SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 3
Baixar para ler offline
Nota: _______ 
Avaliação de _________________________ Professor: __________________________ 
valor 40 Bimestre: _____ data: ____/____/_______ 
Nome: ______________________________________________________ nº ____ 
turma _______Assinatura: __________________________________________________ 
QUÍMICA DA DIGESTÃO 
Para viver, entre outras coisas, precisamos de energia. Como não podemos tirar 
energia da luz do sol para viver, como os vegetais, essa energia usada pelo nosso 
organismo vem das reações químicas que acontecem nas nossas células. 
Podemos nos comparar a uma fábrica que funciona 24 horas por dia. Vivemos 
fazendo e refazendo os materiais de nossas células. Quando andamos, cantamos, 
pensamos, trabalhamos ou brincamos, estamos consumindo energia química gerada 
pelo nosso próprio organismo. E o nosso combustível vem dos alimentos que 
comemos. 
No motor do carro, por exemplo, a gasolina ou o álcool misturam-se com o ar, 
produzindo uma combustão, que é uma reação química entre o combustível e o 
oxigênio do ar. Do mesmo modo, nas células do nosso organismo, os alimentos 
reagem com o oxigênio para produzir energia. No nosso corpo, os organismos são 
transformados nos seus componentes mais simples, equivalentes à gasolina ou ao 
álcool, e, portanto, mais fáceis de queimar. O processo se faz através de um grande 
número de reações químicas que começam a se produzir na boca, seguem no 
estômago e acabam nos intestinos. As substâncias presentes nesses alimentos são 
decompostas pelos fermentos digestivos e se transformam em substâncias orgânicas 
mais simples. Daí esses componentes são transportados pelo sangue até as células. 
Tudo isso também consome energia. 
A energia necessária para todas essas transformações é produzida pela reação 
química entre esses componentes mais simples, que são o nosso combustível e o 
oxigênio do ar. Essa é uma verdadeira combustão, mas uma combustão sem chamas, 
que se faz dentro de pequenas formações que existem nas células, as mitocôndrias, 
que são nossas verdadeiras usinas de energia. 
1 - O texto afirma que o nosso corpo pode ser comparado a uma fábrica porque 
a) reage quimicamente pela combustão. 
b) move-se a base de gasolina ou álcool. 
c) produz energia a partir dos alimentos. 
d) utiliza oxigênio como combustível. 
e) Funciona 22 horas por dia. 
2 - “Tudo isso também consome energia” (3º parágrafo ) No trecho, a expressão em 
destaque se refere a 
a) Fermentos digestivos.. 
b) combustíveis. 
c) reações químicas.
d) usinas de energia. 
e) energia. 
3 – Depois de processadas pelos fermentos digestivos, as substâncias são levadas 
para 
a) a boca. 
b) as células. 
c) o estômago. 
d) os intestinos. 
e) o esôfago. 
4 - As mitocôndrias são essenciais para o funcionamento do nosso corpo porque são 
responsáveis por 
a) digerir os alimentos. 
b) produzir energia. 
c) renovar as células. 
d) transportar o oxigênio. 
e) limpar nosso sangue. 
5 - Este texto pode ser considerado um artigo de divulgação científica porque 
apresenta: 
a) explicação detalhada sobre um acontecimento recente. 
b) expressões coloquiais para exemplificar o processo da digestão. 
c) linguagem figurada para descrever o processo de combustão. 
d) vocabulário técnico para explicar a química da digestão. 
e) uma explicação muito complexa. 
6 – O texto trata 
a) da constituição do aparelho digestivo. 
b) da digestão como fonte de energia. 
c) dos cuidados para uma boa alimentação. 
d) dos elementos que compõem o corpo humano. 
e) do processo da degustação. 
7) Classifique os verbos sublinhados em LIGAÇÃO, INTRANSITIVO, TRANSITIVO 
DIRETO ou TRANSITIVO INDIRETO (VL, VI, VTD ou VTI): 
a) O pai do menino parece afetivo. _______________________________________ 
b) O professor elaborou a prova. ________________________________________ 
c) O garoto quer um gravador. __________________________________________ 
d) Os mais velhos confiam em Deus. ______________________________________ 
e) O menino gosta de materiais modernos. _________________________________ 
8) Coloque (1) para predicado NOMINAL e (2) para predicado VERBAL: 
a) O pai do menino era inteligente. ( ) 
b) O pai comprou todos os livros. ( ) 
c) Os livros pareciam interessantes. ( ) 
d) O mecânico consertou o carro. ( )
Química da digestão

