartilhar tanto a
escassez como a abundância.
A Comunicação com os filhos pequenos
As palavras marcam nossa vida:
- A comunicação de Pais & Filhos deve ser clara e adequada à
idade do filho;
- Atenção para a comunicação não verbal: a mensagem captada
está no rosto e não nas palavras;
- Coerência entre o que
falamos e como agimos;
- A boa comunicação inclui
ouvir...
Os Castigos
Para que a comunicação com os filhos não produza falhas na relação, os pais devem
tentar ser justos com os castigos. Algumas condições para o castigo:
Cuidado! Se o castigo cumpre as condições que repassamos, aplique-o. Se
suspendamos os castigos ante as súplicas dos filhos, eles acostumam mal e não
aprendem a corrigir seus erros.
 Compreendidos
 Imediatos
 Avisados com antecedência
 Curtos e poucos
 Proporcionados
 Educativos
A Comunicação com os filhos maiores
Com a chegada da adolescência os filhos tendem a mostrar um sentido crítico com
relação a seus pais. Ainda que possa parecer que os adolescentes são pouco
receptivos, necessitam de seus pais e de serem ouvidos para que possam
encontrar a solução de problemas que os inquietam.
Necessitam ser ouvidos muito mais do que imaginamos...
Para uma relação de amizade é necessário
muito diálogo.
Dicas que podem lhe ajudar!
1- Atenção na Relação
É importante refletir sobre o seu relacionamento com seus filhos; como tem sido
no dia a dia o entrosamento familiar. Isso ajuda a detectar deficiências na
comunicação e mudar pontos obscuros.
Pense:
 Vocês têm conversado o suficiente?
 Você conhece os interesses de seus filhos?
 Seus filhos contam acontecimentos corriqueiros
da vida deles?
 Você sabe das atividades diárias deles?
2- Conheça os amigos de seus filhos
Ajuda muito no relacionamento entre pais e filhos conhecer as amizades deles;
não só quem são os amigos, mas como seus filhos se comportam junto a eles.
Pense:
 Seus filhos trazem os amigos para casa?
 Você conversa com eles?
 Participam de alguma atividade com eles?
 Seus filhos ficam confortáveis quando você está por perto?
3- Converse Francamente
É fundamental que seus filhos sintam sinceridade em suas palavras, assim seja
sempre direto e não busquem subterfúgios ao conversar com eles. Claro que
sempre com muita educação e afetividade, mas o que precisa ser dito não pode
ser adiado e deve ser colocado de forma simples e clara.
Pense:
 Você fala de qualquer assunto com seus filhos?
 Acredita que consegue ser claro e objetivo?
 Costuma adiar um assunto que o desgosta?
4- Ouça Atenciosamente
Não basta falar; é primordial aprender a ouvir seus filhos; mesmo que eles não
estejam com a razão, precisam ter suas palavras consideradas. Claro que é você
quem decide, mas se conseguir fazer com que eles entendam os seus motivos e
sintam-se realmente convencidos; a relação terá um grande ganho.
Reflita:
 Você tem ouvido seus filhos?
 Quando conversa com eles busca conferir
se eles entenderam o que disse ou quis dizer?
 Seus filhos sentem que suas ideias são consideradas por você?
 Você sente que desenvolve liderança junto a seus filhos?
Educar filhos é uma função extremamente
desafiante que exige reflexão e análise contínua. As
preocupações dos pais são muitas, mas em suma o
que desejam é que seus filhos sejam saudáveis
física e emocionalmente; que estejam preparados
para a vida e sejam felizes.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

A família e os desafios atuais
A família e os desafios atuaisA família e os desafios atuais
A família e os desafios atuaisWillian Xavier
 
Saúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCGSaúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCGLucas Parisi
 
A familia cristã e os desafios na criação dos filhos
A familia cristã e os desafios na criação dos filhosA familia cristã e os desafios na criação dos filhos
A familia cristã e os desafios na criação dos filhosSebastião Luiz Chagas
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRAlessandra Gonzaga
 
Saúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulherSaúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulherPra Paula Barros
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalAlexandre Rivero
 
12 erros que os pais cometem
12 erros que os pais cometem12 erros que os pais cometem
12 erros que os pais cometemmarileneaamaral
 
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa7 de Setembro
 
Motivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocionalMotivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocionalCintia Meneghini
 
Palestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e AnsiedadePalestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e AnsiedadeRenata Pimentel
 

Mais procurados (20)

Familia na atualidade
Familia na atualidadeFamilia na atualidade
Familia na atualidade
 
Palestra para pais
Palestra para paisPalestra para pais
Palestra para pais
 
A família e os desafios atuais
A família e os desafios atuaisA família e os desafios atuais
A família e os desafios atuais
 
Família
FamíliaFamília
Família
 
Saúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCGSaúde Mental - Igreja ADCG
Saúde Mental - Igreja ADCG
 
A familia cristã e os desafios na criação dos filhos
A familia cristã e os desafios na criação dos filhosA familia cristã e os desafios na criação dos filhos
A familia cristã e os desafios na criação dos filhos
 
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBRPalestra Inteligência Emocional - WLMBR
Palestra Inteligência Emocional - WLMBR
 
Terapia de casal
Terapia de casalTerapia de casal
Terapia de casal
 
Linguagens do amor
Linguagens do amorLinguagens do amor
Linguagens do amor
 
Encontro De Casais
Encontro De CasaisEncontro De Casais
Encontro De Casais
 
Relacionamento Entre Pais E Filhos
Relacionamento Entre Pais E FilhosRelacionamento Entre Pais E Filhos
Relacionamento Entre Pais E Filhos
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Palestra Inteligência Emocional
Palestra Inteligência EmocionalPalestra Inteligência Emocional
Palestra Inteligência Emocional
 
Saúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulherSaúde emocional da mulher
Saúde emocional da mulher
 
Desenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocionalDesenvolvendo Inteligência emocional
Desenvolvendo Inteligência emocional
 
12 erros que os pais cometem
12 erros que os pais cometem12 erros que os pais cometem
12 erros que os pais cometem
 
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa
[c7s] Palestra para pais do Fundamental I 2011 - Quem me educa
 
Motivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocionalMotivação e inteligência emocional
Motivação e inteligência emocional
 
Palestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e AnsiedadePalestra Depressão e Ansiedade
Palestra Depressão e Ansiedade
 
Comunicação dos pais para com os filhos
Comunicação dos pais para com os filhosComunicação dos pais para com os filhos
Comunicação dos pais para com os filhos
 

Destaque

Drogas palestra aos pais
Drogas palestra aos paisDrogas palestra aos pais
Drogas palestra aos paisJonilson Cabral
 
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - Família
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - FamíliaCartilha - Série Conversando sobre Drogas - Família
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - FamíliaGoverno ES
 
Oficina do afeto
Oficina do afetoOficina do afeto
Oficina do afetokadiamaria
 
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"rozi38
 
Palestra família
Palestra famíliaPalestra família
Palestra famíliapmgv5
 

Destaque (9)

Navidad
NavidadNavidad
Navidad
 
Drogas e família
Drogas e famíliaDrogas e família
Drogas e família
 
Drogas palestra aos pais
Drogas palestra aos paisDrogas palestra aos pais
Drogas palestra aos pais
 
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - Família
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - FamíliaCartilha - Série Conversando sobre Drogas - Família
Cartilha - Série Conversando sobre Drogas - Família
 
Oficina do afeto
Oficina do afetoOficina do afeto
Oficina do afeto
 
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"
Projeto de Prevenção "Drogas nem Pensar"
 
Jogo de afetos
Jogo de afetosJogo de afetos
Jogo de afetos
 
Palestra família
Palestra famíliaPalestra família
Palestra família
 
Dialogo en la familia
Dialogo en la familiaDialogo en la familia
Dialogo en la familia
 

Semelhante a Comunicação familiar

Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdf
Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdfDesafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdf
Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdfbelacorsim
 
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdf
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdfO Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdf
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdfmaviaeldesouza1
 
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)Liliana
 
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhos
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhosPsicologia e a chave para uma boa criacao dos filhos
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhosColégio Elisa Andreoli
 
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARES
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARESA MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARES
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARESAdriana Ferreira
 
RelaçãO Entre Pais E Filhos
RelaçãO Entre Pais E FilhosRelaçãO Entre Pais E Filhos
RelaçãO Entre Pais E Filhosraquel
 
Limites e pais
Limites e paisLimites e pais
Limites e paisSussu Ca
 
Cartilha paisadolescentes
Cartilha paisadolescentesCartilha paisadolescentes
Cartilha paisadolescentesGeraldo Souza
 
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdfPatrciaDaSilvaGaldin1
 
EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ IPBCP
 
Cartilha para pais de adolescentes
Cartilha para pais de adolescentesCartilha para pais de adolescentes
Cartilha para pais de adolescentesDjane Almeida
 
A infância com disciplina positiva
A infância com disciplina positivaA infância com disciplina positiva
A infância com disciplina positivaLilian Ferraz
 
Senai pais competentes = filhos brilhantes1
Senai   pais competentes = filhos brilhantes1Senai   pais competentes = filhos brilhantes1
Senai pais competentes = filhos brilhantes1Antonio Passos
 
Senai pais competentes = filhos brilhantes2
Senai   pais competentes = filhos brilhantes2Senai   pais competentes = filhos brilhantes2
Senai pais competentes = filhos brilhantes2Antonio Passos
 