Mais conteúdo relacionado

Semelhante a Química da digestão

Expl9 teste diagnostico
Expl9 teste diagnosticoExpl9 teste diagnostico
Expl9 teste diagnosticoLuisa Morais
 
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1Fabio Magalhães
 
Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1Fabio Magalhães
 
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...CristianaLealSabel
 
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...CristianaLealSabel
 
Avaliação ciencias 1 bim16
Avaliação ciencias 1 bim16Avaliação ciencias 1 bim16
Avaliação ciencias 1 bim16Laura Brasil
 
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docxMaurimOlendino2
 
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdfMaurimOlendino2
 
2018 exercicios de revisao parcial 1ano b1
2018   exercicios de revisao parcial 1ano b12018   exercicios de revisao parcial 1ano b1
2018 exercicios de revisao parcial 1ano b1Alexandre Pusaudse
 

Semelhante a Química da digestão (20)

Expl9 teste diagnostico
Expl9 teste diagnosticoExpl9 teste diagnostico
Expl9 teste diagnostico
 
Sistema digestivo
Sistema digestivoSistema digestivo
Sistema digestivo
 
Avaliação de biologia 1° ano
Avaliação de biologia 1° anoAvaliação de biologia 1° ano
Avaliação de biologia 1° ano
 
Sistema digestivo e sangue
Sistema digestivo e sangueSistema digestivo e sangue
Sistema digestivo e sangue
 
Teste circulat e resp celular 2
Teste  circulat e resp celular 2Teste  circulat e resp celular 2
Teste circulat e resp celular 2
 
Células
CélulasCélulas
Células
 
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1
Revisão Metabolismo Energetico Questoes abertas 1
 
Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1Questoes de revisao biologia abertas 1
Questoes de revisao biologia abertas 1
 
Testedigestivo
TestedigestivoTestedigestivo
Testedigestivo
 
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
 
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
Avaliação_ Introd. a citologia e visão geral de todos os componentes celulare...
 
Avaliação ciencias 1 bim16
Avaliação ciencias 1 bim16Avaliação ciencias 1 bim16
Avaliação ciencias 1 bim16
 
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.docx
 
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf
-Avaliacao-de-Ciencias- hj 8.pdf
 
2018 exercicios de revisao parcial 1ano b1
2018   exercicios de revisao parcial 1ano b12018   exercicios de revisao parcial 1ano b1
2018 exercicios de revisao parcial 1ano b1
 
Organelas
OrganelasOrganelas
Organelas
 
Retomada Prova Paraná 8 ano.docx
Retomada Prova Paraná 8 ano.docxRetomada Prova Paraná 8 ano.docx
Retomada Prova Paraná 8 ano.docx
 
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
1ª ficha avalia_aliment_sist_dig
 
13618835 tecidos-ciencias
13618835 tecidos-ciencias13618835 tecidos-ciencias
13618835 tecidos-ciencias
 
Cn6 b fas2
Cn6 b fas2Cn6 b fas2
Cn6 b fas2
 

Último

19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAlexandreFrana33
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfpaulafernandes540558
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptxErivaldoLima15
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxDeyvidBriel
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?MrciaRocha48
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024SamiraMiresVieiradeM
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfaulasgege
 

Último (20)

19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptxAs Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
As Viagens Missionária do Apostolo Paulo.pptx
 
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO5_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdfSlides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
Slides criatividade 01042024 finalpdf Portugues.pdf
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
6°ano Uso de pontuação e acentuação.pptx
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptxÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
ÁREA DE FIGURAS PLANAS - DESCRITOR DE MATEMATICA D12 ENSINO MEDIO.pptx
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
Empreendedorismo: O que é ser empreendedor?
 