O Segredo da Felicidade Conjugal
O Segredo da Felicidade ConjugalO Segredo da Felicidade Conjugal
O Segredo da Felicidade ConjugalAntonieta Perpetua
 
LiçãO 06 Educando Os Filhos I
LiçãO 06 Educando Os Filhos ILiçãO 06 Educando Os Filhos I
LiçãO 06 Educando Os Filhos Iguest06a00c
 
Usando o diálogo como remédio
Usando o diálogo como remédioUsando o diálogo como remédio
Usando o diálogo como remédiodamcita
 
O DIÁLOGO COMO REMÉDIO
O DIÁLOGO COMO REMÉDIOO DIÁLOGO COMO REMÉDIO
O DIÁLOGO COMO REMÉDIOELAINE PÉROLA
 

Semelhante a Comunicação familiar (20)

Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdf
Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdfDesafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdf
Desafios na Comunicação entre Pais e Filhos.pdf
 
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdf
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdfO Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdf
O Livro que você Gostaria que Seus Pais Tivessem Lido.pdf
 
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)
Trabalho(RelaçãO Entre Pais E Filhos)
 
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhos
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhosPsicologia e a chave para uma boa criacao dos filhos
Psicologia e a chave para uma boa criacao dos filhos
 
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARES
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARESA MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARES
A MEDIAÇÃO DE CONFLITOS RESGATANDO VALORES FAMILIARES
 
Comunicação Efetiva com a Escola
Comunicação Efetiva com a EscolaComunicação Efetiva com a Escola
Comunicação Efetiva com a Escola
 
Adolescentes
AdolescentesAdolescentes
Adolescentes
 
RelaçãO Entre Pais E Filhos
RelaçãO Entre Pais E FilhosRelaçãO Entre Pais E Filhos
RelaçãO Entre Pais E Filhos
 
Limites e pais
Limites e paisLimites e pais
Limites e pais
 
Cartilha paisadolescentes
Cartilha paisadolescentesCartilha paisadolescentes
Cartilha paisadolescentes
 
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf
01Livro Como conversar com crianças e pais sobre Necessidades Especiais.pdf
 
EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012EBJ - Encontro 29/07/2012
EBJ - Encontro 29/07/2012
 
Cartilha para pais de adolescentes
Cartilha para pais de adolescentesCartilha para pais de adolescentes
Cartilha para pais de adolescentes
 
A infância com disciplina positiva
A infância com disciplina positivaA infância com disciplina positiva
A infância com disciplina positiva
 
Senai pais competentes = filhos brilhantes1
Senai   pais competentes = filhos brilhantes1Senai   pais competentes = filhos brilhantes1
Senai pais competentes = filhos brilhantes1
 
Senai pais competentes = filhos brilhantes2
Senai   pais competentes = filhos brilhantes2Senai   pais competentes = filhos brilhantes2
Senai pais competentes = filhos brilhantes2
 
O Segredo da Felicidade Conjugal
O Segredo da Felicidade ConjugalO Segredo da Felicidade Conjugal
O Segredo da Felicidade Conjugal
 
LiçãO 06 Educando Os Filhos I
LiçãO 06 Educando Os Filhos ILiçãO 06 Educando Os Filhos I
LiçãO 06 Educando Os Filhos I
 
Usando o diálogo como remédio
Usando o diálogo como remédioUsando o diálogo como remédio
Usando o diálogo como remédio
 