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
PLANO ANUAL 1ª SÉRIE - Língua portuguesa 2024
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
(76- ESTUDO MATEUS) A ACLAMAÇÃO DO REI..
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdfCultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
Cultura e Sociedade - Texto de Apoio.pdf
 

Química da digestão

  • 1. Nota: _______ Avaliação de _________________________ Professor: __________________________ valor 40 Bimestre: _____ data: ____/____/_______ Nome: ______________________________________________________ nº ____ turma _______Assinatura: __________________________________________________ QUÍMICA DA DIGESTÃO Para viver, entre outras coisas, precisamos de energia. Como não podemos tirar energia da luz do sol para viver, como os vegetais, essa energia usada pelo nosso organismo vem das reações químicas que acontecem nas nossas células. Podemos nos comparar a uma fábrica que funciona 24 horas por dia. Vivemos fazendo e refazendo os materiais de nossas células. Quando andamos, cantamos, pensamos, trabalhamos ou brincamos, estamos consumindo energia química gerada pelo nosso próprio organismo. E o nosso combustível vem dos alimentos que comemos. No motor do carro, por exemplo, a gasolina ou o álcool misturam-se com o ar, produzindo uma combustão, que é uma reação química entre o combustível e o oxigênio do ar. Do mesmo modo, nas células do nosso organismo, os alimentos reagem com o oxigênio para produzir energia. No nosso corpo, os organismos são transformados nos seus componentes mais simples, equivalentes à gasolina ou ao álcool, e, portanto, mais fáceis de queimar. O processo se faz através de um grande número de reações químicas que começam a se produzir na boca, seguem no estômago e acabam nos intestinos. As substâncias presentes nesses alimentos são decompostas pelos fermentos digestivos e se transformam em substâncias orgânicas mais simples. Daí esses componentes são transportados pelo sangue até as células. Tudo isso também consome energia. A energia necessária para todas essas transformações é produzida pela reação química entre esses componentes mais simples, que são o nosso combustível e o oxigênio do ar. Essa é uma verdadeira combustão, mas uma combustão sem chamas, que se faz dentro de pequenas formações que existem nas células, as mitocôndrias, que são nossas verdadeiras usinas de energia. 1 - O texto afirma que o nosso corpo pode ser comparado a uma fábrica porque a) reage quimicamente pela combustão. b) move-se a base de gasolina ou álcool. c) produz energia a partir dos alimentos. d) utiliza oxigênio como combustível. e) Funciona 22 horas por dia. 2 - “Tudo isso também consome energia” (3º parágrafo ) No trecho, a expressão em destaque se refere a a) Fermentos digestivos.. b) combustíveis. c) reações químicas.
  • 2. d) usinas de energia. e) energia. 3 – Depois de processadas pelos fermentos digestivos, as substâncias são levadas para a) a boca. b) as células. c) o estômago. d) os intestinos. e) o esôfago. 4 - As mitocôndrias são essenciais para o funcionamento do nosso corpo porque são responsáveis por a) digerir os alimentos. b) produzir energia. c) renovar as células. d) transportar o oxigênio. e) limpar nosso sangue. 5 - Este texto pode ser considerado um artigo de divulgação científica porque apresenta: a) explicação detalhada sobre um acontecimento recente. b) expressões coloquiais para exemplificar o processo da digestão. c) linguagem figurada para descrever o processo de combustão. d) vocabulário técnico para explicar a química da digestão. e) uma explicação muito complexa. 6 – O texto trata a) da constituição do aparelho digestivo. b) da digestão como fonte de energia. c) dos cuidados para uma boa alimentação. d) dos elementos que compõem o corpo humano. e) do processo da degustação. 7) Classifique os verbos sublinhados em LIGAÇÃO, INTRANSITIVO, TRANSITIVO DIRETO ou TRANSITIVO INDIRETO (VL, VI, VTD ou VTI): a) O pai do menino parece afetivo. _______________________________________ b) O professor elaborou a prova. ________________________________________ c) O garoto quer um gravador. __________________________________________ d) Os mais velhos confiam em Deus. ______________________________________ e) O menino gosta de materiais modernos. _________________________________ 8) Coloque (1) para predicado NOMINAL e (2) para predicado VERBAL: a) O pai do menino era inteligente. ( ) b) O pai comprou todos os livros. ( ) c) Os livros pareciam interessantes. ( ) d) O mecânico consertou o carro. ( )