O DIÁLOGO COMO REMÉDIO
O DIÁLOGO COMO REMÉDIOO DIÁLOGO COMO REMÉDIO
O DIÁLOGO COMO REMÉDIO
 

Comunicação familiar

  • 2. Século XXI - Comunicação em Massa Meios de Comunicação
  • 3. A comunicação é uma arte! A comunicação não está apenas nas palavras. As palavras por si só não comunicam nada. Por trás das palavras há vida e sentimento, quando por trás dos gestos existe um ser humano, se dá então a possibilidade de escutar para quem ouve e de ser aceito para quem fala: é o momento da comunicação.
  • 4. A comunicação da família atual foi afetada pela interferência da modernização? O diálogo entre pais e filhos poderia ser melhor e mais aberto se os filhos não tivessem disponível toda a informação necessária na Internet e até mesmo na televisão? E se os pais tivessem tempo para eles, seria melhor?
  • 5. Cada família tem suas particularidades. E cada pessoa tem suas manias. Por isso não há fórmulas mágicas, ou receitas prontas para todos os casos.
  • 6.  Permanente  Aberta  Íntima  Equivalente  Sincera e autêntica  Desinteressada  Intencionada  Compreensiva  Humilde
  • 7. Quando nos comunicamos de forma apropriada e positiva, sentimos um a sensação satisfatória. Enche-nos de satisfação o compartilhar, sentimo-nos mais seguros de nós mesmos e temos maior confiança no que somos e podemos.
  • 8. A Comunicação do Casal A comunicação no matrimônio é manter uma disposição pessoal de ajuda ao outro, de confiança em suas possibilidades, de interesse por sua melhora. Se a comunicação conjugal é satisfatória toda a relação é vista com otimismo, visando o bem e o equilíbrio. A comunicação entre marido mulher necessita de naturalidade para dizer-se as coisas como são, com sinceridade. Requer espontaneidade, para fazê-lo com graça, sem carga dramática. Deve ser simples, para evitar duplas interpretações.
  • 9. Os Sete Pilares da Comunicação do Casal 1- Os valores: compartilha-se o íntimo e pessoal, as convicções profundas. 2- Os sentimentos e os afetos: todas essas “pequenas grandes coisas” que se contam os que se amam 3- Os filhos e o lar: os filhos e o próprio lar, são temas obrigatórios de conversação entre os esposos 4- O trabalho profissional: esse interesse pela atividade do outro 5- A sexualidade: caminhará bem quando a vida de comunicação e relação funciona A crise no matrimônio pode originar- se às vezes por uma comunicação defeituosa. 6- A família política (parentes): com boa diplomacia se garante a comunicação e se impedem atritos desnecessários entre os esposos 7- O dinheiro e a economia doméstica: deve-se compartilhar tanto a escassez como a abundância.
  • 10. A Comunicação com os filhos pequenos As palavras marcam nossa vida: - A comunicação de Pais & Filhos deve ser clara e adequada à idade do filho; - Atenção para a comunicação não verbal: a mensagem captada está no rosto e não nas palavras; - Coerência entre o que falamos e como agimos; - A boa comunicação inclui ouvir...
  • 11. Os Castigos Para que a comunicação com os filhos não produza falhas na relação, os pais devem tentar ser justos com os castigos. Algumas condições para o castigo: Cuidado! Se o castigo cumpre as condições que repassamos, aplique-o. Se suspendamos os castigos ante as súplicas dos filhos, eles acostumam mal e não aprendem a corrigir seus erros.  Compreendidos  Imediatos  Avisados com antecedência  Curtos e poucos  Proporcionados  Educativos
  • 12. A Comunicação com os filhos maiores Com a chegada da adolescência os filhos tendem a mostrar um sentido crítico com relação a seus pais. Ainda que possa parecer que os adolescentes são pouco receptivos, necessitam de seus pais e de serem ouvidos para que possam encontrar a solução de problemas que os inquietam. Necessitam ser ouvidos muito mais do que imaginamos... Para uma relação de amizade é necessário muito diálogo.
  • 13. Dicas que podem lhe ajudar! 1- Atenção na Relação É importante refletir sobre o seu relacionamento com seus filhos; como tem sido no dia a dia o entrosamento familiar. Isso ajuda a detectar deficiências na comunicação e mudar pontos obscuros. Pense:  Vocês têm conversado o suficiente?  Você conhece os interesses de seus filhos?  Seus filhos contam acontecimentos corriqueiros da vida deles?  Você sabe das atividades diárias deles?
  • 14. 2- Conheça os amigos de seus filhos Ajuda muito no relacionamento entre pais e filhos conhecer as amizades deles; não só quem são os amigos, mas como seus filhos se comportam junto a eles. Pense:  Seus filhos trazem os amigos para casa?  Você conversa com eles?  Participam de alguma atividade com eles?  Seus filhos ficam confortáveis quando você está por perto?
  • 15. 3- Converse Francamente É fundamental que seus filhos sintam sinceridade em suas palavras, assim seja sempre direto e não busquem subterfúgios ao conversar com eles. Claro que sempre com muita educação e afetividade, mas o que precisa ser dito não pode ser adiado e deve ser colocado de forma simples e clara. Pense:  Você fala de qualquer assunto com seus filhos?  Acredita que consegue ser claro e objetivo?  Costuma adiar um assunto que o desgosta?
  • 16. 4- Ouça Atenciosamente Não basta falar; é primordial aprender a ouvir seus filhos; mesmo que eles não estejam com a razão, precisam ter suas palavras consideradas. Claro que é você quem decide, mas se conseguir fazer com que eles entendam os seus motivos e sintam-se realmente convencidos; a relação terá um grande ganho. Reflita:  Você tem ouvido seus filhos?  Quando conversa com eles busca conferir se eles entenderam o que disse ou quis dizer?  Seus filhos sentem que suas ideias são consideradas por você?  Você sente que desenvolve liderança junto a seus filhos?
  • 17. Educar filhos é uma função extremamente desafiante que exige reflexão e análise contínua. As preocupações dos pais são muitas, mas em suma o que desejam é que seus filhos sejam saudáveis física e emocionalmente; que estejam preparados para a vida e sejam felizes.